SlideShare uma empresa Scribd logo
“Alfabetização Científica”
e
Pré-Iniciação Científica”
Orientação
Técnica
Vídeo...
A Química
na Sua Vida
Disponível em : https://www.youtube.com/watch?v=MQFc3VzDGo4. Acesso: 1
jul. 2014
Dinâmica...
A Caixa de
Pandora
 O docente deverá retirar um
objeto/material;
 Apresentá-lo aos demais;
 Apontar aspectos Científicos,
Tecnológicos, Sociais e Ambientais
(CTSA) que envolvem o
objeto/material.
O conhecimento é “Disciplinar”?
Objeto/Material:
Ciência Tecnologia Sociedade Ambiente
O que é Alfabetização Científica?
Você é alfabetizado?
Leia o texto a seguir...
Навука — сістэма аб'ектыўных, абгрунтаваных ведаў аб рэчаіснасці; сфера чалавечай дзейнасці,
накіраваная на выпрацоўку і тэарэтычную сістэматызацыю аб'ектыўных ведаў аб рэчаіснасці. Класічная
навука старажытнасці была цесна звязана з філасофіяй. Пачынаючы з XVII стагоддзя натурфіласофія,
якую сёння называюць натуральнай навукай, разглядаецца як асобная ад філасофіі галіна. Тым не
менш, слова «навука» працягвае выкарыстоўвацца ў шырокім сэнсе, які абазначае пэўнае веданне аб
тэме, гэтак жа яна да гэтага часу выкарыстоўваецца ў сучасных умовах.
У вузкім сэнсе слова «навука» ўжывалася такімі вучонымі, як Іаган Кеплер, Галілеа Галілей і Ісак Ньютан,
калі яны пачалі вывучаць законы прыроды. У гэты перыяд паняцце з большага адносілася да
натуральнай філасофіі, т. зв. натуральных навук. На працягу XIX стагоддзя, слова «навука» стала ўсё
больш звязвацца з навуковым метадам, дысцыплінаваным падыходам да вывучэння прыроднага свету, у
тым ліку фізікі, хіміі, геалогіі і біялогіі.
Навуковыя дысцыпліны, якія ў сукупнасці ўтвараюць сістэму навукі цалкам, умоўна падзяляюцца на 3
вялікія групы (падсістэмы):
•Навукі аб прыродзе або прыродазнаўчыя навукі
•Навукі аб грамадстве або грамадскія (гуманітарныя) навукі
•Навукі аб мысленні і пазнанні
•Прыкладныя навукі, накіраваныя на распрацоўку і стварэнне тэхнічных сродкаў, або тэхнічныя навукі
Унутры раздзелаў няспынна ідуць працэсы далейшай дыферэнцыяцыі (падзялення, удакладнення і
здрабнення) і інтэграцыі (аб'яднання або спалучэння) навуковых дысцыплін. Такім чынам, існуючыя
навуковыя дысцыпліны знікаюць або змяняюцца, з'яўляюцца новыя навуковыя дысцыпліны.
У залежнасці ад мэтавай скіраванасці, адносін да практыкі
адрозніваюць фундаментальныя і прыкладныя навукі.
O nosso aluno saberia...
• Por que o leite derrama quando ferve e a água não?
• Qual é a diferença entre o açúcar refinado e o mascavo?
• A água ferve mais rápido na panela fechada ou aberta?
Exemplificando
O que é Ciência?
Quando ela
surgiu?
"De-me uma alavanca e um ponto de apoio e eu
moverei o mundo".
Arquimedes
Ciência Antiga x Ciência Moderna/Contemporânea
“Se consegui ver mais longe é porque estava
aos ombros de gigantes”.
Sir Isaac Newton
A ciência influência o pensamento/comportamento social?
"Descobri um novo mundo ao
ver que é o sol e não o homem,
o centro do universo.“
Galileu Galilei
Lentes
(Aparato Tecnológico)
Galileoscópio
(Aparato Tecnologia)
Heliocentrismo
(Astronomia – Ciência)
Guerra
(Tecnologia)
Exploração na Bolsa
(Mercadores de Veneza)
Ciência é...Neutra! ...Asséptica! ...Apolítica!
“Concentre-se em CONHECER, e não em ACREDITAR.”
Albert Einstein
Alfabetização Científica ( Enculturação
Científica )
...como um processo necessário na formação dos
cidadãos. De maneira geral é um movimento que
considera a necessidade de todos possuírem um
mínimo de conhecimentos científicos para
exercerem seus direitos na sociedade moderna.
(Revista Química Nova na Escola)
Transgênico
Devo Consumir?
Células Tronco
A favor ou Contra?
Questões Étnicos-Raciais
 Alfabetizamos cientificamente nossos alunos
quando propomos uma nova concepção de ensino
das ciências que se consolida com a introdução,
em sala de aula, de múltiplas práticas e onde o
debate e as argumentações têm um papel
importante no desenvolvimento do aprendiz.
Quando acontece a Enculturação
Científica?
Importância das Atividades Práticas e
Experimentais
Despertar o interesse pelas ciências, e a motivação para o estudo;
Aprimorar a capacidade de observação e registro de informações;
Aprender a analisar dados e propor hipóteses;
Aprender conceitos científicos;
Detectar erros conceituais;
Compreender a natureza da ciência e o papel do cientista em uma
investigação;
Estabelecer relação entre ciência, tecnologia, sociedade e ambiente;
Aprimorar habilidades manipulativas;
Desenvolver a capacidade de trabalhar em grupos;
Desenvolver iniciativa pessoal e tomada de decisão para resolver problemas;
Estimular a criatividade.
Classificação das atividades
práticas/experimentais
Demonstrações Práticas;
Experimentação de Descoberta Guiada;
Experimentos Investigativos ou Projetos.
Demonstrações Práticas / Experimentação de
Descoberta Guiada
Experimentos Investigativos ou Projetos
Ser uma ponte entre a realidade e uma teoria abstrata. Desenvolver a autonomia dos alunos.
Possibilitar o contato com materiais , fatos ou
fenômenos que os alunos teriam dificuldade em
conhecer de outra forma
Promover a aprendizagem significativa pela mudança não só
conceitual, mas também metodológica e atitudinal.
Possibilitar a visão de ciências como uma interpretação do
mundo, e não como um conjunto de respostas prontas e
definidas.
Desenvolver amplamente habilidades e capacidades
relacionadas à aprendizagem.
Alfabetização Científica,
Questões CTSA e a
Avaliação
Analisando
Itens do
Simulado
 Em grupos...
 Análise a questão e indique:
 Conteúdo/Tema
 Habilidade
 Nível de proficiência
 Quais hipóteses podemos propor para
justificar o grande percentual de erros
nessas questões?
Continua...
Continuando...
 Verificar a possibilidade de uma abordagem Experimental
/Virtual (simuladores) para resolução da questão;
 O grupo apresentará a questão para os demais e abordagem
sugerida;
 Existem outras possibilidades?
Questão 1 Apresentação
e Discussão
Questão 2
Apresentação
e Discussão
Questão 3
Apresentação
e Discussão
Pré-Iniciação Científica
Como elaborar um Projeto
O QUE CONSIDERAR EM UM PROJETO DE PRÉ-INICIAÇÃO CIENTÍFICA
projeto
Competências e
Habilidades
Conhecimentos
novos
Métodos da
pesquisa
científica
Desenvolviment
o pessoal
projeto Competências e
Habilidades
Métodos da
pesquisa
científica
• Obter dados
• Transformar os dados (gráficos,
