SlideShare uma empresa Scribd logo
Ikea
Case study
Lean Supply Chain Management
IKEA – Case study
• Fundador: Ingvar Kamprad fundou o Ikea em 1943 com 17 anos;
• Inicialmente o Ikea vendia canetas, carteiras, relógios e outros tantos artigos que o
fundador considerava poder vender a baixo custo;
• Atualmente o Ikea concebe, desenha e idealiza a maioria dos seus produtos.
• Estrutura da cadeia de fornecimento:
- 14700 colaboradores;
- 1350 fornecedores;
- 31 escritórios de serviços comerciais em 26 países;
- 31 centros de distribuição;
- 315 lojas;
Jan2020 LEAN SCM 2
IKEA – Case study
• Os produtos Ikea têm a contribuição/intervenção de vários países pelo mundo:
• China
• Polónia
Portugal
• Suécia
Jan2020 LEAN SCM 3
IKEA – Case study
• Produzir e fornecer para o Ikea inclui seguir o Código de conduta Iway:
- Seguir as leis nacionais e internacionais;
- Não recorrer ao trabalho infantil;
- Não usar madeira de florestas não sustentáveis;
- Reduzir os seus desperdícios;
- Contribuir ativamente no processo de reciclagem;
- Cumprir com os requisites de saúde, hygiene e segurança;
- Preocupar-se com as questões ambientais;
- Cuidar dos seus funcionários
Jan2020 LEAN SCM 4
IKEA – Case study
• A cadeia de fornecimento como cadeia de valor
“Relações win win entre parceiros da cadeia de desenvolvimento sustentável”
O Ikea pratica contratos de longa duração com os seus fornecedores, procura manter
sempre os mesmos fornecedores e acompanha todo o processo junto do seus parceiros:
- Otimização dos custos de produção;
- Contratos com melhores preços;
- Menor risco de erros e falhas;
“Sincronização flexível”
O Ikea apresenta uma boa qualidade na infraestrutura de informação em toda a sua
cadeia de fornecimento.
Jan2020 LEAN SCM 5
IKEA – Case study
Jan2020 LEAN SCM 6
• A cadeia de abastecimento segue o conceito Push: há a produção para stock com base
na previsão enviada pela IKEA. – Há a antecipação da encomenda real do cliente.
- É enviado um forecast das vendas de 52 semanas (Supply plan information) e a partir daqui são colocadas
encomendas diárias por parte da Ikea. É através do planeamento mestre que são definidas produções semanais e os
stocks necessários para garantir produto sempre disponível para o cliente final.
- O Planeamento de produção, por sua vez, define o sequenciamento de produção e embalagem, faz então
o desdobramento do plano mestre ao dia através do lançamento de ordens de produção para os postos de trabalho
nas fábricas.
- Do Planeamento mestre sai ainda o Planeamento de materiais que trata das encomendas aos
fornecedores de todos os materiais necessários para a produção planeada.
- Por fim o Planeamento de cargas realiza o agendamento dos envios de produto final dos armazéns para
os centros de distribuição e para as lojas.
O planeamento de produção e de materiais é feito individualmente para cada fábrica no entanto os fornecedores e
armazéns de produto acabado são comuns. O Planeamento de cargas é feito centralmente sendo da
responsabilidade de um único Departamento, o departamento de cargas.
IKEA – Case study
Jan2020 LEAN SCM 7
IKEA – Case study
• A cadeia de fornecimento como cadeia de valor
“O material certo no momento certo ao mais baixo custo e de acordo com o pedido.”
Características da cadeia de distribuição:
- Os centros de armazenagem e distribuição encontram-se em locais estratégicos para
uma maior facilidade de distribuição pelas lojas do mundo inteiro;
- O transporte dos artigo é feito preferencialmente por comboio (sempre que
possível) para redução dos custos inerentes;
- São feitos transportes otimizados ou seja, máxima carga possível em cada entrega;
- Os artigos são embalados em embalagens planas para melhor acomodação de todo
o material (Otimização do espaço);
Jan2020 LEAN SCM 8
IKEA – Case study
Jan2020 LEAN SCM 9
• Características das lojas:
As lojas acrescentam valor aos produtos produzidos anteriormente através da disponibilização de
uma experiência de compra diferente do habitual:
- O conceito: “Nós fazemos metade, você faz a outra metade. Juntos poupamos dinheiro”. O
cliente, após escolha do que pretende adquirir, tem ele próprio o acesso ao armazém para fazer a
recolha dos artigos por si selecionados. Este armazém encontra-se altamente organizado cumprindo
com os 5 S’s;
- Por toda a loja encontram-se modelos de divisões de casa realistas construídas apenas
com artigos Ikea para o cliente ter possibilidade de viver a experiência do que pretende ter para si no
futuro, antes mesmo de efetuar a compra;
- Cada loja tem capacidade para mais de 9500 produtos possibilitando uma grande
variedade de escolha;
- Existe ainda um serviço de catálogo, “catálogo” online e de entrega ao domicílio poupando
assim tempo ao cliente;
IKEA – Case study
Jan2020 LEAN SCM 10
“Otimização global de recursos, constante eliminação de desperdícios.”
- 50% dos mais de 9500 produtos são produzidos com madeira ou fibra de madeira. Material reciclável e material
proveniente de uma fonte renovável;
- A Ikea procura criar soluções sustentáveis e com o menor impacto ambiental possível através de designs únicos:
1. Algumas mesas são feitas de plástico reciclado;
2. Alguns tapetes são produzidos com sobras de materiais/tecidos que de outro modo seriam deitados fora;
3. Produtos como vasilhames de água são desenhados para se otimizar o seu formato de maneira a otimizar o seu
transporte em maiores quantidades reduzindo o número de viagens de distribuição;
4. Algum mobiliário é desenhado com as “pernas ocas” minimizando a utilização dos recursos;
- A Ikea trabalha com uma ferramenta específica – “e-wheel” utilizada por toda a cadeia de fornecimento e que visa
avaliar o impacto ambiental dos seus produtos. Ajuda nos 4 estágios do produto: impacto ambiental na extração das
matérias-primas, no processo produtivo, na utilização e vida útil dos artigos pelo cliente final e soluções de reciclagem
e/ou fim de vida;
IKEA – Case study
• Logística inversa:
- A Ikea não se fica por aqui. Para esta empresa importa controlar, otimizar e
melhorar o processo relativo aos produtos devolvidos ou produtos que se encontram
em fim de vida:
Os clientes insatisfeitos com produtos Ikea podem devolvê-los através de um centro
de recolha localizado em todas as cidades ondem existem lojas Ikea. Nestes locais, os
artigos são analizados e encaminhados para os Centros de distribuição que
forneceram o artigo em causa. O produto por sua vez é enviado para a empresa na
Suécia que recicla o mesmo promovendo a sua entrada de novo na cadeia de
fornecimento.
De acordo com um estudo realizado na Ikea, cerca de 70% dos produtos devolvidos
são reciclados e os restantes 30% vão para eliminação.
Jan2020 LEAN SCM 11
Obrigada!
Tânia Viegas
Pedro Gustavo

