SlideShare uma empresa Scribd logo
Chronica do emperador
Clarimundo, donde os reis de
Portugal descendem
Barros
1843
Acredita-se que João de Barros tenha nascido em Viseu, em 1496,
filho de um nobre, Lopo de Barros, tendo a sua entrada facilitada
na corte de D. Manuel I. Dedicou-se à administração pública e às
letras. Segundo Elisabeta Mariotto em seu texto para o Instituto
Camões “a língua não é apenas uma realidade instrumental, mas
um elemento que representa a consciência nacional e fortalece o
sentimento de comunidade, sendo um elemento fundamental do
modo de ser português”.
Publicou, em 1540, a segunda gramática da
língua portuguesa, intitulada “Grammatica da
Língua Portuguesa”. Esta gramática foi a
segunda obra publicada em Portugal com o
intuito de padronizar a língua, refletindo o modo
como era falada na época. Além de regras
gramaticas, a obra incluía diálogos morais e
ilustrações, auxiliando no ensino da língua
materna aos portugueses.
Escreveu obras que enalteciam as
façanhas portuguesas no mundo, entre
elas destacamos a “Crónica do Imperador
Clarimundo”, publicada em 1522. A obra
exalta a história de Portugal, referindo-se
a ele como "a clareza do mundo", uma
terra que representa "a mãe de todo o
esforço".
A biblioteca abriga, em seu acervo de
coleções especiais o terceiro volume da
obra editada em Lisboa em 1843. Sua
lombada exibe detalhes dourados e
vermelhos. A obra narra um romance de
cavalaria, relatando a vida e façanhas do
cavaleiro Clarimundo, que se torna Rei da
Hungria e Imperador de Constantinopla.
BARROS, João de. Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis de
Portugal descendem. Nova ed. Lisboa, Portugal: Typographia Rollandiana,
1843. 3 v.
CRONICA DO IMPERADOR. Disponível em:
https://pt.wikipedia.org/wiki/Cr%C3%B3nica_do_Imperador_Clarimundo
JOÃO DE BARROS. Disponível em: http://cvc.instituto-camoes.pt/seculo-xvi/joao-de-
barros.html#.YvzMAn3MLIU
Fontes
BARROS, João de. Chronica do emperador Clarimundo, donde os
reis de Portugal descendem. Nova ed. Lisboa, Portugal: Typographia
Rollandiana, 1843. 3 v.
TEXTO, FOTOS E
EDITORAÇÃO:
Isabella Daneluz
REVISÃO E COLABORAÇÃO:
Ana Guimarães Pereira
Márcia Servi Gonçalves
Michele Marques Baptista

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis de Portugal descendem

Literatura de informação
Literatura de informaçãoLiteratura de informação
Literatura de informação
Estudante
 
Literaturadeinformao 100813150537-phpapp02
Literaturadeinformao 100813150537-phpapp02Literaturadeinformao 100813150537-phpapp02
Literaturadeinformao 100813150537-phpapp02
lukinha01
 
Humanismo
HumanismoHumanismo
Humanismo
Likaa
 
Fi.js mc
Fi.js mcFi.js mc
Fi.js mc
fabio-g
 
12 ppt mensagem
12 ppt mensagem12 ppt mensagem
12 ppt mensagem
rosacabecas
 
Dinastia de bragança 2
Dinastia de bragança 2Dinastia de bragança 2
Dinastia de bragança 2
Carmo Silva
 
Dinastia de bragança
Dinastia de bragançaDinastia de bragança
Dinastia de bragança
Carmo Silva
 
Dinastia de bragança
Dinastia de bragançaDinastia de bragança
Dinastia de bragança
Carmo Silva
 
Portugues pessoa
Portugues pessoaPortugues pessoa
Portugues pessoa
balolas
 
A mensagem de fernando pessoa
A mensagem de fernando pessoa A mensagem de fernando pessoa
A mensagem de fernando pessoa
balolas
 
