SlideShare uma empresa Scribd logo
PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS METODOLOGIA para trabalho monográfico ou pré-plano de negócios MANOEL MARCONDES NETO, doutor (USP) / professor adjunto (UERJ)
Características neste curso: O primeiro desafio é desenvolver uma nova demanda, seja teórica, seja prática e O segundo desafio é encontrar um ambiente organizacional que absorva essa nova demanda PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
Como os conteúdos de outras disciplinas podem contribuir com o seu trabalho? Quais os paradigmas e fontes adotados por você? Qual a visão administrativa de seu projeto, plataforma, produto ou serviço? Qual a visão mercadológica de seu projeto, plataforma, produto ou serviço? PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
Características deste curso: Projeto de pesquisa que possa ser submetido a uma agência de fomento (+ teórico) ou Plano de negócios que possa ser apresentado a um investidor (+ prático) PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
Obstáculos: Falta de hábito de pesquisa Visão de pesquisa como reprodução e não como criação Não identificação do potencial de pesquisa de um determinado tema Desvalorização da reflexão frente à aplicação PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
2 caminhos: projeto de pesquisa  OU  plano de negócios: Um pensamento ordenado Um processo de conhecimento Habilidade e competência intrínsecos a um gestor Sistema de comunicação e trabalho entre o pesquisador/proponente e um mentor  Documento para obtenção de recursos PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
Projeto de pesquisa / Plano de negócios: É preciso estabelecer uma área Identificar nesta área um foco  Visão de planejamento é imprescindível  Um processo cibernético: vai-se construindo ao longo do percurso PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
-  TEMA é diferente de PROBLEMA. DÚVIDA do  pesquisador é diferente do PROBLEMA da pesquisa. Importante é DELIMITAR o campo, a área, e ter FOCO. PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
A formulação de um problema parte da OBSERVAÇÃO de fato(s). Um problema pode ser uma QUESTÃO proposta, uma sentença em forma interrogativa. A RESPOSTA à questão será encontrada (ou não) no decorrer da pesquisa. PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
As perguntas devem ter POSSIBILIDADE DE RESPOSTA pelo estudo. Uma pergunta FIXA UM ROTEIRO para o início da investigação bibliográfica  /documental e a coleta de dados no  campo. PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
CAMPO / ÁREA: (do conhecimento / da atividade econômica) TEMA: (realidade que circunda o pesquisador / proponente) TÍTULO: (com clareza, objetividade e contextualização) PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
EXEMPLO: CAMPO:  MARKETING CULTURAL (caracterização e tipificação) TEMA:  O marketing cultural como política de  comunicação institucional TÍTULO:  “Marketing Cultural: das práticas à teoria” PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
ENFOQUES POSSÍVEIS: Relação entre X e Y (causa-efeito)     POSITIVISTA Significado e intencionalidade     FENOMENOLÓGICO Histórico, contraditório     DIALÉTICO PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
MÉTODOS DE PESQUISA DE CAMPO BIBLIOGRÁFICA DESCRITIVA EXPERIMENTAL PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
OBJETIVOS - EXEMPLOS : (verbos no infinitivo) Compreender Conceituar Definir Detalhar Enumerar Explicar Reconhecer Registrar Relacionar PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
OBJETIVOS - EXEMPLOS : (verbos no infinitivo) Aplicar Demonstrar Descrever Distinguir Expor Identificar Interpretar Localizar Resolver PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
A PESQUISA / PLANO DE NEGÓCIOS DEVE TER: Cronograma detalhado (físico, físico-financeiro) Sumário provável (estrutura do documento) Referências Apêndices / Anexos Citações Glossário PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
A PESQUISA / PLANO DE NEGÓCIOS PODE TER: Questionários (sem acompanhamento) Formulários (com acompanhamento) Entrevistas Levantamento documental Estatísticas Resultado de observação de uma dada realidade PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
FINALIDADE DA PESQUISA PURA ou APLICADA PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
TIPO DE ABORDAGEM QUANTITATIVA ou QUALITATIVA PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
QUANTO AO ENVOLVIMENTO DO PESQUISADOR MODELO CLÁSSICO -  PESQUISA-AÇÃO PESQUISA PARTICIPANTE PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
QUANTO AO “LOCUS” DA  OBSERVAÇÃO BIBLIOGRÁFICO -  DE CAMPO LABORATORIAL PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
ELABORAÇÃO DO CRONOGRAMA COLETA DE DADOS -  TABULAÇÃO ANÁLISE DE DADOS ELABORAÇÃO DO TRABALHO (recomendável uso de tabelas) PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
QUANTO À REDAÇÃO IMPESSOALIDADE  . usar 3ª. Pessoa/voz passiva: “este estudo”, “dada a análise” -  CLAREZA PRECISÃO CONCISÃO  . frases simples  . idéias expostas em poucas palavras . terminologia técnica especializada depende de cada campo/área) PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
-   Tema e delimitação Problema Objetivos Justificativa Hipótese Revisão da literatura Metodologia Cronograma Estrutura provisória Referências PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS PROJETO {
PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS BIBLIOGRAFIA AMBRÓSIO, Vicente. Plano de marketing. Rio de Janeiro, R&A Editores. 1999. GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo, Atlas. 1994. GOLDENBERG, Mirian. A arte de pesquisar. Rio de Janeiro, Record. 1997. VERGARA, Sylvia Constant. Projetos e relatórios de pesquisa em Administração. São Paulo, Atlas. 1997.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aulas - Estratégias Empresariais - 2009
Aulas - Estratégias Empresariais - 2009Aulas - Estratégias Empresariais - 2009
Aulas - Estratégias Empresariais - 2009
Sergio Luis Seloti Jr
 
Estratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael PorterEstratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael Porter
Thiago Rocha
 
Apresentação do Modelo de Negócios Canvas
Apresentação do Modelo de Negócios CanvasApresentação do Modelo de Negócios Canvas
Apresentação do Modelo de Negócios Canvas
Thiago Paiva
 
SAP SCM
SAP SCMSAP SCM
SAP SCM
Sergio Grisa
 
OrientaçãO Para Mkt
OrientaçãO Para MktOrientaçãO Para Mkt
OrientaçãO Para Mkt
Jaime Brasileiro Curcio
 
Aula 8 comunicação de marketing
Aula 8 comunicação de marketing Aula 8 comunicação de marketing
Aula 8 comunicação de marketing
Carlos Alves
 
BSC – mapa estratégico - Gerdau
BSC – mapa estratégico - GerdauBSC – mapa estratégico - Gerdau
BSC – mapa estratégico - Gerdau
Daniela da Silva Nascimento
 
10 passos para o mercado de trabalho
10 passos para o mercado de trabalho10 passos para o mercado de trabalho
10 passos para o mercado de trabalho
Taii Ferreira
 
MARKETING EMPREENDEDOR - Apresentação - Trabalho de conclusão de curso do MBA...
MARKETING EMPREENDEDOR - Apresentação - Trabalho de conclusão de curso do MBA...MARKETING EMPREENDEDOR - Apresentação - Trabalho de conclusão de curso do MBA...
MARKETING EMPREENDEDOR - Apresentação - Trabalho de conclusão de curso do MBA...
Cristiano Machado
 
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICOPLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Paulo David
 
Design Thinking
Design ThinkingDesign Thinking
Design Thinking
Odair Cavichioli
 
Aula - Estratégias de Gestão Organizacional
Aula - Estratégias de Gestão OrganizacionalAula - Estratégias de Gestão Organizacional
Aula - Estratégias de Gestão Organizacional
Michel Moreira
 
Logística empresarial
Logística empresarialLogística empresarial
Logística empresarial
Cristiano Ferreira Cesarino
 
Planejamento estratégico unijipa.ppt
Planejamento estratégico   unijipa.pptPlanejamento estratégico   unijipa.ppt
Planejamento estratégico unijipa.ppt
Marcelo Augusto M. Barbosa
 
Empreendedorismo
EmpreendedorismoEmpreendedorismo
Empreendedorismo
Diego Alexandre da Silva
 
Aula14
Aula14Aula14
Ciclo de vida do Produto e Oportunidades de Marketing
Ciclo de vida do Produto e Oportunidades de MarketingCiclo de vida do Produto e Oportunidades de Marketing
Ciclo de vida do Produto e Oportunidades de Marketing
Diego Andreasi
 
Canvas
CanvasCanvas
Aula 02 - Validação de ideias
Aula 02 - Validação de ideiasAula 02 - Validação de ideias
Aula 02 - Validação de ideias
José Bringel Filho
 
Marketing e Publicidade e Propaganda
Marketing e Publicidade e PropagandaMarketing e Publicidade e Propaganda
Marketing e Publicidade e Propaganda
Ciro Gusatti
 

Mais procurados (20)

Aulas - Estratégias Empresariais - 2009
Aulas - Estratégias Empresariais - 2009Aulas - Estratégias Empresariais - 2009
Aulas - Estratégias Empresariais - 2009
 
Estratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael PorterEstratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael Porter
 
Apresentação do Modelo de Negócios Canvas
Apresentação do Modelo de Negócios CanvasApresentação do Modelo de Negócios Canvas
Apresentação do Modelo de Negócios Canvas
 
SAP SCM
SAP SCMSAP SCM
SAP SCM
 
OrientaçãO Para Mkt
OrientaçãO Para MktOrientaçãO Para Mkt
OrientaçãO Para Mkt
 
Aula 8 comunicação de marketing
Aula 8 comunicação de marketing Aula 8 comunicação de marketing
Aula 8 comunicação de marketing
 
BSC – mapa estratégico - Gerdau
BSC – mapa estratégico - GerdauBSC – mapa estratégico - Gerdau
BSC – mapa estratégico - Gerdau
 
10 passos para o mercado de trabalho
10 passos para o mercado de trabalho10 passos para o mercado de trabalho
10 passos para o mercado de trabalho
 
MARKETING EMPREENDEDOR - Apresentação - Trabalho de conclusão de curso do MBA...
MARKETING EMPREENDEDOR - Apresentação - Trabalho de conclusão de curso do MBA...MARKETING EMPREENDEDOR - Apresentação - Trabalho de conclusão de curso do MBA...
MARKETING EMPREENDEDOR - Apresentação - Trabalho de conclusão de curso do MBA...
 