tabelas, quadros, fórmulas matem.)
• fazer inferências (apoiado nos dados)
• estabelecer relações causais
• estabelecer limites (de validade dos
dados, de generalizações)
• controlar variáveis
• comunicar os resultados
• Ler com compreensão
• comunicar ideias, informações
• buscar informações em fontes
• ordenar, classificar, elaborar critérios
para tal
• comparar, prever (baseado em dados e
informações)
• explicar, sintetizar, julgar (baseado em
conhecimentos)
• elaborar argumentos
• Trabalhar em grupo (respeitar, ouvir,
manifestar-se)
Como Iniciar um Projeto de Pré-Iniciação Científica?
-Definir Grupos (9º Ano e E.M. – 18 Anos)
-Professor Orientador
-Clube Juvenil/Eletiva
- Extra Escola
-Definir um tema gerador
-Diário Bordo
-Outros Registros – Fotos e Filmagem
Definição de um contexto...
No Brasil são produzidas, diariamente, cerca de
250 mil toneladas de lixo.
Apenas 2% é
reciclado
http://www.suapesquisa.com/ecologiasaude/lixo.htm
http://toma-mais-uma.blogspot.com.br/2014/08/o-lixo-e-o-lixo-moral.html
Diante desse contexto:
Situação Problema
O que seria pertinente investigar?
Quais questões poderiam ser formuladas?
Situação Problema
 Nível cognitivo dos alunos;
 Adequação à faixa etária;
 Possíveis problemas verificados na escola, na comunidade, nas
residências etc;
 Recursos materiais;
 Tempo;
 Interesse dos alunos;
 Orientação e supervisão do professor.
Questão Problema
Possibilidades:
• Quais concepções pessoas de uma comunidade local apresentam sobre
“reciclagem de lixo”? Que conhecimentos possuem sobre materiais recicláveis?
• Como varia a composição do lixo gerado por residências do entorno da escola?
• Qual é a relação entre o grau de escolaridade e as diferentes formas de tratar o
lixo?
• Quais são as práticas de Redução e Reutilização do lixo doméstico adotadas pela
comunidade escolar (alunos, famílias, ...)?
• Quais são os conhecimentos que a comunidade escolar (os alunos, as famílias, ...)
apresenta sobre o papel da Redução e Reutilização do lixo doméstico no
enfrentamento do problema de geração de resíduos e como realizam tais práticas?
Objetivos do Projeto
 Investigar os conhecimentos da comunidade escolar sobre questões
ambientais, especificamente a produção e destino dos resíduos
domésticos (lixo).
 Conhecer práticas de redução e reutilização desses resíduos
desenvolvidas pela comunidade escolar.
 Desenvolver habilidades relacionadas a investigação científica.
 Aprender aspectos científicos e tecnológicos ligados ao tratamento do
lixo.
 Refletir sobre suas próprias práticas e concepções.
Hipóteses
Que hipóteses os alunos fariam?
Vários alunos = várias hipóteses
Como você mediaria esse momento da investigação?
As pessoas reconhecem a importância da redução e reutilização
do lixo, mas suas práticas não condizem com seus
conhecimentos.
Metodologia - O Como Fazer?
 Pesquisa de Campo (público-alvo, definir questões, obtenção de dados)
 Atividades Experimentais (obtenção de dados)
 Revisão Bibliográfica (obtenção dados e informações)
RESULTADOS - TRATAMENTO DOS DADOS
Qualitativo, Quantitativo, Critérios de análise pré-estabelecidos ou a posteriori,
construção de Tabelas, Gráficos, Porcentagem.
CONCLUSÃO/PROTÓTIPO e/ou PRODUTO
COLETA DE
DADOS
Pessoas Documentos
Materiais, Processos
ou Equipamentos
Outros
Entrevistas
Questionários
Análise de
conteúdo
Experimentos
Referências Bibliográficas
• Usar fontes confiáveis: livros, revistas científicas, sites de
universidades e de órgãos do governo. Nunca: blogs, yahoo
respostas, wikipedia...
• Registrar as fontes consultadas;
• Saber o que já foi pesquisado sobre o assunto;
• Vale a pena “reinventar a roda”? (às vezes vale!);
• Saber o que sua pesquisa pode propor de novo;
Comunicação dos dados
 RELATÓRIO DA PESQUISA
Introdução – panorama da situação, questões de investigação,
justificativa, objetivos e hipóteses.
Fundamentação teórica - conceitos e ideias admitidos nesta
investigação.
Revisão Bibliográfica – o que já se conhece sobre o assunto, outros
trabalhos sobre o tema em questão.
Métodos da pesquisa – público alvo, instrumentos de coleta de dados,
como as análises foram realizadas.
Resultados – dados, tabelas, gráficos, análises.
Conclusões , recomendações e considerações finais
Referências Bibliográficas
Comunicação dos dados
 PAINEL (Banner)
Introdução – breve colocação do problema, panorama da situação,
questões de investigação
Objetivos
Fundamentação teórica - breve apresentação de conceitos e ideias
admitidos nesta investigação
Métodos da pesquisa – publico alvo, instrumentos de coleta de dados,
como as análises foram realizadas
Resultados – dados, tabelas, gráficos, análises
Conclusões , recomendações e considerações finais
Referências Bibliográficas
Vídeo...
Feira
de Ciências
Disponível em : http://www.youtube.com/watch?v=Ai3Ut8RYzQQ. Acesso: 27
jan. 2015
Atividade
Em grupo, desenvolver um projeto que contemple os seguintes aspectos:
 Contexto
 Situação-problema
 Questão de pesquisa
 Conhecimentos a serem adquiridos pelos alunos
 Hipóteses
 Metodologia: público-alvo e instrumentos de coleta de dados
Preparar uma apresentação de 8 a 12 slides para ser feita em 10 minutos.
Sugestões de Temas: agricultura, energia alternativa (elétrica e térmica),
transporte público, poluição ambiental, alimentação, esportes, água, beleza e
saúde, fármacos, robótica, construção civil.
stembrasil.org/cav
Plataforma de Integração e Formação dos Docentes de Ciências da
Natureza das Escolas de Ensino Integral
STEM BRASIL
 Integração dos Docentes de Ensino Integral;
 Compartilhamento de Vídeos e Links;
 Socialização das atividades práticas e experimentais desenvolvidas nas Unidades Escolares.
Os docentes que não possuem cadastro podem se cadastrar
Acesse o Site: http://stembrasil.org/cav/;
Clique no canto esquerdo em “Registre-se”;
Confirme no link enviado para o e-mail;
Aguarde a liberação do acesso pelo administrador.
Finalizando....
 Avaliar a orientação.
 Dúvidas entrar em contato com os PCNPs
 Viviane Serafim
 André Rufino
 Glauber Aragon
Acessem ...
BLOG CNT – www.ciefisbio.blogspot.com.br
Obrigado!!!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Projeto de pesquisa exemplo
Projeto de pesquisa   exemploProjeto de pesquisa   exemplo
Projeto de pesquisa exemplo
Felipe Pereira
 