Prosa medieval
Prosa medievalProsa medieval
Prosa medieval
Helena Coutinho
 
Prosa medieval
Prosa medievalProsa medieval
Prosa medieval
heleira02
 
Portugues pessoa a mensagem
Portugues pessoa a mensagem Portugues pessoa a mensagem
Portugues pessoa a mensagem
Tiago Filipe
 
Mensagem Fernando Pessoa
Mensagem   Fernando PessoaMensagem   Fernando Pessoa
Mensagem Fernando Pessoa
guest0f0d8
 
D. Manuel I
D. Manuel ID. Manuel I
D. Manuel I
Ana Tapadas
 
Historia lit
Historia litHistoria lit
Historia lit
literafro
 
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenárioAlexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
Domingos Boieiro
 
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenárioAlexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
Domingos Boieiro
 
APRESENTAÇÃO_Quinhentismo.pptx
APRESENTAÇÃO_Quinhentismo.pptxAPRESENTAÇÃO_Quinhentismo.pptx
APRESENTAÇÃO_Quinhentismo.pptx
MickSousa1
 
Quix0
Quix0Quix0
Quix0
renatotf
 

Semelhante a Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis de Portugal descendem (20)

Literatura de informação
Literatura de informaçãoLiteratura de informação
Literatura de informação
 
Literaturadeinformao 100813150537-phpapp02
Literaturadeinformao 100813150537-phpapp02Literaturadeinformao 100813150537-phpapp02
Literaturadeinformao 100813150537-phpapp02
 
Humanismo
HumanismoHumanismo
Humanismo
 
Fi.js mc
Fi.js mcFi.js mc
Fi.js mc
 
12 ppt mensagem
12 ppt mensagem12 ppt mensagem
12 ppt mensagem
 
Dinastia de bragança 2
Dinastia de bragança 2Dinastia de bragança 2
Dinastia de bragança 2
 
Dinastia de bragança
Dinastia de bragançaDinastia de bragança
Dinastia de bragança
 
Dinastia de bragança
Dinastia de bragançaDinastia de bragança
Dinastia de bragança
 
Portugues pessoa
Portugues pessoaPortugues pessoa
Portugues pessoa
 
A mensagem de fernando pessoa
A mensagem de fernando pessoa A mensagem de fernando pessoa
A mensagem de fernando pessoa
 
Prosa medieval
Prosa medievalProsa medieval
Prosa medieval
 
Prosa medieval
Prosa medievalProsa medieval
Prosa medieval
 
Portugues pessoa a mensagem
Portugues pessoa a mensagem Portugues pessoa a mensagem
Portugues pessoa a mensagem
 
Mensagem Fernando Pessoa
Mensagem   Fernando PessoaMensagem   Fernando Pessoa
Mensagem Fernando Pessoa
 
D. Manuel I
D. Manuel ID. Manuel I
D. Manuel I
 
Historia lit
Historia litHistoria lit
Historia lit
 
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenárioAlexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
 
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenárioAlexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
Alexandre herculano biobibliografia comemorativa do bicentenário
 
APRESENTAÇÃO_Quinhentismo.pptx
APRESENTAÇÃO_Quinhentismo.pptxAPRESENTAÇÃO_Quinhentismo.pptx
APRESENTAÇÃO_Quinhentismo.pptx
 
Quix0
Quix0Quix0
Quix0
 

Mais de Biblioteca UCS

Sistema de Bibliotecas UCS - Ao cair das folhas
Sistema de Bibliotecas UCS - Ao cair das folhasSistema de Bibliotecas UCS - Ao cair das folhas
Sistema de Bibliotecas UCS - Ao cair das folhas
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Cantos do fim do século
Sistema de Bibliotecas UCS  - Cantos do fim do séculoSistema de Bibliotecas UCS  - Cantos do fim do século
Sistema de Bibliotecas UCS - Cantos do fim do século
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Biblioteca UCS
 
