SlideShare uma empresa Scribd logo
PANORAMA DO NOVO TESTAMENTO
2TIMÓTEO
Propósito
Aprisionado em Roma mais uma vez, o apóstolo Paulo se
sentiu sozinho e abandonado. Paulo percebeu que a sua
vida terrena provavelmente estaria em breve chegando ao
fim. O livro de 2 Timóteo é essencialmente as "últimas
palavras" de Paulo. Paulo olhou além da sua própria
situação para expressar preocupação com as igrejas e
especificamente com Timóteo. Paulo queria usar suas
últimas palavras para encorajar Timóteo, e todos os outros
crentes, a perseverar na fé (2Tm 3.14) e proclamar o
evangelho de Jesus Cristo (2Tm 4.2).
Informações Básicas
a) Grupo: Epístolas paulinas pastorais
b) Autor: Paulo
c) Data: 67 d.C.
d) Local: Prisão em Roma
e) Alvo: Timóteo
f) Versículo-chave: 2Tm 4.2
g) Expressão-chave: Bom combate
Esboço
Fidelidade (1) Combate (2) Apostasia (3) Desafio (4)
Perseverança diante das provas atuais Perseverança diante das provas futuras
Combate fiel
Principais Personagens
Paulo: escreveu para encorajar
Timóteo e orientá-lo em seu ministério
pastoral em Éfeso (1.1 – 4.22).
Timóteo: seu nome significa “aquele
que honra a Deus”; serviu como o
pastor da igreja em Éfeso (1.2-4.22).
Principais Personagens
Lucas: companheiro de viagem de
Paulo; única pessoa que permaneceu
com ele durante sua prisão (4.11).
Marcos: acompanhou Paulo e
Barnabé durante a primeira viagem
missionária (4.11).
O Caráter de Deus
Deus é poderoso – 1.8
Deus cumpre suas promessas – 1.1
Deus é sábio – 2.19
Contexto
Paulo sabia que a morte estava próxima
(2Tm 4.6), pois essa última prisão foi bem
diferente. Ele foi preso tão de repente que
não houve tempo de vestir sua capa, que
ficou ali na casa de Carpo, em Trôade, nem
de reunir seus preciosos pergaminhos (2Tm
4.13).
Contexto
Na primeira prisão, deixaram-no em uma
casa alugada, com certa liberdade (At
28.30-31); na última, ficou em cárcere
incomunicável. Enquanto antes tinha
grande número de amigos ao redor, agora
estava quase só (2Tm 4.10-12). Na primeira
prisão, esperava ser solto novamente; na
segunda, aguardava a morte (2Tm 4.6-7).
Comparação Entre as Duas Prisões
Primeiro Encarceramento Segundo Encarceramento
Atos 28; escreveu as epístolas da prisão 2Timóteo
Acusado pelos judeus de heresia e rebelião Perseguido por Roma e preso como um
criminoso por tramar contra o império
Perseguições locais esporádicas (60-63 d.C.) Perseguição de Nero (64-68 d.C.)
Condições decentes de moradia numa casa
alugada (At 28.30-31)
Condições ruins num calabouço frio e escuro
Muitos amigos o visitavam Praticamente sozinho (somente Lucas estava
com ele)
Havia muitas oportunidades de testemunhos
cristãos
Oportunidades de testemunho eram restritas
Estava otimista quanto à sua libertação (Fp 1) Previu a sua execução (2Tm 4.6)
Finalidade
O apóstolo desejava ver o seu filho amado
antes de morrer, e pediu que viesse
trazendo também Marcos (2Tm 4.11) e as
coisas que havia deixado (2Tm 4.13). Vemos
nessa carta a grandeza, a coragem e a
esperança de Paulo.
Finalidade
Mesmo em condições tão tristes, sua maior
preocupação era que conservassem pura a
mensagem de salvação em Cristo e que a
propagassem fielmente (2Tm 2.2). Preocupava-se em
ver que os seus continuadores executassem
fielmente o serviço do Mestre. Não alterou o seu
modo de pensar acerca da morte; antes se regozijava
com a certeza de encontrar-se com o Senhor (2Tm
4.8,18).
Conteúdo da Epístola
2TIMÓTEO
O Bom Combate
O combate mencionado por Paulo na
primeira carta foi reafirmado na
segunda (1Tm 1.18; 6.12; 2Tm 4.7).
Paulo encorajou Timóteo, no poder do
Espírito, a lutar em defesa da fé como
ele (2Tm 1.6-8).
O Bom Combate
O apóstolo usou figuras para exemplificar
essa luta:
◦Soldado (2Tm 2.3-4);
◦Atleta (2Tm 2.5);
◦Lavrador (2Tm 2.6);
◦Obreiro (2Tm 2.15);
◦Utensílio (2Tm 2.20);
◦Servo (2Tm 2.24-26).
O Contraste Declarado
Ao longo da carta, o apóstolo Paulo fez uma
clara distinção entre os impostores (2Tm 3.8-9;
3.13; 4.3-4) e os soldados de Cristo (2Tm 3.10-
11,14; 4.5). Além de apresentar as
características deles, Paulo ainda os identificou
na carta: impostores (2Tm 1.15; 2.17; 3.8;
4.10,14); soldados de Cristo (2Tm 1.16; 4.11-
12,19-20).
Os Deveres Ministeriais em Face aos
Impostores
a) Combater o bom combate (2Tm 1.8;
2.1,3,16,23-24; 4.5)
b) Completar a carreira (2Tm 1.8,14;
2.2,15,22,25; 4.2,5)
c) Guardar a fé (2Tm 1.13; 2.8,14,22;
3.14)
A Tríade Ministerial na Carta
a)Discipulado (2Tm 2.2)
b)Dedicação (2Tm 2.15)
c)Diligência (2Tm 2.15)
Timóteo Preparado para o Combate
(2Tm 2.14-4.8)
a) Um trabalhador irrepreensível – aprovado
por Deus.
b) Um servo apto para instruir – não em
contendas, mas em mansidão.
c) Um crente iluminado – habilitado pela
Palavra de Deus.
d) Um pregador bem equipado – “Faze a obra
de evangelista”.
Cristo em 2Timóteo
Cristo Jesus manifestou-se na terra, aboliu a
morte e trouxe à luz a vida e a imortalidade pelo
evangelho (1.10). Ressuscitou dos mortos (2.8)
e conquistou a salvação e eterna glória (2.10);
pois, se os crentes morrerem com ele, também
viverão com ele (2.11). Todos quantos amam
sua vinda receberão a coroa da justiça (4.8) e
reinarão com ele (2.12).
Aceitação no Cânon
Há possíveis e claras citações de 2Timóteo em
1Clemente, nas cartas de Inácio, nos escritos de
Policarpo, Irineu e Clemente de Alexandria. Taciano
parece ter rejeitado ambas as cartas 1 e 2Tm,
Marcião não aceitou nenhuma das epístolas
pastorais, além delas não aparecerem no papiro de
Chester Beatty, que é datado de 200 d.C., mas o
códice está incompleto e pode ter originalmente
contido essas cartas. Entretanto, elas aparecem no
cânon Muratoriano. Em geral parece que a igreja
hesitou pouco para aceitar 2Timóteo.
Papiro de Chester Beatty
Evangelho de Lucas
2Timóteo na Prática
É fácil esmorecer na vida cristã. Temos que manter
nossos olhos firmes no prêmio -- ser recompensado
no céu por Jesus Cristo (2Tm 4.8). Devemos nos
esforçar para evitar tanto a falsa doutrina quanto as
práticas ímpias. Isso só pode ser realizado quando
nos firmamos em nosso conhecimento da Palavra
de Deus e recusamos aceitar qualquer coisa que
não seja bíblica.
Conclusão
O apóstolo Paulo combateu o bom combate de
cabeça erguida, sem se envergonhar do Evangelho
(Rm 1.16), nem mesmo diante da morte. Esse foi o
legado que ele deixou para Timóteo, convidando-o
a partilhar desse combate da mesma forma, sem se
envergonhar de nosso Senhor Jesus Cristo (2Tm
1.8). Seu exemplo é um convite a também não nos
envergonharmos de nosso Salvador e partirmos
para o combate da fé!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Panorama do NT - Judas
Panorama do NT - JudasPanorama do NT - Judas
Panorama do NT - Judas
Respirando Deus
 
