SlideShare uma empresa Scribd logo
Cca0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav1pp
PUBLICIDADE E PROPAGANDA
- Apesar de serem usados como sinônimos no Brasil, não são a
mesma coisa.
- Com a meta de converter povos ao catolicismo, o Vaticano criou a
Comissão Cardinalícia para a Propagação da Fé (Cardinalitia
Comissio de Propaganda e Fide) no século XVII. Desde então, o
termo passou a envolver as técnicas e atividades de informação e
persuasão usadas para influenciar a opinião, os sentimentos e as
atitudes de alguém.
- Resumindo, Propaganda tem a ver com ideias.
Roma – Propagandas nas paredes
Collegio di Propaganda Fide
Joseph Goebbels
O triunfo da Vontade
Leni Riefenstahl
- Publicidade é o conjunto de atividades através das quais
determinadas mensagens são transmitidas a um público-
alvo, usando meios de comunicação de massa, pagos pelo
anunciante, com o propósito explícito de informar, motivar e
persuadir os membros do público-alvo a adotarem
produtos, serviços ou idéias, sob o patrocínio de determinada
organização.
- Possui fim essencialmente lucrativo, ou seja é
comercial, paga pelo anunciante.
- Num resumo bem tosco, podemos dizer que Publicidade tem
a ver com produtos.
The American Way
Você faz maravilhas com Leite Moça
- Acontece que, na prática, as duas realmente se confundem.
Afinal, como vou vender um produto/serviço sem apelar para o
sentimento de alguém, sem usar uma idéia, sem influenciá-lo?
- Por isso muitos falam em agências de publicidade e
propaganda, outros em agências de publicidade e outros em
agências de propaganda.
- Acabou virando uma coisa só. Hoje em dia, algumas
agências, para evitar a confusão e mostrar que entendem de
tudo que o cliente possa precisar, já usam o termo Agência de
Comunicação.
- Se uma empresa tem um produto/serviço e precisa resolver um
problema de comunicação, ela vai buscar uma agência de
publicidade.
- Ela precisa mandar uma mensagem para um determinado
público-alvo. A empresa sabe o que quer dizer, mas é a agência
que vai ajudá-la a como dizer.
- O publicitário é o profissional que irá transformar a
mensagem, traduzi-la para que atinja e envolva o público-alvo
TEORIA DO PROCESSO DE COMUNICAÇÃO PUBLICITÁRIA
O emissor - o anunciante
O codificador - a agência
O receptor - o público-alvo
A mensagem - os anúncios nos seus mais diversos tipos.
DEFINIÇÕES
A Publicidade/Propaganda deve informar e despertar interesse
Advertising- Anúncio comercial para divulgar e promover bens e
serviços
Publicity- Informação divulgada via editoria (assessoria de imprensa)
Propaganda- Caráter político, religioso ou ideólógico
Advertainment – Mistura de publicidade e entretenimento
Advertainment – Ache as 75 bandas
Por que se faz Publicidade/Propaganda
Basicamente, existem dois grandes motivos:
Promocional – Venda de produto ou serviço
Institucional – Construção de marca
Institucional
Principais tarefas:
- Explicar a filosofia, objetivos e ações da marca/empresa
Ex: Itau & Unibanco
- Gerar simpatia
Ex: Colcci
- Ajudar a construir a imagem da marca
Ex: Mercedes
Na pratica, assim como Publicidade e Propaganda, hoje em dia
Promocional e Institucional agem lado a lado.
Não há mais “tempo a perder”.
Promocional
Principais tarefas:
- Divulgação da marca/empresa tornando-a mais conhecida
Ex: Magazine Luiza em SC
- Promoção da marca/empresa aumentando sua presença no
mercado
Ex: Campanha Guaraná Antartica
- Criação/Expansão da participação no mercado
Ex: Apple
- Correção do mercado
Ex: Havaianas
- Educação do mercado (formação de hábito)
Ex: Microondas / Internet / Celular
- Consolidação/ Manutenção do mercado
Ex: Omo / Coca-cola
O ANUNCIANTE
A publicidade/propaganda é gerada a partir de uma necessidade
do anunciante.
Ela é “colocada no ar” pelo veiculo.
Quando o processo é simples, o próprio anunciante pode realizar
isso. (Boa sorte!)
Quando é complicado, entra em cena a agência de publicidade.
A complexidade do processo depende de :
- Do número e grau de dificuldade das mensagens
- Do nível de interesse que os consumidores visados têm em
relação ao anunciante e ao que ele oferece de vantagens
- Da quantidade e dos tipos de pessoas que precisam ser
atingidas
O VEÍCULO
O veículo é o canal por onde a publicidade/propaganda flui até o
consumidor.
Pode ser uma combinação de material editorial e propaganda
(TV) ou apenas distribuir propaganda (Outdoor).
Pode ser de massa (rádio) ou dirigido (HSM).
Pode ser regional (RBS), nacional (Globo), internacional (CNN).
Pode ser comprado (HBO) ou gratuito (Metro).
O veículo divulga a mensagem por conta e responsabilidade do
anunciante. É ele quem paga.
O CONAR diz que é dos 3 (anunciante – agência – veículo).
A AGÊNCIA
Segundo Robert Leduc, uma Agência de Publicidade é: “uma
organização comercial independente, composto por
especialistas, técnicos e criadores, cujo objetivo é
conceber, executar e controlar a publicidade e colocá-la nos
veículos publicitários por conta de empresas que procuram
encontrar clientes para seus bens e serviços”.
A AGÊNCIA
Houve muitas mudanças no últimos anos, com as “paredes”
caindo. Mas basicamente uma agência tem os seguintes
departamentos:
Atendimento
Planejamento
Criação
Mídia
Produção
Web
O CAMINHO DA PUBLICIDADE/PROPAGANDA
1) Definição dos objetivos
2) Pesquisa (formal ou informal)
3) Planejamento
4) Criação / Mídia
5) Aprovação
6) Produção / Compra da mídia
7) Veiculação
8) Avaliação
A AGÊNCIA
RELAÇÃO AGÊNCIA X CLIENTE
- Julio Ribeiro brinca e diz que não é porque a agência é
“feminina” e o cliente é “masculino” que a relação precisa ser
machista, com o cliente mandando e desmandando.
- Como em qualquer casamento, é preciso um respeito mútuo e
grandes doses de colaboração.
- Existem diferentes maneiras de uma agência e um cliente se
relacionarem: Fee / 4.680 (20% de mídia e 15% produção) /
Depende
COMO A PUBLICIDADE/PROPAGANDA FUNCIONA?
- Ninguém sabe. Ela age sobre o ser humano. E nada é mais
imprevisível do que o ser humano.
Ex: Mustang / Marlboro
- Ela faz parte do ambiente cultural e social da sua época.
- Mistura e trabalha os instintos mais fortes do ser humano
(medo, inveja, desejo, sexo, necessidades...)
- Ela age informando, argumentando, comparando.
COMO A PUBLICIDADE/PROPAGANDA FUNCIONA?
- Pode ser lógica e racional ou subjetiva e emocional.
- Ela age no individuo, na família, nos grupos sociais, na
comunidade, na sociedade como um todo.
- Mas não age sozinha. E pra “funcionar” deve seguir alguns
princípios:
1) Criatividade
2) Emoção e Interesse
3) Pertinência
4) Compreensão
COMO A PUBLICIDADE/PROPAGANDA FUNCIONA?
- No começo, com os mercados sendo criados, ela só
precisava informar.
- Depois, com a concorrência, ela passou a informar e a
convencer que a marca X é melhor.
- Na Era da Informação, o consumidor é bombardeado por
milhares de estímulos. A Publicidade/Propaganda precisa
também entreter.
- A Publicidade/Propaganda deve cumprir 3 objetivos:
1) Chamar atenção
2) Convencer
3) Levar à ação
ABORDAGENS MAIS FREQUENTES
- Ela deve ser rápida.
- A eficiência das mensagens está na capacidade de
interessar e fazer a mensagem em si ser corretamente
compreendida pelo público.
- A eficácia tem a ver com a capacidade da mensagem em
motivar o público a mudar a atitude, convencer-se com os
argumentos e agir.
- As Abordagens de Forma são relacionadas com a maneira
da mensagem ser apresentada e desenvolvida.
- As Abordagens de Retórica podem ser racionais e/ou
emocionais.
ABORDAGENS MAIS FREQUENTES - Formais
- Antropomorfia (Zoomorfia/Antropozoomorfia): a
transformação de coisas ou conceitos em personagens.
- Apresentador
- Clip
- Drama
- Desenho animado
- Epopéia
- Estética
- Explicação/Demonstração
- Fantasia
- Humor
- Imagem & Texto
ABORDAGENS MAIS FREQUENTES - Formais
- Lançamento
- Musical
- Notícia
- Oferta/Promoção
- Passado/Futuro
- Sensualidade
- Slice of life
- All type
- Testemunhal
- Texto & Imagem
ABORDAGENS MAIS FREQUENTES - Retóricas
- Aproveitamento de oportunidade
- Auto-Indulgência (Você merece)
- Comparação/Associação de ideias
- Contraposição/Inimigo definido
- Decisão inteligente
- Exagero/Dramatização
- Exclusividade/Único/Individual
- Interesse
- Medo
- Moda/Contágio
- Novidade/Lançamento
- Obsolescência do concorrente ou categoria
ABORDAGENS MAIS FREQUENTES - Retóricas
- Popular/Universal/De Massa
- Repetição de Claim/Memorização
- Responsabilidade Familiar, Social, Pessoal
- Solução de Problema
- Status/Requinte/De Elite/De Luxo
Campanhas
Acesse www.ccsp.com.br e confira vários exemplos.
Cca0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav1pp

