SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 22
Baixar para ler offline
Plano de Negócios


Empresa: Y-INOVATION
Rua Porfirio Lopes de Aguiar nº290
Araranguá – Santa Catarina
(48)9674-4824/(48)9900-6175
www.yinovation.com.br
diogomarton@gmail.com
michelseemund@hotmail.com




                Diogo Librelon, Administrador
       Rua João de Carvalho nº36 – 313 Liberdade-
                     São Paulo - SP
                Michel Andreas, Administrador
           Rua Porfirio Lopes de Aguiar Nº290
              Mato Alto Santa Catarina-SC

                         18/05/2012
Plano de Negócios




Sumário
1. Sumário Executivo .................................................................................................................. 2
2. Objetivo Geral ......................................................................................................................... 3
3.Objetivo Especifico .................................................................................................................. 3
4. Planejamento Estratégico ....................................................................................................... 4
             4.1Missão ..................................................................................................................... 4
             4.2Visão ........................................................................................................................ 4
             4.3Valores:.................................................................................................................... 4
             4.4 Análises SWOT ........................................................................................................ 4
             4.5Fatores Críticos de Sucesso ..................................................................................... 4
5. Descrição da Empresa............................................................................................................. 5
             5.1 Constituição Jurídica .............................................................................................. 6
             5.2 Estrutura Organizacional - Cenário Real ................................................................ 7
             5.3 Estrutura Organizacional – Cenário Ideal ............................................................... 8
             5.4 Estrutura Organizacional - Cenário Pessimista..................................................... 10
6. Política de Recursos Humanos.............................................................................................. 11
             6.1 Perfis Básicos do Quadro de Funcionários ........................................................... 11
             6.1.2 - Ações ............................................................................................................... 11
             6.1.3 Proposta de Políticas ......................................................................................... 12
7. Produto e Serviço.................................................................................................................. 12
             7.1Produto.................................................................................................................. 12
             7.2Serviços.................................................................................................................. 13
             7.3Consultorias ........................................................................................................... 14
             7.4Plano de Comunicação Digital ............................................................................... 14
             7.5Mobile Marketing .................................................................................................. 14
             7.6Desenvolvimento de aplicativos............................................................................ 15
8. Análise de Mercado .............................................................................................................. 15
             8.1 Análise Setorial ..................................................................................................... 15
             8.2 Público-Alvo .......................................................................................................... 17
             8.3Concorrentes ......................................................................................................... 18
9. Plano de Marketing............................................................................................................... 19
             9.1 Produto ................................................................................................................. 19
             9.2 Promoção ............................................................................................................. 20
             9.3 Preço ..................................................................................................................... 20
             9.4 Praça ..................................................................................................................... 20
10. Plano Financeiro ................................................................................................................. 21
Plano de Negócios




    1. Sumário Executivo

      O propósito deste plano de negócios é informar o potencial de criação de um
empreendimento inovador voltado ao mercado de dispositivos móveis tendo como
produto principal um software de metodologia de criação de aplicativos, criando um
modelo de negócios onde a interação de uma proposta de valor entre a criação do
software e os clientes tenham mais significado.
      Os membros da equipe inicialmente são Michel Andreas e Diogo Librelon que
possuem conhecimento abrangente na área de Tecnologias da Informação e
Comunicação, sendo assim obtendo conhecimento em engenharia de software,
programação, gestão, porém, obtendo maior ênfase na área de gestão e
empreendedorismo sendo assim essencial um conjunto de pessoas necessário nas
partes essenciais de construção de um empreendimento inovador em dispositivos
móveis, como pessoal com habilidades desenvolvimento em Android, IOS, Design.
      Imaginar o mundo sem internet realmente é um caos, e questionar como este
meio se tornou tão imprescindível na sociedade e quais as mudanças que irão
ocorrer                               é                               fundamental.
Não há dúvidas que o mundo está se tornando digital, no Brasil, o crescimento de e-
commerce deve chegar a 178% até 2016, o número de sites no mundo no último
ano cresceu mais do que toda historia da internet, a Cisco (empresa mundial de
equipamento de rede) prevê que até 2015, o tráfego de dados gerado por aparelhos
móveis vai crescer 39 vezes no Brasil e que 32 milhões de brasileiros estarão na
internet por meio de dispositivos móveis, como também está ocorrendo a expansão
da internet de qualidade móvel como 3G,
       A expansão da internet de qualidade juntamente com o barateamento do
hardware possibilita que pessoas de qualquer classe social adquirir tecnologias de
comunicação, onde é identificado que os smartphone estão ultrapassando as
vendas dos computadores desktops e laptops.
      A Fast Company, empresa líder mundial em software de negócios, publicou
um artigo onde dizia que os dispositivos móveis poderiam se tornar um item da
"pirâmide de Maslow", junto das necessidades mais básicas de sobrevivência dos
seres                                                                    humanos.
As pessoas estão parando de pensar onde tem um bom restaurante, ou comparar
preços de produtos, basta simplesmente ter aplicativos no dispositivo que faça isso
do gosto desejado, rapidamente e de maneira fácil e simples. E isso se estende em
todas as áreas de saúde, educação, negócios.
      Entretanto, diante de tantas oportunidades surgem diversas ameaças para a
sociedade, como interagir com o cliente da “geração Y” e estar preparado para este
“big date”, ”é necessário pesquisar, definir teorias, não simplesmente definir
Plano de Negócios



verdades e mitos sobre a realidade” como disse Leo Xaxier, gerente geral da
PontoMobi em sua palestra “O Futuro do Mobile”. Diante dessa realidade, traçamos
um planejamento estratégico para essa revolução, um software que aplique uma
metodologia de criação para aplicativos móveis que oferecerá uma interface gráfica
de fácil utilização possibilitará o cliente criar aplicativos para a plataforma Android,
possibilitando o barateamento dos custos de desenvolvimento e gerando aplicações
inteligentes.




      2. Objetivo Geral
      O objetivo deste documento é firmar as ações de planejamento e estratégias
da empresa Y- Inovation referentes aos produtos e serviços desenvolvidos para um
publico especifico de Santa Catarina visando a arrecadação de capital ou a
agregação de pessoas para a criação do negocio. O documento aborda importantes
questões para a sustentabilidade do negocio, apresentando analises financeiras dos
próximos três anos para os envolvidos com o negocio avaliarem os todos os riscos e
vantagens de se investir na empresa. As informações que são mostradas baseiam-se
no mais próximo da realidade mantendo a integridade do documento e sua
confiabilidade.

      3.Objetivo Especifico

       Para que as ações da Y-Inovation aconteçam de maneira estratégica e eficaz,
todos os detalhes dos negócios, mercado, produto e consumidores estarão
implementados nos textos. As ações terão de seguir de maneira respeitosa oque o
Planejamento aqui detalhado mostra. Todos os interessados em investir ou
participar da empresa poderão utilizar o Plano como referência para que observem
os diferentes cenários de investimento avaliando assim a viabilidade financeira do
negocio. A politica de contratação de colaboradores oferece uma representação do
planejamento de ações com o corpo de pessoal que vier a ser contratado. Isso
demonstra a agregação de valor na mão de obra dos serviços e produto
desenvolvidos para o setor de tecnologias.
Plano de Negócios



4. Planejamento Estratégico


4.1Missão

Tornar simples o desenvolvimento de aplicativos para micro e pequenas
empresas de comunicação de forma inovadora.


4.2Visão

Implantar o software de desenvolvimento de aplicativos em todas as micro e
pequenas empresas do estado de Santa Catarina.

4.3Valores: inovação, criatividade, comprometimento, agilidade, contribuição
social.



4.4 Análises SWOT

Fatores internos fortes: metodologia de desenvolvimento de software ágil,
pesquisa e desenvolvimento inovador tecnológico, aplicação da gestão da
inovação.

Fatores internos fracos: Falta de mão de obra qualificada, pouca experiência
no mercado, rede de relacionamento baixa, falta de capital inicial,
infraestrutura.

Fatores externos de oportunidade: popularização dos aplicativos móveis,
grande crescimento na venda de dispositivos móveis, crescimento ao acesso
na internet por pessoas de classe média e baixa.

Fatores externos de ameaças: Empresas já consolidadas, incorporar
necessidade ao cliente, disseminação de tecnologia, definição do cliente líder.



4.5Fatores Críticos de Sucesso

Posicionamento Competitivo
Inovação
Plano de Negócios



      Produtividade
      Nível de recursos
      Lucratividade
      Desempenho e atitude dos funcionários
      Responsabilidade Social




      5. Descrição da Empresa

       Y-inovation é uma empresa que será criada para atender a uma demanda de
desenvolvimento de aplicativos para dispositivos moveis e estratégia de
comunicação digital no estado de Santa Catarina por parte das agências de
publicidade e comunicação digital . O mercado de aplicativos no Brasil está em plena
expansão acompanhando a grande popularização de dispositivos moveis e suas
plataformas, sua utilização em campanhas de marketing e aplicação como
ferramenta de aumento da relação do consumidor com a marca é cada vez mais
utilizada. Esta empresa tem uma proposta inovadora e terá as suas atividades por
meio virtuais e físicos, pretendemos nos instalar estrategicamente em Florianópolis
em uma área de 10.000            que deseja satisfazer a demanda crescente pelos
aplicativos do estado de SC. Visamos um aumento do efetivo de funcionários e
equipamentos modernos, possibilitando um aumento na produtividade do setor de
desenvolvimento e inserção de estratégias para uma gestão inteligente.
       Uma empresa em estado inicial que sonha com uma alta participação do
mercado de mobilidade digital, suas estratégias estão aliadas com o que há de mais
tendência no mercado, sendo um dos negócios mais inovadores na região sul de
Santa Catarina, podemos dizer que a “Ymobile” está aliada a resolver os problemas
da sociedade no que tange Tecnologias da Informação e Comunicação.
       As pessoas essenciais para a constituição do negócios são Michel Andreas
Seemund, Graduado do curso de Tecnologias da Informação e Comunicação pela
UFSC, com conhecimento em pesquisa na área de inovação e tecnologia e membro
do Núcleo de Inovação e Tecnologia do Vale do Araranguá, Diogo Librelon também
graduado do curso de Tecnologias da Informação e Comunicação, membro da
equipe Intruders de Robotica e do NITA, ressaltando que a atuação no curso de TIC
foi essencial na aplicação de um empreendimento inovador, pelo fato deste analisar
uma visão geral sobre empreendedorismo em Tecnologia aplicando grande
conhecimento técnico e administrativo. Como também possuímos um engenheiro
de software especialista em metodologia ágil para mobile, um designer especialista
em interação humano-computador, e uma equipe de desenvolvedores especializada
em Android e Ios. Podemos dizer que há necessidade de um profissional
Plano de Negócios



responsável       em        análise      de        mercado         e      psicologia.
A “Ymobile” possui parceiros essenciais na atuação de um modelo de negócio
consistente, como a empresa DEIGMA de interação gráfica e a UFSC como auxílio
em                                                                              P&D.
Referente a estrutura dos sócios no negócio, pelo fato do empreendimento estar
sendo especificado em contrato, caso um dos sócios saia, ocorrerá uma série de
ações especificadas no contrato, ocorrendo a divisão de receitas e deveres.


      5.1 Constituição Jurídica

A natureza jurídica da empresa será formada por sociedade por quotas com
responsabilidade limitada, aonde dois sócios trabalharam juntos para manter a
empresa formando uma sociedade empresária, através de um contrato social, onde
constará os seus atos constitutivos, formas de operação, as normas da empresa e o
capital social. Esse por sua vez será dividido em cotas de capital 50% para cada
sócio, o que indica que a responsabilidade pelo pagamento das obrigações da
empresa          é       limitada       à      participação      dos      sócios.
Plano de Negócios


     5.2 Estrutura Organizacional - Cenário Real




          - Cargos as serem preenchidos.