Panorama do NT - Efésios
Panorama do NT - EfésiosPanorama do NT - Efésios
Panorama do NT - Efésios
Respirando Deus
 
38 1 e 2 timoteo=
38   1 e 2 timoteo=38   1 e 2 timoteo=
38 1 e 2 timoteo=
PIB Penha
 
Timoteo
TimoteoTimoteo
Panorama do NT - 1Pedro
Panorama do NT - 1PedroPanorama do NT - 1Pedro
Panorama do NT - 1Pedro
Respirando Deus
 
Epistolas paulinas e gerais_IBADEP_Llição 1
Epistolas paulinas e gerais_IBADEP_Llição 1Epistolas paulinas e gerais_IBADEP_Llição 1
Epistolas paulinas e gerais_IBADEP_Llição 1
Natalino das Neves Neves
 
Panorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2CoríntiosPanorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2Coríntios
Respirando Deus
 
Panorama do NT - Romanos
Panorama do NT - RomanosPanorama do NT - Romanos
Panorama do NT - Romanos
Respirando Deus
 
8. epístola de paulo aos romanos
8. epístola de paulo aos romanos8. epístola de paulo aos romanos
8. epístola de paulo aos romanos
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Epístolas gerais - aula 1
Epístolas gerais - aula 1Epístolas gerais - aula 1
Epístolas gerais - aula 1
Moisés Sampaio
 
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
RODRIGO FERREIRA
 
Panorama do NT - 2Tessalonicenses
Panorama do NT - 2TessalonicensesPanorama do NT - 2Tessalonicenses
Panorama do NT - 2Tessalonicenses
Respirando Deus
 
Atos
AtosAtos
3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Filipenses (Estudo 1)
Filipenses (Estudo 1)Filipenses (Estudo 1)
Filipenses (Estudo 1)
Daniel Junior
 
Panorama do NT - Introdução
Panorama do NT - IntroduçãoPanorama do NT - Introdução
Panorama do NT - Introdução
Respirando Deus
 
Panorama do NT - Hebreus
Panorama do NT - HebreusPanorama do NT - Hebreus
Panorama do NT - Hebreus
Respirando Deus
 
O tribunal de cristo e os galardões
O tribunal de cristo e os galardõesO tribunal de cristo e os galardões
O tribunal de cristo e os galardões
Márcio Martins
 
