SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 17
César Aparecido Teixeira
                                      Claudinei Aparecido Jorge
                                           João Ricardo Corbo
                               Rodrigo César Lucas de Afonseca
                                        Rodrigo Daniel Bomfim

                                         Prof. Dr. Alfredo Argus


AÇÕES DA CONSULTORIA
 EM GESTÃO DE PESSOAS
   Nos diferentes cenários administrativos




        MBA em Gestão de Pessoas
          Anhanguera FASERT
              Abril 2009
INTERDEPENDÊNCIA
  entre Organização e Sociedade
A EVOLUÇÃO




    departamento pessoal (1950)
•

     recursos humanos (1990)
•

     gestão de pessoas (1990+)
•
(1990+)
          ERA DA INFORMAÇÃO
    terceirização das tarefas         não basta possuir recursos, é
•                                 •
    burocráticas                      necessário saber utilizá-los

    chefes de linha tornam-se         o diferencial competitivo se
•                                 •
    gestores de pessoas               dá pela adaptabilidade e
                                      inovação geradas pelas
    lidar com pessoas deixou de       pessoas
•
    ser um problema, e começa a
    ser um diferencial                a consultoria prepara as
                                  •
    competitivo                       pessoas para suprir essas
                                      necessidades
CONSULTORIA EM
           GESTÃO DE PESSOAS


    aprendizagem mútua
•

    pesquisa + ação = erro ou acerto
•

    consultoria interna e externa
•
INTERNA X EXTERNA
                           vantagens                                           desvantagens
              Contato diário com os procedimentos                  Carência de atualização prática;
                                                              

              internos;                                            Conhecimentos adquiridos de maneira teórica;
                                                               

              Maior conhecimento dos aspectos informais;           Possui menos experiência que o consultor
                                                              

interno       Maior acesso a pessoas e grupos de interesse;        autônomo;
          

              Participação na avaliação e controle dos             Menor aceitação de suas idéias pelos gestores, ou
                                                              

              processos e,                                         seja, “santo de casa não faz milagres” e,
              Poder informal sobre os outros funcionários.         Menor liberdade para dizer e fazer as coisas.
                                                              




              Maior experiência prática por estar sempre
          
                                                                   Menor conhecimento dos atalhos organizacionais;
                                                               
              em atividade;
                                                                   Menor acesso a pessoas e grupos de interesse;
                                                               
              Trabalha com maior imparcialidade;
          
externo                                                            Não estar presente diariamente na empresa e,
                                                               
              Maior confiança por parte dos gestores;
          
                                                                   Não atuar na informalidade.
                                                               
              Livre de vícios praticados pela organização e,
          

              Pode correr maiores riscos.
          
CLIENTE + POSTURA
                = SOLUÇÕES
    exige soluções imediatas
•

    não fornece informações
•

    não acredita que os
•
    departamentos devem
    interagir

    não executa ou executa mal
•
    as soluções apresentadas na
    consultoria
A CONSULTA

    analisar e alterar a cultura
•
    organizacional

    analisar e alterar a estrutura
•
    organizacional

    analisar e definir os processos
•
    organizacionais
ADMINISTRAÇÃO
                PARTICIPATIVA
    filosofia de administração de pessoas, que valoriza o poder
•
    decisório

    aprimora satisfação e motivação
•

    maior desempenho e rendimento
•

    compartilhamento de informações
•

    formação das organizações orgânicas, onde há grande autonomia
•
    das pessoas
3 ESTRATÉGIAS
                            DE PARTICIPAÇÃO
            informação                             decisão                                   resultados



    Comunicação com clientes;                                                     Participação nas vendas;
                                                                             
                                        Decisão participativa;
                                    
    Comunicação com funcionários;                                                 Participação no incremento da
                                                                             
                                        Equipes autogeridas;
                                    
    Administração visual;                                                         receita;

                                        Participação na direção da empresa.
                                    
    Redução da distância social.                                                  Ganhos de produtividade;
                                                                             


                                                                                  Prêmios por sugestão.
                                                                              
IMPLANTANDO A
                ADM. PARTICIPATIVA

    Comportamento: substituir “autoritário, impositivo, indiferente, paternalista” por
•
    “cooperação mútua, liderança, autonomia e responsabilidade.


    Estrutura: estimular as pessoas à participação, distribuindo o poder por toda a
•
    organização e não somente no topo de pirâmide.


