SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
Planejamento educacional
PLANEJAMENTO EDUCACIONAL
“Planejar o processo educativo é planejar o indefinido,
porque educação não é o processo, cujos resultados podem
ser totalmente pré-definidos, determinados ou pré-
escolhidos, como se fossem produtos decorrentes de uma
ação puramente mecânica e impensável. Devemos, pois,
planejar a ação educativa para o homem não impondo
lhe diretrizes que o alheiem. Permitindo, com isso, que a
educação, ajude o homem a ser criador de sua história”.
Menegola e Sant’Anna (2001, p. 25)
“Planejamento é elaborar - decidir que tipo de
sociedade e de homem se quer e que tipo de ação
educacional é necessária para isso[...] é propor uma série
de ações [...] é revisar sempre”. Gandin (2003,p.18)
“Planejar é antecipar mentalmente uma ação ou
um conjunto de ações a ser realizadas e agir de
acordo com o previsto. Planejar não é, pois, apenas
algo que se faz antes de agir, mas é também agir em
função daquilo que se pensa”. Vasconcellos (2000
p.79)
O PLANEJAMENTO
Deve atender á problemática em
nível:
NACIONAL REGIONAL COMUNITÁRIO ESCOLAR
CARACTERISTICAS...
 Continuidade
 􀂄 Organicidade
 Previsão e clareza
 􀂄 Flexibilidade
 􀂄 Objetividade e realismo PLANEJAMENTO
O Planejamento em diversos níveis
envolve 5 elementos necessários para a
sua compreensão:
OBJETIVOS
PRIORIDADES BÁSICAS
RECURSOS E MEIOS
FINALIDADE
METAS
Planejamento em diversos níveis passa
ser o instrumento direcional de todo
processo educacional .
“A ação de planejar, portanto, não se reduz ao
simples preenchimento de formulários para controle
administrativo, é, antes, a atividade consciente da
previsão das ações político –pedagógicas, e tendo
como referência permanente às situações didáticas
concretas que envolve a escola, os professores, os
alunos, os pais, a comunidade, que integram o
processo de ensino”. Libâneo (1994, p. 222,grifo
nosso)
“Serve para que os professores e alunos desenvolvam
uma ação eficaz de ensino e aprendizagem”.
Menegola e Sant’Anna. (2010 , p. 43,grifo nosso)
PLANEJAMENTO Elaborando...
PARA QUÊ OBJETIVOS
O QUÊ CONTEÚDOS
COMO METODOLOGIA
COM QUÊ RECURSOS DIDÁTICOS
RESULTADO AVALIAÇÃO
Revendo os níveis...
Plano Nacional de Educação:Se
reflete toda política educacional de
um povo.
Planos das Escolas: Definem e expressam a sua
filosofia de ação seus objetivos e toda dinâmica escolar,
os quais fundamenta-se nos Planos nacional e
estadual.
Planos Curriculares: É planejada de maneira
sistemática e global toda a ação escola.
Planos de Ensino: São os planos de disciplinas, de unidades
e experiências propostas pela escola, professores e alunos ou
pela comunidade.
DESAFIO...
“ Avançaremos mais se aprendermos a equilibrar
planejamento e criatividade, organização e adaptação
a cada situação, a aceitar os imprevistos, a gerenciar o
que podemos prever e a incorporar o novo, o inesperado.
Planejamento aberto, que prevê, que está pronto para
mudanças, sugestões, adaptações”
Morin(2002)
Os sete saberes necessários à Educação do Futuro Morin
(2004) apresenta ideias que podem contribuir para o
educador redefinir a sua posição nas instituições de
ensino nas relações com os estudantes, o currículo,as
disciplinas e a avaliação. Elementos do Planejamento
em todos os seus níveis.
O PLANEJAMENTO E OS SETE SABERES
NECESSÁRIOS À EDUCAÇÃO
Como aplicar os sete saberes na reforma e planejamento da
educação é um problema a ser discutido e decidido
coletivamente nas instituições de ensino.Os sete saberes podem
contribuir para juntar as disciplinas. Na prática se propõe uma
redefinição dos currículos que integrem os saberes e
propicie uma formação e ações de um novo tipo de
professor.
Sete são os saberes que
precisam ser ensinados...
1. Considerar erros e ilusões constantes nas
concepções;
2. Construir o conhecimento pertinente;
3. Reaprender a nossa própria condição
humana
4. Reconhecer nossa identidade terrena;
5. Enfrentar as incertezas constantes no
conhecimento científico
6. Ensinar a compreensão por meio do diálogo
e do entendimento;
7. Discutir e exercitar a ética.
O propósito dos Sete Saberes...
1. Revisar currículos
2. Integrar as disciplinas e religar os
saberes;
3. Reorganizar o pensamento;
4. Abrir outros campos de saberes;
5. Recusar a separação entre razão e
emoção, ciência e arte, ciência e
mito;
6. Estimular o diálogo entre diferentes,
reconhecendo que pode haver
relações de tensão entre opostos
(singular e universal, local e global,
sujeito e objeto).
APRENDER A CONHECER
APRENDER A FAZER •
APRENDER A CONVIVER •
APRENDER A SER
OS QUATRO PILARES DA
EDUCAÇÃO
Educando no Século XXI “ À Educação cabe fornecer,
de algum modo, os mapas de um mundo complexo e
constantemente agitado e, ao mesmo tempo,a bússola
que permita navegar através dele”.
Jacques Delors (1999)
Para concluir:
“O educador autêntico [...] “ é humilde e confiante.
Mostra o que sabe e, ao mesmo tempo, está atento
ao que não sabe. Mostra para o aluno a
complexidade do aprender, a nossa ignorância, as
nossas dificuldades. Ensina, aprendendo a
relativizar, a valorizar a diferença, a aceitar o
provisório. Aprender é passar da incerteza a uma
certeza provisória que dá lugar a novas descobertas
e a novas sínteses ”
Morin (2002,p.22)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICADESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICAcarolnacari
 
Planejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCCPlanejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCCThalesSantos36
 
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADE
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADEPPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADE
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADEQUEDMA SILVA
 
Gestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola públicaGestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola públicaUlisses Vakirtzis
 
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicasSlides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicasMarily Oliveira
 
Slides planejamento escolar
Slides planejamento escolarSlides planejamento escolar
Slides planejamento escolarAnanda Lima
 
Estrutura e funcionamento do ensino
Estrutura e funcionamento do ensino Estrutura e funcionamento do ensino
Estrutura e funcionamento do ensino Darlan Campos
 
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?Plano de aula: prática esquecida pelo professor?
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?Valeria Rios
 
AVALIAÇÃO EDUCACIONAL: PESPECTIVIAS
AVALIAÇÃO EDUCACIONAL: PESPECTIVIASAVALIAÇÃO EDUCACIONAL: PESPECTIVIAS
AVALIAÇÃO EDUCACIONAL: PESPECTIVIASVyeyra Santos
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Magda Marques
 
Apresentação planejamento e avaliação
Apresentação   planejamento e avaliaçãoApresentação   planejamento e avaliação
Apresentação planejamento e avaliaçãoAna Lúcia M. Benício
 
Planejamento escolar
Planejamento escolarPlanejamento escolar
Planejamento escolarJoao Balbi
 

Mais procurados (20)

DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICADESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
 
Planejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCCPlanejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCC
 
Projeto politico pedagogico PPP
Projeto politico pedagogico PPPProjeto politico pedagogico PPP
Projeto politico pedagogico PPP
 
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADE
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADEPPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADE
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADE
 
Planejamento Pedagógico
Planejamento PedagógicoPlanejamento Pedagógico
Planejamento Pedagógico
 
Gestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola públicaGestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola pública
 
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicasSlides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
 
EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS
EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOSEDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS
EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS
 
Slides planejamento escolar
Slides planejamento escolarSlides planejamento escolar
Slides planejamento escolar
 
Curriculo
CurriculoCurriculo
Curriculo
 
Estrutura e funcionamento do ensino
Estrutura e funcionamento do ensino Estrutura e funcionamento do ensino
Estrutura e funcionamento do ensino
 
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?Plano de aula: prática esquecida pelo professor?
Plano de aula: prática esquecida pelo professor?
 
