SlideShare uma empresa Scribd logo
Psicologia Experimental
Me. Erick R. Huber
Exemplo
• Ciclistas pedalam mais rapidamente quando
pedalam sozinhos ou em grupo?
– Social: influência reconhecida –
– É possível supor que a resposta para a pergunta seja
“sim”
• Até aí, nenhuma surpresa
– Descreva o método que você utilizaria para conduzir
um experimento para responder à pergunta
Ciclistas pedalam mais rapidamente quando
pedalam sozinhos ou em grupo?
Ciência
• “aplicação do método científico a problemas
solucionáveis”
• Ponto fundamental do método científico
– Experimentação
• Problemas em Psicologia
– Complexos e Desafiantes
• Portanto, precisa-se de métodos mais eficientes para
resolve-los
McGuigan (1976)
Experimentação Psicológica
Aplicação do Método Científico
• Formulação do problema
– Colocado em forma de pergunta
– Exigência: o problema precisa ser solucionável
• Ou seja: responder a pergunta com instrumentos disponíveis
• Experimentador avalia uma possível solução para o problema
– Hipótese
• Solução potencial baseada em raciocínios
• Hipótese delimitada?
– Determinar se é [provavelmente] verdadeira ou [provavelmente]
falsa
• Ou seja: ela é solução para o problema?
McGuigan (1976)
Experimentação Psicológica
Aplicação do Método Científico
• Para responder à pergunta (hipótese)
– Coleta de dados
• Dados como critério (“Psicologia Experimental”)
• Coleta de dados pode ser feita de várias formas
– Experimentação: mais forte
McGuigan (1976)
Problemas Comportamentais
• Fazer exercícios melhora saúde?
• Molhar plantas evita que elas morram?
• Uso de protetor solar evita doenças?
• Dieta emagrece?
• Ler repetidas vezes ajuda na memorização?
• Creme hidrata a pele?
• Comer folhas verdes ajuda na cicatrização?
Experimentação Psicológica
Aplicação do Método Científico
• Coleta de dados
– Separação de grupos
• Grupo Experimental
– Tratamento experimental
• Grupo Controle
– Tratamento “normal”
• Experimentação
– Estabelecer relações empíricas entre aspectos do
ambiente e comportamento
– Se ambiente diferente, então comportamento diferente
McGuigan (1976)
Experimentação Psicológica
Aplicação do Método Científico
• Aspecto do ambiente estudado: Variável Independente
• Modificação no comportamento: Variável Dependente
• Buscamos relações entre VIs e VDs
McGuigan (1976)
Possíveis Variáveis
• Altura, peso das pessoas
• Velocidade
• Quantidade de treino
• Brilho da luz
• Quantidade de palavras ditas numa sessão de
terapia
McGuigan (1976)
Variáveis
• Contínua: assumir qualquer fração de valor
• Discreta: valores numéricos que variam em níveis bem
definidos
• Possíveis VIs
– Temperatura da água (Crepaldi)
– Idade
– Fatores hereditários
– Lesões cerebrais
– Drogas
– Altura do som
– Ambiente familiar
McGuigan (1976)
Controle Experimental
• Grupo Controle
– Valor X de uma VI
• Grupo Experimental
– Valor Y de uma VI
• Observar se alteração nas VIs ocasionam mudanças
nas VIs
McGuigan (1976)
Conceitos Importantes
• Variável Independente
• Variável Dependente
• Varíavel Contínua
• Variável Discreta
• Grupo Experimental
• Grupo Controle
McGuigan (1976)
Exercício
• Fazer exercícios melhora saúde?
• Molhar plantas evita que elas morram?
• Uso de protetor solar evita doenças?
• Dieta emagrece?
• Ler repetidas vezes ajuda na memorização?
• Creme hidrata a pele?
• Comer folhas verdes ajuda na cicatrização?
• Televisão dá sono?
• Remédio alivia a dor?
• Música ajuda a relaxar?
• Fumar causa cancer?
• Velocidade da corrida influencia no suor?
• Exercícios emagrecem?
• Café causa gastrite?
• Velocidade aumenta chance de acidentes?
• Nível de sono influencia na quantidade de
bocejos?
• Quanto melhor o cantor, maior os aplausos?
• Multas influenciam na velocidade?
• Vento influencia no frio?
• Latidos de cachorro aumentam medo?
• Calor faz pessoas mudarem as roupas?
• Distância do bebedouro influencia na
quantidade de vezes que bebemos
água?
• Feriados influenciam na presença de
alunos?
• Dia da aula influencia na presença dos
alunos?
Exercício – Estácio
• Homens mais altos tem mais sucesso em relacionamentos?
• Mulheres são piores que os homens no trânsito?
• Café causa insônia?
• Remédio caseiro alivia dor?
• Novelas influenciam comportamentos?
• Palavra “Grátis” causa curiosidade?
• Perfume causa dor de cabeça?
• Exercício físico ajuda na circulação?
• Amizades influenciam nas decisões?
• Ouvir música antes de dormir ajuda a relaxar?
• Conversar durante a aula, prejudica as notas?
• Andar de bicicleta diminui a barriga?
• Patrão autoritário gera estresse?
• Estar bem vestido influencia na auto-estima?
• Filme de terror gera medo?
• Não dormir implica em problemas cognitivos?
• Cumprimentar policiais em serviço pode aproximar sociedade e
polícia?
• Não faltar aulas leva à aprovação?
• Não ingerir leite causa osteoporose?
• Professor ‘linha dura’ influencia no silencio em sala?
• Participação em sala influencia sono?
• Valor da nota do trabalho influencia na qualidade?
• Calor influencia produção de suor?
• O humor é afetado pelo transporte público?
• Homens musculosos brigam mais que homens franzinos?
• Mulheres bonitas são mais chatas?
• Homens mais velhos gostam de mulheres mais
novas?
• Músicos tem mais envolvimento com maconha
do que estudantes universitários?
• Pacientes que passaram por amputação tem
maior probabilidade de desenvolver depressão
do que pacientes que não passaram?
• Pessoas divorciadas tendem a se casar
novamente?
• Comer doces engorda?
• Suco de frutas melhora a saúde?
• Ouvir música em volume alto afeta audição?
• TPM implica em mau-humor?
• Beber muita água melhora a pele?
• Ir à academia reduz o estresse?
• Cobrança diária aumenta desempenho?
• Comer antes das aulas ajuda no aprendizado?
• Pessoas que não comem carne vivem mais?
• Uso de sapato alto gera varizes?
• Brincos grandes/pesados geram dor de cabeça?
• Presença do gerente aumenta desempenho de
funcionários?
Exercício – Estácio (2)
Presença de amigos aumenta consumo
individual de alcool?
Café auxilia na memorização?
Redes sociais influenciam comportamentos
reais?
Dormir com cabelo molhado produz queda de
cabelo?
Tomar café pouco antes de deitar tira o sono?
Redes sociais geram dependência?
Gosto musical altera comportamentos?
Filhos fazem menos bagunça na presença dos
pais?
Caminhar ao ar livre gera mais calma que
caminhar em academia?
Amigos podem influenciar em comportamento
agressivo?
Estudos em grupo produzem maior
aprendizado?
Ar condicionado em sala: contribui ou
atrapalha aprendizado?
Período do dia influencia no rendimento em
atividades físicas?
Distância da sala até a lanchonete influencia no
comportamento de buscar comida?
• Crianças que dormem com os pais serão adultos
inseguros?
• Excesso de carinho “estraga” uma criança?
• Filhos adotivos são mais carinhosos que filhos
biológicos?
• Cafeína com coca-cola é mais efetivo que somente
cafeína para tirar o sono?
• No calor, as pessoas usam menos o chuveiro
elétrico?
• Salário maior produz maior motivação?
• Elogios podem influenciar escolha de roupas?
• Nível de ansiedade pode influenciar consumo de
chocolate?
• O tipo de sapato pode influenciar no humor do
homem?
• Uso de aliança influencia no número de cantadas
recebidas?
• Cor dos olhos influencia na qualidade da visão?
• A profissão pode influenciar na escolha de
parceiro?
• Moradores de rua estão mais propensos a
assassinatos?
• Cachorros de raça causam mais medo?
• Fotos sensuais em outdoors tiram atenção dos
motoristas?
• Pessoas magras são mais saudáveis?
• Método de ensino influencia na aprendizagem?
Exercício
• Objetivo: responder à pergunta – testar a hipótese
• Classificar e definir:
– VDs
• Definir operacionalmente
• Distinguir se contínua ou discreta
– VIs (e seus níveis)
• Descrever procedimento experimental utilizando
pelo menos 2 grupos
– Procedimento experimental deve levar à resposta da
hipótese
• “quando vc tem uma dúvida, ela te mostra a
estatística pra te mostrar o que
verdadeiramente é, aquilo que vc não tem
certeza”

