Projeto de implantação de PMO em
LISARB
Karen Pizani
Ellen Nogueira
Fernando Bertin
Tiago Tanaka
São Paulo GEEP-T38
• Empresa
 Há 20 anos no mercado, a Vai Cavalo Consultores é uma empresa de Consultoria voltada para o
desenvolvimento de...
Benefícios da implantação de um
PMO em LISARB
• Melhor alinhamento dos projetos com os objetivos estratégicos do
governo.
...
Nível 2 (conhecido) – 69 pontos
 Aspectos críticos identificados:
 Menos de 10% dos projetos aplicam as BP de gerenciame...
Projeto PMO em LISARB
PMO Hierarquia 3 (PMO estratégico)
 Após avaliação do nível de maturidade (nível 2) e tendo em vista a
vasta gama de obje...
Função do PMO
Métodos e Procedimentos
 A função do PMO em Lisarb será de estabelecer métodos e
procedimentos, com foco em...
Modelo de Implantação
Torre de controle
 O principal de modelo sugerido para o PMO em Lisarb é a torre de
controle, que d...
Métricas genéricas
 Para acompanhamento geral das atividades do PMO estratégico:
 Quantidade de requisições feitas ao PM...
Métricas específicas
 Para acompanhamento das atividades do PMO estratégico:
 Índice de entregas em atraso dos projetos ...
Etapas de
implementação
Avaliar a
viabilidade da
implantação do
PMO em Lisarb
Identificar o
sponsor, pessoas
e funções
Obt...
Objetivos estratégicos
de Lisarb
1
Aliança por
um LISARB
mais justo
2
Política
cidadã
baseada em
princípios e
valores
3
Ed...
Identificação de
Projetos
Objetivos Estratégicos Projetos
1. Aliança por um
Lisarb mais justo
P1 Agiliza Lisarb
P2 Juslisa...
Categorização de
Projetos
1. Segurança e
Justiça
P1 Agiliza Lisarb
P2 Juslisarb
P3 Lei e Ordem Lisarb
P24 Endireita Lisarb...
Categorização de
Projetos - Justificativa
Categorias Descrição
1. Segurança e Justiça Relacionados à segurança da populaçã...
Critérios de Avaliação
dos Projetos
Critérios Peso Justificativa
Tempo de
Implementação
15% O presidente de Lisarb e sua b...
Critérios para
atribuição de notas
Critérios Peso Nota 0 Nota 5 Nota 10
Tempo de Implementação 15% > 4 anos 4 ≥ tempo ≥ 2 ...
Critérios para
eliminação de projetos
Critérios Detalhamento / Justificativa
Tempo de Implementação Tempo maior que 4 anos...
Seleção de Projetos
Projetos
Tempo de
Implementação
Custo de
Implementação
Popularidad
e
Desenvolviment
o Social
Desenvolv...
Seleção de Projetos
Projetos
Tempo de
Implementaçã
o
Custo de
Implementaçã
o
Popularidade
Desenvolviment
o Social
Desenvol...
Seleção de Projetos
Projetos
Tempo de
Implementação
Custo de
Implementaçã
o
Popularidade
Desenvolviment
o Social
Desenvolv...
Priorização de Projetos
PRIORIDADE Projetos
1º P2 Juslisarb
2º P14 Lisarb Social
3º P22 Lisarb no Mundo
4º P6 Valorisarb
6...