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Uso de Mídias Sociais na Publicidade
Uso de Mídias Sociais na PublicidadeUso de Mídias Sociais na Publicidade
Uso de Mídias Sociais na Publicidade
Leonardo Palagi
 
Planner e planejamento de campanha
Planner e planejamento de campanhaPlanner e planejamento de campanha
Planner e planejamento de campanha
Ciro Gusatti
 
Atendimento e briefing
Atendimento e briefingAtendimento e briefing
Atendimento e briefing
Ciro Gusatti
 
Introdução à Actividade Publicitária
Introdução à Actividade PublicitáriaIntrodução à Actividade Publicitária
Introdução à Actividade Publicitária
João Almeida
 
Posicionamento objetivos estratégias e táticas
Posicionamento objetivos estratégias e táticasPosicionamento objetivos estratégias e táticas
Posicionamento objetivos estratégias e táticas
Ciro Gusatti
 
Conceitos e psicologia da propaganda
Conceitos e psicologia da propagandaConceitos e psicologia da propaganda
Conceitos e psicologia da propaganda
Sergio Montes
 
Comunicação de Marketing
Comunicação de MarketingComunicação de Marketing
Comunicação de Marketing
Danilo Freitas Souza
 
Planejamento de-campanha a7-2010
Planejamento de-campanha a7-2010Planejamento de-campanha a7-2010
Planejamento de-campanha a7-2010
Diego Bertelli
 
ETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADE
ETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADEETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADE
ETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADE
Posicionamento Web
 
Publicidade e promoção
Publicidade e promoçãoPublicidade e promoção
Publicidade e promoção
Carla Marques
 
Aula "Dinâmica da Propaganda: elementos e ética"
Aula "Dinâmica da Propaganda: elementos e ética"Aula "Dinâmica da Propaganda: elementos e ética"
Aula "Dinâmica da Propaganda: elementos e ética"
Jonas Gomes Jr
 
Comunicação e Marketing
Comunicação e MarketingComunicação e Marketing
Comunicação e Marketing
parquedaamizade
 
Planos de Comunicação no Desporto
Planos de Comunicação no DesportoPlanos de Comunicação no Desporto
Planos de Comunicação no Desporto
CatarinaNeivas
 
Campanha Publicitária
Campanha PublicitáriaCampanha Publicitária
Campanha Publicitária
promott12
 
Planejando campanhas promocionais para o varejo
Planejando campanhas promocionais para o varejoPlanejando campanhas promocionais para o varejo
Planejando campanhas promocionais para o varejo
Elton Tamiozzo
 
Propaganda: conceitos básicos
Propaganda: conceitos básicosPropaganda: conceitos básicos
Propaganda: conceitos básicos
Danilo Aroeira
 
Ementa: Técnicas de Publicidade e Propaganda
Ementa: Técnicas de Publicidade e PropagandaEmenta: Técnicas de Publicidade e Propaganda
Ementa: Técnicas de Publicidade e Propaganda
DAC UFS
 
Propaganda e composto promocional
Propaganda e composto promocionalPropaganda e composto promocional
Propaganda e composto promocional
Ciro Gusatti
 
Flávio - Planejamento da Com. Mercadológica
Flávio - Planejamento da Com. MercadológicaFlávio - Planejamento da Com. Mercadológica
Flávio - Planejamento da Com. Mercadológica
talitacampione
 
P de promoção 2012_01
P de promoção 2012_01P de promoção 2012_01
P de promoção 2012_01
Milton Henrique do Couto Neto
 

Mais procurados (20)

Uso de Mídias Sociais na Publicidade
Uso de Mídias Sociais na PublicidadeUso de Mídias Sociais na Publicidade
Uso de Mídias Sociais na Publicidade
 