    Visão sistêmica: sistema participativo interno, do ponto de vista comportamental e
•
    estrutural, e também aberto para o ambiente externo.
ADMINISTRAÇÃO
            ESTRATÉGICA EM G.P.
    envolve a estratégia da empresa e envolvimento das pessoas em
•
    busca de um objetivo comum

    envolvimento de todos os departamentos para a tomada de
•
    decisões

    interação das áreas funcionais com a diretoria
•

    fluxo contínuo de informações
•

    o consultor deve atuar no processo de planejamento
com
•
    pessoas, gerando ações e resultados para todos
CULTURA ORGANIZACIONAL
    crenças, hábitos e costumes da organização
•

    pode ser classificada em: artefatos, tecnologia, símbolos e
•
    valores

    guia a análise da consultoria
•

    a partir da cultura organizacional, o consultor pode “desenhar”
•
    um plano de ação

    é a característica organizacional mais difícil de ser alterada pela
•
    consultoria
CONCLUSÃO
    O consultor em gestão de pessoas deve saber analisar
•

    culturalmente e estruturalmente a organização, bem

    como o ambiente externo, sugerindo melhorias nas

    relações pessoais, as quais resultarão em sinergia e

    comprometimento das partes envolvidas. Guiar as

    ações, pensamentos e sentimentos das pessoas da

    organização para o atingimento de objetivos mútuos.
Referências
    ALMEIDA, M. I. R. de; TEIXEIRA, M. L. M.; MARTINELLI, D. P. Por que administrar estrategicamente
•

    recursos humanos? Disponível em: <http://www.rae.com.br/redirect.cfm?ID=689> Acesso em: 03 mar.
    2009.

    CHIANENATO, I. Gestão de Pessoas. 2. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004.
•


    CURY, A. Organizações e métodos: uma visão holística. 8. ed. São Paulo: Atlas, 2005.
•


    FERREIRA, A. B. de H. Novo dicionário da língua portuguesa. 3. ed. Curituba: Positivo, 2004.
•


    FREITAS, M. E. de. Cultura organizacional, grandes temas em debate. Revista de Administração de
•

    Empresas (RAE) da FGV, São Paulo, julho/setembro de 1991.

    GONÇALVES, J. E. L. Processo, que processo? ERA executivo v. 1 n. 1, Ago/Set/Out. 2002. Disponível
•

    em: <http://www.rae.com.br/redirect.cfm?ID=1504> Acesso em: 28 de mar. 2009.

    GONÇALVES, M. A. Consultoria. Disponível em: <http://www.rae.com.br/redirect.cfm?ID=808 >
•

    Acesso em: 03 mar. 2009.
LACOMBE, B. M. B.: TONELLI, M. J. O discurso e a prática: o que nos dizem os especialistas e o que
•

    nos mostram as práticas das empresas sobre os modelos de gestão de recursos humanos. RAC, v. 5 n.
    2, Mai/Ago. 2001. Disponível em: <http://www.anpad.org.br/rac/vol_05/dwn/rac-v5-n2-bml.pdf>
    Acesso em: 28 de mar. 2009.

    MAXIMIANO, A. C. A. Teoria geral da administração: da revolução urbana à revolução digital. 6. ed. São
•

    Paulo: Atlas, 2008.

    NESZLINGER, C. Administração de Recursos Humanos – Disponível em:<http://www.youtube.com/
•

    watch?v=pOZC2YCrtyY> Acesso em: 03 mar. 2009.

    OLIVEIRA, D. de P. R de. Planejamento Estratégico: conceitos, metodologia e práticas. 23. ed. São
•

    Paulo: Atlas, 2007.
OBRIGADO!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Proposta diretoria recursos humanos anna caroline souza
Proposta diretoria recursos humanos anna caroline souzaProposta diretoria recursos humanos anna caroline souza
Proposta diretoria recursos humanos anna caroline souzaInsightEmpresaJunior
 
Cecapss - Consultoria em RH, Recrutamento e Seleção.
Cecapss - Consultoria em RH, Recrutamento e Seleção.Cecapss - Consultoria em RH, Recrutamento e Seleção.
Cecapss - Consultoria em RH, Recrutamento e Seleção.Cecapss Cecapss
 
Como planejar o RH. A maneira mais prática de atingir suas metas!
Como planejar o RH. A maneira mais prática de atingir suas metas!Como planejar o RH. A maneira mais prática de atingir suas metas!
Como planejar o RH. A maneira mais prática de atingir suas metas!Confirp Contabilidade
 
Consultoria Empresarial - Executive Coaching
Consultoria Empresarial - Executive CoachingConsultoria Empresarial - Executive Coaching
Consultoria Empresarial - Executive CoachingCoach Adriano Carioca
 
