SlideShare uma empresa Scribd logo
PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE
 INICIAÇÃO À DOCÊNCIA – PIBID 2012
  ESCOLA ESTADUAL JOSÉ BEZERRA
            CAVALCANTI

                 Alunos(as) Bolsistas:
             Daiana Pereira Viana Xavier
            Fernanda Katiusca Dos Santos
            Felipe Augusto Rogério Da Paz
           Glória Thaisa De Medeiros Rocha
              Josimar De Oliveira Gomes

               Professor Supervisor:
              Nelson Cosme de Almeida
Notação científica
Notação científica é uma forma de representar

números muito      Grandes              ou muito
Pequenos, baseada no uso de potências de base 10.

EXEMPLOS:
                  • 107 = 10000000
                 • 10-7 = 0,0000001
Potências de base 10
Potências de base 10
                      100 = 1
101 = 10                  10-1 = 0,1
102 = 100                 10-2 = 0,01
103 = 1000                10-3 = 0,001
104 = 10000               10-4 = 0,0001
105 = 100000              10-5 = 0,00001
106 = 1000000             10-6 = 0,000001
107 = 10000000            10-7 = 0,0000001
108 = 100000000           10-8 = 0,00000001
109 = 1000000000          10-9 = 0,000000001
1010 =10000000000         10-10 =0,0000000001
Existem algumas vantagens em utilizarmos a notação científica:

    os números muito grandes ou muito pequenos podem ser
     escritos de forma reduzida;

    é utilizada por computadores e máquinas de calcular;

    torna os cálculos mais rápidos e fáceis.
Um número estará em notação científica quando estiver escrito no seguinte
formato:
                                      x . 10 y
       X é um valor qualquer* multiplicado por uma potência de base 10 e
               y é o expoente que pode ser positivo ou negativo

                                  Ex: 3000 = 3.103
                                   0,003 = 3.10-3

Nota: Usamos expoentes positivos quando estamos representando números
grandes e expoentes negativos quando estamos representando números         pequenos.


                      *O correto é que o valor de x esteja entre 1 e 10
A representação desses números na forma convencional (Decimal) torna-se difícil para
calculos. Pode-se pensar que esses valores são pouco relevantes e de uso quase
inexistente na vida cotidiana. MAS ESTE PENSAMENTO É INCORRETO. Em áreas como
a Física e a Química esses valores são frequentes.

EXEMPLOS:

 Velocidade da luz no vácuo: 3 . 105 Km/s

 Diâmetro de um átomo (H): 1 . 10-10 m

 Quantidade de moléculas em 1 mol de uma substância qualquer: 6,022 . 1023

 Quantidade de segundos em 1 ano: 3,1536 . 107

 Quantidade de água nos oceanos da Terra: 1,35 . 1021 L

 Duração de uma piscada: 2 . 10-1 s

 Massa de um átomo (C): 19,92 . 10-27 Kg
OPERAÇÕES COM NOTAÇÃO CIENTÍFICA
Adição
Para somar números escritos em notação científica, é necessário que o
expoente seja o mesmo. Se não o for temos que transformar uma das
potências para que o seu expoente seja igual ao da outra.
                    Exemplo: (5 . 104) + (7,1 . 102)
                        = (5 . 104) + (0,071 . 104)
                          = (5 + 0,071) . 104
                             = 5,071 . 104
OPERAÇÕES COM NOTAÇÃO CIENTÍFICA
Subtração
Na subtração também é necessário que o expoente seja o mesmo.
O procedimento é igual ao da soma.
                 Exemplo: (7,7 . 106) - (2,5 . 103)
                    = (7,7 . 106) - (0,0025 . 106)
                      = (7,7 - 0,0025) . 106
                          = 7,6975 . 106
OPERAÇÕES COM NOTAÇÃO CIENTÍFICA
Multiplicação
Multiplicamos os números sem expoente, mantemos a potência de
base 10 e somamos os expoentes de cada uma.


