SlideShare uma empresa Scribd logo
Ações prioritárias para a
saúde brasileira
Ministro Ricardo Barros
Gestão e Financiamento
1 - Melhorar a gestão e o financiamento da saúde,
aproveitando sua experiência como gestor municipal, relator
do orçamento e autor de resoluções para a tramitação
orçamentária
2 - Aperfeiçoar os sistemas de informação do SUS de forma
que seja integrado em todo o território nacional, permita
oferecer subsídios para a correta aplicação dos recursos
públicos e forneça informações adequadas para o
planejamento e para as prioridades do setor
Diálogo
3 - Priorizar a interlocução com os médicos, com as entidades
representativas dos profissionais de saúde, com os servidores,
com a academia e com áreas relacionadas
O Conselho Nacional de Saúde (CNS), o Conselho Nacional de
Secretários Estaduais de Saúde (CONASS) e o Conselho
Nacional de Secretários Municipais de Saúde (CONASEMS)
serão fundamentais nesse processo
Combate ao Aedes aegypti
4 - Garantir a manutenção e a
ampliação da mobilização de
combate ao Aedes aegypti e suas
doenças relacionadas, assim como
demais emergências e agravos de
saúde pública
Rio 2016
5 - Reforçar os compromissos assumidos com as entidades olímpicas,
com o estado do Rio de Janeiro e com a capital fluminense,
responsáveis pela execução das Olimpíadas 2016
São ações de vigilância em saúde, assistência à população, atenção
aos visitantes e preparo para as diversas situações relacionadas à
saúde
Infraestrutura e assistência
6 - Fortalecer a participação dos brasileiros no Programa Mais
Médicos
7 - Superar as barreiras para implementar de imediato o
funcionamento das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), das
Unidades Básicas de Saúde (UBS), das ambulâncias e
de equipamentos comprados e não instalados
8 - Fortalecer o Complexo Industrial da Saúde, compatibilizando a
atuação das agências reguladoras, ANS e ANVISA, para garantir a
agilidade, a segurança à população e a proteção ao consumidor
9 - Ampliar e atualizar os protocolos clínicos e diretrizes terapêuticas
Capacitação profissional
10 - Oferecer qualificação
permanente aos mais de 4 milhões
profissionais de saúde que colaboram
com as ações do SUS
Promoção e prevenção da saúde
11 - Fortalecer as ações de
promoção à saúde e
prevenção de doenças
Obrigado.
Ricardo Barros, ministro da Saúde

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Projeto linhas de cuidado
Projeto linhas de cuidadoProjeto linhas de cuidado
Projeto linhas de cuidado
Lucas Matos
 

Mais procurados (20)

Rede de atenção à saúde das pessoas com doenças crônicas - Brasil
Rede de atenção à saúde das pessoas com doenças crônicas - BrasilRede de atenção à saúde das pessoas com doenças crônicas - Brasil
Rede de atenção à saúde das pessoas com doenças crônicas - Brasil
 
Rede de Atenção à Saúde
Rede de Atenção à SaúdeRede de Atenção à Saúde
Rede de Atenção à Saúde
 
Qualifica SUS - DF / Brasília Saudável
Qualifica SUS - DF / Brasília SaudávelQualifica SUS - DF / Brasília Saudável
Qualifica SUS - DF / Brasília Saudável
 
Os fundamentos da Atenção Ambulatorial Especializada
Os fundamentos da Atenção Ambulatorial EspecializadaOs fundamentos da Atenção Ambulatorial Especializada
Os fundamentos da Atenção Ambulatorial Especializada
 
Rede de atenção
Rede de atençãoRede de atenção
Rede de atenção
 
APS e Redes de Atenção à Saúde
APS e Redes de Atenção à SaúdeAPS e Redes de Atenção à Saúde
APS e Redes de Atenção à Saúde
 
7ª ASSEMBLEIA – APRIMORAMENTO DA PNAB
7ª ASSEMBLEIA – APRIMORAMENTO DA PNAB7ª ASSEMBLEIA – APRIMORAMENTO DA PNAB
7ª ASSEMBLEIA – APRIMORAMENTO DA PNAB
 
