SlideShare uma empresa Scribd logo
Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica
1 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO)
Questão 01
Algumas crianças apresentam problemas de crescimento devido à deficiência de Zn2+
no
organismo. Esse tipo de patologia pode ser sanado pela ingestão de medicamentos que
contenham óxido de zinco, ou por meio de solução aquosa de sulfato de zinco. Alguns
comprimidos contêm 1,3·10-2
g de ZnO. Pergunta-se: que volume de uma solução aquosa de
contendo Zn+2
, de concentração 0,10mol/L, contém massa de Zn2+
igual àquela contida em um
comprimido de ZnO?
Dadas as massas molares: Zn = 65 g/mol;
a) 2 mL
b) 20 mL
c) 200 mL
d) 0,2 mL
e) 0,02 mL
Questão 02
O preparo de solução alvejante de tinturaria, 521,5g de hipoclorito de sódio são dissolvidos em
água suficiente para 10,0 litros de solução. A concentração, em mols/litro, da solução é:
Dado: massa molar do NaCℓO = 74,5 g/mol
a) 7,0 mol/L.
b) 3,5 mol/L.
c) 0,70 mol/L.
d) 0,35 mol/L.
e) 0,22 mol/L
Questão 03
Com o objetivo de diminuir a incidência de cáries na população, em muitas cidades adiciona-se
fluoreto de sódio (NaF) à água distribuída pelas estações de tratamento, de modo a obter uma
concentração de 2,0 x 10-5
mol/L. Com base neste valor e dadas as massas molares em g/mol:
Na = 23 e F = 19, podemos dizer que a massa do sal contida em 500 mL desta solução é:
a) 4,2 x 10-1
g.
b) 8,4 x 10-1
g.
Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica
2 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO)
c) 4,2 x 10-4
g.
d) 6,1 x 10-4
g.
e) 8,4 x 10-4
g.
Questão 04
Considere duas latas do mesmo refrigerante, uma na versão diet e outra na versão comum.
Ambas contêm o mesmo volume de líquido (300 mL) e têm a mesma massa quando vazias. A
composição do refrigerante é a mesma em ambas, exceto por uma diferença: a versão comum
contém certa quantidade de açúcar, enquanto a versão diet não contém açúcar (apenas massa
desprezível de um adoçante artificial). Pesando-se as duas latas fechadas de refrigerante,
foram obtidos os seguintes resultados.
Por esses dados, pode-se concluir que a concentração, em g/L, de açúcar no refrigerante
comum é de, aproximadamente,
a) 0,020
b) 0,050
c) 1,1
d) 20
e) 50
Questão 05
Um certo medicamento contém 30g de um componente ativo X dissolvido num determinado
volume de solvente, constituindo 150 mL de solução. Ao analisar o resultado do exame de
laboratório de um paciente, o médico concluiu que o doente precisa de 3g do componente
ativo X por dia, dividido em 3 doses, ou seja, de 8 em 8 horas. Que volume do medicamento
deve ser ingerido pelo paciente a cada 8 horas para cumprir a determinação do médico?
a) 50 mL.
$b) 100 mL.
c) 5 mL.
d) 10 mL.
e) 12 mL.
Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica
3 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO)
Questão 06
Uma das potencialidades econômicas do Rio Grande do Norte é a produção de sal marinho. O
cloreto de sódio é obtido a partir da água do mar nas salinas construídas nas proximidades do
litoral. De modo geral, a água do mar percorre diversos tanques de cristalização até alcançar
uma concentração determinada. Suponha que, numa das etapas do processo, um técnico
retirou 3 amostras de 500 mL de um tanque de cristalização, realizou a evaporação com cada
amostra e anotou a massa de sal resultante na tabela a seguir:
A concentração média das amostras será de
a) 48 g/L.
b) 44 g/L.
c) 42 g/L.
d) 40 g/L.
e) 50 g/L
Questão 07
As bebidas fermentadas têm teor alcoólico menor que as destiladas: na cerveja, por exemplo,
considera-se 4°GL, aproximadamente. Nas bebidas destiladas, o teor alcoólico é mais elevado;
no uísque, por exemplo, há em torno de 45°GL. Suponha que dois amigos resolvam ir a uma
boate. Um deles toma cerveja e o outro, uísque. Nessa situação, calcule a quantidade em
volume de cerveja que o indivíduo que ingeriu essa bebida precisaria tomar para alcançar a
quantidade de álcool presente em 200mL de uísque consumido pelo seu amigo. O volume de
cerveja calculado é: Dados: A graduação alcoólica é expressa em °GL e in dica a porcentagem
em volume na bebida. Exemplo: No uísque, 45°GL significa que 45% do volume é de álcool.
a) 90 mL
b) 800 mL
c) 2250 mL
d) 2500 mL
e) 2750 mL
Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica
4 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO)
Questão 08
Para que o ar que inspiramos seja considerado bom, admita que o limite máximo de CO não
ultrapasse 5 ppm num dado ambiente. Uma pessoa é colocada num ambiente com dimensões
de 12,5mx4mx10m, no qual se constata a existência de 2 L de CO disseminados no ar. Conclui-
se com esses dados que:
