SlideShare uma empresa Scribd logo
Panorama do Antigo Testamento
Atos dos Apóstolos
Igreja Bíblica Luz do Mundo
1
Introdução
Atos dos Apóstolos
Livro de caráter histórico, Atos dos Apóstolos
é o único no NT que apresenta a história
seguinte à ascensão de Jesus Cristo (At
1.11), o segundo de uma obra de dois
volumes escrita pelo médico Lucas e
endereçada a Teófilo (Lc 1.1-4; At.1.1).
2
Informações Básicas
Atos dos Apóstolos
Informações Básicas
✣Grupo: Histórico
✣Autor: Lucas
✣Data: 60-70 d.C.
✣Local: (?)
✣Alvo: Judeus e Gentios
✣Versículo-chave: Atos 1.8
✣Expressão-chave: Espírito Santo
Propósito
O livro de Atos foi escrito para fornecer a história da igreja
primitiva. A ênfase do livro é a importância do dia de
Pentecostes e o ser capacitado pelo Espírito para sermos
testemunhas eficazes de Jesus Cristo. Atos registra os
apóstolos sendo testemunhas de Cristo em Jerusalém,
Judeia, Samaria e o mundo ao redor.
Propósito
O livro esclarece mais sobre o dom do Espírito Santo, o qual
capacita, orienta, ensina e serve como nosso Consolador. Ao ler o
livro de Atos, somos iluminados e encorajados pelos muitos milagres
que estavam sendo realizados naquela época pelos discípulos
Pedro, João e Paulo. O livro de Atos enfatiza a importância da
obediência à Palavra de Deus e a transformação que ocorre como
resultado do conhecimento de Cristo. Há também muitas referências
daqueles que rejeitaram a verdade que os discípulos pregavam sobre
o Senhor Jesus Cristo.
Esboço
At 1.1-8.4
O período dos judeus
no testemunho da
igreja.
7 anos
Líder: Pedro
Cidade: Jerusalém
At 8.5-12.25
O período de transição
no testemunho da
igreja.
10 anos
Líder: Pedro
Cidade: Antioquia
At 12.1-28.31
O período dos gentios
no testemunho da
igreja.
16 anos
Líder: Paulo
Cidade: Roma
3
Principais Personagens
Atos dos Apóstolos
Principais Personagens
✣Pedro: um dos doze discípulos de Jesus; chamado de “a
Rocha” (1.13-12.18; 15.7-14).
✣João: um dos doze discípulos de Jesus; chamado de “o
discípulo a quem Jesus amava” (1.13; 3.1-4.31; 8.14-25).
✣Tiago: um dos doze discípulos, o primeiro a morrer por sua
fé em Cristo (1.13; 12.1-2).
✣Estêvão: um dos responsáveis pela distribuição de alimentos
na igreja primitiva; martirizado por sua fé em Cristo (6.3-8.2;
22.20)
Principais Personagens
✣Filipe: um dos responsáveis pela distribuição de alimentos
na igreja primitiva; um dos primeiros missionários na Samaria
(1.13; 6.5; 8.1-40; 21.8).
✣Paulo: missionário e escritor do Novo Testamento; antes de
se converter ao cristianismo, foi perseguidor dos cristãos e
chamava-se Saulo (7.58-8.3; 9.1-30; 11.25-30; 12.25-28.30).
✣Barnabé: seu nome significa “filho da consolação”; viajou
com Paulo como missionário e depois com João Marcos
(4.36; 9.27; 11.22-15.39).
Principais Personagens
✣Cornélio: oficial do exército romano; um dos primeiros
cristãos gentios (10.1-48).
✣Timóteo: assistente de Paulo; mais tarde se tornou pastor
em Éfeso (16.1-20.4).
✣Lídia: vendedora de tecido de púrpura; cristã e anfitriã de
Paulo e Silas (16.13-40).
✣Silas: atuou como missionário; envolvido com os ministérios
de Paulo, Timóteo e Pedro (15.22-19.1)
Principais Personagens
✣Apolo: pregador natural de Alexandria que ministrou em
Acaia; instruído por Áquila e Priscila (18.24-19.1).
✣Félix: governador romano da Judeia; manteve Paulo preso
durante dois anos (23.24-25.14).
✣Festo: sucedeu Félix como governador; revisou o caso de
Paulo com Herodes Agripa II (24.27-26.32).
✣Herodes Agripa II: revisou o caso de Paulo com Festo;
reagiu ao evangelho com sarcasmo (25.13-26.32).
Principais Personagens
✣Lucas: médico que acompanhou Paulo em suas viagens;
autor do livro de Atos (16.10-28.31).
4
O Caráter de Deus
Atos dos Apóstolos
O Caráter de Deus em Atos
✣Deus é acessível: 14.27
✣Deus é glorioso: 7.2,55
✣Deus é bom: 14.17
✣Deus é justo: 17.31
✣Deus é o Altíssimo: 7.48
✣Deus cumpre suas promessas: 1.4; 2.33,39; 7.17; 13.2, 23,32;
26.6-7
✣Deus é providente: 1.26; 3.17-18; 12.5; 17.26; 27.22,31-32
✣Deus é sábio: 15.18
5
Destaques
Atos dos Apóstolos
Estrutura do Livro
Atos 1.8: “sereis minhas testemunhas tanto em Jerusalém com em toda
a Judeia e Samaria e até aos confins da terra”. Todo o registro de
atos é norteado a partir desse versículo, a concretização da
tarefa de fazer a mensagem chegar aos confins da terra a
partir de Jerusalém, passando por Samaria e Judeia.
O Evangelho em Jerusalém
Os capítulos 1-7 de Atos apresentam o evangelho sendo
expandido dentro dos limites de Jerusalém. Isso começa a
mudar quando Estêvão é morto e se torna o primeiro mártir
da igreja. Seu nome indica que Estêvão era helenista, judeu
que falava o grego como língua materna. A presença de
Estêvão aponta os olhares para além dos limites de
Jerusalém.
O Evangelho na Judeia e Samaria
Após a morte de Estêvão, o evangelho é impulsionado para
fora de Jerusalém, possivelmente por causa das constantes
perseguições, e desencadeia o segundo precioso momento
para o cristianismo (cap. 8-12). Samaria é atingida, mas não
é o único lugar que vê o evangelho chegar. O homem da
Etiópia e Cornélio, em Cesareia, são personagens que
evidenciam a chegada do evangelho também para muitos
gentios fora de Jerusalém. O evangelho também chega a
Antioquia, via Chipre.
O Evangelho até aos confins da terra
A conversão e o chamado de Saulo de Tarso para o
apostolado (9.1-19) desencadeiam o terceiro precioso
momento para o cristianismo (cap.13-28). Esse último bloco
do livro é a realização da incumbência de Cristo de que Seus
discípulos deveriam ser testemunhas até aos confins da
terra. Por meio de Paulo, que passou de perseguidor a
perseguido pelos que se opunham à mensagem de Cristo, o
evangelho se expandiu até os limites de Roma.
Panorama do NT - Atos
Panorama do NT - Atos
Panorama do NT - Atos
6
Aceitação no Cânon
Atos dos Apóstolos
Aceitação no Cânon
O livro de Atos dos Apóstolos era a segunda parte do livro de
Lucas, portanto, aceito juntamente com o evangelho segundo
Lucas.
7
Contribuições de Atos
Atos dos Apóstolos
Contribuições de Atos
✣Lucas tem o propósito de edificar os cristãos narrando como
o plano de Deus, tendo se cumprido em Jesus, continuou a
se desenrolar na história da igreja primitiva.
✣Lucas nos dá a certeza de que a fé está alicerçada
firmemente nos atos de Deus na história e de que a
mensagem em que cremos é a mesma mensagem enviada
da parte de Deus.
8
Atos na Prática
Atos dos Apóstolos
Atos na Prática
Deus pode fazer coisas incríveis através de pessoas comuns quando Ele
os capacita através de seu Espírito. Deus essencialmente pegou um
grupo de pescadores e os usou para transformar o mundo de cabeça
para baixo (Atos 17.6). Deus tomou um assassino odiador de cristãos e o
transformou no maior evangelista cristão, o autor de quase metade dos
livros do Novo Testamento. Deus usou perseguição para causar a rápida
expansão de uma "nova fé" na história do mundo. Deus pode e faz o
mesmo através de nós -- mudando nossos corações, fortalecendo-nos
pelo Espírito Santo e dando-nos uma paixão de espalhar as boas novas
de salvação através de Cristo.
9
Conclusão
Atos dos Apóstolos
Conclusão
Imaginem o quão empobrecida a Bíblia ficaria sem a parte 2
do livro de Lucas-Atos. Não somente é fato que muitas
lacunas são preenchidas nesse livro, mas somos
constantemente lembrados de que o evangelho é a atividade
de Deus no mundo – a salvação para todos por meio de
Jesus Cristo e do Espírito Santo.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Panorama do NT - Colossenses
Panorama do NT - ColossensesPanorama do NT - Colossenses
Panorama do NT - Colossenses
Respirando Deus
 
