SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 26
Baixar para ler offline
Consultoria em Gestão
de Pessoas
Júnior Medeiros
O CONCEITO DE CONSULTORIA
 O termo Consultor,
vem do latim
CONSULTARE, que
significa aquele que
dá ou pede
conselhos.
O PROCESSO EVOLUTIVO DA
CONSULTORIA NA GESTÃO DE PESSOAS
 Recursos Humanos ou Departamento Pessoal?
 Novas rotinas: recrutamento, seleção, treinamento e desenvolvimento, descrição e
análise de cargos, etc
 Atualmente as atividades de consultoria são encaradas como
ações estratégicas que permitem aos gestores visualizar caminhos
que os levam administrar suas áreas de trabalho de forma mais
eficaz.
 O foco não está mais nos resultados somente, mas na forma como esses são atingidos.
 O consultor moderno deve mostrar-se hábil para conduzir processos multidisciplinares.
CONSULTORIA EM GESTÃO DE PESSOAS
 É um novo recurso que
contribui para a melhoria
da qualidade de vida e de
trabalho da equipe de
colaboradores de uma
organização.
PRINCIPAL CLIENTE DA CONSULTORIA EM
GESTÃO DE PESSOAS
 É todo aquele que precisa
atuar com um grupo de pessoas,
com vistas ao alcance sistemático
de determinados objetivos, metas
e desafios.
A MUDANÇA ORGANIZACIONAL
 Deve ser planejada.
 Variáveis como a Cultura da Organização e o Clima Dominante são parâmetros
usados para se identificar o grau da necessidade de mudanças.
 Cabe ao gestor o controle direto das ações e implantação da mudança, e a
execução dos processos.
 O grande trabalho do consultor consiste não só em saber especificar a origem dos
problemas, como também lidar com os comportamentos adversos das pessoas
envolvidas.
O CONSULTOR: PAPEL,
PERFIL E RELAÇÃO COM
O CLIENTE
OS PROCESSOS DE MUDANÇA E O PAPEL
DO CONSULTOR
O PAPEL DO CONSULTOR
 O consultor deve ser, acima de
tudo, um facilitador dos processos
de mudança.
 O consultor de gestão de pessoas
tem uma função educativa e de
gestão estratégica.
A RELAÇÃO
CONSULTOR-CLIENTE
 Confiança mútua;
 Eficaz sistema de comunicação interna
que explicite as características da
mudança;
 Confidencialidade dos dados e das
conversas realizadas;
 Acompanhamento posterior das
mudanças eventualmente
implementadas pela organização
(follow-up).
MODALIDADES DE CONSULTORIA
INTERNA
 Conjunto de atividades
desempenhadas por um profissional
que faz parte do quadro efetivo de
empregados da organização.
 Execução de projetos.
EXTERNA
 Tipo de parceria, com caráter de
tempo determinado.
 Execução de projetos.
 Elaboração de relatórios e
pareceres técnicos.
O PERFIL DO CONSULTOR DE GESTÃO
DE PESSOAS
 CONHECIMENTO NAS SEGUINTES ÁREAS:
1. Comportamento organizacional e gestão de pessoas;
2. Teorias da decisão e liderança;
3. Gestão estratégica;
4. Arquitetura organizacional;
5. Gestão de custos e da qualidade;
6. Psicologia da aprendizagem e didática;
7. Gestão de projetos;
8. Estatística: pesquisas, gráficos e tabelas;
9. Legislação trabalhista
PERFIL DO CONSULTOR: OUTRAS
COMPETÊNCIAS IMPORTANTES
 Observador, atento e discreto;
 Empático;
 Bom ouvinte;
 Flexível emocionalmente;
 Pensamento analítico e sistêmico
 Paciente e perseverante;
 Educado;
 Vendedor/negociador;
 Inteligente/criativo;
 Disciplina/administração do
tempo;
 Autoconfiante e otimista
ENTENDER AS DEMANDAS E OFERECER
SERVIÇOS DE VALOR
TRÊS CENÁRIOS
1. Mudança radical
2. Mudança gradual
3. Mudança sustentável
Definindo o caminho
 Quais indicadores traduzirão a
melhoria?
A FINALIDADE DA CONSULTORIA É
ADICIONAR VALOR
 Atrás de um crachá, existe sempre
uma pessoa;
 Todo gestor atua em dois eixos:
equipe motivada e produtividade
máxima.
A IMPORTÂNCIA DA ÉTICA NA
CONSULTORIA EM GESTÃO DE PESSOAS
 Sigilo nas informações
 Moral e ética
A ARQUITETURA DA
CONSULTORIA
OTIMIZAÇÃO DA PERFORMANCE HUMANA
1. Diagnosticar a diferença existente entre os objetivos
esperados e a performance apresentada (gap)
2. Analisando as causas últimas da defasagem
(identificar os fatores geradores do gap; diagrama de
Ishikawa)
3. Definindo as intervenções
4. Implantação de ações ou programas destinados a
zerar a defasagem anteriormente identificada
(métricas quantificáveis)
5. Avaliação periódica
PROJETO DE
CONSULTORIA
A necessidade do desenvolvimento de
um projeto
 Desempenho interno insatisfatório: coach
 Oportunidades estratégicas internas: 5s
 Oportunidades estratégicas externas: ISO
9000
CARACTERÍSTICAS DE UM PROJETO
1. Objetivos: Metas e resultados
2. Prazo: início/fim, fases, etc
3. Recursos: equipe de trabalho,
finanças, tecnologia,
Fases de um projeto
1. Levantamento:
2. Diagnóstico e desenvolvimento
3. Implantação e implementação
Levantamento – principais instrumentos
 Análise da documentação existente
(formulários, manuais, etc)
 Entrevistas
 Questionários
 Observação Pessoal
 “dois olhos, dois ouvidos e uma
boca”
 Ver muito, ouvir muito, falar o
mínimo necessário
Diagnóstico e desenvolvimento
 Crítica do levantamento: identificação dos problemas e suas causas;
 Integração dos procedimentos: identificar os pontos que não estão se relacionando;
 Relatório da situação existente – uso de relatórios e gráficos (fluxograma, organograma, etc);
 Elaboração do plano ideal de funcionamento – usar gráficos de novo e focos de mudança.
Implantação e implementação
 Cronograma das atividades
 Controle e acompanhamento: PDCA
 Formação da equipe executora do projeto