       Esta estratégia aborda a contratação de um número de colaboradores que
ofereça uma estrutura ideal para a empresa manter-se e suportar os primeiros seus
três primeiros anos de vida.

      1º Contratação Diretor de Tecnologias e Operação
      Responsável pela Gerência de operações tecnológicas de uma organização.
Exerce responsabilidade particular de administrar algum ou todos os recursos
envolvidos pela função produção do setor de tecnologias da informação e
comunicação da organização.

      2º Contratação Gerente de Desenvolvimento
      Responsável pela coordenação da equipe de desenvolvimento de software,
escolha das tecnologias, orientação da equipe de programadores e controle dos
processos e tarefas.

      3º Contratação Coordenadoria de Projetos
      O gerente de projeto aloca recursos, ajusta as prioridades, coordena
interações com clientes e usuários e geralmente mantém a equipe do projeto
concentrada na meta certa, também estabelece um conjunto de práticas que
garantem a integridade e a qualidade dos artefatos do projeto.
Plano de Negócios




      4º Contratação Engenheiro de Software
      O Engenheiro de Software será responsável pela criação e a utilização de
sólidos princípios de engenharia a fim de obter o software de maneira econômica,
que seja confiável e que trabalhe em máquinas reais.




     5.3 Estrutura Organizacional – Cenário Ideal




          - Cargos as serem preenchidos.
Plano de Negócios



       1º Contratação Diretor Administrativo Financeiro
       Possuir o curso superior em Administração de Empresas ou Economia. O
profissional deverá ter conhecimentos em Ciências Contábeis e Matemática
Financeira.

      2º Contratação Diretor de Tecnologias e Operação
      Possuir o curso Superior em Ciências da Computação, Tecnologia da
Informação e Comunicação ou Sistemas da Informação. O profissional deverá ter
conhecimentos nas áreas de engenharia de software, gestão de projetos e lógica de
programação.

       3º Contratação Diretor de Marketing e Vendas
       Possuir o curso Superior em Publicidade e Propaganda. O profissional deverá
ter conhecimentos em análise de mercado, estratégia de preços, comunicação e
distribuição, Identificação de oportunidades e riscos.

       4º Contratação Diretor de Recursos Humanos
       Possuir o curso Superior em Psicologia ou Administração de Empresas. O
profissional deverá ter conhecimentos em desenvolvimento de programas de
administração de salários e benefícios, treinamento de funcionários,
desenvolvimento, avaliação de desenvolvimento, planos de carreiras e sucessões.
Plano de Negócios


     5.4 Estrutura Organizacional - Cenário Pessimista




      Sócio 1-
      Diogo Librelon – Estudante da Universidade Federal de Santa Catarina do
curso de Tecnologias da Informação e Comunicação atua como bolsista participando
de projetos na área de Sistemas Regionais de Inovação, Fontes de Financiamento
para projetos de inovação tecnológica e Gerenciamento de Processos. Irá exercer o
papel de administrador da empresa e participará no processo de desenvolvimento
do produto.



      Sócio 2-
      Michel Andreas – Estudante da Universidade Federal de Santa Catarina do
curso de Tecnologias da Informação e Comunicação, atua como bolsista em projetos
de pesquisa e inovação. Participando de projetos estaduais relacionados a gestão
empresarial, plano de negócio, negócios digitais.
Plano de Negócios



      6. Política de Recursos Humanos

       A Y-INOVATION sabe que o quadro de colaboradores é uma peça
fundamental para que a empresa conquiste seus objetivos, demonstrando que sua
politica organizacional está alinhada com os valores da empresa. Para que nossa
missão possa ser alcançada é necessário apresentar para nossos colaboradores uma
Política de Recursos Humanos verdadeira.


      Apresentação

       Queremos estabelecer para nossos colaboradores uma Política de Recursos
Humanos que acompanha o pensamento global de inovação dentro do ambiente de
trabalho, “pensar global e agir local” por isso aplicaremos programas de capacitação
e qualificação dos colaboradores mantendo o quadro de pessoal atualizado
profissionalmente e premiações por comprimento de metas, mantendo os setores
modernos apresentando boas condições de trabalho.



      6.1 Perfis Básicos do Quadro de Funcionários

      A Y-INOVATION é composta por um quadro de colaboradores de 2 Executivos
sendo eles os sócios proprietários da empresa, com idade média de 24 anos e
tempo médio de atuação de 2 anos, porém, no período de três anos a uma
previsão de mais quatro colaboradores.
      As qualificações dos colaboradores estão de acordo com o que o mercado de
desenvolvimento Mobile exige, apresentando características necessárias para que
uma gestão sustentável seja aplicada em longo prazo, atraindo novos talentos para
compor os cargos chaves da empresa.


      6.1.2 - Ações

      A política de recursos humanos está comprometida com o desempenho do
colaborador e sua boa percepção do ambiente de trabalho, para isso acompanhar
sua participação na empresa desde a entrada a saída é tarefa fundamental.
           Capacitação técnica e gerencial de empresários e funcionários;
           Criação de condições para o desenvolvimento pessoal e intelectual;
           Formação de alianças com instituições de ensino, centros de pesquisa;
           Sistemas de avaliação do funcionário;
Plano de Negócios



              Legislação vigente para o setor de tecnologia na área de RH.




6.1.3 Proposta de Políticas

             Planejamento da força de trabalho;
             Programa de qualificação e capacitação;
             Remuneração e Benefícios;
             Carreiras;
             Avaliação de Desempenho;
             Segurança, Saúde e Bem Estar;
             Relação Trabalhista.

     A Política de Recursos Humanos “deve reconhecer as pessoas como o fator
mais valioso para o desenvolvimento das atividades efetuadas na instituição e a
melhoria de sua eficiência” (CHIAVENATO 2002)

      “As pessoas deixam de ser o recurso organizacional mais importante para se
tornar     o      parceiro    principal     do      negocio     (CHIAVENATO)”.



    7. Produto e Serviço


      7.1Produto

      Para o desenvolvimento, a proposta do produto tem como base tecnológica
uma interface gráfica gerada com combinações de Java Script, HTML e XML
pensando em HTML5, pois segundo estatísticas irá se tornar um padrão para
aplicações ricas na web envolvendo funcionalidades para dispositivos móveis como
smartphones e tablets, com isso o domínio tecnológico foi estabelecido na parceria
com a empresa Deigma (http://www.deigma.com.br), o grupo possui experiência
no desenvolvimento de interfaces ricas em Flash e Java script (AJAX).
      Diante de um mercado tão grande é realmente difícil obter um diferencial,
analisar que as grandes empresas de aplicativos já dominaram a classe A e que
nunca foi tão fácil criar um aplicativo sem sair de casa. Tantas plataformas,
softwares, tutoriais, professores web de desenvolvimento, e estes conteúdos com
uma facilidade de acesso muito grande. Porém a grande questão é que todos
Plano de Negócios



desenvolvem pensam como desenvolvedores, ter conhecimento aprofundado sobre
o código, engenharia, metodologia de criação. É necessário ter uma visão maior,
sobre o negócio como um todo, não uma pequena peça que irá desenvolver algo, e
sim como estratégico, gestão, negócio, como obter um diferencial da concorrência.
Formatar, criar, analisar um aplicativo como estratégico, este software não é para
uma equipe de desenvolvedores, este software se comporta como ferramenta
essencial para um gestor, estrategista, gerente de marketing, como forma se verifica
a interação do seu público alvo, seus clientes, consumidores, aonde eles vivem,
quais seus aparelhos, quanto tempo ficam no aplicativo, entender o
comportamento por completo do usuário.
       O grande diferencial é pensar no dono do negócio, sua interação, suas ações,
o que ele precisa ter preparado para este novo crescente mercado digital, como
atingir    estes    clientes,   analisar    suas   ações     com      seu    negócio.
O produto do meu negócio e levar para o cliente um software que facilite o
desenvolvimento de um aplicativo, integrando ferramentas de utilização própria
para aquele segmento de negócio. Sendo assim, este software possui o diferencial
no mercado pelo fato de levar até o cliente ferramentas, componentes, estratégias
sobre o seu negócio, não sendo uma plataforma que cria uma interação, mas
informando o que está acontecendo com o aplicativo, como será feito, pra quem e
porque, os aspectos estratégicos do negócio.
        Este produto é fruto de uma análise realizada sobre o mercado de mobile
através do Núcleo de Inovação e Tecnologia do Vale do Araranguá (NITA) analisando
suas tendências, seus problemas, oportunidades, ou seja, o que será necessário para
adequar         a        este      problema        futuro         na       sociedade.
A razão da utilização deste software é simples, adequar um negócio as mudanças do
mercado, estar preparando para um novo modelo de interação como o cliente
digital, um cliente da geração Y, o grande objetivo geral de utilização do software é
se tornar competitivo de forma inovadora e simples.
       Pretendemos estar com o nosso produto formado antes da Copa do Mundo
em 2014, sendo este evento como grande oportunidade de implantação e análise
do nosso software, como também análise do cliente líder e fatores de marketing em
geral.


     7.2Serviços

      A Y-INOVATION desenvolve serviços para empresas que utilizam estratégia de
comunicação digital. Muitas vezes uma estratégia Mobile é utilizada no plano de
comunicação digital, pois os dispositivos móveis são utilizados para o
entretenimento pessoal e podem rodar aplicativos que aumentam a forma com que
as pessoas, mais especificamente os jovens de 18-24 anos relacionam-se com as
Plano de Negócios



marcas das empresas, via campanha publicitária ou a utilização de games. Para que
o aplicativo atinja o seu objetivo principal: divulgação agressiva da marca, a
interação do usuário final com o aplicativo deve ser registrada e gerenciada
constantemente, pois a observação dos resultados isso servirá para uma análise de
resultado da campanha publicitária e o desenvolvimento de novas estratégias de
marketing. A retenção de dados dos usuários e suas ações dentro dos aplicativos,
principalmente o controle e as estatísticas da visibilidade que a publicidade exposta
terá, é um dos motivos para o desenvolvimento de serviços e ferramentas sejam
gerenciadas.


      7.3Consultorias

       As consultorias terão como objetivo indicar para nossos clientes quais fatores
das estratégias de Mobile, poderão ser implementadas no plano de comunicação
digital da empresa. Apresentaremos paras nossos clientes os diferentes cenários
que o mercado oferece para quem investe na comunicação digital com Mobile
Marketing. Agindo como conselheiros e indicando os melhores caminhos no
investimento.


      7.4Plano de Comunicação Digital

      Caso não exista um setor ou colaboradores responsáveis pelo planejamento
de comunicação digital, nossos consultores iram até o cliente, apresentando nossas
ferramentas e serviços de estratégia comunicação digital. Forneceremos o serviço
de desenvolvimento de um plano para preencher esta lacuna que segunda nossas
análise de mercado oferece um bom ganho na rentabilidade das empresas que
investem neste segmento.



      7.5Mobile Marketing

      Caso nossos clientes já tenham planejamento de Comunicação Digital, a Y-
Inovation ajudara os clientes a desenvolverem uma estratégia de Marketing Mobile
para aumentar a eficiência das campanhas que utilizam o Mobile como maneira de
envolvimento                              dos                           usuários.
Plano de Negócios


      7.6Desenvolvimento de aplicativos

        Primeiramente é feito um estudo sobre o modelo de negócio do cliente, seus
objetivos, seu porte, público alvo, o que realmente o cliente quer e o que realmente
ele precisa. Identificando suas reais necessidades, a criação de uma aplicação mobile
é iniciada, o projeto de engenharia de software entra em sua fase de concepção,
com uma documentação adequada, aplicando um desenvolvimento ágil, porém o
principal será definir quais ferramentas serão indispensáveis para o gerenciamento
e administração do aplicativo mobile para o negócio. Os problemas que estamos
ajudando a solucionar se refere em como o cliente irá se adequar as vantagens do
mercado mobile, ou seja, não adianta somente ter um aplicativo do próprio negócio,
é necessário adquirir produtividade referente a este, independente da aplicação, se
é para um consultório médico informando quais pacientes necessitam melhor
atenção, ou aplicação na educação informando o desempenho de cada aluno. Sendo
assim, a criação definitiva do aplicativo se dará por parte do cliente através do
software de metodologia de criação mobile, onde o cliente irá colocar de forma
facilitada e simplificada os dados do seu aplicativo, sem necessitar de conhecimento
de programação pelo fato de o software incorporar frameworks que facilitem seu
desenvolvimento e tendo uma integração com ferramentas de gerenciamento. O
software busca como processo inovador características de controle e execução,
inicialmente trabalhará com o sistema operacional Android que esta em expansão
no mercado, tendo uma padronização e uma melhor.