AVALIAÇÃO EDUCACIONAL: PESPECTIVIAS
AVALIAÇÃO EDUCACIONAL: PESPECTIVIASAVALIAÇÃO EDUCACIONAL: PESPECTIVIAS
AVALIAÇÃO EDUCACIONAL: PESPECTIVIAS
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.
 
BNCC na prática
BNCC na práticaBNCC na prática
BNCC na prática
 
Apresentação planejamento e avaliação
Apresentação   planejamento e avaliaçãoApresentação   planejamento e avaliação
Apresentação planejamento e avaliação
 
Planejamento escolar
Planejamento escolarPlanejamento escolar
Planejamento escolar
 
Metodologias Ativas
Metodologias AtivasMetodologias Ativas
Metodologias Ativas
 
Políticas Públicas Educacionais
Políticas Públicas EducacionaisPolíticas Públicas Educacionais
Políticas Públicas Educacionais
 
Planejamento Educacional
Planejamento EducacionalPlanejamento Educacional
Planejamento Educacional
 

Destaque

Slides sobre planejamento
Slides sobre planejamentoSlides sobre planejamento
Slides sobre planejamentofamiliaestagio
 
Política, planejamento e legislação educacional
Política, planejamento e legislação educacionalPolítica, planejamento e legislação educacional
Política, planejamento e legislação educacionalFrancismar Lopes
 
Planejamento de Ensino
Planejamento de EnsinoPlanejamento de Ensino
Planejamento de EnsinoLene Reis
 
Plano de ensino como elaborar
Plano de ensino como elaborarPlano de ensino como elaborar
Plano de ensino como elaborarafavaliacao
 
A falta de sentido do planejamento
A falta de sentido do planejamentoA falta de sentido do planejamento
A falta de sentido do planejamentoMagno Oliveira
 
Planejamento Ensino Superior
Planejamento Ensino SuperiorPlanejamento Ensino Superior
Planejamento Ensino Superiormauricio
 
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)Plano de aula e de ensino ( 1 aula)
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)leisiv
 
9.1. planejamento de ensino como ferramenta básica do processo
9.1. planejamento de ensino como ferramenta básica do processo9.1. planejamento de ensino como ferramenta básica do processo
9.1. planejamento de ensino como ferramenta básica do processoClaudio Lima
 
Planejamento e Avaliação
Planejamento e AvaliaçãoPlanejamento e Avaliação
Planejamento e AvaliaçãoJOAO AURELIANO
 
Planejamento participativo
Planejamento participativoPlanejamento participativo
Planejamento participativoPaulo Bastos
 
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAISPOLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAISJose Wilson Melo
 
INSTRUMENTOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
INSTRUMENTOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃOINSTRUMENTOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
INSTRUMENTOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃOEdlauva Santos
 
UM MODELO PARA GESTÃO DE GRUPOS PARTICIPATIVOS
UM MODELO PARA GESTÃO DE GRUPOS PARTICIPATIVOSUM MODELO PARA GESTÃO DE GRUPOS PARTICIPATIVOS
UM MODELO PARA GESTÃO DE GRUPOS PARTICIPATIVOSCarlos Fernando Jung
 
Planejamento educacional
Planejamento educacionalPlanejamento educacional
Planejamento educacionalJOAO AURELIANO
 

Destaque (20)

Slides sobre planejamento
Slides sobre planejamentoSlides sobre planejamento
Slides sobre planejamento
 
Política, planejamento e legislação educacional
Política, planejamento e legislação educacionalPolítica, planejamento e legislação educacional
Política, planejamento e legislação educacional
 
Planejamento de Ensino
Planejamento de EnsinoPlanejamento de Ensino
Planejamento de Ensino
 
Planejamento Escolar
Planejamento EscolarPlanejamento Escolar
Planejamento Escolar
 
Plano de ensino como elaborar
Plano de ensino como elaborarPlano de ensino como elaborar
Plano de ensino como elaborar
 