Os Tipos de Conhecimento
Os Tipos de ConhecimentoOs Tipos de Conhecimento
Os Tipos de Conhecimento
Jonathan Nascyn
 
O que é ciência
O que é ciênciaO que é ciência
O que é ciência
Italo Colares
 
Metodologia científica
Metodologia científicaMetodologia científica
Metodologia científica
Adilson P Motta Motta
 
O Conhecimento científico e a Ciências da Natureza.pptx
O Conhecimento científico e a Ciências da Natureza.pptxO Conhecimento científico e a Ciências da Natureza.pptx
O Conhecimento científico e a Ciências da Natureza.pptx
CristianaLealSabel
 
Pesquisa Bibliografica
Pesquisa BibliograficaPesquisa Bibliografica
Pesquisa Bibliografica
Leticia Strehl
 
Introdução à Metodologia
Introdução à MetodologiaIntrodução à Metodologia
Introdução à Metodologia
Universidade Federal do Oeste Pará
 
Epistemologia introdução
Epistemologia   introduçãoEpistemologia   introdução
Epistemologia introdução
João Paulo Rodrigues
 
Ficha de avaliação de seminário
Ficha de avaliação de seminárioFicha de avaliação de seminário
Ficha de avaliação de seminário
Roberto Rorras Moura
 
1 método científico - power point
1  método científico - power point1  método científico - power point
1 método científico - power point
margaridabt
 
Conhecimento filosófico
Conhecimento filosóficoConhecimento filosófico
Conhecimento filosófico
Sandro Lôbo
 
Ciência - conceitos iniciais
Ciência - conceitos iniciaisCiência - conceitos iniciais
Ciência - conceitos iniciais
Simão Pedro Marinho
 
Ensino de ciências: tendências e inovações com o uso de TIC
Ensino de ciências: tendências e inovações com o uso de TICEnsino de ciências: tendências e inovações com o uso de TIC
Ensino de ciências: tendências e inovações com o uso de TIC
Angelo Branco
 
As três principais concepções de ciência
As três principais concepções de ciênciaAs três principais concepções de ciência
As três principais concepções de ciência
Elisabeth Silva Epifânio
 
Apresentação metodologia da pesquisa
Apresentação   metodologia da pesquisaApresentação   metodologia da pesquisa
Apresentação metodologia da pesquisa
Faculdade Metropolitanas Unidas - FMU
 
Conhecimento cientifico
Conhecimento cientificoConhecimento cientifico
Conhecimento cientifico
Lucila Pesce
 
O que é Filosofia?
O que é Filosofia?O que é Filosofia?
O que é Filosofia?
Claudio Henrique Ramos Sales
 
Metodologia cientifica
Metodologia cientificaMetodologia cientifica
Metodologia cientifica
Felipe Mago
 
Fundamentos e Metodologia de Ciencias
Fundamentos e Metodologia de CienciasFundamentos e Metodologia de Ciencias
Fundamentos e Metodologia de Ciencias
JAVE DE OLIVEIRA SILVA
 
metodologia científica da pesquisa
 metodologia científica da pesquisa metodologia científica da pesquisa
metodologia científica da pesquisa
Faculdade Metropolitanas Unidas - FMU
 

Mais procurados (20)

Projeto de pesquisa exemplo
Projeto de pesquisa   exemploProjeto de pesquisa   exemplo
Projeto de pesquisa exemplo
 
Os Tipos de Conhecimento
Os Tipos de ConhecimentoOs Tipos de Conhecimento
Os Tipos de Conhecimento
 
O que é ciência
O que é ciênciaO que é ciência
O que é ciência
 
Metodologia científica
Metodologia científicaMetodologia científica
Metodologia científica
 
O Conhecimento científico e a Ciências da Natureza.pptx
O Conhecimento científico e a Ciências da Natureza.pptxO Conhecimento científico e a Ciências da Natureza.pptx
O Conhecimento científico e a Ciências da Natureza.pptx
 
Pesquisa Bibliografica
Pesquisa BibliograficaPesquisa Bibliografica
Pesquisa Bibliografica
 
Introdução à Metodologia
Introdução à MetodologiaIntrodução à Metodologia
Introdução à Metodologia
 
Epistemologia introdução
Epistemologia   introduçãoEpistemologia   introdução
Epistemologia introdução
 
Ficha de avaliação de seminário
Ficha de avaliação de seminárioFicha de avaliação de seminário
Ficha de avaliação de seminário
 
1 método científico - power point
1  método científico - power point1  método científico - power point
1 método científico - power point
 
Conhecimento filosófico
Conhecimento filosóficoConhecimento filosófico
Conhecimento filosófico
 
Ciência - conceitos iniciais
Ciência - conceitos iniciaisCiência - conceitos iniciais
Ciência - conceitos iniciais
 
Ensino de ciências: tendências e inovações com o uso de TIC
Ensino de ciências: tendências e inovações com o uso de TICEnsino de ciências: tendências e inovações com o uso de TIC
Ensino de ciências: tendências e inovações com o uso de TIC
 
As três principais concepções de ciência
As três principais concepções de ciênciaAs três principais concepções de ciência
As três principais concepções de ciência
 
Apresentação metodologia da pesquisa
Apresentação   metodologia da pesquisaApresentação   metodologia da pesquisa
Apresentação metodologia da pesquisa
 
Conhecimento cientifico
Conhecimento cientificoConhecimento cientifico
Conhecimento cientifico
 
O que é Filosofia?
O que é Filosofia?O que é Filosofia?
O que é Filosofia?
 
Metodologia cientifica
Metodologia cientificaMetodologia cientifica
Metodologia cientifica
 
Fundamentos e Metodologia de Ciencias
Fundamentos e Metodologia de CienciasFundamentos e Metodologia de Ciencias
Fundamentos e Metodologia de Ciencias
 
metodologia científica da pesquisa
 metodologia científica da pesquisa metodologia científica da pesquisa
metodologia científica da pesquisa
 

Destaque

Iniciação Científica
Iniciação CientíficaIniciação Científica
Iniciação Científica
Ellen Aguiar
 
Apresentação iniciação científica
Apresentação   iniciação científicaApresentação   iniciação científica
Apresentação iniciação científica
Gerdian Teixeira
 
Trabalhos de Iniciação Científica
Trabalhos de Iniciação CientíficaTrabalhos de Iniciação Científica
Trabalhos de Iniciação Científica
Welington Vicente Braga
 
Projeto De Iniciação Cientifica
Projeto De Iniciação CientificaProjeto De Iniciação Cientifica
Projeto De Iniciação Cientifica
Nanddo Kordheiro
 
Alfabetização cientifica e sequencia didática no ensino de ciências - 2012
Alfabetização cientifica e sequencia didática no ensino de ciências - 2012Alfabetização cientifica e sequencia didática no ensino de ciências - 2012
Alfabetização cientifica e sequencia didática no ensino de ciências - 2012
Fernanda Rezende Pedroza
 
Projeto de iniciação científica modelo
Projeto de iniciação científica   modeloProjeto de iniciação científica   modelo
Projeto de iniciação científica modelo
Carlos Elson Cunha
 
A alfabetização científica da teoria a prática no ensino de ciências naturais
A alfabetização científica da teoria a prática no ensino de ciências naturaisA alfabetização científica da teoria a prática no ensino de ciências naturais
A alfabetização científica da teoria a prática no ensino de ciências naturais
Luciana Corrêa
 
Mesa redonda ENEQ 2008 - Chassot
Mesa redonda ENEQ 2008 - ChassotMesa redonda ENEQ 2008 - Chassot
Mesa redonda ENEQ 2008 - Chassot
Alcione Torres
 
Pesquisa e desenvolvimento em roraima
Pesquisa e desenvolvimento em roraimaPesquisa e desenvolvimento em roraima
Pesquisa e desenvolvimento em roraima
Bruno Muniz de Brito
 