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 4 capital intelectual
Aula 4 capital intelectualAula 4 capital intelectual
Aula 4 capital intelectualCarlos Alves
 
Introdução a administração
Introdução a administração Introdução a administração
Introdução a administração Lucas Caitité
 
Comportamento Organizacional
Comportamento OrganizacionalComportamento Organizacional
Comportamento OrganizacionalRui Loureiro
 
Etapas do processo de planejamento estratégico
Etapas do processo de planejamento estratégicoEtapas do processo de planejamento estratégico
Etapas do processo de planejamento estratégicoFrancisco Rodrigues
 
Comunicação Organizacional - Aula 02
Comunicação Organizacional - Aula 02Comunicação Organizacional - Aula 02
Comunicação Organizacional - Aula 02Davi Rocha
 
Slide planejamento estratégico
Slide planejamento estratégicoSlide planejamento estratégico
Slide planejamento estratégicoLarissa_cog
 
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenários
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenáriosAula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenários
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenáriosKesia Rozzett Oliveira
 
Liderança e Motivação
Liderança e  MotivaçãoLiderança e  Motivação
Liderança e MotivaçãoVania Cardoso
 
Aula 1 - Diagnóstico Organizacional
Aula 1 - Diagnóstico OrganizacionalAula 1 - Diagnóstico Organizacional
Aula 1 - Diagnóstico OrganizacionalProf. Leonardo Rocha
 
TÉCNICAS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO
TÉCNICAS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃOTÉCNICAS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO
TÉCNICAS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃOPriscila Cembranel
 
Avaliação de Desempenho com foco em Competências
Avaliação de Desempenho com foco em CompetênciasAvaliação de Desempenho com foco em Competências
Avaliação de Desempenho com foco em CompetênciasAlvaro Mello
 
Treinamento & Desenvolvimento de Equipes: Modelos, Feramentas e estratégias
Treinamento & Desenvolvimento de Equipes: Modelos, Feramentas e estratégiasTreinamento & Desenvolvimento de Equipes: Modelos, Feramentas e estratégias
Treinamento & Desenvolvimento de Equipes: Modelos, Feramentas e estratégiasRicardo Silva Coqueiro
 
Gestão do Conhecimento
Gestão do ConhecimentoGestão do Conhecimento
Gestão do ConhecimentoHudson Augusto
 
Estratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael PorterEstratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael PorterThiago Rocha
 

Mais procurados (20)