A falta de sentido do planejamento
A falta de sentido do planejamentoA falta de sentido do planejamento
A falta de sentido do planejamento
 
Planejamento Ensino Superior
Planejamento Ensino SuperiorPlanejamento Ensino Superior
Planejamento Ensino Superior
 
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)Plano de aula e de ensino ( 1 aula)
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)
 
9.1. planejamento de ensino como ferramenta básica do processo
9.1. planejamento de ensino como ferramenta básica do processo9.1. planejamento de ensino como ferramenta básica do processo
9.1. planejamento de ensino como ferramenta básica do processo
 
Planejamento e Avaliação
Planejamento e AvaliaçãoPlanejamento e Avaliação
Planejamento e Avaliação
 
Planejamento participativo
Planejamento participativoPlanejamento participativo
Planejamento participativo
 
Resolução SEE MG 2197/12
Resolução SEE MG 2197/12Resolução SEE MG 2197/12
Resolução SEE MG 2197/12
 
Slide Do Plano De Aula
Slide Do  Plano De  AulaSlide Do  Plano De  Aula
Slide Do Plano De Aula
 
Aula de Didática do Ensino Superior
Aula de Didática do Ensino SuperiorAula de Didática do Ensino Superior
Aula de Didática do Ensino Superior
 
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAISPOLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
 
INSTRUMENTOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
INSTRUMENTOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃOINSTRUMENTOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
INSTRUMENTOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
 
Planejamento - Pontos relevantes
Planejamento - Pontos relevantesPlanejamento - Pontos relevantes
Planejamento - Pontos relevantes
 
UM MODELO PARA GESTÃO DE GRUPOS PARTICIPATIVOS
UM MODELO PARA GESTÃO DE GRUPOS PARTICIPATIVOSUM MODELO PARA GESTÃO DE GRUPOS PARTICIPATIVOS
UM MODELO PARA GESTÃO DE GRUPOS PARTICIPATIVOS
 
Planejamento educacional
Planejamento educacionalPlanejamento educacional
Planejamento educacional
 
Planejamento e PPP 3
Planejamento e PPP 3Planejamento e PPP 3
Planejamento e PPP 3
 

Semelhante a Planejamento educacional

Planejamento Educacional
Planejamento EducacionalPlanejamento Educacional
Planejamento EducacionalSimone Lucas
 
Estágio em séries iniciais
Estágio em séries iniciaisEstágio em séries iniciais
Estágio em séries iniciaisRosinara Azeredo
 
Apresentação inicial agosto
Apresentação inicial agostoApresentação inicial agosto
Apresentação inicial agostoElvira Aliceda
 
Didática do ensino superior
Didática do ensino superiorDidática do ensino superior
Didática do ensino superiorMarcio Moura
 
Planejamento Educação Infantil
Planejamento Educação InfantilPlanejamento Educação Infantil
Planejamento Educação Infantilartemiselima
 
Heterogeneidade nos anos iniciais
Heterogeneidade nos anos iniciaisHeterogeneidade nos anos iniciais
Heterogeneidade nos anos iniciaisrenatalguterres
 
Heterogeneidade nos anos iniciais
Heterogeneidade nos anos iniciaisHeterogeneidade nos anos iniciais
Heterogeneidade nos anos iniciaisRosinara Azeredo
 
DIDATICA _ objeto estudo _texto.pdf
DIDATICA _ objeto estudo _texto.pdfDIDATICA _ objeto estudo _texto.pdf
DIDATICA _ objeto estudo _texto.pdfDenise De Ramos
 
Resenha ensinar a pensar. Raths, Louis. prof Laenio Loche
Resenha ensinar a pensar. Raths, Louis. prof Laenio LocheResenha ensinar a pensar. Raths, Louis. prof Laenio Loche
Resenha ensinar a pensar. Raths, Louis. prof Laenio Locheadriano braun
 
Aprendizagem social e e Aprendizagem Colaborativa através de comunidades de p...
Aprendizagem social e e Aprendizagem Colaborativa através de comunidades de p...Aprendizagem social e e Aprendizagem Colaborativa através de comunidades de p...
Aprendizagem social e e Aprendizagem Colaborativa através de comunidades de p...comunidadedepraticas
 