Planner e planejamento de campanha
Planner e planejamento de campanhaPlanner e planejamento de campanha
Planner e planejamento de campanha
 
Atendimento e briefing
Atendimento e briefingAtendimento e briefing
Atendimento e briefing
 
Introdução à Actividade Publicitária
Introdução à Actividade PublicitáriaIntrodução à Actividade Publicitária
Introdução à Actividade Publicitária
 
Posicionamento objetivos estratégias e táticas
Posicionamento objetivos estratégias e táticasPosicionamento objetivos estratégias e táticas
Posicionamento objetivos estratégias e táticas
 
Conceitos e psicologia da propaganda
Conceitos e psicologia da propagandaConceitos e psicologia da propaganda
Conceitos e psicologia da propaganda
 
Comunicação de Marketing
Comunicação de MarketingComunicação de Marketing
Comunicação de Marketing
 
Planejamento de-campanha a7-2010
Planejamento de-campanha a7-2010Planejamento de-campanha a7-2010
Planejamento de-campanha a7-2010
 
ETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADE
ETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADEETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADE
ETAPAS PARA CRIAÇÃO DE CAMPANHA PUBLICIDADE
 
Publicidade e promoção
Publicidade e promoçãoPublicidade e promoção
Publicidade e promoção
 
Aula "Dinâmica da Propaganda: elementos e ética"
Aula "Dinâmica da Propaganda: elementos e ética"Aula "Dinâmica da Propaganda: elementos e ética"
Aula "Dinâmica da Propaganda: elementos e ética"
 
Comunicação e Marketing
Comunicação e MarketingComunicação e Marketing
Comunicação e Marketing
 
Planos de Comunicação no Desporto
Planos de Comunicação no DesportoPlanos de Comunicação no Desporto
Planos de Comunicação no Desporto
 
Campanha Publicitária
Campanha PublicitáriaCampanha Publicitária
Campanha Publicitária
 
Planejando campanhas promocionais para o varejo
Planejando campanhas promocionais para o varejoPlanejando campanhas promocionais para o varejo
Planejando campanhas promocionais para o varejo
 
Propaganda: conceitos básicos
Propaganda: conceitos básicosPropaganda: conceitos básicos
Propaganda: conceitos básicos
 
Ementa: Técnicas de Publicidade e Propaganda
Ementa: Técnicas de Publicidade e PropagandaEmenta: Técnicas de Publicidade e Propaganda
Ementa: Técnicas de Publicidade e Propaganda
 
Propaganda e composto promocional
Propaganda e composto promocionalPropaganda e composto promocional
Propaganda e composto promocional
 
Flávio - Planejamento da Com. Mercadológica
Flávio - Planejamento da Com. MercadológicaFlávio - Planejamento da Com. Mercadológica
Flávio - Planejamento da Com. Mercadológica
 
P de promoção 2012_01
P de promoção 2012_01P de promoção 2012_01
P de promoção 2012_01
 

Destaque

modelo de campanha cca0319 e cca0318
modelo de campanha cca0319 e cca0318modelo de campanha cca0319 e cca0318
modelo de campanha cca0319 e cca0318
Diego Moreau
 
CCA0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav2jornalrp
CCA0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav2jornalrpCCA0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav2jornalrp
CCA0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav2jornalrp
Diego Moreau
 
Briefing Floripamanhã - Capital Gastronômica
Briefing Floripamanhã - Capital GastronômicaBriefing Floripamanhã - Capital Gastronômica
Briefing Floripamanhã - Capital Gastronômica
Diego Moreau
 
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula01
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula01Pós Conteúdo Midias Digitais Aula01
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula01
Diego Moreau
 
Roteiro jogosdigitaisav2
Roteiro jogosdigitaisav2Roteiro jogosdigitaisav2
Roteiro jogosdigitaisav2
Diego Moreau
 
Cca0330 redaçãoaudiovisualtv cinema
Cca0330 redaçãoaudiovisualtv cinemaCca0330 redaçãoaudiovisualtv cinema
Cca0330 redaçãoaudiovisualtv cinema
Diego Moreau
 
Briefing premioestacio 20152nestle
Briefing premioestacio 20152nestleBriefing premioestacio 20152nestle
Briefing premioestacio 20152nestle
Diego Moreau
 
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula02
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula02Pós Conteúdo Midias Digitais Aula02
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula02
Diego Moreau
 
CCT0009 roteiropersonagensav1
CCT0009 roteiropersonagensav1CCT0009 roteiropersonagensav1
CCT0009 roteiropersonagensav1
Diego Moreau
 
Cca0319 Briefing
Cca0319 BriefingCca0319 Briefing
Cca0319 Briefing
Diego Moreau
 
CCA0331 Anuncios Oportunidade, Usam o veiculo, Clássicos.
CCA0331 Anuncios Oportunidade, Usam o veiculo, Clássicos.CCA0331 Anuncios Oportunidade, Usam o veiculo, Clássicos.
CCA0331 Anuncios Oportunidade, Usam o veiculo, Clássicos.
Diego Moreau
 
CCA0331 Leis David Ogilvy
CCA0331 Leis David OgilvyCCA0331 Leis David Ogilvy
CCA0331 Leis David Ogilvy
Diego Moreau
 
Modelo de campanha cca0319e cca0318 resumo
Modelo de campanha cca0319e cca0318 resumoModelo de campanha cca0319e cca0318 resumo
Modelo de campanha cca0319e cca0318 resumo
Diego Moreau
 
Briefing premioestacio 20152starwarsvii
Briefing premioestacio 20152starwarsviiBriefing premioestacio 20152starwarsvii
Briefing premioestacio 20152starwarsvii
Diego Moreau
 
Briefing premioestacio 20152sky
Briefing premioestacio 20152skyBriefing premioestacio 20152sky
Briefing premioestacio 20152sky
Diego Moreau
 
Briefing Coca-cola Verde
Briefing Coca-cola VerdeBriefing Coca-cola Verde
Briefing Coca-cola Verde
Diego Moreau
 
Briefing Levis
Briefing LevisBriefing Levis
Briefing Levis
Diego Moreau
 
Apostila Análise Textual - Língua uso e discurso entremeios e fronteiras
Apostila Análise Textual - Língua uso e discurso   entremeios e fronteiras Apostila Análise Textual - Língua uso e discurso   entremeios e fronteiras
Apostila Análise Textual - Língua uso e discurso entremeios e fronteiras
Diego Moreau
 
Ginga - A primeira propaganda do meu negócio
Ginga - A primeira propaganda do meu negócioGinga - A primeira propaganda do meu negócio
Ginga - A primeira propaganda do meu negócio
Bizcool | Escola Aceleradora
 
