Tema IV - Biotecnologia noDiagnóstico e Terapêutica de Doenças        Importância Biomédica dos               Anticorpos
Anticorpos PoliclonaisResultantes da activação de vários linfócitos Bdiferentes (por apenas um agente patogénico) Vão actu...
Anticorpos Monoclonais Provêm da diferenciação de um só tipo de          linfócitos B activadosPossuem a mesma afinidade, ...
2.Produção de anticorpos monoclonais   A utilização de anticorpos policlonais nos soros sempre foi              difícil de...
Técnica de Hibridização Celular               Somática           Ativação dos Linfócitos               B e resposta de    ...
Vantagens e DesvantagensVantagens:•Menor número de animais imunizados utilizados;•Não existência de anticorpos contaminant...
Aplicações dos anticorposmonoclonais na terapêutica e diagnóstico de doenças ou     condições clínicas
Diagnóstico de Doenças e Condições              ClínicasÉ     possível identificardeterminadas substânciasem fluidos ou te...
Diagnóstico de Doenças e Condições              ClínicasTestes de Gravidez   Doenças infecciosas                     Exemp...
Um indivíduo que não esteja vacinado contra o tétano está  sujeito a ficar infectado casoentre em contacto com material   ...
Na suspeita de infecção, são efectuadostestes serológicos que, com a ajuda dos  anticorpos, vão detectar o “intruso”      ...
Diagnóstico de Doenças e Condições              ClínicasDoenças cancerosas edoenças auto-imunes                  Pesquisa ...
Terapêutica de Doenças• Tratamento de tumores• Tratamento de doenças Autoimunes• Minimização de rejeição de  órgãos/tecido...
Tratamento de TumoresRadioImunoterapia RIT)    Anticorpo usado neste procedimento
Tratamento de TumoresADEPT (Antibody-Directed Enzyme Prodrug               Therapy)
Tratamento de Tumores     ImunolipossomasOs lipossomas têm a capacidade de transportar várias                    substânci...
Tratamento de Doenças Autoimunes        Os anticorpos monoclonais ligam-se a        citoquinas, inibindo a sua ação e assi...
Minimização de rejeição de órgãos      transplantados ou enxertos                               Anticorpos Ligar aos recet...
Anticorpos Monoclonais Aprovadospara fins farmacológicos/terapêuticos
Venenos e AntídotosAs toxinas de venenos são estudadasa fim de ser possível a produção deanticorpos monoclonais específico...
Produção de Antídotos1. Injecções em cavalos de doses não letais, mas       sempre crescentes, de veneno de, por          ...
Produção de Antídotos3. Depois de separados do sangue, esses anticorpos    podem ser utilizados no homem no caso de ter   ...
FIM           Trabalho realizado por:• Laura Carpenter nº 3 12º5• Constança Ochoa nº17 12º6• Mariana Leal nº20 12º6
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Biotecnologia no diagnóstico e terapêutica de doenças

6.435 visualizações

Publicada em

Trabalho realizado no âmbito da Biotecnologia, nomeadamente na importância dos anticorpos no diagnóstico e terapêutica de doenças

Publicada em: Saúde e medicina
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Biotecnologia no diagnóstico e terapêutica de doenças

