SlideShare uma empresa Scribd logo
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Definições
„ “É a pessoa que está à frente para guiar ou
mostrar o caminho, ou que precede ou dirige
qualquer ação, opinião ou movimento”
„ Segundo James Hunter (2005), “É a habilidade de
influenciar pessoas para trabalharem
entusiasticamente visando atingir aos objetivos
como sendo para o bem comum”
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Gerentes e Líderes
„ “Gerentes são aqueles que fazem as
coisas corretamente”
„ “Líderes são aqueles que fazem as
coisas corretas.”
Willian Bennis
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
LIDERANÇA E ADMINISTRAÇÃO
Liderar: saber
decidir-se pelo que é
mais importante!
Administrar: se limita
pôr o mais
importante em
primeiro lugar!
Em casa nas coisas
importantes mando eu !!
Agora,... quem diz o que é
importante, ou não, é a
minha mulher!!!
Quem é que
manda na tua
casa?
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
CARACTERÍSTICAS
„ GERENTE:
ƒ cumpre as metas
ƒ segue as rotinas
ƒ controla fluxos de
caixa/orçamentos
ƒ soluciona conflitos
ƒ orientado ao hoje
ƒ cuida da estrutura e
hierarquia
„ LÍDER:
ƒ define a direção
ƒ promove
transformações
ƒ empreende e persegue
idéias
ƒ cria conflitos
ƒ visão do futuro
ƒ aloca as pessoas e
delega poderes
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Requisitos do Líder
• Não deve ser temido, mas admirado pelas
suas qualidades e virtudes.
• É uma referência e ao mesmo tempo um
estímulo.
• Referência:
• De comportamento ético
• De trabalho
• De relacionamento
• A liderança não se impõe, mas se conquista
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Virtudes e qualidades principais
• Prudência
• Pensa para tomar decisões acertadas
• Fortaleza
• Atua com decisão e constância
• Justiça
• Cria um ambiente estimulante e construtivo
• Temperança
• Domina a sí mesmo para ser paciente e não
atropelar os demais
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Exemplos de líderes
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Um exemplo
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
• Excelência Profissional.
• Domínio da Técnica
•Estudo, anos de faculdade
• Constante atualização
• Cursos, estudo individual
Ponto de partida
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Constrói relacionamentos
de qualidade (Justiça)
• É reto, desinteressado e Alegre.
• Não faz acepção de pessoas
(panelinhas)
• Está interessado no bem de todos
• Trabalha na lógica do Ganha-Ganha
• Confia
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Procura a qualidade de ação
• Missão principal
• Estimular e animar.
• Delega tarefas.
• Mais do que fazer, o líder estimula a fazer!
• Não trabalha como 20, mas faz trabalhar a 20!
• Forma os seus subordinados.
• É um descobridor e distribuidor de homens!
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Circunspecção
„ Capacidade de captar a realidade.
ƒ Parte da virtude da prudência
„ Capta:
ƒ A oportunidade daquela ação
ƒ O estado de ânimo de uma pessoa ou do
grupo
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Chefe insensível
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
“Bolas Fora” da liderança
„ Não é ético
ƒ Mente, descumpre o prometido, engana, é
impontual, injusto, oscilações de ânimo
„ O Abuso de poder:
ƒ Mandar humilhando
ƒ Explosões em público, fazer pouco caso do
trabalho dos demais.
ƒ Desrespeito
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
“Bolas dentro”
„ Tratar como gostaríamos que nos tratassem:
ƒ Ao mandar, não simplesmente ordena, mas
mostra o sentido daquilo
ƒ Educação
ƒ Respeito
ƒ Bom humor
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Nas dificuldades
„ Nas Dificuldades:
ƒ O líder vai na frente abrindo caminho
ƒ Estimula, anima e sustenta
„ Nos êxitos:
ƒ O líder alegra-se com o sucesso dos seus
subordinados
„ Henrique V: Discurso de São Crispim
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
TIGRÃO!
Petulante!
Sabe-tudo!
Não ouve!
Presunçoso!
SAPÃO
Cuca fresca!
Não tem problema!
Fica frio!
Dá um tempo!
NEGLIGENTE!
Não toma iniciativa!
Esconde-se do perigo!
Descuidado!
FALSOS LÍDERES
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Os desafios de LIDERAR HOJE
Novas tecnologias
Mais aprendizado
Maior concorrência
Mais agilidade
Maior inovação
Aprender coisas novas
Mudar comportamentos
Criar vinculos
Trabalhar em equipe
Desenvolver pessoas
ESFORÇO
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
Teste
1. A liderança que possui uma pessoa que
valoriza as contribuições de cada integrante
do grupo, e obtêm o comprometimento
através da participação é chamada de:
a) Visionária
b) Carismática
c) Democrática
d) Servidora
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
2. O líder que possui o “dom natural” de
influenciar pessoas, é aquele que faz uso
da liderança:
a) Servidora
b) Carismática
c) Visionária
d) Democrática
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
3. Qual destas qualidades abaixo não se
encaixa no perfil de uma liderança?
a) Imparcialidade
b) Humildade
c) Inteligência
d) Rigidez
Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
4. Aquele que tem a tarefa de fazer funcionar
o grupo, ou de tomar deliberações e
incorporá-las assim como ordens e
instruções gerais e especificas, é o conceito
imposto ao:
a) Líder
b) Coronel
c) Gerente
d) Chefe