Aula 4 capital intelectual
Aula 4 capital intelectualAula 4 capital intelectual
Aula 4 capital intelectual
 
Introdução a administração
Introdução a administração Introdução a administração
Introdução a administração
 
Plano de negocios
Plano de negociosPlano de negocios
Plano de negocios
 
Comportamento Organizacional
Comportamento OrganizacionalComportamento Organizacional
Comportamento Organizacional
 
Etapas do processo de planejamento estratégico
Etapas do processo de planejamento estratégicoEtapas do processo de planejamento estratégico
Etapas do processo de planejamento estratégico
 
Diagnostico Organizacional
Diagnostico OrganizacionalDiagnostico Organizacional
Diagnostico Organizacional
 
Aula 2 - Missão, visão e valores
Aula 2 - Missão, visão e valoresAula 2 - Missão, visão e valores
Aula 2 - Missão, visão e valores
 
Comunicação Organizacional - Aula 02
Comunicação Organizacional - Aula 02Comunicação Organizacional - Aula 02
Comunicação Organizacional - Aula 02
 
Slide planejamento estratégico
Slide planejamento estratégicoSlide planejamento estratégico
Slide planejamento estratégico
 
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenários
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenáriosAula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenários
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenários
 
Liderança e Motivação
Liderança e  MotivaçãoLiderança e  Motivação
Liderança e Motivação
 
Aula 1 - Diagnóstico Organizacional
Aula 1 - Diagnóstico OrganizacionalAula 1 - Diagnóstico Organizacional
Aula 1 - Diagnóstico Organizacional
 
Governança Corporativa
Governança CorporativaGovernança Corporativa
Governança Corporativa
 
Aula 1 planejamento estratégico
Aula 1   planejamento estratégicoAula 1   planejamento estratégico
Aula 1 planejamento estratégico
 
Estrutura organizacional
Estrutura organizacionalEstrutura organizacional
Estrutura organizacional
 
TÉCNICAS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO
TÉCNICAS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃOTÉCNICAS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO
TÉCNICAS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO
 
Avaliação de Desempenho com foco em Competências
Avaliação de Desempenho com foco em CompetênciasAvaliação de Desempenho com foco em Competências
Avaliação de Desempenho com foco em Competências
 
Treinamento & Desenvolvimento de Equipes: Modelos, Feramentas e estratégias
Treinamento & Desenvolvimento de Equipes: Modelos, Feramentas e estratégiasTreinamento & Desenvolvimento de Equipes: Modelos, Feramentas e estratégias
Treinamento & Desenvolvimento de Equipes: Modelos, Feramentas e estratégias
 
Gestão do Conhecimento
Gestão do ConhecimentoGestão do Conhecimento
Gestão do Conhecimento
 
Estratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael PorterEstratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael Porter
 

Destaque

Acões da Consultoria em Gestão de Pessoas em diferentes cenários administrati...
Acões da Consultoria em Gestão de Pessoas em diferentes cenários administrati...Acões da Consultoria em Gestão de Pessoas em diferentes cenários administrati...
Acões da Consultoria em Gestão de Pessoas em diferentes cenários administrati...TR Consulting
 
Seminario Consultoria em Gestão de Pessoas
Seminario Consultoria em Gestão de PessoasSeminario Consultoria em Gestão de Pessoas
Seminario Consultoria em Gestão de PessoasJessica Higino
 
Manual de Consultoria
Manual de ConsultoriaManual de Consultoria
Manual de ConsultoriaOswaldo Neto
 
Apresentação sobre a área de Gestão de Pessoas - Soluções Consultoria - CEEMP...
Apresentação sobre a área de Gestão de Pessoas - Soluções Consultoria - CEEMP...Apresentação sobre a área de Gestão de Pessoas - Soluções Consultoria - CEEMP...
Apresentação sobre a área de Gestão de Pessoas - Soluções Consultoria - CEEMP...CEEMPRE
 
Auditoria na Gestão de Pessoas
Auditoria na Gestão de PessoasAuditoria na Gestão de Pessoas
Auditoria na Gestão de PessoasDominus Auditoria
 
Funções da Gestão de Pessoas
Funções da Gestão de PessoasFunções da Gestão de Pessoas
Funções da Gestão de PessoasCarlo Pires
 
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo  apresentação slides master consultoriaTrabalho em grupo  apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoriaJoão Silva
 
Proposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaProposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaTR Consulting
 
Proposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaProposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaTR Consulting
 
