SlideShare uma empresa Scribd logo
Técnicas de Negociação
AULA 002
Apresentação da Disciplina, conceitos.




                           André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Qual tipo de empresa?
    Um   investidor financeiro está disposto a investir em
         novos negócios, na cidade onde você mora ou pretende
         implantar um negócio na sua área de atuação. Você está
         associado, sob a forma de PARCERIA, a outros profissionais
         (máximo de 5) para oferecer esta proposta. Esta é a sua maior
         OPORTUNIDADE e para isso precisa apresentar um esboço da
         proposta para análise prévia dos investidores financeiros.




!   Técnicas de Negociação


                          André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Qual tipo de empresa?
    Apresente a sua IDÉIA
    Descreva os OBJETIVOS DA PROPOSTA
    Descreva a RELEVÂNCIA da proposta
    Defina o PÚBLICO ALVO
    Descreva os SERVIÇOS OFERECIDOS
    Descreva os DIFERENCIAIS DO SERVIÇO
    Apresente os valores dos INVESTIMENTOS
    Apresente os ANEXOS RELEVANTES




!   Técnicas de Negociação


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
CORE BUSINESS
    Negócio básico / essencial da empresa, que deve
     receber a sua atenção preferencial e onde devem
     ser concentrados os esforços e os investimentos




!   Técnicas de Negociação


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
NEGÓCIOS COMPLEMENTARES
    São os outros negócios da empresa, que
     complementam o seu “core business” e com
     o qual devem ter grande sinergia




!   Técnicas de Negociação


                      André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
CORE COMPETENCES
    Competências básicas (essenciais)
    necessárias para atuar, com sucesso,
    em um determinado negócio:

    CONHECIMENTOS
     HABILIDADES
     ACESSOS


    (cumprir uma missão com um determinado “core business”)




!   Técnicas de Negociação


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
MISSÃO
    Maneira pela qual a empresa exerce o seu NEGÓCIO

    Diretiva, mas não limitadora e indica:
          Onde concentrar recursos
          Onde procurar novas oportunidades
          Onde construir o sucesso da empresa




!   Técnicas de Negociação


                         André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
MISSÃO
    Contém:
         O negócio da empresa (necessidades a atender)
         O cliente da empresa e o que é valor para o mesmo
          (segmentos de mercado)
         As competências básicas da empresa e a forma de atuação do
          negócio (conhecimentos e tecnologias a empregar)

           DEFINE A RAZÃO DE SER DA ORGANIZAÇÃO




!   Técnicas de Negociação


                         André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
VALORES
      Convicções claras e fundamentais que a empresa defende e adota
      como guia para a gestão do seu negócio (crenças e posturas éticas:
      certo e errado, bom e ruim, importante e não importante)

      REGRAS DE CONDUTA A SEREM SEGUIDAS


                                                       • EXPLÍCITOS
                     Devem ser                         • ÉTICOS
                                                       • COMPARTILHADOS




!   Técnicas de Negociação


                         André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
VISÃO
    q   A Visão deverá refletir um SONHO criado e assumido oficialmente pela
        gestão do empreendimento para direcionar o desenvolvimento de
        longo-prazo do
        negócio (OBJETIVOS), expressando a SITUAÇÃO IDEAL FUTURA a
        ser buscada incessantemente pelos gestores, em todas as suas ações




!   Técnicas de Negociação


                           André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
VALORES NO QUE ACREDITAMOS
    q   No respeito ao ser humano
    q   No trabalho honesto
    q   No trabalho em grupo
    q   Em assumir responsabilidades
    q   No direito à participação
    q   Na importância do lucro na atividade




!   Técnicas de Negociação


                            André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
TIPOS DE CLIENTES
    Tipos de clientes

    - Comércio
    - Indústria
    - Prestadoras de serviço
    - 3◦ setor – Ongs
    - órgãos públicos: prefeituras, secretarias




!   Técnicas de Negociação


                            André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
TERCEIRO SETOR
    O que é o Terceiro Setor?

    O primeiro setor é o governo, que é responsável pelas questões sociais. O
    segundo setor é o privado, responsável pelas questões individuais. Com a
    falência do Estado, o setor privado começou a ajudar nas questões
    sociais, através das inúmeras instituições que compõem o chamado
    terceiro setor. Ou seja, o terceiro setor é constituído por organizações
    sem fins lucrativos e não governamentais, que tem como objetivo gerar
    serviços de caráter público.




!   Técnicas de Negociação


                           André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
TERCEIRO SETOR
    Fundações

    São as instituições que financiam o terceiro setor, fazendo doações às
    entidades beneficentes.

    Devido à inflação, seqüestros de dinheiro e congelamentos, a maioria de
    nossas fundações não tem fundos. Vivem de doações anuais das
    empresas que as constituíram. Em épocas de recessão, estas doações
    minguam, justamente quando os problemas sociais aumentam.




!   Técnicas de Negociação


                           André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
TERCEIRO SETOR
    Entidades Beneficentes

    São as operadoras de fato, cuidam dos carentes, idosos, meninos de rua,
    drogados e alcoólatras, órfãos e mães solteiras; protegem testemunhas;
    ajudam a preservar o meio ambiente; educam jovens, velhos e adultos;
    profissionalizam; doam sangue, merenda, livros, sopão; dão suporte aos
    desamparados; cuidam de filhos de mães que trabalham; ensinam
    esportes; combatem a violência; promovem os direitos humanos e a
    cidadania; reabilitam vítimas de poliomelite; cuidam de cegos, surdos-
    mudos; enfim, fazem tudo.




!   Técnicas de Negociação


                          André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
TERCEIRO SETOR
    Fundos Comunitários

    Em vez de cada empresa doar para uma entidade, todas as empresas
    doam para um Fundo Comunitário, sendo que os empresários avaliam,
    estabelecem prioridades, e administram efetivamente a distribuição do
    dinheiro. Um dos poucos fundos existente no Brasil, com resultados
    comprovados, é a FEAC de Campinas.




!   Técnicas de Negociação


                          André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
TERCEIRO SETOR
    Entidades Sem Fins Lucrativos

    Infelizmente, muitas entidades sem fins lucrativos são, na realidade,
    lucrativas ou atendem os interesses dos próprios usuários. Um clube
    esportivo, por exemplo, é sem fins lucrativos, mas beneficia somente os
    seus respectivos sócios. Muitas escolas, universidades e hospitais eram
    no passado, sem fins lucrativos, somente no nome.
    O importante é diferenciar uma associação de bairro ou um clube que
    ajuda os próprios associados de uma entidade beneficente, que ajuda os
    carentes do bairro.