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Liderança Para Alta Performance
Liderança Para Alta PerformanceLiderança Para Alta Performance
Liderança Para Alta Performance
fernandorafa
 
Aula: Perfil Comportamental
Aula: Perfil ComportamentalAula: Perfil Comportamental
Aula: Perfil Comportamental
televisita
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
Hesau Monteiro
 
Treinamento O Papel do Líder na Gestão
Treinamento O Papel do Líder na GestãoTreinamento O Papel do Líder na Gestão
Treinamento O Papel do Líder na Gestão
Grupo E. Fabris
 
Liderança
LiderançaLiderança
O que é liderança
O que é liderançaO que é liderança
O que é liderança
Márcio Roberto de Mattos
 
Liderança e Comunicação
Liderança e ComunicaçãoLiderança e Comunicação
Liderança e Comunicação
Vinicius Carossini
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
Rosario Cação
 
Equipes de Alta Performance
Equipes de Alta PerformanceEquipes de Alta Performance
Equipes de Alta Performance
Grupo E. Fabris
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Motivação
Camila Prada
 
Liderança e Motivação
Liderança e  MotivaçãoLiderança e  Motivação
Liderança e Motivação
Vania Cardoso
 
Gestão de Equipes de Alta Performance
Gestão de Equipes de Alta PerformanceGestão de Equipes de Alta Performance
Gestão de Equipes de Alta Performance
Thiago Villaça
 
Conceitos de Liderança
Conceitos de LiderançaConceitos de Liderança
Conceitos de Liderança
Gerente Consciente
 
Palestra motivacional
Palestra motivacionalPalestra motivacional
Palestra motivacional
João Carlos Butske da Silva
 
Como tornar-se um lider
Como tornar-se um liderComo tornar-se um lider
Como tornar-se um lider
Alexsandro Rebello Bonatto
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Motivação
Juliana Gulka
 
Competencia lideranca pessoas prof. farah
Competencia lideranca pessoas prof. farahCompetencia lideranca pessoas prof. farah
Competencia lideranca pessoas prof. farah
Sustentare Escola de Negócios
 
Treinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderançaTreinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderança
Gaylha Wegila
 
Liderança de equipes
Liderança de equipesLiderança de equipes
Liderança de equipes
Alessandro Lunardon
 

Mais procurados (20)

Liderança Para Alta Performance
Liderança Para Alta PerformanceLiderança Para Alta Performance
Liderança Para Alta Performance
 
Aula: Perfil Comportamental
Aula: Perfil ComportamentalAula: Perfil Comportamental
Aula: Perfil Comportamental
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
Treinamento O Papel do Líder na Gestão
Treinamento O Papel do Líder na GestãoTreinamento O Papel do Líder na Gestão
Treinamento O Papel do Líder na Gestão
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
O que é liderança
O que é liderançaO que é liderança
O que é liderança
 