Platica sobre la Gestión del Tiempo
Platica sobre la Gestión del TiempoPlatica sobre la Gestión del Tiempo
Platica sobre la Gestión del TiempoJúnior Medeiros
 
Perfis por funcao_em_sistemas_corporativos
Perfis por funcao_em_sistemas_corporativosPerfis por funcao_em_sistemas_corporativos
Perfis por funcao_em_sistemas_corporativosHenrique Rodrigues Terra
 
Palestrante Virginia Gherard
Palestrante Virginia GherardPalestrante Virginia Gherard
Palestrante Virginia GherardDMT Palestras
 
Aula 3 gestão de perfis e conteúdos
Aula 3 gestão de perfis e conteúdosAula 3 gestão de perfis e conteúdos
Aula 3 gestão de perfis e conteúdosCarolina Terra
 
[TDC POA 2016] Valores individuais? E de sua equipe?
[TDC POA 2016] Valores individuais? E de sua equipe?[TDC POA 2016] Valores individuais? E de sua equipe?
[TDC POA 2016] Valores individuais? E de sua equipe?Guilherme Motta
 
Empresa Júnior - AngloJúnior Consultoria
Empresa Júnior - AngloJúnior ConsultoriaEmpresa Júnior - AngloJúnior Consultoria
Empresa Júnior - AngloJúnior ConsultoriaRodrigo Felipe Spies
 
A importância da empresa junior no ensino da engenharia de engenharia de prod...
A importância da empresa junior no ensino da engenharia de engenharia de prod...A importância da empresa junior no ensino da engenharia de engenharia de prod...
A importância da empresa junior no ensino da engenharia de engenharia de prod...Felipe Guedes Pinheiro
 
Cjr - Empresa Junior de Computação
Cjr - Empresa Junior de ComputaçãoCjr - Empresa Junior de Computação
Cjr - Empresa Junior de ComputaçãoUnB
 
Zeax Expertise - Apresentação da Empresa
Zeax Expertise - Apresentação da EmpresaZeax Expertise - Apresentação da Empresa
Zeax Expertise - Apresentação da EmpresaZeax Love Hotels
 

Destaque (20)

Acões da Consultoria em Gestão de Pessoas em diferentes cenários administrati...
Acões da Consultoria em Gestão de Pessoas em diferentes cenários administrati...Acões da Consultoria em Gestão de Pessoas em diferentes cenários administrati...
Acões da Consultoria em Gestão de Pessoas em diferentes cenários administrati...
 
Seminario Consultoria em Gestão de Pessoas
Seminario Consultoria em Gestão de PessoasSeminario Consultoria em Gestão de Pessoas
Seminario Consultoria em Gestão de Pessoas
 
Consultoria interna rh
Consultoria interna rhConsultoria interna rh
Consultoria interna rh
 
Manual de Consultoria
Manual de ConsultoriaManual de Consultoria
Manual de Consultoria
 
Apresentação sobre a área de Gestão de Pessoas - Soluções Consultoria - CEEMP...
Apresentação sobre a área de Gestão de Pessoas - Soluções Consultoria - CEEMP...Apresentação sobre a área de Gestão de Pessoas - Soluções Consultoria - CEEMP...
Apresentação sobre a área de Gestão de Pessoas - Soluções Consultoria - CEEMP...
 
Auditoria na Gestão de Pessoas
Auditoria na Gestão de PessoasAuditoria na Gestão de Pessoas
Auditoria na Gestão de Pessoas
 
Funções da Gestão de Pessoas
Funções da Gestão de PessoasFunções da Gestão de Pessoas
Funções da Gestão de Pessoas
 
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo  apresentação slides master consultoriaTrabalho em grupo  apresentação slides master consultoria
Trabalho em grupo apresentação slides master consultoria
 
Proposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaProposta de Consultoria
Proposta de Consultoria
 
Proposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaProposta de Consultoria
Proposta de Consultoria
 
Platica sobre la Gestión del Tiempo
Platica sobre la Gestión del TiempoPlatica sobre la Gestión del Tiempo
Platica sobre la Gestión del Tiempo
 
Perfis por funcao_em_sistemas_corporativos
Perfis por funcao_em_sistemas_corporativosPerfis por funcao_em_sistemas_corporativos
Perfis por funcao_em_sistemas_corporativos
 
Palestrante Virginia Gherard
Palestrante Virginia GherardPalestrante Virginia Gherard
Palestrante Virginia Gherard
 
