SlideShare uma empresa Scribd logo
Kleitor Franklint
do Desenvolvimento
de Software
Gestão de projeto
INTRODUÇÃO
KLEITOR
Entusiasta da Vida,
Qualidade, Ágil, Teste
.. De abordagens...
que descobrem surpresas,
adaptam-se às circunstâncias
e recebem um "wow !" do cliente
kleitor.franklint@gmail.com
br.linkedin.com/in/kfranklint
99416-0873
3
Esta apresentação é material de apoio, não objetivo fim.
Seu fim é trazer temas que gerem profundas reflexões e
ajudem a fazer conexões criando base sólida à prática de
gestão na disciplina de Gestão de Projeto no curso de
especialização em engenharia de software do CESF /
FUCAPI. 
Kleitor
4
Onde estamos e pra onde
vamos?
Esta disciplina se baseia
no PMI PMBOK 5ª edição
5
O Project Management Institute (PMI) é a maior
associação sem fins lucrativos do mundo para
profissionais de Gerenciamento de Projetos.
Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
6
PMBOK
É padrão e guia de gerenciamento de projetos do
PMI
‘Traz recomendações do que deve ser feito na
maioria dos casos para que se tenha sucesso. E
como toda boa prática, suas recomendações são
adaptáveis às necessidades de cada organização.”
Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
7
PMBOK
Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
Mas afinal, o que é um padrão?
Um padrão (ou standard) é um documento
estabelecido em consenso, aprovado por um
grupo reconhecido, que provê um guia para uso
repetitivo de processos.
8
Onde estamos e pra onde vamos?
No começo o mundo era uma bola
de gelo e existia PMBOK 5ª Edição
Mas se percebeu que podia melhorar
e surgiu PMBOK 6ª Edição
9
PMBOK 6ª Edição
Amadureceu em termos de conteúdo e
consistência;
Maior alinhamento com a norma ISO
21500 e outras normas;
Práticas ágeis foram incorporadas ao Guia
PMBOK® em CADA Área de Conhecimento.
Onde estamos e pra onde vamos?
www.pmi.org/pmbok-guide-exposure-draft
http://blog.pmtech.com.br
10
http://blog.pmtech.com.br
PMBOK
11
Onde estamos e pra onde
vamos?
Este módulo se baseia no
PMI PMBOK 5ª edição
Com um toque de Ágil
12
Por que existe a gestão de projetos?
É pro projeto ser entregue no prazo?
É pra ganhar dinheiro?
É pra ter o time e o cliente feliz?
13
Gestão de Projetos
Conceitos essenciais e
reflexões
14
O que é um projeto?
Conceitos essenciais e reflexões
(...) é um esforço temporário
empreendido para criar um produto,
serviço ou resultado
exclusivo
é algo que você “lança” à frente, na
linha do tempo.
Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
PMBOK 5ª Edição
15
• Tem início e fim
• O escopo é elaborado progressivamente
durante o ciclo de vida do projeto.
O que é um projeto?
Conceitos essenciais e reflexões
16
( a percepção da necessidade x demanda)
Demanda de mercado
Avanço tecnológico:
Solicitação de Cliente: a origem na voz do cliente
Requisito Legal : origem nas regulamentações
Necessidade Organizacional
Necessidade social
De onde surge um projeto?
17
 Quando os objetivos do projeto são atingidos
 Quando o projeto é encerrado porque os seus
objetivos não serão ou não podem ser alcançados
 Quando a necessidade do projeto deixar de
existir.
 Quando o cliente ou patrocinadores desejarem
encerrar.
Quando um projeto termina?
Crie ideias de gestão que
colaborem para o sucesso do
projeto com bases nesses itens
PMBOK 5ª Edição
18
(...) é a aplicação do conhecimento, habilidades,
ferramentas e técnicas às atividades do projeto para
atender aos seus requisitos.
O que é gerenciamento de projeto?
PMBOK 5ª Edição
19
Papel do gerente de projetos
(...) liderar a equipe responsável por alcançar os objetivos do projeto
PMBOK 5ª Edição
O gerente de projetos sempre faz parte de um
contexto, no qual estão envolvidos os representantes
da própria organização
e também das diferentes organizações que contribuem
para a realização do projeto (a orquestra).
Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
20
Competências de um gerente
Competências técnicas, emocionais
Qual a mais importante?
21
Competências de um gerente
Competências técnicas e
emocionais.
Faça um balão
de ar do sucesso.
Atividade
22
• Liderança,
• Construção do espirito de equipe,
• Motivação,
• Comunicação,
• Influência,
• Tomada de decisão,
• Consciência política e cultural,
• Negociação,
• Confiança,
• Gestão de conflitos, e
• Coaching
PMBOK 5A EDIÇÃO
Competências de um gerente de
projetos
23
PMBOK e gestão: o grande sanduiche
PROCESSOS
http://www.mhavila.com.br/topicos/gestao/pmbok.html
ÁREASDE
CONHECIMENTO
24
Processo não é fase
O que podemos aprender aqui?
https://formulaproyectosurbanospmipe.files.wordpress.com/2012/04/b3.jpg
25
Planejamento e incertezas
Várias pequenas entregas vão
reduzindo as incertezas
26
Incertezas
(...) em virtude da natureza exclusiva dos
projetos, pode haver incertezas ou diferenças
quanto aos produtos, serviços ou resultados
criados pelo projeto
PMBOK 5ª Edição
27
Escopo
O escopo do projeto não pode ser definido sem
algum entendimento básico de como criar
o produto especificado.
PMBOK 5ª Edição
28
Elaboração progressiva
Devido ao potencial de mudanças, o desenvolvimento
do plano de gerenciamento do projeto é uma
atividade iterativa elaborada de forma progressiva ao
longo do ciclo de vida do projeto. PMBOK 5ª Edição
29
Elaboração progressiva
A elaboração progressiva envolve melhoria contínua e
o detalhamento de um plano conforme informações
mais detalhadas e específicas e estimativas mais
exatas tornam-se disponíveis.
PMBOK 5ª Edição
30
Um processo é um conjunto de ações e atividades
inter-relacionadas que são executadas para criar um
produto, serviço ou resultado pré-especificado.
Cada processo é caracterizado por suas entradas,
ferramentas e técnicas que podem ser aplicadas, e
as saídas resultantes.
Processo
PMBOK 5A EDIÇÃO
31
Processos
O Guia PMBOK® descreve somente os processos de
gerenciamento de projetos.
Os processos do projeto são executados pela equipe
do projeto com a interação das partes interessadas
32
Processos
• Grupo de processos de iniciação. definir um novo projeto ou uma
nova fase.
• Grupo de processos de planejamento. definir o escopo do projeto,
refinar os objetivos e definir a linha de ação necessária para alcançar os
objetivos
• Grupo de processos de execução. executar o trabalho definido no