Iniciação Científica - PUC/SP
Iniciação Científica - PUC/SPIniciação Científica - PUC/SP
Iniciação Científica - PUC/SP
Bruna Moreira
 
Como elaborar-um-projeto-de-pesquisa-de-iniciação-científica
Como elaborar-um-projeto-de-pesquisa-de-iniciação-científicaComo elaborar-um-projeto-de-pesquisa-de-iniciação-científica
Como elaborar-um-projeto-de-pesquisa-de-iniciação-científica
roupanova
 
Iniciação Científica: vantagens e princípios da pesquisa acadêmica
Iniciação Científica: vantagens e princípios da pesquisa acadêmicaIniciação Científica: vantagens e princípios da pesquisa acadêmica
Iniciação Científica: vantagens e princípios da pesquisa acadêmica
J. Estel Santiago Carvalho Sequeira
 
Alfabetização cientifica slide2
Alfabetização cientifica slide2Alfabetização cientifica slide2
Alfabetização cientifica slide2
Andreus Cruz
 
Como Publicar Um Artigo Numa Revista Cientifica
Como Publicar Um Artigo Numa Revista CientificaComo Publicar Um Artigo Numa Revista Cientifica
Como Publicar Um Artigo Numa Revista Cientifica
Carlos Lopes
 
Publicação de artigos científicos em revistas indexadas
Publicação de artigos científicos em revistas indexadasPublicação de artigos científicos em revistas indexadas
Publicação de artigos científicos em revistas indexadas
Angela Pereira de Farias
 
Ensino médio inovador
Ensino médio inovadorEnsino médio inovador
Ensino médio inovador
firminizia
 
O que é Periódico Indexado e como identificar nas principais bases de dados?
O que é Periódico Indexado e como identificar nas principais bases de dados?O que é Periódico Indexado e como identificar nas principais bases de dados?
O que é Periódico Indexado e como identificar nas principais bases de dados?
Universidade de São Paulo
 
Plano de aula uso das mídias pdf
Plano de aula   uso das mídias pdfPlano de aula   uso das mídias pdf
Plano de aula uso das mídias pdf
André Moraes
 
PLANO DE AÇÃO PROEMI/JF
PLANO DE AÇÃO PROEMI/JFPLANO DE AÇÃO PROEMI/JF
PLANO DE AÇÃO PROEMI/JF
EEM GOV. ADAUTO BEZERRA
 
Ciências no Ciclo de Alfabetização - Caderno 8, PactoPnaic
Ciências no Ciclo de Alfabetização - Caderno 8, PactoPnaicCiências no Ciclo de Alfabetização - Caderno 8, PactoPnaic
Ciências no Ciclo de Alfabetização - Caderno 8, PactoPnaic
Denise Oliveira
 

Destaque (20)

Iniciação Científica
Iniciação CientíficaIniciação Científica
Iniciação Científica
 
Apresentação iniciação científica
Apresentação   iniciação científicaApresentação   iniciação científica
Apresentação iniciação científica
 
Trabalhos de Iniciação Científica
Trabalhos de Iniciação CientíficaTrabalhos de Iniciação Científica
Trabalhos de Iniciação Científica
 
Projeto De Iniciação Cientifica
Projeto De Iniciação CientificaProjeto De Iniciação Cientifica
Projeto De Iniciação Cientifica
 
Alfabetização cientifica e sequencia didática no ensino de ciências - 2012
Alfabetização cientifica e sequencia didática no ensino de ciências - 2012Alfabetização cientifica e sequencia didática no ensino de ciências - 2012
Alfabetização cientifica e sequencia didática no ensino de ciências - 2012
 
Projeto de iniciação científica modelo
Projeto de iniciação científica   modeloProjeto de iniciação científica   modelo
Projeto de iniciação científica modelo
 
A alfabetização científica da teoria a prática no ensino de ciências naturais
A alfabetização científica da teoria a prática no ensino de ciências naturaisA alfabetização científica da teoria a prática no ensino de ciências naturais
A alfabetização científica da teoria a prática no ensino de ciências naturais
 
Mesa redonda ENEQ 2008 - Chassot
Mesa redonda ENEQ 2008 - ChassotMesa redonda ENEQ 2008 - Chassot
Mesa redonda ENEQ 2008 - Chassot
 
Pesquisa e desenvolvimento em roraima
Pesquisa e desenvolvimento em roraimaPesquisa e desenvolvimento em roraima
Pesquisa e desenvolvimento em roraima
 
Iniciação Científica - PUC/SP
Iniciação Científica - PUC/SPIniciação Científica - PUC/SP
Iniciação Científica - PUC/SP
 
Como elaborar-um-projeto-de-pesquisa-de-iniciação-científica
Como elaborar-um-projeto-de-pesquisa-de-iniciação-científicaComo elaborar-um-projeto-de-pesquisa-de-iniciação-científica
Como elaborar-um-projeto-de-pesquisa-de-iniciação-científica
 
Iniciação Científica: vantagens e princípios da pesquisa acadêmica
Iniciação Científica: vantagens e princípios da pesquisa acadêmicaIniciação Científica: vantagens e princípios da pesquisa acadêmica
Iniciação Científica: vantagens e princípios da pesquisa acadêmica
 
Alfabetização cientifica slide2
Alfabetização cientifica slide2Alfabetização cientifica slide2
Alfabetização cientifica slide2
 
Como Publicar Um Artigo Numa Revista Cientifica
Como Publicar Um Artigo Numa Revista CientificaComo Publicar Um Artigo Numa Revista Cientifica
Como Publicar Um Artigo Numa Revista Cientifica
 
Publicação de artigos científicos em revistas indexadas
Publicação de artigos científicos em revistas indexadasPublicação de artigos científicos em revistas indexadas
Publicação de artigos científicos em revistas indexadas
 
Ensino médio inovador
Ensino médio inovadorEnsino médio inovador
Ensino médio inovador
 
O que é Periódico Indexado e como identificar nas principais bases de dados?
O que é Periódico Indexado e como identificar nas principais bases de dados?O que é Periódico Indexado e como identificar nas principais bases de dados?
O que é Periódico Indexado e como identificar nas principais bases de dados?
 
Plano de aula uso das mídias pdf
Plano de aula   uso das mídias pdfPlano de aula   uso das mídias pdf
Plano de aula uso das mídias pdf
 
PLANO DE AÇÃO PROEMI/JF
PLANO DE AÇÃO PROEMI/JFPLANO DE AÇÃO PROEMI/JF
PLANO DE AÇÃO PROEMI/JF
 
Ciências no Ciclo de Alfabetização - Caderno 8, PactoPnaic
Ciências no Ciclo de Alfabetização - Caderno 8, PactoPnaicCiências no Ciclo de Alfabetização - Caderno 8, PactoPnaic
Ciências no Ciclo de Alfabetização - Caderno 8, PactoPnaic
 

Semelhante a Pré-iniciação Científica - CTSA - Alfabetização Científica

1ª Mostra Ciências da Natureza e Geografia
1ª Mostra Ciências da Natureza e Geografia1ª Mostra Ciências da Natureza e Geografia
1ª Mostra Ciências da Natureza e Geografia
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Aula 1 - ciência.. construção de conhecimento
Aula 1  - ciência.. construção de conhecimentoAula 1  - ciência.. construção de conhecimento
Aula 1 - ciência.. construção de conhecimento
aula123456
 
Pnaic caderno 8
Pnaic caderno 8Pnaic caderno 8
Pnaic caderno 8
Daniela Menezes
 
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptxMetodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
Sinara Duarte
 
