C3 cristãos e muçulmanos na península

21.745 visualizações

Publicada em

Cristãos e Muçulmanos Península Ibérica

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

C3 cristãos e muçulmanos na península

  1. 1. C3 Cristãos e muçulmanos na Península http://divulgacaohistoria.wordpress.com/
  2. 2. A expansão do Islão (622-750 Apresentação de História, 7º ano 2
  3. 3. Como se caracteriza a religião islâmica? O Islão (islamismo) é uma religião monoteísta; Foi fundada no século VII, pelo seu profeta Maomé; Islão: conjunto de todos os países, povos e crentes que seguem as regras do islamismo. Em árabe significa “submissão a Deus”. Muçulmano: aquele que se submete (é crente) em Alá. Alá: Deus em árabe. Apresentação de História, 7º ano 3
  4. 4. Maomé, quando estava no deserto, afirmou que o arcanjo Gabriel lhe revelou os princípios fundamentais da nova religião, e que Deus (Alá) o escolheu para seu mensageiro. Os cinco princípios (pilares) fundamentais da religião islâmica: 1. 2. 3. 4. 5. Acreditar em Alá, Deus único e em Maomé o seu profeta; Rezar cinco vezes ao dia; Cumprir o jejum do Ramadão (40 dias por ano); Dar esmola aos pobres; Fazer uma peregrinação a Meca pelo menos uma vez na vida; Apresentação de História, 7º ano 4
  5. 5. Os preceitos fundamentais da religião estão escritos no seu livro sagrado: o Corão ou Alcorão. Meca tornou-se o centro da religião islâmica. Apresentação de História, 7º ano 5
  6. 6. Após a morte de Maomé, os seus sucessores, os califas, iniciaram um movimento de expansão. O desejo de expandir o islamismo levou-os à prática da Guerra Sagrada, a Jihad. Apresentação de História, 7º ano 6
  7. 7. Quais foram os principais contributos da religião islâmica? A civilização islâmica nasceu do contacto entre muitos povos e culturas diferentes e do cumprimento dos preceitos religiosos do Corão. Apresentação de História, 7º ano 7
  8. 8. A civilização islâmica foi uma cultura urbana. Existiam grandes cidades (Cairo, Bagdad, Córdova, etc.). Dominavam um vasto império e controlavam o comércio entre o Ocidente e Oriente, sobre tudo de produtos de luxo (especiarias e seda). Desenvolveram a agricultura, aperfeiçoaram as técnicas de rega. Usavam a moeda (dirham). Apresentação de História, 7º ano 8
  9. 9. Os territórios muçulmanos contrastavam com os territórios cristãos, que nessa época, tinham uma economia pobre e rural. Apresentação de História, 7º ano 9
  10. 10. Principais realizações dos muçulmanos: • Matemática: algarismos • Desenvolveram a astronomia, medicina, química e geografia. Desenvolveram a literatura e a arte. Apresentação de História, 7º ano 10
  11. 11. Como foram as relações entre cristãos e muçulmanos na Península Ibérica? Em 711 (século VIII), um exército muçulmano, chefiado por Tarique invadiu a Península Ibérica. Apenas a região das Astúrias, no Norte, não foi conquistada. Apresentação de História, 7º ano 11
  12. 12. Em 722, os Visigodos, comandados pelo rei Pelágio, venceram os Muçulmanos na Batalha de Covadonga. Foi o início da Reconquista cristã. Reconquista: nome dado às campanhas militares e religiosas empreendidas pelos cristãos para recuperarem os territórios da Península Ibérica que tinham sido conquistados pelos Muçulmanos. Iniciou-se me 722 e terminou em 1492. Apresentação de História, 7º ano 12
  13. 13. Durante séculos coexistiram dois mundos diferentes na Península Ibérica. O mundo cristão e o mundo muçulmano. Durante este período houve momentos de luta mas também muitas épocas de convivência pacífica. A presença muçulmana foi mais longa a Sul, deixou aí mais marcas. O Norte cristão tinha uma cultura influenciada pela vida religiosa, uma economia rural e a sociedade caracterizada pelo feudalismo. O Sul muçulmano (o Al-Andalus), tinha cidades, escolas e bibliotecas, uma cultura e ciência desenvolvidas, uma economia comercial. Apresentação de História, 7º ano 13