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICOPLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
 
Design Thinking
Design ThinkingDesign Thinking
Design Thinking
 
Aula - Estratégias de Gestão Organizacional
Aula - Estratégias de Gestão OrganizacionalAula - Estratégias de Gestão Organizacional
Aula - Estratégias de Gestão Organizacional
 
Logística empresarial
Logística empresarialLogística empresarial
Logística empresarial
 
Planejamento estratégico unijipa.ppt
Planejamento estratégico   unijipa.pptPlanejamento estratégico   unijipa.ppt
Planejamento estratégico unijipa.ppt
 
Empreendedorismo
EmpreendedorismoEmpreendedorismo
Empreendedorismo
 
Aula14
Aula14Aula14
Aula14
 
Ciclo de vida do Produto e Oportunidades de Marketing
Ciclo de vida do Produto e Oportunidades de MarketingCiclo de vida do Produto e Oportunidades de Marketing
Ciclo de vida do Produto e Oportunidades de Marketing
 
Canvas
CanvasCanvas
Canvas
 
Aula 02 - Validação de ideias
Aula 02 - Validação de ideiasAula 02 - Validação de ideias
Aula 02 - Validação de ideias
 
Marketing e Publicidade e Propaganda
Marketing e Publicidade e PropagandaMarketing e Publicidade e Propaganda
Marketing e Publicidade e Propaganda
 

Destaque

Projeto Final plano de negocio
Projeto Final plano de negocioProjeto Final plano de negocio
Projeto Final plano de negocio
Élida Tavares
 
Modelo de Projeto de Pesquisa
Modelo de Projeto de PesquisaModelo de Projeto de Pesquisa
Modelo de Projeto de Pesquisa
José Antonio Ferreira da Silva
 
Trump 2017 2020
Trump 2017 2020Trump 2017 2020
Trump 2017 2020
Manoel Marcondes Neto
 
A era do pós-marketing ou "powerbranding". Marcondes Neto.
A era do pós-marketing ou "powerbranding". Marcondes Neto.A era do pós-marketing ou "powerbranding". Marcondes Neto.
A era do pós-marketing ou "powerbranding". Marcondes Neto.
Manoel Marcondes Neto
 
III Seminário Banco do Nordeste de Política Cultural - Manoel Marcondes Macha...
III Seminário Banco do Nordeste de Política Cultural - Manoel Marcondes Macha...III Seminário Banco do Nordeste de Política Cultural - Manoel Marcondes Macha...
III Seminário Banco do Nordeste de Política Cultural - Manoel Marcondes Macha...
Banco do Nordeste
 
Marêe Marcondes
Marêe MarcondesMarêe Marcondes
Marêe Marcondes
Self-Employed
 
comcultcivil5
comcultcivil5comcultcivil5
comcultcivil5
quinta_semana
 
comcultcivil3
comcultcivil3comcultcivil3
comcultcivil3
quinta_semana
 
Captador de recursos e suas questoes (manoel marcondes)
Captador de recursos e suas questoes (manoel marcondes)Captador de recursos e suas questoes (manoel marcondes)
Captador de recursos e suas questoes (manoel marcondes)
FLAC - Festival Latino Americano de Captação de Recursos 2012
 
comcultcivil1
comcultcivil1comcultcivil1
comcultcivil1
quinta_semana
 
Patrocínio como instrumento de comunicação
Patrocínio como instrumento de comunicaçãoPatrocínio como instrumento de comunicação
Patrocínio como instrumento de comunicação
Banco do Nordeste
 
Bradesco Cirque du Soleil
Bradesco Cirque du SoleilBradesco Cirque du Soleil
Bradesco Cirque du Soleil
Alysson Simplicio
 
Captação de recursos e patrocínio
Captação de recursos e patrocínioCaptação de recursos e patrocínio
Captação de recursos e patrocínio
Manoel Marcondes Neto
 
Os 4 Rs das Relações Publicas: Relevância
Os 4 Rs das Relações Publicas: RelevânciaOs 4 Rs das Relações Publicas: Relevância
Os 4 Rs das Relações Publicas: Relevância
marcondes2013-1
 
Uerj fundamentos de marketing
Uerj   fundamentos de marketingUerj   fundamentos de marketing
Uerj fundamentos de marketing
Daniel Cunha
 
Cultura - Direitos - Cidadania
Cultura - Direitos - CidadaniaCultura - Direitos - Cidadania
Cultura - Direitos - Cidadania
Manoel Marcondes Neto
 