Método em Pesquisa e Redação Científica - Aula1 e 2
Método em Pesquisa e Redação Científica - Aula1 e 2Método em Pesquisa e Redação Científica - Aula1 e 2
Método em Pesquisa e Redação Científica - Aula1 e 2
Débora Santos
 
Cientistas dialogam com a escola básica
Cientistas dialogam com a escola básicaCientistas dialogam com a escola básica
Cientistas dialogam com a escola básica
Instituto de Física da USP
 
aula 2 04 de outubro 2022.ppt
aula 2 04 de outubro 2022.pptaula 2 04 de outubro 2022.ppt
aula 2 04 de outubro 2022.ppt
Zoraide6
 
Ciência e senso comum: concepções e abordagens
Ciência e senso comum: concepções e abordagensCiência e senso comum: concepções e abordagens
Ciência e senso comum: concepções e abordagens
10ª Coordenadoria Regional de Educação -10ª CRE
 
Aula 3 Pesquisa tecnológica:solucionando problemas
Aula 3 Pesquisa tecnológica:solucionando problemasAula 3 Pesquisa tecnológica:solucionando problemas
Aula 3 Pesquisa tecnológica:solucionando problemas
MariaJosLima20
 
Considerações importantes sobre ensinar e aprender ciências
Considerações importantes sobre ensinar e aprender ciênciasConsiderações importantes sobre ensinar e aprender ciências
Considerações importantes sobre ensinar e aprender ciências
Mirtes Campos
 
Capacitação de Ciências 2013 - 2º Parte
Capacitação de Ciências 2013 - 2º ParteCapacitação de Ciências 2013 - 2º Parte
Capacitação de Ciências 2013 - 2º Parte
anjalylopes
 
1 metodostec- aula-01-- o conhecimento científico
1 metodostec- aula-01-- o conhecimento científico1 metodostec- aula-01-- o conhecimento científico
1 metodostec- aula-01-- o conhecimento científico
Maria Luiza Morais
 
oensinodecinciasesuasmetodolgias-140323143039-phpapp02.pptx
oensinodecinciasesuasmetodolgias-140323143039-phpapp02.pptxoensinodecinciasesuasmetodolgias-140323143039-phpapp02.pptx
oensinodecinciasesuasmetodolgias-140323143039-phpapp02.pptx
ZoraideVieiraCruz
 
Processo cientifico
Processo cientificoProcesso cientifico
Processo cientifico
Alfonso Gómez Paiva
 
Apresentação ensino experimental
Apresentação ensino experimentalApresentação ensino experimental
Apresentação ensino experimental
João Sousa
 
Aulas ensino médio
Aulas   ensino médio Aulas   ensino médio
Aulas ensino médio
Belamar Anziliero
 
Metolodogia daniela cartoni - slides - parte 04 - epistemologia
Metolodogia   daniela cartoni - slides - parte 04 - epistemologiaMetolodogia   daniela cartoni - slides - parte 04 - epistemologia
Metolodogia daniela cartoni - slides - parte 04 - epistemologia
Daniela Cartoni
 
Ateliê de pesquisa i slides
Ateliê de pesquisa i slidesAteliê de pesquisa i slides
Ateliê de pesquisa i slides
gadelhabrito
 
Aula 3 - Material didático MC Prof Edson 2022-1.pdf
Aula 3 - Material didático MC Prof Edson 2022-1.pdfAula 3 - Material didático MC Prof Edson 2022-1.pdf
Aula 3 - Material didático MC Prof Edson 2022-1.pdf
ssuser21be50
 
Projeto de eletiva jovem cientista.docx
Projeto de eletiva jovem cientista.docxProjeto de eletiva jovem cientista.docx
Projeto de eletiva jovem cientista.docx
luceliaandrade8
 

Semelhante a Pré-iniciação Científica - CTSA - Alfabetização Científica (20)

1ª Mostra Ciências da Natureza e Geografia
1ª Mostra Ciências da Natureza e Geografia1ª Mostra Ciências da Natureza e Geografia
1ª Mostra Ciências da Natureza e Geografia
 
Aula 1 - ciência.. construção de conhecimento
Aula 1  - ciência.. construção de conhecimentoAula 1  - ciência.. construção de conhecimento
Aula 1 - ciência.. construção de conhecimento
 
Pnaic caderno 8
Pnaic caderno 8Pnaic caderno 8
Pnaic caderno 8
 
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptxMetodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
Metodologia do Trabalho Científico slides unidade 1.pptx
 
Método em Pesquisa e Redação Científica - Aula1 e 2
Método em Pesquisa e Redação Científica - Aula1 e 2Método em Pesquisa e Redação Científica - Aula1 e 2
Método em Pesquisa e Redação Científica - Aula1 e 2
 
Cientistas dialogam com a escola básica
Cientistas dialogam com a escola básicaCientistas dialogam com a escola básica
Cientistas dialogam com a escola básica
 
aula 2 04 de outubro 2022.ppt
aula 2 04 de outubro 2022.pptaula 2 04 de outubro 2022.ppt
aula 2 04 de outubro 2022.ppt
 
Ciência e senso comum: concepções e abordagens
Ciência e senso comum: concepções e abordagensCiência e senso comum: concepções e abordagens
Ciência e senso comum: concepções e abordagens
 
Aula 3 Pesquisa tecnológica:solucionando problemas
Aula 3 Pesquisa tecnológica:solucionando problemasAula 3 Pesquisa tecnológica:solucionando problemas
Aula 3 Pesquisa tecnológica:solucionando problemas
 
Considerações importantes sobre ensinar e aprender ciências
Considerações importantes sobre ensinar e aprender ciênciasConsiderações importantes sobre ensinar e aprender ciências
Considerações importantes sobre ensinar e aprender ciências
 
Capacitação de Ciências 2013 - 2º Parte
Capacitação de Ciências 2013 - 2º ParteCapacitação de Ciências 2013 - 2º Parte
Capacitação de Ciências 2013 - 2º Parte
 
1 metodostec- aula-01-- o conhecimento científico
1 metodostec- aula-01-- o conhecimento científico1 metodostec- aula-01-- o conhecimento científico
1 metodostec- aula-01-- o conhecimento científico
 
oensinodecinciasesuasmetodolgias-140323143039-phpapp02.pptx
oensinodecinciasesuasmetodolgias-140323143039-phpapp02.pptxoensinodecinciasesuasmetodolgias-140323143039-phpapp02.pptx
oensinodecinciasesuasmetodolgias-140323143039-phpapp02.pptx
 
Processo cientifico
Processo cientificoProcesso cientifico
Processo cientifico
 
Apresentação ensino experimental
Apresentação ensino experimentalApresentação ensino experimental
Apresentação ensino experimental
 
Aulas ensino médio
Aulas   ensino médio Aulas   ensino médio
Aulas ensino médio
 
Metolodogia daniela cartoni - slides - parte 04 - epistemologia
Metolodogia   daniela cartoni - slides - parte 04 - epistemologiaMetolodogia   daniela cartoni - slides - parte 04 - epistemologia
Metolodogia daniela cartoni - slides - parte 04 - epistemologia
 
Ateliê de pesquisa i slides
Ateliê de pesquisa i slidesAteliê de pesquisa i slides
Ateliê de pesquisa i slides
 
Aula 3 - Material didático MC Prof Edson 2022-1.pdf
Aula 3 - Material didático MC Prof Edson 2022-1.pdfAula 3 - Material didático MC Prof Edson 2022-1.pdf
Aula 3 - Material didático MC Prof Edson 2022-1.pdf
 