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Caso Inditex
Caso InditexCaso Inditex
Técnicas de merchandising
Técnicas de merchandisingTécnicas de merchandising
Técnicas de merchandising
joaninha09
 
Logistica integrada
Logistica integradaLogistica integrada
Logistica integrada
claudio1972
 
Gestão da Cadeia de Suprimentos - E-Commerce
Gestão da Cadeia de Suprimentos - E-CommerceGestão da Cadeia de Suprimentos - E-Commerce
Gestão da Cadeia de Suprimentos - E-Commerce
Valdir Junior
 
Case study grupo inditex
Case study grupo inditexCase study grupo inditex
Case study grupo inditex
CLT Valuebased Services
 
Marketing mix
Marketing mix Marketing mix
Marketing mix
RuiRodrigues194
 
tecnicas de reposiçao
tecnicas de reposiçaotecnicas de reposiçao
tecnicas de reposiçao
Nicole Bettencourt
 
Caso de estudo parfois
Caso de estudo parfoisCaso de estudo parfois
Caso de estudo parfois
CLT Valuebased Services
 
Case study grupo inditex
Case study grupo inditexCase study grupo inditex
Case study grupo inditex
CLT Valuebased Services
 
Canais De DistribuiçãO Fund. GetúLio Vargas
Canais De DistribuiçãO   Fund. GetúLio VargasCanais De DistribuiçãO   Fund. GetúLio Vargas
Canais De DistribuiçãO Fund. GetúLio Vargas
Dawison Calheiros
 
Logística e distribuição
Logística e distribuiçãoLogística e distribuição
Logística e distribuição
Gilberto Freitas
 