      8. Análise de Mercado


      8.1 Análise Setorial

      Hoje possuir tecnologia de ponta aliada à informação demonstra que a
empresa investe no valor agregado dos seus produtos e se preocupa em manter
uma gestão estratégica e um corpo inteligente de administradores. Uma das
grandes soluções encontradas por empresas como Apple foi o desenvolvimento de
produtos e o apoio da utilização do Mobile. A criação do Ipad/Iphone aliada com o
desenvolvimento de aplicativos e a evolução dos sistemas operacionais
transformaram a maneira como pessoas de todas as classes estabelecem a relação
com o ambiente virtual. Os fatores que mais influenciam na grande utilização de
dispositivos moveis são: grande redução nos custos de tecnologia, melhor
tecnologia no desenvolvimento de aplicações móveis, fácil acesso a internet ,
Plano de Negócios



crescimento no número de usuários de internet por dispositivos móveis, e-comerce
em alta e a economia relativamente estável.
       Em uma pesquisa realizada pela IpsosOTX MediaCT – (http://www.ipsos-
na.com/) em maio de 2012 no Brasil á um índice de aumento de 14% na adoção de
dispositivos móveis. Cerca de 73% das pessoas que possuem dispositivos móveis no
Brasil não saem de casa sem eles. O acesso a internet e a utilização de dispositivos
móveis acontece 96% dentro de domicílio, 82% no trabalho, 69% em restaurante do
território nacional.
       A pesquisa também apontou outros aspectos importantes de como
dispositivos móveis do tipo smartphones influenciam no modo de consumo das
pessoas o que demonstra a força de produtos e soluções criadas para o setor de
Mobile que estão listadas abaixo:

       Os smartphones se tornaram indispensáveis para nosso cotidiano.
       Implicação: empresas que têm a rede móvel como um elemento central
de sua estratégia se beneficiarão da oportunidade de envolver o novo consumidor,
que está constantemente conectado.

          Os smartphones transformaram o comportamento do consumidor.

       Implicação: ao estender estratégias de publicidade para incluir a rede
móvel e desenvolver campanhas integradas para várias mídias, você pode alcançar
os consumidores atuais com mais eficiência.

          Os smartphones ajudam os usuários a navegar pelo mundo.

       Implicação: garantir que números de telefone clicáveis apareçam nos
resultados locais e aproveitar os serviços com base na localização no celular facilita
o contato direto dos consumidores com as empresas.

      Os smartphones mudaram o modo como os consumidores fazem
compras.

       Implicação: ter um site otimizado para celular é essencial. Além disso, é
necessário ter uma estratégia para vários canais a fim de envolver os consumidores
nos diversos caminhos até a compra.

      Os smartphones ajudam os anunciantes a entrar em contato com os
consumidores.
Plano de Negócios



      Implicação: tornar os anúncios para celular parte de uma estratégia de
marketing integrada pode aumentar o envolvimento dos consumidores.

       Fonte: Pesquisa sobre o mercado brasileiro de dispositivos moveis realizado
pela IpsosOTX MediaCT - http://www.ipsos-na.com/ em maio de 2012.



      8.2 Público-Alvo

       O público – alvo da Y-INOVATION são empresas que querem investir em
estratégia de Mobile Marketing no estado de Santa Catarina. O Planejamento de
comunicação digital das empresas de publicidade foca na divulgação das marcas de
seus clientes em redes sociais, construção de blogs, desenvolvimento de aplicativos
móveis e engenharia de busca (SEO). Na área de aplicativos móveis, o marketing
inserido deve ser realizado estrategicamente e o desenvolvimento deve acontecer
com ferramentas adequadas. No Brasil os dispositivos móveis ajudam os
anunciantes a entrar em contato com seus clientes. Segundo a pesquisa realizada
pela IpsosOTX sobre a utilização de smartphones no Brasil, 75% das pessoas que
observam anúncios em revistas, tv, outdoors e outros, realizam uma pesquisa sobre
a marca ou o produto via dispositivo móvel após o primeiro contato, 94% dos
usuários percebem anúncios feitos no celular (Mobile Marketing), 31% destes
anúncios tem um maior impacto quando feitos dentro de aplicativos e 42% em
Websites.
       A utilização de estratégias de marketing focadas em mobile nasce de uma
geração conectada aos seus aparelhos digitais e quando apostamos e direcionamos
nossos serviços e produto para empresas que desenvolvem seus planos de
comunicação digital inserido estratégias mobile, estamos atingindo indiretamente
outro público –alvo , o que consome e absorve a marca e é o usuário final dos
aplicativos utilizados em campanhas publicitarias. Esse consumidor são os jovens de
18-24 anos, categorizados como: ”Geração Y”, Globalists, Millennials. É o maior em
números absolutos em uma perspectiva global, e tem um alto poder de comprar se
comparado ao de seus pais quando eram jovens, é dai que enxergamos a vantagem
no investimento de soluções para Mobile. Estes jovens representam novas
linguagens e comportamentos, e eles influenciam diretamente os hábitos de
consumo, estão posicionados no topo da pirâmide de influência, representada na
figura.
Plano de Negócios




                           Figura 1 - Pirâmide de Influência


      * SEO (do inglês, Search Engine Optimization) conjunto de estratégias com o
objetivo de potencializar e melhorar o posicionamento de um site nas páginas de
resultados naturais (orgânicos) nos sites de busca(Google)
      *Pirâmide de influência retirada do filme 'We All Want to Be Young' (todos
nós queremos ser jovens) resultado de diversos estudos realizados pela BOX1824
nos últimos 5 anos. A BOX1824 é uma empresa de pesquisa especializada em
tendências de comportamento e consumo.



      8.3Concorrentes

       Foi realizada uma pesquisa de mercado com as principais empresas que
desenvolvem aplicativos em âmbito nacional, nossas expectativas eram de
comparar nossa proposta de desenvolvimento e gerenciamento dos aplicativos com
as empresas que já estão consolidadas no mercado há mais tempo. O que foi
observado na maioria das empresas é que o desenvolvimento de aplicativos não é
visto com um processo além de sua criação nas linhas de códigos dos
programadores, e que é priorizado por nossa equipe como um ciclo de eterna
atualização e acompanhamento.
       Contudo, existem empresas como i2 Mobile Solutions que oferece uma
ampla atenção na questão de entender o mercado em que a empresa atua para
aplicar uma estratégia eficiente que reflita no desenvolvimento do aplicativo mobile
Plano de Negócios



isso pode ser observado também na multidisciplinaridade da sua equipe de trabalho
que conta com engenheiros, designs e especialistas em marketing.
        Expres Apps também foi estudada por nossa equipe pelo fato de oferecer
uma proposta mais próxima da nossa em que possibilita que o cliente modifique o
aplicativo mobile criado pela Express Apps via uma plataforma web criada
especialmente para os clientes aonde ele pode aplicar técnicas de marketing ou
ferramentas como gps para facilitar que o cliente localize a empresa de qualquer
lugar .
       Na área de mobile learning realmente o Brasil está muito fraco em relação a
mundial, as teorias pedagógicas nessa área ainda estão sendo fundamentadas e os
preços dos tablets estão muito caros para serem distribuídos nas escolas. Na área da
saúde o cenário nacional é praticamente um mar aberto, encontramos referências
somente em âmbito internacional como, por exemplo, a empresa Alemã Biotronik
que possui foco em mobile health, aonde executam criação e gerenciamento do
ambiente na saúde com dispositivos médicos como marca passos cardíacos com wi-
fi a empresa tem sede em Berlim – Alemanha. Com relação às agências digitais,
estas ainda aplicam mobile somente com criação de site a adaptação para HTML5,
onde caracteriza uma extensão dos seus serviços de marketing digital.



      9. Plano de Marketing


      O plano de Marketing foi construído com o objetivo de analisar a interação do
produto principal do negócio, ou seja, o software, como também a proposta de
valor(preço) que será atribuída para o cliente, sendo assim essencial a análise do
meio onde o produto será comercializado(praça) e de que forma irá ser facilitada a o
consumo do meu cliente(promoção).



    9.1 Produto

      O produto tem como característica principal com essência em marketing
resolver um problema do cliente, sendo este uma nova forma de divulgação do seu
negócio, que é o meio digital, com também verifica a forma como o usuário do
aplicativo                                                                interage.
O produto será como estratégico de ligação entre o negócio do cliente, o usuário, e
Y inovation.
Plano de Negócios




      9.2 Promoção

       A promoção do negócio inicialmente se dará por persuadir o cliente a adquirir
nosso produto como necessidade do seu negócio, sendo assim nossa promoção será
voltada a propaganda, podendo contratar uma agencia de comunicação próprio
como também uma agencia digital. Porém, o essencial é executar um marketing
digital como página própria da empresa podendo baixar a versão beta do software,
onde o cliente poderá ter uma primeira versão gratuita e a medida com ele utilizar o
as ferramentas, serviços e requisição de novos modelos irá poder executar o
pagamento.



      9.3 Preço

       O preço será abordado de acordo com a compatibilidade do benefício
adotado, por isso é essencial efetuar teste com clientes iniciais. Serão adotadas
políticas de descontos, como critérios de definição de preço de acordo com cada
solução.
Contudo, os preços serão maiores do que os concorrentes indiretos, pelo fato de
não haver um produto semelhante no mercado para o mesmo público alvo.

Sendo assim o preço estimando inicialmente:
     Custo de desenvolvimento: R$30.000,00
     Vendas versão completa do software: R$ 5.000,00
     Upgrades: R$ 2.000,00
     Mensalidade para manutenção e serviços: R$500,00


      9.4 Praça

      A área de atuação inicialmente realizada pela nossa empresa será estadual,
pelo fato de estar totalmente relacionado a disponibilidade, porém ocorrerá
juntamente uma venda do produto pela internet, contudo com modelos de
produtos                                                             diferentes.
Plano de Negócios




      10. Plano Financeiro

       O plano financeiro foi definido com o tempo de 3 anos, com cenários de
pessimista, realista e otimista. Porém para uma melhor visualização da planilha esta
foi colocado em anexo.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Plano de-maketing-empresa-alimento(2)
Plano de-maketing-empresa-alimento(2)Plano de-maketing-empresa-alimento(2)
Plano de-maketing-empresa-alimento(2)Vitória Dantas
 
PALESTRA alta competitividade pela inteligência de mercado
PALESTRA alta competitividade pela inteligência de mercadoPALESTRA alta competitividade pela inteligência de mercado
PALESTRA alta competitividade pela inteligência de mercadoSustentare Escola de Negócios
 
O que é inteligência de mercado aula espm
O que é inteligência de mercado   aula espmO que é inteligência de mercado   aula espm
O que é inteligência de mercado aula espmJoão Gabriel Chebante
 
Conceito e Casos de Inteligência de Mercado - EPPA 2014
Conceito e Casos de Inteligência de Mercado - EPPA 2014Conceito e Casos de Inteligência de Mercado - EPPA 2014
Conceito e Casos de Inteligência de Mercado - EPPA 2014João Gabriel Chebante
 