Projeto de eletiva jovem cientista.docx
Projeto de eletiva jovem cientista.docxProjeto de eletiva jovem cientista.docx
Projeto de eletiva jovem cientista.docx
 

Mais de Glauber Eduardo Aragon Pereira

Inclusao do Aluno Deficiente Intelectual nos Anos Iniciais.pdf
Inclusao do Aluno Deficiente Intelectual nos Anos Iniciais.pdfInclusao do Aluno Deficiente Intelectual nos Anos Iniciais.pdf
Inclusao do Aluno Deficiente Intelectual nos Anos Iniciais.pdf
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Projeto Político Pedagógico Glauber Aragon.pdf
Projeto Político Pedagógico Glauber Aragon.pdfProjeto Político Pedagógico Glauber Aragon.pdf
Projeto Político Pedagógico Glauber Aragon.pdf
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Apresentação SAEB 2023.pptx
Apresentação SAEB 2023.pptxApresentação SAEB 2023.pptx
Apresentação SAEB 2023.pptx
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Apresentação Alunos SARESP 2023.pptx
Apresentação Alunos SARESP 2023.pptxApresentação Alunos SARESP 2023.pptx
Apresentação Alunos SARESP 2023.pptx
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docxPrograma GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
PROGRAMA DE AÇÃO PEI GLAUBER Evidência 24-10.pptx
PROGRAMA DE AÇÃO PEI GLAUBER Evidência 24-10.pptxPROGRAMA DE AÇÃO PEI GLAUBER Evidência 24-10.pptx
PROGRAMA DE AÇÃO PEI GLAUBER Evidência 24-10.pptx
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Projeto Dia Mundial da Água 2023 Glauber Aragon.pdf
Projeto Dia Mundial da Água 2023 Glauber Aragon.pdfProjeto Dia Mundial da Água 2023 Glauber Aragon.pdf
Projeto Dia Mundial da Água 2023 Glauber Aragon.pdf
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Projeto de Leitura 2023 Glauber Aragon.pdf
Projeto de Leitura 2023 Glauber Aragon.pdfProjeto de Leitura 2023 Glauber Aragon.pdf
Projeto de Leitura 2023 Glauber Aragon.pdf
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
H1N1 - Influenza A - Gripe Suína
H1N1 - Influenza A - Gripe SuínaH1N1 - Influenza A - Gripe Suína
H1N1 - Influenza A - Gripe Suína
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Prelúdio a Pré-Iniciação Científica - ROTEIRO COMPLETO
Prelúdio a Pré-Iniciação Científica - ROTEIRO COMPLETOPrelúdio a Pré-Iniciação Científica - ROTEIRO COMPLETO
Prelúdio a Pré-Iniciação Científica - ROTEIRO COMPLETO
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Prelúdio a Pré-Iniciação Científica
Prelúdio a Pré-Iniciação CientíficaPrelúdio a Pré-Iniciação Científica
Prelúdio a Pré-Iniciação Científica
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Origem da Vida e Evolução
Origem da Vida e EvoluçãoOrigem da Vida e Evolução
Origem da Vida e Evolução
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Recuperação Matemática
Recuperação MatemáticaRecuperação Matemática
Recuperação Matemática
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Recuperação Contínua Matemática 9º
Recuperação Contínua Matemática 9ºRecuperação Contínua Matemática 9º
Recuperação Contínua Matemática 9º
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Astronomia 7º ano - Ciências
Astronomia 7º ano - CiênciasAstronomia 7º ano - Ciências
Astronomia 7º ano - Ciências
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Aula sobre Desmontilação Estreptotraxolina
Aula sobre Desmontilação EstreptotraxolinaAula sobre Desmontilação Estreptotraxolina
Aula sobre Desmontilação Estreptotraxolina
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Gravidez "não" Planejada
Gravidez "não" PlanejadaGravidez "não" Planejada
Gravidez "não" Planejada
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Diversidade Sexual Gênero e Homofobia
Diversidade Sexual Gênero e HomofobiaDiversidade Sexual Gênero e Homofobia
Diversidade Sexual Gênero e Homofobia
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Quiz sobre DROGAS
Quiz sobre DROGASQuiz sobre DROGAS
Drogas
DrogasDrogas

Mais de Glauber Eduardo Aragon Pereira (20)

Inclusao do Aluno Deficiente Intelectual nos Anos Iniciais.pdf
Inclusao do Aluno Deficiente Intelectual nos Anos Iniciais.pdfInclusao do Aluno Deficiente Intelectual nos Anos Iniciais.pdf
Inclusao do Aluno Deficiente Intelectual nos Anos Iniciais.pdf
 
Projeto Político Pedagógico Glauber Aragon.pdf
Projeto Político Pedagógico Glauber Aragon.pdfProjeto Político Pedagógico Glauber Aragon.pdf
Projeto Político Pedagógico Glauber Aragon.pdf
 
Apresentação SAEB 2023.pptx
Apresentação SAEB 2023.pptxApresentação SAEB 2023.pptx
Apresentação SAEB 2023.pptx
 
Apresentação Alunos SARESP 2023.pptx
Apresentação Alunos SARESP 2023.pptxApresentação Alunos SARESP 2023.pptx
Apresentação Alunos SARESP 2023.pptx
 
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docxPrograma GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
 
PROGRAMA DE AÇÃO PEI GLAUBER Evidência 24-10.pptx
PROGRAMA DE AÇÃO PEI GLAUBER Evidência 24-10.pptxPROGRAMA DE AÇÃO PEI GLAUBER Evidência 24-10.pptx
PROGRAMA DE AÇÃO PEI GLAUBER Evidência 24-10.pptx
 
Projeto Dia Mundial da Água 2023 Glauber Aragon.pdf
Projeto Dia Mundial da Água 2023 Glauber Aragon.pdfProjeto Dia Mundial da Água 2023 Glauber Aragon.pdf
Projeto Dia Mundial da Água 2023 Glauber Aragon.pdf
 
Projeto de Leitura 2023 Glauber Aragon.pdf
Projeto de Leitura 2023 Glauber Aragon.pdfProjeto de Leitura 2023 Glauber Aragon.pdf
Projeto de Leitura 2023 Glauber Aragon.pdf
 
H1N1 - Influenza A - Gripe Suína
H1N1 - Influenza A - Gripe SuínaH1N1 - Influenza A - Gripe Suína
H1N1 - Influenza A - Gripe Suína
 
Prelúdio a Pré-Iniciação Científica - ROTEIRO COMPLETO
Prelúdio a Pré-Iniciação Científica - ROTEIRO COMPLETOPrelúdio a Pré-Iniciação Científica - ROTEIRO COMPLETO
Prelúdio a Pré-Iniciação Científica - ROTEIRO COMPLETO
 
Prelúdio a Pré-Iniciação Científica
Prelúdio a Pré-Iniciação CientíficaPrelúdio a Pré-Iniciação Científica
Prelúdio a Pré-Iniciação Científica
 
Origem da Vida e Evolução
Origem da Vida e EvoluçãoOrigem da Vida e Evolução
Origem da Vida e Evolução
 
Recuperação Matemática
Recuperação MatemáticaRecuperação Matemática
Recuperação Matemática
 
Recuperação Contínua Matemática 9º
Recuperação Contínua Matemática 9ºRecuperação Contínua Matemática 9º
Recuperação Contínua Matemática 9º
 
Astronomia 7º ano - Ciências
Astronomia 7º ano - CiênciasAstronomia 7º ano - Ciências
Astronomia 7º ano - Ciências
 