Merchandising em Supermercados
Merchandising em SupermercadosMerchandising em Supermercados
Merchandising em Supermercados
Gisele Sá Rêgo
 
Case study Parfois
Case study  ParfoisCase study  Parfois
Case study Parfois
CLT Valuebased Services
 
Heineken
HeinekenHeineken
Heineken
Crissia Santos
 
NIVEIS DE ESTOQUE - PROF JANNIELI MORAES.pptx
NIVEIS DE ESTOQUE - PROF JANNIELI MORAES.pptxNIVEIS DE ESTOQUE - PROF JANNIELI MORAES.pptx
NIVEIS DE ESTOQUE - PROF JANNIELI MORAES.pptx
Jannieli Moraes
 
Canais de distribuicao
Canais de distribuicaoCanais de distribuicao
Canais de distribuicao
Leandro Sperotto SPEROTTO
 
Aula 02 arranjo físico - parte I
Aula 02   arranjo físico - parte IAula 02   arranjo físico - parte I
Aula 02 arranjo físico - parte I
Adilson Paradella
 
Organização de espaço de venda
Organização de espaço de vendaOrganização de espaço de venda
Organização de espaço de venda
tiaguinho1
 
Case Study Parfois
Case Study ParfoisCase Study Parfois
Case Study Parfois
CLT Valuebased Services
 
Arrumação mercadoria armazém.pptx
Arrumação mercadoria armazém.pptxArrumação mercadoria armazém.pptx
Arrumação mercadoria armazém.pptx
9373
 

Mais procurados (20)

Caso Inditex
Caso InditexCaso Inditex
Caso Inditex
 
Técnicas de merchandising
Técnicas de merchandisingTécnicas de merchandising
Técnicas de merchandising
 
Logistica integrada
Logistica integradaLogistica integrada
Logistica integrada
 
Gestão da Cadeia de Suprimentos - E-Commerce
Gestão da Cadeia de Suprimentos - E-CommerceGestão da Cadeia de Suprimentos - E-Commerce
Gestão da Cadeia de Suprimentos - E-Commerce
 
Case study grupo inditex
Case study grupo inditexCase study grupo inditex
Case study grupo inditex
 
Marketing mix
Marketing mix Marketing mix
Marketing mix
 
tecnicas de reposiçao
tecnicas de reposiçaotecnicas de reposiçao
tecnicas de reposiçao
 
Caso de estudo parfois
Caso de estudo parfoisCaso de estudo parfois
Caso de estudo parfois
 
Case study grupo inditex
Case study grupo inditexCase study grupo inditex
Case study grupo inditex
 
Canais De DistribuiçãO Fund. GetúLio Vargas
Canais De DistribuiçãO   Fund. GetúLio VargasCanais De DistribuiçãO   Fund. GetúLio Vargas
Canais De DistribuiçãO Fund. GetúLio Vargas
 
Logística e distribuição
Logística e distribuiçãoLogística e distribuição
Logística e distribuição
 
Merchandising em Supermercados
Merchandising em SupermercadosMerchandising em Supermercados
Merchandising em Supermercados
 
Case study Parfois
Case study  ParfoisCase study  Parfois
Case study Parfois
 
Heineken
HeinekenHeineken
Heineken
 
NIVEIS DE ESTOQUE - PROF JANNIELI MORAES.pptx
NIVEIS DE ESTOQUE - PROF JANNIELI MORAES.pptxNIVEIS DE ESTOQUE - PROF JANNIELI MORAES.pptx
NIVEIS DE ESTOQUE - PROF JANNIELI MORAES.pptx
 
Canais de distribuicao
Canais de distribuicaoCanais de distribuicao
Canais de distribuicao
 
Aula 02 arranjo físico - parte I
Aula 02   arranjo físico - parte IAula 02   arranjo físico - parte I
Aula 02 arranjo físico - parte I
 
Organização de espaço de venda
Organização de espaço de vendaOrganização de espaço de venda
Organização de espaço de venda
 
Case Study Parfois
Case Study ParfoisCase Study Parfois
Case Study Parfois
 
Arrumação mercadoria armazém.pptx
Arrumação mercadoria armazém.pptxArrumação mercadoria armazém.pptx
Arrumação mercadoria armazém.pptx
 

Semelhante a Ikea case study

Presentation1.pptx
Presentation1.pptxPresentation1.pptx
Presentation1.pptx
GedSouza
 