PALESTRA – Alta Competitividade pela INTELIGÊNCIA de Mercado: monitoramento e...
PALESTRA – Alta Competitividade pela INTELIGÊNCIA de Mercado: monitoramento e...PALESTRA – Alta Competitividade pela INTELIGÊNCIA de Mercado: monitoramento e...
PALESTRA – Alta Competitividade pela INTELIGÊNCIA de Mercado: monitoramento e...Luciano Andrade
 
ANÁLISE DA VIABILIDADE DA ABERTURA DE UMA EMPRESA PARA COMERCIALIZAÇÃO DE PRO...
ANÁLISE DA VIABILIDADE DA ABERTURA DE UMA EMPRESA PARA COMERCIALIZAÇÃO DE PRO...ANÁLISE DA VIABILIDADE DA ABERTURA DE UMA EMPRESA PARA COMERCIALIZAÇÃO DE PRO...
ANÁLISE DA VIABILIDADE DA ABERTURA DE UMA EMPRESA PARA COMERCIALIZAÇÃO DE PRO...Kamila Lohn
 
2015: Análise de Mercado e Plano de Marketing
2015: Análise de Mercado e Plano de Marketing2015: Análise de Mercado e Plano de Marketing
2015: Análise de Mercado e Plano de MarketingLeandro de Castro
 
TCC - Eduardo dos Santos
TCC - Eduardo dos SantosTCC - Eduardo dos Santos
TCC - Eduardo dos SantosEduardo Dutra
 
Ebook: Guia de inteligência competitiva
Ebook: Guia de inteligência competitivaEbook: Guia de inteligência competitiva
Ebook: Guia de inteligência competitivaXtrategie
 
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FG
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FGPalestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FG
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FGEduardo Maróstica
 
Administração empreendedora: um estudo de caso no Supermercado Atlântico
Administração empreendedora: um estudo de caso no Supermercado AtlânticoAdministração empreendedora: um estudo de caso no Supermercado Atlântico
Administração empreendedora: um estudo de caso no Supermercado AtlânticoJorge William
 
Supermercado para idosos - Estudo de elaboracao de produto conforme identific...
Supermercado para idosos - Estudo de elaboracao de produto conforme identific...Supermercado para idosos - Estudo de elaboracao de produto conforme identific...
Supermercado para idosos - Estudo de elaboracao de produto conforme identific...André Aranha
 
Anfitriao supermercados - Estudo de elaboração de produto conforme identifica...
Anfitriao supermercados - Estudo de elaboração de produto conforme identifica...Anfitriao supermercados - Estudo de elaboração de produto conforme identifica...
Anfitriao supermercados - Estudo de elaboração de produto conforme identifica...André Aranha
 
[Chebante] Conceitos de Inteligência de Mercado e Branding
[Chebante] Conceitos de Inteligência de Mercado e Branding[Chebante] Conceitos de Inteligência de Mercado e Branding
[Chebante] Conceitos de Inteligência de Mercado e BrandingJoão Gabriel Chebante
 
Marketing: Case - Plano de Negócios - F.B.K Auto-Peças
Marketing: Case - Plano de Negócios - F.B.K Auto-PeçasMarketing: Case - Plano de Negócios - F.B.K Auto-Peças
Marketing: Case - Plano de Negócios - F.B.K Auto-PeçasZé Moleza
 
Inteligencia de Mercado e Gestão de mudanças Como transformar oportunidades e...
Inteligencia de Mercado e Gestão de mudanças Como transformar oportunidades e...Inteligencia de Mercado e Gestão de mudanças Como transformar oportunidades e...
Inteligencia de Mercado e Gestão de mudanças Como transformar oportunidades e...Artur Tavares
 
Inteligência mercado
Inteligência mercadoInteligência mercado
Inteligência mercadoWilson Diniz
 

Mais procurados (19)

Plano de-maketing-empresa-alimento(2)
Plano de-maketing-empresa-alimento(2)Plano de-maketing-empresa-alimento(2)
Plano de-maketing-empresa-alimento(2)
 
PALESTRA alta competitividade pela inteligência de mercado
PALESTRA alta competitividade pela inteligência de mercadoPALESTRA alta competitividade pela inteligência de mercado
PALESTRA alta competitividade pela inteligência de mercado
 
O que é inteligência de mercado aula espm
O que é inteligência de mercado   aula espmO que é inteligência de mercado   aula espm
O que é inteligência de mercado aula espm
 
Conceito e Casos de Inteligência de Mercado - EPPA 2014
Conceito e Casos de Inteligência de Mercado - EPPA 2014Conceito e Casos de Inteligência de Mercado - EPPA 2014
Conceito e Casos de Inteligência de Mercado - EPPA 2014
 
PALESTRA – Alta Competitividade pela INTELIGÊNCIA de Mercado: monitoramento e...
PALESTRA – Alta Competitividade pela INTELIGÊNCIA de Mercado: monitoramento e...PALESTRA – Alta Competitividade pela INTELIGÊNCIA de Mercado: monitoramento e...
PALESTRA – Alta Competitividade pela INTELIGÊNCIA de Mercado: monitoramento e...
 
ANÁLISE DA VIABILIDADE DA ABERTURA DE UMA EMPRESA PARA COMERCIALIZAÇÃO DE PRO...
ANÁLISE DA VIABILIDADE DA ABERTURA DE UMA EMPRESA PARA COMERCIALIZAÇÃO DE PRO...ANÁLISE DA VIABILIDADE DA ABERTURA DE UMA EMPRESA PARA COMERCIALIZAÇÃO DE PRO...
ANÁLISE DA VIABILIDADE DA ABERTURA DE UMA EMPRESA PARA COMERCIALIZAÇÃO DE PRO...
 
2015: Análise de Mercado e Plano de Marketing
2015: Análise de Mercado e Plano de Marketing2015: Análise de Mercado e Plano de Marketing
2015: Análise de Mercado e Plano de Marketing
 
PLANO DE NEGÓCIO - FUNDIÇÃO MONFERRATO
PLANO DE NEGÓCIO - FUNDIÇÃO MONFERRATOPLANO DE NEGÓCIO - FUNDIÇÃO MONFERRATO
PLANO DE NEGÓCIO - FUNDIÇÃO MONFERRATO
 
Plano de Negocio para Empresas da Internet
Plano de Negocio para Empresas da InternetPlano de Negocio para Empresas da Internet
Plano de Negocio para Empresas da Internet
 
TCC - Eduardo dos Santos
TCC - Eduardo dos SantosTCC - Eduardo dos Santos
TCC - Eduardo dos Santos
 
Ebook: Guia de inteligência competitiva
Ebook: Guia de inteligência competitivaEbook: Guia de inteligência competitiva
Ebook: Guia de inteligência competitiva
 
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FG
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FGPalestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FG
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FG
 
Administração empreendedora: um estudo de caso no Supermercado Atlântico
Administração empreendedora: um estudo de caso no Supermercado AtlânticoAdministração empreendedora: um estudo de caso no Supermercado Atlântico
Administração empreendedora: um estudo de caso no Supermercado Atlântico
 
Supermercado para idosos - Estudo de elaboracao de produto conforme identific...
Supermercado para idosos - Estudo de elaboracao de produto conforme identific...Supermercado para idosos - Estudo de elaboracao de produto conforme identific...
Supermercado para idosos - Estudo de elaboracao de produto conforme identific...
 
Anfitriao supermercados - Estudo de elaboração de produto conforme identifica...
Anfitriao supermercados - Estudo de elaboração de produto conforme identifica...Anfitriao supermercados - Estudo de elaboração de produto conforme identifica...
Anfitriao supermercados - Estudo de elaboração de produto conforme identifica...
 
[Chebante] Conceitos de Inteligência de Mercado e Branding
[Chebante] Conceitos de Inteligência de Mercado e Branding[Chebante] Conceitos de Inteligência de Mercado e Branding
[Chebante] Conceitos de Inteligência de Mercado e Branding
 
Marketing: Case - Plano de Negócios - F.B.K Auto-Peças
Marketing: Case - Plano de Negócios - F.B.K Auto-PeçasMarketing: Case - Plano de Negócios - F.B.K Auto-Peças
Marketing: Case - Plano de Negócios - F.B.K Auto-Peças
 
Inteligencia de Mercado e Gestão de mudanças Como transformar oportunidades e...
Inteligencia de Mercado e Gestão de mudanças Como transformar oportunidades e...Inteligencia de Mercado e Gestão de mudanças Como transformar oportunidades e...
Inteligencia de Mercado e Gestão de mudanças Como transformar oportunidades e...
 
Inteligência mercado
Inteligência mercadoInteligência mercado
Inteligência mercado
 

Destaque

Tcc escola educacao Gerenciamento de Projetos
Tcc escola educacao Gerenciamento de ProjetosTcc escola educacao Gerenciamento de Projetos
Tcc escola educacao Gerenciamento de ProjetosIverson moya
 
Energia solar - Agência Nacional de Energia Elétrica
Energia solar - Agência Nacional de Energia ElétricaEnergia solar - Agência Nacional de Energia Elétrica
Energia solar - Agência Nacional de Energia ElétricaProjetoBr
 
Sistema Solar
Sistema SolarSistema Solar
Sistema Solarsipf168
 
Projeto de P&D: desvendando uma central solar fotovoltaica de 3 MWp
Projeto de P&D: desvendando uma central solar fotovoltaica de 3 MWpProjeto de P&D: desvendando uma central solar fotovoltaica de 3 MWp
Projeto de P&D: desvendando uma central solar fotovoltaica de 3 MWpsenaimais
 
Cartilha energia solar
Cartilha energia solarCartilha energia solar
Cartilha energia solarRobson Peixoto
 
Tcc plano de negócios - administradora de obras
Tcc   plano de negócios - administradora de obrasTcc   plano de negócios - administradora de obras
Tcc plano de negócios - administradora de obrasrafaelecarina
 
3 energia solar fotovoltaica - módulos fotovoltaicos
3   energia solar fotovoltaica - módulos fotovoltaicos3   energia solar fotovoltaica - módulos fotovoltaicos
3 energia solar fotovoltaica - módulos fotovoltaicosNivânia Pink
 
Planejamento estratégico em gestão de pessoas individual- 4 semestre unopar
Planejamento estratégico em gestão de pessoas  individual-  4 semestre unoparPlanejamento estratégico em gestão de pessoas  individual-  4 semestre unopar
Planejamento estratégico em gestão de pessoas individual- 4 semestre unoparKarina Almeida
 
Plano de negócios Energia Solar
Plano de negócios Energia SolarPlano de negócios Energia Solar
Plano de negócios Energia SolarLuciana Marçal
 
DIMENSIONAMENTO SIMPLIFICADO DE UM SISTEMA SOLAR FOTOVOLTAICO CONECTADO À RE...
 DIMENSIONAMENTO SIMPLIFICADO DE UM SISTEMA SOLAR FOTOVOLTAICO CONECTADO À RE... DIMENSIONAMENTO SIMPLIFICADO DE UM SISTEMA SOLAR FOTOVOLTAICO CONECTADO À RE...
DIMENSIONAMENTO SIMPLIFICADO DE UM SISTEMA SOLAR FOTOVOLTAICO CONECTADO À RE...Aparecida Bezerra
 
2015.1 apostila de desenvolvimento gerencial
2015.1   apostila de desenvolvimento gerencial2015.1   apostila de desenvolvimento gerencial
2015.1 apostila de desenvolvimento gerencialMarcelo Fonseca
 
Geração de Energia Solar Fotovoltaica
Geração de Energia Solar Fotovoltaica Geração de Energia Solar Fotovoltaica
Geração de Energia Solar Fotovoltaica Luryan da Silva F.
 