Aula sobre Desmontilação Estreptotraxolina
Aula sobre Desmontilação EstreptotraxolinaAula sobre Desmontilação Estreptotraxolina
Aula sobre Desmontilação Estreptotraxolina
 
Gravidez "não" Planejada
Gravidez "não" PlanejadaGravidez "não" Planejada
Gravidez "não" Planejada
 
Diversidade Sexual Gênero e Homofobia
Diversidade Sexual Gênero e HomofobiaDiversidade Sexual Gênero e Homofobia
Diversidade Sexual Gênero e Homofobia
 
Quiz sobre DROGAS
Quiz sobre DROGASQuiz sobre DROGAS
Quiz sobre DROGAS
 
Drogas
DrogasDrogas
Drogas
 

Último

Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptxagosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
ALEXANDRODECASTRODOS
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptxBem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
MarcoAurlioResende
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptxDEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
ConservoConstrues
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
Manuais Formação
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdfEXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
eltinhorg
 
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptxSlides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
Manuais Formação
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
AlessandraRibas7
 
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdfO livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
dataprovider
 

Último (20)

Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptxagosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
agosto - A cidadania - direitos e deveres em países hispanohablantes.pptx
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptxBem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptxDEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdfEXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
 
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptxSlides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
 
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdfO livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
 