Liderança e Comunicação
Liderança e ComunicaçãoLiderança e Comunicação
Liderança e Comunicação
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
Equipes de Alta Performance
Equipes de Alta PerformanceEquipes de Alta Performance
Equipes de Alta Performance
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Motivação
 
Liderança e Motivação
Liderança e  MotivaçãoLiderança e  Motivação
Liderança e Motivação
 
Gestão de Equipes de Alta Performance
Gestão de Equipes de Alta PerformanceGestão de Equipes de Alta Performance
Gestão de Equipes de Alta Performance
 
Conceitos de Liderança
Conceitos de LiderançaConceitos de Liderança
Conceitos de Liderança
 
Palestra motivacional
Palestra motivacionalPalestra motivacional
Palestra motivacional
 
Como tornar-se um lider
Como tornar-se um liderComo tornar-se um lider
Como tornar-se um lider
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Motivação
 
Competencia lideranca pessoas prof. farah
Competencia lideranca pessoas prof. farahCompetencia lideranca pessoas prof. farah
Competencia lideranca pessoas prof. farah
 
Treinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderançaTreinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderança
 
Liderança de equipes
Liderança de equipesLiderança de equipes
Liderança de equipes
 

Destaque

O papel das vitrudes na formação do carater
O papel das vitrudes na formação do caraterO papel das vitrudes na formação do carater
O papel das vitrudes na formação do carater
Universidade Federal Fluminense
 
Resiliencia e Agilidade - Irmãs Gêmeas em Metamorfose Contínua
Resiliencia e Agilidade - Irmãs Gêmeas em Metamorfose ContínuaResiliencia e Agilidade - Irmãs Gêmeas em Metamorfose Contínua
Resiliencia e Agilidade - Irmãs Gêmeas em Metamorfose Contínua
Ester de Campos
 
Viver na presença de Deus
Viver na presença de DeusViver na presença de Deus
Viver na presença de Deus
Jezer Ferris
 
LiderançA CarismáTica Hoje
LiderançA CarismáTica HojeLiderançA CarismáTica Hoje
LiderançA CarismáTica Hoje
benpardal
 
Razões da nossa fé lição 9
Razões da nossa fé   lição 9Razões da nossa fé   lição 9
Razões da nossa fé lição 9
Mariângela Domeniche Perdomo
 
Lição 13 josé, a realidade de um sonho
Lição 13   josé, a realidade de um sonhoLição 13   josé, a realidade de um sonho
Lição 13 josé, a realidade de um sonho
Andrew Guimarães
 
10ª Aula EBD 6 junho-2010 - adultos (para casais)
10ª Aula EBD 6 junho-2010 - adultos (para casais)10ª Aula EBD 6 junho-2010 - adultos (para casais)
10ª Aula EBD 6 junho-2010 - adultos (para casais)
Wallace Sousa
 
Temperança
TemperançaTemperança
Temperança
Ismael Rosa
 
Temperança
TemperançaTemperança
Temperança
Emerson Nascimento
 
O adolescente e a temperança - lição 4
O adolescente e a temperança - lição 4 O adolescente e a temperança - lição 4
O adolescente e a temperança - lição 4
Quenia Damata
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvação
Josue Lima
 
5 grandes teorias sobre liderança
5 grandes teorias sobre liderança5 grandes teorias sobre liderança
5 grandes teorias sobre liderança
Luis Branco, PMP
 
Personalidade carater ou teperamento
Personalidade   carater ou teperamentoPersonalidade   carater ou teperamento
Personalidade carater ou teperamento
Daniel de Carvalho Luz
 
Os quatro gigantes da alma
Os quatro gigantes da alma Os quatro gigantes da alma
Os quatro gigantes da alma
Daniel de Carvalho Luz
 
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃOLIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
Polícia Militar do Estado do Tocantins
 
LIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃO
LIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃOLIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃO
LIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃO
Polícia Militar do Estado do Tocantins
 
