Aula 05 alcance, penetração, cpm, cpp, cpc

833 visualizações

Publicada em

Aula 05 - PREXPM - USJT

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
833
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
43
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 05 alcance, penetração, cpm, cpp, cpc

  1. 1. PREXPM Projeto Experimental – Planejamento de Mídia Alcance, Penetração, CPM, CPP, CPC Profa. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva prof.jucavalcante@gmail.com
  2. 2. Conceitos técnicos de mídia
  3. 3. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva Conceitos técnicos de mídia Alcance
  4. 4. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva Conceitos técnicos de mídia O alcance mostra quantos indivíduos e/ou domicílios foram impactados pelo veículo. Muito utilizado para TV e Rádio Exemplo Cada edição do programa “Desenhos” exibido em fevereiro teve um alcance médio de 24% entre as crianças de 04 a 11 anos da Grande São Paulo Como ler esta informação? - A cada programa, em média 24% dos indivíduos de 04 a 11 anos desta mesma região assistiram pelo menos 1 minuto do programa. Isto representa aproximadamente 526 mil crianças.
  5. 5. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva Conceitos técnicos de mídia Penetração
  6. 6. Penetração  Quantidade de pessoas que tem o hábito de consumir um produto. É a % ou o número absoluto de pessoas de uma praça que consomem os meios e os veículos, conforme o universo considerado, tais como total da população, população por sexo, classe social e faixa etária.  Ipsos Marplan, através de questionário em entrevista individual identifica os meios e veículos consumidos pelo indivíduo – TOM MICRO  “Penetração dos Meios” e “Consumo dos Meios” são sinônimos  Audiência é usada para TV, rádio e internet e penetração para Jornal e Revista. Quanto maior a penetração, maior a chance de programar. Também são mais identificados por nichos  Cinema e Mídia Exterior são programados por área de cobertura ou localização. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva
  7. 7. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva
  8. 8.  A penetração ajuda o profissional a programar a mídia  Podem adotar duplo período para um meio e simples para outro, adequar para seus objetivos Exemplo: 0,979 x 100 = 98% Penetração do Meio = número de indivíduos que consomem o meio x 100 Total de indivíduos do Universo Penetração do meio = 5.477.000 x 100 5.594.000 Temos na cidade de São Paulo 5.594.000 homens (universo), Destes, 5.477.000 assistiram TV em 2014. Assim, a penetração do meio foi de 98% entre os homens da cidade de São Paulo Fórmula: Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva
  9. 9. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva Conceitos técnicos de mídia CPM Custo por mil
  10. 10. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva  Avaliação de custos e está associado à rentabilidade.  É o valor que se paga a cada MIL PESSOAS atingidas  Quanto menor o CPM, maior a rentabilidade Ele é utilizado como parâmetro, principalmente nas seguintes situações: • Seleção de programas e veículos para montagens de programações; • Mostrar o quanto programações estão “caras” ou “baratas”; • Avaliações de rentabilidade de propostas de patrocínios; • Calcula o preço por lote de mil pessoas. Muitas vezes, o custo por pessoa atingida é muito baixo, uma fração da unidade monetária (Real, no caso do Brasil). • São utilizados números absolutos, não % Custo por mil
  11. 11. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva Fórmula: CPM = (preço ou verba) x 1000 Total de pessoas Custo por mil Revista Carta Capital Página Indeterminada: R$ 80.000,00 Leitores: 231.000 CPM = R$ 80.000,00 x 1000 = R$ 346,32 231.000 Revista Isto é Gente Página Indeterminada: R$ 105.300,00 Leitores: 255.000 CPM = R$ 80.000,00 x 1000 = R$ 412,94 231.000
  12. 12. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva Conceitos técnicos de mídia CPP Custo por ponto
  13. 13. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva  É a mesma lógica do custo por mil  Utilizado para programas de TV Fórmula: CPP = (preço ou verba) Ponto de Audiência
  14. 14. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva Se o universo é o mesmo, cada ponto representa a mesma quantidade de pessoas Leitura: para atingir 1% do universo eu gastaria R$ 10.000,00 no PROGRAMA DE TV “A” e R$ 20.000,00 no PROGRAMA DE TV “B”
  15. 15. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva Conceitos técnicos de mídia CPC e CPM Impressões Custo por clique
  16. 16. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva O CUSTO POR CLIQUE é o valor máximo, estabelecido pelo anunciante, pago por cada clique. Ao criar uma campanha, o anunciante que escolher o CPC está dizendo "aceito pagar até X centavos ou reais por um clique em meu anúncio". Isso não quer dizer que necessariamente ele pagará este valor em cada clique, mas sim que está disposto a fazê-lo caso seja necessário. Na maioria dos casos, o anunciante que escolhe o lance por CPC paga somente o necessário para superar o segundo colocado no leilão referente a uma determinada palavra chave.
  17. 17. Comunicação Social – Publicidade e Propaganda PREXPM - Projeto Experimental: Planejamento de Mídia Prof. Juliane Cavalcante Vitoriano da Silva O CPM é o custo por mil impressões (lembrando que anúncio impresso é sinônimo de anúncio exibido). Com ele, o anunciante pagará o valor, também estimado por ele, relativo à mil impressões (exibições) de seus anúncios na rede do Google (seja em na rede de pesquisa, seja na de conteúdo). Ao definir o lance por CPM, o anunciante define como prioridade de sua campanha a simples exibição do anúncio, não necessariamente o clique ou o tráfego gerado para seu site

×