                   Exemplo: (4,3 . 103) . (7 . 102)
                           = (4,3 . 7) . 10(3+2)
                            = 30,1 . 105
Notação científica
RESUMINDO

Podemos escrever um número muito         Grande ou muito    Pequeno   em
notação decimal ou notação científica . As duas formas são válidas e é
importante que saibamos como tratar cada caso.
Exemplo:               4 milhões de metros
                       4.000.000 m (notação decimal)
                       4 . 106 m (notação científica)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Matemática mmc e mdc
Matemática mmc e mdcMatemática mmc e mdc
Matemática mmc e mdc
Iara Cristina
 
Multiplicação
MultiplicaçãoMultiplicação
Multiplicação
MariaJoão Agualuza
 
Equação do 2º grau
Equação do 2º grauEquação do 2º grau
Equação do 2º grau
João Paulo Luna
 
Unidades de medida... e notação científica
Unidades de medida... e notação científicaUnidades de medida... e notação científica
Unidades de medida... e notação científica
Marco Antonio Sanches
 
Equação do 2º grau
Equação do 2º grauEquação do 2º grau
Equação do 2º grau
demervalm
 
Matemática básica
Matemática básicaMatemática básica
Funções
FunçõesFunções
Números racionais
Números racionaisNúmeros racionais
Números racionais
Helena Borralho
 
Equacoes do 1 grau
Equacoes do 1 grauEquacoes do 1 grau
Equacoes do 1 grau
estrelaeia
 
Função exponencial
Função exponencialFunção exponencial
Função exponencial
PROFESSOR GLEDSON GUIMARÃES
 
Notacao Cientifica
Notacao CientificaNotacao Cientifica
Notacao Cientifica
Equipe_FAETEC
 
Conjuntos numéricos
Conjuntos numéricosConjuntos numéricos
Conjuntos numéricos
andreilson18
 
Numeros racionais
Numeros racionaisNumeros racionais
Numeros racionais
Rosana.Parolisi
 
Área e Volume
Área e VolumeÁrea e Volume
Área e Volume
betontem
 
Conjuntos numéricos - 7 ano
Conjuntos numéricos - 7 anoConjuntos numéricos - 7 ano
Conjuntos numéricos - 7 ano
Otávio Sales
 
Equação do 1º grau
Equação do 1º grauEquação do 1º grau
Equação do 1º grau
Simone Mota Almeida
 
Equação de 1º grau
Equação de 1º grauEquação de 1º grau
Equação de 1º grau
leilamaluf
 
Conjuntos dos números racionais
Conjuntos dos números racionaisConjuntos dos números racionais
Conjuntos dos números racionais
Genilson Pankará
 
Grandezas Proporcionais
Grandezas ProporcionaisGrandezas Proporcionais
Grandezas Proporcionais
Carlos Airton
 
22ª aula função afim
22ª aula   função afim22ª aula   função afim
22ª aula função afim
jatobaesem
 

Mais procurados (20)

Matemática mmc e mdc
Matemática mmc e mdcMatemática mmc e mdc
Matemática mmc e mdc
 
Multiplicação
MultiplicaçãoMultiplicação
Multiplicação
 
Equação do 2º grau
Equação do 2º grauEquação do 2º grau
Equação do 2º grau
 
Unidades de medida... e notação científica
Unidades de medida... e notação científicaUnidades de medida... e notação científica
Unidades de medida... e notação científica
 
Equação do 2º grau
Equação do 2º grauEquação do 2º grau
Equação do 2º grau
 
Matemática básica
Matemática básicaMatemática básica
Matemática básica
 
Funções
FunçõesFunções
Funções
 
Números racionais
Números racionaisNúmeros racionais
Números racionais
 
Equacoes do 1 grau
Equacoes do 1 grauEquacoes do 1 grau
Equacoes do 1 grau
 
Função exponencial
Função exponencialFunção exponencial
Função exponencial
 
Notacao Cientifica
Notacao CientificaNotacao Cientifica
Notacao Cientifica
 
Conjuntos numéricos
Conjuntos numéricosConjuntos numéricos
Conjuntos numéricos
 
Numeros racionais
Numeros racionaisNumeros racionais
Numeros racionais
 
Área e Volume
Área e VolumeÁrea e Volume
Área e Volume
 
Conjuntos numéricos - 7 ano
Conjuntos numéricos - 7 anoConjuntos numéricos - 7 ano
Conjuntos numéricos - 7 ano
 