Sistemas de apoio nas ras
Sistemas de apoio nas rasSistemas de apoio nas ras
Sistemas de apoio nas ras
 
As Múltiplas Lógicas de Construção de Redes de Cuidado no SUS
As Múltiplas Lógicas de Construção de Redes de Cuidado no SUS As Múltiplas Lógicas de Construção de Redes de Cuidado no SUS
As Múltiplas Lógicas de Construção de Redes de Cuidado no SUS
 
Redes de atenção à saúde
Redes de atenção à saúdeRedes de atenção à saúde
Redes de atenção à saúde
 
Slides grupo8
Slides grupo8Slides grupo8
Slides grupo8
 
Linhas de Cuidado nas Redes de Atenção à Saúde
Linhas de Cuidado nas Redes de Atenção à SaúdeLinhas de Cuidado nas Redes de Atenção à Saúde
Linhas de Cuidado nas Redes de Atenção à Saúde
 
Projeto linhas de cuidado
Projeto linhas de cuidadoProjeto linhas de cuidado
Projeto linhas de cuidado
 
Atenção Especializada no Paraná
Atenção Especializada no ParanáAtenção Especializada no Paraná
Atenção Especializada no Paraná
 
Apresentação da Dra. Catherine Moura "Redes de atenção à saúde: Do concei...
Apresentação da Dra. Catherine Moura "Redes de atenção à saúde: Do concei...Apresentação da Dra. Catherine Moura "Redes de atenção à saúde: Do concei...
Apresentação da Dra. Catherine Moura "Redes de atenção à saúde: Do concei...
 
Módulo 1 - aula 1
Módulo 1 - aula 1Módulo 1 - aula 1
Módulo 1 - aula 1
 
Planificação da APS - A fórmula organizadora do sistema local de saúde
Planificação da APS - A fórmula organizadora do sistema local de saúdePlanificação da APS - A fórmula organizadora do sistema local de saúde
Planificação da APS - A fórmula organizadora do sistema local de saúde
 
Modelo de atenção à saúde
Modelo de atenção à saúdeModelo de atenção à saúde
Modelo de atenção à saúde
 
Thais Coutinho - Política Nacional de Atenção Básica/Brasil
Thais Coutinho - Política Nacional de Atenção Básica/BrasilThais Coutinho - Política Nacional de Atenção Básica/Brasil
Thais Coutinho - Política Nacional de Atenção Básica/Brasil
 
6. novas legislações port nova pnab
6. novas legislações port nova pnab6. novas legislações port nova pnab
6. novas legislações port nova pnab
 

Destaque

Vera Mendes - 31mai14 1º Congresso A&R SUS
Vera Mendes - 31mai14 1º Congresso A&R SUSVera Mendes - 31mai14 1º Congresso A&R SUS
Vera Mendes - 31mai14 1º Congresso A&R SUS
Autismo & Realidade
 

Destaque (12)

8ª Assembleia do CONASS – PIC/S PHARMACEUTICAL INSPECTION CO-OPERATION scheme
8ª Assembleia do CONASS – PIC/S PHARMACEUTICAL INSPECTION CO-OPERATION  scheme8ª Assembleia do CONASS – PIC/S PHARMACEUTICAL INSPECTION CO-OPERATION  scheme
8ª Assembleia do CONASS – PIC/S PHARMACEUTICAL INSPECTION CO-OPERATION scheme
 
Redes de atenção à saúde (ra ss)
Redes de atenção à saúde (ra ss)Redes de atenção à saúde (ra ss)
Redes de atenção à saúde (ra ss)
 
Fórum de debate PEC 241- Élida Graziane Pinto
Fórum de debate PEC 241- Élida Graziane PintoFórum de debate PEC 241- Élida Graziane Pinto
Fórum de debate PEC 241- Élida Graziane Pinto
 
9ª Assembleia – e-SUS AB: Saber online como é investido cada real do SUS na ...
9ª Assembleia – e-SUS AB: Saber online como é investido cada real  do SUS na ...9ª Assembleia – e-SUS AB: Saber online como é investido cada real  do SUS na ...
9ª Assembleia – e-SUS AB: Saber online como é investido cada real do SUS na ...
 