Gestao de Desempenho - Sferas Consultoria 2014
Gestao de Desempenho - Sferas Consultoria 2014Gestao de Desempenho - Sferas Consultoria 2014
Gestao de Desempenho - Sferas Consultoria 2014SFERAS CONSULTORIA
 
Gestão por Competencias
Gestão por CompetenciasGestão por Competencias
Gestão por Competenciasguilly1
 
Ferramentas de gestão competências que definem a liderança
Ferramentas de gestão   competências que definem a liderançaFerramentas de gestão   competências que definem a liderança
Ferramentas de gestão competências que definem a liderançawashington carlos vieira
 
Workshop Profiler - Mapeamento de Perfis
Workshop Profiler - Mapeamento de PerfisWorkshop Profiler - Mapeamento de Perfis
Workshop Profiler - Mapeamento de PerfisTatiana Santarelli
 
Encontro 4 - 2016 - gestão do desempenho
Encontro 4 - 2016 - gestão do desempenhoEncontro 4 - 2016 - gestão do desempenho
Encontro 4 - 2016 - gestão do desempenhoadanipalma
 
EficiêNcia &amp; EficáCia Produtividade
EficiêNcia &amp; EficáCia   ProdutividadeEficiêNcia &amp; EficáCia   Produtividade
EficiêNcia &amp; EficáCia Produtividadedrika1973
 
Avaliação de Desempenho com foco em Competências
Avaliação de Desempenho com foco em CompetênciasAvaliação de Desempenho com foco em Competências
Avaliação de Desempenho com foco em CompetênciasAlvaro Mello
 
Estruturação e organização trabalho em equipe
Estruturação e organização trabalho em equipeEstruturação e organização trabalho em equipe
Estruturação e organização trabalho em equipeLeonildo Durães
 
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14Wandick Rocha de Aquino
 
Sucessao kienbaum recife julho 2013
Sucessao kienbaum  recife julho 2013Sucessao kienbaum  recife julho 2013
Sucessao kienbaum recife julho 2013Sistema CNC
 
Apostila habilidades gerenciais
Apostila habilidades gerenciaisApostila habilidades gerenciais
Apostila habilidades gerenciaisVladimir Mourão
 
Gestão de pessoas e processos
Gestão de pessoas e processosGestão de pessoas e processos
Gestão de pessoas e processosMarília Gomes
 
O Guia do Profissional de Recursos Humanos
O Guia do Profissional de Recursos HumanosO Guia do Profissional de Recursos Humanos
O Guia do Profissional de Recursos HumanosSolides Tecnologia
 

Mais procurados (20)

Apresentação starosky consultoria de rh
Apresentação starosky consultoria de rhApresentação starosky consultoria de rh
Apresentação starosky consultoria de rh
 
Proposta diretoria recursos humanos anna caroline souza
Proposta diretoria recursos humanos anna caroline souzaProposta diretoria recursos humanos anna caroline souza
Proposta diretoria recursos humanos anna caroline souza
 
Cecapss - Consultoria em RH, Recrutamento e Seleção.
Cecapss - Consultoria em RH, Recrutamento e Seleção.Cecapss - Consultoria em RH, Recrutamento e Seleção.
Cecapss - Consultoria em RH, Recrutamento e Seleção.
 
Como planejar o RH. A maneira mais prática de atingir suas metas!
Como planejar o RH. A maneira mais prática de atingir suas metas!Como planejar o RH. A maneira mais prática de atingir suas metas!
Como planejar o RH. A maneira mais prática de atingir suas metas!
 
Consultoria Empresarial - Executive Coaching
Consultoria Empresarial - Executive CoachingConsultoria Empresarial - Executive Coaching
Consultoria Empresarial - Executive Coaching
 
Gestao de Desempenho - Sferas Consultoria 2014
Gestao de Desempenho - Sferas Consultoria 2014Gestao de Desempenho - Sferas Consultoria 2014
Gestao de Desempenho - Sferas Consultoria 2014
 
Gestão por Competencias
Gestão por CompetenciasGestão por Competencias
Gestão por Competencias
 
Ferramentas de gestão competências que definem a liderança
Ferramentas de gestão   competências que definem a liderançaFerramentas de gestão   competências que definem a liderança
Ferramentas de gestão competências que definem a liderança
 
Análise Empresarial
Análise EmpresarialAnálise Empresarial
Análise Empresarial
 
Workshop Profiler - Mapeamento de Perfis
Workshop Profiler - Mapeamento de PerfisWorkshop Profiler - Mapeamento de Perfis
Workshop Profiler - Mapeamento de Perfis
 