Introdução ao Novo testamento
Introdução ao Novo testamentoIntrodução ao Novo testamento
Introdução ao Novo testamento
João Áquila Lima Dos Santos
 
Panorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2CoríntiosPanorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2Coríntios
Respirando Deus
 
45. o profeta malaquias
45. o profeta malaquias45. o profeta malaquias
45. o profeta malaquias
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Panorama do NT - 2Timóteo
Panorama do NT - 2TimóteoPanorama do NT - 2Timóteo
Panorama do NT - 2Timóteo
Respirando Deus
 
Panorama do NT - Mateus
Panorama do NT - MateusPanorama do NT - Mateus
Panorama do NT - Mateus
Respirando Deus
 
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza OliveiraPentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Gesiel Oliveira
 
Panorama do NT - 1Tessalonicenses
Panorama do NT - 1TessalonicensesPanorama do NT - 1Tessalonicenses
Panorama do NT - 1Tessalonicenses
Respirando Deus
 
Panorama do NT - Tiago
Panorama do NT - TiagoPanorama do NT - Tiago
Panorama do NT - Tiago
Respirando Deus
 
Estudo sobre os evangelhos
Estudo sobre os evangelhosEstudo sobre os evangelhos
Estudo sobre os evangelhos
marquione ban
 
Panorama do AT - Joel
Panorama do AT - JoelPanorama do AT - Joel
Panorama do AT - Joel
Respirando Deus
 
Panorama do NT - 2Tessalonicenses
Panorama do NT - 2TessalonicensesPanorama do NT - 2Tessalonicenses
Panorama do NT - 2Tessalonicenses
Respirando Deus
 
3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Panorama do NT - Hebreus
Panorama do NT - HebreusPanorama do NT - Hebreus
Panorama do NT - Hebreus
Respirando Deus
 