11 coisas que as pessoas carismáticas fazem diferente
11 coisas que as pessoas carismáticas fazem diferente11 coisas que as pessoas carismáticas fazem diferente
11 coisas que as pessoas carismáticas fazem diferente
Agendor
 

Destaque (17)

O papel das vitrudes na formação do carater
O papel das vitrudes na formação do caraterO papel das vitrudes na formação do carater
O papel das vitrudes na formação do carater
 
Resiliencia e Agilidade - Irmãs Gêmeas em Metamorfose Contínua
Resiliencia e Agilidade - Irmãs Gêmeas em Metamorfose ContínuaResiliencia e Agilidade - Irmãs Gêmeas em Metamorfose Contínua
Resiliencia e Agilidade - Irmãs Gêmeas em Metamorfose Contínua
 
Viver na presença de Deus
Viver na presença de DeusViver na presença de Deus
Viver na presença de Deus
 
LiderançA CarismáTica Hoje
LiderançA CarismáTica HojeLiderançA CarismáTica Hoje
LiderançA CarismáTica Hoje
 
Razões da nossa fé lição 9
Razões da nossa fé   lição 9Razões da nossa fé   lição 9
Razões da nossa fé lição 9
 
Lição 13 josé, a realidade de um sonho
Lição 13   josé, a realidade de um sonhoLição 13   josé, a realidade de um sonho
Lição 13 josé, a realidade de um sonho
 
10ª Aula EBD 6 junho-2010 - adultos (para casais)
10ª Aula EBD 6 junho-2010 - adultos (para casais)10ª Aula EBD 6 junho-2010 - adultos (para casais)
10ª Aula EBD 6 junho-2010 - adultos (para casais)
 
Temperança
TemperançaTemperança
Temperança
 
Temperança
TemperançaTemperança
Temperança
 
O adolescente e a temperança - lição 4
O adolescente e a temperança - lição 4 O adolescente e a temperança - lição 4
O adolescente e a temperança - lição 4
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvação
 
5 grandes teorias sobre liderança
5 grandes teorias sobre liderança5 grandes teorias sobre liderança
5 grandes teorias sobre liderança
 
Personalidade carater ou teperamento
Personalidade   carater ou teperamentoPersonalidade   carater ou teperamento
Personalidade carater ou teperamento
 
Os quatro gigantes da alma
Os quatro gigantes da alma Os quatro gigantes da alma
Os quatro gigantes da alma
 
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃOLIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
 
LIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃO
LIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃOLIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃO
LIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃO
 
11 coisas que as pessoas carismáticas fazem diferente
11 coisas que as pessoas carismáticas fazem diferente11 coisas que as pessoas carismáticas fazem diferente
11 coisas que as pessoas carismáticas fazem diferente
 

Semelhante a Liderança

As virtudes cardeais no ambiente profissional
As virtudes cardeais no ambiente profissionalAs virtudes cardeais no ambiente profissional
As virtudes cardeais no ambiente profissional
Universidade Federal Fluminense
 
MATERIAL 2 - Perfil dos Mestres Conselheiros
MATERIAL 2 - Perfil dos Mestres ConselheirosMATERIAL 2 - Perfil dos Mestres Conselheiros
MATERIAL 2 - Perfil dos Mestres Conselheiros
Joanson Sousa
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Relacionamento Interpessoal 20h
Relacionamento Interpessoal 20hRelacionamento Interpessoal 20h
Relacionamento Interpessoal 20h
UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO
 
Curso formação de líderes eficazes
Curso formação de líderes eficazesCurso formação de líderes eficazes
Curso formação de líderes eficazes
Nathalie Maicá
 
O desafio da amizade
O desafio da amizadeO desafio da amizade
O desafio da amizade
Universidade Federal Fluminense
 
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
Alisson Pereira, MSc.
 