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza OliveiraPentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Gesiel Oliveira
 
5. O Evangelho de Lucas
5. O Evangelho de Lucas5. O Evangelho de Lucas
5. O Evangelho de Lucas
Igreja Presbiteriana de Dourados
 

Mais procurados (20)

Panorama do NT - Judas
Panorama do NT - JudasPanorama do NT - Judas
Panorama do NT - Judas
 
Panorama do NT - Efésios
Panorama do NT - EfésiosPanorama do NT - Efésios
Panorama do NT - Efésios
 
38 1 e 2 timoteo=
38   1 e 2 timoteo=38   1 e 2 timoteo=
38 1 e 2 timoteo=
 
Timoteo
TimoteoTimoteo
Timoteo
 
Panorama do NT - 1Pedro
Panorama do NT - 1PedroPanorama do NT - 1Pedro
Panorama do NT - 1Pedro
 
Epistolas paulinas e gerais_IBADEP_Llição 1
Epistolas paulinas e gerais_IBADEP_Llição 1Epistolas paulinas e gerais_IBADEP_Llição 1
Epistolas paulinas e gerais_IBADEP_Llição 1
 
Panorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2CoríntiosPanorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2Coríntios
 
Panorama do NT - Romanos
Panorama do NT - RomanosPanorama do NT - Romanos
Panorama do NT - Romanos
 
8. epístola de paulo aos romanos
8. epístola de paulo aos romanos8. epístola de paulo aos romanos
8. epístola de paulo aos romanos
 
Epístolas gerais - aula 1
Epístolas gerais - aula 1Epístolas gerais - aula 1
Epístolas gerais - aula 1
 
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
 
Panorama do NT - 2Tessalonicenses
Panorama do NT - 2TessalonicensesPanorama do NT - 2Tessalonicenses
Panorama do NT - 2Tessalonicenses
 
Atos
AtosAtos
Atos
 
3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus
 
Filipenses (Estudo 1)
Filipenses (Estudo 1)Filipenses (Estudo 1)
Filipenses (Estudo 1)
 
Panorama do NT - Introdução
Panorama do NT - IntroduçãoPanorama do NT - Introdução
Panorama do NT - Introdução
 
Panorama do NT - Hebreus
Panorama do NT - HebreusPanorama do NT - Hebreus
Panorama do NT - Hebreus
 
O tribunal de cristo e os galardões
O tribunal de cristo e os galardõesO tribunal de cristo e os galardões
O tribunal de cristo e os galardões
 
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza OliveiraPentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
 
5. O Evangelho de Lucas
5. O Evangelho de Lucas5. O Evangelho de Lucas
5. O Evangelho de Lucas
 

Destaque

Panorama do NT - Atos
Panorama do NT - AtosPanorama do NT - Atos
Panorama do NT - Atos
Respirando Deus
 
Panorama do AT - Naum
Panorama do AT - NaumPanorama do AT - Naum
Panorama do AT - Naum
Respirando Deus
 
Panorama do AT - Obadias
Panorama do AT - ObadiasPanorama do AT - Obadias
Panorama do AT - Obadias
Respirando Deus
 
Panorama do AT - Malaquias
Panorama do AT - MalaquiasPanorama do AT - Malaquias
Panorama do AT - Malaquias
Respirando Deus
 
Panorama do AT - Ageu
Panorama do AT - AgeuPanorama do AT - Ageu
Panorama do AT - Ageu
Respirando Deus
 
Panorama do AT - Sofonias
Panorama do AT - SofoniasPanorama do AT - Sofonias
Panorama do AT - Sofonias
Respirando Deus
 
Panorama do AT - Zacarias
Panorama do AT - ZacariasPanorama do AT - Zacarias
Panorama do AT - Zacarias
Respirando Deus
 
Panorama do NT - João
Panorama do NT - JoãoPanorama do NT - João
Panorama do NT - João
Respirando Deus
 
Slide
SlideSlide
Panorama do NT - 1Tessalonicenses
Panorama do NT - 1TessalonicensesPanorama do NT - 1Tessalonicenses
Panorama do NT - 1Tessalonicenses
Respirando Deus
 
Panorama do NT - 1Coríntios
Panorama do NT - 1CoríntiosPanorama do NT - 1Coríntios
Panorama do NT - 1Coríntios
Respirando Deus
 
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDOPÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
Marcio Ferreira da Silva
 
Panorama do NT - Lucas
Panorama do NT - LucasPanorama do NT - Lucas
Panorama do NT - Lucas
Respirando Deus
 
Panorama do NT - Mateus
Panorama do NT - MateusPanorama do NT - Mateus
Panorama do NT - Mateus
Respirando Deus
 
Panorama do NT - Gálatas
Panorama do NT - GálatasPanorama do NT - Gálatas
Panorama do NT - Gálatas
Respirando Deus
 
Panorama do AT - Daniel
Panorama do AT - DanielPanorama do AT - Daniel
Panorama do AT - Daniel
Respirando Deus
 
O Propósito do Casamento
O Propósito do CasamentoO Propósito do Casamento
O Propósito do Casamento
Respirando Deus
 
Panorama do NT - A Plenitude dos Tempos
Panorama do NT - A Plenitude dos TemposPanorama do NT - A Plenitude dos Tempos
Panorama do NT - A Plenitude dos Tempos
Respirando Deus
 