Equação do 1º grau
Equação do 1º grauEquação do 1º grau
Equação do 1º grau
 
Equação de 1º grau
Equação de 1º grauEquação de 1º grau
Equação de 1º grau
 
Conjuntos dos números racionais
Conjuntos dos números racionaisConjuntos dos números racionais
Conjuntos dos números racionais
 
Grandezas Proporcionais
Grandezas ProporcionaisGrandezas Proporcionais
Grandezas Proporcionais
 
22ª aula função afim
22ª aula   função afim22ª aula   função afim
22ª aula função afim
 

Destaque

Notação científica
Notação científicaNotação científica
Notação científica
Cristiane Renata Pereira Lopes
 
Notação científica
Notação científicaNotação científica
Notação científica
Taiscecili
 
OA NotaçãO CientíFica
OA NotaçãO CientíFicaOA NotaçãO CientíFica
OA NotaçãO CientíFica
Patrícia Reis
 
Notação Científica
Notação CientíficaNotação Científica
Notação Científica
eufisica
 
Ordem de grandeza
Ordem de grandezaOrdem de grandeza
Ordem de grandeza
fisicaatual
 
Notação científica
Notação científicaNotação científica
Notação científica
leilamaluf
 
Notação científica
Notação científicaNotação científica
Notação científica
Paulo Rafael Vaz
 
Notação científica
Notação científicaNotação científica
Notação científica
Taiscecili
 
Notação científica e o.g.
Notação científica e o.g.Notação científica e o.g.
Notação científica e o.g.
Rildo Borges
 
Ordem de grandeza
Ordem de grandezaOrdem de grandeza
Introdução a Física
Introdução a FísicaIntrodução a Física
Introdução a Física
fismatromulo
 
Aula de física movimento, repouso, velocidade média
Aula de física  movimento, repouso, velocidade médiaAula de física  movimento, repouso, velocidade média
Aula de física movimento, repouso, velocidade média
luam1969
 
1ª aula de física
1ª aula de física1ª aula de física
1ª aula de física
Wladimir Parente
 
Apresentação de Trabalho Final de Curso
Apresentação de Trabalho Final de CursoApresentação de Trabalho Final de Curso
Apresentação de Trabalho Final de Curso
hnsantana
 
Notação científica completo
Notação científica   completoNotação científica   completo
Notação científica completo
André Luís Nogueira
 
Física Telecurso 2000 Aula 2
Física Telecurso 2000 Aula 2Física Telecurso 2000 Aula 2
Física Telecurso 2000 Aula 2
SEEDUC-RJ
 
Topografia brandalize
Topografia brandalizeTopografia brandalize
Topografia brandalize
Luciano Carmo
 
Escalas t. pitágoras notação científica
Escalas t. pitágoras notação científicaEscalas t. pitágoras notação científica
Escalas t. pitágoras notação científica
carlosdanielabreu
 
09 potências de base 10
09 potências de base 1009 potências de base 10
09 potências de base 10
Carla Gomes
 
Potencias de base 10
Potencias de base 10Potencias de base 10
Potencias de base 10
josemanuelcremades
 

Destaque (20)

Notação científica
Notação científicaNotação científica
Notação científica
 
Notação científica
Notação científicaNotação científica
Notação científica
 
OA NotaçãO CientíFica
OA NotaçãO CientíFicaOA NotaçãO CientíFica
OA NotaçãO CientíFica
 
Notação Científica
Notação CientíficaNotação Científica
Notação Científica
 
Ordem de grandeza
Ordem de grandezaOrdem de grandeza
Ordem de grandeza
 
Notação científica
Notação científicaNotação científica
Notação científica
 
Notação científica
Notação científicaNotação científica
Notação científica
 
Notação científica
Notação científicaNotação científica
Notação científica
 
Notação científica e o.g.
Notação científica e o.g.Notação científica e o.g.
Notação científica e o.g.
 