BASE NACIONAL DE DADOS DE AÇÕES E SERVIÇOS DA ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA - PROP...
BASE NACIONAL DE DADOS DE AÇÕES E SERVIÇOS DA ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA - PROP...BASE NACIONAL DE DADOS DE AÇÕES E SERVIÇOS DA ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA - PROP...
BASE NACIONAL DE DADOS DE AÇÕES E SERVIÇOS DA ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA - PROP...
 
O SUS LEGAL
O SUS LEGALO SUS LEGAL
O SUS LEGAL
 
Aspectos relevantes para a celebração de parceria com as Organizações Sociais
Aspectos relevantes para a celebração de parceria com as Organizações SociaisAspectos relevantes para a celebração de parceria com as Organizações Sociais
Aspectos relevantes para a celebração de parceria com as Organizações Sociais
 
Vera Mendes - 31mai14 1º Congresso A&R SUS
Vera Mendes - 31mai14 1º Congresso A&R SUSVera Mendes - 31mai14 1º Congresso A&R SUS
Vera Mendes - 31mai14 1º Congresso A&R SUS
 
8ª Assembleia do CONASS – ENVELHECIMENTO E SAÚDE NO BRASIL DESAFIOS E OPORTUN...
8ª Assembleia do CONASS – ENVELHECIMENTO E SAÚDE NO BRASIL DESAFIOS E OPORTUN...8ª Assembleia do CONASS – ENVELHECIMENTO E SAÚDE NO BRASIL DESAFIOS E OPORTUN...
8ª Assembleia do CONASS – ENVELHECIMENTO E SAÚDE NO BRASIL DESAFIOS E OPORTUN...
 
7. CONASS Debate - PPT Governança Colaborativa
7. CONASS Debate - PPT Governança Colaborativa7. CONASS Debate - PPT Governança Colaborativa
7. CONASS Debate - PPT Governança Colaborativa
 
Apresentação - Consultor Opas - Eugênio Vilaça
Apresentação - Consultor Opas - Eugênio VilaçaApresentação - Consultor Opas - Eugênio Vilaça
Apresentação - Consultor Opas - Eugênio Vilaça
 
Vera_Redes_de_atencao
Vera_Redes_de_atencaoVera_Redes_de_atencao
Vera_Redes_de_atencao
 

Semelhante a Ações prioritárias para a saúde brasileira - Ministro Ricardo Barros

Plano municipal de saúde 2010 2013
Plano municipal de saúde 2010 2013Plano municipal de saúde 2010 2013
Plano municipal de saúde 2010 2013
Iranildo Ribeiro
 
Pns2012 2015 07jun
Pns2012 2015 07junPns2012 2015 07jun
Pns2012 2015 07jun
tccardoso
 
Mapa Mental Legislacao SUS para Concursos Publicos (1).pdf
Mapa Mental Legislacao SUS para Concursos Publicos (1).pdfMapa Mental Legislacao SUS para Concursos Publicos (1).pdf
Mapa Mental Legislacao SUS para Concursos Publicos (1).pdf
FelipeNishimoto
 

Semelhante a Ações prioritárias para a saúde brasileira - Ministro Ricardo Barros (20)

CNS_Setembro2023 (1).pdf
CNS_Setembro2023 (1).pdfCNS_Setembro2023 (1).pdf
CNS_Setembro2023 (1).pdf
 
Plano de Governo - Saúde
Plano de Governo - SaúdePlano de Governo - Saúde
Plano de Governo - Saúde
 
8ª Assembleia do CONASS – Plano Diretor dos Hospitais - Programa de Apoio ao ...
8ª Assembleia do CONASS – Plano Diretor dos Hospitais - Programa de Apoio ao ...8ª Assembleia do CONASS – Plano Diretor dos Hospitais - Programa de Apoio ao ...
8ª Assembleia do CONASS – Plano Diretor dos Hospitais - Programa de Apoio ao ...
 
