das Vacinações Bases Imunológicas
MALT  (mucosa-associated lymphoid tissues) contribui com cerca de 80% de todas as células imunes, formando o maior sistema...
 
Trends Immunol . 2004, 25:150-57.
Imunização Passiva <ul><li>ARTIFICIAL </li></ul><ul><li>Transferência de anticorpos </li></ul><ul><li>NATURAL </li></ul><u...
Vantagens e desvantagens  <ul><li>Vantagens </li></ul><ul><li>Proteção imediata </li></ul><ul><li>Desvantagens </li></ul><...
Usos da imunização Passiva
Imunização  Ativa  <ul><li>Gerada pelo próprio sistema imune do Indivíduo </li></ul><ul><li>A imunidade e a memória são se...
Tipos de imunização Ativa <ul><li>Natural </li></ul><ul><li>Exposição a infecções sub-clinicas/clínicas. </li></ul><ul><li...
Tipos de Vacinas <ul><li>Organismos vivos/atenuados  </li></ul><ul><li>Organismos mortos </li></ul><ul><li>Vacinas de subu...
Organismos Mortos <ul><li>Vantagens </li></ul><ul><li>Não existe risco de reversão da patogenicidade </li></ul><ul><li>Sem...
Organismos Vivos/ Atenuados <ul><li>Vantagens </li></ul><ul><li>Dose única </li></ul><ul><li>Proteção duradoura </li></ul>...
Atenuação
Comparação Sabin x Salk
Efeitos adversos <ul><li>Pacientes com Imunodeficiências </li></ul><ul><li>Reversão para o tipo selvagem </li></ul><ul><li...
Varíola  <ul><li>3000Ac – Evidência de variolação no Egito </li></ul><ul><li>1500 Ac – turcos introduzem a variolação. </l...
Mecanismo da Vacina contra a Varíola
 
Subunidades <ul><li>Vantagens </li></ul><ul><li>Composição conhecida </li></ul><ul><li>Produção em larga escala </li></ul>...
Vacina Contra a Hepatite B <ul><li>Primeira vacina formada por uma subunidade recombinante </li></ul><ul><li>Formação de I...
Vacina contra toxóide  <ul><li>Apenas o polissacarídeo com ação tóxica </li></ul>
Vacina Ideal <ul><li>Administração Oral </li></ul><ul><li>Baixo Custo </li></ul><ul><li>Fácil estocagem (Temp. ambiente) <...
ADJUVANTES
Perspectivas em adjuvantes <ul><li>Citocinas </li></ul><ul><li>CPG - OligoDesoxiNucleotideos </li></ul><ul><li>Lipossomos ...
Incidência Pré e Pós Vacinação 6
 
Perspectivas em vacinas
 
 
Doenças ainda sem uma vacina efetiva
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Bases Imunológicas - Vacinas