Balanceamento do Portfólio
Categoria 1 Categoria 2 Categoria 3 Categoria 4
Objetivo 1
Objetivo 2
Objetivo 9
Objetivo 8
Obj...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

PMO Lisarb

411 visualizações

Publicada em

Titulo: PMO Lisarb
Alunos:Ellen Nogueira,Fernando Costa Hashimoto Bertin,Karen Pizani,Tiago Tanaka,
Cidade: Paulista
Disciplina: PMO
Turma: GEEP38
Data:19-02-2015
Hora:19:19
Comentarios:
Publico até ápos a correção

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
411
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
34
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

PMO Lisarb

  1. 1. Projeto de implantação de PMO em LISARB Karen Pizani Ellen Nogueira Fernando Bertin Tiago Tanaka São Paulo GEEP-T38
  2. 2. • Empresa  Há 20 anos no mercado, a Vai Cavalo Consultores é uma empresa de Consultoria voltada para o desenvolvimento de soluções para mapeamento e execução de estratégia de organizações públicas e privadas.  Possui equipe de consultores com certificação PMP™ e vasta experiência em Gestão Estratégica e Econômica de portfólios e programas de projetos, tendo atuado junto a organizações públicas e privadas dos mais variados tamanhos e segmentos, com destaque para a indústria de transformação, manufatureira, petroquímica, geração e distribuição de energia, prestação de serviços, educação e saúde. • Missão  Transformar as estratégias de nossos clientes em resultados, agregando valor a seus negócios de forma inovadora, prática e sustentável. • Visão  Ser uma empresa reconhecida nacional e internacionalmente no segmento de gerenciamento de portfólios e programas de projetos.
  3. 3. Benefícios da implantação de um PMO em LISARB • Melhor alinhamento dos projetos com os objetivos estratégicos do governo. • Aumento do nível de satisfação com os resultados dos projetos, reduzindo as ameaças de reprovações de entregas e a necessidade de retrabalhos, bem como maximizando as oportunidades identificadas para cada projeto. • Reduzir a vulnerabilidade frente a riscos decorrentes da ausência de metodologias, ferramentas e profissionais adequadamente treinados em gerenciamento de projetos, não incorrendo nos erros cometidos por administrações anteriores. • Definição de critérios e categorias de projetos que permitem um gerenciamento mais efetivo de suas prioridades. • Maior racionalidade na alocação de recursos estratégicos e suporte à tomada de decisões.
  4. 4. Nível 2 (conhecido) – 69 pontos  Aspectos críticos identificados:  Menos de 10% dos projetos aplicam as BP de gerenciamento da tríplice restrição de projetos, planos de gerenciamento, EAP, seguem metodologia formal/ unificada de GP ou plano de qualidade específico. Não há uma metodologia unificada de GP.  Menos de 50% dos projetos são formalmente aprovados por Termo de Abertura e apresentam gerenciamento integrado e formal de mudanças.  Escassez de gerentes com treinamento adequado nas BP de GP.  Menos de 10% dos projetos contam com o suporte de um grupo experiente nas práticas de GP e com o apoio de uma base de conhecimento de práticas de gerenciamento de projetos. *BP= Boas Práticas GP = Gerenciamento de Projetos Análise do Nível de Maturidade de Lisarb
  5. 5. Projeto PMO em LISARB
  6. 6. PMO Hierarquia 3 (PMO estratégico)  Após avaliação do nível de maturidade (nível 2) e tendo em vista a vasta gama de objetivos estratégicos do governo de Lisarb, propõe-se a implantação de um PMO Estratégico, tratando as questões decisórias e o reporte de resultados de forma centralizada, junto ao principal patrocinador do projeto, o presidente de Lisarb e sua equipe.  O PMO em Lisarb irá atuar na categorização e priorização dos projetos, além de fornecer metodologias e padrões de Gerenciamento de Projetos, planos de treinamento, documentação de processos, relatórios de progresso e gerenciamento de recursos, de forma a viabilizar o atingimento dos objetivos estratégicos do governo. Nível Hierárquico
  7. 7. Função do PMO Métodos e Procedimentos  A função do PMO em Lisarb será de estabelecer métodos e procedimentos, com foco em:  Processos do ciclo de vida e da estrutura governamental;  Metodologia de GP  Comunicação e reporte  Gerenciamento das expectativas dos stakeholders  Controle integrado mudanças  Considerando o nível de maturidade atual de Lisarb, é importante desde já o estabelecimento de padrões para planejamento e controle, incorporação de melhores práticas e a implantação de uma metodologia única a ser seguida para a condução de projetos, propiciando a criação de uma cultura orientada ao gerenciamento de projetos.
