O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
Próximos SlideShares
Introdução à disciplina
Avançar
Transfira para ler offline e ver em ecrã inteiro.

Compartilhar

O professor e as tecnologias

Baixar para ler offline

O professor e as tecnologias

Audiolivros relacionados

Gratuito durante 30 dias do Scribd

Ver tudo

O professor e as tecnologias

  1. 1. O professor e as tecnologias modelos transmissivos versus interativos
  2. 2. Leitura 1 (obrigatória) para próxima aula O texto de Marco Silva parte de um contraste entre a sala de aula tradicional e a sala de aula interativa. O foco do autor está no contraste (opositivo) entre transmissão, associada às aulas tradicionais (presenciais ou online), e interatividade, associada a trocas entre as partes envolvidas. Para Marco Silva, a cibercultura traz um conjunto de práticas comunicacionais que devem ser incorporadas pela educação.
  3. 3. A transposição de modelos emissão-canal-mensagem-recepção Para Marco Silva, na escola tradicional, há uma equivalência ao modelo clássico da comunicação (um-todos) com o professor-emissor e o aluno-receptor. EMISSOR codificação CANAL decodificação RECEPTOR Retroalimentaç ão ou feedback Ruído Ruído Mensagem Mensagem Professor Aluno
  4. 4. A transposição de modelos todos-todos das redes hipertextuais Da mesma forma, para Marco Silva, o hipertexto e suas redes de comunicação aberta (todos-todos) traz uma proposta de renovação dos espaços de ensino: a interatividade. Professor Aluno Professor Aluno Aluno Aluno Aluno
  5. 5. Um-Todos Todos- Todos Modelos de aula a partir de Marco Silva Transmissivo Meios de massa (sala presencial) Passividade do aluno (recipiente) Aprendizagem estática Memorização e repetição (oralidade) Interativo Meios digitais (cibercultura) Participação do aluno (interagente) Aprendizagem construída Colaboração e co-criação http://www.moodle.ufba.br/file.php/11739/bocao.jpg
  6. 6. Modelos de aula a partir de Marco Silva https://az598155.vo.msecnd.net/wp- uploads/2014/07/Digital-Trends.jpg Transmissão
  7. 7. Modelos de aula a partir de Marco Silva http://www.computerconnectionutah.com/wp- content/uploads/2014/06/Woman_using_computer.jpg Interatividade
  8. 8. Modelos de aula a partir de Marco Silva https://explorationdiscoveryandcreation.files.wordpress.com/2015/02/classroom-concept-art.jpg http://ava.planneta.com.br/pluginfile.php/1/theme_essential/slide1image/1441206506/slideshow_ava.jpg InteratividadeTransmissão Professor apresentador Crítica aos pacotes transmitidos e ao modelo oral de 5 mil anos do falar-ditar da sala de aula. Professor arquiteto de percursos Para Silva o modelo digital requer outra forma de educação, sendo que o falar- ditar não caberia no online. X
  9. 9. Modelos de aula a partir de Marco Silva Sala de aula do futuro? Sala imaginada em 1900 http://englishlive.ef.com/blog/wp-content/uploads/sites/2/2016/04/classroom-future1.jpg
  10. 10. Modelos de aula a partir de Marco Silva Sala de aula do futuro?
  11. 11. Modelos de aula a partir de Marco Silva Para Marco Silva há projetos que se vendem como interativos, porém repetem a passividade de um espectador que assiste ao conteúdo sem modifica-lo, sem participar do processo de construção autoral, conservando as característica da sala de aula clássica. https://geeky.io/img/vr-classroom.jpg
  12. 12. Cibercultura como promessa as potencialidades do on-line O digital é visto aqui como um celeiro de oportunidades de relações que as mídias de massa não permitiam. Múltiplas conexões (multimídia e links) Colaboração entre pares (co-criação e autoria) Maleabilidade dos dados digitais (fluidez)
  13. 13. Fundamentos da interatividade os 3 fundamentos segundo Marco Silva (1) Participação- intervenção (2) Bidirecionalidade- hibridação (3) Permutabilidade- potencialidade
  14. 14. Fundamentos da interatividade os 3 fundamentos segundo Marco Silva (1) Participação- intervenção (2) Bidirecionali dade- hibridação (3) Permutabili dade- potencialida de A participação- intervenção Não é apenas escolher entre opções previamente oferecidas, como o sim e o não que a TV oferece. Interferência e modificação nos conteúdos da informação (mensagem).
  15. 15. Fundamentos da interatividade os 3 fundamentos segundo Marco Silva (1) Participação- intervenção (2) Bidirecionali dade- hibridação (3) Permutabili dade- potencialida de A bidirecionalidade- hibridação A comunicação é produção conjunta da emissão-recepção, co-criação com os dois polos codificando e decodificando. O emissor é receptor em potencial e o receptor é emissor em potencial.