a) a quantidade de CO encontrada no ambiente é igual ao limite máximo aceito.
b) a quantidade de CO encontrada no ambiente é maior que 5 ppm.
c) a quantidade de CO encontrada no ambiente é menor que o limite máximo aceito.
d) não há risco para a pessoa que se encontra no ambiente, pois a quantidade de CO
encontrada é menor que 1 ppm.
e) se deve retirar a pessoa do ambiente com urgência, pois o limite máximo aceito de CO foi
ultrapassado em mais de 90%.
Questão 09
A água de abastecimento urbano, depois de passar pela Estação de Tratamento de Água “ETA”
deve conter quantidade de “cloro residual” na forma de HCℓO. A análise de uma amostra de
água tratada, à saída de uma ETA, revelou concentração de HCℓO igual a 2,0 · 10-5 mol/L. Em
mg/L, tal concentração é igual a: (Massa molar do HCℓO = 52,5 g/mol)
a) 1,05
b) 1,05 · 103
c) 0,105
d) 2,10
e) 2,10 · 103
Questão 10
Certos medicamentos são preparados por meio de uma série de diluições. Assim, utilizando-se
uma quantidade de água muito grande, os medicamentos obtidos apresentam concentrações
muito pequenas.
A unidade mais adequada para medir tais concentrações é denominada ppm:
1 ppm corresponde a 1 parte de soluto em 1 milhão de partes de solução
Considere um medicamento preparado com a mistura de 1g de um extrato vegetal e 100 kg de
água pura.
Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica
5 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO)
A concentração aproximada desse extrato vegetal no medicamento, em ppm, está indicada na
seguinte alternativa:
(A) 0,01
(B) 0,10
(C) 1,00
(D) 10,00
Questão 11
Uma solução aquosa apresenta 16% em massa de sacarose (C12H22O11). Se fosse possível fazer
um "retrato" microscópico dessa solução, a proporção de moléculas de sacarose para
moléculas de água seria de aproximadamente
(A) 1:1.
(B) 1:7.
(C) 1:10.
(D) 1:100.
(E) 1:700.
Questão 12
vitamina C é um forte agente redutor, evitando a formação de radicais livres que atacam as
células de defesa do organismo.
Estudos afirmam que uma pessoa consegue absorver, em média, apenas 100 mg de vitamina C
por dia, de modo que a ingestão de suplementos vitamínicos contendo essa substância é
inócua.
Sabe-se que a adição de suco de limão sobre a polpa de uma maçã cortada impede que a
mesma sofra escurecimento quando em contato com o ar, e que uma solução de vitamina C
pode eliminar manchas de iodo (I2) de roupas ao reagir com essa substância.
Admitindo que uma pessoa adulta possui, em média, 5 litros de sangue, a concentração de
vitamina C no corpo dessa pessoa, em g/L, é de
(A) 5 · 10–3
.
(B) 5 · 10–2
.
(C) 2 · 10–3
.
(D) 2 · 10–2
.
(E) 2 · 101
.
Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica
6 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO)
Questão 13
HCl a 5%, v/v, é uma das soluções utilizadas no processo de remoção de ferrugem, tinta e
incrustações de uma superfície metálica. Para que uma solução de HCl tenha essa
característica, ela deve ter
A) 5 g do ácido em 100 mL da solução.
B) 5 μg do ácido em 100 mL do solvente.
C) 5 mg do ácido em 100 mL do solvente.
D) 5 mL do ácido em 100 mL da solução.
E) 5 mL do ácido em 100 mL do solvente.
Questão 14
Um suco de laranja contém 400 ppm de vitamina C. Quantos mL de suco de laranja uma
pessoa deve ingerir para suprir a necessidade diária de 60 mg de vitamina C? Considere que a
densidade do suco de laranja seja 1,00 g/mL.
a) 0,15
b) 150
c) 0,015
d) 1.500
e) 1,50
Questão 15
A dose adequada de paracetamol para uma criança com febre é de 12 mg kg–1
. Sabendo que o
paracetamol de uso pediátrico tem concentração de 200 mg mL–1
e que 20 gotas perfazem 1
mL, quantas gotas um pediatra receitaria para uma criança que pesa 30 kg?
a) 50 gotas.
b) 36 gotas.
c) 30 gotas.
d) 20 gotas.
e) 18 gotas.
Quetão 16
As “margarinas” e os chamados “cremes vegetais” são produtos diferentes, comercializados
em embalagens quase idênticas. O consumidor, para diferenciar um produto do outro, deve
ler com atenção os dizeres do rótulo, geralmente em letras muito pequenas. As figuras que
seguem representam rótulos desses dois produtos.
Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica
7 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO)
Uma função dos lipídios no preparo das massas alimentícias é torná-las mais macias. Uma
pessoa que, por desatenção, use 200 g de creme vegetal para preparar uma massa cuja receita
pede 200 g de margarina, não obterá a consistência desejada, pois estará utilizando uma
quantidade de lipídios que é, em relação à recomendada, aproximadamente
(A) o triplo.
(B) o dobro.
(C) a metade.
(D) um terço.
(E) um quarto.
01) A 02)C 03) C 04) E 05)C 06)B 07)C 08)C 09) A
10)D 11)D 12)D 13)D 14)B 15)B 16)C