!   Técnicas de Negociação


                          André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
TERCEIRO SETOR
    ONGs Organizações Não Governamentais

    Nem toda entidade beneficente ajuda prestando serviços a pessoas
    diretamente. Uma ONG que defenda os direitos da mulher, fazendo
    pressão sobre nossos deputados, está ajudando indiretamente todas as
    mulheres. Isto é, organizações que lutam por uma causa.




!   Técnicas de Negociação


                          André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
TERCEIRO SETOR
    Empresas com Responsabilidade Social

    A Responsabilidade Social, no fundo, é sempre do indivíduo, nunca de
    uma empresa jurídica, nem de um Estado impessoal. Caso contrário, as
    pessoas repassariam as suas responsabilidades às empresas e ao
    governo, ao invés de assumirem para si.
    .
    Porém, algumas empresas vão além da sua verdadeira responsabilidade
    principal, que é fazer produtos seguros, acessíveis, produzidos sem danos
    ambientais, e de estimular seus funcionários a serem mais responsáveis.




!   Técnicas de Negociação


                           André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
A Gestão de Negócios


    Define o nível ótimo de homogeneização dos produtos, de modo a
    criar condições para o aproveitamento de economias de escala e
    simultaneamente , atender às necessidades específicas dos
    mercados




!   Técnicas de Negociação


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Surgimento de Técnicas Gerenciais


    Como ferramentas: terceirização, gerenciamento da qualidade
    total, análise do valore econômico, benchmarking, reengenharia.

    Ferramentas de como fazer




!   Técnicas de Negociação


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Surgimento de Técnicas Gerenciais


    Mas o que se discute é O que fazer

    As empresas devem saber o que fazer?

    Toda organização tem uma teoria do negócio




!   Técnicas de Negociação


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Teoria do Negócio


    Explica o sucesso de empresas

    General Motors
    IBM




!   Técnicas de Negociação


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Teoria do Negócio


    Focada no Ambiente Organizacional
    Deve ser compreendida e conhecida pela organização
    Precisa ser constantemente testada




!   Técnicas de Negociação


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
O Ambiente dos Negócios


    ECONOMICO

    Economia
    Clientes
    Competição




!   Técnicas de Negociação


                     André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
O Ambiente dos Negócios


    SOCIAL

    Demografia
    Valores Culturais
    Ética do Trabalho




!   Técnicas de Negociação


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
O Ambiente dos Negócios


    POLÍTICO

    Leis federais
    Estaduais
    Municipais




!   Técnicas de Negociação


                     André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
O Ambiente dos Negócios


    TECNOLÓGICO

    A modernidade
    Processo de inovação
    Processo de transferência de tecnologia




!   Técnicas de Negociação


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Organização


    Mais próximos das organizações estão:

    Fornecedores
    Clientes
    Acionistas
    Bancos
    Sindicatos




!   Técnicas de Negociação


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Organização


    O ambiente interno dos negócios contempla:

    Recursos financeiros
    Recursos tecnológicos
    Recursos Físicos

    Recursos Humanos




!   Técnicas de Negociação


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Recursos Humanos


    1.   Encontrar os trabalhadores necessários
    2.   Colocar o funcionário certo na função certa
    3.   Motivar um desempenho efetivo
    4.   Avaliar o desempenho de um funcionário




!   Técnicas de Negociação


                          André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Postura de Liderança Empresarial


    Líder ou Liderança




!   Técnicas de Negociação


                         André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Postura de Liderança Empresarial


    Líder é frequentemente utilizado para alternativa da palabra
        gerente.

    Descrever indíviduos com posições de autoridade formal em uma
       organização




!   Técnicas de Negociação


                         André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Postura de Liderança Empresarial


    Lidar com a complexidade
    Propicia ordem e consistência




!   Técnicas de Negociação


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Liderança


    Diz respeito a lidar com a mudança
    Visão do futuro
    Superar barreiras
    Inspirar pessoas

    Dessa forma os líderes formais nem sempre desempenham papel
       de liderança




!   Técnicas de Negociação


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Chefe


    Controla o que foi decidido para ter certeza que foi feito

    Chefes: são obedecidos
    Líderes: são respeitados




!   Técnicas de Negociação


                          André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Líder


    Líder facilita a mudança
    Amplia o futuro




!   Técnicas de Negociação


                         André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Líder


    Inova – amplia o sistema
    É original
    Focaliza e valoriza pessoas
    Tem visão longo prazo
    Busca novas alternativas
    Estabelece projetos
    Faz as coisas certas – eficaz
    Faz com que as pessoas queiram fazer as coisas




!   Técnicas de Negociação


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
O Líder Contemporâneo


    Leitura Crítica do Ambiente
    Flexibilidade com convicção
    Coerência vivencial transparência
    Aprendizagem continuada
    Mais proatividade
    Gerenciar mediar relacionamentos, conflitos humanos




!   Técnicas de Negociação


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
O Líder Contemporâneo


    O bom líder

    Conhece seus liderados




!   Técnicas de Negociação


                     André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Tipos de liderados


    Sabotador de projetos
    Parasita
    Indiferente
    Gênio
    Melindroso
    Retardatário




!   Técnicas de Negociação


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Tipos de liderados


    Agitado
    Manipulador
    Delator
    Cooperador




!   Técnicas de Negociação


                     André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Esteriótipos do homem


    Lógico
    Racional
    Dinâmico
    Empreendedor
    Estratégico
    Independente
    Competitivo
    Lider tomador de decisão




!   Técnicas de Negociação


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Esteriótipos da mulher


    Intuitiva
    Emocional
    Submissa
    Empática
    Espontânea
    Maternal
    Cooperadora
    Oferece apoio e é seguidora leal




!   Técnicas de Negociação


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Reuniões dos Executivos


    DELIBERATIVA

    Quando nela decisões devem ser tomadas e devem ser traçadas
       diretrizes de um colegiado




!   O mundo dos negócios


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Reuniões dos Executivos


    COMUNICATIVA

    Quando se destina a dar algumas notícias ou fazer algumas
       comunicações ou ainda transmitir ou retransmitir ordens




!   O mundo dos negócios


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Reuniões dos Executivos


    CONSULTIVA

    Quando se destina colher sugestões ou opiniões dos técnicos,
       assessores ou chefias




!   O mundo dos negócios


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Reuniões dos Executivos


    TÉCNICA – Quando se destina à elaboração de um estudo ou
       trabalho em que os meios de produção ensejam alternativas
       tecnológicas




!   O mundo dos negócios


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Reuniões dos Executivos


    CONTROLADORA

    Quando se destina à verificação pelo chefe ou coordenador, das
       tarefas desenvolvidas pelos membros de um grupo. Uma
       espécie de prestação de contas




!   O mundo dos negócios


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Eficiência


    Boa Coordenação da reunião, pauta, assuntos, discussão ,
       melhores práticas para condução do debate

    TEMPO DA REUNIÃO ????