Publicidade como instrumento de marketing
Publicidade como instrumento de marketingPublicidade como instrumento de marketing
Publicidade como instrumento de marketing
filmenino
 
Projeto Plano de Negócios
Projeto Plano de NegóciosProjeto Plano de Negócios
Projeto Plano de Negócios
manskinho
 
Gestao Estrategica Projetos
Gestao Estrategica   ProjetosGestao Estrategica   Projetos
Gestao Estrategica Projetos
Inova Gestão
 

Destaque (19)

Projeto Final plano de negocio
Projeto Final plano de negocioProjeto Final plano de negocio
Projeto Final plano de negocio
 
Modelo de Projeto de Pesquisa
Modelo de Projeto de PesquisaModelo de Projeto de Pesquisa
Modelo de Projeto de Pesquisa
 
Trump 2017 2020
Trump 2017 2020Trump 2017 2020
Trump 2017 2020
 
A era do pós-marketing ou "powerbranding". Marcondes Neto.
A era do pós-marketing ou "powerbranding". Marcondes Neto.A era do pós-marketing ou "powerbranding". Marcondes Neto.
A era do pós-marketing ou "powerbranding". Marcondes Neto.
 
III Seminário Banco do Nordeste de Política Cultural - Manoel Marcondes Macha...
III Seminário Banco do Nordeste de Política Cultural - Manoel Marcondes Macha...III Seminário Banco do Nordeste de Política Cultural - Manoel Marcondes Macha...
III Seminário Banco do Nordeste de Política Cultural - Manoel Marcondes Macha...
 
Marêe Marcondes
Marêe MarcondesMarêe Marcondes
Marêe Marcondes
 
comcultcivil5
comcultcivil5comcultcivil5
comcultcivil5
 
comcultcivil3
comcultcivil3comcultcivil3
comcultcivil3
 
Captador de recursos e suas questoes (manoel marcondes)
Captador de recursos e suas questoes (manoel marcondes)Captador de recursos e suas questoes (manoel marcondes)
Captador de recursos e suas questoes (manoel marcondes)
 
comcultcivil1
comcultcivil1comcultcivil1
comcultcivil1
 
Patrocínio como instrumento de comunicação
Patrocínio como instrumento de comunicaçãoPatrocínio como instrumento de comunicação
Patrocínio como instrumento de comunicação
 
Bradesco Cirque du Soleil
Bradesco Cirque du SoleilBradesco Cirque du Soleil
Bradesco Cirque du Soleil
 
Captação de recursos e patrocínio
Captação de recursos e patrocínioCaptação de recursos e patrocínio
Captação de recursos e patrocínio
 
Os 4 Rs das Relações Publicas: Relevância
Os 4 Rs das Relações Publicas: RelevânciaOs 4 Rs das Relações Publicas: Relevância
Os 4 Rs das Relações Publicas: Relevância
 
Uerj fundamentos de marketing
Uerj   fundamentos de marketingUerj   fundamentos de marketing
Uerj fundamentos de marketing
 
Cultura - Direitos - Cidadania
Cultura - Direitos - CidadaniaCultura - Direitos - Cidadania
Cultura - Direitos - Cidadania
 
Publicidade como instrumento de marketing
Publicidade como instrumento de marketingPublicidade como instrumento de marketing
Publicidade como instrumento de marketing
 
Projeto Plano de Negócios
Projeto Plano de NegóciosProjeto Plano de Negócios
Projeto Plano de Negócios
 
Gestao Estrategica Projetos
Gestao Estrategica   ProjetosGestao Estrategica   Projetos
Gestao Estrategica Projetos
 

Semelhante a Projetos de Pesquisa em Negócios

Elaboração do projeto de pesquisa
Elaboração do projeto de pesquisaElaboração do projeto de pesquisa
Elaboração do projeto de pesquisa
Sandra Pereira
 
Projnetjajsjsjssjsjsjsjsjsjsjsjsjo de pesquisa.pptx
Projnetjajsjsjssjsjsjsjsjsjsjsjsjo de pesquisa.pptxProjnetjajsjsjssjsjsjsjsjsjsjsjsjo de pesquisa.pptx
Projnetjajsjsjssjsjsjsjsjsjsjsjsjo de pesquisa.pptx
FbioMeireles6
 
Projeto de pesquisa como montar - Slides.pptx
Projeto de pesquisa como montar  - Slides.pptxProjeto de pesquisa como montar  - Slides.pptx
Projeto de pesquisa como montar - Slides.pptx
leandro154586
 
Projeto de pesquisa_-_orientacoes_ifrn
Projeto de pesquisa_-_orientacoes_ifrnProjeto de pesquisa_-_orientacoes_ifrn
Projeto de pesquisa_-_orientacoes_ifrn
Sérgio Ferreira DA Silva
 
Plano de acao curso metodologia
Plano de acao curso metodologiaPlano de acao curso metodologia
Plano de acao curso metodologia
Keu Guerra
 