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lista de Exercícios: Solucões
Lista de Exercícios: SolucõesLista de Exercícios: Solucões
Lista de Exercícios: Solucões
Hebertty Dantas
 
Radioatividade - Exerícicios
Radioatividade - ExeríciciosRadioatividade - Exerícicios
Radioatividade - Exerícicios
Rodrigo Sampaio
 
DISPERSÕES REVISÃO ENEM
DISPERSÕES REVISÃO ENEMDISPERSÕES REVISÃO ENEM
DISPERSÕES REVISÃO ENEM
Fábio Oisiovici
 
Gases ideais - Questões com gabarito
Gases ideais - Questões com gabaritoGases ideais - Questões com gabarito
Gases ideais - Questões com gabarito
Rodrigo Sampaio
 
Cinética química questoes
Cinética química questoesCinética química questoes
Cinética química questoes
Rodrigo Sampaio
 
Lista de Exercícios: Concentração de Soluções
Lista de Exercícios: Concentração de SoluçõesLista de Exercícios: Concentração de Soluções
Lista de Exercícios: Concentração de Soluções
Hebertty Dantas
 
Listadeslocamento
ListadeslocamentoListadeslocamento
Listadeslocamento
Fábio Oisiovici
 
cáculos com mol
cáculos com molcáculos com mol
cáculos com mol
Fábio Oisiovici
 
pH e pOH_Martha Reis
pH e pOH_Martha ReispH e pOH_Martha Reis
pH e pOH_Martha Reis
Escola Pública/Particular
 
CINÉTICA QUIMICA REVISÃO
CINÉTICA QUIMICA REVISÃOCINÉTICA QUIMICA REVISÃO
CINÉTICA QUIMICA REVISÃO
Fábio Oisiovici
 
Gases exercícios
Gases exercíciosGases exercícios
Gases exercícios
Fábio Oisiovici
 
EQUILÍBRIO REVISÃO ENEM
EQUILÍBRIO REVISÃO ENEMEQUILÍBRIO REVISÃO ENEM
EQUILÍBRIO REVISÃO ENEM
Fábio Oisiovici
 
Exercícios complementares densidade_solubilidade_mudança de estado físico_mod...
Exercícios complementares densidade_solubilidade_mudança de estado físico_mod...Exercícios complementares densidade_solubilidade_mudança de estado físico_mod...
Exercícios complementares densidade_solubilidade_mudança de estado físico_mod...
ProCLAUDIA/LUCIANE MEIJON/SOARES
 
Gabarito da Lista de Exercícios: Solucões
Gabarito da Lista de Exercícios: SolucõesGabarito da Lista de Exercícios: Solucões
Gabarito da Lista de Exercícios: Solucões
Hebertty Dantas
 
Gabarito da segunda avaliação
Gabarito da segunda avaliaçãoGabarito da segunda avaliação
Gabarito da segunda avaliação
professoraludmila
 
Soluções
SoluçõesSoluções
Soluções
Marcio Pereira
 
Progressão Parcial 3º Ano
Progressão Parcial 3º AnoProgressão Parcial 3º Ano
Progressão Parcial 3º Ano
Escola Pública/Particular
 
Estudos2
Estudos2Estudos2
Atividade Cálculos estequiométricos
Atividade Cálculos estequiométricosAtividade Cálculos estequiométricos
Atividade Cálculos estequiométricos
Escola Pública/Particular
 
Exercíciosfundamentais propriedades xconstituição
Exercíciosfundamentais propriedades xconstituiçãoExercíciosfundamentais propriedades xconstituição
Exercíciosfundamentais propriedades xconstituição
ProCLAUDIA/LUCIANE MEIJON/SOARES
 

Mais procurados (20)

Lista de Exercícios: Solucões
Lista de Exercícios: SolucõesLista de Exercícios: Solucões
Lista de Exercícios: Solucões
 
Radioatividade - Exerícicios
Radioatividade - ExeríciciosRadioatividade - Exerícicios
Radioatividade - Exerícicios
 
DISPERSÕES REVISÃO ENEM
DISPERSÕES REVISÃO ENEMDISPERSÕES REVISÃO ENEM
DISPERSÕES REVISÃO ENEM
 
Gases ideais - Questões com gabarito
Gases ideais - Questões com gabaritoGases ideais - Questões com gabarito
Gases ideais - Questões com gabarito
 
Cinética química questoes
Cinética química questoesCinética química questoes
Cinética química questoes
 
Lista de Exercícios: Concentração de Soluções
Lista de Exercícios: Concentração de SoluçõesLista de Exercícios: Concentração de Soluções
Lista de Exercícios: Concentração de Soluções
 
Listadeslocamento
ListadeslocamentoListadeslocamento
Listadeslocamento
 
cáculos com mol
cáculos com molcáculos com mol
cáculos com mol
 
pH e pOH_Martha Reis
pH e pOH_Martha ReispH e pOH_Martha Reis
pH e pOH_Martha Reis
 
CINÉTICA QUIMICA REVISÃO
CINÉTICA QUIMICA REVISÃOCINÉTICA QUIMICA REVISÃO
CINÉTICA QUIMICA REVISÃO
 
Gases exercícios
Gases exercíciosGases exercícios
Gases exercícios
 
EQUILÍBRIO REVISÃO ENEM
EQUILÍBRIO REVISÃO ENEMEQUILÍBRIO REVISÃO ENEM
EQUILÍBRIO REVISÃO ENEM
 
Exercícios complementares densidade_solubilidade_mudança de estado físico_mod...
Exercícios complementares densidade_solubilidade_mudança de estado físico_mod...Exercícios complementares densidade_solubilidade_mudança de estado físico_mod...
Exercícios complementares densidade_solubilidade_mudança de estado físico_mod...
 