Ordem de grandeza
Ordem de grandezaOrdem de grandeza
Ordem de grandeza
 
Introdução a Física
Introdução a FísicaIntrodução a Física
Introdução a Física
 
Aula de física movimento, repouso, velocidade média
Aula de física  movimento, repouso, velocidade médiaAula de física  movimento, repouso, velocidade média
Aula de física movimento, repouso, velocidade média
 
1ª aula de física
1ª aula de física1ª aula de física
1ª aula de física
 
Apresentação de Trabalho Final de Curso
Apresentação de Trabalho Final de CursoApresentação de Trabalho Final de Curso
Apresentação de Trabalho Final de Curso
 
Notação científica completo
Notação científica   completoNotação científica   completo
Notação científica completo
 
Física Telecurso 2000 Aula 2
Física Telecurso 2000 Aula 2Física Telecurso 2000 Aula 2
Física Telecurso 2000 Aula 2
 
Topografia brandalize
Topografia brandalizeTopografia brandalize
Topografia brandalize
 
Escalas t. pitágoras notação científica
Escalas t. pitágoras notação científicaEscalas t. pitágoras notação científica
Escalas t. pitágoras notação científica
 
09 potências de base 10
09 potências de base 1009 potências de base 10
09 potências de base 10
 
Potencias de base 10
Potencias de base 10Potencias de base 10
Potencias de base 10
 

Semelhante a Notação científica

notacao cientifica.pdf
notacao cientifica.pdfnotacao cientifica.pdf
notacao cientifica.pdf
Francisco Márcio Bezerra Oliveira
 
2008 helio2anoaula01
2008 helio2anoaula012008 helio2anoaula01
2008 helio2anoaula01
Evandro Alves
 
Aula 1 eletricidade
Aula 1 eletricidadeAula 1 eletricidade
Aula 1 eletricidade
Alleksa Henrik's
 
Notação Científica (Telecomunicações)
Notação Científica (Telecomunicações)Notação Científica (Telecomunicações)
Notação Científica (Telecomunicações)
Equipe_FAETEC
 
Fisica grandeza física
Fisica grandeza físicaFisica grandeza física
Fisica grandeza física
comentada
 
Notação Científica, Ordem de Grandeza e Algarismos Significativos - 1ªSérie
Notação Científica, Ordem de Grandeza e Algarismos Significativos - 1ªSérieNotação Científica, Ordem de Grandeza e Algarismos Significativos - 1ªSérie
Notação Científica, Ordem de Grandeza e Algarismos Significativos - 1ªSérie
MuriloMartins48
 
Mat utfrs 04. potencias de base 10
Mat utfrs 04. potencias de base 10Mat utfrs 04. potencias de base 10
Mat utfrs 04. potencias de base 10
trigono_metria
 
Mat notacao cientifica e ordem de grandeza
Mat notacao cientifica e ordem de grandezaMat notacao cientifica e ordem de grandeza
Mat notacao cientifica e ordem de grandeza
trigono_metria
 
Operacoes not cient_exemplos
Operacoes not cient_exemplosOperacoes not cient_exemplos
Operacoes not cient_exemplos
CristinaMesquita17
 
Aula19e20
Aula19e20Aula19e20
Aula notação científica (2).ppt
Aula notação científica (2).pptAula notação científica (2).ppt
Aula notação científica (2).ppt
JooHonorato3
 
NOTAÇÃO CIENTÍFICA - CPA.pptx
NOTAÇÃO CIENTÍFICA - CPA.pptxNOTAÇÃO CIENTÍFICA - CPA.pptx
NOTAÇÃO CIENTÍFICA - CPA.pptx
SabrinaMayrink2
 
Aula 1 ele1
Aula 1 ele1Aula 1 ele1
Aula 1 ele1
Wellington Santos
 
Capitulo1
Capitulo1Capitulo1
Capitulo1
Amanda Souza
 
Prova Comentada de Estatística - TCU 2015
Prova Comentada de Estatística - TCU 2015Prova Comentada de Estatística - TCU 2015
Prova Comentada de Estatística - TCU 2015
Estratégia Concursos
 