Competências Fundamentais
Competências FundamentaisCompetências Fundamentais
Competências Fundamentais
Lígia Velozo Crispino
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
TI Infnet
 
Liderança em educação pdf
Liderança em educação pdfLiderança em educação pdf
Liderança em educação pdf
Rosângela Gonçalves
 
Personalidade valores e atitudes
Personalidade valores e atitudesPersonalidade valores e atitudes
Personalidade valores e atitudes
Alexandre Cavalcanti
 
Vocação, Liderança e Realização
Vocação, Liderança e RealizaçãoVocação, Liderança e Realização
Vocação, Liderança e Realização
Roberto Rinaldi Jr
 
Oficina de lideranca diretores
Oficina de lideranca diretoresOficina de lideranca diretores
Oficina de lideranca diretores
Claudia Souza
 
Reflexões sobre caráter e liderança
Reflexões sobre caráter e liderançaReflexões sobre caráter e liderança
Reflexões sobre caráter e liderança
Daniel de Carvalho Luz
 
Liderança e Desafios da Qualidade de Vida do Professor Universitário
Liderança e Desafios da Qualidade de Vida do Professor UniversitárioLiderança e Desafios da Qualidade de Vida do Professor Universitário
Liderança e Desafios da Qualidade de Vida do Professor Universitário
Conselho Regional de Administração de São Paulo
 
SOU LÍDER E AGORA - MÓDULO 2
SOU LÍDER E AGORA - MÓDULO 2SOU LÍDER E AGORA - MÓDULO 2
SOU LÍDER E AGORA - MÓDULO 2
digitalexperience3
 
Competências de uma_Líder_de_Sucesso - Dicas_Práticas - Lucia_Choi_e_Mulheres...
Competências de uma_Líder_de_Sucesso - Dicas_Práticas - Lucia_Choi_e_Mulheres...Competências de uma_Líder_de_Sucesso - Dicas_Práticas - Lucia_Choi_e_Mulheres...
Competências de uma_Líder_de_Sucesso - Dicas_Práticas - Lucia_Choi_e_Mulheres...
Lúcia Choi
 
A atitude positiva é uma escolha
A atitude positiva é uma escolhaA atitude positiva é uma escolha
A atitude positiva é uma escolha
Fabio Scussolino
 
A essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptxA essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptx
VanildaCapinam
 
MBTI e Lideranca
MBTI e LiderancaMBTI e Lideranca
MBTI e Lideranca
Kenneth Corrêa
 

Semelhante a Liderança (20)

As virtudes cardeais no ambiente profissional
As virtudes cardeais no ambiente profissionalAs virtudes cardeais no ambiente profissional
As virtudes cardeais no ambiente profissional
 
MATERIAL 2 - Perfil dos Mestres Conselheiros
MATERIAL 2 - Perfil dos Mestres ConselheirosMATERIAL 2 - Perfil dos Mestres Conselheiros
MATERIAL 2 - Perfil dos Mestres Conselheiros
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Motivação
 
Relacionamento Interpessoal 20h
Relacionamento Interpessoal 20hRelacionamento Interpessoal 20h
Relacionamento Interpessoal 20h
 
Curso formação de líderes eficazes
Curso formação de líderes eficazesCurso formação de líderes eficazes
Curso formação de líderes eficazes
 
O desafio da amizade
O desafio da amizadeO desafio da amizade
O desafio da amizade
 
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
 
Competências Fundamentais
Competências FundamentaisCompetências Fundamentais
Competências Fundamentais
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
Liderança em educação pdf
Liderança em educação pdfLiderança em educação pdf
Liderança em educação pdf
 
Personalidade valores e atitudes
Personalidade valores e atitudesPersonalidade valores e atitudes
Personalidade valores e atitudes
 
Vocação, Liderança e Realização
Vocação, Liderança e RealizaçãoVocação, Liderança e Realização
Vocação, Liderança e Realização
 
Oficina de lideranca diretores
Oficina de lideranca diretoresOficina de lideranca diretores
Oficina de lideranca diretores
 
Reflexões sobre caráter e liderança
Reflexões sobre caráter e liderançaReflexões sobre caráter e liderança
Reflexões sobre caráter e liderança
 