Gabarito da Lista de Exercícios: Solucões
Gabarito da Lista de Exercícios: SolucõesGabarito da Lista de Exercícios: Solucões
Gabarito da Lista de Exercícios: Solucões
 
Gabarito da segunda avaliação
Gabarito da segunda avaliaçãoGabarito da segunda avaliação
Gabarito da segunda avaliação
 
Soluções
SoluçõesSoluções
Soluções
 
Progressão Parcial 3º Ano
Progressão Parcial 3º AnoProgressão Parcial 3º Ano
Progressão Parcial 3º Ano
 
Estudos2
Estudos2Estudos2
Estudos2
 
Atividade Cálculos estequiométricos
Atividade Cálculos estequiométricosAtividade Cálculos estequiométricos
Atividade Cálculos estequiométricos
 
Exercíciosfundamentais propriedades xconstituição
Exercíciosfundamentais propriedades xconstituiçãoExercíciosfundamentais propriedades xconstituição
Exercíciosfundamentais propriedades xconstituição
 

Destaque

Bioquimica revisão
Bioquimica revisãoBioquimica revisão
Bioquimica revisão
Rodrigo Sampaio
 
Modelo de anteprojeto cultural
Modelo de anteprojeto culturalModelo de anteprojeto cultural
Modelo de anteprojeto cultural
Rodrigo Sampaio
 
Lista 2 recuperacao
Lista 2   recuperacaoLista 2   recuperacao
Lista 2 recuperacao
Rodrigo Sampaio
 
Treinamento Balanceamento pelo método da tentativa
Treinamento Balanceamento pelo método da tentativa Treinamento Balanceamento pelo método da tentativa
Treinamento Balanceamento pelo método da tentativa
Rodrigo Sampaio
 
Modelo artigo para Maratona Científica
Modelo artigo para Maratona CientíficaModelo artigo para Maratona Científica
Modelo artigo para Maratona Científica
Rodrigo Sampaio
 
Lista geometria polaridade TERCEIRÃO SARTRE
Lista geometria polaridade TERCEIRÃO SARTRE Lista geometria polaridade TERCEIRÃO SARTRE
Lista geometria polaridade TERCEIRÃO SARTRE
Rodrigo Sampaio
 
Resumo separação de misturas heterogêneas
Resumo separação de misturas heterogêneasResumo separação de misturas heterogêneas
Resumo separação de misturas heterogêneas
Rodrigo Sampaio
 
REVISÃO COC POLARIDADE E FORÇAS INTERMOLECULARES
REVISÃO COC POLARIDADE E FORÇAS INTERMOLECULARESREVISÃO COC POLARIDADE E FORÇAS INTERMOLECULARES
REVISÃO COC POLARIDADE E FORÇAS INTERMOLECULARES
Rodrigo Sampaio
 
Nox e oxirredução
Nox e oxirreduçãoNox e oxirredução
Nox e oxirredução
Rodrigo Sampaio
 
lista de questões - Volta são joão - COC
lista de questões - Volta são joão - COClista de questões - Volta são joão - COC
lista de questões - Volta são joão - COC
Rodrigo Sampaio
 
Passo a passo ftool
Passo a passo ftoolPasso a passo ftool
Passo a passo ftool
Rodrigo Sampaio
 
Estequiometria simples
Estequiometria simplesEstequiometria simples
Estequiometria simples
Rodrigo Sampaio
 
Revisão prova 1 unidade 1 ano
Revisão prova 1 unidade 1 anoRevisão prova 1 unidade 1 ano
Revisão prova 1 unidade 1 ano
Rodrigo Sampaio
 
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boa
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boaEstequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boa
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boa
Rodrigo Sampaio
 
Modelo analise _ MARATONA CIENTÍFICA QUARKS
Modelo analise _ MARATONA CIENTÍFICA QUARKSModelo analise _ MARATONA CIENTÍFICA QUARKS
Modelo analise _ MARATONA CIENTÍFICA QUARKS
Rodrigo Sampaio
 
Revisão rendimento excesso pureza e consecutivas 3 ano
Revisão rendimento excesso pureza e consecutivas 3 anoRevisão rendimento excesso pureza e consecutivas 3 ano
Revisão rendimento excesso pureza e consecutivas 3 ano
Rodrigo Sampaio
 
Atividade concentração comum
Atividade concentração comumAtividade concentração comum
Atividade concentração comum
Escola Pública/Particular
 

Destaque (17)

Bioquimica revisão
Bioquimica revisãoBioquimica revisão
Bioquimica revisão
 
Modelo de anteprojeto cultural
Modelo de anteprojeto culturalModelo de anteprojeto cultural
Modelo de anteprojeto cultural
 
Lista 2 recuperacao
Lista 2   recuperacaoLista 2   recuperacao
Lista 2 recuperacao
 
Treinamento Balanceamento pelo método da tentativa
Treinamento Balanceamento pelo método da tentativa Treinamento Balanceamento pelo método da tentativa
Treinamento Balanceamento pelo método da tentativa
 