Teorias da aprendizagem
Teorias da aprendizagemTeorias da aprendizagem
Teorias da aprendizagemAna Medeiros
 
Andragogia.pptx
Andragogia.pptxAndragogia.pptx
Andragogia.pptxBenedito32
 

Semelhante a Planejamento educacional (20)

Planejamento Educacional
Planejamento EducacionalPlanejamento Educacional
Planejamento Educacional
 
Estágio em séries iniciais
Estágio em séries iniciaisEstágio em séries iniciais
Estágio em séries iniciais
 
Apresentação inicial agosto
Apresentação inicial agostoApresentação inicial agosto
Apresentação inicial agosto
 
Planejar
PlanejarPlanejar
Planejar
 
Apostila de didatica
Apostila de didaticaApostila de didatica
Apostila de didatica
 
Curso de didática
Curso de didáticaCurso de didática
Curso de didática
 
Didática do ensino superior
Didática do ensino superiorDidática do ensino superior
Didática do ensino superior
 
Planejamento Educação Infantil
Planejamento Educação InfantilPlanejamento Educação Infantil
Planejamento Educação Infantil
 
Aprendizagem significativa
Aprendizagem significativaAprendizagem significativa
Aprendizagem significativa
 
Slide Pla..
Slide Pla..Slide Pla..
Slide Pla..
 
Heterogeneidade nos anos iniciais
Heterogeneidade nos anos iniciaisHeterogeneidade nos anos iniciais
Heterogeneidade nos anos iniciais
 
Heterogeneidade nos anos iniciais
Heterogeneidade nos anos iniciaisHeterogeneidade nos anos iniciais
Heterogeneidade nos anos iniciais
 
DIDATICA _ objeto estudo _texto.pdf
DIDATICA _ objeto estudo _texto.pdfDIDATICA _ objeto estudo _texto.pdf
DIDATICA _ objeto estudo _texto.pdf
 
Resenha ensinar a pensar. Raths, Louis. prof Laenio Loche
Resenha ensinar a pensar. Raths, Louis. prof Laenio LocheResenha ensinar a pensar. Raths, Louis. prof Laenio Loche
Resenha ensinar a pensar. Raths, Louis. prof Laenio Loche
 
Tendências pedagógicas
Tendências pedagógicasTendências pedagógicas
Tendências pedagógicas
 
Aprendizagem social e e Aprendizagem Colaborativa através de comunidades de p...
Aprendizagem social e e Aprendizagem Colaborativa através de comunidades de p...Aprendizagem social e e Aprendizagem Colaborativa através de comunidades de p...
Aprendizagem social e e Aprendizagem Colaborativa através de comunidades de p...
 
3.2.2.
3.2.2. 3.2.2.
3.2.2.
 
Didaticgeoaula2
Didaticgeoaula2Didaticgeoaula2
Didaticgeoaula2
 
Teorias da aprendizagem
Teorias da aprendizagemTeorias da aprendizagem
Teorias da aprendizagem
 
Andragogia.pptx
Andragogia.pptxAndragogia.pptx
Andragogia.pptx
 

Mais de Maryanne Monteiro

AS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NUMA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA
AS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NUMA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVAAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NUMA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA
AS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NUMA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVAMaryanne Monteiro
 
A PARTICIPAÇÃO DO ORIENTADOR EDUCACIONAL EM RELAÇÃO AO APROVEITAMENTO ESCOLAR...
A PARTICIPAÇÃO DO ORIENTADOR EDUCACIONAL EM RELAÇÃO AO APROVEITAMENTO ESCOLAR...A PARTICIPAÇÃO DO ORIENTADOR EDUCACIONAL EM RELAÇÃO AO APROVEITAMENTO ESCOLAR...
A PARTICIPAÇÃO DO ORIENTADOR EDUCACIONAL EM RELAÇÃO AO APROVEITAMENTO ESCOLAR...Maryanne Monteiro
 