Hebreus_introducao 01
Hebreus_introducao 01Hebreus_introducao 01
Hebreus_introducao 01
aylanj
 
Cristologia aula01
Cristologia aula01Cristologia aula01
Cristologia aula01
Pastor W. Costa
 
Panorama do AT - Oseias
Panorama do AT - OseiasPanorama do AT - Oseias
Panorama do AT - Oseias
Respirando Deus
 
CURSO EETAD -
CURSO EETAD - CURSO EETAD -
9. epístola de paulo 1' coríntios
9. epístola de paulo 1' coríntios9. epístola de paulo 1' coríntios
9. epístola de paulo 1' coríntios
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Panorama do AT - Malaquias
Panorama do AT - MalaquiasPanorama do AT - Malaquias
Panorama do AT - Malaquias
Respirando Deus
 

Mais procurados (20)

Panorama do NT - Colossenses
Panorama do NT - ColossensesPanorama do NT - Colossenses
Panorama do NT - Colossenses
 
Introdução ao Novo testamento
Introdução ao Novo testamentoIntrodução ao Novo testamento
Introdução ao Novo testamento
 
Panorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2CoríntiosPanorama do NT - 2Coríntios
Panorama do NT - 2Coríntios
 
45. o profeta malaquias
45. o profeta malaquias45. o profeta malaquias
45. o profeta malaquias
 
Panorama do NT - 2Timóteo
Panorama do NT - 2TimóteoPanorama do NT - 2Timóteo
Panorama do NT - 2Timóteo
 
Panorama do NT - Mateus
Panorama do NT - MateusPanorama do NT - Mateus
Panorama do NT - Mateus
 
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza OliveiraPentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
 
Panorama do NT - 1Tessalonicenses
Panorama do NT - 1TessalonicensesPanorama do NT - 1Tessalonicenses
Panorama do NT - 1Tessalonicenses
 
Panorama do NT - Tiago
Panorama do NT - TiagoPanorama do NT - Tiago
Panorama do NT - Tiago
 
Estudo sobre os evangelhos
Estudo sobre os evangelhosEstudo sobre os evangelhos
Estudo sobre os evangelhos
 
Panorama do AT - Joel
Panorama do AT - JoelPanorama do AT - Joel
Panorama do AT - Joel
 
Panorama do NT - 2Tessalonicenses
Panorama do NT - 2TessalonicensesPanorama do NT - 2Tessalonicenses
Panorama do NT - 2Tessalonicenses
 
3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus
 
Panorama do NT - Hebreus
Panorama do NT - HebreusPanorama do NT - Hebreus
Panorama do NT - Hebreus
 
Hebreus_introducao 01
Hebreus_introducao 01Hebreus_introducao 01
Hebreus_introducao 01
 
Cristologia aula01
Cristologia aula01Cristologia aula01
Cristologia aula01
 
Panorama do AT - Oseias
Panorama do AT - OseiasPanorama do AT - Oseias
Panorama do AT - Oseias
 
CURSO EETAD -
CURSO EETAD - CURSO EETAD -
CURSO EETAD -
 
9. epístola de paulo 1' coríntios
9. epístola de paulo 1' coríntios9. epístola de paulo 1' coríntios
9. epístola de paulo 1' coríntios
 
Panorama do AT - Malaquias
Panorama do AT - MalaquiasPanorama do AT - Malaquias
Panorama do AT - Malaquias
 

Destaque

Panorama do novo testamento
Panorama do novo testamentoPanorama do novo testamento
Panorama do novo testamento
Jeane Kátia
 
Atos dos apostolos
Atos dos apostolos Atos dos apostolos
Atos dos apostolos
LUCAS CANAVARRO
 
Charges com Vinho - Especial Raddici
Charges com Vinho - Especial RaddiciCharges com Vinho - Especial Raddici
Charges com Vinho - Especial Raddici
Denys Roman
 
Panorama do NT - Tito
Panorama do NT - TitoPanorama do NT - Tito
Panorama do NT - Tito
Respirando Deus
 
O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO
Eli Vieira
 
Promessas de Deus
Promessas de DeusPromessas de Deus
Promessas de Deus
cspsferraz
 
Slide
SlideSlide
Panorama do NT - Filipenses
Panorama do NT - FilipensesPanorama do NT - Filipenses
Panorama do NT - Filipenses
Respirando Deus
 
Panorama do NT - João
Panorama do NT - JoãoPanorama do NT - João
Panorama do NT - João
Respirando Deus
 
Panorama do NT - Romanos
Panorama do NT - RomanosPanorama do NT - Romanos
Panorama do NT - Romanos
Respirando Deus
 
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDOPÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
Marcio Ferreira da Silva
 
Panorama do AT - Naum
Panorama do AT - NaumPanorama do AT - Naum
Panorama do AT - Naum
Respirando Deus
 
Panorama do AT - Daniel
Panorama do AT - DanielPanorama do AT - Daniel
Panorama do AT - Daniel
Respirando Deus
 
Introdução ao Estudo do NT
Introdução ao Estudo do NTIntrodução ao Estudo do NT
Introdução ao Estudo do NT
Ricardo Gondim
 
O Propósito do Casamento
O Propósito do CasamentoO Propósito do Casamento
O Propósito do Casamento
Respirando Deus
 
Panorama do NT - A Plenitude dos Tempos
Panorama do NT - A Plenitude dos TemposPanorama do NT - A Plenitude dos Tempos
Panorama do NT - A Plenitude dos Tempos
Respirando Deus
 