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 1 introdução e conceitos
Aula 1 introdução e conceitosAula 1 introdução e conceitos
Aula 1 introdução e conceitos
Futuros Medicos
 
Psicopatologia I - Aula 1: Introdução aos Conceitos da Psicopatologia.
Psicopatologia I - Aula 1: Introdução aos Conceitos da Psicopatologia.Psicopatologia I - Aula 1: Introdução aos Conceitos da Psicopatologia.
Psicopatologia I - Aula 1: Introdução aos Conceitos da Psicopatologia.
Alexandre Simoes
 
A terapia cognitivo comportamental
A terapia cognitivo comportamentalA terapia cognitivo comportamental
A terapia cognitivo comportamental
Ana Larissa Perissini
 
Aula 3 - Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
Aula 3 -  Personalidade e Processos Psicológicos BásicosAula 3 -  Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
Aula 3 - Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
Felipe Saraiva Nunes de Pinho
 
Sintoma, Clínica e Contemporaneidade - Jornada do Parlêtre 2013
Sintoma, Clínica e Contemporaneidade - Jornada do Parlêtre 2013Sintoma, Clínica e Contemporaneidade - Jornada do Parlêtre 2013
Sintoma, Clínica e Contemporaneidade - Jornada do Parlêtre 2013
Alexandre Simoes
 
Psicologia Organizacional e do trabalho
Psicologia Organizacional e do trabalhoPsicologia Organizacional e do trabalho
Psicologia Organizacional e do trabalho
Fabianasantoss
 
Introdução à psicopatologia
Introdução à psicopatologiaIntrodução à psicopatologia
Introdução à psicopatologia
Caio Maximino
 
Avaliacão psicometria teoria da medida
Avaliacão psicometria teoria da medidaAvaliacão psicometria teoria da medida
Avaliacão psicometria teoria da medida
Márcia Nascimento
 
Psicologia hospitalar
Psicologia hospitalarPsicologia hospitalar
Psicologia hospitalar
GEDRBRASIL_ESTUDANDORARAS
 