!   O mundo dos negócios


                        André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Eficácia


    Resolvemos algo?

    Conclusão e consenso ao fim da reunião de acordo com os
       objetivos traçados




!   O mundo dos negócios


                       André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Reunião Ineficaz


    -   Todos falam ao mesmo tempo
    -   Só um fala o tempo todo
    -   Ninguém fala




!   O mundo dos negócios


                      André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
Reunião Passo a Passo


    1.   Abrir a reunião
    2.   Buscar Opiniões
    3.   Emitir opiniões
    4.   Detalhar propostas
    5.   Resumir proposta final
    6.   Decidir




!   O mundo dos negócios


                         André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Introdução à Negociação
Introdução à NegociaçãoIntrodução à Negociação
Introdução à Negociação
Eros Augusto Asturiano Martins
 
Tomada de decisão, planejamento, negociação e delegação
Tomada de decisão, planejamento, negociação e delegaçãoTomada de decisão, planejamento, negociação e delegação
Tomada de decisão, planejamento, negociação e delegação
Ludmila Moura
 
Atps tecnicas de negociação
Atps tecnicas de negociaçãoAtps tecnicas de negociação
Atps tecnicas de negociação
SIMONE GOUVEA
 
Articulação, mediação, negociação e arbitragem
Articulação, mediação, negociação e arbitragemArticulação, mediação, negociação e arbitragem
Articulação, mediação, negociação e arbitragem
INSTITUTO MVC
 
Negociação como uma equipe
Negociação como uma equipeNegociação como uma equipe
Negociação como uma equipe
Mª Luisa Pires
 
Técnicas de Negociação
Técnicas de NegociaçãoTécnicas de Negociação
Técnicas de Negociação
andersonals
 
Tecnicas de negociacao
Tecnicas de negociacaoTecnicas de negociacao
Tecnicas de negociacao
Ricardo Andretti
 
apostila técnicas de negociação
apostila técnicas de negociaçãoapostila técnicas de negociação
apostila técnicas de negociação
UNINOVE
 
Negociação aula 3 mini ba de gestão estrategica de rh
Negociação aula 3 mini ba de gestão estrategica de rhNegociação aula 3 mini ba de gestão estrategica de rh
Negociação aula 3 mini ba de gestão estrategica de rh
Daniel de Carvalho Luz
 
Negociacao em Compras
Negociacao em ComprasNegociacao em Compras
Negociacao em Compras
INSTITUTO MVC
 
Negociação Avançada - Influência e Relacionamento
Negociação Avançada - Influência e RelacionamentoNegociação Avançada - Influência e Relacionamento
Negociação Avançada - Influência e Relacionamento
INSTITUTO MVC
 
Tecnicas de Negociação
Tecnicas de NegociaçãoTecnicas de Negociação
Tecnicas de Negociação
grupologisticaturma1C
 
Tecnicas de negociação
Tecnicas de negociaçãoTecnicas de negociação
Tecnicas de negociação
Sergio Mendonça
 
O processo da negociação
O processo da negociaçãoO processo da negociação
O processo da negociação
andre rossiter
 
Negociação - Prof. Murilo Furtado - Novembro 2013
Negociação - Prof. Murilo Furtado - Novembro 2013Negociação - Prof. Murilo Furtado - Novembro 2013
Negociação - Prof. Murilo Furtado - Novembro 2013
Sustentare Escola de Negócios
 
Técnicas de negociação
Técnicas de negociaçãoTécnicas de negociação
Técnicas de negociação
jaircortes
 
Negociação em Compras
Negociação em ComprasNegociação em Compras
Negociação em Compras
Ronei Cancela Soares .....
 
Negociação Precioso Clique
Negociação Precioso CliqueNegociação Precioso Clique
Negociação Precioso Clique
Precioso Clique (Oficial)
 
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - Resumo -
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - Resumo -NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - Resumo -
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - Resumo -
Fernando Silveira
 
Negociação_Prof.Randes
Negociação_Prof.RandesNegociação_Prof.Randes
Negociação_Prof.Randes
Prof. Randes Enes, M.Sc.
 

Mais procurados (20)

Introdução à Negociação
Introdução à NegociaçãoIntrodução à Negociação
Introdução à Negociação
 
Tomada de decisão, planejamento, negociação e delegação
Tomada de decisão, planejamento, negociação e delegaçãoTomada de decisão, planejamento, negociação e delegação
Tomada de decisão, planejamento, negociação e delegação
 
Atps tecnicas de negociação
Atps tecnicas de negociaçãoAtps tecnicas de negociação
Atps tecnicas de negociação
 
Articulação, mediação, negociação e arbitragem
Articulação, mediação, negociação e arbitragemArticulação, mediação, negociação e arbitragem
Articulação, mediação, negociação e arbitragem
 
Negociação como uma equipe
Negociação como uma equipeNegociação como uma equipe
Negociação como uma equipe
 
Técnicas de Negociação
Técnicas de NegociaçãoTécnicas de Negociação
Técnicas de Negociação
 
Tecnicas de negociacao
Tecnicas de negociacaoTecnicas de negociacao
Tecnicas de negociacao
 
apostila técnicas de negociação
apostila técnicas de negociaçãoapostila técnicas de negociação
apostila técnicas de negociação
 
Negociação aula 3 mini ba de gestão estrategica de rh
Negociação aula 3 mini ba de gestão estrategica de rhNegociação aula 3 mini ba de gestão estrategica de rh
Negociação aula 3 mini ba de gestão estrategica de rh
 