Aula 1 produção
Aula 1    produçãoAula 1    produção
Aula 1 produção
Fernando Pontual S Leão
 
Aula 1 produção
Aula 1    produçãoAula 1    produção
Aula 1 produção
Fernando Pontual S Leão
 
Ikea final
Ikea finalIkea final
Análise Estratégica Grupo IKEA. BSC Canvas
Análise Estratégica Grupo IKEA. BSC CanvasAnálise Estratégica Grupo IKEA. BSC Canvas
Análise Estratégica Grupo IKEA. BSC Canvas
astralpaesrh
 
Carrinho de compras desmontável
Carrinho de compras desmontável  Carrinho de compras desmontável
Carrinho de compras desmontável
Ani Inventores
 
Carrinho de compras desmontável
Carrinho de compras desmontável   Carrinho de compras desmontável
Carrinho de compras desmontável
Ani Inventores
 
armazenagem.pdf
armazenagem.pdfarmazenagem.pdf
armazenagem.pdf
ALEXANDREMAGNUSPEREI1
 
Distribuição e Logística
Distribuição e LogísticaDistribuição e Logística
Distribuição e Logística
Daniela Alexandra
 
Gestão de produto
Gestão de produtoGestão de produto
Gestão de produto
valter2001
 
Milkrun e Mizu
Milkrun e MizuMilkrun e Mizu
Milkrun e Mizu
CLT Valuebased Services
 
2trabalho normando
2trabalho normando2trabalho normando
2trabalho normando
Carvalho Junior
 
Ikea[1]
Ikea[1]Ikea[1]
Ikea[1]
borgesnuria
 
Workshop - Gestão e Controle de Estoque para E-Commerce [E-Commerce Brasil]
Workshop - Gestão e Controle de Estoque para E-Commerce [E-Commerce Brasil]Workshop - Gestão e Controle de Estoque para E-Commerce [E-Commerce Brasil]
Workshop - Gestão e Controle de Estoque para E-Commerce [E-Commerce Brasil]
E-Commerce Brasil
 
gcs_aula02.pdf
gcs_aula02.pdfgcs_aula02.pdf
Planejamento de Coleção
Planejamento de ColeçãoPlanejamento de Coleção
Planejamento de Coleção
Ana
 
Carrinho de supermercado dobravel
Carrinho de supermercado dobravel   Carrinho de supermercado dobravel
Carrinho de supermercado dobravel
Ani Inventores
 
Apresentação4
Apresentação4Apresentação4
Apresentação4
Crisleon Valadares
 
Logística Promocional - Marketing & Distribuição
Logística Promocional - Marketing & DistribuiçãoLogística Promocional - Marketing & Distribuição
Logística Promocional - Marketing & Distribuição
Opengo,Espro,AllNet, Led Informática, Instituto Dom Bosco
 
M 6 ad_a03
M 6 ad_a03M 6 ad_a03
M 6 ad_a03
Angelo Yasui
 

Semelhante a Ikea case study (20)

Presentation1.pptx
Presentation1.pptxPresentation1.pptx
Presentation1.pptx
 
Aula 1 produção
Aula 1    produçãoAula 1    produção
Aula 1 produção
 
Aula 1 produção
Aula 1    produçãoAula 1    produção
Aula 1 produção
 
Ikea final
Ikea finalIkea final
Ikea final
 
Análise Estratégica Grupo IKEA. BSC Canvas
Análise Estratégica Grupo IKEA. BSC CanvasAnálise Estratégica Grupo IKEA. BSC Canvas
Análise Estratégica Grupo IKEA. BSC Canvas
 
Carrinho de compras desmontável
Carrinho de compras desmontável  Carrinho de compras desmontável
Carrinho de compras desmontável
 
Carrinho de compras desmontável
Carrinho de compras desmontável   Carrinho de compras desmontável
Carrinho de compras desmontável
 
armazenagem.pdf
armazenagem.pdfarmazenagem.pdf
armazenagem.pdf
 
Distribuição e Logística
Distribuição e LogísticaDistribuição e Logística
Distribuição e Logística
 
Gestão de produto
Gestão de produtoGestão de produto
Gestão de produto
 
Milkrun e Mizu
Milkrun e MizuMilkrun e Mizu
Milkrun e Mizu
 
2trabalho normando
2trabalho normando2trabalho normando
2trabalho normando
 
Ikea[1]
Ikea[1]Ikea[1]
Ikea[1]
 