GRANDEZAS FÍSICAS_NOTAÇÃO CIENTÍFICA_ENSINO MÉDIO_2023.pptx
GRANDEZAS FÍSICAS_NOTAÇÃO CIENTÍFICA_ENSINO MÉDIO_2023.pptxGRANDEZAS FÍSICAS_NOTAÇÃO CIENTÍFICA_ENSINO MÉDIO_2023.pptx
GRANDEZAS FÍSICAS_NOTAÇÃO CIENTÍFICA_ENSINO MÉDIO_2023.pptx
Carlos Fernando Oliveira
 
a1_SistemaDeUnidades.pptx
a1_SistemaDeUnidades.pptxa1_SistemaDeUnidades.pptx
a1_SistemaDeUnidades.pptx
LeandroMendes859102
 
104183(1).pptx
104183(1).pptx104183(1).pptx
104183(1).pptx
HedhioLuz
 
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados
GernciadeProduodeMat
 
Multiplicação e divisão de números naturais por base 10
Multiplicação e divisão de números naturais por base 10Multiplicação e divisão de números naturais por base 10
Multiplicação e divisão de números naturais por base 10
Cláudia Cacal
 

Semelhante a Notação científica (20)

notacao cientifica.pdf
notacao cientifica.pdfnotacao cientifica.pdf
notacao cientifica.pdf
 
2008 helio2anoaula01
2008 helio2anoaula012008 helio2anoaula01
2008 helio2anoaula01
 
Aula 1 eletricidade
Aula 1 eletricidadeAula 1 eletricidade
Aula 1 eletricidade
 
Notação Científica (Telecomunicações)
Notação Científica (Telecomunicações)Notação Científica (Telecomunicações)
Notação Científica (Telecomunicações)
 
Fisica grandeza física
Fisica grandeza físicaFisica grandeza física
Fisica grandeza física
 
Notação Científica, Ordem de Grandeza e Algarismos Significativos - 1ªSérie
Notação Científica, Ordem de Grandeza e Algarismos Significativos - 1ªSérieNotação Científica, Ordem de Grandeza e Algarismos Significativos - 1ªSérie
Notação Científica, Ordem de Grandeza e Algarismos Significativos - 1ªSérie
 
Mat utfrs 04. potencias de base 10
Mat utfrs 04. potencias de base 10Mat utfrs 04. potencias de base 10
Mat utfrs 04. potencias de base 10
 
Mat notacao cientifica e ordem de grandeza
Mat notacao cientifica e ordem de grandezaMat notacao cientifica e ordem de grandeza
Mat notacao cientifica e ordem de grandeza
 
Operacoes not cient_exemplos
Operacoes not cient_exemplosOperacoes not cient_exemplos
Operacoes not cient_exemplos
 
Aula19e20
Aula19e20Aula19e20
Aula19e20
 
Aula notação científica (2).ppt
Aula notação científica (2).pptAula notação científica (2).ppt
Aula notação científica (2).ppt
 
NOTAÇÃO CIENTÍFICA - CPA.pptx
NOTAÇÃO CIENTÍFICA - CPA.pptxNOTAÇÃO CIENTÍFICA - CPA.pptx
NOTAÇÃO CIENTÍFICA - CPA.pptx
 
Aula 1 ele1
Aula 1 ele1Aula 1 ele1
Aula 1 ele1
 
Capitulo1
Capitulo1Capitulo1
Capitulo1
 
Prova Comentada de Estatística - TCU 2015
Prova Comentada de Estatística - TCU 2015Prova Comentada de Estatística - TCU 2015
Prova Comentada de Estatística - TCU 2015
 