Ansiedade estratégias de tratamento em TCC
Ansiedade estratégias de tratamento em TCCAnsiedade estratégias de tratamento em TCC
Ansiedade estratégias de tratamento em TCC
Marcelo da Rocha Carvalho
 
História da Psicopatologia / Significado e evolução dos conceitos de normalid...
História da Psicopatologia / Significado e evolução dos conceitos de normalid...História da Psicopatologia / Significado e evolução dos conceitos de normalid...
História da Psicopatologia / Significado e evolução dos conceitos de normalid...
Caio Maximino
 
Freud e a Psicanálise
Freud e a PsicanáliseFreud e a Psicanálise
Freud e a Psicanálise
Bruno Carrasco
 
Psicologia E EducaçãO
Psicologia E EducaçãOPsicologia E EducaçãO
Psicologia E EducaçãO
Silvia Marina Anaruma
 
Teorias e técnicas psicoterápicas
Teorias e técnicas psicoterápicasTeorias e técnicas psicoterápicas
Teorias e técnicas psicoterápicas
MarceloSantos887
 
Neuroses
NeurosesNeuroses
Neuroses
UNICEP
 
Aula 1 - Fundamentos de Psicologia
Aula 1 -  Fundamentos de Psicologia Aula 1 -  Fundamentos de Psicologia
Aula 1 - Fundamentos de Psicologia
Felipe Saraiva Nunes de Pinho
 
CURSO FUNDAMENTOS DA PSICANÁLISE- Aula 1: A histeria e o setting analítico
CURSO FUNDAMENTOS DA PSICANÁLISE- Aula 1: A histeria e o setting analíticoCURSO FUNDAMENTOS DA PSICANÁLISE- Aula 1: A histeria e o setting analítico
CURSO FUNDAMENTOS DA PSICANÁLISE- Aula 1: A histeria e o setting analítico
Alexandre Simoes
 
Grupoterapias
GrupoterapiasGrupoterapias
Grupoterapias
Rayanne Chagas
 
Os mecanismos de defesa
Os mecanismos de defesa Os mecanismos de defesa
Os mecanismos de defesa
MandyNeres7
 
Psicologia humanista
Psicologia humanistaPsicologia humanista
Psicologia humanista
Juliermeson Morais
 

Mais procurados (20)

Aula 1 introdução e conceitos
Aula 1 introdução e conceitosAula 1 introdução e conceitos
Aula 1 introdução e conceitos
 
Psicopatologia I - Aula 1: Introdução aos Conceitos da Psicopatologia.
Psicopatologia I - Aula 1: Introdução aos Conceitos da Psicopatologia.Psicopatologia I - Aula 1: Introdução aos Conceitos da Psicopatologia.
Psicopatologia I - Aula 1: Introdução aos Conceitos da Psicopatologia.
 
A terapia cognitivo comportamental
A terapia cognitivo comportamentalA terapia cognitivo comportamental
A terapia cognitivo comportamental
 
Aula 3 - Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
Aula 3 -  Personalidade e Processos Psicológicos BásicosAula 3 -  Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
Aula 3 - Personalidade e Processos Psicológicos Básicos
 
Sintoma, Clínica e Contemporaneidade - Jornada do Parlêtre 2013
Sintoma, Clínica e Contemporaneidade - Jornada do Parlêtre 2013Sintoma, Clínica e Contemporaneidade - Jornada do Parlêtre 2013
Sintoma, Clínica e Contemporaneidade - Jornada do Parlêtre 2013
 
Psicologia Organizacional e do trabalho
Psicologia Organizacional e do trabalhoPsicologia Organizacional e do trabalho
Psicologia Organizacional e do trabalho
 
Introdução à psicopatologia
Introdução à psicopatologiaIntrodução à psicopatologia
Introdução à psicopatologia
 
Avaliacão psicometria teoria da medida
Avaliacão psicometria teoria da medidaAvaliacão psicometria teoria da medida
Avaliacão psicometria teoria da medida
 
Psicologia hospitalar
Psicologia hospitalarPsicologia hospitalar
Psicologia hospitalar
 
Ansiedade estratégias de tratamento em TCC
Ansiedade estratégias de tratamento em TCCAnsiedade estratégias de tratamento em TCC
Ansiedade estratégias de tratamento em TCC
 
História da Psicopatologia / Significado e evolução dos conceitos de normalid...
História da Psicopatologia / Significado e evolução dos conceitos de normalid...História da Psicopatologia / Significado e evolução dos conceitos de normalid...
História da Psicopatologia / Significado e evolução dos conceitos de normalid...
 
Freud e a Psicanálise
Freud e a PsicanáliseFreud e a Psicanálise
Freud e a Psicanálise
 
Psicologia E EducaçãO
Psicologia E EducaçãOPsicologia E EducaçãO
Psicologia E EducaçãO
 
Teorias e técnicas psicoterápicas
Teorias e técnicas psicoterápicasTeorias e técnicas psicoterápicas
Teorias e técnicas psicoterápicas
 
Neuroses
NeurosesNeuroses
Neuroses
 
Aula 1 - Fundamentos de Psicologia
Aula 1 -  Fundamentos de Psicologia Aula 1 -  Fundamentos de Psicologia
Aula 1 - Fundamentos de Psicologia
 
CURSO FUNDAMENTOS DA PSICANÁLISE- Aula 1: A histeria e o setting analítico
CURSO FUNDAMENTOS DA PSICANÁLISE- Aula 1: A histeria e o setting analíticoCURSO FUNDAMENTOS DA PSICANÁLISE- Aula 1: A histeria e o setting analítico
CURSO FUNDAMENTOS DA PSICANÁLISE- Aula 1: A histeria e o setting analítico
 