Slideshare Motivação e Criatividade By CESCA Consultoria
Slideshare Motivação e Criatividade By CESCA ConsultoriaSlideshare Motivação e Criatividade By CESCA Consultoria
Slideshare Motivação e Criatividade By CESCA Consultoria
 
Aula 3 gestão de perfis e conteúdos
Aula 3 gestão de perfis e conteúdosAula 3 gestão de perfis e conteúdos
Aula 3 gestão de perfis e conteúdos
 
[TDC POA 2016] Valores individuais? E de sua equipe?
[TDC POA 2016] Valores individuais? E de sua equipe?[TDC POA 2016] Valores individuais? E de sua equipe?
[TDC POA 2016] Valores individuais? E de sua equipe?
 
Empresa Júnior - AngloJúnior Consultoria
Empresa Júnior - AngloJúnior ConsultoriaEmpresa Júnior - AngloJúnior Consultoria
Empresa Júnior - AngloJúnior Consultoria
 
A importância da empresa junior no ensino da engenharia de engenharia de prod...
A importância da empresa junior no ensino da engenharia de engenharia de prod...A importância da empresa junior no ensino da engenharia de engenharia de prod...
A importância da empresa junior no ensino da engenharia de engenharia de prod...
 
Cjr - Empresa Junior de Computação
Cjr - Empresa Junior de ComputaçãoCjr - Empresa Junior de Computação
Cjr - Empresa Junior de Computação
 
Zeax Expertise - Apresentação da Empresa
Zeax Expertise - Apresentação da EmpresaZeax Expertise - Apresentação da Empresa
Zeax Expertise - Apresentação da Empresa
 

Semelhante a Consultoria em gestão de pessoas

Inovação na Tecnologia da Gestão Empresarial
Inovação na Tecnologia da Gestão EmpresarialInovação na Tecnologia da Gestão Empresarial
Inovação na Tecnologia da Gestão EmpresarialWilson Luconi
 
Dimensão de governança de tic pessoas
Dimensão de governança de tic pessoasDimensão de governança de tic pessoas
Dimensão de governança de tic pessoasJéssica Silveira
 
(Transformar 16) gestão de equipe contratada 1
(Transformar 16) gestão de equipe contratada 1(Transformar 16) gestão de equipe contratada 1
(Transformar 16) gestão de equipe contratada 1Ink_conteudos
 
Gpe novo perfil_da_area_de_recursos_humanos
Gpe novo perfil_da_area_de_recursos_humanosGpe novo perfil_da_area_de_recursos_humanos
Gpe novo perfil_da_area_de_recursos_humanoszeramento contabil
 
People-First-Apres PDF 2016
People-First-Apres PDF 2016People-First-Apres PDF 2016
People-First-Apres PDF 2016rodwag
 
Gestão de pessoas e sua aplicação imprescindível junto às metodologias para g...
Gestão de pessoas e sua aplicação imprescindível junto às metodologias para g...Gestão de pessoas e sua aplicação imprescindível junto às metodologias para g...
Gestão de pessoas e sua aplicação imprescindível junto às metodologias para g...Alexandre Zappelloni
 
TCC_Artigo_A informacao como fator motivacional em gerenciamento de projetos
TCC_Artigo_A informacao como fator motivacional em gerenciamento de projetosTCC_Artigo_A informacao como fator motivacional em gerenciamento de projetos
TCC_Artigo_A informacao como fator motivacional em gerenciamento de projetosValeria Souza
 
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14Wandick Rocha de Aquino
 
Organização do Trabalho - Consultoria Empresarial
Organização do Trabalho - Consultoria EmpresarialOrganização do Trabalho - Consultoria Empresarial
Organização do Trabalho - Consultoria EmpresarialRICARDO81499
 
Novos paradigmas na gestão de recursos humanos
Novos paradigmas na gestão de recursos humanosNovos paradigmas na gestão de recursos humanos
Novos paradigmas na gestão de recursos humanosclaudiamendes
 
Novos paradigmas na gesto de recursos humanos
Novos paradigmas na gesto de recursos humanosNovos paradigmas na gesto de recursos humanos
Novos paradigmas na gesto de recursos humanosclaudiamendes
 
Desenvolvimento Humano nas Organizacoes
Desenvolvimento Humano nas OrganizacoesDesenvolvimento Humano nas Organizacoes
Desenvolvimento Humano nas OrganizacoesLauro Jorge Prado
 

Semelhante a Consultoria em gestão de pessoas (20)