  8. 8. Modelo de Implantação Torre de controle  O principal de modelo sugerido para o PMO em Lisarb é a torre de controle, que desempenhará quatro funções básicas: estabelecer padrões para gerência de projetos, dar suporte sobre como seguir tais padrões, reforçar os padrões definidos e promover melhoria contínua. Terá um papel fundamental na consolidação de resultados e reporte de desempenho dos projetos junto ao presidente de Lisarb.  Recomenda-se também a combinação com o modelo pool de recursos, que ficará responsável por contratar e treinar gerentes de projetos, e manter um banco dados de suas experiências e habilidades.  Estações meteorológicas farão o acompanhamento de projetos de uma dada categoria e/ou região do país, reportando os resultados consolidados destes projetos diretamente para a torre de controle.
  9. 9. Métricas genéricas  Para acompanhamento geral das atividades do PMO estratégico:  Quantidade de requisições feitas ao PMO (p/ mês)  Quantidade de projetos trabalhados pelo PMO (p/ mês)  Quantidade de projetos iniciados (p/ mês)  Média de fases do ciclo dos projetos com apoio do PMO (p/ mês)  Quantidade de acessos à base de conhecimento  Índice de satisfação do presidente de Lisarb com os resultados obtidos pelos projetos suportados pelo PMO Métricas de sucesso
  10. 10. Métricas específicas  Para acompanhamento das atividades do PMO estratégico:  Índice de entregas em atraso dos projetos suportados pelo PMO  Quantidade de alterações nos escopos dos projetos  Índice de cumprimento de prazo  Índice de cumprimento do orçamento  Índice de satisfação geral dos stakeholders de cada projeto suportado pelo PMO (incluindo a população de Lisarb)  Índice de conformidade no gerenciamento da qualidade Métricas de sucesso
  11. 11. Etapas de implementação Avaliar a viabilidade da implantação do PMO em Lisarb Identificar o sponsor, pessoas e funções Obter fundos e pessoas Início das atividades do PMO (melhoria contínua) Preparar Plano de Comunicação e Orçamento Avaliar a maturidade de Lisarb em GP Desenvolver o modelo de PMO para Lisarb Validar o modelo de PMO Conduzir um piloto
  12. 12. Objetivos estratégicos de Lisarb 1 Aliança por um LISARB mais justo 2 Política cidadã baseada em princípios e valores 3 Educação para a sociedade do conhecimento 4 Economia para uma sociedade sustentável 5 Proteção social 6 Qualidade de vida e segurança para todos 7 Cultura e fortalecimento da diversidade 8 Política externa para o século 21 9 Combate à corrupção
  13. 13. Identificação de Projetos Objetivos Estratégicos Projetos 1. Aliança por um Lisarb mais justo P1 Agiliza Lisarb P2 Juslisarb P3 Lei e Ordem Lisarb 2. Política cidadã baseada em princípios e valores P4 Todos juntos P5 Unidos somos fortes P6 Valorisarb 3. Educação para a sociedade do conhecimento P7 Lisarb Escola do Futuro P8 Profissionaliza P9 Educalisarb 4. Economia para uma sociedade sustentável P10 Lisarb Sustentável P11 Reciclaqui P12 Lixolimpo Objetivos Estratégicos Projetos 5. Proteção social P13 Lisarb Sem Drogas P14 Lisarb Social P15 Culturalisarb 6. Qualidade de vida e segurança para todos os Lisarbeanos P16 Lisarb para Todos P17 Integra Lisarb P18 Lisarb Mais Saúde 7. Cultura e fortalecimento da diversidade P19 Lisarb Mais Cultura P20 Participa Lisarb 8. Política externa para o século 21 P21 Lisarb Sem Fronteiras P22 Lisarb no Mundo P23 Lisarb Negócio 9. Combate a corrupção P24 Endireita Lisarb P25 Tolerância Zero
  14. 14. Categorização de Projetos 1. Segurança e Justiça P1 Agiliza Lisarb P2 Juslisarb P3 Lei e Ordem Lisarb P24 Endireita Lisarb P25 Tolerância Zero 2. Política e Cidadania P4 Todos juntos P5 Unidos somos fortes P6 Valorisarb P21 Lisarb Sem Fronteiras P22 Lisarb no Mundo P23 Lisarb Negócio 3. Educação e Cultura P7 Lisarb Escola do Futuro P8 Profissionaliza P9 Educalisarb P13 Lisarb Sem Drogas P14 Lisarb Social P15 Culturalisarb 4. Desenvolvimento Sustentável P10 Lisarb Sustentável P11 Reciclaqui P12 Lixolimpo P16 Lisarb para Todos P17 Integra Lisarb P18 Lisarb Mais Saúde
  15. 15. Categorização de Projetos - Justificativa Categorias Descrição 1. Segurança e Justiça Relacionados à segurança da população de Lisarb e a melhorias do Sistema Judiciário. Importante categoria para o governo, em virtude da piora nos indicadores como segurança pública e percepção de impunidade. 2. Política e Cidadania Referentes à valorização do cidadão lisarbiano e sentimento nacionalista. Visibilidade do país no cenário internacional. 3. Educação e Cultura Relacionados à melhora nos índices educacionais da população e de inclusão social, tema prioritário na agenda do governo. 4. Desenvolvimento Sustentável Referente ao crescimento econômico sustentável em equilíbrio com o meio ambiente.
