A ARTEABSTRATADEPOISDA 2ªGUERRAMUNDIAL
A pulverização dos caminhos artísticosAnos 40-50Caminhos individualizados da arteAfirmação de novos centros artísticos nos...
A Arte InformalTendência de raízabstrata (“pintura semforma”)+Influência:Abstracionismo Lírico deKandinsky+Novas técnicasi...
A Arte InformalExpressões plásticasindividualizadas,desrespeitando qualquerformalidade anteriorArte Informal ouInformalism...
A Arte InformalCaracterísticas comuns:• Técnica e material como parte essencial da concepção• Subordinação de todos os out...
Tendências: A Arte InformalArte BrutaAction PaitingPintura MatéricaPinturaEspacialistas
- Suíça- Jean Dubuffet (1901-1985)- Pintura de grossos empastos- Mistura diversificada de materiais(cartão triturado, vidr...
- EUA- Jackson Pollock (1912-1956)-Expressionismo Abstrato- Valorização da ação e do acasoA Arte InformalACTION PAITINGPar...
- Valorização da matéria- Pintura corpórea, texturada- Mistura com materiais nãopictóricos- Catalunha - Antoní Tápies (192...
A Arte InformalPINTURA MATÉRICA Antoní Tápies, Pintura, 1955
- Valorização da matéria- Pintura corpórea, texturada- Mistura com materiais nãopictóricos- Itália - Alberto Burri (1915-1...
A Arte InformalPINTURA MATÉRICA Burri, Sacco Nero Rosso, 1955
- - Teoria apresentada no manifestode Morandi “Manifesto Branco”(1946)- - Incorporação na tela da terceiradimensão, real o...
- Teoria apresentada no manifesto deMorandi “Manifesto Branco” (1946)- Incorporação na tela da terceiradimensão, real ou i...
A arte InformalGrupo CoBra (1949)- Artistas de Copenhaga,Bruxelas e Amesterdão, cujasiniciais deram origem ao nome- - arte...
A arte InformalGrupo CoBra (1949)- Artistas de Copenhaga,Bruxelas e Amesterdão,cujas iniciais deram origemao nome- - arte ...
EXPRESSIONISMO ABSTRATOJackon Pollock, Convergence, 1952
EXPRESSIONISMO ABSTRATO- 1947 - 1951- Fusão do Surrealismo com o Abstracionismo- Linguagem figurativa- Antropocentristas e...
EXPRESSIONISMO ABSTRATOArshile Gorky(1904-1948):- Influência surrealista- Linhas emaranhadas elivres- Manchas de cor plana...
EXPRESSIONISMO ABSTRATOWillem de Kooning (1904-1997):- Execução gestualistas- Figurações esquemáticas- Posterior regresso ...
- EUA- Jackson Pollock (1912-1956)- Conceito surrealista deautomatismo psíquico: relaçãodireta entre o inconsciente, ogest...
- EUA- Jackson Pollock (1912-1956)Conceito surrealista deautomatismo psíquico:relação direta entre oinconsciente, o gesto ...
EXPRESSIONISMO ABSTRATOJackon Pollock, Convergence, 1952Os pingos, gotas e fios de tinta vertidos sobre a tela como result...
EXPRESSIONISMO ABSTRATOJosef Albers, Homenagem ao Quadrado, 1966
ABSTRAÇÃO GEOMÉTRICA• Anos 50, nos EUA• Nasceu do Informalismo mas distingue-se pela pureza e limpidez dascores, as quais ...