plano de gerenciamento do projeto para satisfazer as especificações do
projeto.
O que podemos aprender aqui?
PMBOK 5ª Edição
33
Processos
• Grupo de processos de monitoramento e controle. acompanhar,
analisar e controlar o progresso e desempenho do projeto, identificar
quaisquer áreas nas quais serão necessárias mudanças no plano, e
iniciar as mudanças correspondentes.
• Grupo de processos de encerramento. Finalizar todas as atividades
visando encerrar formalmente o projeto ou fase.
PMBOK 5ª Edição
O que podemos aprender aqui?
34
Cinco grupos de processos
http://blog.mundopm.com.br/2012/03/07/guia-pmbok-5a-edicao/
35
Quanto tempo precisa durar um
processo?
Qual o tamanho de um processo?
Imagem: https://diaslucas.blogspot.com.br/2016/05/tempo.html
36
Fases
https://felipelirarocha.wordpress.com/2013/07/13/ciclo-de-vida-de-projeto/
(...) momentos ou marcos importantes do projeto, como por exemplo
conclusão de uma etapa ou entrega.
37
A estrutura de fases permite que o projeto seja
segmentado em subconjuntos lógicos para facilitar o
gerenciamento, o planejamento e controle. O número
de fases, a necessidade de fases e o grau de controle
aplicado depende do tamanho, grau de complexidade
e impacto potencial do projeto.
Fases
PMBOK 5ª Edição
38
No encerramento de uma fase
(...) Alguma forma de transferência ou entrega do
produto do trabalho produzido como a entrega da
fase.
(...) Reavaliação das atividades em andamento e de
modificação ou término do projeto, se necessário.
Fases
PMBOK 5ª Edição
39
Faça um retrato falado
Que mostre a diferença entre
Processo e fase.
Atividade 2
40
Processo como Fase
O que precisamos aprender aqui?
http://wankesleandro.blogspot.com.br/2010/10/questao-de-ordem-o-ciclo-de-vida-de-um.html?view=flipcard
41
Quanto tempo precisa durar uma
fase?
Qual o tamanho de uma fase?
42
PMBOK e gestão: o grande sanduiche
PROCESSOS
http://www.mhavila.com.br/topicos/gestao/pmbok.html
ÁREASDE
CONHECIMENTO
43
Áreas de conhecimento
http://www.logosassessoria.com.br/metodologia/
44
Áreas de conhecimento
Os 47 processos de gerenciamento identificados no
Guia PMBOK® são também agrupados em 10 áreas de
conhecimento distintas. Uma área de conhecimento
representa um conjunto completo de conceitos,
termos e atividades (...)
PMBOK 5ª Edição
45
10 Áreas de conhecimento na
gestão de projetos
• Gerenciamento da Integração
• Gerenciamento de Escopo
• Gerenciamento de Custos
• Gerenciamento de Qualidade
• Gerenciamento das Aquisições
• Gerenciamento de Recursos Humanos
• Gerenciamento das Comunicações
• Gerenciamento de Risco
• Gerenciamento de Tempo
• Gerenciamento das Partes Interessadas (Stakeholders)
PMBOK 5ª Edição
46
Atividade 3
Desenhe o gráfico da incerteza
e adicione na linha do tempo
áreas de conhecimento mais
importantes em
cada fase do projeto
47
O grande sanduiche
48
Ritmo Sustentável e performance
Um esforço de trabalho contínuo é geralmente um
processo repetitivo que segue os procedimentos
existentes de uma organização.
PMBOK 5ª Edição
49
Gestão colaborativa x desperdício
O gerente do projeto, em colaboração com a
equipe do projeto, é sempre responsável por
determinar quais processos são apropriados e o
grau apropriado de rigor para cada um.
PMBOK 5ª Edição
50
Gestão colaborativa x desperdício
Os gerentes de projetos e suas
equipes devem abordar com
cuidado cada processo e as suas
entradas e saídas e determinar
quais são aplicáveis ao projeto
em que estão trabalhando.
PMBOK 5ª Edição
51
Coordenação facilitada
O gerenciamento de projetos é um
empreendimento integrado que requer que
cada processo e produto seja alinhado e
conectado de forma apropriada com os outros
processos para facilitar a coordenação.
PMBOK 5ª Edição
52
Programa
Grupo de projetos relacionados, subprogramas
ou atividades do programa, que são
gerenciados de modo coordenado para
obtenção de benefícios e controles que não
estariam disponíveis se eles fossem
gerenciados individualmente.
PMBOK 5ª Edição
53
Programa
Em um programa de capacitação, por exemplo,
podem existir diversos projetos
independentes, com gerentes e times de
projeto, escopos e prazos diferentes. Embora
todos com o objetivo comum de desenvolver
os profissionais
Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
54
O que é um Portfólio?
O portfólio de projetos é um conjunto de projetos,
programas, subprogramas, subportifólios e
operações gerenciadas em grupo, que tem como
principal objetivo atingir os objetivos estratégicos
da organização
Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
55
Patrocinador (Sponsor)
Uma pessoa ou grupo que fornece os recursos e
suporte para o projeto, programa ou portfólio, e é
responsável pelo sucesso do mesmo
Desembolso x ROI
56
Stakeholder
Parte Interessada
Um indivíduo, grupo ou organização que possa
afetar, ser afetado, ou sentir-se afetado por uma
decisão, atividade, ou resultado de um projeto
PMBOK 5ª Edição
57
Stakeholder
Dinâmica
Identifique stakeholders de um projeto
Descreva como ele influencia e é
influenciado pelo projeto.
58
A formação do time
Time do projeto e time de
gerenciamento do projeto
59
A formação do
time executor
A equipe do projeto, além do gerente de projetos é o grupo
que executa o trabalho do projeto. Usuários-chave,
especialistas diversos, analistas, programadores,
cliente,fornecedores, parceiros de negócios, etc.
Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
60
A formação do time
de gerenciamento
Faz parte do time do projeto, responde pelas atividades
de gestão do projeto, como: atualização do cronograma,
elaboração de status report, plano de risco, etc.
Essa equipe de gerenciamento do projeto comumente é
parte do Escritório de Gerenciamento de Projetos – EGP
(Project Management Office – PMO)
Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
61
Estrutura de gerenciamento que padroniza os processos
de governança relacionados a projetos e facilita o
compartilhamento de recursos, metodologias,
ferramentas e técnicas)
Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
62
Desenhe um retrato falado de um projeto de software e
de papeis e funções relacionados a ele para um projeto
de sucesso.
Dinâmica.
Gratidão
Parabéns!!!!!
Conseguimos!!!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1
Adson Cunha, MSc, PMP®
 