Negociacao em Compras
Negociacao em ComprasNegociacao em Compras
Negociacao em Compras
 
Negociação Avançada - Influência e Relacionamento
Negociação Avançada - Influência e RelacionamentoNegociação Avançada - Influência e Relacionamento
Negociação Avançada - Influência e Relacionamento
 
Tecnicas de Negociação
Tecnicas de NegociaçãoTecnicas de Negociação
Tecnicas de Negociação
 
Tecnicas de negociação
Tecnicas de negociaçãoTecnicas de negociação
Tecnicas de negociação
 
O processo da negociação
O processo da negociaçãoO processo da negociação
O processo da negociação
 
Negociação - Prof. Murilo Furtado - Novembro 2013
Negociação - Prof. Murilo Furtado - Novembro 2013Negociação - Prof. Murilo Furtado - Novembro 2013
Negociação - Prof. Murilo Furtado - Novembro 2013
 
Técnicas de negociação
Técnicas de negociaçãoTécnicas de negociação
Técnicas de negociação
 
Negociação em Compras
Negociação em ComprasNegociação em Compras
Negociação em Compras
 
Negociação Precioso Clique
Negociação Precioso CliqueNegociação Precioso Clique
Negociação Precioso Clique
 
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - Resumo -
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - Resumo -NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - Resumo -
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - Resumo -
 
Negociação_Prof.Randes
Negociação_Prof.RandesNegociação_Prof.Randes
Negociação_Prof.Randes
 

Destaque

Apostila Técnicas de Negociação
Apostila Técnicas de NegociaçãoApostila Técnicas de Negociação
Apostila Técnicas de Negociação
Corretor Pimentel
 
Métodos e técnicas de negociação
Métodos e técnicas de negociaçãoMétodos e técnicas de negociação
Métodos e técnicas de negociação
Claudiomar Borduchi
 
Técnicas de negociação infalíveis para você nunca mais perder uma venda
Técnicas de negociação infalíveis para você nunca mais perder uma vendaTécnicas de negociação infalíveis para você nunca mais perder uma venda
Técnicas de negociação infalíveis para você nunca mais perder uma venda
Agendor
 
Técnicas de Negociação
Técnicas de NegociaçãoTécnicas de Negociação
Técnicas de Negociação
Next Educação
 
Técnicas de negociação
Técnicas de negociaçãoTécnicas de negociação
Técnicas de negociação
Rede Inova São Paulo
 
Atividade avaliativa os 11 pilares -técnicas de negociação
Atividade avaliativa   os 11 pilares -técnicas de negociaçãoAtividade avaliativa   os 11 pilares -técnicas de negociação
Atividade avaliativa os 11 pilares -técnicas de negociação
LAGB2019
 
Técnicas de vendas - negociação
Técnicas de vendas - negociaçãoTécnicas de vendas - negociação
Técnicas de vendas - negociação
Nasajon Sistemas
 
Técnicas de negociação
Técnicas de negociaçãoTécnicas de negociação
Técnicas de negociação
CNA
 
Trabalho desafio profissional bimestre 1
Trabalho desafio profissional bimestre 1Trabalho desafio profissional bimestre 1
Trabalho desafio profissional bimestre 1
Adriano de Souza
 
5. técnicas de negociação em preços
5. técnicas de negociação em preços5. técnicas de negociação em preços
5. técnicas de negociação em preços
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
As 4 regras de ouro da negociação
As 4 regras de ouro da negociaçãoAs 4 regras de ouro da negociação
As 4 regras de ouro da negociação
Agendor
 
Material desafio profissional 1º bimestre 2016 (1)
Material   desafio profissional 1º bimestre 2016 (1)Material   desafio profissional 1º bimestre 2016 (1)
Material desafio profissional 1º bimestre 2016 (1)
jujufr
 
Desafio profissional pronto
Desafio profissional prontoDesafio profissional pronto
Desafio profissional pronto
Cleuza Carus
 
Estratégias de Negociação
Estratégias de NegociaçãoEstratégias de Negociação
Estratégias de Negociação
guestcda5ca
 
Gestão do Conflito - Formação
Gestão do Conflito - FormaçãoGestão do Conflito - Formação
Gestão do Conflito - Formação
Elsa Fernandes
 
Weltanschauungen
WeltanschauungenWeltanschauungen
Weltanschauungen
Weslley Bastos
 
Negociação muito além do não william ury mai jun 98
Negociação   muito além do não william ury mai jun 98Negociação   muito além do não william ury mai jun 98
Negociação muito além do não william ury mai jun 98
Claudio Santos
 
Sped e NF-e
Sped e NF-eSped e NF-e
Sped e NF-e
Nasajon Sistemas
 
Planejando módulos de aprendizagem experiencial
Planejando módulos de aprendizagem experiencialPlanejando módulos de aprendizagem experiencial
Planejando módulos de aprendizagem experiencial
Nasajon Sistemas
 
Diferenciais de produtitivade nas empresas de serviços
Diferenciais de produtitivade nas empresas de serviçosDiferenciais de produtitivade nas empresas de serviços
Diferenciais de produtitivade nas empresas de serviços
Nasajon Sistemas
 

Destaque (20)

Apostila Técnicas de Negociação
Apostila Técnicas de NegociaçãoApostila Técnicas de Negociação
Apostila Técnicas de Negociação
 
Métodos e técnicas de negociação
Métodos e técnicas de negociaçãoMétodos e técnicas de negociação
Métodos e técnicas de negociação
 
Técnicas de negociação infalíveis para você nunca mais perder uma venda
Técnicas de negociação infalíveis para você nunca mais perder uma vendaTécnicas de negociação infalíveis para você nunca mais perder uma venda
Técnicas de negociação infalíveis para você nunca mais perder uma venda
 
Técnicas de Negociação
Técnicas de NegociaçãoTécnicas de Negociação
Técnicas de Negociação
 
Técnicas de negociação
Técnicas de negociaçãoTécnicas de negociação
Técnicas de negociação
 
Atividade avaliativa os 11 pilares -técnicas de negociação
Atividade avaliativa   os 11 pilares -técnicas de negociaçãoAtividade avaliativa   os 11 pilares -técnicas de negociação
Atividade avaliativa os 11 pilares -técnicas de negociação
 
Técnicas de vendas - negociação
Técnicas de vendas - negociaçãoTécnicas de vendas - negociação
Técnicas de vendas - negociação
 