- A cor sobrepõe-se à forma- Pintura como manifestação meramente pictóricaABSTRAÇÃO GEOMÉTRICABarnett Newman, Tundra,1950
- A cor sobrepõe-se à forma- Pintura como manifestação meramente pictóricaABSTRAÇÃO GEOMÉTRICAAd Reinhardt, Azul, 1952
- A cor sobrepõe-se à forma- Pintura como manifestação meramente pictóricaABSTRAÇÃO GEOMÉTRICAMorris Louis, Magnasobre tel...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A arte abstrata depois da 2ª guerra

14.743 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
11 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
14.743
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9.412
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
11
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A arte abstrata depois da 2ª guerra

  1. 1. A ARTEABSTRATADEPOISDA 2ªGUERRAMUNDIAL
  2. 2. A pulverização dos caminhos artísticosAnos 40-50Caminhos individualizados da arteAfirmação de novos centros artísticos nosEUAPrincipais correntes:- A Arte Informal- O Expressoinismo Abstrato- A Abstração GeométricaJean Dubuffet, MissAraigné, 1950
  3. 3. A Arte InformalTendência de raízabstrata (“pintura semforma”)+Influência:Abstracionismo Lírico deKandinsky+Novas técnicasintroduzidas peloCubismo, Dadaísmo eSurrealismoHans Hartung, 14, 1953
  4. 4. A Arte InformalExpressões plásticasindividualizadas,desrespeitando qualquerformalidade anteriorArte Informal ouInformalismo(s)Alteração dos processos deconcepção e criação:arte como artesanatoAntoní Tápies, Pintura, 1955
  5. 5. A Arte InformalCaracterísticas comuns:• Técnica e material como parte essencial da concepção• Subordinação de todos os outros elementos estilísticos: tema, cor ecomposição• Ato criativo centrado no processo de feitura, exaltando aimprovisação (grande liberdade individual do artista)• Recusa do caráter simbólico da arte e da sua racionalização
  6. 6. Tendências: A Arte InformalArte BrutaAction PaitingPintura MatéricaPinturaEspacialistas
  7. 7. - Suíça- Jean Dubuffet (1901-1985)- Pintura de grossos empastos- Mistura diversificada de materiais(cartão triturado, vidros moídos,limalhas metálicas, areia,pigmentos, …)Arte “em bruto”, primitiva, infantil,sem quaisquer referênciasA Arte InformalARTE BRUTAJean Dubuffet, Miss Araigné,1950
  8. 8. - EUA- Jackson Pollock (1912-1956)-Expressionismo Abstrato- Valorização da ação e do acasoA Arte InformalACTION PAITINGPara pintar seus quadros, Pollockcolocava as telas no chão e não emcavaletes como de costume ospintores fazem, e respingava tintassobre a tela (dripping, gotejamento) Hans Hartung, 14, 1953
  9. 9. - Valorização da matéria- Pintura corpórea, texturada- Mistura com materiais nãopictóricos- Catalunha - Antoní Tápies (1923-2012):- mistura de Informalismo,Surrealismo e Expressionismo- Suportes de madeira cobertoscom pasta (pó de mármore,pigmentos e aglutinantes)sobre a qual executavagrattages, sulcos e escorridosA Arte InformalPINTURA MATÉRICAAntoní Tápies, Pintura, 1955
  10. 10. A Arte InformalPINTURA MATÉRICA Antoní Tápies, Pintura, 1955
  11. 11. - Valorização da matéria- Pintura corpórea, texturada- Mistura com materiais nãopictóricos- Itália - Alberto Burri (1915-1995): telas de sarapilheira“recosidas”, plástico, ferros echapas metálicas emcomposições expressivasA Arte InformalPINTURA MATÉRICABurri, Sacco Nero Rosso, 1955
  12. 12. A Arte InformalPINTURA MATÉRICA Burri, Sacco Nero Rosso, 1955
  13. 13. - - Teoria apresentada no manifestode Morandi “Manifesto Branco”(1946)- - Incorporação na tela da terceiradimensão, real ou ilusória- - Grande austeridade cromática- - Abriu caminho às artes conceptuale minimal, nos anos 60- - Artistas: Burri, Lucio Fontana eYves KleinA Arte InformalPINTURA ESPACIALISTALucio Fontana, Conceito Espacial,1968