A propaganda no mundo moderno os aspectos sociais da propaganda
A propaganda no mundo moderno   os aspectos sociais da propagandaA propaganda no mundo moderno   os aspectos sociais da propaganda
A propaganda no mundo moderno os aspectos sociais da propaganda
Prof. Antônio Martins de Almeida Filho
 

Destaque (20)

modelo de campanha cca0319 e cca0318
modelo de campanha cca0319 e cca0318modelo de campanha cca0319 e cca0318
modelo de campanha cca0319 e cca0318
 
CCA0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav2jornalrp
CCA0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav2jornalrpCCA0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav2jornalrp
CCA0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav2jornalrp
 
Briefing Floripamanhã - Capital Gastronômica
Briefing Floripamanhã - Capital GastronômicaBriefing Floripamanhã - Capital Gastronômica
Briefing Floripamanhã - Capital Gastronômica
 
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula01
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula01Pós Conteúdo Midias Digitais Aula01
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula01
 
Roteiro jogosdigitaisav2
Roteiro jogosdigitaisav2Roteiro jogosdigitaisav2
Roteiro jogosdigitaisav2
 
Cca0330 redaçãoaudiovisualtv cinema
Cca0330 redaçãoaudiovisualtv cinemaCca0330 redaçãoaudiovisualtv cinema
Cca0330 redaçãoaudiovisualtv cinema
 
Briefing premioestacio 20152nestle
Briefing premioestacio 20152nestleBriefing premioestacio 20152nestle
Briefing premioestacio 20152nestle
 
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula02
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula02Pós Conteúdo Midias Digitais Aula02
Pós Conteúdo Midias Digitais Aula02
 
CCT0009 roteiropersonagensav1
CCT0009 roteiropersonagensav1CCT0009 roteiropersonagensav1
CCT0009 roteiropersonagensav1
 
Cca0319 Briefing
Cca0319 BriefingCca0319 Briefing
Cca0319 Briefing
 
CCA0331 Anuncios Oportunidade, Usam o veiculo, Clássicos.
CCA0331 Anuncios Oportunidade, Usam o veiculo, Clássicos.CCA0331 Anuncios Oportunidade, Usam o veiculo, Clássicos.
CCA0331 Anuncios Oportunidade, Usam o veiculo, Clássicos.
 
CCA0331 Leis David Ogilvy
CCA0331 Leis David OgilvyCCA0331 Leis David Ogilvy
CCA0331 Leis David Ogilvy
 
Modelo de campanha cca0319e cca0318 resumo
Modelo de campanha cca0319e cca0318 resumoModelo de campanha cca0319e cca0318 resumo
Modelo de campanha cca0319e cca0318 resumo
 
Briefing premioestacio 20152starwarsvii
Briefing premioestacio 20152starwarsviiBriefing premioestacio 20152starwarsvii
Briefing premioestacio 20152starwarsvii
 
Briefing premioestacio 20152sky
Briefing premioestacio 20152skyBriefing premioestacio 20152sky
Briefing premioestacio 20152sky
 
Briefing Coca-cola Verde
Briefing Coca-cola VerdeBriefing Coca-cola Verde
Briefing Coca-cola Verde
 
Briefing Levis
Briefing LevisBriefing Levis
Briefing Levis
 
Apostila Análise Textual - Língua uso e discurso entremeios e fronteiras
Apostila Análise Textual - Língua uso e discurso   entremeios e fronteiras Apostila Análise Textual - Língua uso e discurso   entremeios e fronteiras
Apostila Análise Textual - Língua uso e discurso entremeios e fronteiras
 
Ginga - A primeira propaganda do meu negócio
Ginga - A primeira propaganda do meu negócioGinga - A primeira propaganda do meu negócio
Ginga - A primeira propaganda do meu negócio
 
A propaganda no mundo moderno os aspectos sociais da propaganda
A propaganda no mundo moderno   os aspectos sociais da propagandaA propaganda no mundo moderno   os aspectos sociais da propaganda
A propaganda no mundo moderno os aspectos sociais da propaganda
 

Semelhante a Cca0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav1pp

Conceitos e psicologia da propaganda
Conceitos e psicologia da propagandaConceitos e psicologia da propaganda
Conceitos e psicologia da propaganda
Sergio Montes
 
A propaganda no mundo moderno
A propaganda no mundo modernoA propaganda no mundo moderno
A propaganda no mundo moderno
Ilania Gonçalves
 
Publicidade
PublicidadePublicidade
Vi e-book-ferramentas-publicidade-e-marketing
Vi e-book-ferramentas-publicidade-e-marketingVi e-book-ferramentas-publicidade-e-marketing
Vi e-book-ferramentas-publicidade-e-marketing
MFJCFL
 
Buzz Marketing - ESPM Marketing Digital - aula 8
Buzz Marketing - ESPM Marketing Digital - aula 8Buzz Marketing - ESPM Marketing Digital - aula 8
Buzz Marketing - ESPM Marketing Digital - aula 8
Luiz Felipe Barros
 
Aula 03 planejamento de mkt digital
Aula 03   planejamento de mkt digitalAula 03   planejamento de mkt digital
Aula 03 planejamento de mkt digital
Thais Godinho
 
Cpv m6 documento de apoio n.º1
Cpv m6 documento de apoio n.º1Cpv m6 documento de apoio n.º1
Cpv m6 documento de apoio n.º1
Manny Amendoim
 
marketing para as empresas e os fundamentos.pptx
marketing para as empresas e os fundamentos.pptxmarketing para as empresas e os fundamentos.pptx
marketing para as empresas e os fundamentos.pptx
secretariafilgueiras
 
Publicidade & Propaganda - aula 02/03
Publicidade & Propaganda - aula 02/03Publicidade & Propaganda - aula 02/03
Publicidade & Propaganda - aula 02/03
Ricardo Americo
 
Aula 1 Linguagem Publicitária em Espaços Educativos
Aula 1 Linguagem Publicitária em Espaços EducativosAula 1 Linguagem Publicitária em Espaços Educativos
Aula 1 Linguagem Publicitária em Espaços Educativos
UFCG
 
ApresentaçãO Publicidade
ApresentaçãO PublicidadeApresentaçãO Publicidade
ApresentaçãO Publicidade
MARIA NOGUE
 
Estrutura De Uma Agência
Estrutura De Uma AgênciaEstrutura De Uma Agência
Estrutura De Uma Agência
Rodrigo Jorge
 
Planejamento e Mídia - Mídias I
Planejamento e Mídia - Mídias IPlanejamento e Mídia - Mídias I
Planejamento e Mídia - Mídias I
Doisnovemeia Publicidade
 
Marketing
MarketingMarketing
Oficina de campanha publicitária
Oficina de campanha publicitáriaOficina de campanha publicitária
Oficina de campanha publicitária
André Bomfim
 