O sistema Braile no Brasil - Linha do tempo
O sistema Braile no Brasil - Linha do tempoO sistema Braile no Brasil - Linha do tempo
O sistema Braile no Brasil - Linha do tempoMaryanne Monteiro
 
Relatório de gestão escolar
Relatório de gestão escolarRelatório de gestão escolar
Relatório de gestão escolarMaryanne Monteiro
 
Resumo EJA filme Narradores de Javé
Resumo EJA filme Narradores de JavéResumo EJA filme Narradores de Javé
Resumo EJA filme Narradores de JavéMaryanne Monteiro
 
O papel da educação do campo na construção do desenvolvimento rural
O papel da educação do campo na construção do desenvolvimento ruralO papel da educação do campo na construção do desenvolvimento rural
O papel da educação do campo na construção do desenvolvimento ruralMaryanne Monteiro
 
Artigo sobre Educação étnica
Artigo sobre Educação étnicaArtigo sobre Educação étnica
Artigo sobre Educação étnicaMaryanne Monteiro
 
Braile - Como tratar deficientes visuais corretamente
Braile - Como tratar deficientes visuais corretamenteBraile - Como tratar deficientes visuais corretamente
Braile - Como tratar deficientes visuais corretamenteMaryanne Monteiro
 
A educação de surdos no mundo
A educação de surdos no mundoA educação de surdos no mundo
A educação de surdos no mundoMaryanne Monteiro
 
Pedagogia empresarial - Proposta de Trabalho
Pedagogia empresarial - Proposta de TrabalhoPedagogia empresarial - Proposta de Trabalho
Pedagogia empresarial - Proposta de TrabalhoMaryanne Monteiro
 
Aula Montessoriana - Prática
Aula Montessoriana - PráticaAula Montessoriana - Prática
Aula Montessoriana - PráticaMaryanne Monteiro
 
A importância da Motivação no âmbito organizacional
A importância da Motivação no âmbito organizacionalA importância da Motivação no âmbito organizacional
A importância da Motivação no âmbito organizacionalMaryanne Monteiro
 
A educação moral no ambiente escolar - Pojeto de Monografia
A educação moral no ambiente escolar - Pojeto de MonografiaA educação moral no ambiente escolar - Pojeto de Monografia
A educação moral no ambiente escolar - Pojeto de MonografiaMaryanne Monteiro
 
A educação moral no ambiente escolar
A educação moral no ambiente escolarA educação moral no ambiente escolar
A educação moral no ambiente escolarMaryanne Monteiro
 

Mais de Maryanne Monteiro (20)

AS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NUMA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA
AS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NUMA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVAAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NUMA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA
AS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NUMA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA
 
A PARTICIPAÇÃO DO ORIENTADOR EDUCACIONAL EM RELAÇÃO AO APROVEITAMENTO ESCOLAR...
A PARTICIPAÇÃO DO ORIENTADOR EDUCACIONAL EM RELAÇÃO AO APROVEITAMENTO ESCOLAR...A PARTICIPAÇÃO DO ORIENTADOR EDUCACIONAL EM RELAÇÃO AO APROVEITAMENTO ESCOLAR...
A PARTICIPAÇÃO DO ORIENTADOR EDUCACIONAL EM RELAÇÃO AO APROVEITAMENTO ESCOLAR...
 
O sistema Braile no Brasil - Linha do tempo
O sistema Braile no Brasil - Linha do tempoO sistema Braile no Brasil - Linha do tempo
O sistema Braile no Brasil - Linha do tempo
 
Resenha do filme Black
Resenha do filme BlackResenha do filme Black
Resenha do filme Black
 
Relatório de gestão escolar
Relatório de gestão escolarRelatório de gestão escolar
Relatório de gestão escolar
 
O professor educador
O professor educadorO professor educador
O professor educador
 
Resumo EJA filme Narradores de Javé
Resumo EJA filme Narradores de JavéResumo EJA filme Narradores de Javé
Resumo EJA filme Narradores de Javé
 
O papel da educação do campo na construção do desenvolvimento rural
O papel da educação do campo na construção do desenvolvimento ruralO papel da educação do campo na construção do desenvolvimento rural
O papel da educação do campo na construção do desenvolvimento rural
 