Encontro 4 - 2016 - gestão do desempenho
Encontro 4 - 2016 - gestão do desempenhoEncontro 4 - 2016 - gestão do desempenho
Encontro 4 - 2016 - gestão do desempenho
 
EficiêNcia &amp; EficáCia Produtividade
EficiêNcia &amp; EficáCia   ProdutividadeEficiêNcia &amp; EficáCia   Produtividade
EficiêNcia &amp; EficáCia Produtividade
 
Avaliação de Desempenho com foco em Competências
Avaliação de Desempenho com foco em CompetênciasAvaliação de Desempenho com foco em Competências
Avaliação de Desempenho com foco em Competências
 
Estruturação e organização trabalho em equipe
Estruturação e organização trabalho em equipeEstruturação e organização trabalho em equipe
Estruturação e organização trabalho em equipe
 
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 13 e 14
 
Sucessao kienbaum recife julho 2013
Sucessao kienbaum  recife julho 2013Sucessao kienbaum  recife julho 2013
Sucessao kienbaum recife julho 2013
 
Apostila habilidades gerenciais
Apostila habilidades gerenciaisApostila habilidades gerenciais
Apostila habilidades gerenciais
 
Gestão de pessoas e processos
Gestão de pessoas e processosGestão de pessoas e processos
Gestão de pessoas e processos
 
Demissao responsavel
Demissao responsavelDemissao responsavel
Demissao responsavel
 
O Guia do Profissional de Recursos Humanos
O Guia do Profissional de Recursos HumanosO Guia do Profissional de Recursos Humanos
O Guia do Profissional de Recursos Humanos
 

Destaque

Auditoria na Gestão de Pessoas
Auditoria na Gestão de PessoasAuditoria na Gestão de Pessoas
Auditoria na Gestão de PessoasDominus Auditoria
 
O ambiente e a cultura organizacional
O ambiente e a cultura organizacionalO ambiente e a cultura organizacional
O ambiente e a cultura organizacionalDanilo Alves
 
87601259 consultoria-empresarial-conceitos-metodologia-praticas-reboucas
87601259 consultoria-empresarial-conceitos-metodologia-praticas-reboucas87601259 consultoria-empresarial-conceitos-metodologia-praticas-reboucas
87601259 consultoria-empresarial-conceitos-metodologia-praticas-reboucasbrunosaf
 
Pensar Consultoria - Apresentação dos nossos serviços
Pensar Consultoria - Apresentação dos nossos serviçosPensar Consultoria - Apresentação dos nossos serviços
Pensar Consultoria - Apresentação dos nossos serviçosPensar Consultoria
 
Proposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaProposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaTR Consulting
 
Manual de Consultoria
Manual de ConsultoriaManual de Consultoria
Manual de ConsultoriaOswaldo Neto
 
Proposta para prestação de serviços de consultoria (empresa de agronegócios)
Proposta para prestação de serviços de consultoria (empresa de agronegócios)Proposta para prestação de serviços de consultoria (empresa de agronegócios)
Proposta para prestação de serviços de consultoria (empresa de agronegócios)Adriano Alves de Aquino
 

Destaque (9)

Auditoria na Gestão de Pessoas
Auditoria na Gestão de PessoasAuditoria na Gestão de Pessoas
Auditoria na Gestão de Pessoas
 
O ambiente e a cultura organizacional
O ambiente e a cultura organizacionalO ambiente e a cultura organizacional
O ambiente e a cultura organizacional
 
87601259 consultoria-empresarial-conceitos-metodologia-praticas-reboucas
87601259 consultoria-empresarial-conceitos-metodologia-praticas-reboucas87601259 consultoria-empresarial-conceitos-metodologia-praticas-reboucas
87601259 consultoria-empresarial-conceitos-metodologia-praticas-reboucas
 
Pensar Consultoria - Apresentação dos nossos serviços
Pensar Consultoria - Apresentação dos nossos serviçosPensar Consultoria - Apresentação dos nossos serviços
Pensar Consultoria - Apresentação dos nossos serviços
 
Proposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaProposta de Consultoria
Proposta de Consultoria
 
Manual de Consultoria
Manual de ConsultoriaManual de Consultoria
Manual de Consultoria
 
MUDANÇA ORGANIZACIONAL
MUDANÇA ORGANIZACIONALMUDANÇA ORGANIZACIONAL
MUDANÇA ORGANIZACIONAL
 
Teoria estruturalista 2012_01
Teoria estruturalista 2012_01Teoria estruturalista 2012_01
Teoria estruturalista 2012_01
 