Atendimento Publicitário - Estrutura de uma Agência de Publicidade e Propaganda
Atendimento Publicitário - Estrutura de uma Agência de Publicidade e PropagandaAtendimento Publicitário - Estrutura de uma Agência de Publicidade e Propaganda
Atendimento Publicitário - Estrutura de uma Agência de Publicidade e Propaganda
Cíntia Dal Bello
 
Publicidade como instrumento de marketing
Publicidade como instrumento de marketingPublicidade como instrumento de marketing
Publicidade como instrumento de marketing
filmenino
 
Fundamentos do marketing e comunicação e marketing
Fundamentos do marketing e comunicação e marketing   Fundamentos do marketing e comunicação e marketing
Fundamentos do marketing e comunicação e marketing
Simone Watt
 
Comunicação Empresarial CE Básico
Comunicação Empresarial CE BásicoComunicação Empresarial CE Básico
Comunicação Empresarial CE Básico
Carlos Alves
 
Canais com a mídia
Canais com a mídiaCanais com a mídia
Canais com a mídia
Domingos Crescente
 

Semelhante a Cca0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav1pp (20)

Conceitos e psicologia da propaganda
Conceitos e psicologia da propagandaConceitos e psicologia da propaganda
Conceitos e psicologia da propaganda
 
A propaganda no mundo moderno
A propaganda no mundo modernoA propaganda no mundo moderno
A propaganda no mundo moderno
 
Publicidade
PublicidadePublicidade
Publicidade
 
Vi e-book-ferramentas-publicidade-e-marketing
Vi e-book-ferramentas-publicidade-e-marketingVi e-book-ferramentas-publicidade-e-marketing
Vi e-book-ferramentas-publicidade-e-marketing
 
Buzz Marketing - ESPM Marketing Digital - aula 8
Buzz Marketing - ESPM Marketing Digital - aula 8Buzz Marketing - ESPM Marketing Digital - aula 8
Buzz Marketing - ESPM Marketing Digital - aula 8
 
Aula 03 planejamento de mkt digital
Aula 03   planejamento de mkt digitalAula 03   planejamento de mkt digital
Aula 03 planejamento de mkt digital
 
Cpv m6 documento de apoio n.º1
Cpv m6 documento de apoio n.º1Cpv m6 documento de apoio n.º1
Cpv m6 documento de apoio n.º1
 
marketing para as empresas e os fundamentos.pptx
marketing para as empresas e os fundamentos.pptxmarketing para as empresas e os fundamentos.pptx
marketing para as empresas e os fundamentos.pptx
 
Publicidade & Propaganda - aula 02/03
Publicidade & Propaganda - aula 02/03Publicidade & Propaganda - aula 02/03
Publicidade & Propaganda - aula 02/03
 
Aula 1 Linguagem Publicitária em Espaços Educativos
Aula 1 Linguagem Publicitária em Espaços EducativosAula 1 Linguagem Publicitária em Espaços Educativos
Aula 1 Linguagem Publicitária em Espaços Educativos
 
ApresentaçãO Publicidade
ApresentaçãO PublicidadeApresentaçãO Publicidade
ApresentaçãO Publicidade
 
Estrutura De Uma Agência
Estrutura De Uma AgênciaEstrutura De Uma Agência
Estrutura De Uma Agência
 
Planejamento e Mídia - Mídias I
Planejamento e Mídia - Mídias IPlanejamento e Mídia - Mídias I
Planejamento e Mídia - Mídias I
 
Marketing
MarketingMarketing
Marketing
 
Oficina de campanha publicitária
Oficina de campanha publicitáriaOficina de campanha publicitária
Oficina de campanha publicitária
 
Atendimento Publicitário - Estrutura de uma Agência de Publicidade e Propaganda
Atendimento Publicitário - Estrutura de uma Agência de Publicidade e PropagandaAtendimento Publicitário - Estrutura de uma Agência de Publicidade e Propaganda
Atendimento Publicitário - Estrutura de uma Agência de Publicidade e Propaganda
 
Publicidade como instrumento de marketing
Publicidade como instrumento de marketingPublicidade como instrumento de marketing
Publicidade como instrumento de marketing
 
Fundamentos do marketing e comunicação e marketing
Fundamentos do marketing e comunicação e marketing   Fundamentos do marketing e comunicação e marketing
Fundamentos do marketing e comunicação e marketing
 
Comunicação Empresarial CE Básico
Comunicação Empresarial CE BásicoComunicação Empresarial CE Básico
Comunicação Empresarial CE Básico
 
Canais com a mídia
Canais com a mídiaCanais com a mídia
Canais com a mídia
 

Mais de Diego Moreau

TCC Levi Pedroso WHY SO SERIOUS? ANÁLISE DA CAMPANHA DE MARKETING DE BATMAN –...
TCC Levi Pedroso WHY SO SERIOUS? ANÁLISE DA CAMPANHA DE MARKETING DE BATMAN –...TCC Levi Pedroso WHY SO SERIOUS? ANÁLISE DA CAMPANHA DE MARKETING DE BATMAN –...
TCC Levi Pedroso WHY SO SERIOUS? ANÁLISE DA CAMPANHA DE MARKETING DE BATMAN –...
Diego Moreau
 
Palestra Roteiro Cinema
Palestra Roteiro CinemaPalestra Roteiro Cinema
Palestra Roteiro Cinema
Diego Moreau
 
Futuro Star Wars
Futuro Star WarsFuturo Star Wars
Futuro Star Wars
Diego Moreau
 
TCC Raphaela do Amaral Campos Gaspar - Alô, alô, graças a Deus! Os memes com...
TCC Raphaela do Amaral Campos Gaspar - Alô, alô, graças a Deus!  Os memes com...TCC Raphaela do Amaral Campos Gaspar - Alô, alô, graças a Deus!  Os memes com...
TCC Raphaela do Amaral Campos Gaspar - Alô, alô, graças a Deus! Os memes com...
Diego Moreau
 
Dicas de apresentação TCC
Dicas de apresentação TCCDicas de apresentação TCC
Dicas de apresentação TCC
Diego Moreau
 
Declaração de responsabilidade
Declaração de responsabilidadeDeclaração de responsabilidade
Declaração de responsabilidade
Diego Moreau
 
TCC Marina Kretzer - O desempenho no PDV da linha Hair da Unilever, na Grande...
TCC Marina Kretzer - O desempenho no PDV da linha Hair da Unilever, na Grande...TCC Marina Kretzer - O desempenho no PDV da linha Hair da Unilever, na Grande...
TCC Marina Kretzer - O desempenho no PDV da linha Hair da Unilever, na Grande...
Diego Moreau
 
Aula Diego Moreau Storytelling parte01
Aula Diego Moreau Storytelling parte01Aula Diego Moreau Storytelling parte01
Aula Diego Moreau Storytelling parte01
Diego Moreau
 