173 consultoria interna_de_recursos_humanos
173 consultoria interna_de_recursos_humanos173 consultoria interna_de_recursos_humanos
173 consultoria interna_de_recursos_humanos
 
Inovação na Tecnologia da Gestão Empresarial
Inovação na Tecnologia da Gestão EmpresarialInovação na Tecnologia da Gestão Empresarial
Inovação na Tecnologia da Gestão Empresarial
 
Dimensão de governança de tic pessoas
Dimensão de governança de tic pessoasDimensão de governança de tic pessoas
Dimensão de governança de tic pessoas
 
(Transformar 16) gestão de equipe contratada 1
(Transformar 16) gestão de equipe contratada 1(Transformar 16) gestão de equipe contratada 1
(Transformar 16) gestão de equipe contratada 1
 
Portfólio Gente em Movimento
Portfólio Gente em MovimentoPortfólio Gente em Movimento
Portfólio Gente em Movimento
 
Gpe novo perfil_da_area_de_recursos_humanos
Gpe novo perfil_da_area_de_recursos_humanosGpe novo perfil_da_area_de_recursos_humanos
Gpe novo perfil_da_area_de_recursos_humanos
 
People-First-Apres PDF 2016
People-First-Apres PDF 2016People-First-Apres PDF 2016
People-First-Apres PDF 2016
 
Cb consultoria rh2
Cb consultoria rh2Cb consultoria rh2
Cb consultoria rh2
 
DISC
DISCDISC
DISC
 
Gestão de pessoas e sua aplicação imprescindível junto às metodologias para g...
Gestão de pessoas e sua aplicação imprescindível junto às metodologias para g...Gestão de pessoas e sua aplicação imprescindível junto às metodologias para g...
Gestão de pessoas e sua aplicação imprescindível junto às metodologias para g...
 
TCC_Artigo_A informacao como fator motivacional em gerenciamento de projetos
TCC_Artigo_A informacao como fator motivacional em gerenciamento de projetosTCC_Artigo_A informacao como fator motivacional em gerenciamento de projetos
TCC_Artigo_A informacao como fator motivacional em gerenciamento de projetos
 
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14
 
MBC_2016
MBC_2016MBC_2016
MBC_2016
 
Consultoria RH
Consultoria RHConsultoria RH
Consultoria RH
 
Organização do Trabalho - Consultoria Empresarial
Organização do Trabalho - Consultoria EmpresarialOrganização do Trabalho - Consultoria Empresarial
Organização do Trabalho - Consultoria Empresarial
 
Portifólio 2014 (fd)
Portifólio 2014 (fd)Portifólio 2014 (fd)
Portifólio 2014 (fd)
 
Portifólio 2014 (fd)
Portifólio 2014 (fd)Portifólio 2014 (fd)
Portifólio 2014 (fd)
 
Novos paradigmas na gestão de recursos humanos
Novos paradigmas na gestão de recursos humanosNovos paradigmas na gestão de recursos humanos
Novos paradigmas na gestão de recursos humanos
 
Novos paradigmas na gesto de recursos humanos
Novos paradigmas na gesto de recursos humanosNovos paradigmas na gesto de recursos humanos
Novos paradigmas na gesto de recursos humanos
 
Desenvolvimento Humano nas Organizacoes
Desenvolvimento Humano nas OrganizacoesDesenvolvimento Humano nas Organizacoes
Desenvolvimento Humano nas Organizacoes
 

Mais de Júnior Medeiros

Ebook atendimento ao cliente
Ebook atendimento ao clienteEbook atendimento ao cliente
Ebook atendimento ao clienteJúnior Medeiros
 
Iniciativas para tirar uma empresa do vermelho
Iniciativas para tirar uma empresa do vermelhoIniciativas para tirar uma empresa do vermelho
Iniciativas para tirar uma empresa do vermelhoJúnior Medeiros
 
Negociação estratégica e gerenciamento de conflitos
Negociação estratégica e gerenciamento de conflitosNegociação estratégica e gerenciamento de conflitos
Negociação estratégica e gerenciamento de conflitosJúnior Medeiros
 
12 Dicas para enfrentar a crise e garantir seus negócios
12 Dicas para enfrentar a crise e garantir seus negócios12 Dicas para enfrentar a crise e garantir seus negócios
12 Dicas para enfrentar a crise e garantir seus negóciosJúnior Medeiros
 