História do Design - Apresentação - Hd00
História do Design - Apresentação - Hd00História do Design - Apresentação - Hd00
História do Design - Apresentação - Hd00
Valdir Soares
 
Apresentação Loop Semana Calórica Design/Ufes 2015
Apresentação Loop Semana Calórica Design/Ufes 2015Apresentação Loop Semana Calórica Design/Ufes 2015
Apresentação Loop Semana Calórica Design/Ufes 2015
Hugo Cristo
 
Mapa monográfico booklet 2011
Mapa monográfico booklet 2011Mapa monográfico booklet 2011
Mapa monográfico booklet 2011
Katcavenum
 
Biotecnologia Industrial - Desafios de equipes científicas na execução de est...
Biotecnologia Industrial - Desafios de equipes científicas na execução de est...Biotecnologia Industrial - Desafios de equipes científicas na execução de est...
Biotecnologia Industrial - Desafios de equipes científicas na execução de est...
Wilson A. Araujo
 
Makerspaces universitários: a experiência do INOVALAB@POLI e perspectivas no ...
Makerspaces universitários: a experiência do INOVALAB@POLI e perspectivas no ...Makerspaces universitários: a experiência do INOVALAB@POLI e perspectivas no ...
Makerspaces universitários: a experiência do INOVALAB@POLI e perspectivas no ...
inovaDay .
 
Treinando pesquisadores
Treinando pesquisadoresTreinando pesquisadores
Treinando pesquisadores
Bento Gustavo de Sousa Pimentel
 
GEPIT - Aula Presencial 3 - Sérgio Perussi Filho
GEPIT - Aula Presencial 3 - Sérgio Perussi FilhoGEPIT - Aula Presencial 3 - Sérgio Perussi Filho
GEPIT - Aula Presencial 3 - Sérgio Perussi Filho
auspin
 
postersbp2020
postersbp2020postersbp2020
postersbp2020
Vitor Gonçalves
 
TCC seminário I
TCC seminário ITCC seminário I
TCC seminário I
Dércio Luiz Reis
 
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
Pri Guimaraes
 
FAEME METODOLOGIA CIENTÍFICA
FAEME METODOLOGIA CIENTÍFICAFAEME METODOLOGIA CIENTÍFICA
FAEME METODOLOGIA CIENTÍFICA
UFMA e UEMA
 
113566051 elaboracao-de-um-projeto-de-pesquisa-ppt
113566051 elaboracao-de-um-projeto-de-pesquisa-ppt113566051 elaboracao-de-um-projeto-de-pesquisa-ppt
113566051 elaboracao-de-um-projeto-de-pesquisa-ppt
Elisa Dias
 
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
Priscilla Guimaraes
 
Plano de negócio Biblioteca Embrapa
Plano de negócio Biblioteca EmbrapaPlano de negócio Biblioteca Embrapa
Plano de negócio Biblioteca Embrapa
Marcela Bassoli
 
Ws moldar novos negócios
Ws moldar novos negóciosWs moldar novos negócios
Ws moldar novos negócios
Redes de Projeto
 

Semelhante a Projetos de Pesquisa em Negócios (20)

Elaboração do projeto de pesquisa
Elaboração do projeto de pesquisaElaboração do projeto de pesquisa
Elaboração do projeto de pesquisa
 
Projnetjajsjsjssjsjsjsjsjsjsjsjsjo de pesquisa.pptx
Projnetjajsjsjssjsjsjsjsjsjsjsjsjo de pesquisa.pptxProjnetjajsjsjssjsjsjsjsjsjsjsjsjo de pesquisa.pptx
Projnetjajsjsjssjsjsjsjsjsjsjsjsjo de pesquisa.pptx
 
Projeto de pesquisa como montar - Slides.pptx
Projeto de pesquisa como montar  - Slides.pptxProjeto de pesquisa como montar  - Slides.pptx
Projeto de pesquisa como montar - Slides.pptx
 
Projeto de pesquisa_-_orientacoes_ifrn
Projeto de pesquisa_-_orientacoes_ifrnProjeto de pesquisa_-_orientacoes_ifrn
Projeto de pesquisa_-_orientacoes_ifrn
 
Plano de acao curso metodologia
Plano de acao curso metodologiaPlano de acao curso metodologia
Plano de acao curso metodologia
 
História do Design - Apresentação - Hd00
História do Design - Apresentação - Hd00História do Design - Apresentação - Hd00
História do Design - Apresentação - Hd00
 
Apresentação Loop Semana Calórica Design/Ufes 2015
Apresentação Loop Semana Calórica Design/Ufes 2015Apresentação Loop Semana Calórica Design/Ufes 2015
Apresentação Loop Semana Calórica Design/Ufes 2015
 
Mapa monográfico booklet 2011
Mapa monográfico booklet 2011Mapa monográfico booklet 2011
Mapa monográfico booklet 2011
 
Biotecnologia Industrial - Desafios de equipes científicas na execução de est...
Biotecnologia Industrial - Desafios de equipes científicas na execução de est...Biotecnologia Industrial - Desafios de equipes científicas na execução de est...
Biotecnologia Industrial - Desafios de equipes científicas na execução de est...
 