Pré-iniciação Científica - CTSA - Alfabetização Científica

  • 2. Vídeo... A Química na Sua Vida Disponível em : https://www.youtube.com/watch?v=MQFc3VzDGo4. Acesso: 1 jul. 2014
  • 3. Dinâmica... A Caixa de Pandora  O docente deverá retirar um objeto/material;  Apresentá-lo aos demais;  Apontar aspectos Científicos, Tecnológicos, Sociais e Ambientais (CTSA) que envolvem o objeto/material. O conhecimento é “Disciplinar”?
  • 5. O que é Alfabetização Científica? Você é alfabetizado? Leia o texto a seguir...
  • 6. Навука — сістэма аб'ектыўных, абгрунтаваных ведаў аб рэчаіснасці; сфера чалавечай дзейнасці, накіраваная на выпрацоўку і тэарэтычную сістэматызацыю аб'ектыўных ведаў аб рэчаіснасці. Класічная навука старажытнасці была цесна звязана з філасофіяй. Пачынаючы з XVII стагоддзя натурфіласофія, якую сёння называюць натуральнай навукай, разглядаецца як асобная ад філасофіі галіна. Тым не менш, слова «навука» працягвае выкарыстоўвацца ў шырокім сэнсе, які абазначае пэўнае веданне аб тэме, гэтак жа яна да гэтага часу выкарыстоўваецца ў сучасных умовах. У вузкім сэнсе слова «навука» ўжывалася такімі вучонымі, як Іаган Кеплер, Галілеа Галілей і Ісак Ньютан, калі яны пачалі вывучаць законы прыроды. У гэты перыяд паняцце з большага адносілася да натуральнай філасофіі, т. зв. натуральных навук. На працягу XIX стагоддзя, слова «навука» стала ўсё больш звязвацца з навуковым метадам, дысцыплінаваным падыходам да вывучэння прыроднага свету, у тым ліку фізікі, хіміі, геалогіі і біялогіі. Навуковыя дысцыпліны, якія ў сукупнасці ўтвараюць сістэму навукі цалкам, умоўна падзяляюцца на 3 вялікія групы (падсістэмы): •Навукі аб прыродзе або прыродазнаўчыя навукі •Навукі аб грамадстве або грамадскія (гуманітарныя) навукі •Навукі аб мысленні і пазнанні •Прыкладныя навукі, накіраваныя на распрацоўку і стварэнне тэхнічных сродкаў, або тэхнічныя навукі Унутры раздзелаў няспынна ідуць працэсы далейшай дыферэнцыяцыі (падзялення, удакладнення і здрабнення) і інтэграцыі (аб'яднання або спалучэння) навуковых дысцыплін. Такім чынам, існуючыя навуковыя дысцыпліны знікаюць або змяняюцца, з'яўляюцца новыя навуковыя дысцыпліны. У залежнасці ад мэтавай скіраванасці, адносін да практыкі адрозніваюць фундаментальныя і прыкладныя навукі.
  • 7. O nosso aluno saberia... • Por que o leite derrama quando ferve e a água não? • Qual é a diferença entre o açúcar refinado e o mascavo? • A água ferve mais rápido na panela fechada ou aberta? Exemplificando
  • 8. O que é Ciência?
  • 10. "De-me uma alavanca e um ponto de apoio e eu moverei o mundo". Arquimedes Ciência Antiga x Ciência Moderna/Contemporânea “Se consegui ver mais longe é porque estava aos ombros de gigantes”. Sir Isaac Newton
  • 11. A ciência influência o pensamento/comportamento social? "Descobri um novo mundo ao ver que é o sol e não o homem, o centro do universo.“ Galileu Galilei Lentes (Aparato Tecnológico) Galileoscópio (Aparato Tecnologia) Heliocentrismo (Astronomia – Ciência) Guerra (Tecnologia) Exploração na Bolsa (Mercadores de Veneza)
  • 12. Ciência é...Neutra! ...Asséptica! ...Apolítica! “Concentre-se em CONHECER, e não em ACREDITAR.” Albert Einstein
  • 13. Alfabetização Científica ( Enculturação Científica ) ...como um processo necessário na formação dos cidadãos. De maneira geral é um movimento que considera a necessidade de todos possuírem um mínimo de conhecimentos científicos para exercerem seus direitos na sociedade moderna. (Revista Química Nova na Escola)
  • 14. Transgênico Devo Consumir? Células Tronco A favor ou Contra? Questões Étnicos-Raciais
  • 15.  Alfabetizamos cientificamente nossos alunos quando propomos uma nova concepção de ensino das ciências que se consolida com a introdução, em sala de aula, de múltiplas práticas e onde o debate e as argumentações têm um papel importante no desenvolvimento do aprendiz. Quando acontece a Enculturação Científica?
  • 16. Importância das Atividades Práticas e Experimentais Despertar o interesse pelas ciências, e a motivação para o estudo; Aprimorar a capacidade de observação e registro de informações; Aprender a analisar dados e propor hipóteses; Aprender conceitos científicos; Detectar erros conceituais; Compreender a natureza da ciência e o papel do cientista em uma investigação; Estabelecer relação entre ciência, tecnologia, sociedade e ambiente; Aprimorar habilidades manipulativas; Desenvolver a capacidade de trabalhar em grupos; Desenvolver iniciativa pessoal e tomada de decisão para resolver problemas; Estimular a criatividade.
  • 17. Classificação das atividades práticas/experimentais Demonstrações Práticas; Experimentação de Descoberta Guiada; Experimentos Investigativos ou Projetos. Demonstrações Práticas / Experimentação de Descoberta Guiada Experimentos Investigativos ou Projetos Ser uma ponte entre a realidade e uma teoria abstrata. Desenvolver a autonomia dos alunos. Possibilitar o contato com materiais , fatos ou fenômenos que os alunos teriam dificuldade em conhecer de outra forma Promover a aprendizagem significativa pela mudança não só conceitual, mas também metodológica e atitudinal. Possibilitar a visão de ciências como uma interpretação do mundo, e não como um conjunto de respostas prontas e definidas. Desenvolver amplamente habilidades e capacidades relacionadas à aprendizagem.
  • 19. Analisando Itens do Simulado  Em grupos...  Análise a questão e indique:  Conteúdo/Tema  Habilidade  Nível de proficiência  Quais hipóteses podemos propor para justificar o grande percentual de erros nessas questões? Continua...
  • 20. Continuando...  Verificar a possibilidade de uma abordagem Experimental /Virtual (simuladores) para resolução da questão;  O grupo apresentará a questão para os demais e abordagem sugerida;  Existem outras possibilidades?
  • 25. O QUE CONSIDERAR EM UM PROJETO DE PRÉ-INICIAÇÃO CIENTÍFICA projeto Competências e Habilidades Conhecimentos novos Métodos da pesquisa científica Desenvolviment o pessoal
  • 26. projeto Competências e Habilidades Métodos da pesquisa científica • Obter dados • Transformar os dados (gráficos, tabelas, quadros, fórmulas matem.) • fazer inferências (apoiado nos dados) • estabelecer relações causais • estabelecer limites (de validade dos dados, de generalizações) • controlar variáveis • comunicar os resultados • Ler com compreensão • comunicar ideias, informações • buscar informações em fontes • ordenar, classificar, elaborar critérios para tal • comparar, prever (baseado em dados e informações) • explicar, sintetizar, julgar (baseado em conhecimentos) • elaborar argumentos • Trabalhar em grupo (respeitar, ouvir, manifestar-se)
  • 27. Como Iniciar um Projeto de Pré-Iniciação Científica? -Definir Grupos (9º Ano e E.M. – 18 Anos) -Professor Orientador -Clube Juvenil/Eletiva - Extra Escola -Definir um tema gerador -Diário Bordo -Outros Registros – Fotos e Filmagem
  • 28. Definição de um contexto... No Brasil são produzidas, diariamente, cerca de 250 mil toneladas de lixo. Apenas 2% é reciclado http://www.suapesquisa.com/ecologiasaude/lixo.htm http://toma-mais-uma.blogspot.com.br/2014/08/o-lixo-e-o-lixo-moral.html
  • 29. Diante desse contexto: Situação Problema O que seria pertinente investigar? Quais questões poderiam ser formuladas?
  • 30. Situação Problema  Nível cognitivo dos alunos;  Adequação à faixa etária;  Possíveis problemas verificados na escola, na comunidade, nas residências etc;  Recursos materiais;  Tempo;  Interesse dos alunos;  Orientação e supervisão do professor.
  • 31. Questão Problema Possibilidades: • Quais concepções pessoas de uma comunidade local apresentam sobre “reciclagem de lixo”? Que conhecimentos possuem sobre materiais recicláveis? • Como varia a composição do lixo gerado por residências do entorno da escola? • Qual é a relação entre o grau de escolaridade e as diferentes formas de tratar o lixo? • Quais são as práticas de Redução e Reutilização do lixo doméstico adotadas pela comunidade escolar (alunos, famílias, ...)? • Quais são os conhecimentos que a comunidade escolar (os alunos, as famílias, ...) apresenta sobre o papel da Redução e Reutilização do lixo doméstico no enfrentamento do problema de geração de resíduos e como realizam tais práticas?
  • 32. Objetivos do Projeto  Investigar os conhecimentos da comunidade escolar sobre questões ambientais, especificamente a produção e destino dos resíduos domésticos (lixo).  Conhecer práticas de redução e reutilização desses resíduos desenvolvidas pela comunidade escolar.  Desenvolver habilidades relacionadas a investigação científica.  Aprender aspectos científicos e tecnológicos ligados ao tratamento do lixo.  Refletir sobre suas próprias práticas e concepções.
  • 33. Hipóteses Que hipóteses os alunos fariam? Vários alunos = várias hipóteses Como você mediaria esse momento da investigação? As pessoas reconhecem a importância da redução e reutilização do lixo, mas suas práticas não condizem com seus conhecimentos.
  • 34. Metodologia - O Como Fazer?  Pesquisa de Campo (público-alvo, definir questões, obtenção de dados)  Atividades Experimentais (obtenção de dados)  Revisão Bibliográfica (obtenção dados e informações) RESULTADOS - TRATAMENTO DOS DADOS Qualitativo, Quantitativo, Critérios de análise pré-estabelecidos ou a posteriori, construção de Tabelas, Gráficos, Porcentagem. CONCLUSÃO/PROTÓTIPO e/ou PRODUTO
  • 35. COLETA DE DADOS Pessoas Documentos Materiais, Processos ou Equipamentos Outros Entrevistas Questionários Análise de conteúdo Experimentos
  • 36. Referências Bibliográficas • Usar fontes confiáveis: livros, revistas científicas, sites de universidades e de órgãos do governo. Nunca: blogs, yahoo respostas, wikipedia... • Registrar as fontes consultadas; • Saber o que já foi pesquisado sobre o assunto; • Vale a pena “reinventar a roda”? (às vezes vale!); • Saber o que sua pesquisa pode propor de novo;
  • 37. Comunicação dos dados  RELATÓRIO DA PESQUISA Introdução – panorama da situação, questões de investigação, justificativa, objetivos e hipóteses. Fundamentação teórica - conceitos e ideias admitidos nesta investigação. Revisão Bibliográfica – o que já se conhece sobre o assunto, outros trabalhos sobre o tema em questão. Métodos da pesquisa – público alvo, instrumentos de coleta de dados, como as análises foram realizadas. Resultados – dados, tabelas, gráficos, análises. Conclusões , recomendações e considerações finais Referências Bibliográficas
  • 38. Comunicação dos dados  PAINEL (Banner) Introdução – breve colocação do problema, panorama da situação, questões de investigação Objetivos Fundamentação teórica - breve apresentação de conceitos e ideias admitidos nesta investigação Métodos da pesquisa – publico alvo, instrumentos de coleta de dados, como as análises foram realizadas Resultados – dados, tabelas, gráficos, análises Conclusões , recomendações e considerações finais Referências Bibliográficas
  • 39. Vídeo... Feira de Ciências Disponível em : http://www.youtube.com/watch?v=Ai3Ut8RYzQQ. Acesso: 27 jan. 2015
  • 40. Atividade Em grupo, desenvolver um projeto que contemple os seguintes aspectos:  Contexto  Situação-problema  Questão de pesquisa  Conhecimentos a serem adquiridos pelos alunos  Hipóteses  Metodologia: público-alvo e instrumentos de coleta de dados Preparar uma apresentação de 8 a 12 slides para ser feita em 10 minutos. Sugestões de Temas: agricultura, energia alternativa (elétrica e térmica), transporte público, poluição ambiental, alimentação, esportes, água, beleza e saúde, fármacos, robótica, construção civil.
  • 41. stembrasil.org/cav Plataforma de Integração e Formação dos Docentes de Ciências da Natureza das Escolas de Ensino Integral STEM BRASIL  Integração dos Docentes de Ensino Integral;  Compartilhamento de Vídeos e Links;  Socialização das atividades práticas e experimentais desenvolvidas nas Unidades Escolares. Os docentes que não possuem cadastro podem se cadastrar Acesse o Site: http://stembrasil.org/cav/; Clique no canto esquerdo em “Registre-se”; Confirme no link enviado para o e-mail; Aguarde a liberação do acesso pelo administrador.
  • 42. Finalizando....  Avaliar a orientação.  Dúvidas entrar em contato com os PCNPs  Viviane Serafim  André Rufino  Glauber Aragon Acessem ... BLOG CNT – www.ciefisbio.blogspot.com.br Obrigado!!!