Carta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
Carta à Igreja de Éfeso no ApocalipseCarta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
Carta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
Pr. Welfany Nolasco Rodrigues
 
Panorama do NT - Efésios
Panorama do NT - EfésiosPanorama do NT - Efésios
Panorama do NT - Efésios
Respirando Deus
 
Panorama do AT - Obadias
Panorama do AT - ObadiasPanorama do AT - Obadias
Panorama do AT - Obadias
Respirando Deus
 

Destaque (19)

Panorama do novo testamento
Panorama do novo testamentoPanorama do novo testamento
Panorama do novo testamento
 
Atos dos apostolos
Atos dos apostolos Atos dos apostolos
Atos dos apostolos
 
Charges com Vinho - Especial Raddici
Charges com Vinho - Especial RaddiciCharges com Vinho - Especial Raddici
Charges com Vinho - Especial Raddici
 
Panorama do NT - Tito
Panorama do NT - TitoPanorama do NT - Tito
Panorama do NT - Tito
 
O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO
 
Promessas de Deus
Promessas de DeusPromessas de Deus
Promessas de Deus
 
Slide
SlideSlide
Slide
 
Panorama do NT - Filipenses
Panorama do NT - FilipensesPanorama do NT - Filipenses
Panorama do NT - Filipenses
 
Panorama do NT - João
Panorama do NT - JoãoPanorama do NT - João
Panorama do NT - João
 
Panorama do NT - Romanos
Panorama do NT - RomanosPanorama do NT - Romanos
Panorama do NT - Romanos
 
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDOPÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
PÉRGAMO UMA IGREJA CASADA COM O MUNDO
 
Panorama do AT - Naum
Panorama do AT - NaumPanorama do AT - Naum
Panorama do AT - Naum
 
Panorama do AT - Daniel
Panorama do AT - DanielPanorama do AT - Daniel
Panorama do AT - Daniel
 
Introdução ao Estudo do NT
Introdução ao Estudo do NTIntrodução ao Estudo do NT
Introdução ao Estudo do NT
 
O Propósito do Casamento
O Propósito do CasamentoO Propósito do Casamento
O Propósito do Casamento
 
Panorama do NT - A Plenitude dos Tempos
Panorama do NT - A Plenitude dos TemposPanorama do NT - A Plenitude dos Tempos
Panorama do NT - A Plenitude dos Tempos
 
Carta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
Carta à Igreja de Éfeso no ApocalipseCarta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
Carta à Igreja de Éfeso no Apocalipse
 
Panorama do NT - Efésios
Panorama do NT - EfésiosPanorama do NT - Efésios
Panorama do NT - Efésios
 
Panorama do AT - Obadias
Panorama do AT - ObadiasPanorama do AT - Obadias
Panorama do AT - Obadias
 

Semelhante a Panorama do NT - Atos

Os_Evangelhos_Lucas.pdf
Os_Evangelhos_Lucas.pdfOs_Evangelhos_Lucas.pdf
Os_Evangelhos_Lucas.pdf
AMILTON gomes Gomes
 
ATOS DOS APSTOLOS ATUALIZADO Reparado.pdf
ATOS DOS APSTOLOS  ATUALIZADO Reparado.pdfATOS DOS APSTOLOS  ATUALIZADO Reparado.pdf
ATOS DOS APSTOLOS ATUALIZADO Reparado.pdf
EduardadaRochaCunhaM
 
Atos
AtosAtos
Lição 06 - O ministério dos Apóstolos
Lição 06 - O ministério dos ApóstolosLição 06 - O ministério dos Apóstolos
Lição 06 - O ministério dos Apóstolos
Ismael Isidio
 
Lição 06 - O Ministerio dos Apóstolos
Lição 06 - O Ministerio dos ApóstolosLição 06 - O Ministerio dos Apóstolos
Lição 06 - O Ministerio dos Apóstolos
Ismael Isidio
 
Subsidios ao professor
Subsidios ao professorSubsidios ao professor
Subsidios ao professor
Elson Juvenal Pinto Loureiro
 
(26) Os Evangelhos.pdf
(26) Os Evangelhos.pdf(26) Os Evangelhos.pdf
(26) Os Evangelhos.pdf
Tiago Silva
 
Aula 6 - Lucas
Aula 6 - LucasAula 6 - Lucas
Aula 6 - Lucas
ibrdoamor
 
O evangelho segundo Lucas - Lição 01
O evangelho segundo Lucas - Lição 01O evangelho segundo Lucas - Lição 01
O evangelho segundo Lucas - Lição 01
Pr. Andre Luiz
 
Estudos os evangelhos
Estudos os evangelhosEstudos os evangelhos
Estudos os evangelhos
André Rocha
 
Conhecendo a igreja primitiva através de atos dos apóstolos
Conhecendo a igreja primitiva através de atos dos apóstolosConhecendo a igreja primitiva através de atos dos apóstolos
Conhecendo a igreja primitiva através de atos dos apóstolos
Pastor Paulo Francisco
 
1. Atos do apóstolos
1. Atos do apóstolos1. Atos do apóstolos
1. Atos do apóstolos
José Santos
 
Atos (moody)
Atos (moody)Atos (moody)
Atos (moody)
leniogravacoes
 
Aula 10 - Atos dos Apóstolos
Aula 10 - Atos dos ApóstolosAula 10 - Atos dos Apóstolos
Aula 10 - Atos dos Apóstolos
ibrdoamor
 