Workshop - Gestão e Controle de Estoque para E-Commerce [E-Commerce Brasil]
Workshop - Gestão e Controle de Estoque para E-Commerce [E-Commerce Brasil]Workshop - Gestão e Controle de Estoque para E-Commerce [E-Commerce Brasil]
Workshop - Gestão e Controle de Estoque para E-Commerce [E-Commerce Brasil]
 
gcs_aula02.pdf
gcs_aula02.pdfgcs_aula02.pdf
gcs_aula02.pdf
 
Planejamento de Coleção
Planejamento de ColeçãoPlanejamento de Coleção
Planejamento de Coleção
 
Carrinho de supermercado dobravel
Carrinho de supermercado dobravel   Carrinho de supermercado dobravel
Carrinho de supermercado dobravel
 
Apresentação4
Apresentação4Apresentação4
Apresentação4
 
Logística Promocional - Marketing & Distribuição
Logística Promocional - Marketing & DistribuiçãoLogística Promocional - Marketing & Distribuição
Logística Promocional - Marketing & Distribuição
 
M 6 ad_a03
M 6 ad_a03M 6 ad_a03
M 6 ad_a03
 

Mais de CLT Valuebased Services

Caso testo lean
Caso testo leanCaso testo lean
Caso testo lean
CLT Valuebased Services
 
Indicadores para a manutencao lean
Indicadores para a manutencao leanIndicadores para a manutencao lean
Indicadores para a manutencao lean
CLT Valuebased Services
 
CPFR lean SCM
CPFR lean SCMCPFR lean SCM
Case study Walmart
Case study WalmartCase study Walmart
Case study Walmart
CLT Valuebased Services
 
Logistica Milk Run e Mizu
Logistica Milk Run e MizuLogistica Milk Run e Mizu
Logistica Milk Run e Mizu
CLT Valuebased Services
 
Last Mile Logistics
Last Mile LogisticsLast Mile Logistics
Last Mile Logistics
CLT Valuebased Services
 
Industry 4.0
Industry 4.0Industry 4.0
Lean 6Sigma Agile 2019
Lean 6Sigma Agile 2019Lean 6Sigma Agile 2019
Lean 6Sigma Agile 2019
CLT Valuebased Services
 
Tabelas MTM ln IPC
Tabelas MTM ln IPCTabelas MTM ln IPC
Tabelas MTM ln IPC
CLT Valuebased Services
 
Bordo de linha
Bordo de linhaBordo de linha
Bordo de linha
CLT Valuebased Services
 
Scrum Book
Scrum BookScrum Book
Booklet Estudo do Trabalho final
Booklet Estudo do Trabalho finalBooklet Estudo do Trabalho final
Booklet Estudo do Trabalho final
CLT Valuebased Services
 
Domotica
DomoticaDomotica
Projeto Implementação Lean
Projeto Implementação Lean Projeto Implementação Lean
Projeto Implementação Lean
CLT Valuebased Services
 
Retrato de Poortugal 2019
Retrato de Poortugal 2019Retrato de Poortugal 2019
Retrato de Poortugal 2019
CLT Valuebased Services
 
Fut global-edition
Fut  global-editionFut  global-edition
Fut global-edition
CLT Valuebased Services
 
Tabelas MTM LM IPC
Tabelas MTM LM IPCTabelas MTM LM IPC
Tabelas MTM LM IPC
CLT Valuebased Services
 
Exercicio de Dimensionamento do Mizu
Exercicio de Dimensionamento do MizuExercicio de Dimensionamento do Mizu
Exercicio de Dimensionamento do Mizu
CLT Valuebased Services
 
TWI JI
TWI JITWI JI
Exercicio de Antropometria
Exercicio de AntropometriaExercicio de Antropometria
Exercicio de Antropometria
CLT Valuebased Services
 

Mais de CLT Valuebased Services (20)

Caso testo lean
Caso testo leanCaso testo lean
Caso testo lean
 
Indicadores para a manutencao lean
Indicadores para a manutencao leanIndicadores para a manutencao lean
Indicadores para a manutencao lean
 
CPFR lean SCM
CPFR lean SCMCPFR lean SCM
CPFR lean SCM
 
Case study Walmart
Case study WalmartCase study Walmart
Case study Walmart
 
Logistica Milk Run e Mizu
Logistica Milk Run e MizuLogistica Milk Run e Mizu
Logistica Milk Run e Mizu
 