Carta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
Carta à Igreja de Éfeso no ApocalipseCarta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
Carta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
Pr. Welfany Nolasco Rodrigues
 
Panorama do AT - Amós
Panorama do AT - AmósPanorama do AT - Amós
Panorama do AT - Amós
Respirando Deus
 

Destaque (20)

Panorama do NT - Atos
Panorama do NT - AtosPanorama do NT - Atos
Panorama do NT - Atos
 
Panorama do AT - Naum
Panorama do AT - NaumPanorama do AT - Naum
Panorama do AT - Naum
 
Panorama do AT - Obadias
Panorama do AT - ObadiasPanorama do AT - Obadias
Panorama do AT - Obadias
 
Panorama do AT - Malaquias
Panorama do AT - MalaquiasPanorama do AT - Malaquias
Panorama do AT - Malaquias
 
Panorama do AT - Ageu
Panorama do AT - AgeuPanorama do AT - Ageu
Panorama do AT - Ageu
 
Panorama do AT - Sofonias
Panorama do AT - SofoniasPanorama do AT - Sofonias
Panorama do AT - Sofonias
 
Panorama do AT - Zacarias
Panorama do AT - ZacariasPanorama do AT - Zacarias
Panorama do AT - Zacarias
 
Panorama do NT - João
Panorama do NT - JoãoPanorama do NT - João
Panorama do NT - João
 
Slide
SlideSlide
Slide
 
Panorama do NT - 1Tessalonicenses
Panorama do NT - 1TessalonicensesPanorama do NT - 1Tessalonicenses
Panorama do NT - 1Tessalonicenses
 
Panorama do NT - 1Coríntios
Panorama do NT - 1CoríntiosPanorama do NT - 1Coríntios
Panorama do NT - 1Coríntios
 
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDOPÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
 
Panorama do NT - Lucas
Panorama do NT - LucasPanorama do NT - Lucas
Panorama do NT - Lucas
 
Panorama do NT - Mateus
Panorama do NT - MateusPanorama do NT - Mateus
Panorama do NT - Mateus
 
Panorama do NT - Gálatas
Panorama do NT - GálatasPanorama do NT - Gálatas
Panorama do NT - Gálatas
 
Panorama do AT - Daniel
Panorama do AT - DanielPanorama do AT - Daniel
Panorama do AT - Daniel
 
O Propósito do Casamento
O Propósito do CasamentoO Propósito do Casamento
O Propósito do Casamento
 
Panorama do NT - A Plenitude dos Tempos
Panorama do NT - A Plenitude dos TemposPanorama do NT - A Plenitude dos Tempos
Panorama do NT - A Plenitude dos Tempos
 
Carta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
Carta à Igreja de Éfeso no ApocalipseCarta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
Carta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
 
Panorama do AT - Amós
Panorama do AT - AmósPanorama do AT - Amós
Panorama do AT - Amós
 

Semelhante a Panorama do NT - 2Timóteo

Lição 7 (3° 15) Eu Sei Em Quem Tenho Crido
Lição 7 (3° 15) Eu Sei Em Quem Tenho CridoLição 7 (3° 15) Eu Sei Em Quem Tenho Crido
Lição 7 (3° 15) Eu Sei Em Quem Tenho Crido
Pr. Andre Luiz
 
Apresentação tim
Apresentação timApresentação tim
Apresentação tim
Marcos Francisco
 
Lição 10 o lider diante da chegada da morte 3º trimestre de 2015
Lição 10   o lider diante da chegada da morte   3º trimestre de 2015Lição 10   o lider diante da chegada da morte   3º trimestre de 2015
Lição 10 o lider diante da chegada da morte 3º trimestre de 2015
Andrew Guimarães
 
EBD 19-03 Carta aos Romanos.pptx
EBD 19-03 Carta aos Romanos.pptxEBD 19-03 Carta aos Romanos.pptx
EBD 19-03 Carta aos Romanos.pptx
VivianeMenezes20
 
EPISTOLAS_GERAIS_CAPA_(1)-1.pdf
EPISTOLAS_GERAIS_CAPA_(1)-1.pdfEPISTOLAS_GERAIS_CAPA_(1)-1.pdf
EPISTOLAS_GERAIS_CAPA_(1)-1.pdf
AMILTON gomes Gomes
 
As cartas pastorais
As cartas pastoraisAs cartas pastorais
As cartas pastorais
guest1671d3
 
Lição 01 - Uma mensagem à igreja local e à liderança
Lição 01 -  Uma mensagem à igreja local e à liderançaLição 01 -  Uma mensagem à igreja local e à liderança
Lição 01 - Uma mensagem à igreja local e à liderança
Regio Davis
 
O Líder Diante da Chegada da Morte
O Líder Diante da Chegada da MorteO Líder Diante da Chegada da Morte
O Líder Diante da Chegada da Morte
Antonio Fernandes
 
O Líder Diante da Chegada da Morte - Lição 10 - 3º Trimestre de 2015
O Líder Diante da Chegada da Morte - Lição 10 - 3º Trimestre de 2015O Líder Diante da Chegada da Morte - Lição 10 - 3º Trimestre de 2015
O Líder Diante da Chegada da Morte - Lição 10 - 3º Trimestre de 2015
Pr. Andre Luiz
 