Proposta para prestação de serviços de consultoria (empresa de agronegócios)
Proposta para prestação de serviços de consultoria (empresa de agronegócios)Proposta para prestação de serviços de consultoria (empresa de agronegócios)
Proposta para prestação de serviços de consultoria (empresa de agronegócios)
 

Semelhante a Acões da Consultoria em Gestão de Pessoas em diferentes cenários administratitvos

Palestra sobre Advocacia Avançada, por Lara Selem
Palestra sobre Advocacia Avançada, por Lara SelemPalestra sobre Advocacia Avançada, por Lara Selem
Palestra sobre Advocacia Avançada, por Lara SelemLara Selem
 
Intraempreendedorismo: Inovação e Benefícios
Intraempreendedorismo: Inovação e BenefíciosIntraempreendedorismo: Inovação e Benefícios
Intraempreendedorismo: Inovação e BenefíciosReginaldo Dal`Bó
 
Aula 2 - PCCS 2009.1
Aula 2 - PCCS 2009.1Aula 2 - PCCS 2009.1
Aula 2 - PCCS 2009.1Angelo Peres
 
Liderança empreendedora 2013 bb
Liderança empreendedora 2013 bbLiderança empreendedora 2013 bb
Liderança empreendedora 2013 bbtaraujoh1
 
Demissão, OS EFEITOS NA ORGANIZAÇÃO E NO INDIVÍDUO
Demissão, OS EFEITOS NA ORGANIZAÇÃO E NO INDIVÍDUODemissão, OS EFEITOS NA ORGANIZAÇÃO E NO INDIVÍDUO
Demissão, OS EFEITOS NA ORGANIZAÇÃO E NO INDIVÍDUOKel Menezes
 
Gestão do Conhecimento
Gestão do ConhecimentoGestão do Conhecimento
Gestão do Conhecimentoguest1ee0db8
 
Palestra JHCG 09042013
Palestra JHCG 09042013Palestra JHCG 09042013
Palestra JHCG 09042013Lara Selem
 
Blink Consulting Apresentacao 2011
Blink Consulting Apresentacao 2011Blink Consulting Apresentacao 2011
Blink Consulting Apresentacao 2011quicas
 
Planejamento EstratéGico Pessoal
Planejamento EstratéGico PessoalPlanejamento EstratéGico Pessoal
Planejamento EstratéGico PessoalMarcelo Bastos
 
ANIMA PORTIFÓLIO
ANIMA PORTIFÓLIOANIMA PORTIFÓLIO
ANIMA PORTIFÓLIOTiago Alves
 
Empreendedorismo e ética profissional
Empreendedorismo e ética profissionalEmpreendedorismo e ética profissional
Empreendedorismo e ética profissionalDenis Carlos Sodré
 
Como tomar decisões em equipe
Como tomar decisões em equipeComo tomar decisões em equipe
Como tomar decisões em equipeWebgoal
 

Semelhante a Acões da Consultoria em Gestão de Pessoas em diferentes cenários administratitvos (20)

Palestra sobre Advocacia Avançada, por Lara Selem
Palestra sobre Advocacia Avançada, por Lara SelemPalestra sobre Advocacia Avançada, por Lara Selem
Palestra sobre Advocacia Avançada, por Lara Selem
 
demissão
demissãodemissão
demissão
 
Estratégias, Riscos e Modelagem Empresarial
Estratégias, Riscos e Modelagem EmpresarialEstratégias, Riscos e Modelagem Empresarial
Estratégias, Riscos e Modelagem Empresarial
 
Intraempreendedorismo: Inovação e Benefícios
Intraempreendedorismo: Inovação e BenefíciosIntraempreendedorismo: Inovação e Benefícios
Intraempreendedorismo: Inovação e Benefícios
 
Vencendo Com As Pessoas Faap
Vencendo Com As Pessoas   FaapVencendo Com As Pessoas   Faap
Vencendo Com As Pessoas Faap
 
Aula 2 - PCCS 2009.1
Aula 2 - PCCS 2009.1Aula 2 - PCCS 2009.1
Aula 2 - PCCS 2009.1
 
I Fórum Gomes de Matos - Um guia para o comprometimento
I Fórum Gomes de Matos - Um guia para o comprometimentoI Fórum Gomes de Matos - Um guia para o comprometimento
I Fórum Gomes de Matos - Um guia para o comprometimento
 
Liderança empreendedora 2013 bb
Liderança empreendedora 2013 bbLiderança empreendedora 2013 bb
Liderança empreendedora 2013 bb
 