Last Mile Logistics
Last Mile LogisticsLast Mile Logistics
Last Mile Logistics
 
Industry 4.0
Industry 4.0Industry 4.0
Industry 4.0
 
Lean 6Sigma Agile 2019
Lean 6Sigma Agile 2019Lean 6Sigma Agile 2019
Lean 6Sigma Agile 2019
 
Tabelas MTM ln IPC
Tabelas MTM ln IPCTabelas MTM ln IPC
Tabelas MTM ln IPC
 
Bordo de linha
Bordo de linhaBordo de linha
Bordo de linha
 
Scrum Book
Scrum BookScrum Book
Scrum Book
 
Booklet Estudo do Trabalho final
Booklet Estudo do Trabalho finalBooklet Estudo do Trabalho final
Booklet Estudo do Trabalho final
 
Domotica
DomoticaDomotica
Domotica
 
Projeto Implementação Lean
Projeto Implementação Lean Projeto Implementação Lean
Projeto Implementação Lean
 
Retrato de Poortugal 2019
Retrato de Poortugal 2019Retrato de Poortugal 2019
Retrato de Poortugal 2019
 
Fut global-edition
Fut  global-editionFut  global-edition
Fut global-edition
 
Tabelas MTM LM IPC
Tabelas MTM LM IPCTabelas MTM LM IPC
Tabelas MTM LM IPC
 
Exercicio de Dimensionamento do Mizu
Exercicio de Dimensionamento do MizuExercicio de Dimensionamento do Mizu
Exercicio de Dimensionamento do Mizu
 
TWI JI
TWI JITWI JI
TWI JI
 
Exercicio de Antropometria
Exercicio de AntropometriaExercicio de Antropometria
Exercicio de Antropometria
 