Grupoterapias
GrupoterapiasGrupoterapias
Grupoterapias
 
Os mecanismos de defesa
Os mecanismos de defesa Os mecanismos de defesa
Os mecanismos de defesa
 
Psicologia humanista
Psicologia humanistaPsicologia humanista
Psicologia humanista
 

Destaque

Behaviorismo - História Filosofia
Behaviorismo - História FilosofiaBehaviorismo - História Filosofia
Behaviorismo - História Filosofia
Nilson Dias Castelano
 
Psicología forense
Psicología forensePsicología forense
Psicología forense
gisselgupa
 
Behaviorismo ss
Behaviorismo ssBehaviorismo ss
Behaviorismo ss
Mariana Lima de Oliveira
 
Método 2 - Psicologia
Método 2 - PsicologiaMétodo 2 - Psicologia
Método 2 - Psicologia
Jorge Barbosa
 
Introdução à Psicologia Experimental
Introdução à Psicologia ExperimentalIntrodução à Psicologia Experimental
Introdução à Psicologia Experimental
Caio Maximino
 
Variáveis e mensuração
Variáveis e mensuraçãoVariáveis e mensuração
Variáveis e mensuração
Caio Maximino
 
Modelos_analise_Hipoteses_Variaveis (MIP 5)
Modelos_analise_Hipoteses_Variaveis (MIP 5)Modelos_analise_Hipoteses_Variaveis (MIP 5)
Modelos_analise_Hipoteses_Variaveis (MIP 5)
guest1668ef
 
Behaviorismo Metodológico e B. Radical
Behaviorismo Metodológico e B. RadicalBehaviorismo Metodológico e B. Radical
Behaviorismo Metodológico e B. Radical
mairamatoscosta
 
Behaviorismo filosófico
Behaviorismo filosóficoBehaviorismo filosófico
Behaviorismo filosófico
Caio Maximino
 
Teoria Behaviorismo
Teoria BehaviorismoTeoria Behaviorismo
Teoria Behaviorismo
Adm Unime
 
Aula 3 behaviorismos
Aula 3   behaviorismosAula 3   behaviorismos
Aula 3 behaviorismos
Ludmila Moura
 
Psicologia Experimental
Psicologia ExperimentalPsicologia Experimental
Psicologia Experimental
Marcus Alves
 
psicologia forense
psicologia forensepsicologia forense
psicologia forense
Lorredana Pereira
 
Administração participativa
Administração participativaAdministração participativa
Administração participativa
Alexei Sousa Rabello
 
Materialismo eliminativista e naturalismo
Materialismo eliminativista e naturalismoMaterialismo eliminativista e naturalismo
Materialismo eliminativista e naturalismo
Caio Maximino
 
07 psicologia clínica trabalho
07 psicologia clínica trabalho07 psicologia clínica trabalho
07 psicologia clínica trabalho
Graça Martins
 
Psicologia Experimental (I Bimestre)
Psicologia Experimental (I Bimestre)Psicologia Experimental (I Bimestre)
Psicologia Experimental (I Bimestre)
Videoconferencias UTPL
 
Teorias da Aprendizagen
Teorias da AprendizagenTeorias da Aprendizagen
Teorias da Aprendizagen
UFC
 
Trabalho psicologia - Clínica e Forense
Trabalho  psicologia - Clínica e ForenseTrabalho  psicologia - Clínica e Forense
Trabalho psicologia - Clínica e Forense
mluisavalente
 
A psicologia clínica
A psicologia clínicaA psicologia clínica
A psicologia clínica
Luis De Sousa Rodrigues
 

Destaque (20)

Behaviorismo - História Filosofia
Behaviorismo - História FilosofiaBehaviorismo - História Filosofia
Behaviorismo - História Filosofia
 
Psicología forense
Psicología forensePsicología forense
Psicología forense
 
Behaviorismo ss
Behaviorismo ssBehaviorismo ss
Behaviorismo ss
 
Método 2 - Psicologia
Método 2 - PsicologiaMétodo 2 - Psicologia
Método 2 - Psicologia
 
Introdução à Psicologia Experimental
Introdução à Psicologia ExperimentalIntrodução à Psicologia Experimental
Introdução à Psicologia Experimental
 
Variáveis e mensuração
Variáveis e mensuraçãoVariáveis e mensuração
Variáveis e mensuração
 
Modelos_analise_Hipoteses_Variaveis (MIP 5)
Modelos_analise_Hipoteses_Variaveis (MIP 5)Modelos_analise_Hipoteses_Variaveis (MIP 5)
Modelos_analise_Hipoteses_Variaveis (MIP 5)
 
Behaviorismo Metodológico e B. Radical
Behaviorismo Metodológico e B. RadicalBehaviorismo Metodológico e B. Radical
Behaviorismo Metodológico e B. Radical
 
Behaviorismo filosófico
Behaviorismo filosóficoBehaviorismo filosófico
Behaviorismo filosófico
 
Teoria Behaviorismo
Teoria BehaviorismoTeoria Behaviorismo
Teoria Behaviorismo
 
Aula 3 behaviorismos
Aula 3   behaviorismosAula 3   behaviorismos
Aula 3 behaviorismos
 
Psicologia Experimental
Psicologia ExperimentalPsicologia Experimental
Psicologia Experimental
 
psicologia forense
psicologia forensepsicologia forense
psicologia forense
 
Administração participativa
Administração participativaAdministração participativa
Administração participativa
 
