O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
Próximos SlideShares
What to Upload to SlideShare
Avançar
Transfira para ler offline e ver em ecrã inteiro.

0

Compartilhar

PADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitos

Baixar para ler offline

PADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitos

Audiolivros relacionados

Gratuito durante 30 dias do Scribd

Ver tudo
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

PADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitos

  1. 1. Prod. de M a t . Di d. 2020.1 – PPGEB Mestrado Profissional em Educação Bilíngue TEXTO 1 - Por uma compreensão do letramento visual e seus suportes: articulando pesquisas sobre letramento, matrizes de linguagem e artefatos surdos Taveira e Rosado (2013) fazem um apelo ao estudo e ao uso do imagético; a busca pela imagem acrescenta outros olhares ao letramento, à leitura, à escrita e à produção literária. Diante disso, investiga-se a questão visual, o letramento visual, a necessidade de se ler a imagem como texto, além de se considerar as pistas visuais de contexto. Após esse esforço discute-se a importância do letramento verbal, no sentido de ler o texto como imagem. Essas práticas pedagógicas visuais circulam e permeiam outras práticas. Foi prioritário estudá-las dada a especificidade e a pertinência que demonstram os professores instrutores surdos ao aplicá-las, o que pode impulsionar mais adequadamente a escolarização de alunos surdos. Referências: Revista Espaço, Rio de Janeiro, nº 39, jan. / jun. 2013, p. 27-42 Autor Foto Livro Citação Lucia Reily é uma pesquisadora no campo de Artes Visuais e da Educação Especial, preocupando-se com a utilização da imagem na ação pedagógica e no ensino de Artes. Lucia Reily REILY, L. Escola inclusiva: Linguagem e mediação. Campinas, SP: Papirus, 2006. Princípio democrático de letramento visual: (...), se a palavra é para todos, a imagem também tem de ser Lucia Santaella possui estudos de semiótica no campo da comunicação tendo como foco o conceito proposto por ela de matrizes de linguagem. Lucia Santaella SANTAELLA, L. Matrizes da linguagem e pensamento: sonora visual verbal: aplicações na hipermídia. São Paulo: Iluminuras: FAPESP, 2005. A multiplicidade de formas de linguagens e os canais em que as linguagens se materializam demonstram combinações e misturas, das três matrizes lógicas de linguagem: verbal, visual e sonora.
  2. 2. Conceito- chave Imagem Conceito Na prática Pensamento O Pensamento é processo, ato de mediação interpretativa. Processo entre nós e os fenômenos da existência e experiência Qualquer coisa que esteja presente à mente: frases verbais, a imagens, diagramas relações de qualquer espécie, reações ou sentimentos. Isso tudo deve ser considerado como pensamento. Signo O signo intenta representar, em parte, pelo menos, um objeto que é, portanto, num certo sentido, a causa do signo. Signo = significante + significado O signo precisa afetar a nossa mente de tal modo que determine, em nossa mente, algo que é provocado, sugerido, pelo objeto. Significante O significante é a forma. É o elemento perceptível do signo e que constitui, de certo modo, uma imagem material da linguagem: a acústica, a palavra- imagem, imagem corporal. Situa-se ao olhar ou ouvir no plano da forma, isto é, a parte material que está diante de nós e esperando ser interpretada com olhos ou ouvidos ou tato. Significado O Significado é aquilo que se desloca, ou seja, o signo que acaba por se traduzir em outro signo. O significado de um signo ou pensamento é outro signo ou pensamento. Ao recorrer à busca de significado de uma palavra ou sinal no dicionário, recorre-se a uma, a outras palavras ou sinais, deslizando em significados para substituir o anterior. Interpretante O interpretante, por sua vez, não é o intérprete do signo, mas o processo relacional que se cria na sua mente intérprete. Produz na nossa mente interpretadora outro signo (uma imagem mental ou palpável, uma ação, uma palavra ou reação gestual, um sentimento).

PADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitos

Vistos

Vistos totais

425

No Slideshare

0

De incorporações

0

Número de incorporações

110

Ações

Baixados

4

Compartilhados

0

Comentários

0

Curtir

0

×