Ikea case study

  • 1. Ikea Case study Lean Supply Chain Management
  • 2. IKEA – Case study • Fundador: Ingvar Kamprad fundou o Ikea em 1943 com 17 anos; • Inicialmente o Ikea vendia canetas, carteiras, relógios e outros tantos artigos que o fundador considerava poder vender a baixo custo; • Atualmente o Ikea concebe, desenha e idealiza a maioria dos seus produtos. • Estrutura da cadeia de fornecimento: - 14700 colaboradores; - 1350 fornecedores; - 31 escritórios de serviços comerciais em 26 países; - 31 centros de distribuição; - 315 lojas; Jan2020 LEAN SCM 2
  • 3. IKEA – Case study • Os produtos Ikea têm a contribuição/intervenção de vários países pelo mundo: • China • Polónia Portugal • Suécia Jan2020 LEAN SCM 3
  • 4. IKEA – Case study • Produzir e fornecer para o Ikea inclui seguir o Código de conduta Iway: - Seguir as leis nacionais e internacionais; - Não recorrer ao trabalho infantil; - Não usar madeira de florestas não sustentáveis; - Reduzir os seus desperdícios; - Contribuir ativamente no processo de reciclagem; - Cumprir com os requisites de saúde, hygiene e segurança; - Preocupar-se com as questões ambientais; - Cuidar dos seus funcionários Jan2020 LEAN SCM 4
  • 5. IKEA – Case study • A cadeia de fornecimento como cadeia de valor “Relações win win entre parceiros da cadeia de desenvolvimento sustentável” O Ikea pratica contratos de longa duração com os seus fornecedores, procura manter sempre os mesmos fornecedores e acompanha todo o processo junto do seus parceiros: - Otimização dos custos de produção; - Contratos com melhores preços; - Menor risco de erros e falhas; “Sincronização flexível” O Ikea apresenta uma boa qualidade na infraestrutura de informação em toda a sua cadeia de fornecimento. Jan2020 LEAN SCM 5
  • 6. IKEA – Case study Jan2020 LEAN SCM 6 • A cadeia de abastecimento segue o conceito Push: há a produção para stock com base na previsão enviada pela IKEA. – Há a antecipação da encomenda real do cliente. - É enviado um forecast das vendas de 52 semanas (Supply plan information) e a partir daqui são colocadas encomendas diárias por parte da Ikea. É através do planeamento mestre que são definidas produções semanais e os stocks necessários para garantir produto sempre disponível para o cliente final. - O Planeamento de produção, por sua vez, define o sequenciamento de produção e embalagem, faz então o desdobramento do plano mestre ao dia através do lançamento de ordens de produção para os postos de trabalho nas fábricas. - Do Planeamento mestre sai ainda o Planeamento de materiais que trata das encomendas aos fornecedores de todos os materiais necessários para a produção planeada. - Por fim o Planeamento de cargas realiza o agendamento dos envios de produto final dos armazéns para os centros de distribuição e para as lojas. O planeamento de produção e de materiais é feito individualmente para cada fábrica no entanto os fornecedores e armazéns de produto acabado são comuns. O Planeamento de cargas é feito centralmente sendo da responsabilidade de um único Departamento, o departamento de cargas.
  • 7. IKEA – Case study Jan2020 LEAN SCM 7
  • 8. IKEA – Case study • A cadeia de fornecimento como cadeia de valor “O material certo no momento certo ao mais baixo custo e de acordo com o pedido.” Características da cadeia de distribuição: - Os centros de armazenagem e distribuição encontram-se em locais estratégicos para uma maior facilidade de distribuição pelas lojas do mundo inteiro; - O transporte dos artigo é feito preferencialmente por comboio (sempre que possível) para redução dos custos inerentes; - São feitos transportes otimizados ou seja, máxima carga possível em cada entrega; - Os artigos são embalados em embalagens planas para melhor acomodação de todo o material (Otimização do espaço); Jan2020 LEAN SCM 8
  • 9. IKEA – Case study Jan2020 LEAN SCM 9 • Características das lojas: As lojas acrescentam valor aos produtos produzidos anteriormente através da disponibilização de uma experiência de compra diferente do habitual: - O conceito: “Nós fazemos metade, você faz a outra metade. Juntos poupamos dinheiro”. O cliente, após escolha do que pretende adquirir, tem ele próprio o acesso ao armazém para fazer a recolha dos artigos por si selecionados. Este armazém encontra-se altamente organizado cumprindo com os 5 S’s; - Por toda a loja encontram-se modelos de divisões de casa realistas construídas apenas com artigos Ikea para o cliente ter possibilidade de viver a experiência do que pretende ter para si no futuro, antes mesmo de efetuar a compra; - Cada loja tem capacidade para mais de 9500 produtos possibilitando uma grande variedade de escolha; - Existe ainda um serviço de catálogo, “catálogo” online e de entrega ao domicílio poupando assim tempo ao cliente;
  • 10. IKEA – Case study Jan2020 LEAN SCM 10 “Otimização global de recursos, constante eliminação de desperdícios.” - 50% dos mais de 9500 produtos são produzidos com madeira ou fibra de madeira. Material reciclável e material proveniente de uma fonte renovável; - A Ikea procura criar soluções sustentáveis e com o menor impacto ambiental possível através de designs únicos: 1. Algumas mesas são feitas de plástico reciclado; 2. Alguns tapetes são produzidos com sobras de materiais/tecidos que de outro modo seriam deitados fora; 3. Produtos como vasilhames de água são desenhados para se otimizar o seu formato de maneira a otimizar o seu transporte em maiores quantidades reduzindo o número de viagens de distribuição; 4. Algum mobiliário é desenhado com as “pernas ocas” minimizando a utilização dos recursos; - A Ikea trabalha com uma ferramenta específica – “e-wheel” utilizada por toda a cadeia de fornecimento e que visa avaliar o impacto ambiental dos seus produtos. Ajuda nos 4 estágios do produto: impacto ambiental na extração das matérias-primas, no processo produtivo, na utilização e vida útil dos artigos pelo cliente final e soluções de reciclagem e/ou fim de vida;
  • 11. IKEA – Case study • Logística inversa: - A Ikea não se fica por aqui. Para esta empresa importa controlar, otimizar e melhorar o processo relativo aos produtos devolvidos ou produtos que se encontram em fim de vida: Os clientes insatisfeitos com produtos Ikea podem devolvê-los através de um centro de recolha localizado em todas as cidades ondem existem lojas Ikea. Nestes locais, os artigos são analizados e encaminhados para os Centros de distribuição que forneceram o artigo em causa. O produto por sua vez é enviado para a empresa na Suécia que recicla o mesmo promovendo a sua entrada de novo na cadeia de fornecimento. De acordo com um estudo realizado na Ikea, cerca de 70% dos produtos devolvidos são reciclados e os restantes 30% vão para eliminação. Jan2020 LEAN SCM 11