Comentário biblico pentecostal – 1 e 2 timóteo
Comentário biblico pentecostal – 1 e 2 timóteoComentário biblico pentecostal – 1 e 2 timóteo
Comentário biblico pentecostal – 1 e 2 timóteo
deusdetdfsoares
 
Desafio biblico nas_cartas_de_paulo_a_timoteo
Desafio biblico nas_cartas_de_paulo_a_timoteoDesafio biblico nas_cartas_de_paulo_a_timoteo
Desafio biblico nas_cartas_de_paulo_a_timoteo
jeconiaseandreia
 
Liçao 10 - O Líder Diante da Chegada da Morte
Liçao 10 - O Líder Diante da Chegada da Morte Liçao 10 - O Líder Diante da Chegada da Morte
Liçao 10 - O Líder Diante da Chegada da Morte
Ev.Antonio Vieira
 
SLIDES - EBD - Lição 13 - [Jovens] - Organizar a igreja em Creta - 3 Trimestr...
SLIDES - EBD - Lição 13 - [Jovens] - Organizar a igreja em Creta - 3 Trimestr...SLIDES - EBD - Lição 13 - [Jovens] - Organizar a igreja em Creta - 3 Trimestr...
SLIDES - EBD - Lição 13 - [Jovens] - Organizar a igreja em Creta - 3 Trimestr...
PaulaSilva605115
 
Lições para a vida timóteo
Lições para a vida   timóteoLições para a vida   timóteo
Lições para a vida timóteo
Eloi Lago
 
COMENTARIO BIBLICO-2 timóteo (moody)
COMENTARIO BIBLICO-2 timóteo (moody)COMENTARIO BIBLICO-2 timóteo (moody)
COMENTARIO BIBLICO-2 timóteo (moody)
leniogravacoes
 
015 timoteo 2º
015 timoteo 2º015 timoteo 2º
015 timoteo 2º
Diógenes Gimenes
 
016 tito
016 tito016 tito
comentario biblico-1 tessalonicenses (moody)
comentario biblico-1 tessalonicenses (moody)comentario biblico-1 tessalonicenses (moody)
comentario biblico-1 tessalonicenses (moody)
leniogravacoes
 
SLIDE JOVENS EBDS LIÇÃO 01 - 3 TRI 2023.pptx
SLIDE JOVENS EBDS LIÇÃO 01 - 3 TRI 2023.pptxSLIDE JOVENS EBDS LIÇÃO 01 - 3 TRI 2023.pptx
SLIDE JOVENS EBDS LIÇÃO 01 - 3 TRI 2023.pptx
JOSELAURINDODASILVA
 
EBD CPAD Lições bíblicas 3° trimestre 2015 aula 10 O líder diante da chegada ...
EBD CPAD Lições bíblicas 3° trimestre 2015 aula 10 O líder diante da chegada ...EBD CPAD Lições bíblicas 3° trimestre 2015 aula 10 O líder diante da chegada ...
EBD CPAD Lições bíblicas 3° trimestre 2015 aula 10 O líder diante da chegada ...
GIDEONE Moura Santos Ferreira
 

Semelhante a Panorama do NT - 2Timóteo (20)

Lição 7 (3° 15) Eu Sei Em Quem Tenho Crido
Lição 7 (3° 15) Eu Sei Em Quem Tenho CridoLição 7 (3° 15) Eu Sei Em Quem Tenho Crido
Lição 7 (3° 15) Eu Sei Em Quem Tenho Crido
 
Apresentação tim
Apresentação timApresentação tim
Apresentação tim
 
Lição 10 o lider diante da chegada da morte 3º trimestre de 2015
Lição 10   o lider diante da chegada da morte   3º trimestre de 2015Lição 10   o lider diante da chegada da morte   3º trimestre de 2015
Lição 10 o lider diante da chegada da morte 3º trimestre de 2015
 
EBD 19-03 Carta aos Romanos.pptx
EBD 19-03 Carta aos Romanos.pptxEBD 19-03 Carta aos Romanos.pptx
EBD 19-03 Carta aos Romanos.pptx
 
EPISTOLAS_GERAIS_CAPA_(1)-1.pdf
EPISTOLAS_GERAIS_CAPA_(1)-1.pdfEPISTOLAS_GERAIS_CAPA_(1)-1.pdf
EPISTOLAS_GERAIS_CAPA_(1)-1.pdf
 
As cartas pastorais
As cartas pastoraisAs cartas pastorais
As cartas pastorais
 
Lição 01 - Uma mensagem à igreja local e à liderança
Lição 01 -  Uma mensagem à igreja local e à liderançaLição 01 -  Uma mensagem à igreja local e à liderança
Lição 01 - Uma mensagem à igreja local e à liderança
 
O Líder Diante da Chegada da Morte
O Líder Diante da Chegada da MorteO Líder Diante da Chegada da Morte
O Líder Diante da Chegada da Morte
 
O Líder Diante da Chegada da Morte - Lição 10 - 3º Trimestre de 2015
O Líder Diante da Chegada da Morte - Lição 10 - 3º Trimestre de 2015O Líder Diante da Chegada da Morte - Lição 10 - 3º Trimestre de 2015
O Líder Diante da Chegada da Morte - Lição 10 - 3º Trimestre de 2015
 