ESTUDO DE VIABILIDADE PARA IMPLANTAÇÃO DE UMA LOJA DE ROUPAS FEMININAS: PLANO...
ESTUDO DE VIABILIDADE PARA IMPLANTAÇÃO DE UMA LOJA DE ROUPAS FEMININAS: PLANO...ESTUDO DE VIABILIDADE PARA IMPLANTAÇÃO DE UMA LOJA DE ROUPAS FEMININAS: PLANO...
ESTUDO DE VIABILIDADE PARA IMPLANTAÇÃO DE UMA LOJA DE ROUPAS FEMININAS: PLANO...EEL USP / Faculdade Canção Nova / Fatea
 
PLANO DE NEGÓCIO: Abertura de uma empresa de assistência e venda de equipamen...
PLANO DE NEGÓCIO: Abertura de uma empresa de assistência e venda de equipamen...PLANO DE NEGÓCIO: Abertura de uma empresa de assistência e venda de equipamen...
PLANO DE NEGÓCIO: Abertura de uma empresa de assistência e venda de equipamen...ProjetoSemeandoaLeitura
 

Destaque (20)

Tcc escola educacao Gerenciamento de Projetos
Tcc escola educacao Gerenciamento de ProjetosTcc escola educacao Gerenciamento de Projetos
Tcc escola educacao Gerenciamento de Projetos
 
Energia solar - Agência Nacional de Energia Elétrica
Energia solar - Agência Nacional de Energia ElétricaEnergia solar - Agência Nacional de Energia Elétrica
Energia solar - Agência Nacional de Energia Elétrica
 
Sistema Solar
Sistema SolarSistema Solar
Sistema Solar
 
Projeto de P&D: desvendando uma central solar fotovoltaica de 3 MWp
Projeto de P&D: desvendando uma central solar fotovoltaica de 3 MWpProjeto de P&D: desvendando uma central solar fotovoltaica de 3 MWp
Projeto de P&D: desvendando uma central solar fotovoltaica de 3 MWp
 
Folder sistema solar
Folder sistema solarFolder sistema solar
Folder sistema solar
 
Cartilha energia solar
Cartilha energia solarCartilha energia solar
Cartilha energia solar
 
Plano de negocios
Plano de negociosPlano de negocios
Plano de negocios
 
Tcc plano de negócios - administradora de obras
Tcc   plano de negócios - administradora de obrasTcc   plano de negócios - administradora de obras
Tcc plano de negócios - administradora de obras
 
Trabalho energia solar carlos a. hermann fernandes e tatiane de mattos amadio
Trabalho energia solar   carlos a. hermann fernandes e tatiane de mattos amadioTrabalho energia solar   carlos a. hermann fernandes e tatiane de mattos amadio
Trabalho energia solar carlos a. hermann fernandes e tatiane de mattos amadio
 
3 energia solar fotovoltaica - módulos fotovoltaicos
3   energia solar fotovoltaica - módulos fotovoltaicos3   energia solar fotovoltaica - módulos fotovoltaicos
3 energia solar fotovoltaica - módulos fotovoltaicos
 
Definição do negócio 2012_01
Definição do negócio 2012_01Definição do negócio 2012_01
Definição do negócio 2012_01
 
Planejamento estratégico em gestão de pessoas individual- 4 semestre unopar
Planejamento estratégico em gestão de pessoas  individual-  4 semestre unoparPlanejamento estratégico em gestão de pessoas  individual-  4 semestre unopar
Planejamento estratégico em gestão de pessoas individual- 4 semestre unopar
 
Plano de Projeto - GREENSOLAR
Plano de Projeto - GREENSOLARPlano de Projeto - GREENSOLAR
Plano de Projeto - GREENSOLAR
 
Plano de negócios Energia Solar
Plano de negócios Energia SolarPlano de negócios Energia Solar
Plano de negócios Energia Solar
 
DIMENSIONAMENTO SIMPLIFICADO DE UM SISTEMA SOLAR FOTOVOLTAICO CONECTADO À RE...
 DIMENSIONAMENTO SIMPLIFICADO DE UM SISTEMA SOLAR FOTOVOLTAICO CONECTADO À RE... DIMENSIONAMENTO SIMPLIFICADO DE UM SISTEMA SOLAR FOTOVOLTAICO CONECTADO À RE...
DIMENSIONAMENTO SIMPLIFICADO DE UM SISTEMA SOLAR FOTOVOLTAICO CONECTADO À RE...
 
2015.1 apostila de desenvolvimento gerencial
2015.1   apostila de desenvolvimento gerencial2015.1   apostila de desenvolvimento gerencial
2015.1 apostila de desenvolvimento gerencial
 
Geração de Energia Solar Fotovoltaica
Geração de Energia Solar Fotovoltaica Geração de Energia Solar Fotovoltaica
Geração de Energia Solar Fotovoltaica
 
ESTUDO DE VIABILIDADE PARA IMPLANTAÇÃO DE UMA LOJA DE ROUPAS FEMININAS: PLANO...
ESTUDO DE VIABILIDADE PARA IMPLANTAÇÃO DE UMA LOJA DE ROUPAS FEMININAS: PLANO...ESTUDO DE VIABILIDADE PARA IMPLANTAÇÃO DE UMA LOJA DE ROUPAS FEMININAS: PLANO...
ESTUDO DE VIABILIDADE PARA IMPLANTAÇÃO DE UMA LOJA DE ROUPAS FEMININAS: PLANO...
 
Educação, Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas
Educação, Treinamento e Desenvolvimento de PessoasEducação, Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas
Educação, Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas
 
PLANO DE NEGÓCIO: Abertura de uma empresa de assistência e venda de equipamen...
PLANO DE NEGÓCIO: Abertura de uma empresa de assistência e venda de equipamen...PLANO DE NEGÓCIO: Abertura de uma empresa de assistência e venda de equipamen...
PLANO DE NEGÓCIO: Abertura de uma empresa de assistência e venda de equipamen...
 

Semelhante a Plano de Negócios Y-Inovation

Telefonia Móvel no Brasil - Análise Estratégica
Telefonia Móvel no Brasil - Análise EstratégicaTelefonia Móvel no Brasil - Análise Estratégica
Telefonia Móvel no Brasil - Análise EstratégicaAurivan
 
SOA,BPM e a Agilidade na Gestão de Negócio
SOA,BPM e a Agilidade na Gestão de NegócioSOA,BPM e a Agilidade na Gestão de Negócio
SOA,BPM e a Agilidade na Gestão de Negóciojeanstreleski
 
Trabalho Interdisciplinar Ceh D Fome
Trabalho Interdisciplinar   Ceh D FomeTrabalho Interdisciplinar   Ceh D Fome
Trabalho Interdisciplinar Ceh D FomeBrunoPinho
 
Plano de Negocio Djhonny Donfecções
Plano de Negocio Djhonny Donfecções Plano de Negocio Djhonny Donfecções
Plano de Negocio Djhonny Donfecções Vitor Savicki
 
18 18-1-pb
18 18-1-pb18 18-1-pb
18 18-1-pbLeandro
 
Cartilha Protegendo Marca Web
Cartilha Protegendo Marca WebCartilha Protegendo Marca Web
Cartilha Protegendo Marca WebInova7
 
Proposta de Negócio Digital
Proposta de Negócio DigitalProposta de Negócio Digital
Proposta de Negócio DigitalJoao Costa
 
Plano de negócios
Plano de negóciosPlano de negócios
Plano de negóciosluizcln
 
E-Book Plano de Negócios para Empresas na Internet
E-Book Plano de Negócios para Empresas na InternetE-Book Plano de Negócios para Empresas na Internet
E-Book Plano de Negócios para Empresas na InternetInstituto Desenvolve T.I
 
Case Study Endesa - Marketing de Serviços
Case Study Endesa - Marketing de ServiçosCase Study Endesa - Marketing de Serviços
Case Study Endesa - Marketing de ServiçosMª Luisa Pires
 
Toolkit de Social Media Marketing
Toolkit de Social Media MarketingToolkit de Social Media Marketing
Toolkit de Social Media MarketingJorge Manuel Braz
 
White Paper Frost & Sullivan Portugues
White Paper Frost & Sullivan PortuguesWhite Paper Frost & Sullivan Portugues
White Paper Frost & Sullivan PortuguesFelipe Lamus
 
Por que tudo que você achava que sabia sobre implementar novas tecnologias mu...
Por que tudo que você achava que sabia sobre implementar novas tecnologias mu...Por que tudo que você achava que sabia sobre implementar novas tecnologias mu...
Por que tudo que você achava que sabia sobre implementar novas tecnologias mu...Cisco do Brasil
 

Semelhante a Plano de Negócios Y-Inovation (20)

Telefonia Móvel no Brasil - Análise Estratégica
Telefonia Móvel no Brasil - Análise EstratégicaTelefonia Móvel no Brasil - Análise Estratégica
Telefonia Móvel no Brasil - Análise Estratégica
 
Pn farofino ed2
Pn farofino ed2Pn farofino ed2
Pn farofino ed2
 
SOA,BPM e a Agilidade na Gestão de Negócio
SOA,BPM e a Agilidade na Gestão de NegócioSOA,BPM e a Agilidade na Gestão de Negócio
SOA,BPM e a Agilidade na Gestão de Negócio
 
Trabalho Interdisciplinar Ceh D Fome
Trabalho Interdisciplinar   Ceh D FomeTrabalho Interdisciplinar   Ceh D Fome
Trabalho Interdisciplinar Ceh D Fome
 
Plano de Negocio Djhonny Donfecções
Plano de Negocio Djhonny Donfecções Plano de Negocio Djhonny Donfecções
Plano de Negocio Djhonny Donfecções
 
18 18-1-pb
18 18-1-pb18 18-1-pb
18 18-1-pb
 
SOA, BPM e Agilidade em Negócios
SOA, BPM  e Agilidade em NegóciosSOA, BPM  e Agilidade em Negócios
SOA, BPM e Agilidade em Negócios
 
Pim viii soluções_por_software
Pim viii soluções_por_softwarePim viii soluções_por_software
Pim viii soluções_por_software
 
Cartilha Protegendo Marca Web
Cartilha Protegendo Marca WebCartilha Protegendo Marca Web
Cartilha Protegendo Marca Web
 
Pn exemplo
Pn exemploPn exemplo
Pn exemplo
 
Ec i n_boardacademic
Ec i n_boardacademicEc i n_boardacademic
Ec i n_boardacademic
 
Proposta de Negócio Digital
Proposta de Negócio DigitalProposta de Negócio Digital
Proposta de Negócio Digital
 
Plano de negócios
Plano de negóciosPlano de negócios
Plano de negócios
 
Abc bplan
Abc bplanAbc bplan
Abc bplan
 
E-Book Plano de Negócios para Empresas na Internet
E-Book Plano de Negócios para Empresas na InternetE-Book Plano de Negócios para Empresas na Internet
E-Book Plano de Negócios para Empresas na Internet
 
Case Study Endesa - Marketing de Serviços
Case Study Endesa - Marketing de ServiçosCase Study Endesa - Marketing de Serviços
Case Study Endesa - Marketing de Serviços
 
Pn farofino ed2
Pn farofino ed2Pn farofino ed2
Pn farofino ed2
 
Toolkit de Social Media Marketing
Toolkit de Social Media MarketingToolkit de Social Media Marketing
Toolkit de Social Media Marketing
 
White Paper Frost & Sullivan Portugues
White Paper Frost & Sullivan PortuguesWhite Paper Frost & Sullivan Portugues
White Paper Frost & Sullivan Portugues
 
Por que tudo que você achava que sabia sobre implementar novas tecnologias mu...
Por que tudo que você achava que sabia sobre implementar novas tecnologias mu...Por que tudo que você achava que sabia sobre implementar novas tecnologias mu...
Por que tudo que você achava que sabia sobre implementar novas tecnologias mu...
 