Liderança e Desafios da Qualidade de Vida do Professor Universitário
Liderança e Desafios da Qualidade de Vida do Professor UniversitárioLiderança e Desafios da Qualidade de Vida do Professor Universitário
Liderança e Desafios da Qualidade de Vida do Professor Universitário
 
SOU LÍDER E AGORA - MÓDULO 2
SOU LÍDER E AGORA - MÓDULO 2SOU LÍDER E AGORA - MÓDULO 2
SOU LÍDER E AGORA - MÓDULO 2
 
Competências de uma_Líder_de_Sucesso - Dicas_Práticas - Lucia_Choi_e_Mulheres...
Competências de uma_Líder_de_Sucesso - Dicas_Práticas - Lucia_Choi_e_Mulheres...Competências de uma_Líder_de_Sucesso - Dicas_Práticas - Lucia_Choi_e_Mulheres...
Competências de uma_Líder_de_Sucesso - Dicas_Práticas - Lucia_Choi_e_Mulheres...
 
A atitude positiva é uma escolha
A atitude positiva é uma escolhaA atitude positiva é uma escolha
A atitude positiva é uma escolha
 
A essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptxA essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptx
 
MBTI e Lideranca
MBTI e LiderancaMBTI e Lideranca
MBTI e Lideranca
 

Mais de Universidade Federal Fluminense

Etica nas ações profissionais
Etica nas ações profissionaisEtica nas ações profissionais
Etica nas ações profissionais
Universidade Federal Fluminense
 
As virtudes na profissão e na universidade
As virtudes na profissão e na universidadeAs virtudes na profissão e na universidade
As virtudes na profissão e na universidade
Universidade Federal Fluminense
 
éTica nas ações profissionais
éTica nas ações profissionaiséTica nas ações profissionais
éTica nas ações profissionais
Universidade Federal Fluminense
 
éTica nas ações profissionais
éTica nas ações profissionaiséTica nas ações profissionais
éTica nas ações profissionais
Universidade Federal Fluminense
 
Rompendo barreiras para gerar nov as idéias
Rompendo barreiras para gerar nov as idéiasRompendo barreiras para gerar nov as idéias
Rompendo barreiras para gerar nov as idéias
Universidade Federal Fluminense
 
Identificação do problema
Identificação do problemaIdentificação do problema
Identificação do problema
Universidade Federal Fluminense
 
Etica e ciencia
Etica e cienciaEtica e ciencia
Exito ou fracasso
Exito ou fracassoExito ou fracasso
Metodologia de pesquisa nv
Metodologia de pesquisa nvMetodologia de pesquisa nv
Metodologia de pesquisa nv
Universidade Federal Fluminense
 
Exito ou fracasso
Exito ou fracassoExito ou fracasso
As invenções e a revolução industrial
As invenções e a revolução industrialAs invenções e a revolução industrial
As invenções e a revolução industrial
Universidade Federal Fluminense
 
As potencias humanas e os modelos de felicidade
As potencias humanas e os modelos de felicidadeAs potencias humanas e os modelos de felicidade
As potencias humanas e os modelos de felicidade
Universidade Federal Fluminense
 
1. introdução ao método dos elementos de contorno
1. introdução ao método dos elementos de contorno1. introdução ao método dos elementos de contorno
1. introdução ao método dos elementos de contorno
Universidade Federal Fluminense
 
8. ciencia e fe 1
8. ciencia e fe 18. ciencia e fe 1
Modelagem mef
Modelagem mefModelagem mef
Virtudes e defeitos dos caracteres
Virtudes e defeitos dos caracteresVirtudes e defeitos dos caracteres
Virtudes e defeitos dos caracteres
Universidade Federal Fluminense
 
Etica carateriologia
Etica carateriologiaEtica carateriologia
Etica carateriologia
Universidade Federal Fluminense
 
3. a revolução industrial medieval
3. a revolução industrial medieval3. a revolução industrial medieval
3. a revolução industrial medieval
Universidade Federal Fluminense
 
2. a ciencia antiga
2. a ciencia antiga2. a ciencia antiga
2. a ciencia antiga
Universidade Federal Fluminense
 