Caderno de produção gatinha comunista
Caderno de produção gatinha comunistaCaderno de produção gatinha comunista
Caderno de produção gatinha comunista
Diego Moreau
 
TCC Ana Ramos - FACEBOOK E O STATUS GERADOR DE PUBLICIDADE: O USUÁRIO COMO FO...
TCC Ana Ramos - FACEBOOK E O STATUS GERADOR DE PUBLICIDADE: O USUÁRIO COMO FO...TCC Ana Ramos - FACEBOOK E O STATUS GERADOR DE PUBLICIDADE: O USUÁRIO COMO FO...
TCC Ana Ramos - FACEBOOK E O STATUS GERADOR DE PUBLICIDADE: O USUÁRIO COMO FO...
Diego Moreau
 
Modelo de briefing promocaodevendas merchandising
Modelo de briefing promocaodevendas merchandisingModelo de briefing promocaodevendas merchandising
Modelo de briefing promocaodevendas merchandising
Diego Moreau
 
Briefing av2 Lego, M7Ms e Presidente 2018
Briefing av2 Lego, M7Ms e Presidente 2018Briefing av2 Lego, M7Ms e Presidente 2018
Briefing av2 Lego, M7Ms e Presidente 2018
Diego Moreau
 
Tcc bárbara cristina ruediger estratégias de comunicação caso - 32 oktoberfest
Tcc bárbara cristina ruediger   estratégias de comunicação caso - 32 oktoberfestTcc bárbara cristina ruediger   estratégias de comunicação caso - 32 oktoberfest
Tcc bárbara cristina ruediger estratégias de comunicação caso - 32 oktoberfest
Diego Moreau
 
TCC Rafaela Campregher - O Facebook como ferramenta de marketing de relaciona...
TCC Rafaela Campregher - O Facebook como ferramenta de marketing de relaciona...TCC Rafaela Campregher - O Facebook como ferramenta de marketing de relaciona...
TCC Rafaela Campregher - O Facebook como ferramenta de marketing de relaciona...
Diego Moreau
 
TCC Aline da Silva - Estudo das estratégia de marketing utilizadas no lançame...
TCC Aline da Silva - Estudo das estratégia de marketing utilizadas no lançame...TCC Aline da Silva - Estudo das estratégia de marketing utilizadas no lançame...
TCC Aline da Silva - Estudo das estratégia de marketing utilizadas no lançame...
Diego Moreau
 
TCC Paulo Lazzari - Gerenciamento de crise: o caso Oscar 2016
TCC Paulo Lazzari - Gerenciamento de crise: o caso Oscar 2016TCC Paulo Lazzari - Gerenciamento de crise: o caso Oscar 2016
TCC Paulo Lazzari - Gerenciamento de crise: o caso Oscar 2016
Diego Moreau
 
TCC Flávia da Costa - Análise das ferramentas de comunicação da empresa qtuac...
TCC Flávia da Costa - Análise das ferramentas de comunicação da empresa qtuac...TCC Flávia da Costa - Análise das ferramentas de comunicação da empresa qtuac...
TCC Flávia da Costa - Análise das ferramentas de comunicação da empresa qtuac...
Diego Moreau
 
TCC Doren Klöppel - Como a inovação de ruptura proposta pela Netflix mudou o ...
TCC Doren Klöppel - Como a inovação de ruptura proposta pela Netflix mudou o ...TCC Doren Klöppel - Como a inovação de ruptura proposta pela Netflix mudou o ...
TCC Doren Klöppel - Como a inovação de ruptura proposta pela Netflix mudou o ...
Diego Moreau
 
TCC Igor Menezes - Os benefícios da tecnologia como ferramenta de auxílio na ...
TCC Igor Menezes - Os benefícios da tecnologia como ferramenta de auxílio na ...TCC Igor Menezes - Os benefícios da tecnologia como ferramenta de auxílio na ...
TCC Igor Menezes - Os benefícios da tecnologia como ferramenta de auxílio na ...
Diego Moreau
 
TCC Emerson Nunes - Análise da psicologia das cores utilizadas na série Break...
TCC Emerson Nunes - Análise da psicologia das cores utilizadas na série Break...TCC Emerson Nunes - Análise da psicologia das cores utilizadas na série Break...
TCC Emerson Nunes - Análise da psicologia das cores utilizadas na série Break...
Diego Moreau
 

Mais de Diego Moreau (20)

TCC Levi Pedroso WHY SO SERIOUS? ANÁLISE DA CAMPANHA DE MARKETING DE BATMAN –...
TCC Levi Pedroso WHY SO SERIOUS? ANÁLISE DA CAMPANHA DE MARKETING DE BATMAN –...TCC Levi Pedroso WHY SO SERIOUS? ANÁLISE DA CAMPANHA DE MARKETING DE BATMAN –...
TCC Levi Pedroso WHY SO SERIOUS? ANÁLISE DA CAMPANHA DE MARKETING DE BATMAN –...
 
Palestra Roteiro Cinema
Palestra Roteiro CinemaPalestra Roteiro Cinema
Palestra Roteiro Cinema
 
Futuro Star Wars
Futuro Star WarsFuturo Star Wars
Futuro Star Wars
 
TCC Raphaela do Amaral Campos Gaspar - Alô, alô, graças a Deus! Os memes com...
TCC Raphaela do Amaral Campos Gaspar - Alô, alô, graças a Deus!  Os memes com...TCC Raphaela do Amaral Campos Gaspar - Alô, alô, graças a Deus!  Os memes com...
TCC Raphaela do Amaral Campos Gaspar - Alô, alô, graças a Deus! Os memes com...
 
Dicas de apresentação TCC
Dicas de apresentação TCCDicas de apresentação TCC
Dicas de apresentação TCC
 
Declaração de responsabilidade
Declaração de responsabilidadeDeclaração de responsabilidade
Declaração de responsabilidade
 
TCC Marina Kretzer - O desempenho no PDV da linha Hair da Unilever, na Grande...
TCC Marina Kretzer - O desempenho no PDV da linha Hair da Unilever, na Grande...TCC Marina Kretzer - O desempenho no PDV da linha Hair da Unilever, na Grande...
TCC Marina Kretzer - O desempenho no PDV da linha Hair da Unilever, na Grande...
 
Aula Diego Moreau Storytelling parte01
Aula Diego Moreau Storytelling parte01Aula Diego Moreau Storytelling parte01
Aula Diego Moreau Storytelling parte01
 
Caderno de produção gatinha comunista
Caderno de produção gatinha comunistaCaderno de produção gatinha comunista
Caderno de produção gatinha comunista
 
TCC Ana Ramos - FACEBOOK E O STATUS GERADOR DE PUBLICIDADE: O USUÁRIO COMO FO...
TCC Ana Ramos - FACEBOOK E O STATUS GERADOR DE PUBLICIDADE: O USUÁRIO COMO FO...TCC Ana Ramos - FACEBOOK E O STATUS GERADOR DE PUBLICIDADE: O USUÁRIO COMO FO...
TCC Ana Ramos - FACEBOOK E O STATUS GERADOR DE PUBLICIDADE: O USUÁRIO COMO FO...
 