  14. 14. Qual foi o legado muçulmano na Península Ibérica? O domínio muçulmano durou cerca de 5 séculos no território que hoje chamamos Portugal e 8 séculos na Espanha. Apresentação de História, 7º ano 14
  15. 15. Inovações trazidas pelos muçulmanos para a Península Ibérica: Agricultura: novas culturas (cana-de-açúcar, arroz, citrinos, amendoeiras, figueiras, etc.) Desenvolveram as técnicas de rega. Artesanato: utilizavam novas técnicas de trabalhar o vidro, o couro, moagem e olaria. Arte: construíram cidades, mesquitas e palácios. Divulgaram a utilização do azulejo. Na língua portuguesa existem cerca de 600 palavras de origem árabe. Apresentação de História, 7º ano 15
  16. 16. Como contribui a Reconquista para a formação dos reinos cristãos da Península Ibérica? Apresentação de História, 7º ano 16
  17. 17. Em 722, os nobres cristãos refugiados nas Astúrias iniciaram a Reconquista da Península Ibérica; No século X, a fronteira estava situada no rio Douro. Tinham surgido novos reinos cristãos: Leão, Castela, Navarra e Aragão. Apresentação de História, 7º ano 17
  18. 18. A guerra entre cristãos e muçulmanos foi feita de avanços e recuos. No século XI, o rei de Leão e Castela, pediu ajuda ao Papa. O Papa integrou a Reconquista no movimento das Cruzadas (pretendia recuperar a Terra Santa para os cristãos. Muitos nobres, sobretudo do reino Franco (França) vieram ajudar os cristãos da Península Ibérica. Apresentação de História, 7º ano 18
  19. 19. Entre esses cavaleiros destaca-se o D. Henrique de Borgonha; Como recompensa o rei concedeu-lhe a sua filha, D. Teresa em casamento e doou-lhe um condado. O Condado Portucalense. Apresentação de História, 7º ano 19
  20. 20. D. Henrique tornou-se vassalo do rei de Leão e Castela. Cumpriu com os seus deveres mas tentou desenvolver uma política de maior autonomia do Condado Portucalense. Apresentação de História, 7º ano 20
  21. 21. Após a sua morte sucedeu-lhe a sua esposa, D. Teresa. Esta aliou-se com alguns nobres da Galiza. Esta aliança provocou descontentamento em alguma nobreza do condado, que se aliaram ao filho de D. Teresa, D. Afonso Henriques. Apresentação de História, 7º ano 21
  22. 22. Os exércitos de D. Teresa e de D. Afonso Henriques, encontraram-se em 1128, na Batalha de S. Mamede (Guimarães). D. Afonso Henriques derrotou a mãe e assumiu o governo do Condado Portucalense. Apresentação de História, 7º ano 22
  23. 23. D. Afonso Henriques estabeleceu três objetivos fundamentais para o governo do condado: 1. Alargar o condado para sul (reconquista); 2. Obter a independência face a Leão e Castela; 3. Conseguir o reconhecimento da independência pelo Papa. Apresentação de História, 7º ano 23
  24. 24. Em 1143, no tratado de Zamora, Afonso VII, rei de Leão e Castela reconhece a independência de Portugal; Em 1179, o Papa Alexandre III, reconheceu Portugal como reino independente na Bula Manifestis Probatum; D. Afonso Henriques conquistou o território até ao rio Tejo; Em 1249, D. Afonso III, conquistou definitivamente o Algarve. Apresentação de História, 7º ano 24
  25. 25. Em 1297, o tratado de Alcanises, estabelece as fronteiras entre Portugal e Castela. Esta a apresentação foi construída tendo por base o manual, O tempo da História, COUTO, Célia Pinto e outros, Porto Editora,2011, Porto Apresentação de História, 7º ano 25

×