Materialismo eliminativista e naturalismo
Materialismo eliminativista e naturalismoMaterialismo eliminativista e naturalismo
Materialismo eliminativista e naturalismo
 
07 psicologia clínica trabalho
07 psicologia clínica trabalho07 psicologia clínica trabalho
07 psicologia clínica trabalho
 
Psicologia Experimental (I Bimestre)
Psicologia Experimental (I Bimestre)Psicologia Experimental (I Bimestre)
Psicologia Experimental (I Bimestre)
 
Teorias da Aprendizagen
Teorias da AprendizagenTeorias da Aprendizagen
Teorias da Aprendizagen
 
Trabalho psicologia - Clínica e Forense
Trabalho  psicologia - Clínica e ForenseTrabalho  psicologia - Clínica e Forense
Trabalho psicologia - Clínica e Forense
 
A psicologia clínica
A psicologia clínicaA psicologia clínica
A psicologia clínica
 

Semelhante a Psicologia experimental - v2

Psico. do desenvolvimento introdução- ciclo vital - bee
Psico. do desenvolvimento   introdução- ciclo vital - beePsico. do desenvolvimento   introdução- ciclo vital - bee
Psico. do desenvolvimento introdução- ciclo vital - bee
Silvia Marina Anaruma
 
Resiliência como tornar seus alunos fortes, felizes e resiliêntes
Resiliência  como tornar seus alunos fortes, felizes e resiliêntesResiliência  como tornar seus alunos fortes, felizes e resiliêntes
Resiliência como tornar seus alunos fortes, felizes e resiliêntes
Priscila Tenenbaum
 
Como aprender a amar o caos e parar de se preocupar
Como aprender a amar o caos e parar de se preocuparComo aprender a amar o caos e parar de se preocupar
Como aprender a amar o caos e parar de se preocupar
Fabio Zugman
 
Prevenção da Toxicodependência
Prevenção da ToxicodependênciaPrevenção da Toxicodependência
Prevenção da Toxicodependência
Isabel Rocha
 
Educando com saude
Educando com saudeEducando com saude
Educando com saude
Adriano Batista
 
Sibi Modelos Mentais
Sibi Modelos MentaisSibi Modelos Mentais
Sibi Modelos Mentais
Elisabeth Dudziak
 
Tomada de decisoes
Tomada de decisoesTomada de decisoes
Tomada de decisoes
Vilma Longuini
 
Apresentação practitioner
Apresentação practitionerApresentação practitioner
Apresentação practitioner
Instituto de Thalentos
 
Respeita a diferenca.pdf
Respeita a diferenca.pdfRespeita a diferenca.pdf
Respeita a diferenca.pdf
Ilda Bicacro
 
11 passos de autoconfianca
11 passos de autoconfianca11 passos de autoconfianca
11 passos de autoconfianca
fetchsawt
 
PROJETO IDEA_2022.pdf
PROJETO IDEA_2022.pdfPROJETO IDEA_2022.pdf
PROJETO IDEA_2022.pdf
MariaDulceRibeiroMig
 
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf
SIMONEANDRADE78
 
ComoCriarEModificarHabitos_ProdutividadeNinja.pdf
ComoCriarEModificarHabitos_ProdutividadeNinja.pdfComoCriarEModificarHabitos_ProdutividadeNinja.pdf
ComoCriarEModificarHabitos_ProdutividadeNinja.pdf
RogerCPrado1
 
Como pensamos
Como pensamosComo pensamos
Como pensamos
Felipe Wasserman
 
4 benefícios de acartar com consequências
4 benefícios de acartar com consequências4 benefícios de acartar com consequências
4 benefícios de acartar com consequências
Alex e Bea
 
Palestra: como evitar o estresse e a desmotivação no trabalho?
Palestra: como evitar o estresse e a desmotivação no trabalho?Palestra: como evitar o estresse e a desmotivação no trabalho?
Palestra: como evitar o estresse e a desmotivação no trabalho?
Rapport Assessoria
 
Paz 2
Paz 2Paz 2
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégias
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégiasPrograma de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégias
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégiaspsimais
 
O desafio mental de 10 dias sucesso news
O desafio mental de 10 dias  sucesso newsO desafio mental de 10 dias  sucesso news
O desafio mental de 10 dias sucesso news
Sucesso News
 
Tecnicas de Pesquisa em Psicologia 3
Tecnicas de Pesquisa em Psicologia 3Tecnicas de Pesquisa em Psicologia 3
Tecnicas de Pesquisa em Psicologia 3
Alex Rilie
 

Semelhante a Psicologia experimental - v2 (20)

Psico. do desenvolvimento introdução- ciclo vital - bee
Psico. do desenvolvimento   introdução- ciclo vital - beePsico. do desenvolvimento   introdução- ciclo vital - bee
Psico. do desenvolvimento introdução- ciclo vital - bee
 
Resiliência como tornar seus alunos fortes, felizes e resiliêntes
Resiliência  como tornar seus alunos fortes, felizes e resiliêntesResiliência  como tornar seus alunos fortes, felizes e resiliêntes
Resiliência como tornar seus alunos fortes, felizes e resiliêntes
 
Como aprender a amar o caos e parar de se preocupar
Como aprender a amar o caos e parar de se preocuparComo aprender a amar o caos e parar de se preocupar
Como aprender a amar o caos e parar de se preocupar
 
Prevenção da Toxicodependência
Prevenção da ToxicodependênciaPrevenção da Toxicodependência
Prevenção da Toxicodependência
 