Demissão, OS EFEITOS NA ORGANIZAÇÃO E NO INDIVÍDUO
Demissão, OS EFEITOS NA ORGANIZAÇÃO E NO INDIVÍDUODemissão, OS EFEITOS NA ORGANIZAÇÃO E NO INDIVÍDUO
Demissão, OS EFEITOS NA ORGANIZAÇÃO E NO INDIVÍDUO
 
Gestão do Conhecimento
Gestão do ConhecimentoGestão do Conhecimento
Gestão do Conhecimento
 
SARH - portfólio e artigos
SARH - portfólio e artigosSARH - portfólio e artigos
SARH - portfólio e artigos
 
Palestra JHCG 09042013
Palestra JHCG 09042013Palestra JHCG 09042013
Palestra JHCG 09042013
 
Blink Consulting Apresentacao 2011
Blink Consulting Apresentacao 2011Blink Consulting Apresentacao 2011
Blink Consulting Apresentacao 2011
 
Planejamento EstratéGico Pessoal
Planejamento EstratéGico PessoalPlanejamento EstratéGico Pessoal
Planejamento EstratéGico Pessoal
 
ANIMA PORTIFÓLIO
ANIMA PORTIFÓLIOANIMA PORTIFÓLIO
ANIMA PORTIFÓLIO
 
Empreendedorismo e ética profissional
Empreendedorismo e ética profissionalEmpreendedorismo e ética profissional
Empreendedorismo e ética profissional
 
Curso Liderança para a Inovação Patriciasafreire
Curso Liderança para a Inovação PatriciasafreireCurso Liderança para a Inovação Patriciasafreire
Curso Liderança para a Inovação Patriciasafreire
 
Como tomar decisões em equipe
Como tomar decisões em equipeComo tomar decisões em equipe
Como tomar decisões em equipe
 
GestãO Pessoas.Ppt
GestãO Pessoas.PptGestãO Pessoas.Ppt
GestãO Pessoas.Ppt
 
Coching para RH e Gestão de Pessoas
Coching para RH e Gestão de PessoasCoching para RH e Gestão de Pessoas
Coching para RH e Gestão de Pessoas
 

Mais de TR Consulting

NJE Planejamento 2010
NJE Planejamento 2010NJE Planejamento 2010
NJE Planejamento 2010TR Consulting
 
Geração Y e o Mundo Corporativo
Geração Y e o Mundo CorporativoGeração Y e o Mundo Corporativo
Geração Y e o Mundo CorporativoTR Consulting
 
Geração Y e o Mundo Corporativo
Geração Y e o Mundo CorporativoGeração Y e o Mundo Corporativo
Geração Y e o Mundo CorporativoTR Consulting
 
Trilhando os caminhos da Competitividade através de Programas de Treinamento
Trilhando os caminhos da Competitividade através de Programas de TreinamentoTrilhando os caminhos da Competitividade através de Programas de Treinamento
Trilhando os caminhos da Competitividade através de Programas de TreinamentoTR Consulting
 
Proposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaProposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaTR Consulting
 
Governança Corporaiva no cenário global organizacional Edit Presentation
Governança Corporaiva no cenário global organizacional Edit PresentationGovernança Corporaiva no cenário global organizacional Edit Presentation
Governança Corporaiva no cenário global organizacional Edit PresentationTR Consulting
 
Governança Corporaiva no cenário global organizacional
Governança Corporaiva no cenário global organizacionalGovernança Corporaiva no cenário global organizacional
Governança Corporaiva no cenário global organizacionalTR Consulting
 
Intra-empreendedorismo na Administração moderna
Intra-empreendedorismo na Administração modernaIntra-empreendedorismo na Administração moderna
Intra-empreendedorismo na Administração modernaTR Consulting
 
Empresas: Particularidades Históricas e Caracterizações
Empresas: Particularidades Históricas e CaracterizaçõesEmpresas: Particularidades Históricas e Caracterizações
Empresas: Particularidades Históricas e CaracterizaçõesTR Consulting
 

Mais de TR Consulting (10)

NJE Planejamento 2010
NJE Planejamento 2010NJE Planejamento 2010
NJE Planejamento 2010
 
Geração Y e o Mundo Corporativo
Geração Y e o Mundo CorporativoGeração Y e o Mundo Corporativo
Geração Y e o Mundo Corporativo
 
Geração Y e o Mundo Corporativo
Geração Y e o Mundo CorporativoGeração Y e o Mundo Corporativo
Geração Y e o Mundo Corporativo
 
Trilhando os caminhos da Competitividade através de Programas de Treinamento
Trilhando os caminhos da Competitividade através de Programas de TreinamentoTrilhando os caminhos da Competitividade através de Programas de Treinamento
Trilhando os caminhos da Competitividade através de Programas de Treinamento
 