1.ciência e técnica
1.ciência e técnica 1.ciência e técnica
1.ciência e técnica
Universidade Federal Fluminense
 

Mais de Universidade Federal Fluminense (20)

Etica nas ações profissionais
Etica nas ações profissionaisEtica nas ações profissionais
Etica nas ações profissionais
 
As virtudes na profissão e na universidade
As virtudes na profissão e na universidadeAs virtudes na profissão e na universidade
As virtudes na profissão e na universidade
 
éTica nas ações profissionais
éTica nas ações profissionaiséTica nas ações profissionais
éTica nas ações profissionais
 
éTica nas ações profissionais
éTica nas ações profissionaiséTica nas ações profissionais
éTica nas ações profissionais
 
Rompendo barreiras para gerar nov as idéias
Rompendo barreiras para gerar nov as idéiasRompendo barreiras para gerar nov as idéias
Rompendo barreiras para gerar nov as idéias
 
Identificação do problema
Identificação do problemaIdentificação do problema
Identificação do problema
 
Etica e ciencia
Etica e cienciaEtica e ciencia
Etica e ciencia
 
Exito ou fracasso
Exito ou fracassoExito ou fracasso
Exito ou fracasso
 
Metodologia de pesquisa nv
Metodologia de pesquisa nvMetodologia de pesquisa nv
Metodologia de pesquisa nv
 
Exito ou fracasso
Exito ou fracassoExito ou fracasso
Exito ou fracasso
 
As invenções e a revolução industrial
As invenções e a revolução industrialAs invenções e a revolução industrial
As invenções e a revolução industrial
 
As potencias humanas e os modelos de felicidade
As potencias humanas e os modelos de felicidadeAs potencias humanas e os modelos de felicidade
As potencias humanas e os modelos de felicidade
 
1. introdução ao método dos elementos de contorno
1. introdução ao método dos elementos de contorno1. introdução ao método dos elementos de contorno
1. introdução ao método dos elementos de contorno
 
8. ciencia e fe 1
8. ciencia e fe 18. ciencia e fe 1
8. ciencia e fe 1
 
Modelagem mef
Modelagem mefModelagem mef
Modelagem mef
 
Virtudes e defeitos dos caracteres
Virtudes e defeitos dos caracteresVirtudes e defeitos dos caracteres
Virtudes e defeitos dos caracteres
 
Etica carateriologia
Etica carateriologiaEtica carateriologia
Etica carateriologia
 
3. a revolução industrial medieval
3. a revolução industrial medieval3. a revolução industrial medieval
3. a revolução industrial medieval
 