Educando com saude
Educando com saudeEducando com saude
Educando com saude
 
Sibi Modelos Mentais
Sibi Modelos MentaisSibi Modelos Mentais
Sibi Modelos Mentais
 
Tomada de decisoes
Tomada de decisoesTomada de decisoes
Tomada de decisoes
 
Apresentação practitioner
Apresentação practitionerApresentação practitioner
Apresentação practitioner
 
Respeita a diferenca.pdf
Respeita a diferenca.pdfRespeita a diferenca.pdf
Respeita a diferenca.pdf
 
11 passos de autoconfianca
11 passos de autoconfianca11 passos de autoconfianca
11 passos de autoconfianca
 
PROJETO IDEA_2022.pdf
PROJETO IDEA_2022.pdfPROJETO IDEA_2022.pdf
PROJETO IDEA_2022.pdf
 
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf
 
ComoCriarEModificarHabitos_ProdutividadeNinja.pdf
ComoCriarEModificarHabitos_ProdutividadeNinja.pdfComoCriarEModificarHabitos_ProdutividadeNinja.pdf
ComoCriarEModificarHabitos_ProdutividadeNinja.pdf
 
Como pensamos
Como pensamosComo pensamos
Como pensamos
 
4 benefícios de acartar com consequências
4 benefícios de acartar com consequências4 benefícios de acartar com consequências
4 benefícios de acartar com consequências
 
Palestra: como evitar o estresse e a desmotivação no trabalho?
Palestra: como evitar o estresse e a desmotivação no trabalho?Palestra: como evitar o estresse e a desmotivação no trabalho?
Palestra: como evitar o estresse e a desmotivação no trabalho?
 
Paz 2
Paz 2Paz 2
Paz 2
 
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégias
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégiasPrograma de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégias
Programa de Manutenção de Ganhos - Algumas dicas e estratégias
 
O desafio mental de 10 dias sucesso news
O desafio mental de 10 dias  sucesso newsO desafio mental de 10 dias  sucesso news
O desafio mental de 10 dias sucesso news
 
Tecnicas de Pesquisa em Psicologia 3
Tecnicas de Pesquisa em Psicologia 3Tecnicas de Pesquisa em Psicologia 3
Tecnicas de Pesquisa em Psicologia 3
 

Mais de Nilson Dias Castelano

Principios da bioetica
Principios da bioeticaPrincipios da bioetica
Principios da bioetica
Nilson Dias Castelano
 
Pesquisa com seres humanos
Pesquisa com seres humanosPesquisa com seres humanos
Pesquisa com seres humanos
Nilson Dias Castelano
 
Bioética privacidade e segredo profissional
Bioética   privacidade e segredo profissionalBioética   privacidade e segredo profissional
Bioética privacidade e segredo profissional
Nilson Dias Castelano
 
Bioética pessoas especiais
Bioética   pessoas especiaisBioética   pessoas especiais
Bioética pessoas especiais
Nilson Dias Castelano
 
Bioetica direito a informação
Bioetica   direito a informaçãoBioetica   direito a informação
Bioetica direito a informação
Nilson Dias Castelano
 
Bioética aborto e eutanasia
Bioética    aborto e eutanasiaBioética    aborto e eutanasia
Bioética aborto e eutanasia
Nilson Dias Castelano
 
O estudo do comportamento - v1
O estudo do comportamento - v1O estudo do comportamento - v1
O estudo do comportamento - v1
Nilson Dias Castelano
 
Equivalência de estímulos
Equivalência de estímulosEquivalência de estímulos
Equivalência de estímulos
Nilson Dias Castelano
 
Discriminacao simples-e_generalizacao
Discriminacao simples-e_generalizacaoDiscriminacao simples-e_generalizacao
Discriminacao simples-e_generalizacao
Nilson Dias Castelano
 
Regrasx contingências
Regrasx contingênciasRegrasx contingências
Regrasx contingências
Nilson Dias Castelano
 
Controle de estímulos - v1
Controle de estímulos - v1Controle de estímulos - v1
Controle de estímulos - v1
Nilson Dias Castelano
 
Comportamento social-v1
Comportamento social-v1Comportamento social-v1
Comportamento social-v1
Nilson Dias Castelano
 
Análise funcional, contingência e contiguidade
Análise funcional, contingência e contiguidadeAnálise funcional, contingência e contiguidade
Análise funcional, contingência e contiguidade
Nilson Dias Castelano
 
Modelagem
ModelagemModelagem
Interação operante-respondente
Interação operante-respondenteInteração operante-respondente
Interação operante-respondente
Nilson Dias Castelano
 
Aprendizagem operante
Aprendizagem operanteAprendizagem operante
Aprendizagem operante
Nilson Dias Castelano
 
Condicionamento respondente
Condicionamento respondenteCondicionamento respondente
Condicionamento respondente
Nilson Dias Castelano
 
O comportamento humano e a aprendizagem - v1
O comportamento humano e a aprendizagem - v1O comportamento humano e a aprendizagem - v1
O comportamento humano e a aprendizagem - v1
Nilson Dias Castelano
 
Definição de aprendizagem
Definição de aprendizagemDefinição de aprendizagem
Definição de aprendizagem
Nilson Dias Castelano
 
Definições e conceitos básicos em análise do comportamento
Definições e conceitos básicos em análise do comportamentoDefinições e conceitos básicos em análise do comportamento
Definições e conceitos básicos em análise do comportamento
Nilson Dias Castelano
 

Mais de Nilson Dias Castelano (20)

Principios da bioetica
Principios da bioeticaPrincipios da bioetica
Principios da bioetica
 