Makerspaces universitários: a experiência do INOVALAB@POLI e perspectivas no ...
Makerspaces universitários: a experiência do INOVALAB@POLI e perspectivas no ...Makerspaces universitários: a experiência do INOVALAB@POLI e perspectivas no ...
Makerspaces universitários: a experiência do INOVALAB@POLI e perspectivas no ...
 
Treinando pesquisadores
Treinando pesquisadoresTreinando pesquisadores
Treinando pesquisadores
 
GEPIT - Aula Presencial 3 - Sérgio Perussi Filho
GEPIT - Aula Presencial 3 - Sérgio Perussi FilhoGEPIT - Aula Presencial 3 - Sérgio Perussi Filho
GEPIT - Aula Presencial 3 - Sérgio Perussi Filho
 
postersbp2020
postersbp2020postersbp2020
postersbp2020
 
TCC seminário I
TCC seminário ITCC seminário I
TCC seminário I
 
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
 
FAEME METODOLOGIA CIENTÍFICA
FAEME METODOLOGIA CIENTÍFICAFAEME METODOLOGIA CIENTÍFICA
FAEME METODOLOGIA CIENTÍFICA
 
113566051 elaboracao-de-um-projeto-de-pesquisa-ppt
113566051 elaboracao-de-um-projeto-de-pesquisa-ppt113566051 elaboracao-de-um-projeto-de-pesquisa-ppt
113566051 elaboracao-de-um-projeto-de-pesquisa-ppt
 
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
Métodos de Pesquisa em Comunicação - Aula 2
 
Plano de negócio Biblioteca Embrapa
Plano de negócio Biblioteca EmbrapaPlano de negócio Biblioteca Embrapa
Plano de negócio Biblioteca Embrapa
 
Ws moldar novos negócios
Ws moldar novos negóciosWs moldar novos negócios
Ws moldar novos negócios
 

Mais de Manoel Marcondes Neto

Marketing Cultural em tempos de Branding Radical - UFF
Marketing Cultural em tempos de Branding Radical - UFFMarketing Cultural em tempos de Branding Radical - UFF
Marketing Cultural em tempos de Branding Radical - UFF
Manoel Marcondes Neto
 
Construindo valor para sua marca com marketing cultural
Construindo valor para sua marca com marketing culturalConstruindo valor para sua marca com marketing cultural
Construindo valor para sua marca com marketing cultural
Manoel Marcondes Neto
 
Comunicação para a transparência (BH)
Comunicação para a transparência (BH)Comunicação para a transparência (BH)
Comunicação para a transparência (BH)
Manoel Marcondes Neto
 
Semana da Comunicação 2016 CEP FDC
Semana da Comunicação 2016 CEP FDCSemana da Comunicação 2016 CEP FDC
Semana da Comunicação 2016 CEP FDC
Manoel Marcondes Neto
 
IDEO-LOGOS - OCI - Niterói - Eleições 2016.
IDEO-LOGOS - OCI - Niterói - Eleições 2016.IDEO-LOGOS - OCI - Niterói - Eleições 2016.
IDEO-LOGOS - OCI - Niterói - Eleições 2016.
Manoel Marcondes Neto
 
Painel mural-statements-institucionais-partidos-políticos-brasileiros
Painel mural-statements-institucionais-partidos-políticos-brasileirosPainel mural-statements-institucionais-partidos-políticos-brasileiros
Painel mural-statements-institucionais-partidos-políticos-brasileiros
Manoel Marcondes Neto
 
- 90 anos? - Esquece!
- 90 anos? - Esquece!- 90 anos? - Esquece!
- 90 anos? - Esquece!
Manoel Marcondes Neto
 
Marketing Cultural: uma estrada de oportunidades.
Marketing Cultural: uma estrada de oportunidades.Marketing Cultural: uma estrada de oportunidades.
Marketing Cultural: uma estrada de oportunidades.
Manoel Marcondes Neto
 
Institucional OCI
Institucional OCIInstitucional OCI
Institucional OCI
Manoel Marcondes Neto
 
Powerbranding
PowerbrandingPowerbranding
Powerbranding
Manoel Marcondes Neto
 
RP TALK 2015
RP TALK 2015RP TALK 2015
RP TALK 2015
Manoel Marcondes Neto
 
Marcondes Neto no Brasil Econômico - 02/07/2015 - P. 31
Marcondes Neto no Brasil Econômico - 02/07/2015 - P. 31Marcondes Neto no Brasil Econômico - 02/07/2015 - P. 31
Marcondes Neto no Brasil Econômico - 02/07/2015 - P. 31
Manoel Marcondes Neto
 
Unama 080615
Unama 080615Unama 080615
Unama 080615
Manoel Marcondes Neto
 
UCS010615
UCS010615UCS010615
Uniso 25112014
Uniso 25112014Uniso 25112014
Uniso 25112014
Manoel Marcondes Neto
 