  16. 16. Fundamentos da interatividade os 3 fundamentos segundo Marco Silva (1) Participação- intervenção (2) Bidirecionali dade- hibridação (3) Permutabili dade- potencialida de A permutabilidade- potencialidade Comunicação como articulação de múltiplas redes de conexão e trocas, associações e significações. Evitar o fechamento das mensagens, através da confrontação de posições (lidar com as diferenças em ambientes democráticos).
  17. 17. E a educação? A renovação proposta Marco Silva propõe que os professores se adaptem à lógica não-sequencial e de montagem de conexões presentes no hipertexto, deixando o aluno navegar, colaborar e criar. A conectividade, o diálogo e a participação são aqui valorizados, em contraste com a transmissão e emissão de lições do modelo dominante. A resolução de problemas, os trabalhos em equipe e a sistematização de experiências são metodologias propostas, em contraste com a recepção passiva. http://thumbs.dreamstime.com/z/people-online-background- group-connects-social-media-groups-to-interact-55705334.jpg
  18. 18. Interfaces potencialmente interativas aplicações on-line e digitais Para Silva, são nesses espaços/interfaces oferecidos pela internet que a interatividade e seus princípios podem se desenvolver Forum de discussão Lista de discussão Redes sociais Wikis Blogs com comentários Mensageiros instantâneos Bate-papo online Jogos eletrônicos Mapas conceituais
  19. 19. Interfaces potencialmente interativas aplicações on-line e digitais A Wikipédia, uma aplicação do MediaWiki, enciclopédia criada em conjunto por internautas sobre variados assuntos, é citada como exemplo de obra coletiva https://pt.wikipedia.org/wiki/Wikip%C3%A9dia:P%C3%A1gina_principal
  20. 20. Interfaces potencialmente interativas aplicações on-line e digitais Na Wikipédia, uma vez cadastrado na plataforma, qualquer pessoa pode sugerir e adicionar conteúdos aos verbetes, sendo avaliado pelos pares. https://pt.wikipedia.org/wiki/Computador?action=edit&veswitched=1&oldid=44979249
  21. 21. Interfaces potencialmente interativas aplicações on-line e digitais As redes sociais, como o Facebook, e suas comunidades possuem fóruns com trocas permanentes a partir de interesses variados de seus participantes https://www.facebook.com/UniversidadedoEstadodoRiodeJaneiro/?fref=ts
  22. 22. Interfaces potencialmente interativas aplicações on-line e digitais No Facebook, a interação em comunidades e perfis ocorre através de postagens e comentários, assim como reações (curtir, rir, se admirar). https://www.facebook.com/UniversidadedoE stadodoRiodeJaneiro/?fref=ts
  23. 23. Interfaces potencialmente interativas aplicações on-line e digitais Os blogs se tornaram, desde os anos 2000, espaços para a criação de textos e mídia independente, tendo discussões em seus espaços para comentários http://universodahistoria.blogspot.com.br/ https://historiablog.org/
  24. 24. Interfaces potencialmente interativas aplicações on-line e digitais Nas discussões nos blogs as opções são mais restritas que nas redes sociais, porém não menos ricas em conteúdo, com cada postagem sendo um tópico temático de discussão. http://universodahistoria.blogspot.com.br/ https://historiablog.org/
  25. 25. Vamos assistir? Entrevista com Marco Silva Entrevista com Marco Silva no programa Salto para o Futuro, de 2010 Nesta entrevista Marco Silva apresenta o conceito de interatividade e também discute a formação de professores necessária para o uso das potencialidades que o digital trouxe para a educação. Para ele, o que o professor deveria mudar em sua postura para atuar com as mídias digitais? https://www.youtube.com/watch?v=EGf w73ZJl4U 14:13 (Legenda em português feita pelo professor)
  26. 26. Citação sobre interatividade “Parto do seguinte princípio: um produto, uma comunicação, um equipamento, uma obra de arte, são de fato interativos quando estão imbuídos de uma concepção que contemple complexidade, multiplicidade, não- linearidade, bidirecionalidade, potencialidade, permutabilidade (combinatória), imprevisibilidade, etc., permitindo ao usuário-interlocutor- fruidor a liberdade de participação, de intervenção, de criação.” (Silva, M. Sala de Aula Interativa, cap. Fundamentos da interatividade)
  27. 27. Bibliografia complementar alguns livros de Marco Silva
  • elsabbag

    Apr. 5, 2018

O professor e as tecnologias

Vistos

Vistos totais

3.272

No Slideshare

0

De incorporações

0

Número de incorporações

1.831

Ações

Baixados

32

Compartilhados

0

Comentários

0

Curtir

1

×