Proposta de Consultoria
Proposta de ConsultoriaProposta de Consultoria
Proposta de Consultoria
 
Governança Corporaiva no cenário global organizacional Edit Presentation
Governança Corporaiva no cenário global organizacional Edit PresentationGovernança Corporaiva no cenário global organizacional Edit Presentation
Governança Corporaiva no cenário global organizacional Edit Presentation
 
Governança Corporaiva no cenário global organizacional
Governança Corporaiva no cenário global organizacionalGovernança Corporaiva no cenário global organizacional
Governança Corporaiva no cenário global organizacional
 
Intra-empreendedorismo na Administração moderna
Intra-empreendedorismo na Administração modernaIntra-empreendedorismo na Administração moderna
Intra-empreendedorismo na Administração moderna
 
Empresas: Particularidades Históricas e Caracterizações
Empresas: Particularidades Históricas e CaracterizaçõesEmpresas: Particularidades Históricas e Caracterizações
Empresas: Particularidades Históricas e Caracterizações
 
Crédito de Carbono
Crédito de CarbonoCrédito de Carbono
Crédito de Carbono
 

Último

Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...E-Commerce Brasil
 
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...E-Commerce Brasil
 
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdf
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdfb2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdf
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdfRenandantas16
 
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos Acontecer
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos AcontecerPesquisa de satisfação - Encontro Fazemos Acontecer
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos AcontecerMarina Evangelista
 
Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...
Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...
Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...imostorept
 
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...E-Commerce Brasil
 
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptxCavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptxEduardoRodriguesOliv2
 

Último (7)

Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
 
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
 
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdf
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdfb2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdf
b2ee375d-671f-406c-8c60-df328a75e662.pdf
 
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos Acontecer
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos AcontecerPesquisa de satisfação - Encontro Fazemos Acontecer
Pesquisa de satisfação - Encontro Fazemos Acontecer
 
Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...
Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...
Imóvel do Banco, Apartamento T5 com Sótão; Bank Property, Apartment near Cent...
 
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
 
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptxCavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
 

Acões da Consultoria em Gestão de Pessoas em diferentes cenários administratitvos