Técnicas de negociação
Técnicas de negociaçãoTécnicas de negociação
Técnicas de negociação
 
Trabalho desafio profissional bimestre 1
Trabalho desafio profissional bimestre 1Trabalho desafio profissional bimestre 1
Trabalho desafio profissional bimestre 1
 
5. técnicas de negociação em preços
5. técnicas de negociação em preços5. técnicas de negociação em preços
5. técnicas de negociação em preços
 
As 4 regras de ouro da negociação
As 4 regras de ouro da negociaçãoAs 4 regras de ouro da negociação
As 4 regras de ouro da negociação
 
Material desafio profissional 1º bimestre 2016 (1)
Material   desafio profissional 1º bimestre 2016 (1)Material   desafio profissional 1º bimestre 2016 (1)
Material desafio profissional 1º bimestre 2016 (1)
 
Desafio profissional pronto
Desafio profissional prontoDesafio profissional pronto
Desafio profissional pronto
 
Estratégias de Negociação
Estratégias de NegociaçãoEstratégias de Negociação
Estratégias de Negociação
 
Gestão do Conflito - Formação
Gestão do Conflito - FormaçãoGestão do Conflito - Formação
Gestão do Conflito - Formação
 
Weltanschauungen
WeltanschauungenWeltanschauungen
Weltanschauungen
 
Negociação muito além do não william ury mai jun 98
Negociação   muito além do não william ury mai jun 98Negociação   muito além do não william ury mai jun 98
Negociação muito além do não william ury mai jun 98
 
Sped e NF-e
Sped e NF-eSped e NF-e
Sped e NF-e
 
Planejando módulos de aprendizagem experiencial
Planejando módulos de aprendizagem experiencialPlanejando módulos de aprendizagem experiencial
Planejando módulos de aprendizagem experiencial
 
Diferenciais de produtitivade nas empresas de serviços
Diferenciais de produtitivade nas empresas de serviçosDiferenciais de produtitivade nas empresas de serviços
Diferenciais de produtitivade nas empresas de serviços
 

Semelhante a Tecnicas de negociacao aula002

Gestão de projetos em mkt aula003
Gestão de projetos em mkt aula003Gestão de projetos em mkt aula003
Gestão de projetos em mkt aula003
ANDRÉ MONTEIRO
 
"Como aproveitar os instrumentos financeiros do Portugal 2020" - Maria João M...
"Como aproveitar os instrumentos financeiros do Portugal 2020" - Maria João M..."Como aproveitar os instrumentos financeiros do Portugal 2020" - Maria João M...
"Como aproveitar os instrumentos financeiros do Portugal 2020" - Maria João M...
Associação Nacional de Jovens Empresários
 
Como planejar seu negócio de moda
Como planejar seu negócio de modaComo planejar seu negócio de moda
Como planejar seu negócio de moda
Marcia Abrahim
 
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo  apresentação slides master consultoriaTrabalho em grupo  apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoria
João Silva
 
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo  apresentação slides master consultoriaTrabalho em grupo  apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoria
João Silva
 
Empreendedorismo e Marketing
Empreendedorismo e MarketingEmpreendedorismo e Marketing
Empreendedorismo e Marketing
Bruno Caetano
 
Adm. de Marketing I - Conceitos Centrais
Adm. de Marketing I - Conceitos CentraisAdm. de Marketing I - Conceitos Centrais
Adm. de Marketing I - Conceitos Centrais
SeiZo Soares SeiZo
 
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketingAdm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
SeiZo Soares SeiZo
 
14 MODELO ROTEIRO INTEGRAÇÃO.pptx
14 MODELO ROTEIRO INTEGRAÇÃO.pptx14 MODELO ROTEIRO INTEGRAÇÃO.pptx
14 MODELO ROTEIRO INTEGRAÇÃO.pptx
BrunaRodriguesBarboz
 
Apresentação Institucional Economus 2016
Apresentação Institucional Economus 2016Apresentação Institucional Economus 2016
Apresentação Institucional Economus 2016
Mariana Pita
 
Visão de marketing para escritórios de advocacia
Visão de marketing para escritórios de advocaciaVisão de marketing para escritórios de advocacia
Visão de marketing para escritórios de advocacia
Marco Antonio P. Gonçalves
 
Artigo odontologia e empreendedorismo o perfil do cliente
Artigo odontologia e empreendedorismo o perfil do clienteArtigo odontologia e empreendedorismo o perfil do cliente
Artigo odontologia e empreendedorismo o perfil do cliente
Thiago Dant
 
Direitos Humanos e Empresas - O Papel das Empresas
Direitos Humanos e Empresas - O Papel das EmpresasDireitos Humanos e Empresas - O Papel das Empresas
Direitos Humanos e Empresas - O Papel das Empresas
Conselho Regional de Administração de São Paulo
 
Apresentação da atps de recursos humanos
Apresentação da atps de recursos humanos   Apresentação da atps de recursos humanos
Apresentação da atps de recursos humanos
Rodrigo Cisco
 
Apresentação da atps de recursos humanos paulo rogério de oliveira
Apresentação da atps de recursos humanos   paulo rogério de oliveiraApresentação da atps de recursos humanos   paulo rogério de oliveira
Apresentação da atps de recursos humanos paulo rogério de oliveira
Cisco Kunsagi
 
Conferencia Empreendedorismo Audax 2009
Conferencia Empreendedorismo Audax 2009Conferencia Empreendedorismo Audax 2009
Conferencia Empreendedorismo Audax 2009
Dianova
 
Motiv8 Final
Motiv8 FinalMotiv8 Final
Motiv8 Final
Frederico Marques
 
Aula 17 - AEN Negócio
Aula 17 - AEN NegócioAula 17 - AEN Negócio
Aula 17 - AEN Negócio
Angelo Peres
 
Trabalho(1)[1]
Trabalho(1)[1]Trabalho(1)[1]
Trabalho(1)[1]
guest8b2a62
 
Ng5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 MarcoNg5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 Marco
mega
 

Semelhante a Tecnicas de negociacao aula002 (20)

Gestão de projetos em mkt aula003
Gestão de projetos em mkt aula003Gestão de projetos em mkt aula003
Gestão de projetos em mkt aula003
 
"Como aproveitar os instrumentos financeiros do Portugal 2020" - Maria João M...
"Como aproveitar os instrumentos financeiros do Portugal 2020" - Maria João M..."Como aproveitar os instrumentos financeiros do Portugal 2020" - Maria João M...
"Como aproveitar os instrumentos financeiros do Portugal 2020" - Maria João M...
 