  16. 16. Critérios de Avaliação dos Projetos Critérios Peso Justificativa Tempo de Implementação 15% O presidente de Lisarb e sua base aliada têm grande interesse em concluir ou começar a obter resultados positivos com os projetos implementados ainda na vigência de seus mandatos, pois pretendem tirar proveito da aprovação popular para uma possível reeleição. Quanto menor o prazo de implementação do projetos, mais rapidamente as melhorias planejadas poderão ser percebidas / reconhecidas pela população, aumentando a popularidade e aceitação do governo atual. Custo de Implementação 20% O custo de implementação dos projetos deve ser compatível com a disponibilidade orçamentária de Lisarb e com a magnitude dos benefícios que se espera atingir. Projetos cujos custos de implementação sejam extremamente elevados e que tragam poucos benefícios serão considerados inviáveis. Popularidade 30% O sucesso dos projetos será medido não só pelos benefícios sociais, políticos, econômicos e culturais que se pretende obter, mas também pelo nível de aprovação e satisfação popular, fator determinante para uma desejada reeleição do presidente de Lisarb e de sua base aliada. Este critério visa estimar o nível de aprovação popular com relação aos impactos e resultados planejados para cada projeto. Desenvolvimento Social 20% Diferentemente da perspectiva de crescimento econômico, que avalia o bem-estar da sociedade por seus recursos e capacidade de gerar renda (PIB), este critério visa a avaliação do nível de desenvolvimento humano do ponto de vista de capacitação e oportunidades para as pessoas. Para esta avaliação, está sendo adotado o IDH - Índice de Desenvolvimento Humano -, que é uma medida geral e sintética do progresso a longo prazo em três dimensões do desenvolvimento humano: renda, educação e saúde. Quanto maior o crescimento do IDH que o projeto pode obter, maior seu nível de sucesso (desenvolvimento sustentável). Desenvolvimento Econômico 15% Para avaliar o quanto a implementação de cada projeto irá contribuir para o aumento da atividade econômica de Lisarb, será utilizado como medida o PIB real.
  17. 17. Critérios para atribuição de notas Critérios Peso Nota 0 Nota 5 Nota 10 Tempo de Implementação 15% > 4 anos 4 ≥ tempo ≥ 2 anos < 2 anos Custo de Implementação 20% > R$ 30bi R$ 30bi ≥ custo ≥ R$ 5bi < R$ 5bi Popularidade 30% < 30% 30% ≤ pop ≤ 70% > 70% Desenvolvimento Social 20% ΔIDH < +1% 1% ≤ ΔIDH ≤ 5% ΔIDH > +5% Desenvolvimento Econômico 15% ΔPIB < +1% 1% ≤ ΔPIB ≤ 3% ΔPIB > +3%
  18. 18. Critérios para eliminação de projetos Critérios Detalhamento / Justificativa Tempo de Implementação Tempo maior que 4 anos (nota 0) não é favorável por ultrapassar o mandato do governo atual. Os resultados do projeto não poderão ser percebidos pela população ainda no mandato atual, impedindo que os benefícios obtidos possam ser utilizados pelos governantes como vantagem política numa possível reeleição. Custo de Implementação Orçamento estimado para o projeto maior do que 30 bilhões de reais (nota 0) inviabiliza o projeto em virtude de restrição orçamentária. Popularidade Aprovação do projeto e de seus resultados por menos do que 30% da população (nota 0) irá prejudicar os planos do presidente e de demais membros de sua equipe de uma possível reeleição.