Modelo de briefing promocaodevendas merchandising
Modelo de briefing promocaodevendas merchandisingModelo de briefing promocaodevendas merchandising
Modelo de briefing promocaodevendas merchandising
 
Briefing av2 Lego, M7Ms e Presidente 2018
Briefing av2 Lego, M7Ms e Presidente 2018Briefing av2 Lego, M7Ms e Presidente 2018
Briefing av2 Lego, M7Ms e Presidente 2018
 
Tcc bárbara cristina ruediger estratégias de comunicação caso - 32 oktoberfest
Tcc bárbara cristina ruediger   estratégias de comunicação caso - 32 oktoberfestTcc bárbara cristina ruediger   estratégias de comunicação caso - 32 oktoberfest
Tcc bárbara cristina ruediger estratégias de comunicação caso - 32 oktoberfest
 
TCC Rafaela Campregher - O Facebook como ferramenta de marketing de relaciona...
TCC Rafaela Campregher - O Facebook como ferramenta de marketing de relaciona...TCC Rafaela Campregher - O Facebook como ferramenta de marketing de relaciona...
TCC Rafaela Campregher - O Facebook como ferramenta de marketing de relaciona...
 
TCC Aline da Silva - Estudo das estratégia de marketing utilizadas no lançame...
TCC Aline da Silva - Estudo das estratégia de marketing utilizadas no lançame...TCC Aline da Silva - Estudo das estratégia de marketing utilizadas no lançame...
TCC Aline da Silva - Estudo das estratégia de marketing utilizadas no lançame...
 
TCC Paulo Lazzari - Gerenciamento de crise: o caso Oscar 2016
TCC Paulo Lazzari - Gerenciamento de crise: o caso Oscar 2016TCC Paulo Lazzari - Gerenciamento de crise: o caso Oscar 2016
TCC Paulo Lazzari - Gerenciamento de crise: o caso Oscar 2016
 
TCC Flávia da Costa - Análise das ferramentas de comunicação da empresa qtuac...
TCC Flávia da Costa - Análise das ferramentas de comunicação da empresa qtuac...TCC Flávia da Costa - Análise das ferramentas de comunicação da empresa qtuac...
TCC Flávia da Costa - Análise das ferramentas de comunicação da empresa qtuac...
 
TCC Doren Klöppel - Como a inovação de ruptura proposta pela Netflix mudou o ...
TCC Doren Klöppel - Como a inovação de ruptura proposta pela Netflix mudou o ...TCC Doren Klöppel - Como a inovação de ruptura proposta pela Netflix mudou o ...
TCC Doren Klöppel - Como a inovação de ruptura proposta pela Netflix mudou o ...
 
TCC Igor Menezes - Os benefícios da tecnologia como ferramenta de auxílio na ...
TCC Igor Menezes - Os benefícios da tecnologia como ferramenta de auxílio na ...TCC Igor Menezes - Os benefícios da tecnologia como ferramenta de auxílio na ...
TCC Igor Menezes - Os benefícios da tecnologia como ferramenta de auxílio na ...
 
TCC Emerson Nunes - Análise da psicologia das cores utilizadas na série Break...
TCC Emerson Nunes - Análise da psicologia das cores utilizadas na série Break...TCC Emerson Nunes - Análise da psicologia das cores utilizadas na série Break...
TCC Emerson Nunes - Análise da psicologia das cores utilizadas na série Break...
 

Último

Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Mary Alvarenga
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
Mary Alvarenga
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p..._jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
marcos oliveira
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
marcos oliveira
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p..._jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
 