Comentário biblico pentecostal – 1 e 2 timóteo
Comentário biblico pentecostal – 1 e 2 timóteoComentário biblico pentecostal – 1 e 2 timóteo
Comentário biblico pentecostal – 1 e 2 timóteo
 
Desafio biblico nas_cartas_de_paulo_a_timoteo
Desafio biblico nas_cartas_de_paulo_a_timoteoDesafio biblico nas_cartas_de_paulo_a_timoteo
Desafio biblico nas_cartas_de_paulo_a_timoteo
 
Liçao 10 - O Líder Diante da Chegada da Morte
Liçao 10 - O Líder Diante da Chegada da Morte Liçao 10 - O Líder Diante da Chegada da Morte
Liçao 10 - O Líder Diante da Chegada da Morte
 
SLIDES - EBD - Lição 13 - [Jovens] - Organizar a igreja em Creta - 3 Trimestr...
SLIDES - EBD - Lição 13 - [Jovens] - Organizar a igreja em Creta - 3 Trimestr...SLIDES - EBD - Lição 13 - [Jovens] - Organizar a igreja em Creta - 3 Trimestr...
SLIDES - EBD - Lição 13 - [Jovens] - Organizar a igreja em Creta - 3 Trimestr...
 
Lições para a vida timóteo
Lições para a vida   timóteoLições para a vida   timóteo
Lições para a vida timóteo
 
COMENTARIO BIBLICO-2 timóteo (moody)
COMENTARIO BIBLICO-2 timóteo (moody)COMENTARIO BIBLICO-2 timóteo (moody)
COMENTARIO BIBLICO-2 timóteo (moody)
 
015 timoteo 2º
015 timoteo 2º015 timoteo 2º
015 timoteo 2º
 
016 tito
016 tito016 tito
016 tito
 
comentario biblico-1 tessalonicenses (moody)
comentario biblico-1 tessalonicenses (moody)comentario biblico-1 tessalonicenses (moody)
comentario biblico-1 tessalonicenses (moody)
 
SLIDE JOVENS EBDS LIÇÃO 01 - 3 TRI 2023.pptx
SLIDE JOVENS EBDS LIÇÃO 01 - 3 TRI 2023.pptxSLIDE JOVENS EBDS LIÇÃO 01 - 3 TRI 2023.pptx
SLIDE JOVENS EBDS LIÇÃO 01 - 3 TRI 2023.pptx
 
EBD CPAD Lições bíblicas 3° trimestre 2015 aula 10 O líder diante da chegada ...
EBD CPAD Lições bíblicas 3° trimestre 2015 aula 10 O líder diante da chegada ...EBD CPAD Lições bíblicas 3° trimestre 2015 aula 10 O líder diante da chegada ...
EBD CPAD Lições bíblicas 3° trimestre 2015 aula 10 O líder diante da chegada ...
 

Mais de Respirando Deus

Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
Escola Bíblica: Os Puritanos - #06Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
Respirando Deus
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
Respirando Deus
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
Respirando Deus
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
Respirando Deus
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
Respirando Deus
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
Respirando Deus
 
História da Igreja #25
História da Igreja #25História da Igreja #25
História da Igreja #25
Respirando Deus
 
História da Igreja #24
História da Igreja #24História da Igreja #24
História da Igreja #24
Respirando Deus
 
História da Igreja #23
História da Igreja #23História da Igreja #23
História da Igreja #23
Respirando Deus
 
História da Igreja #22
História da Igreja #22História da Igreja #22
História da Igreja #22
Respirando Deus
 
História da Igreja #21
História da Igreja #21História da Igreja #21
História da Igreja #21
Respirando Deus
 
Calendário de Eventos IBLM 2018
Calendário de Eventos IBLM 2018Calendário de Eventos IBLM 2018
Calendário de Eventos IBLM 2018
Respirando Deus
 
História da Igreja #20
História da Igreja #20História da Igreja #20
História da Igreja #20
Respirando Deus
 
História da Igreja #19
História da Igreja #19História da Igreja #19
História da Igreja #19
Respirando Deus
 
História da Igreja #18 - As Cruzadas
História da Igreja #18 - As CruzadasHistória da Igreja #18 - As Cruzadas
História da Igreja #18 - As Cruzadas
Respirando Deus
 
História da Igreja #17
História da Igreja #17História da Igreja #17
História da Igreja #17
Respirando Deus
 
História da Igreja #16
História da Igreja #16História da Igreja #16
História da Igreja #16
Respirando Deus
 
História da Igreja #15
História da Igreja #15História da Igreja #15
História da Igreja #15
Respirando Deus
 
História da Igreja #14
História da Igreja #14História da Igreja #14
História da Igreja #14
Respirando Deus
 
História da Igreja #13
História da Igreja #13História da Igreja #13
História da Igreja #13
Respirando Deus
 

Mais de Respirando Deus (20)

Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
Escola Bíblica: Os Puritanos - #06Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
 
História da Igreja #25
História da Igreja #25História da Igreja #25
História da Igreja #25
 
História da Igreja #24
História da Igreja #24História da Igreja #24
História da Igreja #24
 
História da Igreja #23
História da Igreja #23História da Igreja #23
História da Igreja #23
 
História da Igreja #22
História da Igreja #22História da Igreja #22
História da Igreja #22
 
História da Igreja #21
História da Igreja #21História da Igreja #21
História da Igreja #21
 