9.290 visualizações

Publicada em

Aula Imunologia ICS 045 - UFBA

  • Seja o primeiro a comentar

Bases Imunológicas - Vacinas

  1. 1. das Vacinações Bases Imunológicas
  2. 2. MALT (mucosa-associated lymphoid tissues) contribui com cerca de 80% de todas as células imunes, formando o maior sistema linfóide mamífero. Fig. 1 – vias de imunização mucosa, com a maior resposta onde a cor é mais intensa ( Nat. Med. 2005, v.11p.545 ). Imunidade das Mucosas
  3. 4. Trends Immunol . 2004, 25:150-57.
  4. 5. Imunização Passiva <ul><li>ARTIFICIAL </li></ul><ul><li>Transferência de anticorpos </li></ul><ul><li>NATURAL </li></ul><ul><li>Anticorpos transplacentarios(IgG) </li></ul><ul><li>Anticorpos no colostro/Leite( SIgA) </li></ul>
  5. 6. Vantagens e desvantagens <ul><li>Vantagens </li></ul><ul><li>Proteção imediata </li></ul><ul><li>Desvantagens </li></ul><ul><li>Curto período de proteção </li></ul><ul><li>Doença do soro </li></ul><ul><li>Risco de transmissão de doenças </li></ul>
  6. 7. Usos da imunização Passiva
  7. 8. Imunização Ativa <ul><li>Gerada pelo próprio sistema imune do Indivíduo </li></ul><ul><li>A imunidade e a memória são semelhantes a infecção, mas sem a doença </li></ul><ul><li>Proteção duradoura </li></ul>
  8. 9. Tipos de imunização Ativa <ul><li>Natural </li></ul><ul><li>Exposição a infecções sub-clinicas/clínicas. </li></ul><ul><li>Artificial </li></ul><ul><li>Organismos atenuados </li></ul><ul><li>Organismos mortos </li></ul><ul><li>Fragmentos subcelulares </li></ul><ul><li>Toxinas </li></ul><ul><li>DNA </li></ul>
  9. 10. Tipos de Vacinas <ul><li>Organismos vivos/atenuados </li></ul><ul><li>Organismos mortos </li></ul><ul><li>Vacinas de subunidades </li></ul><ul><li>Novas abordagens: vacinas de DNA, vetores recombinantes, citocinas, Otimização do epitopo , DC. </li></ul>
  10. 11. Organismos Mortos <ul><li>Vantagens </li></ul><ul><li>Não existe risco de reversão da patogenicidade </li></ul><ul><li>Sem risco de transmissão </li></ul><ul><li>Desvantagens </li></ul><ul><li>Múltiplos reforços </li></ul><ul><li>Composição pouco conhecida </li></ul><ul><li>O patógeno deve ser cultivado in vitro </li></ul><ul><li>Principalmente resposta Humoral </li></ul><ul><li>Adjuvantes </li></ul>
  11. 12. Organismos Vivos/ Atenuados <ul><li>Vantagens </li></ul><ul><li>Dose única </li></ul><ul><li>Proteção duradoura </li></ul><ul><li>Resposta Humoral/Celular </li></ul><ul><li>Desvantagens </li></ul><ul><li>Risco de reversão da patogenicidade </li></ul><ul><li>Pouca definição da composição </li></ul>
  12. 13. Atenuação
  13. 14. Comparação Sabin x Salk
  14. 15. Efeitos adversos <ul><li>Pacientes com Imunodeficiências </li></ul><ul><li>Reversão para o tipo selvagem </li></ul><ul><li>Pólio vírus atenuado difere do selvagem em apenas 10 pares de bases. (Sabin) </li></ul>
  15. 16. Varíola <ul><li>3000Ac – Evidência de variolação no Egito </li></ul><ul><li>1500 Ac – turcos introduzem a variolação. </li></ul><ul><li>14 de maio de 1796, Jenner utilizou material obtido de uma senhora infectada com vaccinia na vacinação. </li></ul>
  16. 17. Mecanismo da Vacina contra a Varíola
  17. 19. Subunidades <ul><li>Vantagens </li></ul><ul><li>Composição conhecida </li></ul><ul><li>Produção em larga escala </li></ul><ul><li>Sem risco de patogenicidade </li></ul><ul><li>Desvantagens </li></ul><ul><li>Resposta humoral </li></ul><ul><li>Múltiplas doses </li></ul><ul><li>Adjuvantes </li></ul>
  18. 20. Vacina Contra a Hepatite B <ul><li>Primeira vacina formada por uma subunidade recombinante </li></ul><ul><li>Formação de IgG neutralizante </li></ul><ul><li>Impede a infecção dos hepatócitos </li></ul><ul><li>Protege 80 a 90% dos vacinados </li></ul>
  19. 21. Vacina contra toxóide <ul><li>Apenas o polissacarídeo com ação tóxica </li></ul>
  20. 22. Vacina Ideal <ul><li>Administração Oral </li></ul><ul><li>Baixo Custo </li></ul><ul><li>Fácil estocagem (Temp. ambiente) </li></ul><ul><li>Dose única </li></ul><ul><li>Proteção duradoura </li></ul>
  21. 23. ADJUVANTES
  22. 24. Perspectivas em adjuvantes <ul><li>Citocinas </li></ul><ul><li>CPG - OligoDesoxiNucleotideos </li></ul><ul><li>Lipossomos </li></ul><ul><li>Immunostimulating complexes (ISCOMs) </li></ul><ul><li>Polímeros com antígenos imunoestimulatorios </li></ul>
  23. 25. Incidência Pré e Pós Vacinação 6
  24. 27. Perspectivas em vacinas
  25. 30. Doenças ainda sem uma vacina efetiva

×