Gestão e Desenvolvimento de Produtos e Marcas
Gestão e Desenvolvimento de Produtos e MarcasGestão e Desenvolvimento de Produtos e Marcas
Gestão e Desenvolvimento de Produtos e MarcasJúnior Medeiros
 
Comportamento do consumidor
Comportamento do consumidorComportamento do consumidor
Comportamento do consumidorJúnior Medeiros
 

Mais de Júnior Medeiros (9)

EBOOK EMPACOTADOR.pdf
EBOOK EMPACOTADOR.pdfEBOOK EMPACOTADOR.pdf
EBOOK EMPACOTADOR.pdf
 
Ebook atendimento ao cliente
Ebook atendimento ao clienteEbook atendimento ao cliente
Ebook atendimento ao cliente
 
Iniciativas para tirar uma empresa do vermelho
Iniciativas para tirar uma empresa do vermelhoIniciativas para tirar uma empresa do vermelho
Iniciativas para tirar uma empresa do vermelho
 
Marketing de varejo
Marketing de varejoMarketing de varejo
Marketing de varejo
 
Negociação estratégica e gerenciamento de conflitos
Negociação estratégica e gerenciamento de conflitosNegociação estratégica e gerenciamento de conflitos
Negociação estratégica e gerenciamento de conflitos
 
12 Dicas para enfrentar a crise e garantir seus negócios
12 Dicas para enfrentar a crise e garantir seus negócios12 Dicas para enfrentar a crise e garantir seus negócios
12 Dicas para enfrentar a crise e garantir seus negócios
 
Gestão e Desenvolvimento de Produtos e Marcas
Gestão e Desenvolvimento de Produtos e MarcasGestão e Desenvolvimento de Produtos e Marcas
Gestão e Desenvolvimento de Produtos e Marcas
 
Comportamento do consumidor
Comportamento do consumidorComportamento do consumidor
Comportamento do consumidor
 
TGA Aula 01
TGA Aula 01TGA Aula 01
TGA Aula 01
 

Último

Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...
Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...
Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...imostorept
 
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...E-Commerce Brasil
 
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...E-Commerce Brasil
 
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...E-Commerce Brasil
 
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptxCavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptxEduardoRodriguesOliv2
 
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos Acontecer
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos AcontecerPesquisa de satisfação - Encontro Fazemos Acontecer
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos AcontecerMarina Evangelista
 
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdf
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdfb2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdf
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdfRenandantas16
 

Último (7)

Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...
Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...
Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...
 
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
 
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
 
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
 
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptxCavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
 
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos Acontecer
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos AcontecerPesquisa de satisfação - Encontro Fazemos Acontecer
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos Acontecer
 
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdf
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdfb2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdf
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdf
 

