Apresentação n.º 1 O Modelo Ateniense

162 visualizações

Publicada em

Módulo 1 - Raízes Mediterrânicas da Civilização Europeia
Unidade 1 - O modelo ateniense

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
162
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação n.º 1 O Modelo Ateniense

  1. 1. Raízes mediterrânicas da civilização europeia – cidade, cidadania e império na Antiguidade Clássica O modelo ateniense
  2. 2. Conteúdos • A democracia antiga: os direitos dos cidadãos e o exercício de poderes • Uma cultura aberta à cidade • As grandes manifestações cívico- religiosas • A educação para o exercício público do poder • A arquitetura e a escultura, expressão do culto público e da procura da harmonia
  3. 3. Aprendizagens • Identificar a pólis ateniense como um centro politicamente autónomo • Mostrar que a democracia ateninese era uma democracia direta • Distinguir os órgãos do poder legislativo, executivo e judicial. • Avaliar os limites da participação democrática • Comparar a democracia ateniense com a democracia atual • Desenvolver a sensibilidade estética, através da identificação e da apreciação de manifestações artísticas do período clássico
  4. 4. Pólis
  5. 5. O que é uma pólis? • território • corpo cívico • conjunto de leis
  6. 6. • factor geográfico (compartimentação das terras pelas altas montanhas, dificuldades de comunicação) • invasões estrangeiras • inexistência de um poder central Quais as condições de formação das pólis?
  7. 7. A democracia
  8. 8. Evolução política de Atenas até ao século V a.C.
  9. 9. Instituições democráticas e o seu funcionamento
  10. 10. • indivíduos do sexo masculino • mais de 20 anos • filhos de pai e mãe ateniense • com o serviço militar cumprido Quem eram os cidadãos?
  11. 11. Que direitos possuía? • igualdade perante a lei (isonomia) • igualdade de acesso aos cargos políticos (isocracia) • direito do uso da palavra (isegoria) • posse de terras • posse de escravos • acesso à educação
  12. 12. Quais os seus deveres? • cumprir o serviço militar • participar ativamente na Eclésia • votar • desempenhar cargos como legislador, governante, juiz ou magistrado • participar nas celebrações cívico-religiosas
  13. 13. Direitos • cuidar das crianças • assistir às festas no templo de Hera Deveres • trabalhos domésticos • sobriedade • sujeição à tutela do pai, marido e filho mais velho Mulheres
  14. 14. Direitos • exercício do comércio e do artesanato • participação nas festividades Deveres • pagar impostos • cumprir o serviço militar • custear as festividades e espetáculos Estrangeiros
  15. 15. Deveres • obedecer ao seu senhor • trabalhar nos serviços domésticos, campos, oficinas e minas Escravos
  16. 16. • conceito de cidadania • igualdade de todos os cidadãos • democracia direta • divisão dos poderes • sorteio • uso da retórica • discriminação das mulheres e estrageiros • existência legal da escravatura • ostracismo A democracia antiga
  17. 17. • preferência pelo sorteio em relação à eleição • remuneração pelo exercício de cargos políticos • caráter transitório e rotativo dos cargos • controlo da legalidade das leis • prestação de contas pelos magistrados no fim dos mandatos • ostracismo (abandono da cidade por um período de 10 anos) Quais os mecanismos de proteção?
  18. 18. • vontade de satisfazer os desejos da maioria dos cidadãos • divisão de poderes • uso da retórica como arma política • tratamento igual de todos os cidadãos perante a lei • o conceito de cidadão • democracia representativa ou indireta • eleição • igualdade entre sexos A democracia nos nossos dias
  19. 19. • até aos sete anos, os rapazes e raparigas eram educados pelas mães • os rapazes iam para a escola aprender a leitura, a escrita, a música e o exercício físico • tinham também de decorar e recitar os poemas da Ilíada e da Odisseia • aos quinze anos frequentavam ginásios e aprendiam Matemática, Filosofia, Religião, História, Política, Retórica e Dialéctica • aos dezoito cumpria o serviço militar de dois anos e aos vinte era considerado um cidadão A educação para a cidadania
  20. 20. Teatro • terá começado pela leitura de poemas e por danças, até assumir a forma de representação • peças trágicas e comédias de crítica social • o oráculo tem uma função importante, pois as suas previsões, ditadas pelos deuses, sempre se cumprem • existiam competições entre dramaturgos de todo o mundo grego Jogos • devoção aos deuses • proclamava-se tréguas sagradas enquanto decorriam • atraiam visitantes de toda a Grécia • também havia lugar a competições musicais e para a exibição dos dotes de oratória • o vencedor alcançava um estatuto de semideus e tinha direito a um tratamento especial Manifestações cívico-religiosas
  21. 21. A arte clássica Arquitetura • proporções matemáticas, harmonia e simplicidade • cidades organizadas num plano ortogonal • a busca da perfeição evidencia- se nas correções óticas Escultura • evolução da pose rígida até ao ideal do atleta robusto e do efeito teatral e sensação de movimento • estabeleceu-se o ideal de beleza do corpo humano • esculturas revestidas de pintura de cores vivas Pintura • representação dos deuses e do quotidiano • sentido utilitário • registo e transmissão de mensagens

×