Treinamento em gestão de projetos
Treinamento em gestão de projetosTreinamento em gestão de projetos
Treinamento Agile com scrum
Treinamento Agile com scrumTreinamento Agile com scrum
Treinamento Agile com scrum
Eduardo Bregaida
 
Gestao de Projeto com gráfico burndown
Gestao de Projeto com gráfico burndownGestao de Projeto com gráfico burndown
Gestao de Projeto com gráfico burndown
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Teste Ágeis para todo o time
Teste Ágeis para todo o timeTeste Ágeis para todo o time
Teste Ágeis para todo o time
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Mini Curso Testes Ageis
Mini Curso Testes AgeisMini Curso Testes Ageis
Mini Curso Testes Ageis
Cristiano Caetano
 
Scrum - Gerenciamento de Projetos
Scrum - Gerenciamento de ProjetosScrum - Gerenciamento de Projetos
Scrum - Gerenciamento de Projetos
William Lima
 
Iterasys Test Show 2010 - Estratégia Baseada no Scrum
Iterasys Test Show 2010 -  Estratégia Baseada no ScrumIterasys Test Show 2010 -  Estratégia Baseada no Scrum
Iterasys Test Show 2010 - Estratégia Baseada no Scrum
José Correia
 
Gestao de projetos_modulo_1
Gestao de projetos_modulo_1Gestao de projetos_modulo_1
Gestao de projetos_modulo_1
Target Trust
 
Planejamento, Execução e Controle de Projetos
Planejamento, Execução e Controle de ProjetosPlanejamento, Execução e Controle de Projetos
Planejamento, Execução e Controle de Projetos
Alessandro Almeida
 
Metodologia de Gerenciamento de Projetos Ágil
Metodologia de Gerenciamento de Projetos ÁgilMetodologia de Gerenciamento de Projetos Ágil
Metodologia de Gerenciamento de Projetos Ágil
Pablo Marquesi
 
Governança Ágil - Ágiles 2009
Governança Ágil - Ágiles 2009Governança Ágil - Ágiles 2009
Governança Ágil - Ágiles 2009
Clavius Tales
 
Amostra 21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
Amostra   21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodriguesAmostra   21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
Amostra 21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
Eli Rodrigues
 
[slides] Introdução à Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Introdução à Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)[slides] Introdução à Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Introdução à Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)
Alessandro Almeida
 
Metodologias Ágeis de Gestão de Projetos
Metodologias Ágeis de Gestão de ProjetosMetodologias Ágeis de Gestão de Projetos
Metodologias Ágeis de Gestão de Projetos
Leandro Faria
 
[slides] Empreendedorismo (2015: 2º semestre)
[slides] Empreendedorismo (2015: 2º semestre)[slides] Empreendedorismo (2015: 2º semestre)
[slides] Empreendedorismo (2015: 2º semestre)
Alessandro Almeida
 
Apresentação NetProject 2021
Apresentação NetProject 2021Apresentação NetProject 2021
Apresentação NetProject 2021
Hayala Curto MSc, IPMA-C, CSM, PMI-RMP/SP/PMP
 
Gestao Ágil do Backlog - Taskboards
Gestao Ágil do Backlog - TaskboardsGestao Ágil do Backlog - Taskboards
Gestao Ágil do Backlog - Taskboards
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Gestão Agil de tudo - Retrospectivas
Gestão Agil de tudo - RetrospectivasGestão Agil de tudo - Retrospectivas
Gestão Agil de tudo - Retrospectivas
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
#HubEscola2016 | Gestão ágil de projetos para "não TI" | Rafael Rocha
#HubEscola2016 | Gestão ágil de projetos para "não TI" | Rafael Rocha#HubEscola2016 | Gestão ágil de projetos para "não TI" | Rafael Rocha
#HubEscola2016 | Gestão ágil de projetos para "não TI" | Rafael Rocha
Rafael Rocha
 

Mais procurados (20)

Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1
 
Treinamento em gestão de projetos
Treinamento em gestão de projetosTreinamento em gestão de projetos
Treinamento em gestão de projetos
 
Treinamento Agile com scrum
Treinamento Agile com scrumTreinamento Agile com scrum
Treinamento Agile com scrum
 
Gestao de Projeto com gráfico burndown
Gestao de Projeto com gráfico burndownGestao de Projeto com gráfico burndown
Gestao de Projeto com gráfico burndown
 
Teste Ágeis para todo o time
Teste Ágeis para todo o timeTeste Ágeis para todo o time
Teste Ágeis para todo o time
 
Mini Curso Testes Ageis
Mini Curso Testes AgeisMini Curso Testes Ageis
Mini Curso Testes Ageis
 
Scrum - Gerenciamento de Projetos
Scrum - Gerenciamento de ProjetosScrum - Gerenciamento de Projetos
Scrum - Gerenciamento de Projetos
 
Iterasys Test Show 2010 - Estratégia Baseada no Scrum
Iterasys Test Show 2010 -  Estratégia Baseada no ScrumIterasys Test Show 2010 -  Estratégia Baseada no Scrum
Iterasys Test Show 2010 - Estratégia Baseada no Scrum
 
Gestao de projetos_modulo_1
Gestao de projetos_modulo_1Gestao de projetos_modulo_1
Gestao de projetos_modulo_1
 
Planejamento, Execução e Controle de Projetos
Planejamento, Execução e Controle de ProjetosPlanejamento, Execução e Controle de Projetos
Planejamento, Execução e Controle de Projetos
 
Metodologia de Gerenciamento de Projetos Ágil
Metodologia de Gerenciamento de Projetos ÁgilMetodologia de Gerenciamento de Projetos Ágil
Metodologia de Gerenciamento de Projetos Ágil
 
Governança Ágil - Ágiles 2009
Governança Ágil - Ágiles 2009Governança Ágil - Ágiles 2009
Governança Ágil - Ágiles 2009
 
Amostra 21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
Amostra   21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodriguesAmostra   21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
Amostra 21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
 
[slides] Introdução à Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Introdução à Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)[slides] Introdução à Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Introdução à Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)
 
Metodologias Ágeis de Gestão de Projetos
Metodologias Ágeis de Gestão de ProjetosMetodologias Ágeis de Gestão de Projetos
Metodologias Ágeis de Gestão de Projetos
 
[slides] Empreendedorismo (2015: 2º semestre)
[slides] Empreendedorismo (2015: 2º semestre)[slides] Empreendedorismo (2015: 2º semestre)
[slides] Empreendedorismo (2015: 2º semestre)
 
Apresentação NetProject 2021
Apresentação NetProject 2021Apresentação NetProject 2021
Apresentação NetProject 2021
 
Gestao Ágil do Backlog - Taskboards
Gestao Ágil do Backlog - TaskboardsGestao Ágil do Backlog - Taskboards
Gestao Ágil do Backlog - Taskboards
 
Gestão Agil de tudo - Retrospectivas
Gestão Agil de tudo - RetrospectivasGestão Agil de tudo - Retrospectivas
Gestão Agil de tudo - Retrospectivas
 
#HubEscola2016 | Gestão ágil de projetos para "não TI" | Rafael Rocha
#HubEscola2016 | Gestão ágil de projetos para "não TI" | Rafael Rocha#HubEscola2016 | Gestão ágil de projetos para "não TI" | Rafael Rocha
#HubEscola2016 | Gestão ágil de projetos para "não TI" | Rafael Rocha
 

Destaque

Tcc conrado e geni 2009
Tcc conrado e geni 2009Tcc conrado e geni 2009
Tcc conrado e geni 2009
Universidade de São Paulo (EEL USP)
 
Gerenciamento de Projetos - Aula01 - Apresentação da disciplina
Gerenciamento de Projetos - Aula01 - Apresentação da disciplinaGerenciamento de Projetos - Aula01 - Apresentação da disciplina
Gerenciamento de Projetos - Aula01 - Apresentação da disciplina
CEULJI/ULBRA Centro Universitário Luterano de Ji-Paraná
 