  • 1. César Aparecido Teixeira Claudinei Aparecido Jorge João Ricardo Corbo Rodrigo César Lucas de Afonseca Rodrigo Daniel Bomfim Prof. Dr. Alfredo Argus AÇÕES DA CONSULTORIA EM GESTÃO DE PESSOAS Nos diferentes cenários administrativos MBA em Gestão de Pessoas Anhanguera FASERT Abril 2009
  • 2. INTERDEPENDÊNCIA entre Organização e Sociedade
  • 3. A EVOLUÇÃO departamento pessoal (1950) • recursos humanos (1990) • gestão de pessoas (1990+) •
  • 4. (1990+) ERA DA INFORMAÇÃO terceirização das tarefas não basta possuir recursos, é • • burocráticas necessário saber utilizá-los chefes de linha tornam-se o diferencial competitivo se • • gestores de pessoas dá pela adaptabilidade e inovação geradas pelas lidar com pessoas deixou de pessoas • ser um problema, e começa a ser um diferencial a consultoria prepara as • competitivo pessoas para suprir essas necessidades
  • 5. CONSULTORIA EM GESTÃO DE PESSOAS aprendizagem mútua • pesquisa + ação = erro ou acerto • consultoria interna e externa •
  • 6. INTERNA X EXTERNA vantagens desvantagens Contato diário com os procedimentos Carência de atualização prática;   internos; Conhecimentos adquiridos de maneira teórica;  Maior conhecimento dos aspectos informais; Possui menos experiência que o consultor   interno Maior acesso a pessoas e grupos de interesse; autônomo;  Participação na avaliação e controle dos Menor aceitação de suas idéias pelos gestores, ou   processos e, seja, “santo de casa não faz milagres” e, Poder informal sobre os outros funcionários. Menor liberdade para dizer e fazer as coisas.   Maior experiência prática por estar sempre  Menor conhecimento dos atalhos organizacionais;  em atividade; Menor acesso a pessoas e grupos de interesse;  Trabalha com maior imparcialidade;  externo Não estar presente diariamente na empresa e,  Maior confiança por parte dos gestores;  Não atuar na informalidade.  Livre de vícios praticados pela organização e,  Pode correr maiores riscos. 
  • 7. CLIENTE + POSTURA = SOLUÇÕES exige soluções imediatas • não fornece informações • não acredita que os • departamentos devem interagir não executa ou executa mal • as soluções apresentadas na consultoria
  • 8. A CONSULTA analisar e alterar a cultura • organizacional analisar e alterar a estrutura • organizacional analisar e definir os processos • organizacionais
  • 9. ADMINISTRAÇÃO PARTICIPATIVA filosofia de administração de pessoas, que valoriza o poder • decisório aprimora satisfação e motivação • maior desempenho e rendimento • compartilhamento de informações • formação das organizações orgânicas, onde há grande autonomia • das pessoas
  • 10. 3 ESTRATÉGIAS DE PARTICIPAÇÃO informação decisão resultados Comunicação com clientes; Participação nas vendas;   Decisão participativa;  Comunicação com funcionários; Participação no incremento da   Equipes autogeridas;  Administração visual; receita;  Participação na direção da empresa.  Redução da distância social. Ganhos de produtividade;   Prêmios por sugestão. 
  • 11. IMPLANTANDO A ADM. PARTICIPATIVA Comportamento: substituir “autoritário, impositivo, indiferente, paternalista” por • “cooperação mútua, liderança, autonomia e responsabilidade. Estrutura: estimular as pessoas à participação, distribuindo o poder por toda a • organização e não somente no topo de pirâmide. Visão sistêmica: sistema participativo interno, do ponto de vista comportamental e • estrutural, e também aberto para o ambiente externo.
  • 12. ADMINISTRAÇÃO ESTRATÉGICA EM G.P. envolve a estratégia da empresa e envolvimento das pessoas em • busca de um objetivo comum envolvimento de todos os departamentos para a tomada de • decisões interação das áreas funcionais com a diretoria • fluxo contínuo de informações • o consultor deve atuar no processo de planejamento com • pessoas, gerando ações e resultados para todos
  • 13. CULTURA ORGANIZACIONAL crenças, hábitos e costumes da organização • pode ser classificada em: artefatos, tecnologia, símbolos e • valores guia a análise da consultoria • a partir da cultura organizacional, o consultor pode “desenhar” • um plano de ação é a característica organizacional mais difícil de ser alterada pela • consultoria
  • 14. CONCLUSÃO O consultor em gestão de pessoas deve saber analisar • culturalmente e estruturalmente a organização, bem como o ambiente externo, sugerindo melhorias nas relações pessoais, as quais resultarão em sinergia e comprometimento das partes envolvidas. Guiar as ações, pensamentos e sentimentos das pessoas da organização para o atingimento de objetivos mútuos.
  • 15. Referências ALMEIDA, M. I. R. de; TEIXEIRA, M. L. M.; MARTINELLI, D. P. Por que administrar estrategicamente • recursos humanos? Disponível em: <http://www.rae.com.br/redirect.cfm?ID=689> Acesso em: 03 mar. 2009. CHIANENATO, I. Gestão de Pessoas. 2. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004. • CURY, A. Organizações e métodos: uma visão holística. 8. ed. São Paulo: Atlas, 2005. • FERREIRA, A. B. de H. Novo dicionário da língua portuguesa. 3. ed. Curituba: Positivo, 2004. • FREITAS, M. E. de. Cultura organizacional, grandes temas em debate. Revista de Administração de • Empresas (RAE) da FGV, São Paulo, julho/setembro de 1991. GONÇALVES, J. E. L. Processo, que processo? ERA executivo v. 1 n. 1, Ago/Set/Out. 2002. Disponível • em: <http://www.rae.com.br/redirect.cfm?ID=1504> Acesso em: 28 de mar. 2009. GONÇALVES, M. A. Consultoria. Disponível em: <http://www.rae.com.br/redirect.cfm?ID=808 > • Acesso em: 03 mar. 2009.
  • 16. LACOMBE, B. M. B.: TONELLI, M. J. O discurso e a prática: o que nos dizem os especialistas e o que • nos mostram as práticas das empresas sobre os modelos de gestão de recursos humanos. RAC, v. 5 n. 2, Mai/Ago. 2001. Disponível em: <http://www.anpad.org.br/rac/vol_05/dwn/rac-v5-n2-bml.pdf> Acesso em: 28 de mar. 2009. MAXIMIANO, A. C. A. Teoria geral da administração: da revolução urbana à revolução digital. 6. ed. São • Paulo: Atlas, 2008. NESZLINGER, C. Administração de Recursos Humanos – Disponível em:<http://www.youtube.com/ • watch?v=pOZC2YCrtyY> Acesso em: 03 mar. 2009. OLIVEIRA, D. de P. R de. Planejamento Estratégico: conceitos, metodologia e práticas. 23. ed. São • Paulo: Atlas, 2007.

Notas do Editor