2. a ciencia antiga
2. a ciencia antiga2. a ciencia antiga
2. a ciencia antiga
 
1.ciência e técnica
1.ciência e técnica 1.ciência e técnica
1.ciência e técnica
 

Liderança

  • 1. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ
  • 2. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Definições „ “É a pessoa que está à frente para guiar ou mostrar o caminho, ou que precede ou dirige qualquer ação, opinião ou movimento” „ Segundo James Hunter (2005), “É a habilidade de influenciar pessoas para trabalharem entusiasticamente visando atingir aos objetivos como sendo para o bem comum”
  • 3. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Gerentes e Líderes „ “Gerentes são aqueles que fazem as coisas corretamente” „ “Líderes são aqueles que fazem as coisas corretas.” Willian Bennis
  • 4. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ LIDERANÇA E ADMINISTRAÇÃO Liderar: saber decidir-se pelo que é mais importante! Administrar: se limita pôr o mais importante em primeiro lugar! Em casa nas coisas importantes mando eu !! Agora,... quem diz o que é importante, ou não, é a minha mulher!!! Quem é que manda na tua casa?
  • 5. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ CARACTERÍSTICAS „ GERENTE: ƒ cumpre as metas ƒ segue as rotinas ƒ controla fluxos de caixa/orçamentos ƒ soluciona conflitos ƒ orientado ao hoje ƒ cuida da estrutura e hierarquia „ LÍDER: ƒ define a direção ƒ promove transformações ƒ empreende e persegue idéias ƒ cria conflitos ƒ visão do futuro ƒ aloca as pessoas e delega poderes
  • 6. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Requisitos do Líder • Não deve ser temido, mas admirado pelas suas qualidades e virtudes. • É uma referência e ao mesmo tempo um estímulo. • Referência: • De comportamento ético • De trabalho • De relacionamento • A liderança não se impõe, mas se conquista
  • 7. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Virtudes e qualidades principais • Prudência • Pensa para tomar decisões acertadas • Fortaleza • Atua com decisão e constância • Justiça • Cria um ambiente estimulante e construtivo • Temperança • Domina a sí mesmo para ser paciente e não atropelar os demais
  • 8. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Exemplos de líderes
  • 9. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Um exemplo
  • 10. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ • Excelência Profissional. • Domínio da Técnica •Estudo, anos de faculdade • Constante atualização • Cursos, estudo individual Ponto de partida
  • 11. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Constrói relacionamentos de qualidade (Justiça) • É reto, desinteressado e Alegre. • Não faz acepção de pessoas (panelinhas) • Está interessado no bem de todos • Trabalha na lógica do Ganha-Ganha • Confia
  • 12. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Procura a qualidade de ação • Missão principal • Estimular e animar. • Delega tarefas. • Mais do que fazer, o líder estimula a fazer! • Não trabalha como 20, mas faz trabalhar a 20! • Forma os seus subordinados. • É um descobridor e distribuidor de homens!
  • 13. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Circunspecção „ Capacidade de captar a realidade. ƒ Parte da virtude da prudência „ Capta: ƒ A oportunidade daquela ação ƒ O estado de ânimo de uma pessoa ou do grupo
  • 14. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Chefe insensível
  • 15. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ “Bolas Fora” da liderança „ Não é ético ƒ Mente, descumpre o prometido, engana, é impontual, injusto, oscilações de ânimo „ O Abuso de poder: ƒ Mandar humilhando ƒ Explosões em público, fazer pouco caso do trabalho dos demais. ƒ Desrespeito
  • 16. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ “Bolas dentro” „ Tratar como gostaríamos que nos tratassem: ƒ Ao mandar, não simplesmente ordena, mas mostra o sentido daquilo ƒ Educação ƒ Respeito ƒ Bom humor
  • 17. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Nas dificuldades „ Nas Dificuldades: ƒ O líder vai na frente abrindo caminho ƒ Estimula, anima e sustenta „ Nos êxitos: ƒ O líder alegra-se com o sucesso dos seus subordinados „ Henrique V: Discurso de São Crispim
  • 18. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ TIGRÃO! Petulante! Sabe-tudo! Não ouve! Presunçoso! SAPÃO Cuca fresca! Não tem problema! Fica frio! Dá um tempo! NEGLIGENTE! Não toma iniciativa! Esconde-se do perigo! Descuidado! FALSOS LÍDERES
  • 19. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Os desafios de LIDERAR HOJE Novas tecnologias Mais aprendizado Maior concorrência Mais agilidade Maior inovação Aprender coisas novas Mudar comportamentos Criar vinculos Trabalhar em equipe Desenvolver pessoas ESFORÇO
  • 20. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ Teste 1. A liderança que possui uma pessoa que valoriza as contribuições de cada integrante do grupo, e obtêm o comprometimento através da participação é chamada de: a) Visionária b) Carismática c) Democrática d) Servidora
  • 21. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ 2. O líder que possui o “dom natural” de influenciar pessoas, é aquele que faz uso da liderança: a) Servidora b) Carismática c) Visionária d) Democrática
  • 22. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ 3. Qual destas qualidades abaixo não se encaixa no perfil de uma liderança? a) Imparcialidade b) Humildade c) Inteligência d) Rigidez
  • 23. Prof. Raul Pessolani - UFF - Niterói - RJ 4. Aquele que tem a tarefa de fazer funcionar o grupo, ou de tomar deliberações e incorporá-las assim como ordens e instruções gerais e especificas, é o conceito imposto ao: a) Líder b) Coronel c) Gerente d) Chefe