Planejamento IHA 2011

4.502 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.502
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3.032
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Planejamento IHA 2011

  1. 1. IHA Instituto Municipal Helena Antipoff Planejamento 2011
  2. 2. <ul><li>Secretária Municipal de Educação </li></ul><ul><li>Cláudia Costin </li></ul><ul><li>Direção IHA </li></ul><ul><li>Kátia Nunes </li></ul>
  3. 3. <ul><li>É o Centro de Referência Municipal em Educação Especial no Município do Rio de Janeiro. </li></ul><ul><li>É responsável pela Educação Especial da Rede Municipal da Cidade do Rio de Janeiro. </li></ul>O que é o IHA?
  4. 4. <ul><li>Desde a sua fundação, em 1977, o Instituto Helena Antipoff (IHA) tem se dedicado à educação de crianças e jovens com deficiência, a exemplo do que fez a educadora Helena Antipoff, que no início do século XX organizou a educação especial </li></ul><ul><li>no Brasil. </li></ul>Protagonismo do IHA
  5. 5. <ul><li>O Instituto Municipal Helena Antipoff (IHA), como hoje é conhecido na cidade do Rio, consolidou-se, ao longo dos anos, como Centro de Referência de produção de conhecimentos e metodologias e materiais didático-pedagógicos para o ensino dos alunos com deficiências. </li></ul>Protagonismo do IHA
  6. 6. <ul><li>Contando com 109 profissionais distribuídos em 10 equipes de acompanhamento (uma para cada CRE) e em serviços oferecidos no próprio IHA, no Maracanã, e no CIAD, no Centro da Cidade, executa três diferentes tipos de trabalho. </li></ul>Protagonismo do IHA
  7. 7. <ul><li>O trabalho de estudo e de pesquisa – que acontece na sede, e que orienta e fundamenta os processos criativos de metodologias, bem como de materiais e conhecimento técnico especializado. </li></ul>Protagonismo do IHA
  8. 8. <ul><li>b) O trabalho de apoio e acompanhamento da Educação Especial em cada CRE – Caracterizado por visitas semanais à CRE, nas quais discute-se e orienta-se casos específicos e provê-se formação continuada para os profissionais que apoiarão diretamente as escolas e que trabalham no e em parceria com o IHA. </li></ul>Protagonismo do IHA
  9. 9. <ul><li>c) O trabalho de visitas às escolas – Constituído de apoio à CRE nas visitas às escolas nas quais estão matriculados os alunos da educação especial, para fins de discussão e de acompanhamento de casos. Estas visitas também contam com a atuação dos profissionais de Atendimento Educacional Especializado (AEE). </li></ul>Protagonismo do IHA
  10. 10. <ul><li>O IHA procura estar em consonância com as atuais Diretrizes Nacionais e Internacionais relativas à Educação Especial, as quais configuram-se no paradigma da inclusão. </li></ul><ul><li>Além disso, seguimos as orientações curriculares da rede municipal de educação do Rio de Janeiro. </li></ul>Orientações Curriculares
  11. 11. <ul><li>Diretrizes Internacionais: </li></ul><ul><li>Declaração Universal de Direitos Humanos (1948) </li></ul><ul><li>Declaração Mundial de Educação para Todos (1990) </li></ul><ul><li>Declaração de Salamanca (1994) </li></ul><ul><li>Convenção Internacional dos Direitos das Pessoas com Deficiência (2006) </li></ul><ul><li>Policy Guidelines on Inclusion in Education (2009) </li></ul>Orientações Curriculares
  12. 12. <ul><li>Diretrizes Nacionais: </li></ul><ul><li>Constituição da República Federativa do Brasil (1998) </li></ul><ul><li>Lei de diretrizes e bases da Educação Nacional (nº 9394/1996) </li></ul><ul><li>Diretrizes Nacionais da Educação Especial para a Educação Básica (2001) </li></ul><ul><li>Lei 10435/02, que aprova a LIBRAS (2002) </li></ul>Orientações Curriculares
  13. 13. <ul><li>e) Política Nacional da Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva (2007) </li></ul><ul><li>f) Plano de Desenvolvimento da Educação (2007) </li></ul><ul><li>g) Decreto 6571 sobre Atendimento Educacional Especializado (2008) </li></ul><ul><li>h) Descritores da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro (2009, 2010) </li></ul>Orientações Curriculares
  14. 14. <ul><li>O IHA realizou, ao longo do segundo semestre de 2010, levantamento relativo às principais demandas de trabalho, tendo em vista fundamentar seu planejamento 2011. </li></ul><ul><li>O investimento em Formação Continuada será foco fundamental. </li></ul>Levantamento de demandas
  15. 15. <ul><li>A título de exemplo das formações continuadas que pretendemos realizar ao longo de 2011, apontamos três eixos: </li></ul><ul><li>E n F o Q u E : Encontros de Formação de Qualidade em Educação </li></ul><ul><li>Formato: Estudos temáticos (DV, DI, DF, Surdez, DMu, TGD, AH) </li></ul><ul><li>Público-alvo: Equipes IHA e Professores da Rede </li></ul>Formação Continuada
  16. 16. <ul><li>b) CR E IHA ÇÃO : CRE & IHA em ação </li></ul><ul><li>Formato: Orientação em campo </li></ul><ul><li>Público-alvo: CRE e Escolas </li></ul><ul><li>c) IHA TeVê IHA : Interfaces de Hoje e Amanhã </li></ul><ul><li>Formato: Palestras interativas presenciais e a distância sobre Inclusão </li></ul><ul><li>Público-alvo: Toda a rede </li></ul>Formação Continuada
  17. 17. <ul><li>Planejamento 2011 elaborado em consultoria com a Profª Dra Mônica Pereira dos Santos (UFRJ). </li></ul>Agradecimento à Consultoria
  18. 18. <ul><li>Gabinete: 2234-8709 </li></ul><ul><li>Apoio: 2234-7962 </li></ul><ul><li>Fax: 2234-7962 </li></ul><ul><li>Sala das Equipes: 3234-4473 </li></ul><ul><li>Sala de Leitura: 2234-9914 </li></ul>Telefones IHA

×