Mais de Diogo Librelon

Políticas públicas de fomento a ciência, tecnologia e inovação direcionadas p...
Políticas públicas de fomento a ciência, tecnologia e inovação direcionadas p...Políticas públicas de fomento a ciência, tecnologia e inovação direcionadas p...
Políticas públicas de fomento a ciência, tecnologia e inovação direcionadas p...Diogo Librelon
 
Reportagem Revista WIDE Nº92 SETEMBRO/OUTUBRO 2012
Reportagem Revista WIDE Nº92 SETEMBRO/OUTUBRO 2012Reportagem Revista WIDE Nº92 SETEMBRO/OUTUBRO 2012
Reportagem Revista WIDE Nº92 SETEMBRO/OUTUBRO 2012Diogo Librelon
 

Mais de Diogo Librelon (6)

Políticas públicas de fomento a ciência, tecnologia e inovação direcionadas p...
Políticas públicas de fomento a ciência, tecnologia e inovação direcionadas p...Políticas públicas de fomento a ciência, tecnologia e inovação direcionadas p...
Políticas públicas de fomento a ciência, tecnologia e inovação direcionadas p...
 
Apresentação ciki
Apresentação cikiApresentação ciki
Apresentação ciki
 
Resumo prova
Resumo provaResumo prova
Resumo prova
 
Computação ubíqua
Computação ubíquaComputação ubíqua
Computação ubíqua
 
Reportagem Revista WIDE Nº92 SETEMBRO/OUTUBRO 2012
Reportagem Revista WIDE Nº92 SETEMBRO/OUTUBRO 2012Reportagem Revista WIDE Nº92 SETEMBRO/OUTUBRO 2012
Reportagem Revista WIDE Nº92 SETEMBRO/OUTUBRO 2012
 
Aplicativo Exame
Aplicativo ExameAplicativo Exame
Aplicativo Exame
 

Último

LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.
LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.
LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.JosineiPeres
 
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptx
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptxDesenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptx
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptxCoca Pitzer
 
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - Atualizado
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - AtualizadoCatálogo de Produtos OceanTech 2024 - Atualizado
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - AtualizadoWagnerSouza717812
 
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdf
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdfSoluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdf
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdfSabrinaPrado11
 
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccss
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccssDespertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccss
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccssGuilhermeMelo381677
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfHELLEN CRISTINA
 

Último (6)

LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.
LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.
LIDER COACH E SUA IMORTÂNCIA NSS ORGANIZAÇÕES.
 
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptx
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptxDesenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptx
Desenvolvendo uma Abordagem Estratégica para a Gestão de Portfólio.pptx
 
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - Atualizado
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - AtualizadoCatálogo de Produtos OceanTech 2024 - Atualizado
Catálogo de Produtos OceanTech 2024 - Atualizado
 
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdf
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdfSoluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdf
Soluções MNE - Mês das Mães 2024_sv (1).pdf
 
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccss
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccssDespertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccss
Despertar SEBRAE [PROFESSOR] (1).pdfccss
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
 