GRANDEZAS FÍSICAS_NOTAÇÃO CIENTÍFICA_ENSINO MÉDIO_2023.pptx
GRANDEZAS FÍSICAS_NOTAÇÃO CIENTÍFICA_ENSINO MÉDIO_2023.pptxGRANDEZAS FÍSICAS_NOTAÇÃO CIENTÍFICA_ENSINO MÉDIO_2023.pptx
GRANDEZAS FÍSICAS_NOTAÇÃO CIENTÍFICA_ENSINO MÉDIO_2023.pptx
 
a1_SistemaDeUnidades.pptx
a1_SistemaDeUnidades.pptxa1_SistemaDeUnidades.pptx
a1_SistemaDeUnidades.pptx
 
104183(1).pptx
104183(1).pptx104183(1).pptx
104183(1).pptx
 
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados
Semana 02 | Matemática | 1ª série| Notação científica e arredondamento de dados
 
Multiplicação e divisão de números naturais por base 10
Multiplicação e divisão de números naturais por base 10Multiplicação e divisão de números naturais por base 10
Multiplicação e divisão de números naturais por base 10
 

Mais de Fernanda Katiusca Santos

Lista lei de coulomb
Lista lei de coulombLista lei de coulomb
Lista lei de coulomb
Fernanda Katiusca Santos
 
Pibid
PibidPibid
Eletroscópio
EletroscópioEletroscópio
1.escalas termométricas
1.escalas termométricas1.escalas termométricas
1.escalas termométricas
Fernanda Katiusca Santos
 
1.escalas termométricas
1.escalas termométricas1.escalas termométricas
1.escalas termométricas
Fernanda Katiusca Santos
 
1.escalas termométricas
1.escalas termométricas1.escalas termométricas
1.escalas termométricas
Fernanda Katiusca Santos
 
Aceleração constante
Aceleração constanteAceleração constante
Aceleração constante
Fernanda Katiusca Santos
 
3º lei de newton
3º lei de newton3º lei de newton
3º lei de newton
Fernanda Katiusca Santos
 
2ª lei de newton
2ª lei de newton2ª lei de newton
2ª lei de newton
Fernanda Katiusca Santos
 
1ª lei de newton inércia ovo-maluco
1ª lei de newton  inércia ovo-maluco1ª lei de newton  inércia ovo-maluco
1ª lei de newton inércia ovo-maluco
Fernanda Katiusca Santos
 
1ª lei de newton inércia
1ª lei de newton  inércia1ª lei de newton  inércia
1ª lei de newton inércia
Fernanda Katiusca Santos
 
Fluxo termico(anexo santa cruz_jb 67. jpg).
Fluxo termico(anexo santa cruz_jb 67. jpg).Fluxo termico(anexo santa cruz_jb 67. jpg).
Fluxo termico(anexo santa cruz_jb 67. jpg).
Fernanda Katiusca Santos
 
2ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 66. jpg).pptx_
2ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 66. jpg).pptx_2ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 66. jpg).pptx_
2ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 66. jpg).pptx_
Fernanda Katiusca Santos
 
1ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 68. jpg).
1ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 68. jpg).1ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 68. jpg).
1ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 68. jpg).
Fernanda Katiusca Santos
 
Termodinâmica segunda lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 75. jpg).
Termodinâmica  segunda lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 75. jpg).Termodinâmica  segunda lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 75. jpg).
Termodinâmica segunda lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 75. jpg).
Fernanda Katiusca Santos
 
Termodinâmica primeira lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 74. jpg).
Termodinâmica  primeira lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 74. jpg).Termodinâmica  primeira lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 74. jpg).
Termodinâmica primeira lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 74. jpg).
Fernanda Katiusca Santos
 
Propagação de calor(anexo santa cruz jb 72. jpg).
Propagação de calor(anexo santa cruz jb 72. jpg).Propagação de calor(anexo santa cruz jb 72. jpg).
Propagação de calor(anexo santa cruz jb 72. jpg).
Fernanda Katiusca Santos
 
Conversão de escalas
Conversão de escalasConversão de escalas
Conversão de escalas
Fernanda Katiusca Santos
 