Consultoria em gestão de pessoas

  • 1. Consultoria em Gestão de Pessoas Júnior Medeiros
  • 2. O CONCEITO DE CONSULTORIA  O termo Consultor, vem do latim CONSULTARE, que significa aquele que dá ou pede conselhos.
  • 3. O PROCESSO EVOLUTIVO DA CONSULTORIA NA GESTÃO DE PESSOAS  Recursos Humanos ou Departamento Pessoal?  Novas rotinas: recrutamento, seleção, treinamento e desenvolvimento, descrição e análise de cargos, etc  Atualmente as atividades de consultoria são encaradas como ações estratégicas que permitem aos gestores visualizar caminhos que os levam administrar suas áreas de trabalho de forma mais eficaz.  O foco não está mais nos resultados somente, mas na forma como esses são atingidos.  O consultor moderno deve mostrar-se hábil para conduzir processos multidisciplinares.
  • 4. CONSULTORIA EM GESTÃO DE PESSOAS  É um novo recurso que contribui para a melhoria da qualidade de vida e de trabalho da equipe de colaboradores de uma organização.
  • 5. PRINCIPAL CLIENTE DA CONSULTORIA EM GESTÃO DE PESSOAS  É todo aquele que precisa atuar com um grupo de pessoas, com vistas ao alcance sistemático de determinados objetivos, metas e desafios.
  • 6. A MUDANÇA ORGANIZACIONAL  Deve ser planejada.  Variáveis como a Cultura da Organização e o Clima Dominante são parâmetros usados para se identificar o grau da necessidade de mudanças.  Cabe ao gestor o controle direto das ações e implantação da mudança, e a execução dos processos.  O grande trabalho do consultor consiste não só em saber especificar a origem dos problemas, como também lidar com os comportamentos adversos das pessoas envolvidas.
  • 7. O CONSULTOR: PAPEL, PERFIL E RELAÇÃO COM O CLIENTE
  • 8. OS PROCESSOS DE MUDANÇA E O PAPEL DO CONSULTOR
  • 9. O PAPEL DO CONSULTOR  O consultor deve ser, acima de tudo, um facilitador dos processos de mudança.  O consultor de gestão de pessoas tem uma função educativa e de gestão estratégica.
  • 10. A RELAÇÃO CONSULTOR-CLIENTE  Confiança mútua;  Eficaz sistema de comunicação interna que explicite as características da mudança;  Confidencialidade dos dados e das conversas realizadas;  Acompanhamento posterior das mudanças eventualmente implementadas pela organização (follow-up).
  • 11. MODALIDADES DE CONSULTORIA INTERNA  Conjunto de atividades desempenhadas por um profissional que faz parte do quadro efetivo de empregados da organização.  Execução de projetos. EXTERNA  Tipo de parceria, com caráter de tempo determinado.  Execução de projetos.  Elaboração de relatórios e pareceres técnicos.
  • 12. O PERFIL DO CONSULTOR DE GESTÃO DE PESSOAS  CONHECIMENTO NAS SEGUINTES ÁREAS: 1. Comportamento organizacional e gestão de pessoas; 2. Teorias da decisão e liderança; 3. Gestão estratégica; 4. Arquitetura organizacional; 5. Gestão de custos e da qualidade; 6. Psicologia da aprendizagem e didática; 7. Gestão de projetos; 8. Estatística: pesquisas, gráficos e tabelas; 9. Legislação trabalhista
  • 13. PERFIL DO CONSULTOR: OUTRAS COMPETÊNCIAS IMPORTANTES  Observador, atento e discreto;  Empático;  Bom ouvinte;  Flexível emocionalmente;  Pensamento analítico e sistêmico  Paciente e perseverante;  Educado;  Vendedor/negociador;  Inteligente/criativo;  Disciplina/administração do tempo;  Autoconfiante e otimista
  • 14. ENTENDER AS DEMANDAS E OFERECER SERVIÇOS DE VALOR TRÊS CENÁRIOS 1. Mudança radical 2. Mudança gradual 3. Mudança sustentável Definindo o caminho  Quais indicadores traduzirão a melhoria?
  • 15. A FINALIDADE DA CONSULTORIA É ADICIONAR VALOR  Atrás de um crachá, existe sempre uma pessoa;  Todo gestor atua em dois eixos: equipe motivada e produtividade máxima.
  • 16. A IMPORTÂNCIA DA ÉTICA NA CONSULTORIA EM GESTÃO DE PESSOAS  Sigilo nas informações  Moral e ética
  • 18. OTIMIZAÇÃO DA PERFORMANCE HUMANA 1. Diagnosticar a diferença existente entre os objetivos esperados e a performance apresentada (gap) 2. Analisando as causas últimas da defasagem (identificar os fatores geradores do gap; diagrama de Ishikawa) 3. Definindo as intervenções 4. Implantação de ações ou programas destinados a zerar a defasagem anteriormente identificada (métricas quantificáveis) 5. Avaliação periódica
  • 19.
  • 21. A necessidade do desenvolvimento de um projeto  Desempenho interno insatisfatório: coach  Oportunidades estratégicas internas: 5s  Oportunidades estratégicas externas: ISO 9000
  • 22. CARACTERÍSTICAS DE UM PROJETO 1. Objetivos: Metas e resultados 2. Prazo: início/fim, fases, etc 3. Recursos: equipe de trabalho, finanças, tecnologia,
  • 23. Fases de um projeto 1. Levantamento: 2. Diagnóstico e desenvolvimento 3. Implantação e implementação
  • 24. Levantamento – principais instrumentos  Análise da documentação existente (formulários, manuais, etc)  Entrevistas  Questionários  Observação Pessoal  “dois olhos, dois ouvidos e uma boca”  Ver muito, ouvir muito, falar o mínimo necessário
  • 25. Diagnóstico e desenvolvimento  Crítica do levantamento: identificação dos problemas e suas causas;  Integração dos procedimentos: identificar os pontos que não estão se relacionando;  Relatório da situação existente – uso de relatórios e gráficos (fluxograma, organograma, etc);  Elaboração do plano ideal de funcionamento – usar gráficos de novo e focos de mudança.
  • 26. Implantação e implementação  Cronograma das atividades  Controle e acompanhamento: PDCA  Formação da equipe executora do projeto