Estudo do livro bíblico de Atos dos Apóstolos
Estudo do livro bíblico de Atos dos ApóstolosEstudo do livro bíblico de Atos dos Apóstolos
Estudo do livro bíblico de Atos dos Apóstolos
PIB Penha
 
LIÇÃO 01 - EBD
LIÇÃO 01 - EBDLIÇÃO 01 - EBD
LIÇÃO 01 - EBD
cemaeumadeb
 
O ministério de apóstolo
O ministério de apóstoloO ministério de apóstolo
O ministério de apóstolo
Moisés Sampaio
 
4 Introdução Aos Evangelhos
4 Introdução Aos Evangelhos4 Introdução Aos Evangelhos
4 Introdução Aos Evangelhos
tomdeamor
 
Lição 6 o ministerio de apostolo
Lição 6 o ministerio de apostoloLição 6 o ministerio de apostolo
Lição 6 o ministerio de apostolo
pralucianaevangelista
 
Paulo vida e_obra
Paulo vida e_obraPaulo vida e_obra
Paulo vida e_obra
ricardosantista
 

Semelhante a Panorama do NT - Atos (20)

Os_Evangelhos_Lucas.pdf
Os_Evangelhos_Lucas.pdfOs_Evangelhos_Lucas.pdf
Os_Evangelhos_Lucas.pdf
 
ATOS DOS APSTOLOS ATUALIZADO Reparado.pdf
ATOS DOS APSTOLOS  ATUALIZADO Reparado.pdfATOS DOS APSTOLOS  ATUALIZADO Reparado.pdf
ATOS DOS APSTOLOS ATUALIZADO Reparado.pdf
 
Atos
AtosAtos
Atos
 
Lição 06 - O ministério dos Apóstolos
Lição 06 - O ministério dos ApóstolosLição 06 - O ministério dos Apóstolos
Lição 06 - O ministério dos Apóstolos
 
Lição 06 - O Ministerio dos Apóstolos
Lição 06 - O Ministerio dos ApóstolosLição 06 - O Ministerio dos Apóstolos
Lição 06 - O Ministerio dos Apóstolos
 
Subsidios ao professor
Subsidios ao professorSubsidios ao professor
Subsidios ao professor
 
(26) Os Evangelhos.pdf
(26) Os Evangelhos.pdf(26) Os Evangelhos.pdf
(26) Os Evangelhos.pdf
 
Aula 6 - Lucas
Aula 6 - LucasAula 6 - Lucas
Aula 6 - Lucas
 
O evangelho segundo Lucas - Lição 01
O evangelho segundo Lucas - Lição 01O evangelho segundo Lucas - Lição 01
O evangelho segundo Lucas - Lição 01
 
Estudos os evangelhos
Estudos os evangelhosEstudos os evangelhos
Estudos os evangelhos
 
Conhecendo a igreja primitiva através de atos dos apóstolos
Conhecendo a igreja primitiva através de atos dos apóstolosConhecendo a igreja primitiva através de atos dos apóstolos
Conhecendo a igreja primitiva através de atos dos apóstolos
 
1. Atos do apóstolos
1. Atos do apóstolos1. Atos do apóstolos
1. Atos do apóstolos
 
Atos (moody)
Atos (moody)Atos (moody)
Atos (moody)
 
Aula 10 - Atos dos Apóstolos
Aula 10 - Atos dos ApóstolosAula 10 - Atos dos Apóstolos
Aula 10 - Atos dos Apóstolos
 
Estudo do livro bíblico de Atos dos Apóstolos
Estudo do livro bíblico de Atos dos ApóstolosEstudo do livro bíblico de Atos dos Apóstolos
Estudo do livro bíblico de Atos dos Apóstolos
 
LIÇÃO 01 - EBD
LIÇÃO 01 - EBDLIÇÃO 01 - EBD
LIÇÃO 01 - EBD
 
O ministério de apóstolo
O ministério de apóstoloO ministério de apóstolo
O ministério de apóstolo
 
4 Introdução Aos Evangelhos
4 Introdução Aos Evangelhos4 Introdução Aos Evangelhos
4 Introdução Aos Evangelhos
 
Lição 6 o ministerio de apostolo
Lição 6 o ministerio de apostoloLição 6 o ministerio de apostolo
Lição 6 o ministerio de apostolo
 
Paulo vida e_obra
Paulo vida e_obraPaulo vida e_obra
Paulo vida e_obra
 

Mais de Respirando Deus

Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
Escola Bíblica: Os Puritanos - #06Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
Respirando Deus
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
Respirando Deus
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
Respirando Deus
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
Respirando Deus
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
Respirando Deus
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
Respirando Deus
 
História da Igreja #25
História da Igreja #25História da Igreja #25
História da Igreja #25
Respirando Deus
 
História da Igreja #24
História da Igreja #24História da Igreja #24
História da Igreja #24
Respirando Deus
 
História da Igreja #23
História da Igreja #23História da Igreja #23
História da Igreja #23
Respirando Deus
 
História da Igreja #22
História da Igreja #22História da Igreja #22
História da Igreja #22
Respirando Deus
 
História da Igreja #21
História da Igreja #21História da Igreja #21
História da Igreja #21
Respirando Deus
 
Calendário de Eventos IBLM 2018
Calendário de Eventos IBLM 2018Calendário de Eventos IBLM 2018
Calendário de Eventos IBLM 2018
Respirando Deus
 
História da Igreja #20
História da Igreja #20História da Igreja #20
História da Igreja #20
Respirando Deus
 
História da Igreja #19
História da Igreja #19História da Igreja #19
História da Igreja #19
Respirando Deus
 