Plano de Negócios Y-Inovation

  • 1. Plano de Negócios Empresa: Y-INOVATION Rua Porfirio Lopes de Aguiar nº290 Araranguá – Santa Catarina (48)9674-4824/(48)9900-6175 www.yinovation.com.br diogomarton@gmail.com michelseemund@hotmail.com Diogo Librelon, Administrador Rua João de Carvalho nº36 – 313 Liberdade- São Paulo - SP Michel Andreas, Administrador Rua Porfirio Lopes de Aguiar Nº290 Mato Alto Santa Catarina-SC 18/05/2012
  • 2. Plano de Negócios Sumário 1. Sumário Executivo .................................................................................................................. 2 2. Objetivo Geral ......................................................................................................................... 3 3.Objetivo Especifico .................................................................................................................. 3 4. Planejamento Estratégico ....................................................................................................... 4 4.1Missão ..................................................................................................................... 4 4.2Visão ........................................................................................................................ 4 4.3Valores:.................................................................................................................... 4 4.4 Análises SWOT ........................................................................................................ 4 4.5Fatores Críticos de Sucesso ..................................................................................... 4 5. Descrição da Empresa............................................................................................................. 5 5.1 Constituição Jurídica .............................................................................................. 6 5.2 Estrutura Organizacional - Cenário Real ................................................................ 7 5.3 Estrutura Organizacional – Cenário Ideal ............................................................... 8 5.4 Estrutura Organizacional - Cenário Pessimista..................................................... 10 6. Política de Recursos Humanos.............................................................................................. 11 6.1 Perfis Básicos do Quadro de Funcionários ........................................................... 11 6.1.2 - Ações ............................................................................................................... 11 6.1.3 Proposta de Políticas ......................................................................................... 12 7. Produto e Serviço.................................................................................................................. 12 7.1Produto.................................................................................................................. 12 7.2Serviços.................................................................................................................. 13 7.3Consultorias ........................................................................................................... 14 7.4Plano de Comunicação Digital ............................................................................... 14 7.5Mobile Marketing .................................................................................................. 14 7.6Desenvolvimento de aplicativos............................................................................ 15 8. Análise de Mercado .............................................................................................................. 15 8.1 Análise Setorial ..................................................................................................... 15 8.2 Público-Alvo .......................................................................................................... 17 8.3Concorrentes ......................................................................................................... 18 9. Plano de Marketing............................................................................................................... 19 9.1 Produto ................................................................................................................. 19 9.2 Promoção ............................................................................................................. 20 9.3 Preço ..................................................................................................................... 20 9.4 Praça ..................................................................................................................... 20 10. Plano Financeiro ................................................................................................................. 21
  • 3. Plano de Negócios 1. Sumário Executivo O propósito deste plano de negócios é informar o potencial de criação de um empreendimento inovador voltado ao mercado de dispositivos móveis tendo como produto principal um software de metodologia de criação de aplicativos, criando um modelo de negócios onde a interação de uma proposta de valor entre a criação do software e os clientes tenham mais significado. Os membros da equipe inicialmente são Michel Andreas e Diogo Librelon que possuem conhecimento abrangente na área de Tecnologias da Informação e Comunicação, sendo assim obtendo conhecimento em engenharia de software, programação, gestão, porém, obtendo maior ênfase na área de gestão e empreendedorismo sendo assim essencial um conjunto de pessoas necessário nas partes essenciais de construção de um empreendimento inovador em dispositivos móveis, como pessoal com habilidades desenvolvimento em Android, IOS, Design. Imaginar o mundo sem internet realmente é um caos, e questionar como este meio se tornou tão imprescindível na sociedade e quais as mudanças que irão ocorrer é fundamental. Não há dúvidas que o mundo está se tornando digital, no Brasil, o crescimento de e- commerce deve chegar a 178% até 2016, o número de sites no mundo no último ano cresceu mais do que toda historia da internet, a Cisco (empresa mundial de equipamento de rede) prevê que até 2015, o tráfego de dados gerado por aparelhos móveis vai crescer 39 vezes no Brasil e que 32 milhões de brasileiros estarão na internet por meio de dispositivos móveis, como também está ocorrendo a expansão da internet de qualidade móvel como 3G, A expansão da internet de qualidade juntamente com o barateamento do hardware possibilita que pessoas de qualquer classe social adquirir tecnologias de comunicação, onde é identificado que os smartphone estão ultrapassando as vendas dos computadores desktops e laptops. A Fast Company, empresa líder mundial em software de negócios, publicou um artigo onde dizia que os dispositivos móveis poderiam se tornar um item da "pirâmide de Maslow", junto das necessidades mais básicas de sobrevivência dos seres humanos. As pessoas estão parando de pensar onde tem um bom restaurante, ou comparar preços de produtos, basta simplesmente ter aplicativos no dispositivo que faça isso do gosto desejado, rapidamente e de maneira fácil e simples. E isso se estende em todas as áreas de saúde, educação, negócios. Entretanto, diante de tantas oportunidades surgem diversas ameaças para a sociedade, como interagir com o cliente da “geração Y” e estar preparado para este “big date”, ”é necessário pesquisar, definir teorias, não simplesmente definir
  • 4. Plano de Negócios verdades e mitos sobre a realidade” como disse Leo Xaxier, gerente geral da PontoMobi em sua palestra “O Futuro do Mobile”. Diante dessa realidade, traçamos um planejamento estratégico para essa revolução, um software que aplique uma metodologia de criação para aplicativos móveis que oferecerá uma interface gráfica de fácil utilização possibilitará o cliente criar aplicativos para a plataforma Android, possibilitando o barateamento dos custos de desenvolvimento e gerando aplicações inteligentes. 2. Objetivo Geral O objetivo deste documento é firmar as ações de planejamento e estratégias da empresa Y- Inovation referentes aos produtos e serviços desenvolvidos para um publico especifico de Santa Catarina visando a arrecadação de capital ou a agregação de pessoas para a criação do negocio. O documento aborda importantes questões para a sustentabilidade do negocio, apresentando analises financeiras dos próximos três anos para os envolvidos com o negocio avaliarem os todos os riscos e vantagens de se investir na empresa. As informações que são mostradas baseiam-se no mais próximo da realidade mantendo a integridade do documento e sua confiabilidade. 3.Objetivo Especifico Para que as ações da Y-Inovation aconteçam de maneira estratégica e eficaz, todos os detalhes dos negócios, mercado, produto e consumidores estarão implementados nos textos. As ações terão de seguir de maneira respeitosa oque o Planejamento aqui detalhado mostra. Todos os interessados em investir ou participar da empresa poderão utilizar o Plano como referência para que observem os diferentes cenários de investimento avaliando assim a viabilidade financeira do negocio. A politica de contratação de colaboradores oferece uma representação do planejamento de ações com o corpo de pessoal que vier a ser contratado. Isso demonstra a agregação de valor na mão de obra dos serviços e produto desenvolvidos para o setor de tecnologias.
  • 5. Plano de Negócios 4. Planejamento Estratégico 4.1Missão Tornar simples o desenvolvimento de aplicativos para micro e pequenas empresas de comunicação de forma inovadora. 4.2Visão Implantar o software de desenvolvimento de aplicativos em todas as micro e pequenas empresas do estado de Santa Catarina. 4.3Valores: inovação, criatividade, comprometimento, agilidade, contribuição social. 4.4 Análises SWOT Fatores internos fortes: metodologia de desenvolvimento de software ágil, pesquisa e desenvolvimento inovador tecnológico, aplicação da gestão da inovação. Fatores internos fracos: Falta de mão de obra qualificada, pouca experiência no mercado, rede de relacionamento baixa, falta de capital inicial, infraestrutura. Fatores externos de oportunidade: popularização dos aplicativos móveis, grande crescimento na venda de dispositivos móveis, crescimento ao acesso na internet por pessoas de classe média e baixa. Fatores externos de ameaças: Empresas já consolidadas, incorporar necessidade ao cliente, disseminação de tecnologia, definição do cliente líder. 4.5Fatores Críticos de Sucesso Posicionamento Competitivo Inovação
  • 6. Plano de Negócios Produtividade Nível de recursos Lucratividade Desempenho e atitude dos funcionários Responsabilidade Social 5. Descrição da Empresa Y-inovation é uma empresa que será criada para atender a uma demanda de desenvolvimento de aplicativos para dispositivos moveis e estratégia de comunicação digital no estado de Santa Catarina por parte das agências de publicidade e comunicação digital . O mercado de aplicativos no Brasil está em plena expansão acompanhando a grande popularização de dispositivos moveis e suas plataformas, sua utilização em campanhas de marketing e aplicação como ferramenta de aumento da relação do consumidor com a marca é cada vez mais utilizada. Esta empresa tem uma proposta inovadora e terá as suas atividades por meio virtuais e físicos, pretendemos nos instalar estrategicamente em Florianópolis em uma área de 10.000 que deseja satisfazer a demanda crescente pelos aplicativos do estado de SC. Visamos um aumento do efetivo de funcionários e equipamentos modernos, possibilitando um aumento na produtividade do setor de desenvolvimento e inserção de estratégias para uma gestão inteligente. Uma empresa em estado inicial que sonha com uma alta participação do mercado de mobilidade digital, suas estratégias estão aliadas com o que há de mais tendência no mercado, sendo um dos negócios mais inovadores na região sul de Santa Catarina, podemos dizer que a “Ymobile” está aliada a resolver os problemas da sociedade no que tange Tecnologias da Informação e Comunicação. As pessoas essenciais para a constituição do negócios são Michel Andreas Seemund, Graduado do curso de Tecnologias da Informação e Comunicação pela UFSC, com conhecimento em pesquisa na área de inovação e tecnologia e membro do Núcleo de Inovação e Tecnologia do Vale do Araranguá, Diogo Librelon também graduado do curso de Tecnologias da Informação e Comunicação, membro da equipe Intruders de Robotica e do NITA, ressaltando que a atuação no curso de TIC foi essencial na aplicação de um empreendimento inovador, pelo fato deste analisar uma visão geral sobre empreendedorismo em Tecnologia aplicando grande conhecimento técnico e administrativo. Como também possuímos um engenheiro de software especialista em metodologia ágil para mobile, um designer especialista em interação humano-computador, e uma equipe de desenvolvedores especializada em Android e Ios. Podemos dizer que há necessidade de um profissional
  • 7. Plano de Negócios responsável em análise de mercado e psicologia. A “Ymobile” possui parceiros essenciais na atuação de um modelo de negócio consistente, como a empresa DEIGMA de interação gráfica e a UFSC como auxílio em P&D. Referente a estrutura dos sócios no negócio, pelo fato do empreendimento estar sendo especificado em contrato, caso um dos sócios saia, ocorrerá uma série de ações especificadas no contrato, ocorrendo a divisão de receitas e deveres. 5.1 Constituição Jurídica A natureza jurídica da empresa será formada por sociedade por quotas com responsabilidade limitada, aonde dois sócios trabalharam juntos para manter a empresa formando uma sociedade empresária, através de um contrato social, onde constará os seus atos constitutivos, formas de operação, as normas da empresa e o capital social. Esse por sua vez será dividido em cotas de capital 50% para cada sócio, o que indica que a responsabilidade pelo pagamento das obrigações da empresa é limitada à participação dos sócios.
  • 8. Plano de Negócios 5.2 Estrutura Organizacional - Cenário Real - Cargos as serem preenchidos. Esta estratégia aborda a contratação de um número de colaboradores que ofereça uma estrutura ideal para a empresa manter-se e suportar os primeiros seus três primeiros anos de vida. 1º Contratação Diretor de Tecnologias e Operação Responsável pela Gerência de operações tecnológicas de uma organização. Exerce responsabilidade particular de administrar algum ou todos os recursos envolvidos pela função produção do setor de tecnologias da informação e comunicação da organização. 2º Contratação Gerente de Desenvolvimento Responsável pela coordenação da equipe de desenvolvimento de software, escolha das tecnologias, orientação da equipe de programadores e controle dos processos e tarefas. 3º Contratação Coordenadoria de Projetos O gerente de projeto aloca recursos, ajusta as prioridades, coordena interações com clientes e usuários e geralmente mantém a equipe do projeto concentrada na meta certa, também estabelece um conjunto de práticas que garantem a integridade e a qualidade dos artefatos do projeto.
  • 9. Plano de Negócios 4º Contratação Engenheiro de Software O Engenheiro de Software será responsável pela criação e a utilização de sólidos princípios de engenharia a fim de obter o software de maneira econômica, que seja confiável e que trabalhe em máquinas reais. 5.3 Estrutura Organizacional – Cenário Ideal - Cargos as serem preenchidos.
  • 10. Plano de Negócios 1º Contratação Diretor Administrativo Financeiro Possuir o curso superior em Administração de Empresas ou Economia. O profissional deverá ter conhecimentos em Ciências Contábeis e Matemática Financeira. 2º Contratação Diretor de Tecnologias e Operação Possuir o curso Superior em Ciências da Computação, Tecnologia da Informação e Comunicação ou Sistemas da Informação. O profissional deverá ter conhecimentos nas áreas de engenharia de software, gestão de projetos e lógica de programação. 3º Contratação Diretor de Marketing e Vendas Possuir o curso Superior em Publicidade e Propaganda. O profissional deverá ter conhecimentos em análise de mercado, estratégia de preços, comunicação e distribuição, Identificação de oportunidades e riscos. 4º Contratação Diretor de Recursos Humanos Possuir o curso Superior em Psicologia ou Administração de Empresas. O profissional deverá ter conhecimentos em desenvolvimento de programas de administração de salários e benefícios, treinamento de funcionários, desenvolvimento, avaliação de desenvolvimento, planos de carreiras e sucessões.
  • 11. Plano de Negócios 5.4 Estrutura Organizacional - Cenário Pessimista Sócio 1- Diogo Librelon – Estudante da Universidade Federal de Santa Catarina do curso de Tecnologias da Informação e Comunicação atua como bolsista participando de projetos na área de Sistemas Regionais de Inovação, Fontes de Financiamento para projetos de inovação tecnológica e Gerenciamento de Processos. Irá exercer o papel de administrador da empresa e participará no processo de desenvolvimento do produto. Sócio 2- Michel Andreas – Estudante da Universidade Federal de Santa Catarina do curso de Tecnologias da Informação e Comunicação, atua como bolsista em projetos de pesquisa e inovação. Participando de projetos estaduais relacionados a gestão empresarial, plano de negócio, negócios digitais.
  • 12. Plano de Negócios 6. Política de Recursos Humanos A Y-INOVATION sabe que o quadro de colaboradores é uma peça fundamental para que a empresa conquiste seus objetivos, demonstrando que sua politica organizacional está alinhada com os valores da empresa. Para que nossa missão possa ser alcançada é necessário apresentar para nossos colaboradores uma Política de Recursos Humanos verdadeira. Apresentação Queremos estabelecer para nossos colaboradores uma Política de Recursos Humanos que acompanha o pensamento global de inovação dentro do ambiente de trabalho, “pensar global e agir local” por isso aplicaremos programas de capacitação e qualificação dos colaboradores mantendo o quadro de pessoal atualizado profissionalmente e premiações por comprimento de metas, mantendo os setores modernos apresentando boas condições de trabalho. 6.1 Perfis Básicos do Quadro de Funcionários A Y-INOVATION é composta por um quadro de colaboradores de 2 Executivos sendo eles os sócios proprietários da empresa, com idade média de 24 anos e tempo médio de atuação de 2 anos, porém, no período de três anos a uma previsão de mais quatro colaboradores. As qualificações dos colaboradores estão de acordo com o que o mercado de desenvolvimento Mobile exige, apresentando características necessárias para que uma gestão sustentável seja aplicada em longo prazo, atraindo novos talentos para compor os cargos chaves da empresa. 6.1.2 - Ações A política de recursos humanos está comprometida com o desempenho do colaborador e sua boa percepção do ambiente de trabalho, para isso acompanhar sua participação na empresa desde a entrada a saída é tarefa fundamental.  Capacitação técnica e gerencial de empresários e funcionários;  Criação de condições para o desenvolvimento pessoal e intelectual;  Formação de alianças com instituições de ensino, centros de pesquisa;  Sistemas de avaliação do funcionário;