MMMN
MMMNMMMN
MMV
MMVMMV
Brasil - Eleições 2014
Brasil - Eleições 2014Brasil - Eleições 2014
Brasil - Eleições 2014
Manoel Marcondes Neto
 
Marcondes Neto - apresentação RPWEEK - 06 09 2014
Marcondes Neto - apresentação RPWEEK - 06 09 2014Marcondes Neto - apresentação RPWEEK - 06 09 2014
Marcondes Neto - apresentação RPWEEK - 06 09 2014
Manoel Marcondes Neto
 
Votar (texto de Raquel de Queiroz).
Votar (texto de Raquel de Queiroz).Votar (texto de Raquel de Queiroz).
Votar (texto de Raquel de Queiroz).
Manoel Marcondes Neto
 

Mais de Manoel Marcondes Neto (20)

Marketing Cultural em tempos de Branding Radical - UFF
Marketing Cultural em tempos de Branding Radical - UFFMarketing Cultural em tempos de Branding Radical - UFF
Marketing Cultural em tempos de Branding Radical - UFF
 
Construindo valor para sua marca com marketing cultural
Construindo valor para sua marca com marketing culturalConstruindo valor para sua marca com marketing cultural
Construindo valor para sua marca com marketing cultural
 
Comunicação para a transparência (BH)
Comunicação para a transparência (BH)Comunicação para a transparência (BH)
Comunicação para a transparência (BH)
 
Semana da Comunicação 2016 CEP FDC
Semana da Comunicação 2016 CEP FDCSemana da Comunicação 2016 CEP FDC
Semana da Comunicação 2016 CEP FDC
 
IDEO-LOGOS - OCI - Niterói - Eleições 2016.
IDEO-LOGOS - OCI - Niterói - Eleições 2016.IDEO-LOGOS - OCI - Niterói - Eleições 2016.
IDEO-LOGOS - OCI - Niterói - Eleições 2016.
 
Painel mural-statements-institucionais-partidos-políticos-brasileiros
Painel mural-statements-institucionais-partidos-políticos-brasileirosPainel mural-statements-institucionais-partidos-políticos-brasileiros
Painel mural-statements-institucionais-partidos-políticos-brasileiros
 
- 90 anos? - Esquece!
- 90 anos? - Esquece!- 90 anos? - Esquece!
- 90 anos? - Esquece!
 
Marketing Cultural: uma estrada de oportunidades.
Marketing Cultural: uma estrada de oportunidades.Marketing Cultural: uma estrada de oportunidades.
Marketing Cultural: uma estrada de oportunidades.
 
Institucional OCI
Institucional OCIInstitucional OCI
Institucional OCI
 
Powerbranding
PowerbrandingPowerbranding
Powerbranding
 
RP TALK 2015
RP TALK 2015RP TALK 2015
RP TALK 2015
 
Marcondes Neto no Brasil Econômico - 02/07/2015 - P. 31
Marcondes Neto no Brasil Econômico - 02/07/2015 - P. 31Marcondes Neto no Brasil Econômico - 02/07/2015 - P. 31
Marcondes Neto no Brasil Econômico - 02/07/2015 - P. 31
 
Unama 080615
Unama 080615Unama 080615
Unama 080615
 
UCS010615
UCS010615UCS010615
UCS010615
 
Uniso 25112014
Uniso 25112014Uniso 25112014
Uniso 25112014
 
MMMN
MMMNMMMN
MMMN
 
MMV
MMVMMV
MMV
 
Brasil - Eleições 2014
Brasil - Eleições 2014Brasil - Eleições 2014
Brasil - Eleições 2014
 
Marcondes Neto - apresentação RPWEEK - 06 09 2014
Marcondes Neto - apresentação RPWEEK - 06 09 2014Marcondes Neto - apresentação RPWEEK - 06 09 2014
Marcondes Neto - apresentação RPWEEK - 06 09 2014
 
Votar (texto de Raquel de Queiroz).
Votar (texto de Raquel de Queiroz).Votar (texto de Raquel de Queiroz).
Votar (texto de Raquel de Queiroz).
 

Último

reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
EsterGabriiela1
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
sesiomzezao
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
Sandra Pratas
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 