Modelo artigo para Maratona Científica
Modelo artigo para Maratona CientíficaModelo artigo para Maratona Científica
Modelo artigo para Maratona Científica
 
Lista geometria polaridade TERCEIRÃO SARTRE
Lista geometria polaridade TERCEIRÃO SARTRE Lista geometria polaridade TERCEIRÃO SARTRE
Lista geometria polaridade TERCEIRÃO SARTRE
 
Resumo separação de misturas heterogêneas
Resumo separação de misturas heterogêneasResumo separação de misturas heterogêneas
Resumo separação de misturas heterogêneas
 
REVISÃO COC POLARIDADE E FORÇAS INTERMOLECULARES
REVISÃO COC POLARIDADE E FORÇAS INTERMOLECULARESREVISÃO COC POLARIDADE E FORÇAS INTERMOLECULARES
REVISÃO COC POLARIDADE E FORÇAS INTERMOLECULARES
 
Nox e oxirredução
Nox e oxirreduçãoNox e oxirredução
Nox e oxirredução
 
lista de questões - Volta são joão - COC
lista de questões - Volta são joão - COClista de questões - Volta são joão - COC
lista de questões - Volta são joão - COC
 
Passo a passo ftool
Passo a passo ftoolPasso a passo ftool
Passo a passo ftool
 
Estequiometria simples
Estequiometria simplesEstequiometria simples
Estequiometria simples
 
Revisão prova 1 unidade 1 ano
Revisão prova 1 unidade 1 anoRevisão prova 1 unidade 1 ano
Revisão prova 1 unidade 1 ano
 
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boa
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boaEstequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boa
Estequiometria - casos simples Rodriguinho Química de boa
 
Modelo analise _ MARATONA CIENTÍFICA QUARKS
Modelo analise _ MARATONA CIENTÍFICA QUARKSModelo analise _ MARATONA CIENTÍFICA QUARKS
Modelo analise _ MARATONA CIENTÍFICA QUARKS
 
Revisão rendimento excesso pureza e consecutivas 3 ano
Revisão rendimento excesso pureza e consecutivas 3 anoRevisão rendimento excesso pureza e consecutivas 3 ano
Revisão rendimento excesso pureza e consecutivas 3 ano
 
Atividade concentração comum
Atividade concentração comumAtividade concentração comum
Atividade concentração comum
 

Semelhante a Expressoes de concentração

Lista de exercícios resolvidos de química soluções 2017 1
Lista de exercícios resolvidos de química soluções   2017   1 Lista de exercícios resolvidos de química soluções   2017   1
Lista de exercícios resolvidos de química soluções 2017 1
Helio Okliveira
 
enem revisão soluções
enem revisão soluções enem revisão soluções
enem revisão soluções
Fábio Oisiovici
 
Lista 2.3 concentração das soluções
Lista 2.3   concentração das soluçõesLista 2.3   concentração das soluções
Lista 2.3 concentração das soluções
carlosrbd
 
Concentração
ConcentraçãoConcentração
Concentração
Marcio Pereira
 
Exercícios de densidade
Exercícios de densidadeExercícios de densidade
Exercícios de densidade
blogprofbento
 
Cálculos de concentração
Cálculos de concentraçãoCálculos de concentração
Cálculos de concentração
Joanna de Paoli
 
exercicios de solucao
exercicios de solucao exercicios de solucao
exercicios de solucao
claudia juliana noriega
 
2016 aulas 17 e 18 - soluções - progressao ext noite
2016   aulas 17 e 18 - soluções - progressao ext noite2016   aulas 17 e 18 - soluções - progressao ext noite
2016 aulas 17 e 18 - soluções - progressao ext noite
paulomigoto
 
Lista de exercicios_solucoes_31
Lista de exercicios_solucoes_31Lista de exercicios_solucoes_31
Lista de exercicios_solucoes_31
Letícia Persch
 
Lista de exercícios V Estudo das Soluções
Lista de exercícios V Estudo das SoluçõesLista de exercícios V Estudo das Soluções
Lista de exercícios V Estudo das Soluções
Carlos Priante
 
Exercícios soluções
Exercícios soluçõesExercícios soluções
Exercícios soluções
Santos Raimundo
 
Relatorio analitica 2 determinação de cloro ativo em produto para piscina
Relatorio analitica 2 determinação de cloro ativo em produto para piscinaRelatorio analitica 2 determinação de cloro ativo em produto para piscina
Relatorio analitica 2 determinação de cloro ativo em produto para piscina
arceariane87
 
Soluções share
Soluções shareSoluções share
Soluções share
Fábio Oisiovici
 
AULA 14.ppt
AULA 14.pptAULA 14.ppt
AULA 14.ppt
LopesSilvaJunior
 
Determinação da vit C
Determinação da vit CDeterminação da vit C
Determinação da vit C
Glayson Sombra
 
2 ano quimica
2 ano quimica2 ano quimica
2 ano quimica
Luiza Freitas
 
2 ano quimica
2 ano quimica2 ano quimica
2 ano quimica
Luiza Freitas
 
Soluções lista
Soluções lista Soluções lista
Soluções lista
Fábio Oisiovici
 
Retomada Pedagógica 2ºano - Professorea Elaine Cristina
Retomada Pedagógica   2ºano - Professorea Elaine CristinaRetomada Pedagógica   2ºano - Professorea Elaine Cristina
Retomada Pedagógica 2ºano - Professorea Elaine Cristina
Edson Marcos Silva
 