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 17
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 17Gestão de Projetos e Programas - Aula # 17
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 17
Ethel Capuano
 
Comissão interministerial de mudança global do clima relatório de atividad...
Comissão interministerial de mudança global do clima relatório de atividad...Comissão interministerial de mudança global do clima relatório de atividad...
Comissão interministerial de mudança global do clima relatório de atividad...
Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações
 
Somatica e gf engenharia apresentação 2015 v3b
Somatica e gf engenharia apresentação 2015  v3bSomatica e gf engenharia apresentação 2015  v3b
Somatica e gf engenharia apresentação 2015 v3b
Paulo Frazilio Mechanical Engineer
 
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 01
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 01Gestão de Projetos e Programas - Aula # 01
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 01
Ethel Capuano
 
Ciclo do carbono
Ciclo do carbonoCiclo do carbono
Ciclo do carbono
Aline Souza
 
Apresentação da ANP na OTC - maio 2016
Apresentação da ANP na OTC - maio 2016Apresentação da ANP na OTC - maio 2016
Logística De Transportes Para A Desenvolvimento Nacional
Logística De Transportes Para A Desenvolvimento NacionalLogística De Transportes Para A Desenvolvimento Nacional
Logística De Transportes Para A Desenvolvimento Nacional
Luis Nassif
 
Curso online gratuito credito carbono
Curso online gratuito credito carbonoCurso online gratuito credito carbono
Curso online gratuito credito carbono
Unichristus Centro Universitário
 
Perspectivas e Oportunidades de Investimentos no Brasil
Perspectivas e Oportunidades de Investimentos no Brasil Perspectivas e Oportunidades de Investimentos no Brasil
Perspectivas e Oportunidades de Investimentos no Brasil
ANP - Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis
 
O Impacto do Custo de Energia de Transporte sobre Trilhos
O Impacto do Custo de Energia de Transporte sobre TrilhosO Impacto do Custo de Energia de Transporte sobre Trilhos
O Impacto do Custo de Energia de Transporte sobre Trilhos
slides-mci
 
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
slides-mci
 
Soluções de Energia em Eficiência Energética para Shoppings e Indústrias
Soluções de Energia em Eficiência Energética para Shoppings e IndústriasSoluções de Energia em Eficiência Energética para Shoppings e Indústrias
Soluções de Energia em Eficiência Energética para Shoppings e Indústrias
slides-mci
 
Eficiência Energética em Transporte Vertical
Eficiência Energética em Transporte Vertical	Eficiência Energética em Transporte Vertical
Eficiência Energética em Transporte Vertical
slides-mci
 
Diretrizes para elaboração de projetos ambientais
Diretrizes para elaboração de projetos ambientaisDiretrizes para elaboração de projetos ambientais
Diretrizes para elaboração de projetos ambientais
CBH Rio das Velhas
 
Potencialidades biotecnológicas de microalgas
Potencialidades biotecnológicas de microalgasPotencialidades biotecnológicas de microalgas
Potencialidades biotecnológicas de microalgas
Carlos Kramer
 
Mitcondria e cloroplasto
Mitcondria e cloroplastoMitcondria e cloroplasto
Mitcondria e cloroplasto
wagnermaximo
 
Aprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveis
Aprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveisAprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveis
Aprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveis
GILT (Games, Interaction and Learning Technologies) IS Engenharia do Porto
 
Cartilha do Código Florestal
Cartilha do Código FlorestalCartilha do Código Florestal
Cartilha do Código Florestal
Portal Canal Rural
 

Destaque (20)

Tcc conrado e geni 2009
Tcc conrado e geni 2009Tcc conrado e geni 2009
Tcc conrado e geni 2009
 
Gerenciamento de Projetos - Aula01 - Apresentação da disciplina
Gerenciamento de Projetos - Aula01 - Apresentação da disciplinaGerenciamento de Projetos - Aula01 - Apresentação da disciplina
Gerenciamento de Projetos - Aula01 - Apresentação da disciplina
 
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 17
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 17Gestão de Projetos e Programas - Aula # 17
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 17
 
Comissão interministerial de mudança global do clima relatório de atividad...
Comissão interministerial de mudança global do clima relatório de atividad...Comissão interministerial de mudança global do clima relatório de atividad...
Comissão interministerial de mudança global do clima relatório de atividad...
 
Somatica e gf engenharia apresentação 2015 v3b
Somatica e gf engenharia apresentação 2015  v3bSomatica e gf engenharia apresentação 2015  v3b
Somatica e gf engenharia apresentação 2015 v3b
 
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 01
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 01Gestão de Projetos e Programas - Aula # 01
Gestão de Projetos e Programas - Aula # 01
 
Ciclo do carbono
Ciclo do carbonoCiclo do carbono
Ciclo do carbono
 
Apresentação da ANP na OTC - maio 2016
Apresentação da ANP na OTC - maio 2016Apresentação da ANP na OTC - maio 2016
Apresentação da ANP na OTC - maio 2016
 
Logística De Transportes Para A Desenvolvimento Nacional
Logística De Transportes Para A Desenvolvimento NacionalLogística De Transportes Para A Desenvolvimento Nacional
Logística De Transportes Para A Desenvolvimento Nacional
 
Curso online gratuito credito carbono
Curso online gratuito credito carbonoCurso online gratuito credito carbono
Curso online gratuito credito carbono
 
Perspectivas e Oportunidades de Investimentos no Brasil
Perspectivas e Oportunidades de Investimentos no Brasil Perspectivas e Oportunidades de Investimentos no Brasil
Perspectivas e Oportunidades de Investimentos no Brasil
 
O Impacto do Custo de Energia de Transporte sobre Trilhos
O Impacto do Custo de Energia de Transporte sobre TrilhosO Impacto do Custo de Energia de Transporte sobre Trilhos
O Impacto do Custo de Energia de Transporte sobre Trilhos
 
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
 
Soluções de Energia em Eficiência Energética para Shoppings e Indústrias
Soluções de Energia em Eficiência Energética para Shoppings e IndústriasSoluções de Energia em Eficiência Energética para Shoppings e Indústrias
Soluções de Energia em Eficiência Energética para Shoppings e Indústrias
 
Eficiência Energética em Transporte Vertical
Eficiência Energética em Transporte Vertical	Eficiência Energética em Transporte Vertical
Eficiência Energética em Transporte Vertical
 
Diretrizes para elaboração de projetos ambientais
Diretrizes para elaboração de projetos ambientaisDiretrizes para elaboração de projetos ambientais
Diretrizes para elaboração de projetos ambientais
 
Potencialidades biotecnológicas de microalgas
Potencialidades biotecnológicas de microalgasPotencialidades biotecnológicas de microalgas
Potencialidades biotecnológicas de microalgas
 
Mitcondria e cloroplasto
Mitcondria e cloroplastoMitcondria e cloroplasto
Mitcondria e cloroplasto
 
Aprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveis
Aprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveisAprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveis
Aprendizagem baseada em projetos e tecnologias móveis
 
Cartilha do Código Florestal
Cartilha do Código FlorestalCartilha do Código Florestal
Cartilha do Código Florestal
 

Semelhante a Gestão de projeto- conceitos essenciais

Gerenciamento de Projetos - Introdução
Gerenciamento de Projetos - IntroduçãoGerenciamento de Projetos - Introdução
Gerenciamento de Projetos - Introdução
Paulo Junior
 
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)
Paulo Junior
 
00 apresentação (1)ukjghnsdgvr
00   apresentação (1)ukjghnsdgvr00   apresentação (1)ukjghnsdgvr
00 apresentação (1)ukjghnsdgvr
Wagner Santiago
 
Iniciação em Projetos
Iniciação em ProjetosIniciação em Projetos
Iniciação em Projetos
Felipe Meira
 
Marco-Logico-de-Projetos.ppt
Marco-Logico-de-Projetos.pptMarco-Logico-de-Projetos.ppt
Marco-Logico-de-Projetos.ppt
JulianaPimentelMacar
 
Marco-Logico-de-Projetos.ppt
Marco-Logico-de-Projetos.pptMarco-Logico-de-Projetos.ppt
Marco-Logico-de-Projetos.ppt
ANGELICACARINADEANDR
 
Marco-Logico-de-Projetos.ppt uma aventura no mundo dos negocios
Marco-Logico-de-Projetos.ppt uma aventura no mundo dos negociosMarco-Logico-de-Projetos.ppt uma aventura no mundo dos negocios
Marco-Logico-de-Projetos.ppt uma aventura no mundo dos negocios
fernando lourenco silva
 
PMI / PMBOK - Gerencia de Projetos (PT-BR)
PMI / PMBOK - Gerencia de Projetos (PT-BR)PMI / PMBOK - Gerencia de Projetos (PT-BR)
PMI / PMBOK - Gerencia de Projetos (PT-BR)
André Franciscato Paggi
 
Pmbok
PmbokPmbok
Palestra_ III SEMACED_ Gestão de projetos e MS Project
Palestra_ III SEMACED_ Gestão de projetos e MS ProjectPalestra_ III SEMACED_ Gestão de projetos e MS Project
Palestra_ III SEMACED_ Gestão de projetos e MS Project
elonvila
 
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico GonzalesGestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Marcus Vinícius Godinho, MBA BPM
 
Gerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetosGerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetos
Júnior Rodrigues
 
Gerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - IniciaçãoGerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - Iniciação
Paulo Junior
 
Café & gestão prof. rogério - gerencia de projetos
Café & gestão   prof. rogério - gerencia de projetosCafé & gestão   prof. rogério - gerencia de projetos
Café & gestão prof. rogério - gerencia de projetos
Cra-es Conselho
 
Elaboração e Gestão de Projetos - 1. Fundamentos de Gestão de Projetos
Elaboração e Gestão de Projetos - 1. Fundamentos de Gestão de ProjetosElaboração e Gestão de Projetos - 1. Fundamentos de Gestão de Projetos
Elaboração e Gestão de Projetos - 1. Fundamentos de Gestão de Projetos
elonvila
 
Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetosGerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetos
Paulo Junior
 
Pmi 131022144528-phpapp01
Pmi 131022144528-phpapp01Pmi 131022144528-phpapp01
Pmi 131022144528-phpapp01
Luiz Silva
 
Aula de Gesto de Projetos 06-03-2024.pptx
Aula de Gesto de Projetos 06-03-2024.pptxAula de Gesto de Projetos 06-03-2024.pptx
Aula de Gesto de Projetos 06-03-2024.pptx
Pedro Luis Moraes
 
Aula01 projeto de redes de computadores
Aula01   projeto de redes de computadoresAula01   projeto de redes de computadores
Aula01 projeto de redes de computadores
Carlos Veiga
 
Gerenciamento de Projetos da Pequena e Média Empresa
Gerenciamento de Projetos da Pequena e Média EmpresaGerenciamento de Projetos da Pequena e Média Empresa
Gerenciamento de Projetos da Pequena e Média Empresa
Rodrigo Giraldelli
 

Semelhante a Gestão de projeto- conceitos essenciais (20)

Gerenciamento de Projetos - Introdução
Gerenciamento de Projetos - IntroduçãoGerenciamento de Projetos - Introdução
Gerenciamento de Projetos - Introdução
 
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)
 
00 apresentação (1)ukjghnsdgvr
00   apresentação (1)ukjghnsdgvr00   apresentação (1)ukjghnsdgvr
00 apresentação (1)ukjghnsdgvr
 
Iniciação em Projetos
Iniciação em ProjetosIniciação em Projetos
Iniciação em Projetos
 
Marco-Logico-de-Projetos.ppt
Marco-Logico-de-Projetos.pptMarco-Logico-de-Projetos.ppt
Marco-Logico-de-Projetos.ppt
 
Marco-Logico-de-Projetos.ppt
Marco-Logico-de-Projetos.pptMarco-Logico-de-Projetos.ppt
Marco-Logico-de-Projetos.ppt
 
Marco-Logico-de-Projetos.ppt uma aventura no mundo dos negocios
Marco-Logico-de-Projetos.ppt uma aventura no mundo dos negociosMarco-Logico-de-Projetos.ppt uma aventura no mundo dos negocios
Marco-Logico-de-Projetos.ppt uma aventura no mundo dos negocios
 
PMI / PMBOK - Gerencia de Projetos (PT-BR)
PMI / PMBOK - Gerencia de Projetos (PT-BR)PMI / PMBOK - Gerencia de Projetos (PT-BR)
PMI / PMBOK - Gerencia de Projetos (PT-BR)
 
Pmbok
PmbokPmbok
Pmbok
 
Palestra_ III SEMACED_ Gestão de projetos e MS Project
Palestra_ III SEMACED_ Gestão de projetos e MS ProjectPalestra_ III SEMACED_ Gestão de projetos e MS Project
Palestra_ III SEMACED_ Gestão de projetos e MS Project
 
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico GonzalesGestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
 
Gerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetosGerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetos
 
Gerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - IniciaçãoGerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - Iniciação
 
Café & gestão prof. rogério - gerencia de projetos
Café & gestão   prof. rogério - gerencia de projetosCafé & gestão   prof. rogério - gerencia de projetos
Café & gestão prof. rogério - gerencia de projetos
 
Elaboração e Gestão de Projetos - 1. Fundamentos de Gestão de Projetos
Elaboração e Gestão de Projetos - 1. Fundamentos de Gestão de ProjetosElaboração e Gestão de Projetos - 1. Fundamentos de Gestão de Projetos
Elaboração e Gestão de Projetos - 1. Fundamentos de Gestão de Projetos
 
Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetosGerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetos
 
Pmi 131022144528-phpapp01
Pmi 131022144528-phpapp01Pmi 131022144528-phpapp01
Pmi 131022144528-phpapp01
 