Pesquisa com seres humanos
Pesquisa com seres humanosPesquisa com seres humanos
Pesquisa com seres humanos
 
Bioética privacidade e segredo profissional
Bioética   privacidade e segredo profissionalBioética   privacidade e segredo profissional
Bioética privacidade e segredo profissional
 
Bioética pessoas especiais
Bioética   pessoas especiaisBioética   pessoas especiais
Bioética pessoas especiais
 
Bioetica direito a informação
Bioetica   direito a informaçãoBioetica   direito a informação
Bioetica direito a informação
 
Bioética aborto e eutanasia
Bioética    aborto e eutanasiaBioética    aborto e eutanasia
Bioética aborto e eutanasia
 
O estudo do comportamento - v1
O estudo do comportamento - v1O estudo do comportamento - v1
O estudo do comportamento - v1
 
Equivalência de estímulos
Equivalência de estímulosEquivalência de estímulos
Equivalência de estímulos
 
Discriminacao simples-e_generalizacao
Discriminacao simples-e_generalizacaoDiscriminacao simples-e_generalizacao
Discriminacao simples-e_generalizacao
 
Regrasx contingências
Regrasx contingênciasRegrasx contingências
Regrasx contingências
 
Controle de estímulos - v1
Controle de estímulos - v1Controle de estímulos - v1
Controle de estímulos - v1
 
Comportamento social-v1
Comportamento social-v1Comportamento social-v1
Comportamento social-v1
 
Análise funcional, contingência e contiguidade
Análise funcional, contingência e contiguidadeAnálise funcional, contingência e contiguidade
Análise funcional, contingência e contiguidade
 
Modelagem
ModelagemModelagem
Modelagem
 
Interação operante-respondente
Interação operante-respondenteInteração operante-respondente
Interação operante-respondente
 
Aprendizagem operante
Aprendizagem operanteAprendizagem operante
Aprendizagem operante
 
Condicionamento respondente
Condicionamento respondenteCondicionamento respondente
Condicionamento respondente
 
O comportamento humano e a aprendizagem - v1
O comportamento humano e a aprendizagem - v1O comportamento humano e a aprendizagem - v1
O comportamento humano e a aprendizagem - v1
 
Definição de aprendizagem
Definição de aprendizagemDefinição de aprendizagem
Definição de aprendizagem
 
Definições e conceitos básicos em análise do comportamento
Definições e conceitos básicos em análise do comportamentoDefinições e conceitos básicos em análise do comportamento
Definições e conceitos básicos em análise do comportamento
 

Último

Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AntonioVieira539017
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 

Último (20)

Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 

Psicologia experimental - v2

  • 2. Exemplo • Ciclistas pedalam mais rapidamente quando pedalam sozinhos ou em grupo? – Social: influência reconhecida – – É possível supor que a resposta para a pergunta seja “sim” • Até aí, nenhuma surpresa – Descreva o método que você utilizaria para conduzir um experimento para responder à pergunta Ciclistas pedalam mais rapidamente quando pedalam sozinhos ou em grupo?
  • 3. Ciência • “aplicação do método científico a problemas solucionáveis” • Ponto fundamental do método científico – Experimentação • Problemas em Psicologia – Complexos e Desafiantes • Portanto, precisa-se de métodos mais eficientes para resolve-los McGuigan (1976)
  • 4. Experimentação Psicológica Aplicação do Método Científico • Formulação do problema – Colocado em forma de pergunta – Exigência: o problema precisa ser solucionável • Ou seja: responder a pergunta com instrumentos disponíveis • Experimentador avalia uma possível solução para o problema – Hipótese • Solução potencial baseada em raciocínios • Hipótese delimitada? – Determinar se é [provavelmente] verdadeira ou [provavelmente] falsa • Ou seja: ela é solução para o problema? McGuigan (1976)
  • 5. Experimentação Psicológica Aplicação do Método Científico • Para responder à pergunta (hipótese) – Coleta de dados • Dados como critério (“Psicologia Experimental”) • Coleta de dados pode ser feita de várias formas – Experimentação: mais forte McGuigan (1976)
  • 6. Problemas Comportamentais • Fazer exercícios melhora saúde? • Molhar plantas evita que elas morram? • Uso de protetor solar evita doenças? • Dieta emagrece? • Ler repetidas vezes ajuda na memorização? • Creme hidrata a pele? • Comer folhas verdes ajuda na cicatrização?
  • 7. Experimentação Psicológica Aplicação do Método Científico • Coleta de dados – Separação de grupos • Grupo Experimental – Tratamento experimental • Grupo Controle – Tratamento “normal” • Experimentação – Estabelecer relações empíricas entre aspectos do ambiente e comportamento – Se ambiente diferente, então comportamento diferente McGuigan (1976)
  • 8. Experimentação Psicológica Aplicação do Método Científico • Aspecto do ambiente estudado: Variável Independente • Modificação no comportamento: Variável Dependente • Buscamos relações entre VIs e VDs McGuigan (1976)
  • 9. Possíveis Variáveis • Altura, peso das pessoas • Velocidade • Quantidade de treino • Brilho da luz • Quantidade de palavras ditas numa sessão de terapia McGuigan (1976)
  • 10. Variáveis • Contínua: assumir qualquer fração de valor • Discreta: valores numéricos que variam em níveis bem definidos • Possíveis VIs – Temperatura da água (Crepaldi) – Idade – Fatores hereditários – Lesões cerebrais – Drogas – Altura do som – Ambiente familiar McGuigan (1976)
  • 11. Controle Experimental • Grupo Controle – Valor X de uma VI • Grupo Experimental – Valor Y de uma VI • Observar se alteração nas VIs ocasionam mudanças nas VIs McGuigan (1976)
  • 12. Conceitos Importantes • Variável Independente • Variável Dependente • Varíavel Contínua • Variável Discreta • Grupo Experimental • Grupo Controle McGuigan (1976)
  • 13. Exercício • Fazer exercícios melhora saúde? • Molhar plantas evita que elas morram? • Uso de protetor solar evita doenças? • Dieta emagrece? • Ler repetidas vezes ajuda na memorização? • Creme hidrata a pele? • Comer folhas verdes ajuda na cicatrização? • Televisão dá sono? • Remédio alivia a dor? • Música ajuda a relaxar? • Fumar causa cancer? • Velocidade da corrida influencia no suor? • Exercícios emagrecem? • Café causa gastrite? • Velocidade aumenta chance de acidentes? • Nível de sono influencia na quantidade de bocejos? • Quanto melhor o cantor, maior os aplausos? • Multas influenciam na velocidade? • Vento influencia no frio? • Latidos de cachorro aumentam medo? • Calor faz pessoas mudarem as roupas? • Distância do bebedouro influencia na quantidade de vezes que bebemos água? • Feriados influenciam na presença de alunos? • Dia da aula influencia na presença dos alunos?
  • 14. Exercício – Estácio • Homens mais altos tem mais sucesso em relacionamentos? • Mulheres são piores que os homens no trânsito? • Café causa insônia? • Remédio caseiro alivia dor? • Novelas influenciam comportamentos? • Palavra “Grátis” causa curiosidade? • Perfume causa dor de cabeça? • Exercício físico ajuda na circulação? • Amizades influenciam nas decisões? • Ouvir música antes de dormir ajuda a relaxar? • Conversar durante a aula, prejudica as notas? • Andar de bicicleta diminui a barriga? • Patrão autoritário gera estresse? • Estar bem vestido influencia na auto-estima? • Filme de terror gera medo? • Não dormir implica em problemas cognitivos? • Cumprimentar policiais em serviço pode aproximar sociedade e polícia? • Não faltar aulas leva à aprovação? • Não ingerir leite causa osteoporose? • Professor ‘linha dura’ influencia no silencio em sala? • Participação em sala influencia sono? • Valor da nota do trabalho influencia na qualidade? • Calor influencia produção de suor? • O humor é afetado pelo transporte público? • Homens musculosos brigam mais que homens franzinos? • Mulheres bonitas são mais chatas? • Homens mais velhos gostam de mulheres mais novas? • Músicos tem mais envolvimento com maconha do que estudantes universitários? • Pacientes que passaram por amputação tem maior probabilidade de desenvolver depressão do que pacientes que não passaram? • Pessoas divorciadas tendem a se casar novamente? • Comer doces engorda? • Suco de frutas melhora a saúde? • Ouvir música em volume alto afeta audição? • TPM implica em mau-humor? • Beber muita água melhora a pele? • Ir à academia reduz o estresse? • Cobrança diária aumenta desempenho? • Comer antes das aulas ajuda no aprendizado? • Pessoas que não comem carne vivem mais? • Uso de sapato alto gera varizes? • Brincos grandes/pesados geram dor de cabeça? • Presença do gerente aumenta desempenho de funcionários?
  • 15. Exercício – Estácio (2) Presença de amigos aumenta consumo individual de alcool? Café auxilia na memorização? Redes sociais influenciam comportamentos reais? Dormir com cabelo molhado produz queda de cabelo? Tomar café pouco antes de deitar tira o sono? Redes sociais geram dependência? Gosto musical altera comportamentos? Filhos fazem menos bagunça na presença dos pais? Caminhar ao ar livre gera mais calma que caminhar em academia? Amigos podem influenciar em comportamento agressivo? Estudos em grupo produzem maior aprendizado? Ar condicionado em sala: contribui ou atrapalha aprendizado? Período do dia influencia no rendimento em atividades físicas? Distância da sala até a lanchonete influencia no comportamento de buscar comida? • Crianças que dormem com os pais serão adultos inseguros? • Excesso de carinho “estraga” uma criança? • Filhos adotivos são mais carinhosos que filhos biológicos? • Cafeína com coca-cola é mais efetivo que somente cafeína para tirar o sono? • No calor, as pessoas usam menos o chuveiro elétrico? • Salário maior produz maior motivação? • Elogios podem influenciar escolha de roupas? • Nível de ansiedade pode influenciar consumo de chocolate? • O tipo de sapato pode influenciar no humor do homem? • Uso de aliança influencia no número de cantadas recebidas? • Cor dos olhos influencia na qualidade da visão? • A profissão pode influenciar na escolha de parceiro? • Moradores de rua estão mais propensos a assassinatos? • Cachorros de raça causam mais medo? • Fotos sensuais em outdoors tiram atenção dos motoristas? • Pessoas magras são mais saudáveis? • Método de ensino influencia na aprendizagem?
  • 16. Exercício • Objetivo: responder à pergunta – testar a hipótese • Classificar e definir: – VDs • Definir operacionalmente • Distinguir se contínua ou discreta – VIs (e seus níveis) • Descrever procedimento experimental utilizando pelo menos 2 grupos – Procedimento experimental deve levar à resposta da hipótese
  • 17. • “quando vc tem uma dúvida, ela te mostra a estatística pra te mostrar o que verdadeiramente é, aquilo que vc não tem certeza”