  1. 1. Tema IV - Biotecnologia noDiagnóstico e Terapêutica de Doenças Importância Biomédica dos Anticorpos
  2. 2. Anticorpos PoliclonaisResultantes da activação de vários linfócitos Bdiferentes (por apenas um agente patogénico) Vão actuar todos contra o mesmo antigénio, concedendo imunidade apenas a esse
  3. 3. Anticorpos Monoclonais Provêm da diferenciação de um só tipo de linfócitos B activadosPossuem a mesma afinidade, especificidade e estrutura, ligando-se, portanto, ao mesmo epítopo no antigénioSão os mais utilizados na Engenharia Genética devido à sua grande especificidade
  4. 4. 2.Produção de anticorpos monoclonais A utilização de anticorpos policlonais nos soros sempre foi difícil de realizar com grande sucesso Em alternativa, poder-se- iam utilizar anticorpos monoclonais. A dificuldade prendia-se ao facto de os linfócitos B não sobreviverem muito tempo em meio de culturaGeorges Köhler César Milstein
  5. 5. Técnica de Hibridização Celular Somática Ativação dos Linfócitos B e resposta de policlonizaçãoX FUSÃO
  6. 6. Vantagens e DesvantagensVantagens:•Menor número de animais imunizados utilizados;•Não existência de anticorpos contaminantes;•Alta especificidade e afinidade (não existem anticorpos nãoespecíficos e faz-se a determinação de um só epítopo de umantigénio);Desvantagens:•Custos elevados;•Apenas reconhece um epítopo, o que, em caso dedestruição, dificulta o processo.
  7. 7. Aplicações dos anticorposmonoclonais na terapêutica e diagnóstico de doenças ou condições clínicas
  8. 8. Diagnóstico de Doenças e Condições ClínicasÉ possível identificardeterminadas substânciasem fluidos ou tecidosatravés de anticorposmonoclonais Através da mudança de cor, fluorescência ou emissão de radioactividade, pode-se saber se se estão a desencadear interacções antigénio-anticorpo
  9. 9. Diagnóstico de Doenças e Condições ClínicasTestes de Gravidez Doenças infecciosas Exemplo: Tétano
  10. 10. Um indivíduo que não esteja vacinado contra o tétano está sujeito a ficar infectado casoentre em contacto com material portador dessa bactéria
  11. 11. Na suspeita de infecção, são efectuadostestes serológicos que, com a ajuda dos anticorpos, vão detectar o “intruso” São também utilizados soros antitetânicos que prevenirão e tratarão os sintomas da infecção no mesmo indivíduo não vacinado.
  12. 12. Diagnóstico de Doenças e Condições ClínicasDoenças cancerosas edoenças auto-imunes Pesquisa de anticorpos produzidos pelos tumores ou doenças auto- imunes, introduzindo anticorpos específicos em tecidos afectados
  13. 13. Terapêutica de Doenças• Tratamento de tumores• Tratamento de doenças Autoimunes• Minimização de rejeição de órgãos/tecidos transplantados
  14. 14. Tratamento de TumoresRadioImunoterapia RIT) Anticorpo usado neste procedimento
  15. 15. Tratamento de TumoresADEPT (Antibody-Directed Enzyme Prodrug Therapy)
  16. 16. Tratamento de Tumores ImunolipossomasOs lipossomas têm a capacidade de transportar várias substânciasEste método consiste na ligação de um anticorpo comum fármaco a um lipossoma, de modo a desencadearuma resposta imunitária dirigida diretamente à célula cancerosa Lipossoma Anticorpo ImunoLipossoma
  17. 17. Tratamento de Doenças Autoimunes Os anticorpos monoclonais ligam-se a citoquinas, inibindo a sua ação e assim impedindo a reação autoimune•Certolizumab Doença pegol Inibe TNF-α Inibe de•Adalimumab Crohn
  18. 18. Minimização de rejeição de órgãos transplantados ou enxertos Anticorpos Ligar aos recetores membranares do Ligar às citoquininas libertadas peloórgão transplantado/enxerto, de modo órgão a modificá-lo, impedindo o seu transplantado/enxerto, neutralizando-as reconhecimento pelos linfócitos T Dactilizumab Inibe IL-2
  19. 19. Anticorpos Monoclonais Aprovadospara fins farmacológicos/terapêuticos
  20. 20. Venenos e AntídotosAs toxinas de venenos são estudadasa fim de ser possível a produção deanticorpos monoclonais específicos para as mesmas  produção de soros anti-veneno (antídotos)
  21. 21. Produção de Antídotos1. Injecções em cavalos de doses não letais, mas sempre crescentes, de veneno de, por exemplo, cobra 2. O cavalo gradualmente cria imunidade ao veneno  produz anticorpos monoclonais específicos para o veneno dessa cobra
  22. 22. Produção de Antídotos3. Depois de separados do sangue, esses anticorpos podem ser utilizados no homem no caso de ter havido contacto com o veneno
  23. 23. FIM Trabalho realizado por:• Laura Carpenter nº 3 12º5• Constança Ochoa nº17 12º6• Mariana Leal nº20 12º6

×