Calorimetria fluxo térmico, regime estacionário(anexo santa cruz-jb 73. jpg).
Calorimetria fluxo térmico, regime estacionário(anexo santa cruz-jb 73. jpg).Calorimetria fluxo térmico, regime estacionário(anexo santa cruz-jb 73. jpg).
Calorimetria fluxo térmico, regime estacionário(anexo santa cruz-jb 73. jpg).
Fernanda Katiusca Santos
 
Calorimetria calor sensível, calor latente, calor específico e capacidade té...
Calorimetria  calor sensível, calor latente, calor específico e capacidade té...Calorimetria  calor sensível, calor latente, calor específico e capacidade té...
Calorimetria calor sensível, calor latente, calor específico e capacidade té...
Fernanda Katiusca Santos
 

Mais de Fernanda Katiusca Santos (20)

Lista lei de coulomb
Lista lei de coulombLista lei de coulomb
Lista lei de coulomb
 
Pibid
PibidPibid
Pibid
 
Eletroscópio
EletroscópioEletroscópio
Eletroscópio
 
1.escalas termométricas
1.escalas termométricas1.escalas termométricas
1.escalas termométricas
 
1.escalas termométricas
1.escalas termométricas1.escalas termométricas
1.escalas termométricas
 
1.escalas termométricas
1.escalas termométricas1.escalas termométricas
1.escalas termométricas
 
Aceleração constante
Aceleração constanteAceleração constante
Aceleração constante
 
3º lei de newton
3º lei de newton3º lei de newton
3º lei de newton
 
2ª lei de newton
2ª lei de newton2ª lei de newton
2ª lei de newton
 
1ª lei de newton inércia ovo-maluco
1ª lei de newton  inércia ovo-maluco1ª lei de newton  inércia ovo-maluco
1ª lei de newton inércia ovo-maluco
 
1ª lei de newton inércia
1ª lei de newton  inércia1ª lei de newton  inércia
1ª lei de newton inércia
 
Fluxo termico(anexo santa cruz_jb 67. jpg).
Fluxo termico(anexo santa cruz_jb 67. jpg).Fluxo termico(anexo santa cruz_jb 67. jpg).
Fluxo termico(anexo santa cruz_jb 67. jpg).
 
2ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 66. jpg).pptx_
2ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 66. jpg).pptx_2ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 66. jpg).pptx_
2ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 66. jpg).pptx_
 
1ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 68. jpg).
1ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 68. jpg).1ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 68. jpg).
1ªlei datermodinamica (anexo santa_cruz_jb 68. jpg).
 
Termodinâmica segunda lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 75. jpg).
Termodinâmica  segunda lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 75. jpg).Termodinâmica  segunda lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 75. jpg).
Termodinâmica segunda lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 75. jpg).
 
Termodinâmica primeira lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 74. jpg).
Termodinâmica  primeira lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 74. jpg).Termodinâmica  primeira lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 74. jpg).
Termodinâmica primeira lei da termodinâmica(anexo santa cruz-jb 74. jpg).
 
Propagação de calor(anexo santa cruz jb 72. jpg).
Propagação de calor(anexo santa cruz jb 72. jpg).Propagação de calor(anexo santa cruz jb 72. jpg).
Propagação de calor(anexo santa cruz jb 72. jpg).
 
Conversão de escalas
Conversão de escalasConversão de escalas
Conversão de escalas
 
Calorimetria fluxo térmico, regime estacionário(anexo santa cruz-jb 73. jpg).
Calorimetria fluxo térmico, regime estacionário(anexo santa cruz-jb 73. jpg).Calorimetria fluxo térmico, regime estacionário(anexo santa cruz-jb 73. jpg).
Calorimetria fluxo térmico, regime estacionário(anexo santa cruz-jb 73. jpg).
 
Calorimetria calor sensível, calor latente, calor específico e capacidade té...
Calorimetria  calor sensível, calor latente, calor específico e capacidade té...Calorimetria  calor sensível, calor latente, calor específico e capacidade té...
Calorimetria calor sensível, calor latente, calor específico e capacidade té...
 