Guia para inserção de Teses e Dissertações no Repositório Institucional (2).pdf
Guia para inserção de Teses e Dissertações no Repositório Institucional (2).pdfGuia para inserção de Teses e Dissertações no Repositório Institucional (2).pdf
Guia para inserção de Teses e Dissertações no Repositório Institucional (2).pdf
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Como e porque sou romancista
Sistema de Bibliotecas UCS - Como e porque sou romancistaSistema de Bibliotecas UCS - Como e porque sou romancista
Sistema de Bibliotecas UCS - Como e porque sou romancista
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Sciencia política
Sistema de Bibliotecas UCS - Sciencia políticaSistema de Bibliotecas UCS - Sciencia política
Sistema de Bibliotecas UCS - Sciencia política
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Democracia Representativa
Sistema de Bibliotecas UCS - Democracia RepresentativaSistema de Bibliotecas UCS - Democracia Representativa
Sistema de Bibliotecas UCS - Democracia Representativa
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Sombra verde: 1931.pdf
Sistema de Bibliotecas UCS - Sombra verde: 1931.pdfSistema de Bibliotecas UCS - Sombra verde: 1931.pdf
Sistema de Bibliotecas UCS - Sombra verde: 1931.pdf
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A revolução do Rio Grande do Sul
Sistema de Bibliotecas UCS - A revolução do Rio Grande do SulSistema de Bibliotecas UCS - A revolução do Rio Grande do Sul
Sistema de Bibliotecas UCS - A revolução do Rio Grande do Sul
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A Revolução Federalista no Rio Grande do Sul: (d...
Sistema de Bibliotecas UCS - A Revolução Federalista no Rio Grande do Sul: (d...Sistema de Bibliotecas UCS - A Revolução Federalista no Rio Grande do Sul: (d...
Sistema de Bibliotecas UCS - A Revolução Federalista no Rio Grande do Sul: (d...
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A demanda do Santo Graal
Sistema de Bibliotecas UCS - A demanda do Santo GraalSistema de Bibliotecas UCS - A demanda do Santo Graal
Sistema de Bibliotecas UCS - A demanda do Santo Graal
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - No garimpo do tempo
Sistema de Bibliotecas UCS - No garimpo do tempoSistema de Bibliotecas UCS - No garimpo do tempo
Sistema de Bibliotecas UCS - No garimpo do tempo
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Sons que passam
Sistema de Bibliotecas UCS - Sons que passamSistema de Bibliotecas UCS - Sons que passam
Sistema de Bibliotecas UCS - Sons que passam
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Dos nomes
Sistema de Bibliotecas UCS - Dos nomesSistema de Bibliotecas UCS - Dos nomes
Sistema de Bibliotecas UCS - Dos nomes
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Lettera amorosa
Sistema de Bibliotecas UCS - Lettera amorosaSistema de Bibliotecas UCS - Lettera amorosa
Sistema de Bibliotecas UCS - Lettera amorosa
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Vibrações sonoras
Sistema de Bibliotecas UCS - Vibrações sonorasSistema de Bibliotecas UCS - Vibrações sonoras
Sistema de Bibliotecas UCS - Vibrações sonoras
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Dona branca
Sistema de Bibliotecas UCS - Dona brancaSistema de Bibliotecas UCS - Dona branca
Sistema de Bibliotecas UCS - Dona branca
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Nova antologia poética
Sistema de Bibliotecas UCS - Nova antologia poéticaSistema de Bibliotecas UCS - Nova antologia poética
Sistema de Bibliotecas UCS - Nova antologia poética
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Divórcio e anulação de casamento
Sistema de Bibliotecas UCS - Divórcio e anulação de casamentoSistema de Bibliotecas UCS - Divórcio e anulação de casamento
Sistema de Bibliotecas UCS - Divórcio e anulação de casamento
Biblioteca UCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Tambores silenciosos
Sistema de Bibliotecas UCS - Tambores silenciososSistema de Bibliotecas UCS - Tambores silenciosos
Sistema de Bibliotecas UCS - Tambores silenciosos
Biblioteca UCS
 