Como planejar seu negócio de moda
Como planejar seu negócio de modaComo planejar seu negócio de moda
Como planejar seu negócio de moda
 
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo  apresentação slides master consultoriaTrabalho em grupo  apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoria
 
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo  apresentação slides master consultoriaTrabalho em grupo  apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoria
 
Empreendedorismo e Marketing
Empreendedorismo e MarketingEmpreendedorismo e Marketing
Empreendedorismo e Marketing
 
Adm. de Marketing I - Conceitos Centrais
Adm. de Marketing I - Conceitos CentraisAdm. de Marketing I - Conceitos Centrais
Adm. de Marketing I - Conceitos Centrais
 
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketingAdm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
Adm. Marketing I - Conceitos centrais de marketing
 
14 MODELO ROTEIRO INTEGRAÇÃO.pptx
14 MODELO ROTEIRO INTEGRAÇÃO.pptx14 MODELO ROTEIRO INTEGRAÇÃO.pptx
14 MODELO ROTEIRO INTEGRAÇÃO.pptx
 
Apresentação Institucional Economus 2016
Apresentação Institucional Economus 2016Apresentação Institucional Economus 2016
Apresentação Institucional Economus 2016
 
Visão de marketing para escritórios de advocacia
Visão de marketing para escritórios de advocaciaVisão de marketing para escritórios de advocacia
Visão de marketing para escritórios de advocacia
 
Artigo odontologia e empreendedorismo o perfil do cliente
Artigo odontologia e empreendedorismo o perfil do clienteArtigo odontologia e empreendedorismo o perfil do cliente
Artigo odontologia e empreendedorismo o perfil do cliente
 
Direitos Humanos e Empresas - O Papel das Empresas
Direitos Humanos e Empresas - O Papel das EmpresasDireitos Humanos e Empresas - O Papel das Empresas
Direitos Humanos e Empresas - O Papel das Empresas
 
Apresentação da atps de recursos humanos
Apresentação da atps de recursos humanos   Apresentação da atps de recursos humanos
Apresentação da atps de recursos humanos
 
Apresentação da atps de recursos humanos paulo rogério de oliveira
Apresentação da atps de recursos humanos   paulo rogério de oliveiraApresentação da atps de recursos humanos   paulo rogério de oliveira
Apresentação da atps de recursos humanos paulo rogério de oliveira
 
Conferencia Empreendedorismo Audax 2009
Conferencia Empreendedorismo Audax 2009Conferencia Empreendedorismo Audax 2009
Conferencia Empreendedorismo Audax 2009
 
Motiv8 Final
Motiv8 FinalMotiv8 Final
Motiv8 Final
 
Aula 17 - AEN Negócio
Aula 17 - AEN NegócioAula 17 - AEN Negócio
Aula 17 - AEN Negócio
 
Trabalho(1)[1]
Trabalho(1)[1]Trabalho(1)[1]
Trabalho(1)[1]
 
Ng5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 MarcoNg5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 Marco
 

Mais de ANDRÉ MONTEIRO

Super banco imobiliário
Super banco imobiliárioSuper banco imobiliário
Super banco imobiliário
ANDRÉ MONTEIRO
 
Relatorio status do projeto
Relatorio   status do projetoRelatorio   status do projeto
Relatorio status do projeto
ANDRÉ MONTEIRO
 
Trabalho de fundamentos
Trabalho de fundamentosTrabalho de fundamentos
Trabalho de fundamentos
ANDRÉ MONTEIRO
 
Aula 2 fpp
Aula 2 fppAula 2 fpp
Aula 2 fpp
ANDRÉ MONTEIRO
 
Aula 1 fpp
Aula 1 fppAula 1 fpp
Aula 1 fpp
ANDRÉ MONTEIRO
 
Projeto multidisciplinar de auto aprendizagem i
Projeto multidisciplinar de auto aprendizagem iProjeto multidisciplinar de auto aprendizagem i
Projeto multidisciplinar de auto aprendizagem i
ANDRÉ MONTEIRO
 
Roteiro do projeto pma 1
Roteiro do projeto pma 1Roteiro do projeto pma 1
Roteiro do projeto pma 1
ANDRÉ MONTEIRO
 
Atividade tec negociação
Atividade tec negociaçãoAtividade tec negociação
Atividade tec negociação
ANDRÉ MONTEIRO
 
Book2011 paginadupla
Book2011 paginaduplaBook2011 paginadupla
Book2011 paginadupla
ANDRÉ MONTEIRO
 
Gestão de projetos em mkt aula002
Gestão de projetos em mkt aula002Gestão de projetos em mkt aula002
Gestão de projetos em mkt aula002
ANDRÉ MONTEIRO
 
Gestão de projetos em mkt aula001
Gestão de projetos em mkt aula001Gestão de projetos em mkt aula001
Gestão de projetos em mkt aula001
ANDRÉ MONTEIRO
 
2012 1 cst_marketing_3_gestao_projetos
2012 1 cst_marketing_3_gestao_projetos2012 1 cst_marketing_3_gestao_projetos
2012 1 cst_marketing_3_gestao_projetos
ANDRÉ MONTEIRO
 

Mais de ANDRÉ MONTEIRO (12)

Super banco imobiliário
Super banco imobiliárioSuper banco imobiliário
Super banco imobiliário
 
Relatorio status do projeto
Relatorio   status do projetoRelatorio   status do projeto
Relatorio status do projeto
 
Trabalho de fundamentos
Trabalho de fundamentosTrabalho de fundamentos
Trabalho de fundamentos
 
Aula 2 fpp
Aula 2 fppAula 2 fpp
Aula 2 fpp
 
Aula 1 fpp
Aula 1 fppAula 1 fpp
Aula 1 fpp
 
Projeto multidisciplinar de auto aprendizagem i
Projeto multidisciplinar de auto aprendizagem iProjeto multidisciplinar de auto aprendizagem i
Projeto multidisciplinar de auto aprendizagem i
 
Roteiro do projeto pma 1
Roteiro do projeto pma 1Roteiro do projeto pma 1
Roteiro do projeto pma 1
 