Artigo sobre Educação étnica
Artigo sobre Educação étnicaArtigo sobre Educação étnica
Artigo sobre Educação étnica
 
Braile - Como tratar deficientes visuais corretamente
Braile - Como tratar deficientes visuais corretamenteBraile - Como tratar deficientes visuais corretamente
Braile - Como tratar deficientes visuais corretamente
 
A educação de surdos no mundo
A educação de surdos no mundoA educação de surdos no mundo
A educação de surdos no mundo
 
A forma como eixo
A forma como eixoA forma como eixo
A forma como eixo
 
Pedagogia empresarial - Proposta de Trabalho
Pedagogia empresarial - Proposta de TrabalhoPedagogia empresarial - Proposta de Trabalho
Pedagogia empresarial - Proposta de Trabalho
 
Cultura afro brasileira
Cultura afro brasileiraCultura afro brasileira
Cultura afro brasileira
 
Aula Montessoriana - Prática
Aula Montessoriana - PráticaAula Montessoriana - Prática
Aula Montessoriana - Prática
 
A importância da Motivação no âmbito organizacional
A importância da Motivação no âmbito organizacionalA importância da Motivação no âmbito organizacional
A importância da Motivação no âmbito organizacional
 
Apagões
ApagõesApagões
Apagões
 
Os quilombolas do Maranhão
Os quilombolas do MaranhãoOs quilombolas do Maranhão
Os quilombolas do Maranhão
 
A educação moral no ambiente escolar - Pojeto de Monografia
A educação moral no ambiente escolar - Pojeto de MonografiaA educação moral no ambiente escolar - Pojeto de Monografia
A educação moral no ambiente escolar - Pojeto de Monografia
 
A educação moral no ambiente escolar
A educação moral no ambiente escolarA educação moral no ambiente escolar
A educação moral no ambiente escolar
 

Último

Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisIlda Bicacro
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfandreaLisboa7
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Mary Alvarenga
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdfSistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdfAntonio Barros
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Rosana Andrea Miranda
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteIpdaWellington
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"Ilda Bicacro
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdfdanielagracia9
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.HandersonFabio
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosFernanda Ledesma
 
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persaConteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persafelipescherner
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfmaria794949
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAbdLuxemBourg
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxIlda Bicacro
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroBrenda Fritz
 

Último (20)

Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdfSistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persaConteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 