  19. 19. Seleção de Projetos Projetos Tempo de Implementação Custo de Implementação Popularidad e Desenvolviment o Social Desenvolvimento Econômico NOTA FINAL Justificativa P1 Agiliza Lisarb 5 5 10 5 5 6,5 -- P2 Juslisarb 5 10 5 10 10 7,75 -- P3 Lei e Ordem Lisarb 0 5 0 0 10 2,5 Elevado tempo de implementação P4 Todos juntos 0 5 5 0 0 2,5 Elevado tempo de implementação P5 Unidos somos fortes 5 5 10 10 0 6,75 -- P6 Valorisarb 10 10 5 10 0 7 -- P7 Lisarb Escola do Futuro 5 10 0 5 5 4,5 Baixa popularidade P8 Profissionaliza 5 0 5 5 5 4 Elevado custo de implementação
  20. 20. Seleção de Projetos Projetos Tempo de Implementaçã o Custo de Implementaçã o Popularidade Desenvolviment o Social Desenvolvime nto Econômico NOTA FINAL Justificativa P9 Educalisarb 5 5 10 5 5 6,5 -- P10 Lisarb Sustentável 5 10 0 10 10 6,25 Baixa popularidade P11 Reciclaqui 5 5 0 0 10 3,25 Baixa popularidade P12 Lixolimpo 5 5 5 10 10 6,75 -- P13 Lisarb Sem Drogas 0 5 10 10 0 6 Elevado tempo de implementação P14 Lisarb Social 5 10 10 5 5 7,5 -- P15 Culturalisarb 10 10 0 10 10 7 Baixa Popularidade P16 Lisarb para Todos 10 5 5 0 5 4,75 --
  21. 21. Seleção de Projetos Projetos Tempo de Implementação Custo de Implementaçã o Popularidade Desenvolviment o Social Desenvolviment o Econômico NOTA FINAL Justificativa P17 Integra Lisarb 5 5 5 5 0 4,25 -- P18 Lisarb Mais Saúde 0 5 0 10 10 4,5 Elevado tempo de implementação P19 Lisarb Mais Cultura 5 5 10 10 0 6,75 -- P20 Participa Lisarb 10 10 5 5 5 6,75 -- P21 Lisarb Sem Fronteiras 5 10 0 5 5 4,5 Baixa popularidade P22 Lisarb no Mundo 10 5 5 10 10 7,5 -- P23 Lisarb Negócio 10 5 0 10 0 4,5 Baixa popularidade P24 Endireita Lisarb 10 0 5 10 0 5 Elevado custo de implementação P25 Tolerância Zero 10 5 10 0 5 6,25 --
  22. 22. Priorização de Projetos PRIORIDADE Projetos 1º P2 Juslisarb 2º P14 Lisarb Social 3º P22 Lisarb no Mundo 4º P6 Valorisarb 6º P20 Participa Lisarb 7º P12 Lixolimpo 8º P19 Lisarb Mais Cultura 9º P5 Unidos somos fortes 10º P1 Agiliza Lisarb 11º P9 Educalisarb 12º P25 Tolerância Zero 16º P16 Lisarb para Todos 21º P17 Integra Lisarb
  23. 23. Balanceamento do Portfólio Categoria 1 Categoria 2 Categoria 3 Categoria 4 Objetivo 1 Objetivo 2 Objetivo 9 Objetivo 8 Objetivo 7 Objetivo 6 Objetivo 5 Objetivo 3 Objetivo 4 tempo < 2 anos 4 ≥ tempo ≥ 2 anos Duração (tempo de implementação): Orçamento (custo de implementação): $ 30bi ≥ custo ≥ $ 5bi custo < $ 5bi P1 P2 P25 P5 P6 P22 P9 P14 P19 P20 P12 P16 P17 Conclusão: Como há projetos em todas as categorias e objetivos estratégicos, o portfólio foi considerado balanceado.

×