Aula de Gesto de Projetos 06-03-2024.pptx
Aula de Gesto de Projetos 06-03-2024.pptxAula de Gesto de Projetos 06-03-2024.pptx
Aula de Gesto de Projetos 06-03-2024.pptx
 
Aula01 projeto de redes de computadores
Aula01   projeto de redes de computadoresAula01   projeto de redes de computadores
Aula01 projeto de redes de computadores
 
Gerenciamento de Projetos da Pequena e Média Empresa
Gerenciamento de Projetos da Pequena e Média EmpresaGerenciamento de Projetos da Pequena e Média Empresa
Gerenciamento de Projetos da Pequena e Média Empresa
 

Mais de Kleitor Franklint Correa Araujo

Metricas (e previsões) acionáveis de projeto
Metricas (e previsões) acionáveis de projetoMetricas (e previsões) acionáveis de projeto
Metricas (e previsões) acionáveis de projeto
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Modelagem com historias bem além dos requisitos
Modelagem com historias bem além dos requisitosModelagem com historias bem além dos requisitos
Modelagem com historias bem além dos requisitos
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Engenharia de software Lean Kanban
Engenharia de software  Lean KanbanEngenharia de software  Lean Kanban
Engenharia de software Lean Kanban
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Fundamentos Gestão de Escopo e Qualidade
Fundamentos Gestão de Escopo e QualidadeFundamentos Gestão de Escopo e Qualidade
Fundamentos Gestão de Escopo e Qualidade
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
MBA em projetos - Gestao Ágil
MBA em projetos - Gestao ÁgilMBA em projetos - Gestao Ágil
MBA em projetos - Gestao Ágil
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Automação de testes - uma introdução sobre estratégias
Automação de testes - uma introdução sobre estratégiasAutomação de testes - uma introdução sobre estratégias
Automação de testes - uma introdução sobre estratégias
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Papeis Ágeis - uma proposta operacional Scrum
Papeis Ágeis - uma proposta operacional ScrumPapeis Ágeis - uma proposta operacional Scrum
Papeis Ágeis - uma proposta operacional Scrum
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Teste de software gestao e kaizen
Teste de software gestao e kaizenTeste de software gestao e kaizen
Teste de software gestao e kaizen
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Introdução ao design de teste de software
Introdução ao design de teste de softwareIntrodução ao design de teste de software
Introdução ao design de teste de software
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Teste de segurança do lado servidor - Nível 1
Teste de segurança do lado servidor - Nível 1Teste de segurança do lado servidor - Nível 1
Teste de segurança do lado servidor - Nível 1
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Introdução de teste de segurança app web
Introdução de teste de segurança app webIntrodução de teste de segurança app web
Introdução de teste de segurança app web
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Gestao Ágil de Projeto - Reunião Diária
Gestao Ágil de Projeto - Reunião DiáriaGestao Ágil de Projeto - Reunião Diária
Gestao Ágil de Projeto - Reunião Diária
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Test First, TDD e outros Bichos
Test First, TDD e outros BichosTest First, TDD e outros Bichos
Test First, TDD e outros Bichos
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Teste de Segurança orientado a valor
Teste de Segurança orientado a valorTeste de Segurança orientado a valor
Teste de Segurança orientado a valor
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Mobile App Security Test
Mobile App Security TestMobile App Security Test
Mobile App Security Test
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Estimativa de Teste sem medo - parte 2
Estimativa de Teste sem medo - parte 2Estimativa de Teste sem medo - parte 2
Estimativa de Teste sem medo - parte 2
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Estimativa de Teste sem medo - Introdução 2015
Estimativa de Teste sem medo - Introdução 2015Estimativa de Teste sem medo - Introdução 2015
Estimativa de Teste sem medo - Introdução 2015
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Agiidade na Qualidade de Software -2011
Agiidade na Qualidade de Software -2011Agiidade na Qualidade de Software -2011
Agiidade na Qualidade de Software -2011
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Desenvolvimento Seguro- 2011
Desenvolvimento Seguro- 2011Desenvolvimento Seguro- 2011
Desenvolvimento Seguro- 2011
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
Entendendo o Ciclo de Desenvolvimento Seguro
Entendendo o Ciclo de Desenvolvimento SeguroEntendendo o Ciclo de Desenvolvimento Seguro
Entendendo o Ciclo de Desenvolvimento Seguro
Kleitor Franklint Correa Araujo
 

Mais de Kleitor Franklint Correa Araujo (20)

Metricas (e previsões) acionáveis de projeto
Metricas (e previsões) acionáveis de projetoMetricas (e previsões) acionáveis de projeto
Metricas (e previsões) acionáveis de projeto
 
Modelagem com historias bem além dos requisitos
Modelagem com historias bem além dos requisitosModelagem com historias bem além dos requisitos
Modelagem com historias bem além dos requisitos
 
Engenharia de software Lean Kanban
Engenharia de software  Lean KanbanEngenharia de software  Lean Kanban
Engenharia de software Lean Kanban
 
Fundamentos Gestão de Escopo e Qualidade
Fundamentos Gestão de Escopo e QualidadeFundamentos Gestão de Escopo e Qualidade
Fundamentos Gestão de Escopo e Qualidade
 
MBA em projetos - Gestao Ágil
MBA em projetos - Gestao ÁgilMBA em projetos - Gestao Ágil
MBA em projetos - Gestao Ágil
 
Automação de testes - uma introdução sobre estratégias
Automação de testes - uma introdução sobre estratégiasAutomação de testes - uma introdução sobre estratégias
Automação de testes - uma introdução sobre estratégias
 
Papeis Ágeis - uma proposta operacional Scrum
Papeis Ágeis - uma proposta operacional ScrumPapeis Ágeis - uma proposta operacional Scrum
Papeis Ágeis - uma proposta operacional Scrum
 
Teste de software gestao e kaizen
Teste de software gestao e kaizenTeste de software gestao e kaizen
Teste de software gestao e kaizen
 
Introdução ao design de teste de software
Introdução ao design de teste de softwareIntrodução ao design de teste de software
Introdução ao design de teste de software
 
Teste de segurança do lado servidor - Nível 1
Teste de segurança do lado servidor - Nível 1Teste de segurança do lado servidor - Nível 1
Teste de segurança do lado servidor - Nível 1
 
Introdução de teste de segurança app web
Introdução de teste de segurança app webIntrodução de teste de segurança app web
Introdução de teste de segurança app web
 
Gestao Ágil de Projeto - Reunião Diária
Gestao Ágil de Projeto - Reunião DiáriaGestao Ágil de Projeto - Reunião Diária
Gestao Ágil de Projeto - Reunião Diária
 
Test First, TDD e outros Bichos
Test First, TDD e outros BichosTest First, TDD e outros Bichos
Test First, TDD e outros Bichos
 
Teste de Segurança orientado a valor
Teste de Segurança orientado a valorTeste de Segurança orientado a valor
Teste de Segurança orientado a valor
 
Mobile App Security Test
Mobile App Security TestMobile App Security Test
Mobile App Security Test
 
Estimativa de Teste sem medo - parte 2
Estimativa de Teste sem medo - parte 2Estimativa de Teste sem medo - parte 2
Estimativa de Teste sem medo - parte 2
 