Calendário de Eventos IBLM 2018
Calendário de Eventos IBLM 2018Calendário de Eventos IBLM 2018
Calendário de Eventos IBLM 2018
 
História da Igreja #20
História da Igreja #20História da Igreja #20
História da Igreja #20
 
História da Igreja #19
História da Igreja #19História da Igreja #19
História da Igreja #19
 
História da Igreja #18 - As Cruzadas
História da Igreja #18 - As CruzadasHistória da Igreja #18 - As Cruzadas
História da Igreja #18 - As Cruzadas
 
História da Igreja #17
História da Igreja #17História da Igreja #17
História da Igreja #17
 
História da Igreja #16
História da Igreja #16História da Igreja #16
História da Igreja #16
 
História da Igreja #15
História da Igreja #15História da Igreja #15
História da Igreja #15
 
História da Igreja #14
História da Igreja #14História da Igreja #14
História da Igreja #14
 
História da Igreja #13
História da Igreja #13História da Igreja #13
História da Igreja #13
 

Último

PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
Nelson Pereira
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
JonasRibeiro61
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
ESCRIBA DE CRISTO
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
André Ricardo Marcondes
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Nilson Almeida
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Celso Napoleon
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
AlessandroSanches8
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
ESCRIBA DE CRISTO
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Celso Napoleon
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdfAula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
SrgioLinsPessoa
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
ayronleonardo
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
PONTOS PRINCIPAIS DA VIDA DE ZAQUEU O SERMÃO.docx
PONTOS PRINCIPAIS DA VIDA DE ZAQUEU O SERMÃO.docxPONTOS PRINCIPAIS DA VIDA DE ZAQUEU O SERMÃO.docx
PONTOS PRINCIPAIS DA VIDA DE ZAQUEU O SERMÃO.docx
ElijainaVelozoGonalv
 

Último (18)

PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
 
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdfAula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
Aula02_Métodos de Interpretacao Bíblica_Prof. Gerson Willy.pdf
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
PONTOS PRINCIPAIS DA VIDA DE ZAQUEU O SERMÃO.docx
PONTOS PRINCIPAIS DA VIDA DE ZAQUEU O SERMÃO.docxPONTOS PRINCIPAIS DA VIDA DE ZAQUEU O SERMÃO.docx
PONTOS PRINCIPAIS DA VIDA DE ZAQUEU O SERMÃO.docx
 