Último (20)

reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 

Projetos de Pesquisa em Negócios

  • 1. PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS METODOLOGIA para trabalho monográfico ou pré-plano de negócios MANOEL MARCONDES NETO, doutor (USP) / professor adjunto (UERJ)
  • 2. Características neste curso: O primeiro desafio é desenvolver uma nova demanda, seja teórica, seja prática e O segundo desafio é encontrar um ambiente organizacional que absorva essa nova demanda PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 3. Como os conteúdos de outras disciplinas podem contribuir com o seu trabalho? Quais os paradigmas e fontes adotados por você? Qual a visão administrativa de seu projeto, plataforma, produto ou serviço? Qual a visão mercadológica de seu projeto, plataforma, produto ou serviço? PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 4. Características deste curso: Projeto de pesquisa que possa ser submetido a uma agência de fomento (+ teórico) ou Plano de negócios que possa ser apresentado a um investidor (+ prático) PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 5. Obstáculos: Falta de hábito de pesquisa Visão de pesquisa como reprodução e não como criação Não identificação do potencial de pesquisa de um determinado tema Desvalorização da reflexão frente à aplicação PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 6. 2 caminhos: projeto de pesquisa OU plano de negócios: Um pensamento ordenado Um processo de conhecimento Habilidade e competência intrínsecos a um gestor Sistema de comunicação e trabalho entre o pesquisador/proponente e um mentor Documento para obtenção de recursos PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 7. Projeto de pesquisa / Plano de negócios: É preciso estabelecer uma área Identificar nesta área um foco Visão de planejamento é imprescindível Um processo cibernético: vai-se construindo ao longo do percurso PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 8. - TEMA é diferente de PROBLEMA. DÚVIDA do pesquisador é diferente do PROBLEMA da pesquisa. Importante é DELIMITAR o campo, a área, e ter FOCO. PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 9. A formulação de um problema parte da OBSERVAÇÃO de fato(s). Um problema pode ser uma QUESTÃO proposta, uma sentença em forma interrogativa. A RESPOSTA à questão será encontrada (ou não) no decorrer da pesquisa. PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 10. As perguntas devem ter POSSIBILIDADE DE RESPOSTA pelo estudo. Uma pergunta FIXA UM ROTEIRO para o início da investigação bibliográfica /documental e a coleta de dados no campo. PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 11. CAMPO / ÁREA: (do conhecimento / da atividade econômica) TEMA: (realidade que circunda o pesquisador / proponente) TÍTULO: (com clareza, objetividade e contextualização) PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 12. EXEMPLO: CAMPO: MARKETING CULTURAL (caracterização e tipificação) TEMA: O marketing cultural como política de comunicação institucional TÍTULO: “Marketing Cultural: das práticas à teoria” PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 13. ENFOQUES POSSÍVEIS: Relação entre X e Y (causa-efeito)  POSITIVISTA Significado e intencionalidade  FENOMENOLÓGICO Histórico, contraditório  DIALÉTICO PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 14. MÉTODOS DE PESQUISA DE CAMPO BIBLIOGRÁFICA DESCRITIVA EXPERIMENTAL PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 15. OBJETIVOS - EXEMPLOS : (verbos no infinitivo) Compreender Conceituar Definir Detalhar Enumerar Explicar Reconhecer Registrar Relacionar PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 16. OBJETIVOS - EXEMPLOS : (verbos no infinitivo) Aplicar Demonstrar Descrever Distinguir Expor Identificar Interpretar Localizar Resolver PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 17. A PESQUISA / PLANO DE NEGÓCIOS DEVE TER: Cronograma detalhado (físico, físico-financeiro) Sumário provável (estrutura do documento) Referências Apêndices / Anexos Citações Glossário PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 18. A PESQUISA / PLANO DE NEGÓCIOS PODE TER: Questionários (sem acompanhamento) Formulários (com acompanhamento) Entrevistas Levantamento documental Estatísticas Resultado de observação de uma dada realidade PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 19. FINALIDADE DA PESQUISA PURA ou APLICADA PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 20. TIPO DE ABORDAGEM QUANTITATIVA ou QUALITATIVA PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 21. QUANTO AO ENVOLVIMENTO DO PESQUISADOR MODELO CLÁSSICO - PESQUISA-AÇÃO PESQUISA PARTICIPANTE PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 22. QUANTO AO “LOCUS” DA OBSERVAÇÃO BIBLIOGRÁFICO - DE CAMPO LABORATORIAL PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 23. ELABORAÇÃO DO CRONOGRAMA COLETA DE DADOS - TABULAÇÃO ANÁLISE DE DADOS ELABORAÇÃO DO TRABALHO (recomendável uso de tabelas) PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 24. QUANTO À REDAÇÃO IMPESSOALIDADE . usar 3ª. Pessoa/voz passiva: “este estudo”, “dada a análise” - CLAREZA PRECISÃO CONCISÃO . frases simples . idéias expostas em poucas palavras . terminologia técnica especializada depende de cada campo/área) PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS
  • 25. - Tema e delimitação Problema Objetivos Justificativa Hipótese Revisão da literatura Metodologia Cronograma Estrutura provisória Referências PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS PROJETO {
  • 26. PROJETOS DE PESQUISA EM NEGÓCIOS BIBLIOGRAFIA AMBRÓSIO, Vicente. Plano de marketing. Rio de Janeiro, R&A Editores. 1999. GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo, Atlas. 1994. GOLDENBERG, Mirian. A arte de pesquisar. Rio de Janeiro, Record. 1997. VERGARA, Sylvia Constant. Projetos e relatórios de pesquisa em Administração. São Paulo, Atlas. 1997.