História da Igreja #18 - As Cruzadas
História da Igreja #18 - As CruzadasHistória da Igreja #18 - As Cruzadas
História da Igreja #18 - As Cruzadas
Respirando Deus
 
História da Igreja #17
História da Igreja #17História da Igreja #17
História da Igreja #17
Respirando Deus
 
História da Igreja #16
História da Igreja #16História da Igreja #16
História da Igreja #16
Respirando Deus
 
História da Igreja #15
História da Igreja #15História da Igreja #15
História da Igreja #15
Respirando Deus
 
História da Igreja #14
História da Igreja #14História da Igreja #14
História da Igreja #14
Respirando Deus
 
História da Igreja #13
História da Igreja #13História da Igreja #13
História da Igreja #13
Respirando Deus
 

Mais de Respirando Deus (20)

Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
Escola Bíblica: Os Puritanos - #06Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
Escola Bíblica: Os Puritanos - #06
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
Escola Bíblica: Os Puritanos - #05
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
Escola Bíblica: Os Puritanos - #04
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
Escola Bíblica: Os Puritanos - #03
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
Escola Bíblica: Os Puritanos - #02
 
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
Escola Bíblica: Os Puritanos - #01
 
História da Igreja #25
História da Igreja #25História da Igreja #25
História da Igreja #25
 
História da Igreja #24
História da Igreja #24História da Igreja #24
História da Igreja #24
 
História da Igreja #23
História da Igreja #23História da Igreja #23
História da Igreja #23
 
História da Igreja #22
História da Igreja #22História da Igreja #22
História da Igreja #22
 
História da Igreja #21
História da Igreja #21História da Igreja #21
História da Igreja #21
 
Calendário de Eventos IBLM 2018
Calendário de Eventos IBLM 2018Calendário de Eventos IBLM 2018
Calendário de Eventos IBLM 2018
 
História da Igreja #20
História da Igreja #20História da Igreja #20
História da Igreja #20
 
História da Igreja #19
História da Igreja #19História da Igreja #19
História da Igreja #19
 
História da Igreja #18 - As Cruzadas
História da Igreja #18 - As CruzadasHistória da Igreja #18 - As Cruzadas
História da Igreja #18 - As Cruzadas
 
História da Igreja #17
História da Igreja #17História da Igreja #17
História da Igreja #17
 
História da Igreja #16
História da Igreja #16História da Igreja #16
História da Igreja #16
 
História da Igreja #15
História da Igreja #15História da Igreja #15
História da Igreja #15
 
História da Igreja #14
História da Igreja #14História da Igreja #14
História da Igreja #14
 
História da Igreja #13
História da Igreja #13História da Igreja #13
História da Igreja #13
 

Último

Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.pptEncontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
SanturioTacararu
 
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
PIB Penha
 
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
OBrasilParaCristoRad
 
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.pptPALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
FranciscoAudisio2
 
8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.128 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
PIB Penha
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
Especialidade  Arqueologia  Bíblica.pptxEspecialidade  Arqueologia  Bíblica.pptx
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
AlexandreJr7
 
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
OBrasilParaCristoRad
 
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.pptAngelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
mfixa3824
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
Marta Gomes
 
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
EdimarEdigesso
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Ricardo Azevedo
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
DavidBertelli3
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
Nilson Almeida
 
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
PIB Penha
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
Rogério Augusto Ayres de Araujo
 
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
PIB Penha
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 

Último (20)

Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.pptEncontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
 
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
 
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
 
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.pptPALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
 
8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.128 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
Especialidade  Arqueologia  Bíblica.pptxEspecialidade  Arqueologia  Bíblica.pptx
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
 
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
 
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.pptAngelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
 