Panorama do NT - 2Timóteo

  • 1. PANORAMA DO NOVO TESTAMENTO 2TIMÓTEO
  • 2. Propósito Aprisionado em Roma mais uma vez, o apóstolo Paulo se sentiu sozinho e abandonado. Paulo percebeu que a sua vida terrena provavelmente estaria em breve chegando ao fim. O livro de 2 Timóteo é essencialmente as "últimas palavras" de Paulo. Paulo olhou além da sua própria situação para expressar preocupação com as igrejas e especificamente com Timóteo. Paulo queria usar suas últimas palavras para encorajar Timóteo, e todos os outros crentes, a perseverar na fé (2Tm 3.14) e proclamar o evangelho de Jesus Cristo (2Tm 4.2).
  • 3. Informações Básicas a) Grupo: Epístolas paulinas pastorais b) Autor: Paulo c) Data: 67 d.C. d) Local: Prisão em Roma e) Alvo: Timóteo f) Versículo-chave: 2Tm 4.2 g) Expressão-chave: Bom combate
  • 4. Esboço Fidelidade (1) Combate (2) Apostasia (3) Desafio (4) Perseverança diante das provas atuais Perseverança diante das provas futuras Combate fiel
  • 5. Principais Personagens Paulo: escreveu para encorajar Timóteo e orientá-lo em seu ministério pastoral em Éfeso (1.1 – 4.22). Timóteo: seu nome significa “aquele que honra a Deus”; serviu como o pastor da igreja em Éfeso (1.2-4.22).
  • 6. Principais Personagens Lucas: companheiro de viagem de Paulo; única pessoa que permaneceu com ele durante sua prisão (4.11). Marcos: acompanhou Paulo e Barnabé durante a primeira viagem missionária (4.11).
  • 7. O Caráter de Deus Deus é poderoso – 1.8 Deus cumpre suas promessas – 1.1 Deus é sábio – 2.19
  • 8. Contexto Paulo sabia que a morte estava próxima (2Tm 4.6), pois essa última prisão foi bem diferente. Ele foi preso tão de repente que não houve tempo de vestir sua capa, que ficou ali na casa de Carpo, em Trôade, nem de reunir seus preciosos pergaminhos (2Tm 4.13).
  • 9. Contexto Na primeira prisão, deixaram-no em uma casa alugada, com certa liberdade (At 28.30-31); na última, ficou em cárcere incomunicável. Enquanto antes tinha grande número de amigos ao redor, agora estava quase só (2Tm 4.10-12). Na primeira prisão, esperava ser solto novamente; na segunda, aguardava a morte (2Tm 4.6-7).
  • 10. Comparação Entre as Duas Prisões Primeiro Encarceramento Segundo Encarceramento Atos 28; escreveu as epístolas da prisão 2Timóteo Acusado pelos judeus de heresia e rebelião Perseguido por Roma e preso como um criminoso por tramar contra o império Perseguições locais esporádicas (60-63 d.C.) Perseguição de Nero (64-68 d.C.) Condições decentes de moradia numa casa alugada (At 28.30-31) Condições ruins num calabouço frio e escuro Muitos amigos o visitavam Praticamente sozinho (somente Lucas estava com ele) Havia muitas oportunidades de testemunhos cristãos Oportunidades de testemunho eram restritas Estava otimista quanto à sua libertação (Fp 1) Previu a sua execução (2Tm 4.6)
  • 11. Finalidade O apóstolo desejava ver o seu filho amado antes de morrer, e pediu que viesse trazendo também Marcos (2Tm 4.11) e as coisas que havia deixado (2Tm 4.13). Vemos nessa carta a grandeza, a coragem e a esperança de Paulo.
  • 12. Finalidade Mesmo em condições tão tristes, sua maior preocupação era que conservassem pura a mensagem de salvação em Cristo e que a propagassem fielmente (2Tm 2.2). Preocupava-se em ver que os seus continuadores executassem fielmente o serviço do Mestre. Não alterou o seu modo de pensar acerca da morte; antes se regozijava com a certeza de encontrar-se com o Senhor (2Tm 4.8,18).
  • 14. O Bom Combate O combate mencionado por Paulo na primeira carta foi reafirmado na segunda (1Tm 1.18; 6.12; 2Tm 4.7). Paulo encorajou Timóteo, no poder do Espírito, a lutar em defesa da fé como ele (2Tm 1.6-8).
  • 15. O Bom Combate O apóstolo usou figuras para exemplificar essa luta: ◦Soldado (2Tm 2.3-4); ◦Atleta (2Tm 2.5); ◦Lavrador (2Tm 2.6); ◦Obreiro (2Tm 2.15); ◦Utensílio (2Tm 2.20); ◦Servo (2Tm 2.24-26).
  • 16. O Contraste Declarado Ao longo da carta, o apóstolo Paulo fez uma clara distinção entre os impostores (2Tm 3.8-9; 3.13; 4.3-4) e os soldados de Cristo (2Tm 3.10- 11,14; 4.5). Além de apresentar as características deles, Paulo ainda os identificou na carta: impostores (2Tm 1.15; 2.17; 3.8; 4.10,14); soldados de Cristo (2Tm 1.16; 4.11- 12,19-20).
  • 17. Os Deveres Ministeriais em Face aos Impostores a) Combater o bom combate (2Tm 1.8; 2.1,3,16,23-24; 4.5) b) Completar a carreira (2Tm 1.8,14; 2.2,15,22,25; 4.2,5) c) Guardar a fé (2Tm 1.13; 2.8,14,22; 3.14)
  • 18. A Tríade Ministerial na Carta a)Discipulado (2Tm 2.2) b)Dedicação (2Tm 2.15) c)Diligência (2Tm 2.15)
  • 19. Timóteo Preparado para o Combate (2Tm 2.14-4.8) a) Um trabalhador irrepreensível – aprovado por Deus. b) Um servo apto para instruir – não em contendas, mas em mansidão. c) Um crente iluminado – habilitado pela Palavra de Deus. d) Um pregador bem equipado – “Faze a obra de evangelista”.
  • 20. Cristo em 2Timóteo Cristo Jesus manifestou-se na terra, aboliu a morte e trouxe à luz a vida e a imortalidade pelo evangelho (1.10). Ressuscitou dos mortos (2.8) e conquistou a salvação e eterna glória (2.10); pois, se os crentes morrerem com ele, também viverão com ele (2.11). Todos quantos amam sua vinda receberão a coroa da justiça (4.8) e reinarão com ele (2.12).
  • 21. Aceitação no Cânon Há possíveis e claras citações de 2Timóteo em 1Clemente, nas cartas de Inácio, nos escritos de Policarpo, Irineu e Clemente de Alexandria. Taciano parece ter rejeitado ambas as cartas 1 e 2Tm, Marcião não aceitou nenhuma das epístolas pastorais, além delas não aparecerem no papiro de Chester Beatty, que é datado de 200 d.C., mas o códice está incompleto e pode ter originalmente contido essas cartas. Entretanto, elas aparecem no cânon Muratoriano. Em geral parece que a igreja hesitou pouco para aceitar 2Timóteo.
  • 22. Papiro de Chester Beatty Evangelho de Lucas
  • 23. 2Timóteo na Prática É fácil esmorecer na vida cristã. Temos que manter nossos olhos firmes no prêmio -- ser recompensado no céu por Jesus Cristo (2Tm 4.8). Devemos nos esforçar para evitar tanto a falsa doutrina quanto as práticas ímpias. Isso só pode ser realizado quando nos firmamos em nosso conhecimento da Palavra de Deus e recusamos aceitar qualquer coisa que não seja bíblica.
  • 24. Conclusão O apóstolo Paulo combateu o bom combate de cabeça erguida, sem se envergonhar do Evangelho (Rm 1.16), nem mesmo diante da morte. Esse foi o legado que ele deixou para Timóteo, convidando-o a partilhar desse combate da mesma forma, sem se envergonhar de nosso Senhor Jesus Cristo (2Tm 1.8). Seu exemplo é um convite a também não nos envergonharmos de nosso Salvador e partirmos para o combate da fé!

Notas do Editor

  1. Avó Loide e mãe Eunice
  2. Epístola da prisão: Efésios, Filipenses, Colosensses e Filemom