Cca0781 introducaoasprofissoesemcomunicacaoav1pp

  • 2. PUBLICIDADE E PROPAGANDA - Apesar de serem usados como sinônimos no Brasil, não são a mesma coisa. - Com a meta de converter povos ao catolicismo, o Vaticano criou a Comissão Cardinalícia para a Propagação da Fé (Cardinalitia Comissio de Propaganda e Fide) no século XVII. Desde então, o termo passou a envolver as técnicas e atividades de informação e persuasão usadas para influenciar a opinião, os sentimentos e as atitudes de alguém. - Resumindo, Propaganda tem a ver com ideias.
  • 3. Roma – Propagandas nas paredes
  • 5. Joseph Goebbels O triunfo da Vontade Leni Riefenstahl
  • 6. - Publicidade é o conjunto de atividades através das quais determinadas mensagens são transmitidas a um público- alvo, usando meios de comunicação de massa, pagos pelo anunciante, com o propósito explícito de informar, motivar e persuadir os membros do público-alvo a adotarem produtos, serviços ou idéias, sob o patrocínio de determinada organização. - Possui fim essencialmente lucrativo, ou seja é comercial, paga pelo anunciante. - Num resumo bem tosco, podemos dizer que Publicidade tem a ver com produtos.
  • 7. The American Way Você faz maravilhas com Leite Moça
  • 8. - Acontece que, na prática, as duas realmente se confundem. Afinal, como vou vender um produto/serviço sem apelar para o sentimento de alguém, sem usar uma idéia, sem influenciá-lo? - Por isso muitos falam em agências de publicidade e propaganda, outros em agências de publicidade e outros em agências de propaganda. - Acabou virando uma coisa só. Hoje em dia, algumas agências, para evitar a confusão e mostrar que entendem de tudo que o cliente possa precisar, já usam o termo Agência de Comunicação.
  • 9. - Se uma empresa tem um produto/serviço e precisa resolver um problema de comunicação, ela vai buscar uma agência de publicidade. - Ela precisa mandar uma mensagem para um determinado público-alvo. A empresa sabe o que quer dizer, mas é a agência que vai ajudá-la a como dizer. - O publicitário é o profissional que irá transformar a mensagem, traduzi-la para que atinja e envolva o público-alvo
  • 10. TEORIA DO PROCESSO DE COMUNICAÇÃO PUBLICITÁRIA O emissor - o anunciante O codificador - a agência O receptor - o público-alvo A mensagem - os anúncios nos seus mais diversos tipos.
  • 11. DEFINIÇÕES A Publicidade/Propaganda deve informar e despertar interesse Advertising- Anúncio comercial para divulgar e promover bens e serviços Publicity- Informação divulgada via editoria (assessoria de imprensa) Propaganda- Caráter político, religioso ou ideólógico Advertainment – Mistura de publicidade e entretenimento
  • 12. Advertainment – Ache as 75 bandas
  • 13. Por que se faz Publicidade/Propaganda Basicamente, existem dois grandes motivos: Promocional – Venda de produto ou serviço Institucional – Construção de marca
  • 14. Institucional Principais tarefas: - Explicar a filosofia, objetivos e ações da marca/empresa Ex: Itau & Unibanco - Gerar simpatia Ex: Colcci - Ajudar a construir a imagem da marca Ex: Mercedes Na pratica, assim como Publicidade e Propaganda, hoje em dia Promocional e Institucional agem lado a lado. Não há mais “tempo a perder”.
  • 15. Promocional Principais tarefas: - Divulgação da marca/empresa tornando-a mais conhecida Ex: Magazine Luiza em SC - Promoção da marca/empresa aumentando sua presença no mercado Ex: Campanha Guaraná Antartica - Criação/Expansão da participação no mercado Ex: Apple - Correção do mercado Ex: Havaianas - Educação do mercado (formação de hábito) Ex: Microondas / Internet / Celular - Consolidação/ Manutenção do mercado Ex: Omo / Coca-cola
  • 16. O ANUNCIANTE A publicidade/propaganda é gerada a partir de uma necessidade do anunciante. Ela é “colocada no ar” pelo veiculo. Quando o processo é simples, o próprio anunciante pode realizar isso. (Boa sorte!) Quando é complicado, entra em cena a agência de publicidade. A complexidade do processo depende de : - Do número e grau de dificuldade das mensagens - Do nível de interesse que os consumidores visados têm em relação ao anunciante e ao que ele oferece de vantagens - Da quantidade e dos tipos de pessoas que precisam ser atingidas
  • 17. O VEÍCULO O veículo é o canal por onde a publicidade/propaganda flui até o consumidor. Pode ser uma combinação de material editorial e propaganda (TV) ou apenas distribuir propaganda (Outdoor). Pode ser de massa (rádio) ou dirigido (HSM). Pode ser regional (RBS), nacional (Globo), internacional (CNN). Pode ser comprado (HBO) ou gratuito (Metro). O veículo divulga a mensagem por conta e responsabilidade do anunciante. É ele quem paga. O CONAR diz que é dos 3 (anunciante – agência – veículo).
  • 18. A AGÊNCIA Segundo Robert Leduc, uma Agência de Publicidade é: “uma organização comercial independente, composto por especialistas, técnicos e criadores, cujo objetivo é conceber, executar e controlar a publicidade e colocá-la nos veículos publicitários por conta de empresas que procuram encontrar clientes para seus bens e serviços”.
  • 19. A AGÊNCIA Houve muitas mudanças no últimos anos, com as “paredes” caindo. Mas basicamente uma agência tem os seguintes departamentos: Atendimento Planejamento Criação Mídia Produção Web
  • 20. O CAMINHO DA PUBLICIDADE/PROPAGANDA 1) Definição dos objetivos 2) Pesquisa (formal ou informal) 3) Planejamento 4) Criação / Mídia 5) Aprovação 6) Produção / Compra da mídia 7) Veiculação 8) Avaliação
  • 21. A AGÊNCIA RELAÇÃO AGÊNCIA X CLIENTE - Julio Ribeiro brinca e diz que não é porque a agência é “feminina” e o cliente é “masculino” que a relação precisa ser machista, com o cliente mandando e desmandando. - Como em qualquer casamento, é preciso um respeito mútuo e grandes doses de colaboração. - Existem diferentes maneiras de uma agência e um cliente se relacionarem: Fee / 4.680 (20% de mídia e 15% produção) / Depende
  • 22. COMO A PUBLICIDADE/PROPAGANDA FUNCIONA? - Ninguém sabe. Ela age sobre o ser humano. E nada é mais imprevisível do que o ser humano. Ex: Mustang / Marlboro - Ela faz parte do ambiente cultural e social da sua época. - Mistura e trabalha os instintos mais fortes do ser humano (medo, inveja, desejo, sexo, necessidades...) - Ela age informando, argumentando, comparando.
  • 23. COMO A PUBLICIDADE/PROPAGANDA FUNCIONA? - Pode ser lógica e racional ou subjetiva e emocional. - Ela age no individuo, na família, nos grupos sociais, na comunidade, na sociedade como um todo. - Mas não age sozinha. E pra “funcionar” deve seguir alguns princípios: 1) Criatividade 2) Emoção e Interesse 3) Pertinência 4) Compreensão
  • 24. COMO A PUBLICIDADE/PROPAGANDA FUNCIONA? - No começo, com os mercados sendo criados, ela só precisava informar. - Depois, com a concorrência, ela passou a informar e a convencer que a marca X é melhor. - Na Era da Informação, o consumidor é bombardeado por milhares de estímulos. A Publicidade/Propaganda precisa também entreter. - A Publicidade/Propaganda deve cumprir 3 objetivos: 1) Chamar atenção 2) Convencer 3) Levar à ação
  • 25. ABORDAGENS MAIS FREQUENTES - Ela deve ser rápida. - A eficiência das mensagens está na capacidade de interessar e fazer a mensagem em si ser corretamente compreendida pelo público. - A eficácia tem a ver com a capacidade da mensagem em motivar o público a mudar a atitude, convencer-se com os argumentos e agir. - As Abordagens de Forma são relacionadas com a maneira da mensagem ser apresentada e desenvolvida. - As Abordagens de Retórica podem ser racionais e/ou emocionais.
  • 26. ABORDAGENS MAIS FREQUENTES - Formais - Antropomorfia (Zoomorfia/Antropozoomorfia): a transformação de coisas ou conceitos em personagens. - Apresentador - Clip - Drama - Desenho animado - Epopéia - Estética - Explicação/Demonstração - Fantasia - Humor - Imagem & Texto
  • 27. ABORDAGENS MAIS FREQUENTES - Formais - Lançamento - Musical - Notícia - Oferta/Promoção - Passado/Futuro - Sensualidade - Slice of life - All type - Testemunhal - Texto & Imagem
  • 28. ABORDAGENS MAIS FREQUENTES - Retóricas - Aproveitamento de oportunidade - Auto-Indulgência (Você merece) - Comparação/Associação de ideias - Contraposição/Inimigo definido - Decisão inteligente - Exagero/Dramatização - Exclusividade/Único/Individual - Interesse - Medo - Moda/Contágio - Novidade/Lançamento - Obsolescência do concorrente ou categoria
  • 29. ABORDAGENS MAIS FREQUENTES - Retóricas - Popular/Universal/De Massa - Repetição de Claim/Memorização - Responsabilidade Familiar, Social, Pessoal - Solução de Problema - Status/Requinte/De Elite/De Luxo
  • 30. Campanhas Acesse www.ccsp.com.br e confira vários exemplos.