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
 
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
 
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 

Panorama do NT - Atos

  • 1. Panorama do Antigo Testamento Atos dos Apóstolos Igreja Bíblica Luz do Mundo
  • 3. Livro de caráter histórico, Atos dos Apóstolos é o único no NT que apresenta a história seguinte à ascensão de Jesus Cristo (At 1.11), o segundo de uma obra de dois volumes escrita pelo médico Lucas e endereçada a Teófilo (Lc 1.1-4; At.1.1).
  • 5. Informações Básicas ✣Grupo: Histórico ✣Autor: Lucas ✣Data: 60-70 d.C. ✣Local: (?) ✣Alvo: Judeus e Gentios ✣Versículo-chave: Atos 1.8 ✣Expressão-chave: Espírito Santo
  • 6. Propósito O livro de Atos foi escrito para fornecer a história da igreja primitiva. A ênfase do livro é a importância do dia de Pentecostes e o ser capacitado pelo Espírito para sermos testemunhas eficazes de Jesus Cristo. Atos registra os apóstolos sendo testemunhas de Cristo em Jerusalém, Judeia, Samaria e o mundo ao redor.
  • 7. Propósito O livro esclarece mais sobre o dom do Espírito Santo, o qual capacita, orienta, ensina e serve como nosso Consolador. Ao ler o livro de Atos, somos iluminados e encorajados pelos muitos milagres que estavam sendo realizados naquela época pelos discípulos Pedro, João e Paulo. O livro de Atos enfatiza a importância da obediência à Palavra de Deus e a transformação que ocorre como resultado do conhecimento de Cristo. Há também muitas referências daqueles que rejeitaram a verdade que os discípulos pregavam sobre o Senhor Jesus Cristo.
  • 8. Esboço At 1.1-8.4 O período dos judeus no testemunho da igreja. 7 anos Líder: Pedro Cidade: Jerusalém At 8.5-12.25 O período de transição no testemunho da igreja. 10 anos Líder: Pedro Cidade: Antioquia At 12.1-28.31 O período dos gentios no testemunho da igreja. 16 anos Líder: Paulo Cidade: Roma
  • 10. Principais Personagens ✣Pedro: um dos doze discípulos de Jesus; chamado de “a Rocha” (1.13-12.18; 15.7-14). ✣João: um dos doze discípulos de Jesus; chamado de “o discípulo a quem Jesus amava” (1.13; 3.1-4.31; 8.14-25). ✣Tiago: um dos doze discípulos, o primeiro a morrer por sua fé em Cristo (1.13; 12.1-2). ✣Estêvão: um dos responsáveis pela distribuição de alimentos na igreja primitiva; martirizado por sua fé em Cristo (6.3-8.2; 22.20)
  • 11. Principais Personagens ✣Filipe: um dos responsáveis pela distribuição de alimentos na igreja primitiva; um dos primeiros missionários na Samaria (1.13; 6.5; 8.1-40; 21.8). ✣Paulo: missionário e escritor do Novo Testamento; antes de se converter ao cristianismo, foi perseguidor dos cristãos e chamava-se Saulo (7.58-8.3; 9.1-30; 11.25-30; 12.25-28.30). ✣Barnabé: seu nome significa “filho da consolação”; viajou com Paulo como missionário e depois com João Marcos (4.36; 9.27; 11.22-15.39).
  • 12. Principais Personagens ✣Cornélio: oficial do exército romano; um dos primeiros cristãos gentios (10.1-48). ✣Timóteo: assistente de Paulo; mais tarde se tornou pastor em Éfeso (16.1-20.4). ✣Lídia: vendedora de tecido de púrpura; cristã e anfitriã de Paulo e Silas (16.13-40). ✣Silas: atuou como missionário; envolvido com os ministérios de Paulo, Timóteo e Pedro (15.22-19.1)
  • 13. Principais Personagens ✣Apolo: pregador natural de Alexandria que ministrou em Acaia; instruído por Áquila e Priscila (18.24-19.1). ✣Félix: governador romano da Judeia; manteve Paulo preso durante dois anos (23.24-25.14). ✣Festo: sucedeu Félix como governador; revisou o caso de Paulo com Herodes Agripa II (24.27-26.32). ✣Herodes Agripa II: revisou o caso de Paulo com Festo; reagiu ao evangelho com sarcasmo (25.13-26.32).
  • 14. Principais Personagens ✣Lucas: médico que acompanhou Paulo em suas viagens; autor do livro de Atos (16.10-28.31).
  • 15. 4 O Caráter de Deus Atos dos Apóstolos
  • 16. O Caráter de Deus em Atos ✣Deus é acessível: 14.27 ✣Deus é glorioso: 7.2,55 ✣Deus é bom: 14.17 ✣Deus é justo: 17.31 ✣Deus é o Altíssimo: 7.48 ✣Deus cumpre suas promessas: 1.4; 2.33,39; 7.17; 13.2, 23,32; 26.6-7 ✣Deus é providente: 1.26; 3.17-18; 12.5; 17.26; 27.22,31-32 ✣Deus é sábio: 15.18
  • 18. Estrutura do Livro Atos 1.8: “sereis minhas testemunhas tanto em Jerusalém com em toda a Judeia e Samaria e até aos confins da terra”. Todo o registro de atos é norteado a partir desse versículo, a concretização da tarefa de fazer a mensagem chegar aos confins da terra a partir de Jerusalém, passando por Samaria e Judeia.
  • 19. O Evangelho em Jerusalém Os capítulos 1-7 de Atos apresentam o evangelho sendo expandido dentro dos limites de Jerusalém. Isso começa a mudar quando Estêvão é morto e se torna o primeiro mártir da igreja. Seu nome indica que Estêvão era helenista, judeu que falava o grego como língua materna. A presença de Estêvão aponta os olhares para além dos limites de Jerusalém.
  • 20. O Evangelho na Judeia e Samaria Após a morte de Estêvão, o evangelho é impulsionado para fora de Jerusalém, possivelmente por causa das constantes perseguições, e desencadeia o segundo precioso momento para o cristianismo (cap. 8-12). Samaria é atingida, mas não é o único lugar que vê o evangelho chegar. O homem da Etiópia e Cornélio, em Cesareia, são personagens que evidenciam a chegada do evangelho também para muitos gentios fora de Jerusalém. O evangelho também chega a Antioquia, via Chipre.
  • 21. O Evangelho até aos confins da terra A conversão e o chamado de Saulo de Tarso para o apostolado (9.1-19) desencadeiam o terceiro precioso momento para o cristianismo (cap.13-28). Esse último bloco do livro é a realização da incumbência de Cristo de que Seus discípulos deveriam ser testemunhas até aos confins da terra. Por meio de Paulo, que passou de perseguidor a perseguido pelos que se opunham à mensagem de Cristo, o evangelho se expandiu até os limites de Roma.
  • 26. Aceitação no Cânon O livro de Atos dos Apóstolos era a segunda parte do livro de Lucas, portanto, aceito juntamente com o evangelho segundo Lucas.
  • 28. Contribuições de Atos ✣Lucas tem o propósito de edificar os cristãos narrando como o plano de Deus, tendo se cumprido em Jesus, continuou a se desenrolar na história da igreja primitiva. ✣Lucas nos dá a certeza de que a fé está alicerçada firmemente nos atos de Deus na história e de que a mensagem em que cremos é a mesma mensagem enviada da parte de Deus.
  • 29. 8 Atos na Prática Atos dos Apóstolos
  • 30. Atos na Prática Deus pode fazer coisas incríveis através de pessoas comuns quando Ele os capacita através de seu Espírito. Deus essencialmente pegou um grupo de pescadores e os usou para transformar o mundo de cabeça para baixo (Atos 17.6). Deus tomou um assassino odiador de cristãos e o transformou no maior evangelista cristão, o autor de quase metade dos livros do Novo Testamento. Deus usou perseguição para causar a rápida expansão de uma "nova fé" na história do mundo. Deus pode e faz o mesmo através de nós -- mudando nossos corações, fortalecendo-nos pelo Espírito Santo e dando-nos uma paixão de espalhar as boas novas de salvação através de Cristo.
  • 32. Conclusão Imaginem o quão empobrecida a Bíblia ficaria sem a parte 2 do livro de Lucas-Atos. Não somente é fato que muitas lacunas são preenchidas nesse livro, mas somos constantemente lembrados de que o evangelho é a atividade de Deus no mundo – a salvação para todos por meio de Jesus Cristo e do Espírito Santo.