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos 2018
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos  2018Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos  2018
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos 2018
Clebson Ramos
 

Semelhante a Expressoes de concentração (20)

Lista de exercícios resolvidos de química soluções 2017 1
Lista de exercícios resolvidos de química soluções   2017   1 Lista de exercícios resolvidos de química soluções   2017   1
Lista de exercícios resolvidos de química soluções 2017 1
 
enem revisão soluções
enem revisão soluções enem revisão soluções
enem revisão soluções
 
Lista 2.3 concentração das soluções
Lista 2.3   concentração das soluçõesLista 2.3   concentração das soluções
Lista 2.3 concentração das soluções
 
Concentração
ConcentraçãoConcentração
Concentração
 
Exercícios de densidade
Exercícios de densidadeExercícios de densidade
Exercícios de densidade
 
Cálculos de concentração
Cálculos de concentraçãoCálculos de concentração
Cálculos de concentração
 
exercicios de solucao
exercicios de solucao exercicios de solucao
exercicios de solucao
 
2016 aulas 17 e 18 - soluções - progressao ext noite
2016   aulas 17 e 18 - soluções - progressao ext noite2016   aulas 17 e 18 - soluções - progressao ext noite
2016 aulas 17 e 18 - soluções - progressao ext noite
 
Lista de exercicios_solucoes_31
Lista de exercicios_solucoes_31Lista de exercicios_solucoes_31
Lista de exercicios_solucoes_31
 
Lista de exercícios V Estudo das Soluções
Lista de exercícios V Estudo das SoluçõesLista de exercícios V Estudo das Soluções
Lista de exercícios V Estudo das Soluções
 
Exercícios soluções
Exercícios soluçõesExercícios soluções
Exercícios soluções
 
Relatorio analitica 2 determinação de cloro ativo em produto para piscina
Relatorio analitica 2 determinação de cloro ativo em produto para piscinaRelatorio analitica 2 determinação de cloro ativo em produto para piscina
Relatorio analitica 2 determinação de cloro ativo em produto para piscina
 
Soluções share
Soluções shareSoluções share
Soluções share
 
AULA 14.ppt
AULA 14.pptAULA 14.ppt
AULA 14.ppt
 
Determinação da vit C
Determinação da vit CDeterminação da vit C
Determinação da vit C
 
2 ano quimica
2 ano quimica2 ano quimica
2 ano quimica
 
2 ano quimica
2 ano quimica2 ano quimica
2 ano quimica
 
Soluções lista
Soluções lista Soluções lista
Soluções lista
 
Retomada Pedagógica 2ºano - Professorea Elaine Cristina
Retomada Pedagógica   2ºano - Professorea Elaine CristinaRetomada Pedagógica   2ºano - Professorea Elaine Cristina
Retomada Pedagógica 2ºano - Professorea Elaine Cristina
 
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos 2018
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos  2018Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos  2018
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos 2018
 

Mais de Rodrigo Sampaio

Revisao vieira
Revisao vieiraRevisao vieira
Revisao vieira
Rodrigo Sampaio
 
Entalpia de formaçao combustao 3 questoes
Entalpia de formaçao combustao 3 questoesEntalpia de formaçao combustao 3 questoes
Entalpia de formaçao combustao 3 questoes
Rodrigo Sampaio
 
Eletroquimica
EletroquimicaEletroquimica
Eletroquimica
Rodrigo Sampaio
 
Termoquímica ex da aula parte I
Termoquímica ex da aula parte ITermoquímica ex da aula parte I
Termoquímica ex da aula parte I
Rodrigo Sampaio
 
Termoquímica ex da aula parte I
Termoquímica ex da aula parte ITermoquímica ex da aula parte I
Termoquímica ex da aula parte I
Rodrigo Sampaio
 
Estequiometria pureza e impureza
Estequiometria pureza e impurezaEstequiometria pureza e impureza
Estequiometria pureza e impureza
Rodrigo Sampaio
 
Estequiometria simples
Estequiometria simplesEstequiometria simples
Estequiometria simples
Rodrigo Sampaio
 
Revisão de mol 3 ano
Revisão de mol 3 anoRevisão de mol 3 ano
Revisão de mol 3 ano
Rodrigo Sampaio
 

Mais de Rodrigo Sampaio (8)

Revisao vieira
Revisao vieiraRevisao vieira
Revisao vieira
 
Entalpia de formaçao combustao 3 questoes
Entalpia de formaçao combustao 3 questoesEntalpia de formaçao combustao 3 questoes
Entalpia de formaçao combustao 3 questoes
 
Eletroquimica
EletroquimicaEletroquimica
Eletroquimica
 
Termoquímica ex da aula parte I
Termoquímica ex da aula parte ITermoquímica ex da aula parte I
Termoquímica ex da aula parte I
 
Termoquímica ex da aula parte I
Termoquímica ex da aula parte ITermoquímica ex da aula parte I
Termoquímica ex da aula parte I
 
Estequiometria pureza e impureza
Estequiometria pureza e impurezaEstequiometria pureza e impureza
Estequiometria pureza e impureza
 