Pacto pelu sus
Pacto pelu susPacto pelu sus
Pacto pelu sus
 
Ciclo i 02
Ciclo i 02Ciclo i 02
Ciclo i 02
 
Introdução em saúde do trabalhador
Introdução  em saúde do trabalhadorIntrodução  em saúde do trabalhador
Introdução em saúde do trabalhador
 
Plano municipal de saúde 2010 2013
Plano municipal de saúde 2010 2013Plano municipal de saúde 2010 2013
Plano municipal de saúde 2010 2013
 
Pnab -programa nacional da Atenção básica
Pnab -programa nacional da Atenção básicaPnab -programa nacional da Atenção básica
Pnab -programa nacional da Atenção básica
 
Pns2012 2015 07jun
Pns2012 2015 07junPns2012 2015 07jun
Pns2012 2015 07jun
 
PNAB- POLITICA NACIONAL DE ATENÇAO BASICA
PNAB- POLITICA NACIONAL DE ATENÇAO BASICAPNAB- POLITICA NACIONAL DE ATENÇAO BASICA
PNAB- POLITICA NACIONAL DE ATENÇAO BASICA
 
POLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptx
POLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptxPOLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptx
POLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptx
 
Seminário da saúde mandato ver Ricardo PCdoB
Seminário da saúde  mandato ver Ricardo PCdoBSeminário da saúde  mandato ver Ricardo PCdoB
Seminário da saúde mandato ver Ricardo PCdoB
 
Trabalho plano municipal
Trabalho plano municipalTrabalho plano municipal
Trabalho plano municipal
 
Atenção básica e financiamento heider pinto
Atenção básica e financiamento   heider pintoAtenção básica e financiamento   heider pinto
Atenção básica e financiamento heider pinto
 
Relatório VII conferência municipal de saúde PARACATU - MG
Relatório VII conferência municipal de saúde PARACATU - MGRelatório VII conferência municipal de saúde PARACATU - MG
Relatório VII conferência municipal de saúde PARACATU - MG
 
00006127
0000612700006127
00006127
 
Plano de sensibilização hipertensão
Plano de sensibilização hipertensão Plano de sensibilização hipertensão
Plano de sensibilização hipertensão
 
Vigilância em saúde como ferramenta de Gestão: Integrar as Ações e Qualificar...
Vigilância em saúde como ferramenta de Gestão: Integrar as Ações e Qualificar...Vigilância em saúde como ferramenta de Gestão: Integrar as Ações e Qualificar...
Vigilância em saúde como ferramenta de Gestão: Integrar as Ações e Qualificar...
 
Mapa Mental Legislacao SUS para Concursos Publicos (1).pdf
Mapa Mental Legislacao SUS para Concursos Publicos (1).pdfMapa Mental Legislacao SUS para Concursos Publicos (1).pdf
Mapa Mental Legislacao SUS para Concursos Publicos (1).pdf
 
Aula - SUS e RAS 1 ciclo Nutrição em Saúde.pdf
Aula - SUS e RAS 1 ciclo Nutrição em Saúde.pdfAula - SUS e RAS 1 ciclo Nutrição em Saúde.pdf
Aula - SUS e RAS 1 ciclo Nutrição em Saúde.pdf
 

Mais de Conselho Nacional de Secretários de Saúde - CONASS

Mais de Conselho Nacional de Secretários de Saúde - CONASS (20)

Modelo de Distanciamento Controlado - Rio Grande do Sul
Modelo de Distanciamento Controlado - Rio Grande do SulModelo de Distanciamento Controlado - Rio Grande do Sul
Modelo de Distanciamento Controlado - Rio Grande do Sul
 
O enfrentamento da Covid-19 pela Atenção Primária à Saúde em Uberlândia, Mina...
O enfrentamento da Covid-19 pela Atenção Primária à Saúde em Uberlândia, Mina...O enfrentamento da Covid-19 pela Atenção Primária à Saúde em Uberlândia, Mina...
O enfrentamento da Covid-19 pela Atenção Primária à Saúde em Uberlândia, Mina...
 