Notas do Editor

  1. Autor: a tradição de que Lucas, um companheiro de Paulo, foi o autor do terceiro evangelho e de Atos é bastante antiga e não contestada. Cânon Muratoriano ano 190. Data: essa data explica o fim abrupto de Atos, que deixa Paulo esperando ser julgado perante César. Certamente Lucas, pela proximidade com Paulo, descreveria o seu segundo cárcere (2Tm 4.11) e sua morte, se estivesse ocorrido antes dele escrever Atos. Alvo: Teófilo (1.1), provavelmente financiou o esforço literário de Lucas.
  2. Agripa: 26.28
  3. Se a igreja não faz Atos 1.8 Deus faz Atos 8.1
  4. A primeira viagem missionária de Paulo (46-48 dC) foi a mais curta, no tempo e distância, mas foi, no entanto, um avanço muito significativo na história da nova igreja cristã. Estabeleceu Paulo como líder na divulgação da Palavra de Deus. Ele passou a escrever uma grande parte do Novo Testamento que temos hoje 1a Jornada Missionária (Atos 13-14): Ao atender o chamado de Deus para proclamar a Cristo, Paulo e Barnabé deixaram a igreja em Antioquia. De primeira, o seu método de evangelismo era pregar nas sinagogas de cada cidade. Mas quando muitos judeus rejeitaram a Cristo, os missionários reconheceram o chamado de Deus para testemunhar aos gentios. Por causa de seu testemunho tão destemido de Jesus, Saulo o perseguidor se tornou Paulo o perseguido. Aqueles que rejeitaram a sua mensagem de salvação através de Jesus Cristo tentaram pará-lo e machucá-lo. Em uma cidade ele foi apedrejado e quase morto. Mas Deus o poupou. Através de testes, espancamentos e prisões, ele continuou pregando sobre Cristo crucificado. O ministério de Paulo aos gentios trouxe controvérsia sobre quem poderia ser salvo e sobre como ser salvo. Entre sua primeira e segunda viagens missionárias, ele participou de uma conferência em Jerusalém para discutir o caminho da salvação. O consenso final foi que os gentios poderiam receber Jesus sem se submeterem à tradição judaica.
  5. Durou por volta de 3 anos. 2a Jornada Missionária (Atos 15:36-18:22): Depois de outra estadia em Antioquia, devido à construção da igreja de lá, Paulo estava pronto para participar de uma outra viagem missionária. Ele pediu a Barnabé que se juntasse a ele para visitar as igrejas de sua primeira viagem missionária. Um desacordo, no entanto, causou sua separação. Deus transformou esta disputa em algo positivo, pois agora havia duas equipes missionárias. Barnabé foi para Chipre e Paulo foi com Silas para a Ásia Menor. Em Filipos, a equipe missionária foi espancada e presa.Ao chegar em Atenas, Paulo pregou para um público curioso em Areópago. Ele proclamou o único Deus verdadeiro que podia ser conhecido e adorado sem ídolos feitos por mãos humanas. Novamente, alguns desprezaram, enquanto alguns acreditaram. Paulo ensinou aos fiéis em Cristo e estabeleceu igrejas. Durante esta segunda viagem missionária, Paulo fez muitos discípulos de todas as origens: um homem jovem chamado Timóteo, uma empresária chamada Lídia e o casal Áquila e Priscila.
  6. Durou aproximadamente 6 anos 3a Jornada Missionária (Atos 18:23-20:38): Durante a última viagem de Paulo, ele fervorosamente pregou na Ásia Menor. Deus confirmou a sua mensagem com milagres. Atos 20:7-12 fala de Paulo em Trôade pregando um sermão excepcionalmente longo. Um jovem sentado em cima de uma janela adormeceu e caiu da janela. Pensaram que ele estava morto, mas Paulo o reviveu. Testes e dificuldades sempre seguiram Paulo. A perseguição e oposição, na verdade, fortificaram os cristãos verdadeiros e a propagação do Evangelho. a finalidade das viagens missionárias de Paulo: proclamar que a graça de Deus perdoa os pecados através de Cristo. Deus utilizou o ministério de Paulo para levar o Evangelho aos gentios e estabelecer a Igreja. Suas cartas para as igrejas, registradas no Novo Testamento, ainda sustentam a vida e doutrina da igreja.