  14. 14. - Teoria apresentada no manifesto deMorandi “Manifesto Branco” (1946)- Incorporação na tela da terceiradimensão, real ou ilusória- Grande austeridade cromática- Abriu caminho às artes conceptuale minimal, nos anos 60- Artistas: Burri, Lucio Fontana eYves KleinA Arte InformalPINTURA ESPACIALISTAYves Klein, Relevo – Esponja Azul, 1960
  15. 15. A arte InformalGrupo CoBra (1949)- Artistas de Copenhaga,Bruxelas e Amesterdão, cujasiniciais deram origem ao nome- - arte de intensa liberdadecriativa- - defesa da experimentação e daespontaneidade- aproximação às expressõesmais simples das tradiçõespopulares e da etnologia(próximo da Arte Bruta)- expressão livre do inconsciente- cores estridentesKarel Appel (1921-2006), Nu, 1963
  16. 16. A arte InformalGrupo CoBra (1949)- Artistas de Copenhaga,Bruxelas e Amesterdão,cujas iniciais deram origemao nome- - arte de intensa liberdadecriativa- - defesa da experimentação eda espontaneidade- aproximação às expressõesmais simples das tradiçõespopulares e da etnologia(próximo da Arte Bruta)- expressão livre doinconsciente- cores estridentesAsger Jorn(1914-1973), Carta ao meuFilho, 1956-7
  17. 17. EXPRESSIONISMO ABSTRATOJackon Pollock, Convergence, 1952
  18. 18. EXPRESSIONISMO ABSTRATO- 1947 - 1951- Fusão do Surrealismo com o Abstracionismo- Linguagem figurativa- Antropocentristas e individualistas: transmissão de emoções eestados de espírito
  19. 19. EXPRESSIONISMO ABSTRATOArshile Gorky(1904-1948):- Influência surrealista- Linhas emaranhadas elivres- Manchas de cor planas- Formas ondulantes- Valorização doprocessoacaso comoprotagonista da criaçãoArshile Gorky, O Vermelho é a Crista do Galo,1944
  20. 20. EXPRESSIONISMO ABSTRATOWillem de Kooning (1904-1997):- Execução gestualistas- Figurações esquemáticas- Posterior regresso à figuração(grosseira e grotesca)Willem de Kooning, Mulher I, 1950
  21. 21. - EUA- Jackson Pollock (1912-1956)- Conceito surrealista deautomatismo psíquico: relaçãodireta entre o inconsciente, ogesto criativo e o materialpictórico como veículo do“conteúdo interior”- Valorização da ação e do acaso- Libertação da linguagemfigurativaACTION PAITINGPara pintar seus quadros, Pollockcolocava as telas no chão e não emcavaletes como de costume ospintores fazem, e respingava tintassobre a tela (dripping, gotejamento)EXPRESSIONISMO ABSTRATO
  22. 22. - EUA- Jackson Pollock (1912-1956)Conceito surrealista deautomatismo psíquico:relação direta entre oinconsciente, o gesto criativoe o material pictórico comoveículo do “conteúdo interior”- Valorização da ação e doacaso- Libertação da linguagemfigurativaJackson Pollock, "The She Wolf" (1943).EXPRESSIONISMO ABSTRATOLink: http://www.youtube.com/watch?v=XFFe35P1c8s
  23. 23. EXPRESSIONISMO ABSTRATOJackon Pollock, Convergence, 1952Os pingos, gotas e fios de tinta vertidos sobre a tela como resultado deum gesto artístico cujo acaso é controlado pelo artista
  24. 24. EXPRESSIONISMO ABSTRATOJosef Albers, Homenagem ao Quadrado, 1966
  25. 25. ABSTRAÇÃO GEOMÉTRICA• Anos 50, nos EUA• Nasceu do Informalismo mas distingue-se pela pureza e limpidez dascores, as quais preenchem superfícies de contornos regulares• Outras influências: Josef Albers e Neoplasticismo (Mondrian)• É anulada a expressão individual do artista e a emoção, fazendo dapintura um exercício plástico e conceptual• A cor sobrepõe-se à formaJosef Albers: http://mais.uol.com.br/view/159274Josef Albers, Homenagem ao Quadrado, 1966
  26. 26. - A cor sobrepõe-se à forma- Pintura como manifestação meramente pictóricaABSTRAÇÃO GEOMÉTRICABarnett Newman, Tundra,1950
  27. 27. - A cor sobrepõe-se à forma- Pintura como manifestação meramente pictóricaABSTRAÇÃO GEOMÉTRICAAd Reinhardt, Azul, 1952
  28. 28. - A cor sobrepõe-se à forma- Pintura como manifestação meramente pictóricaABSTRAÇÃO GEOMÉTRICAMorris Louis, Magnasobre tela,1960

×