Estimativa de Teste sem medo - Introdução 2015
Estimativa de Teste sem medo - Introdução 2015Estimativa de Teste sem medo - Introdução 2015
Estimativa de Teste sem medo - Introdução 2015
 
Agiidade na Qualidade de Software -2011
Agiidade na Qualidade de Software -2011Agiidade na Qualidade de Software -2011
Agiidade na Qualidade de Software -2011
 
Desenvolvimento Seguro- 2011
Desenvolvimento Seguro- 2011Desenvolvimento Seguro- 2011
Desenvolvimento Seguro- 2011
 
Entendendo o Ciclo de Desenvolvimento Seguro
Entendendo o Ciclo de Desenvolvimento SeguroEntendendo o Ciclo de Desenvolvimento Seguro
Entendendo o Ciclo de Desenvolvimento Seguro
 

Gestão de projeto- conceitos essenciais

  • 1. Kleitor Franklint do Desenvolvimento de Software Gestão de projeto INTRODUÇÃO
  • 2. KLEITOR Entusiasta da Vida, Qualidade, Ágil, Teste .. De abordagens... que descobrem surpresas, adaptam-se às circunstâncias e recebem um "wow !" do cliente kleitor.franklint@gmail.com br.linkedin.com/in/kfranklint 99416-0873
  • 3. 3 Esta apresentação é material de apoio, não objetivo fim. Seu fim é trazer temas que gerem profundas reflexões e ajudem a fazer conexões criando base sólida à prática de gestão na disciplina de Gestão de Projeto no curso de especialização em engenharia de software do CESF / FUCAPI.  Kleitor
  • 4. 4 Onde estamos e pra onde vamos? Esta disciplina se baseia no PMI PMBOK 5ª edição
  • 5. 5 O Project Management Institute (PMI) é a maior associação sem fins lucrativos do mundo para profissionais de Gerenciamento de Projetos. Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
  • 6. 6 PMBOK É padrão e guia de gerenciamento de projetos do PMI ‘Traz recomendações do que deve ser feito na maioria dos casos para que se tenha sucesso. E como toda boa prática, suas recomendações são adaptáveis às necessidades de cada organização.” Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
  • 7. 7 PMBOK Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição Mas afinal, o que é um padrão? Um padrão (ou standard) é um documento estabelecido em consenso, aprovado por um grupo reconhecido, que provê um guia para uso repetitivo de processos.
  • 8. 8 Onde estamos e pra onde vamos? No começo o mundo era uma bola de gelo e existia PMBOK 5ª Edição Mas se percebeu que podia melhorar e surgiu PMBOK 6ª Edição
  • 9. 9 PMBOK 6ª Edição Amadureceu em termos de conteúdo e consistência; Maior alinhamento com a norma ISO 21500 e outras normas; Práticas ágeis foram incorporadas ao Guia PMBOK® em CADA Área de Conhecimento. Onde estamos e pra onde vamos? www.pmi.org/pmbok-guide-exposure-draft http://blog.pmtech.com.br
  • 11. 11 Onde estamos e pra onde vamos? Este módulo se baseia no PMI PMBOK 5ª edição Com um toque de Ágil
  • 12. 12 Por que existe a gestão de projetos? É pro projeto ser entregue no prazo? É pra ganhar dinheiro? É pra ter o time e o cliente feliz?
  • 13. 13 Gestão de Projetos Conceitos essenciais e reflexões
  • 14. 14 O que é um projeto? Conceitos essenciais e reflexões (...) é um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo é algo que você “lança” à frente, na linha do tempo. Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição PMBOK 5ª Edição
  • 15. 15 • Tem início e fim • O escopo é elaborado progressivamente durante o ciclo de vida do projeto. O que é um projeto? Conceitos essenciais e reflexões
  • 16. 16 ( a percepção da necessidade x demanda) Demanda de mercado Avanço tecnológico: Solicitação de Cliente: a origem na voz do cliente Requisito Legal : origem nas regulamentações Necessidade Organizacional Necessidade social De onde surge um projeto?
  • 17. 17  Quando os objetivos do projeto são atingidos  Quando o projeto é encerrado porque os seus objetivos não serão ou não podem ser alcançados  Quando a necessidade do projeto deixar de existir.  Quando o cliente ou patrocinadores desejarem encerrar. Quando um projeto termina? Crie ideias de gestão que colaborem para o sucesso do projeto com bases nesses itens PMBOK 5ª Edição
  • 18. 18 (...) é a aplicação do conhecimento, habilidades, ferramentas e técnicas às atividades do projeto para atender aos seus requisitos. O que é gerenciamento de projeto? PMBOK 5ª Edição
  • 19. 19 Papel do gerente de projetos (...) liderar a equipe responsável por alcançar os objetivos do projeto PMBOK 5ª Edição O gerente de projetos sempre faz parte de um contexto, no qual estão envolvidos os representantes da própria organização e também das diferentes organizações que contribuem para a realização do projeto (a orquestra). Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
  • 20. 20 Competências de um gerente Competências técnicas, emocionais Qual a mais importante?
  • 21. 21 Competências de um gerente Competências técnicas e emocionais. Faça um balão de ar do sucesso. Atividade
  • 22. 22 • Liderança, • Construção do espirito de equipe, • Motivação, • Comunicação, • Influência, • Tomada de decisão, • Consciência política e cultural, • Negociação, • Confiança, • Gestão de conflitos, e • Coaching PMBOK 5A EDIÇÃO Competências de um gerente de projetos
  • 23. 23 PMBOK e gestão: o grande sanduiche PROCESSOS http://www.mhavila.com.br/topicos/gestao/pmbok.html ÁREASDE CONHECIMENTO
  • 24. 24 Processo não é fase O que podemos aprender aqui? https://formulaproyectosurbanospmipe.files.wordpress.com/2012/04/b3.jpg
  • 25. 25 Planejamento e incertezas Várias pequenas entregas vão reduzindo as incertezas
  • 26. 26 Incertezas (...) em virtude da natureza exclusiva dos projetos, pode haver incertezas ou diferenças quanto aos produtos, serviços ou resultados criados pelo projeto PMBOK 5ª Edição
  • 27. 27 Escopo O escopo do projeto não pode ser definido sem algum entendimento básico de como criar o produto especificado. PMBOK 5ª Edição
  • 28. 28 Elaboração progressiva Devido ao potencial de mudanças, o desenvolvimento do plano de gerenciamento do projeto é uma atividade iterativa elaborada de forma progressiva ao longo do ciclo de vida do projeto. PMBOK 5ª Edição
  • 29. 29 Elaboração progressiva A elaboração progressiva envolve melhoria contínua e o detalhamento de um plano conforme informações mais detalhadas e específicas e estimativas mais exatas tornam-se disponíveis. PMBOK 5ª Edição
  • 30. 30 Um processo é um conjunto de ações e atividades inter-relacionadas que são executadas para criar um produto, serviço ou resultado pré-especificado. Cada processo é caracterizado por suas entradas, ferramentas e técnicas que podem ser aplicadas, e as saídas resultantes. Processo PMBOK 5A EDIÇÃO
  • 31. 31 Processos O Guia PMBOK® descreve somente os processos de gerenciamento de projetos. Os processos do projeto são executados pela equipe do projeto com a interação das partes interessadas