Estequiometria simples
Estequiometria simplesEstequiometria simples
Estequiometria simples
 
Revisão de mol 3 ano
Revisão de mol 3 anoRevisão de mol 3 ano
Revisão de mol 3 ano
 

Último

Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
Sandra Pratas
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
sesiomzezao
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Instituto Walter Alencar
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
JocelynNavarroBonta
 

Último (20)

Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
 

Expressoes de concentração

  • 1. Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica 1 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO) Questão 01 Algumas crianças apresentam problemas de crescimento devido à deficiência de Zn2+ no organismo. Esse tipo de patologia pode ser sanado pela ingestão de medicamentos que contenham óxido de zinco, ou por meio de solução aquosa de sulfato de zinco. Alguns comprimidos contêm 1,3·10-2 g de ZnO. Pergunta-se: que volume de uma solução aquosa de contendo Zn+2 , de concentração 0,10mol/L, contém massa de Zn2+ igual àquela contida em um comprimido de ZnO? Dadas as massas molares: Zn = 65 g/mol; a) 2 mL b) 20 mL c) 200 mL d) 0,2 mL e) 0,02 mL Questão 02 O preparo de solução alvejante de tinturaria, 521,5g de hipoclorito de sódio são dissolvidos em água suficiente para 10,0 litros de solução. A concentração, em mols/litro, da solução é: Dado: massa molar do NaCℓO = 74,5 g/mol a) 7,0 mol/L. b) 3,5 mol/L. c) 0,70 mol/L. d) 0,35 mol/L. e) 0,22 mol/L Questão 03 Com o objetivo de diminuir a incidência de cáries na população, em muitas cidades adiciona-se fluoreto de sódio (NaF) à água distribuída pelas estações de tratamento, de modo a obter uma concentração de 2,0 x 10-5 mol/L. Com base neste valor e dadas as massas molares em g/mol: Na = 23 e F = 19, podemos dizer que a massa do sal contida em 500 mL desta solução é: a) 4,2 x 10-1 g. b) 8,4 x 10-1 g.
  • 2. Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica 2 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO) c) 4,2 x 10-4 g. d) 6,1 x 10-4 g. e) 8,4 x 10-4 g. Questão 04 Considere duas latas do mesmo refrigerante, uma na versão diet e outra na versão comum. Ambas contêm o mesmo volume de líquido (300 mL) e têm a mesma massa quando vazias. A composição do refrigerante é a mesma em ambas, exceto por uma diferença: a versão comum contém certa quantidade de açúcar, enquanto a versão diet não contém açúcar (apenas massa desprezível de um adoçante artificial). Pesando-se as duas latas fechadas de refrigerante, foram obtidos os seguintes resultados. Por esses dados, pode-se concluir que a concentração, em g/L, de açúcar no refrigerante comum é de, aproximadamente, a) 0,020 b) 0,050 c) 1,1 d) 20 e) 50 Questão 05 Um certo medicamento contém 30g de um componente ativo X dissolvido num determinado volume de solvente, constituindo 150 mL de solução. Ao analisar o resultado do exame de laboratório de um paciente, o médico concluiu que o doente precisa de 3g do componente ativo X por dia, dividido em 3 doses, ou seja, de 8 em 8 horas. Que volume do medicamento deve ser ingerido pelo paciente a cada 8 horas para cumprir a determinação do médico? a) 50 mL. $b) 100 mL. c) 5 mL. d) 10 mL. e) 12 mL.
  • 3. Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica 3 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO) Questão 06 Uma das potencialidades econômicas do Rio Grande do Norte é a produção de sal marinho. O cloreto de sódio é obtido a partir da água do mar nas salinas construídas nas proximidades do litoral. De modo geral, a água do mar percorre diversos tanques de cristalização até alcançar uma concentração determinada. Suponha que, numa das etapas do processo, um técnico retirou 3 amostras de 500 mL de um tanque de cristalização, realizou a evaporação com cada amostra e anotou a massa de sal resultante na tabela a seguir: A concentração média das amostras será de a) 48 g/L. b) 44 g/L. c) 42 g/L. d) 40 g/L. e) 50 g/L Questão 07 As bebidas fermentadas têm teor alcoólico menor que as destiladas: na cerveja, por exemplo, considera-se 4°GL, aproximadamente. Nas bebidas destiladas, o teor alcoólico é mais elevado; no uísque, por exemplo, há em torno de 45°GL. Suponha que dois amigos resolvam ir a uma boate. Um deles toma cerveja e o outro, uísque. Nessa situação, calcule a quantidade em volume de cerveja que o indivíduo que ingeriu essa bebida precisaria tomar para alcançar a quantidade de álcool presente em 200mL de uísque consumido pelo seu amigo. O volume de cerveja calculado é: Dados: A graduação alcoólica é expressa em °GL e in dica a porcentagem em volume na bebida. Exemplo: No uísque, 45°GL significa que 45% do volume é de álcool. a) 90 mL b) 800 mL c) 2250 mL d) 2500 mL e) 2750 mL