Mais de Biblioteca UCS (20)

Sistema de Bibliotecas UCS - Ao cair das folhas
Sistema de Bibliotecas UCS - Ao cair das folhasSistema de Bibliotecas UCS - Ao cair das folhas
Sistema de Bibliotecas UCS - Ao cair das folhas
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Cantos do fim do século
Sistema de Bibliotecas UCS  - Cantos do fim do séculoSistema de Bibliotecas UCS  - Cantos do fim do século
Sistema de Bibliotecas UCS - Cantos do fim do século
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
Guia para inserção de Teses e Dissertações no Repositório Institucional (2).pdf
Guia para inserção de Teses e Dissertações no Repositório Institucional (2).pdfGuia para inserção de Teses e Dissertações no Repositório Institucional (2).pdf
Guia para inserção de Teses e Dissertações no Repositório Institucional (2).pdf
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Como e porque sou romancista
Sistema de Bibliotecas UCS - Como e porque sou romancistaSistema de Bibliotecas UCS - Como e porque sou romancista
Sistema de Bibliotecas UCS - Como e porque sou romancista
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Sciencia política
Sistema de Bibliotecas UCS - Sciencia políticaSistema de Bibliotecas UCS - Sciencia política
Sistema de Bibliotecas UCS - Sciencia política
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Democracia Representativa
Sistema de Bibliotecas UCS - Democracia RepresentativaSistema de Bibliotecas UCS - Democracia Representativa
Sistema de Bibliotecas UCS - Democracia Representativa
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Sombra verde: 1931.pdf
Sistema de Bibliotecas UCS - Sombra verde: 1931.pdfSistema de Bibliotecas UCS - Sombra verde: 1931.pdf
Sistema de Bibliotecas UCS - Sombra verde: 1931.pdf
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A revolução do Rio Grande do Sul
Sistema de Bibliotecas UCS - A revolução do Rio Grande do SulSistema de Bibliotecas UCS - A revolução do Rio Grande do Sul
Sistema de Bibliotecas UCS - A revolução do Rio Grande do Sul
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A Revolução Federalista no Rio Grande do Sul: (d...
Sistema de Bibliotecas UCS - A Revolução Federalista no Rio Grande do Sul: (d...Sistema de Bibliotecas UCS - A Revolução Federalista no Rio Grande do Sul: (d...
Sistema de Bibliotecas UCS - A Revolução Federalista no Rio Grande do Sul: (d...
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A demanda do Santo Graal
Sistema de Bibliotecas UCS - A demanda do Santo GraalSistema de Bibliotecas UCS - A demanda do Santo Graal
Sistema de Bibliotecas UCS - A demanda do Santo Graal
 
Sistema de Bibliotecas UCS - No garimpo do tempo
Sistema de Bibliotecas UCS - No garimpo do tempoSistema de Bibliotecas UCS - No garimpo do tempo
Sistema de Bibliotecas UCS - No garimpo do tempo
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Sons que passam
Sistema de Bibliotecas UCS - Sons que passamSistema de Bibliotecas UCS - Sons que passam
Sistema de Bibliotecas UCS - Sons que passam
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Dos nomes
Sistema de Bibliotecas UCS - Dos nomesSistema de Bibliotecas UCS - Dos nomes
Sistema de Bibliotecas UCS - Dos nomes
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Lettera amorosa
Sistema de Bibliotecas UCS - Lettera amorosaSistema de Bibliotecas UCS - Lettera amorosa
Sistema de Bibliotecas UCS - Lettera amorosa
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Vibrações sonoras
Sistema de Bibliotecas UCS - Vibrações sonorasSistema de Bibliotecas UCS - Vibrações sonoras
Sistema de Bibliotecas UCS - Vibrações sonoras
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Dona branca
Sistema de Bibliotecas UCS - Dona brancaSistema de Bibliotecas UCS - Dona branca
Sistema de Bibliotecas UCS - Dona branca
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Nova antologia poética
Sistema de Bibliotecas UCS - Nova antologia poéticaSistema de Bibliotecas UCS - Nova antologia poética
Sistema de Bibliotecas UCS - Nova antologia poética
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Divórcio e anulação de casamento
Sistema de Bibliotecas UCS - Divórcio e anulação de casamentoSistema de Bibliotecas UCS - Divórcio e anulação de casamento
Sistema de Bibliotecas UCS - Divórcio e anulação de casamento
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Tambores silenciosos
Sistema de Bibliotecas UCS - Tambores silenciososSistema de Bibliotecas UCS - Tambores silenciosos
Sistema de Bibliotecas UCS - Tambores silenciosos
 