  • 13. Plano de Negócios  Legislação vigente para o setor de tecnologia na área de RH. 6.1.3 Proposta de Políticas  Planejamento da força de trabalho;  Programa de qualificação e capacitação;  Remuneração e Benefícios;  Carreiras;  Avaliação de Desempenho;  Segurança, Saúde e Bem Estar;  Relação Trabalhista. A Política de Recursos Humanos “deve reconhecer as pessoas como o fator mais valioso para o desenvolvimento das atividades efetuadas na instituição e a melhoria de sua eficiência” (CHIAVENATO 2002) “As pessoas deixam de ser o recurso organizacional mais importante para se tornar o parceiro principal do negocio (CHIAVENATO)”. 7. Produto e Serviço 7.1Produto Para o desenvolvimento, a proposta do produto tem como base tecnológica uma interface gráfica gerada com combinações de Java Script, HTML e XML pensando em HTML5, pois segundo estatísticas irá se tornar um padrão para aplicações ricas na web envolvendo funcionalidades para dispositivos móveis como smartphones e tablets, com isso o domínio tecnológico foi estabelecido na parceria com a empresa Deigma (http://www.deigma.com.br), o grupo possui experiência no desenvolvimento de interfaces ricas em Flash e Java script (AJAX). Diante de um mercado tão grande é realmente difícil obter um diferencial, analisar que as grandes empresas de aplicativos já dominaram a classe A e que nunca foi tão fácil criar um aplicativo sem sair de casa. Tantas plataformas, softwares, tutoriais, professores web de desenvolvimento, e estes conteúdos com uma facilidade de acesso muito grande. Porém a grande questão é que todos
  • 14. Plano de Negócios desenvolvem pensam como desenvolvedores, ter conhecimento aprofundado sobre o código, engenharia, metodologia de criação. É necessário ter uma visão maior, sobre o negócio como um todo, não uma pequena peça que irá desenvolver algo, e sim como estratégico, gestão, negócio, como obter um diferencial da concorrência. Formatar, criar, analisar um aplicativo como estratégico, este software não é para uma equipe de desenvolvedores, este software se comporta como ferramenta essencial para um gestor, estrategista, gerente de marketing, como forma se verifica a interação do seu público alvo, seus clientes, consumidores, aonde eles vivem, quais seus aparelhos, quanto tempo ficam no aplicativo, entender o comportamento por completo do usuário. O grande diferencial é pensar no dono do negócio, sua interação, suas ações, o que ele precisa ter preparado para este novo crescente mercado digital, como atingir estes clientes, analisar suas ações com seu negócio. O produto do meu negócio e levar para o cliente um software que facilite o desenvolvimento de um aplicativo, integrando ferramentas de utilização própria para aquele segmento de negócio. Sendo assim, este software possui o diferencial no mercado pelo fato de levar até o cliente ferramentas, componentes, estratégias sobre o seu negócio, não sendo uma plataforma que cria uma interação, mas informando o que está acontecendo com o aplicativo, como será feito, pra quem e porque, os aspectos estratégicos do negócio. Este produto é fruto de uma análise realizada sobre o mercado de mobile através do Núcleo de Inovação e Tecnologia do Vale do Araranguá (NITA) analisando suas tendências, seus problemas, oportunidades, ou seja, o que será necessário para adequar a este problema futuro na sociedade. A razão da utilização deste software é simples, adequar um negócio as mudanças do mercado, estar preparando para um novo modelo de interação como o cliente digital, um cliente da geração Y, o grande objetivo geral de utilização do software é se tornar competitivo de forma inovadora e simples. Pretendemos estar com o nosso produto formado antes da Copa do Mundo em 2014, sendo este evento como grande oportunidade de implantação e análise do nosso software, como também análise do cliente líder e fatores de marketing em geral. 7.2Serviços A Y-INOVATION desenvolve serviços para empresas que utilizam estratégia de comunicação digital. Muitas vezes uma estratégia Mobile é utilizada no plano de comunicação digital, pois os dispositivos móveis são utilizados para o entretenimento pessoal e podem rodar aplicativos que aumentam a forma com que as pessoas, mais especificamente os jovens de 18-24 anos relacionam-se com as
  • 15. Plano de Negócios marcas das empresas, via campanha publicitária ou a utilização de games. Para que o aplicativo atinja o seu objetivo principal: divulgação agressiva da marca, a interação do usuário final com o aplicativo deve ser registrada e gerenciada constantemente, pois a observação dos resultados isso servirá para uma análise de resultado da campanha publicitária e o desenvolvimento de novas estratégias de marketing. A retenção de dados dos usuários e suas ações dentro dos aplicativos, principalmente o controle e as estatísticas da visibilidade que a publicidade exposta terá, é um dos motivos para o desenvolvimento de serviços e ferramentas sejam gerenciadas. 7.3Consultorias As consultorias terão como objetivo indicar para nossos clientes quais fatores das estratégias de Mobile, poderão ser implementadas no plano de comunicação digital da empresa. Apresentaremos paras nossos clientes os diferentes cenários que o mercado oferece para quem investe na comunicação digital com Mobile Marketing. Agindo como conselheiros e indicando os melhores caminhos no investimento. 7.4Plano de Comunicação Digital Caso não exista um setor ou colaboradores responsáveis pelo planejamento de comunicação digital, nossos consultores iram até o cliente, apresentando nossas ferramentas e serviços de estratégia comunicação digital. Forneceremos o serviço de desenvolvimento de um plano para preencher esta lacuna que segunda nossas análise de mercado oferece um bom ganho na rentabilidade das empresas que investem neste segmento. 7.5Mobile Marketing Caso nossos clientes já tenham planejamento de Comunicação Digital, a Y- Inovation ajudara os clientes a desenvolverem uma estratégia de Marketing Mobile para aumentar a eficiência das campanhas que utilizam o Mobile como maneira de envolvimento dos usuários.
  • 16. Plano de Negócios 7.6Desenvolvimento de aplicativos Primeiramente é feito um estudo sobre o modelo de negócio do cliente, seus objetivos, seu porte, público alvo, o que realmente o cliente quer e o que realmente ele precisa. Identificando suas reais necessidades, a criação de uma aplicação mobile é iniciada, o projeto de engenharia de software entra em sua fase de concepção, com uma documentação adequada, aplicando um desenvolvimento ágil, porém o principal será definir quais ferramentas serão indispensáveis para o gerenciamento e administração do aplicativo mobile para o negócio. Os problemas que estamos ajudando a solucionar se refere em como o cliente irá se adequar as vantagens do mercado mobile, ou seja, não adianta somente ter um aplicativo do próprio negócio, é necessário adquirir produtividade referente a este, independente da aplicação, se é para um consultório médico informando quais pacientes necessitam melhor atenção, ou aplicação na educação informando o desempenho de cada aluno. Sendo assim, a criação definitiva do aplicativo se dará por parte do cliente através do software de metodologia de criação mobile, onde o cliente irá colocar de forma facilitada e simplificada os dados do seu aplicativo, sem necessitar de conhecimento de programação pelo fato de o software incorporar frameworks que facilitem seu desenvolvimento e tendo uma integração com ferramentas de gerenciamento. O software busca como processo inovador características de controle e execução, inicialmente trabalhará com o sistema operacional Android que esta em expansão no mercado, tendo uma padronização e uma melhor. 8. Análise de Mercado 8.1 Análise Setorial Hoje possuir tecnologia de ponta aliada à informação demonstra que a empresa investe no valor agregado dos seus produtos e se preocupa em manter uma gestão estratégica e um corpo inteligente de administradores. Uma das grandes soluções encontradas por empresas como Apple foi o desenvolvimento de produtos e o apoio da utilização do Mobile. A criação do Ipad/Iphone aliada com o desenvolvimento de aplicativos e a evolução dos sistemas operacionais transformaram a maneira como pessoas de todas as classes estabelecem a relação com o ambiente virtual. Os fatores que mais influenciam na grande utilização de dispositivos moveis são: grande redução nos custos de tecnologia, melhor tecnologia no desenvolvimento de aplicações móveis, fácil acesso a internet ,
  • 17. Plano de Negócios crescimento no número de usuários de internet por dispositivos móveis, e-comerce em alta e a economia relativamente estável. Em uma pesquisa realizada pela IpsosOTX MediaCT – (http://www.ipsos- na.com/) em maio de 2012 no Brasil á um índice de aumento de 14% na adoção de dispositivos móveis. Cerca de 73% das pessoas que possuem dispositivos móveis no Brasil não saem de casa sem eles. O acesso a internet e a utilização de dispositivos móveis acontece 96% dentro de domicílio, 82% no trabalho, 69% em restaurante do território nacional. A pesquisa também apontou outros aspectos importantes de como dispositivos móveis do tipo smartphones influenciam no modo de consumo das pessoas o que demonstra a força de produtos e soluções criadas para o setor de Mobile que estão listadas abaixo:  Os smartphones se tornaram indispensáveis para nosso cotidiano.  Implicação: empresas que têm a rede móvel como um elemento central de sua estratégia se beneficiarão da oportunidade de envolver o novo consumidor, que está constantemente conectado.  Os smartphones transformaram o comportamento do consumidor.  Implicação: ao estender estratégias de publicidade para incluir a rede móvel e desenvolver campanhas integradas para várias mídias, você pode alcançar os consumidores atuais com mais eficiência.  Os smartphones ajudam os usuários a navegar pelo mundo.  Implicação: garantir que números de telefone clicáveis apareçam nos resultados locais e aproveitar os serviços com base na localização no celular facilita o contato direto dos consumidores com as empresas.  Os smartphones mudaram o modo como os consumidores fazem compras.  Implicação: ter um site otimizado para celular é essencial. Além disso, é necessário ter uma estratégia para vários canais a fim de envolver os consumidores nos diversos caminhos até a compra.  Os smartphones ajudam os anunciantes a entrar em contato com os consumidores.
  • 18. Plano de Negócios  Implicação: tornar os anúncios para celular parte de uma estratégia de marketing integrada pode aumentar o envolvimento dos consumidores. Fonte: Pesquisa sobre o mercado brasileiro de dispositivos moveis realizado pela IpsosOTX MediaCT - http://www.ipsos-na.com/ em maio de 2012. 8.2 Público-Alvo O público – alvo da Y-INOVATION são empresas que querem investir em estratégia de Mobile Marketing no estado de Santa Catarina. O Planejamento de comunicação digital das empresas de publicidade foca na divulgação das marcas de seus clientes em redes sociais, construção de blogs, desenvolvimento de aplicativos móveis e engenharia de busca (SEO). Na área de aplicativos móveis, o marketing inserido deve ser realizado estrategicamente e o desenvolvimento deve acontecer com ferramentas adequadas. No Brasil os dispositivos móveis ajudam os anunciantes a entrar em contato com seus clientes. Segundo a pesquisa realizada pela IpsosOTX sobre a utilização de smartphones no Brasil, 75% das pessoas que observam anúncios em revistas, tv, outdoors e outros, realizam uma pesquisa sobre a marca ou o produto via dispositivo móvel após o primeiro contato, 94% dos usuários percebem anúncios feitos no celular (Mobile Marketing), 31% destes anúncios tem um maior impacto quando feitos dentro de aplicativos e 42% em Websites. A utilização de estratégias de marketing focadas em mobile nasce de uma geração conectada aos seus aparelhos digitais e quando apostamos e direcionamos nossos serviços e produto para empresas que desenvolvem seus planos de comunicação digital inserido estratégias mobile, estamos atingindo indiretamente outro público –alvo , o que consome e absorve a marca e é o usuário final dos aplicativos utilizados em campanhas publicitarias. Esse consumidor são os jovens de 18-24 anos, categorizados como: ”Geração Y”, Globalists, Millennials. É o maior em números absolutos em uma perspectiva global, e tem um alto poder de comprar se comparado ao de seus pais quando eram jovens, é dai que enxergamos a vantagem no investimento de soluções para Mobile. Estes jovens representam novas linguagens e comportamentos, e eles influenciam diretamente os hábitos de consumo, estão posicionados no topo da pirâmide de influência, representada na figura.
  • 19. Plano de Negócios Figura 1 - Pirâmide de Influência * SEO (do inglês, Search Engine Optimization) conjunto de estratégias com o objetivo de potencializar e melhorar o posicionamento de um site nas páginas de resultados naturais (orgânicos) nos sites de busca(Google) *Pirâmide de influência retirada do filme 'We All Want to Be Young' (todos nós queremos ser jovens) resultado de diversos estudos realizados pela BOX1824 nos últimos 5 anos. A BOX1824 é uma empresa de pesquisa especializada em tendências de comportamento e consumo. 8.3Concorrentes Foi realizada uma pesquisa de mercado com as principais empresas que desenvolvem aplicativos em âmbito nacional, nossas expectativas eram de comparar nossa proposta de desenvolvimento e gerenciamento dos aplicativos com as empresas que já estão consolidadas no mercado há mais tempo. O que foi observado na maioria das empresas é que o desenvolvimento de aplicativos não é visto com um processo além de sua criação nas linhas de códigos dos programadores, e que é priorizado por nossa equipe como um ciclo de eterna atualização e acompanhamento. Contudo, existem empresas como i2 Mobile Solutions que oferece uma ampla atenção na questão de entender o mercado em que a empresa atua para aplicar uma estratégia eficiente que reflita no desenvolvimento do aplicativo mobile
  • 20. Plano de Negócios isso pode ser observado também na multidisciplinaridade da sua equipe de trabalho que conta com engenheiros, designs e especialistas em marketing. Expres Apps também foi estudada por nossa equipe pelo fato de oferecer uma proposta mais próxima da nossa em que possibilita que o cliente modifique o aplicativo mobile criado pela Express Apps via uma plataforma web criada especialmente para os clientes aonde ele pode aplicar técnicas de marketing ou ferramentas como gps para facilitar que o cliente localize a empresa de qualquer lugar . Na área de mobile learning realmente o Brasil está muito fraco em relação a mundial, as teorias pedagógicas nessa área ainda estão sendo fundamentadas e os preços dos tablets estão muito caros para serem distribuídos nas escolas. Na área da saúde o cenário nacional é praticamente um mar aberto, encontramos referências somente em âmbito internacional como, por exemplo, a empresa Alemã Biotronik que possui foco em mobile health, aonde executam criação e gerenciamento do ambiente na saúde com dispositivos médicos como marca passos cardíacos com wi- fi a empresa tem sede em Berlim – Alemanha. Com relação às agências digitais, estas ainda aplicam mobile somente com criação de site a adaptação para HTML5, onde caracteriza uma extensão dos seus serviços de marketing digital. 9. Plano de Marketing O plano de Marketing foi construído com o objetivo de analisar a interação do produto principal do negócio, ou seja, o software, como também a proposta de valor(preço) que será atribuída para o cliente, sendo assim essencial a análise do meio onde o produto será comercializado(praça) e de que forma irá ser facilitada a o consumo do meu cliente(promoção). 9.1 Produto O produto tem como característica principal com essência em marketing resolver um problema do cliente, sendo este uma nova forma de divulgação do seu negócio, que é o meio digital, com também verifica a forma como o usuário do aplicativo interage. O produto será como estratégico de ligação entre o negócio do cliente, o usuário, e Y inovation.
  • 21. Plano de Negócios 9.2 Promoção A promoção do negócio inicialmente se dará por persuadir o cliente a adquirir nosso produto como necessidade do seu negócio, sendo assim nossa promoção será voltada a propaganda, podendo contratar uma agencia de comunicação próprio como também uma agencia digital. Porém, o essencial é executar um marketing digital como página própria da empresa podendo baixar a versão beta do software, onde o cliente poderá ter uma primeira versão gratuita e a medida com ele utilizar o as ferramentas, serviços e requisição de novos modelos irá poder executar o pagamento. 9.3 Preço O preço será abordado de acordo com a compatibilidade do benefício adotado, por isso é essencial efetuar teste com clientes iniciais. Serão adotadas políticas de descontos, como critérios de definição de preço de acordo com cada solução. Contudo, os preços serão maiores do que os concorrentes indiretos, pelo fato de não haver um produto semelhante no mercado para o mesmo público alvo. Sendo assim o preço estimando inicialmente: Custo de desenvolvimento: R$30.000,00 Vendas versão completa do software: R$ 5.000,00 Upgrades: R$ 2.000,00 Mensalidade para manutenção e serviços: R$500,00 9.4 Praça A área de atuação inicialmente realizada pela nossa empresa será estadual, pelo fato de estar totalmente relacionado a disponibilidade, porém ocorrerá juntamente uma venda do produto pela internet, contudo com modelos de produtos diferentes.
  • 22. Plano de Negócios 10. Plano Financeiro O plano financeiro foi definido com o tempo de 3 anos, com cenários de pessimista, realista e otimista. Porém para uma melhor visualização da planilha esta foi colocado em anexo.