Banners – II Seminário da Planificação da Atenção à Saúde
Banners – II Seminário da Planificação da Atenção à SaúdeBanners – II Seminário da Planificação da Atenção à Saúde
Banners – II Seminário da Planificação da Atenção à Saúde
 
A introdução de novas tecnologias para o manejo das condições crônicas na UBS...
A introdução de novas tecnologias para o manejo das condições crônicas na UBS...A introdução de novas tecnologias para o manejo das condições crônicas na UBS...
A introdução de novas tecnologias para o manejo das condições crônicas na UBS...
 
PIMENTEIRAS DO OESTE - RO
PIMENTEIRAS DO OESTE - ROPIMENTEIRAS DO OESTE - RO
PIMENTEIRAS DO OESTE - RO
 
CHECKLIST DA IMUNIZAÇÃO: um instrumento de melhoria e monitoramento do proces...
CHECKLIST DA IMUNIZAÇÃO: um instrumento de melhoria e monitoramento do proces...CHECKLIST DA IMUNIZAÇÃO: um instrumento de melhoria e monitoramento do proces...
CHECKLIST DA IMUNIZAÇÃO: um instrumento de melhoria e monitoramento do proces...
 
Da adesão aos resultados esperados no PlanificaSUS: um olhar sobre a importân...
Da adesão aos resultados esperados no PlanificaSUS: um olhar sobre a importân...Da adesão aos resultados esperados no PlanificaSUS: um olhar sobre a importân...
Da adesão aos resultados esperados no PlanificaSUS: um olhar sobre a importân...
 
INCORPORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS INOVADORAS NO PROCESSO DE PLANIFICAÇÃO DA ATENÇÃO...
INCORPORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS INOVADORAS NO PROCESSO DE PLANIFICAÇÃO DA ATENÇÃO...INCORPORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS INOVADORAS NO PROCESSO DE PLANIFICAÇÃO DA ATENÇÃO...
INCORPORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS INOVADORAS NO PROCESSO DE PLANIFICAÇÃO DA ATENÇÃO...
 
Melhorias na Unidade Laboratório do município de Pimenta Bueno/RO após a plan...
Melhorias na Unidade Laboratório do município de Pimenta Bueno/RO após a plan...Melhorias na Unidade Laboratório do município de Pimenta Bueno/RO após a plan...
Melhorias na Unidade Laboratório do município de Pimenta Bueno/RO após a plan...
 
Guia do Pré-Natal na Atenção Básica: a Planificação da Atenção à Saúde como E...
Guia do Pré-Natal na Atenção Básica: a Planificação da Atenção à Saúde como E...Guia do Pré-Natal na Atenção Básica: a Planificação da Atenção à Saúde como E...
Guia do Pré-Natal na Atenção Básica: a Planificação da Atenção à Saúde como E...
 
Jornada Interdisciplinar em Diabetes, Obesidade e Hipertensão
Jornada Interdisciplinar em Diabetes, Obesidade e HipertensãoJornada Interdisciplinar em Diabetes, Obesidade e Hipertensão
Jornada Interdisciplinar em Diabetes, Obesidade e Hipertensão
 
A Segurança do Paciente na Construção Social da APS
A Segurança do Paciente na Construção Social da APSA Segurança do Paciente na Construção Social da APS
A Segurança do Paciente na Construção Social da APS
 
Estratégias de Melhoria no Processo de Planificação da Região Leste do DF
Estratégias de Melhoria no Processo de Planificação da Região Leste do DFEstratégias de Melhoria no Processo de Planificação da Região Leste do DF
Estratégias de Melhoria no Processo de Planificação da Região Leste do DF
 
Cuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicas
Cuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicasCuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicas
Cuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicas
 
Sala de Situação Regional de Saúde Sudoeste I
Sala de Situação  Regional de Saúde  Sudoeste I Sala de Situação  Regional de Saúde  Sudoeste I
Sala de Situação Regional de Saúde Sudoeste I
 
Por um cuidado certo - Sociedade Brasileira de Diabetes
Por um cuidado certo - Sociedade Brasileira de DiabetesPor um cuidado certo - Sociedade Brasileira de Diabetes
Por um cuidado certo - Sociedade Brasileira de Diabetes
 
O pediatra e sua presença na Assistência no Brasil
O pediatra e sua presença na Assistência no BrasilO pediatra e sua presença na Assistência no Brasil
O pediatra e sua presença na Assistência no Brasil
 
Notas Técnicas para Organização das Redes de Atenção à Saúde
Notas Técnicas para Organização das Redes de Atenção à SaúdeNotas Técnicas para Organização das Redes de Atenção à Saúde
Notas Técnicas para Organização das Redes de Atenção à Saúde
 
Ministério Público em Defesa da APS
Ministério Público em Defesa da APSMinistério Público em Defesa da APS
Ministério Público em Defesa da APS
 
II Seminário da Planificação da Atenção à Saúde: “Desafios do SUS e a Planifi...
II Seminário da Planificação da Atenção à Saúde: “Desafios do SUS e a Planifi...II Seminário da Planificação da Atenção à Saúde: “Desafios do SUS e a Planifi...
II Seminário da Planificação da Atenção à Saúde: “Desafios do SUS e a Planifi...
 

Ações prioritárias para a saúde brasileira - Ministro Ricardo Barros

  • 1. Ações prioritárias para a saúde brasileira Ministro Ricardo Barros
  • 2. Gestão e Financiamento 1 - Melhorar a gestão e o financiamento da saúde, aproveitando sua experiência como gestor municipal, relator do orçamento e autor de resoluções para a tramitação orçamentária 2 - Aperfeiçoar os sistemas de informação do SUS de forma que seja integrado em todo o território nacional, permita oferecer subsídios para a correta aplicação dos recursos públicos e forneça informações adequadas para o planejamento e para as prioridades do setor
  • 3. Diálogo 3 - Priorizar a interlocução com os médicos, com as entidades representativas dos profissionais de saúde, com os servidores, com a academia e com áreas relacionadas O Conselho Nacional de Saúde (CNS), o Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Saúde (CONASS) e o Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (CONASEMS) serão fundamentais nesse processo
  • 4. Combate ao Aedes aegypti 4 - Garantir a manutenção e a ampliação da mobilização de combate ao Aedes aegypti e suas doenças relacionadas, assim como demais emergências e agravos de saúde pública
  • 5. Rio 2016 5 - Reforçar os compromissos assumidos com as entidades olímpicas, com o estado do Rio de Janeiro e com a capital fluminense, responsáveis pela execução das Olimpíadas 2016 São ações de vigilância em saúde, assistência à população, atenção aos visitantes e preparo para as diversas situações relacionadas à saúde
  • 6. Infraestrutura e assistência 6 - Fortalecer a participação dos brasileiros no Programa Mais Médicos 7 - Superar as barreiras para implementar de imediato o funcionamento das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), das Unidades Básicas de Saúde (UBS), das ambulâncias e de equipamentos comprados e não instalados 8 - Fortalecer o Complexo Industrial da Saúde, compatibilizando a atuação das agências reguladoras, ANS e ANVISA, para garantir a agilidade, a segurança à população e a proteção ao consumidor 9 - Ampliar e atualizar os protocolos clínicos e diretrizes terapêuticas
  • 7. Capacitação profissional 10 - Oferecer qualificação permanente aos mais de 4 milhões profissionais de saúde que colaboram com as ações do SUS
  • 8. Promoção e prevenção da saúde 11 - Fortalecer as ações de promoção à saúde e prevenção de doenças