Último

Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptxAdministração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
helenawaya9
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Falcão Brasil
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
Ceiça Martins Vital
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
Maria das Graças Machado Rodrigues
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
Estuda.com
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
ProfessoraSilmaraArg
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
Marcelo Botura
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 

Último (20)

Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptxAdministração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
Festa dos Finalistas .
Festa dos Finalistas                    .Festa dos Finalistas                    .
Festa dos Finalistas .
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
 
Elogio da Saudade .
Elogio da Saudade                          .Elogio da Saudade                          .
Elogio da Saudade .
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 

Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis de Portugal descendem

  • 1. Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis de Portugal descendem Barros 1843
  • 2. Acredita-se que João de Barros tenha nascido em Viseu, em 1496, filho de um nobre, Lopo de Barros, tendo a sua entrada facilitada na corte de D. Manuel I. Dedicou-se à administração pública e às letras. Segundo Elisabeta Mariotto em seu texto para o Instituto Camões “a língua não é apenas uma realidade instrumental, mas um elemento que representa a consciência nacional e fortalece o sentimento de comunidade, sendo um elemento fundamental do modo de ser português”.
  • 3. Publicou, em 1540, a segunda gramática da língua portuguesa, intitulada “Grammatica da Língua Portuguesa”. Esta gramática foi a segunda obra publicada em Portugal com o intuito de padronizar a língua, refletindo o modo como era falada na época. Além de regras gramaticas, a obra incluía diálogos morais e ilustrações, auxiliando no ensino da língua materna aos portugueses.
  • 4. Escreveu obras que enalteciam as façanhas portuguesas no mundo, entre elas destacamos a “Crónica do Imperador Clarimundo”, publicada em 1522. A obra exalta a história de Portugal, referindo-se a ele como "a clareza do mundo", uma terra que representa "a mãe de todo o esforço".
  • 5. A biblioteca abriga, em seu acervo de coleções especiais o terceiro volume da obra editada em Lisboa em 1843. Sua lombada exibe detalhes dourados e vermelhos. A obra narra um romance de cavalaria, relatando a vida e façanhas do cavaleiro Clarimundo, que se torna Rei da Hungria e Imperador de Constantinopla.
  • 6. BARROS, João de. Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis de Portugal descendem. Nova ed. Lisboa, Portugal: Typographia Rollandiana, 1843. 3 v. CRONICA DO IMPERADOR. Disponível em: https://pt.wikipedia.org/wiki/Cr%C3%B3nica_do_Imperador_Clarimundo JOÃO DE BARROS. Disponível em: http://cvc.instituto-camoes.pt/seculo-xvi/joao-de- barros.html#.YvzMAn3MLIU Fontes
  • 7. BARROS, João de. Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis de Portugal descendem. Nova ed. Lisboa, Portugal: Typographia Rollandiana, 1843. 3 v. TEXTO, FOTOS E EDITORAÇÃO: Isabella Daneluz REVISÃO E COLABORAÇÃO: Ana Guimarães Pereira Márcia Servi Gonçalves Michele Marques Baptista