  • 4. Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica 4 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO) Questão 08 Para que o ar que inspiramos seja considerado bom, admita que o limite máximo de CO não ultrapasse 5 ppm num dado ambiente. Uma pessoa é colocada num ambiente com dimensões de 12,5mx4mx10m, no qual se constata a existência de 2 L de CO disseminados no ar. Conclui- se com esses dados que: a) a quantidade de CO encontrada no ambiente é igual ao limite máximo aceito. b) a quantidade de CO encontrada no ambiente é maior que 5 ppm. c) a quantidade de CO encontrada no ambiente é menor que o limite máximo aceito. d) não há risco para a pessoa que se encontra no ambiente, pois a quantidade de CO encontrada é menor que 1 ppm. e) se deve retirar a pessoa do ambiente com urgência, pois o limite máximo aceito de CO foi ultrapassado em mais de 90%. Questão 09 A água de abastecimento urbano, depois de passar pela Estação de Tratamento de Água “ETA” deve conter quantidade de “cloro residual” na forma de HCℓO. A análise de uma amostra de água tratada, à saída de uma ETA, revelou concentração de HCℓO igual a 2,0 · 10-5 mol/L. Em mg/L, tal concentração é igual a: (Massa molar do HCℓO = 52,5 g/mol) a) 1,05 b) 1,05 · 103 c) 0,105 d) 2,10 e) 2,10 · 103 Questão 10 Certos medicamentos são preparados por meio de uma série de diluições. Assim, utilizando-se uma quantidade de água muito grande, os medicamentos obtidos apresentam concentrações muito pequenas. A unidade mais adequada para medir tais concentrações é denominada ppm: 1 ppm corresponde a 1 parte de soluto em 1 milhão de partes de solução Considere um medicamento preparado com a mistura de 1g de um extrato vegetal e 100 kg de água pura.
  • 5. Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica 5 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO) A concentração aproximada desse extrato vegetal no medicamento, em ppm, está indicada na seguinte alternativa: (A) 0,01 (B) 0,10 (C) 1,00 (D) 10,00 Questão 11 Uma solução aquosa apresenta 16% em massa de sacarose (C12H22O11). Se fosse possível fazer um "retrato" microscópico dessa solução, a proporção de moléculas de sacarose para moléculas de água seria de aproximadamente (A) 1:1. (B) 1:7. (C) 1:10. (D) 1:100. (E) 1:700. Questão 12 vitamina C é um forte agente redutor, evitando a formação de radicais livres que atacam as células de defesa do organismo. Estudos afirmam que uma pessoa consegue absorver, em média, apenas 100 mg de vitamina C por dia, de modo que a ingestão de suplementos vitamínicos contendo essa substância é inócua. Sabe-se que a adição de suco de limão sobre a polpa de uma maçã cortada impede que a mesma sofra escurecimento quando em contato com o ar, e que uma solução de vitamina C pode eliminar manchas de iodo (I2) de roupas ao reagir com essa substância. Admitindo que uma pessoa adulta possui, em média, 5 litros de sangue, a concentração de vitamina C no corpo dessa pessoa, em g/L, é de (A) 5 · 10–3 . (B) 5 · 10–2 . (C) 2 · 10–3 . (D) 2 · 10–2 . (E) 2 · 101 .
  • 6. Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica 6 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO) Questão 13 HCl a 5%, v/v, é uma das soluções utilizadas no processo de remoção de ferrugem, tinta e incrustações de uma superfície metálica. Para que uma solução de HCl tenha essa característica, ela deve ter A) 5 g do ácido em 100 mL da solução. B) 5 μg do ácido em 100 mL do solvente. C) 5 mg do ácido em 100 mL do solvente. D) 5 mL do ácido em 100 mL da solução. E) 5 mL do ácido em 100 mL do solvente. Questão 14 Um suco de laranja contém 400 ppm de vitamina C. Quantos mL de suco de laranja uma pessoa deve ingerir para suprir a necessidade diária de 60 mg de vitamina C? Considere que a densidade do suco de laranja seja 1,00 g/mL. a) 0,15 b) 150 c) 0,015 d) 1.500 e) 1,50 Questão 15 A dose adequada de paracetamol para uma criança com febre é de 12 mg kg–1 . Sabendo que o paracetamol de uso pediátrico tem concentração de 200 mg mL–1 e que 20 gotas perfazem 1 mL, quantas gotas um pediatra receitaria para uma criança que pesa 30 kg? a) 50 gotas. b) 36 gotas. c) 30 gotas. d) 20 gotas. e) 18 gotas. Quetão 16 As “margarinas” e os chamados “cremes vegetais” são produtos diferentes, comercializados em embalagens quase idênticas. O consumidor, para diferenciar um produto do outro, deve ler com atenção os dizeres do rótulo, geralmente em letras muito pequenas. As figuras que seguem representam rótulos desses dois produtos.
  • 7. Prof.Rodriguinhofacebook.com/rodriguinhoquimica 7 EXPRESSÕES DE CONCENTRAÇÃO (TREINO) Uma função dos lipídios no preparo das massas alimentícias é torná-las mais macias. Uma pessoa que, por desatenção, use 200 g de creme vegetal para preparar uma massa cuja receita pede 200 g de margarina, não obterá a consistência desejada, pois estará utilizando uma quantidade de lipídios que é, em relação à recomendada, aproximadamente (A) o triplo. (B) o dobro. (C) a metade. (D) um terço. (E) um quarto. 01) A 02)C 03) C 04) E 05)C 06)B 07)C 08)C 09) A 10)D 11)D 12)D 13)D 14)B 15)B 16)C