Último

Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
antonio carlos
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
Mary Alvarenga
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Anesio2
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 

Último (20)

Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 

Notação científica

  • 1. PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA – PIBID 2012 ESCOLA ESTADUAL JOSÉ BEZERRA CAVALCANTI Alunos(as) Bolsistas: Daiana Pereira Viana Xavier Fernanda Katiusca Dos Santos Felipe Augusto Rogério Da Paz Glória Thaisa De Medeiros Rocha Josimar De Oliveira Gomes Professor Supervisor: Nelson Cosme de Almeida
  • 3. Notação científica é uma forma de representar números muito Grandes ou muito Pequenos, baseada no uso de potências de base 10. EXEMPLOS: • 107 = 10000000 • 10-7 = 0,0000001
  • 5. Potências de base 10 100 = 1 101 = 10 10-1 = 0,1 102 = 100 10-2 = 0,01 103 = 1000 10-3 = 0,001 104 = 10000 10-4 = 0,0001 105 = 100000 10-5 = 0,00001 106 = 1000000 10-6 = 0,000001 107 = 10000000 10-7 = 0,0000001 108 = 100000000 10-8 = 0,00000001 109 = 1000000000 10-9 = 0,000000001 1010 =10000000000 10-10 =0,0000000001
  • 6. Existem algumas vantagens em utilizarmos a notação científica:  os números muito grandes ou muito pequenos podem ser escritos de forma reduzida;  é utilizada por computadores e máquinas de calcular;  torna os cálculos mais rápidos e fáceis.
  • 7. Um número estará em notação científica quando estiver escrito no seguinte formato: x . 10 y X é um valor qualquer* multiplicado por uma potência de base 10 e y é o expoente que pode ser positivo ou negativo Ex: 3000 = 3.103 0,003 = 3.10-3 Nota: Usamos expoentes positivos quando estamos representando números grandes e expoentes negativos quando estamos representando números pequenos. *O correto é que o valor de x esteja entre 1 e 10
  • 8. A representação desses números na forma convencional (Decimal) torna-se difícil para calculos. Pode-se pensar que esses valores são pouco relevantes e de uso quase inexistente na vida cotidiana. MAS ESTE PENSAMENTO É INCORRETO. Em áreas como a Física e a Química esses valores são frequentes. EXEMPLOS:  Velocidade da luz no vácuo: 3 . 105 Km/s  Diâmetro de um átomo (H): 1 . 10-10 m  Quantidade de moléculas em 1 mol de uma substância qualquer: 6,022 . 1023  Quantidade de segundos em 1 ano: 3,1536 . 107  Quantidade de água nos oceanos da Terra: 1,35 . 1021 L  Duração de uma piscada: 2 . 10-1 s  Massa de um átomo (C): 19,92 . 10-27 Kg
  • 9. OPERAÇÕES COM NOTAÇÃO CIENTÍFICA Adição Para somar números escritos em notação científica, é necessário que o expoente seja o mesmo. Se não o for temos que transformar uma das potências para que o seu expoente seja igual ao da outra. Exemplo: (5 . 104) + (7,1 . 102) = (5 . 104) + (0,071 . 104) = (5 + 0,071) . 104 = 5,071 . 104
  • 10. OPERAÇÕES COM NOTAÇÃO CIENTÍFICA Subtração Na subtração também é necessário que o expoente seja o mesmo. O procedimento é igual ao da soma. Exemplo: (7,7 . 106) - (2,5 . 103) = (7,7 . 106) - (0,0025 . 106) = (7,7 - 0,0025) . 106 = 7,6975 . 106
  • 11. OPERAÇÕES COM NOTAÇÃO CIENTÍFICA Multiplicação Multiplicamos os números sem expoente, mantemos a potência de base 10 e somamos os expoentes de cada uma. Exemplo: (4,3 . 103) . (7 . 102) = (4,3 . 7) . 10(3+2) = 30,1 . 105
  • 13. RESUMINDO Podemos escrever um número muito Grande ou muito Pequeno em notação decimal ou notação científica . As duas formas são válidas e é importante que saibamos como tratar cada caso. Exemplo: 4 milhões de metros 4.000.000 m (notação decimal) 4 . 106 m (notação científica)