Planejamento educacional

  • 2. PLANEJAMENTO EDUCACIONAL “Planejar o processo educativo é planejar o indefinido, porque educação não é o processo, cujos resultados podem ser totalmente pré-definidos, determinados ou pré- escolhidos, como se fossem produtos decorrentes de uma ação puramente mecânica e impensável. Devemos, pois, planejar a ação educativa para o homem não impondo lhe diretrizes que o alheiem. Permitindo, com isso, que a educação, ajude o homem a ser criador de sua história”. Menegola e Sant’Anna (2001, p. 25)
  • 3. “Planejamento é elaborar - decidir que tipo de sociedade e de homem se quer e que tipo de ação educacional é necessária para isso[...] é propor uma série de ações [...] é revisar sempre”. Gandin (2003,p.18) “Planejar é antecipar mentalmente uma ação ou um conjunto de ações a ser realizadas e agir de acordo com o previsto. Planejar não é, pois, apenas algo que se faz antes de agir, mas é também agir em função daquilo que se pensa”. Vasconcellos (2000 p.79)
  • 4. O PLANEJAMENTO Deve atender á problemática em nível: NACIONAL REGIONAL COMUNITÁRIO ESCOLAR
  • 5. CARACTERISTICAS...  Continuidade  􀂄 Organicidade  Previsão e clareza  􀂄 Flexibilidade  􀂄 Objetividade e realismo PLANEJAMENTO
  • 6. O Planejamento em diversos níveis envolve 5 elementos necessários para a sua compreensão: OBJETIVOS PRIORIDADES BÁSICAS RECURSOS E MEIOS FINALIDADE METAS Planejamento em diversos níveis passa ser o instrumento direcional de todo processo educacional .
  • 7. “A ação de planejar, portanto, não se reduz ao simples preenchimento de formulários para controle administrativo, é, antes, a atividade consciente da previsão das ações político –pedagógicas, e tendo como referência permanente às situações didáticas concretas que envolve a escola, os professores, os alunos, os pais, a comunidade, que integram o processo de ensino”. Libâneo (1994, p. 222,grifo nosso) “Serve para que os professores e alunos desenvolvam uma ação eficaz de ensino e aprendizagem”. Menegola e Sant’Anna. (2010 , p. 43,grifo nosso)
  • 8. PLANEJAMENTO Elaborando... PARA QUÊ OBJETIVOS O QUÊ CONTEÚDOS COMO METODOLOGIA COM QUÊ RECURSOS DIDÁTICOS RESULTADO AVALIAÇÃO
  • 9. Revendo os níveis... Plano Nacional de Educação:Se reflete toda política educacional de um povo. Planos das Escolas: Definem e expressam a sua filosofia de ação seus objetivos e toda dinâmica escolar, os quais fundamenta-se nos Planos nacional e estadual. Planos Curriculares: É planejada de maneira sistemática e global toda a ação escola. Planos de Ensino: São os planos de disciplinas, de unidades e experiências propostas pela escola, professores e alunos ou pela comunidade.
  • 10. DESAFIO... “ Avançaremos mais se aprendermos a equilibrar planejamento e criatividade, organização e adaptação a cada situação, a aceitar os imprevistos, a gerenciar o que podemos prever e a incorporar o novo, o inesperado. Planejamento aberto, que prevê, que está pronto para mudanças, sugestões, adaptações” Morin(2002)
  • 11. Os sete saberes necessários à Educação do Futuro Morin (2004) apresenta ideias que podem contribuir para o educador redefinir a sua posição nas instituições de ensino nas relações com os estudantes, o currículo,as disciplinas e a avaliação. Elementos do Planejamento em todos os seus níveis. O PLANEJAMENTO E OS SETE SABERES NECESSÁRIOS À EDUCAÇÃO Como aplicar os sete saberes na reforma e planejamento da educação é um problema a ser discutido e decidido coletivamente nas instituições de ensino.Os sete saberes podem contribuir para juntar as disciplinas. Na prática se propõe uma redefinição dos currículos que integrem os saberes e propicie uma formação e ações de um novo tipo de professor.
  • 12. Sete são os saberes que precisam ser ensinados... 1. Considerar erros e ilusões constantes nas concepções; 2. Construir o conhecimento pertinente; 3. Reaprender a nossa própria condição humana 4. Reconhecer nossa identidade terrena; 5. Enfrentar as incertezas constantes no conhecimento científico 6. Ensinar a compreensão por meio do diálogo e do entendimento; 7. Discutir e exercitar a ética.
  • 13. O propósito dos Sete Saberes... 1. Revisar currículos 2. Integrar as disciplinas e religar os saberes; 3. Reorganizar o pensamento; 4. Abrir outros campos de saberes; 5. Recusar a separação entre razão e emoção, ciência e arte, ciência e mito; 6. Estimular o diálogo entre diferentes, reconhecendo que pode haver relações de tensão entre opostos (singular e universal, local e global, sujeito e objeto). APRENDER A CONHECER APRENDER A FAZER • APRENDER A CONVIVER • APRENDER A SER OS QUATRO PILARES DA EDUCAÇÃO
  • 14. Educando no Século XXI “ À Educação cabe fornecer, de algum modo, os mapas de um mundo complexo e constantemente agitado e, ao mesmo tempo,a bússola que permita navegar através dele”. Jacques Delors (1999) Para concluir: “O educador autêntico [...] “ é humilde e confiante. Mostra o que sabe e, ao mesmo tempo, está atento ao que não sabe. Mostra para o aluno a complexidade do aprender, a nossa ignorância, as nossas dificuldades. Ensina, aprendendo a relativizar, a valorizar a diferença, a aceitar o provisório. Aprender é passar da incerteza a uma certeza provisória que dá lugar a novas descobertas e a novas sínteses ” Morin (2002,p.22)