Atividade tec negociação
Atividade tec negociaçãoAtividade tec negociação
Atividade tec negociação
 
Book2011 paginadupla
Book2011 paginaduplaBook2011 paginadupla
Book2011 paginadupla
 
Gestão de projetos em mkt aula002
Gestão de projetos em mkt aula002Gestão de projetos em mkt aula002
Gestão de projetos em mkt aula002
 
Gestão de projetos em mkt aula001
Gestão de projetos em mkt aula001Gestão de projetos em mkt aula001
Gestão de projetos em mkt aula001
 
2012 1 cst_marketing_3_gestao_projetos
2012 1 cst_marketing_3_gestao_projetos2012 1 cst_marketing_3_gestao_projetos
2012 1 cst_marketing_3_gestao_projetos
 

Último

Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
AlessandraRibas7
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Nertan Dias
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
samucajaime015
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
ElinarioCosta
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
FernandaOliveira758273
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
TathyLopes1
 

Último (20)

Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
 

Tecnicas de negociacao aula002

  • 1. Técnicas de Negociação AULA 002 Apresentação da Disciplina, conceitos. André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 2. Qual tipo de empresa? Um investidor financeiro está disposto a investir em novos negócios, na cidade onde você mora ou pretende implantar um negócio na sua área de atuação. Você está associado, sob a forma de PARCERIA, a outros profissionais (máximo de 5) para oferecer esta proposta. Esta é a sua maior OPORTUNIDADE e para isso precisa apresentar um esboço da proposta para análise prévia dos investidores financeiros. ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 3. Qual tipo de empresa? Apresente a sua IDÉIA Descreva os OBJETIVOS DA PROPOSTA Descreva a RELEVÂNCIA da proposta Defina o PÚBLICO ALVO Descreva os SERVIÇOS OFERECIDOS Descreva os DIFERENCIAIS DO SERVIÇO Apresente os valores dos INVESTIMENTOS Apresente os ANEXOS RELEVANTES ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 4. CORE BUSINESS Negócio básico / essencial da empresa, que deve receber a sua atenção preferencial e onde devem ser concentrados os esforços e os investimentos ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 5. NEGÓCIOS COMPLEMENTARES São os outros negócios da empresa, que complementam o seu “core business” e com o qual devem ter grande sinergia ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 6. CORE COMPETENCES Competências básicas (essenciais) necessárias para atuar, com sucesso, em um determinado negócio: CONHECIMENTOS  HABILIDADES  ACESSOS (cumprir uma missão com um determinado “core business”) ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 7. MISSÃO Maneira pela qual a empresa exerce o seu NEGÓCIO Diretiva, mas não limitadora e indica:  Onde concentrar recursos  Onde procurar novas oportunidades  Onde construir o sucesso da empresa ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 8. MISSÃO Contém:  O negócio da empresa (necessidades a atender)  O cliente da empresa e o que é valor para o mesmo (segmentos de mercado)  As competências básicas da empresa e a forma de atuação do negócio (conhecimentos e tecnologias a empregar)  DEFINE A RAZÃO DE SER DA ORGANIZAÇÃO ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 9. VALORES Convicções claras e fundamentais que a empresa defende e adota como guia para a gestão do seu negócio (crenças e posturas éticas: certo e errado, bom e ruim, importante e não importante) REGRAS DE CONDUTA A SEREM SEGUIDAS • EXPLÍCITOS Devem ser • ÉTICOS • COMPARTILHADOS ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 10. VISÃO q A Visão deverá refletir um SONHO criado e assumido oficialmente pela gestão do empreendimento para direcionar o desenvolvimento de longo-prazo do negócio (OBJETIVOS), expressando a SITUAÇÃO IDEAL FUTURA a ser buscada incessantemente pelos gestores, em todas as suas ações ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 11. VALORES NO QUE ACREDITAMOS q No respeito ao ser humano q No trabalho honesto q No trabalho em grupo q Em assumir responsabilidades q No direito à participação q Na importância do lucro na atividade ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 12. TIPOS DE CLIENTES Tipos de clientes - Comércio - Indústria - Prestadoras de serviço - 3◦ setor – Ongs - órgãos públicos: prefeituras, secretarias ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 13. TERCEIRO SETOR O que é o Terceiro Setor? O primeiro setor é o governo, que é responsável pelas questões sociais. O segundo setor é o privado, responsável pelas questões individuais. Com a falência do Estado, o setor privado começou a ajudar nas questões sociais, através das inúmeras instituições que compõem o chamado terceiro setor. Ou seja, o terceiro setor é constituído por organizações sem fins lucrativos e não governamentais, que tem como objetivo gerar serviços de caráter público. ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 14. TERCEIRO SETOR Fundações São as instituições que financiam o terceiro setor, fazendo doações às entidades beneficentes. Devido à inflação, seqüestros de dinheiro e congelamentos, a maioria de nossas fundações não tem fundos. Vivem de doações anuais das empresas que as constituíram. Em épocas de recessão, estas doações minguam, justamente quando os problemas sociais aumentam. ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 15. TERCEIRO SETOR Entidades Beneficentes São as operadoras de fato, cuidam dos carentes, idosos, meninos de rua, drogados e alcoólatras, órfãos e mães solteiras; protegem testemunhas; ajudam a preservar o meio ambiente; educam jovens, velhos e adultos; profissionalizam; doam sangue, merenda, livros, sopão; dão suporte aos desamparados; cuidam de filhos de mães que trabalham; ensinam esportes; combatem a violência; promovem os direitos humanos e a cidadania; reabilitam vítimas de poliomelite; cuidam de cegos, surdos- mudos; enfim, fazem tudo. ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 16. TERCEIRO SETOR Fundos Comunitários Em vez de cada empresa doar para uma entidade, todas as empresas doam para um Fundo Comunitário, sendo que os empresários avaliam, estabelecem prioridades, e administram efetivamente a distribuição do dinheiro. Um dos poucos fundos existente no Brasil, com resultados comprovados, é a FEAC de Campinas. ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 17. TERCEIRO SETOR Entidades Sem Fins Lucrativos Infelizmente, muitas entidades sem fins lucrativos são, na realidade, lucrativas ou atendem os interesses dos próprios usuários. Um clube esportivo, por exemplo, é sem fins lucrativos, mas beneficia somente os seus respectivos sócios. Muitas escolas, universidades e hospitais eram no passado, sem fins lucrativos, somente no nome. O importante é diferenciar uma associação de bairro ou um clube que ajuda os próprios associados de uma entidade beneficente, que ajuda os carentes do bairro. ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 18. TERCEIRO SETOR ONGs Organizações Não Governamentais Nem toda entidade beneficente ajuda prestando serviços a pessoas diretamente. Uma ONG que defenda os direitos da mulher, fazendo pressão sobre nossos deputados, está ajudando indiretamente todas as mulheres. Isto é, organizações que lutam por uma causa. ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 19. TERCEIRO SETOR Empresas com Responsabilidade Social A Responsabilidade Social, no fundo, é sempre do indivíduo, nunca de uma empresa jurídica, nem de um Estado impessoal. Caso contrário, as pessoas repassariam as suas responsabilidades às empresas e ao governo, ao invés de assumirem para si. . Porém, algumas empresas vão além da sua verdadeira responsabilidade principal, que é fazer produtos seguros, acessíveis, produzidos sem danos ambientais, e de estimular seus funcionários a serem mais responsáveis. ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 20. A Gestão de Negócios Define o nível ótimo de homogeneização dos produtos, de modo a criar condições para o aproveitamento de economias de escala e simultaneamente , atender às necessidades específicas dos mercados ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 21. Surgimento de Técnicas Gerenciais Como ferramentas: terceirização, gerenciamento da qualidade total, análise do valore econômico, benchmarking, reengenharia. Ferramentas de como fazer ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 22. Surgimento de Técnicas Gerenciais Mas o que se discute é O que fazer As empresas devem saber o que fazer? Toda organização tem uma teoria do negócio ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 23. Teoria do Negócio Explica o sucesso de empresas General Motors IBM ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 24. Teoria do Negócio Focada no Ambiente Organizacional Deve ser compreendida e conhecida pela organização Precisa ser constantemente testada ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 25. O Ambiente dos Negócios ECONOMICO Economia Clientes Competição ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 26. O Ambiente dos Negócios SOCIAL Demografia Valores Culturais Ética do Trabalho ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 27. O Ambiente dos Negócios POLÍTICO Leis federais Estaduais Municipais ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 28. O Ambiente dos Negócios TECNOLÓGICO A modernidade Processo de inovação Processo de transferência de tecnologia ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 29. Organização Mais próximos das organizações estão: Fornecedores Clientes Acionistas Bancos Sindicatos ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 30. Organização O ambiente interno dos negócios contempla: Recursos financeiros Recursos tecnológicos Recursos Físicos Recursos Humanos ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 31. Recursos Humanos 1. Encontrar os trabalhadores necessários 2. Colocar o funcionário certo na função certa 3. Motivar um desempenho efetivo 4. Avaliar o desempenho de um funcionário ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 32. Postura de Liderança Empresarial Líder ou Liderança ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 33. Postura de Liderança Empresarial Líder é frequentemente utilizado para alternativa da palabra gerente. Descrever indíviduos com posições de autoridade formal em uma organização ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 34. Postura de Liderança Empresarial Lidar com a complexidade Propicia ordem e consistência ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 35. Liderança Diz respeito a lidar com a mudança Visão do futuro Superar barreiras Inspirar pessoas Dessa forma os líderes formais nem sempre desempenham papel de liderança ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 36. Chefe Controla o que foi decidido para ter certeza que foi feito Chefes: são obedecidos Líderes: são respeitados ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 37. Líder Líder facilita a mudança Amplia o futuro ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 38. Líder Inova – amplia o sistema É original Focaliza e valoriza pessoas Tem visão longo prazo Busca novas alternativas Estabelece projetos Faz as coisas certas – eficaz Faz com que as pessoas queiram fazer as coisas ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 39. O Líder Contemporâneo Leitura Crítica do Ambiente Flexibilidade com convicção Coerência vivencial transparência Aprendizagem continuada Mais proatividade Gerenciar mediar relacionamentos, conflitos humanos ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 40. O Líder Contemporâneo O bom líder Conhece seus liderados ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 41. Tipos de liderados Sabotador de projetos Parasita Indiferente Gênio Melindroso Retardatário ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 42. Tipos de liderados Agitado Manipulador Delator Cooperador ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 43. Esteriótipos do homem Lógico Racional Dinâmico Empreendedor Estratégico Independente Competitivo Lider tomador de decisão ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 44. Esteriótipos da mulher Intuitiva Emocional Submissa Empática Espontânea Maternal Cooperadora Oferece apoio e é seguidora leal ! Técnicas de Negociação André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 45. Reuniões dos Executivos DELIBERATIVA Quando nela decisões devem ser tomadas e devem ser traçadas diretrizes de um colegiado ! O mundo dos negócios André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 46. Reuniões dos Executivos COMUNICATIVA Quando se destina a dar algumas notícias ou fazer algumas comunicações ou ainda transmitir ou retransmitir ordens ! O mundo dos negócios André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 47. Reuniões dos Executivos CONSULTIVA Quando se destina colher sugestões ou opiniões dos técnicos, assessores ou chefias ! O mundo dos negócios André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 48. Reuniões dos Executivos TÉCNICA – Quando se destina à elaboração de um estudo ou trabalho em que os meios de produção ensejam alternativas tecnológicas ! O mundo dos negócios André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 49. Reuniões dos Executivos CONTROLADORA Quando se destina à verificação pelo chefe ou coordenador, das tarefas desenvolvidas pelos membros de um grupo. Uma espécie de prestação de contas ! O mundo dos negócios André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 50. Eficiência Boa Coordenação da reunião, pauta, assuntos, discussão , melhores práticas para condução do debate TEMPO DA REUNIÃO ???? ! O mundo dos negócios André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 51. Eficácia Resolvemos algo? Conclusão e consenso ao fim da reunião de acordo com os objetivos traçados ! O mundo dos negócios André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 52. Reunião Ineficaz - Todos falam ao mesmo tempo - Só um fala o tempo todo - Ninguém fala ! O mundo dos negócios André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 53. Reunião Passo a Passo 1. Abrir a reunião 2. Buscar Opiniões 3. Emitir opiniões 4. Detalhar propostas 5. Resumir proposta final 6. Decidir ! O mundo dos negócios André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010
  • 54. André Monteiro – Anhanguera Educacional 2010