  • 32. 32 Processos • Grupo de processos de iniciação. definir um novo projeto ou uma nova fase. • Grupo de processos de planejamento. definir o escopo do projeto, refinar os objetivos e definir a linha de ação necessária para alcançar os objetivos • Grupo de processos de execução. executar o trabalho definido no plano de gerenciamento do projeto para satisfazer as especificações do projeto. O que podemos aprender aqui? PMBOK 5ª Edição
  • 33. 33 Processos • Grupo de processos de monitoramento e controle. acompanhar, analisar e controlar o progresso e desempenho do projeto, identificar quaisquer áreas nas quais serão necessárias mudanças no plano, e iniciar as mudanças correspondentes. • Grupo de processos de encerramento. Finalizar todas as atividades visando encerrar formalmente o projeto ou fase. PMBOK 5ª Edição O que podemos aprender aqui?
  • 34. 34 Cinco grupos de processos http://blog.mundopm.com.br/2012/03/07/guia-pmbok-5a-edicao/
  • 35. 35 Quanto tempo precisa durar um processo? Qual o tamanho de um processo? Imagem: https://diaslucas.blogspot.com.br/2016/05/tempo.html
  • 36. 36 Fases https://felipelirarocha.wordpress.com/2013/07/13/ciclo-de-vida-de-projeto/ (...) momentos ou marcos importantes do projeto, como por exemplo conclusão de uma etapa ou entrega.
  • 37. 37 A estrutura de fases permite que o projeto seja segmentado em subconjuntos lógicos para facilitar o gerenciamento, o planejamento e controle. O número de fases, a necessidade de fases e o grau de controle aplicado depende do tamanho, grau de complexidade e impacto potencial do projeto. Fases PMBOK 5ª Edição
  • 38. 38 No encerramento de uma fase (...) Alguma forma de transferência ou entrega do produto do trabalho produzido como a entrega da fase. (...) Reavaliação das atividades em andamento e de modificação ou término do projeto, se necessário. Fases PMBOK 5ª Edição
  • 39. 39 Faça um retrato falado Que mostre a diferença entre Processo e fase. Atividade 2
  • 40. 40 Processo como Fase O que precisamos aprender aqui? http://wankesleandro.blogspot.com.br/2010/10/questao-de-ordem-o-ciclo-de-vida-de-um.html?view=flipcard
  • 41. 41 Quanto tempo precisa durar uma fase? Qual o tamanho de uma fase?
  • 42. 42 PMBOK e gestão: o grande sanduiche PROCESSOS http://www.mhavila.com.br/topicos/gestao/pmbok.html ÁREASDE CONHECIMENTO
  • 44. 44 Áreas de conhecimento Os 47 processos de gerenciamento identificados no Guia PMBOK® são também agrupados em 10 áreas de conhecimento distintas. Uma área de conhecimento representa um conjunto completo de conceitos, termos e atividades (...) PMBOK 5ª Edição
  • 45. 45 10 Áreas de conhecimento na gestão de projetos • Gerenciamento da Integração • Gerenciamento de Escopo • Gerenciamento de Custos • Gerenciamento de Qualidade • Gerenciamento das Aquisições • Gerenciamento de Recursos Humanos • Gerenciamento das Comunicações • Gerenciamento de Risco • Gerenciamento de Tempo • Gerenciamento das Partes Interessadas (Stakeholders) PMBOK 5ª Edição
  • 46. 46 Atividade 3 Desenhe o gráfico da incerteza e adicione na linha do tempo áreas de conhecimento mais importantes em cada fase do projeto
  • 48. 48 Ritmo Sustentável e performance Um esforço de trabalho contínuo é geralmente um processo repetitivo que segue os procedimentos existentes de uma organização. PMBOK 5ª Edição
  • 49. 49 Gestão colaborativa x desperdício O gerente do projeto, em colaboração com a equipe do projeto, é sempre responsável por determinar quais processos são apropriados e o grau apropriado de rigor para cada um. PMBOK 5ª Edição
  • 50. 50 Gestão colaborativa x desperdício Os gerentes de projetos e suas equipes devem abordar com cuidado cada processo e as suas entradas e saídas e determinar quais são aplicáveis ao projeto em que estão trabalhando. PMBOK 5ª Edição
  • 51. 51 Coordenação facilitada O gerenciamento de projetos é um empreendimento integrado que requer que cada processo e produto seja alinhado e conectado de forma apropriada com os outros processos para facilitar a coordenação. PMBOK 5ª Edição
  • 52. 52 Programa Grupo de projetos relacionados, subprogramas ou atividades do programa, que são gerenciados de modo coordenado para obtenção de benefícios e controles que não estariam disponíveis se eles fossem gerenciados individualmente. PMBOK 5ª Edição
  • 53. 53 Programa Em um programa de capacitação, por exemplo, podem existir diversos projetos independentes, com gerentes e times de projeto, escopos e prazos diferentes. Embora todos com o objetivo comum de desenvolver os profissionais Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
  • 54. 54 O que é um Portfólio? O portfólio de projetos é um conjunto de projetos, programas, subprogramas, subportifólios e operações gerenciadas em grupo, que tem como principal objetivo atingir os objetivos estratégicos da organização Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
  • 55. 55 Patrocinador (Sponsor) Uma pessoa ou grupo que fornece os recursos e suporte para o projeto, programa ou portfólio, e é responsável pelo sucesso do mesmo Desembolso x ROI
  • 56. 56 Stakeholder Parte Interessada Um indivíduo, grupo ou organização que possa afetar, ser afetado, ou sentir-se afetado por uma decisão, atividade, ou resultado de um projeto PMBOK 5ª Edição
  • 57. 57 Stakeholder Dinâmica Identifique stakeholders de um projeto Descreva como ele influencia e é influenciado pelo projeto.
  • 58. 58 A formação do time Time do projeto e time de gerenciamento do projeto
  • 59. 59 A formação do time executor A equipe do projeto, além do gerente de projetos é o grupo que executa o trabalho do projeto. Usuários-chave, especialistas diversos, analistas, programadores, cliente,fornecedores, parceiros de negócios, etc. Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
  • 60. 60 A formação do time de gerenciamento Faz parte do time do projeto, responde pelas atividades de gestão do projeto, como: atualização do cronograma, elaboração de status report, plano de risco, etc. Essa equipe de gerenciamento do projeto comumente é parte do Escritório de Gerenciamento de Projetos – EGP (Project Management Office – PMO) Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
  • 61. 61 Estrutura de gerenciamento que padroniza os processos de governança relacionados a projetos e facilita o compartilhamento de recursos, metodologias, ferramentas e técnicas) Fundamentos em gerenciamento de projetos baseado no pmbok, 5a edição
  • 62. 62 Desenhe um retrato falado de um projeto de software e de papeis e funções relacionados a ele para um projeto de sucesso. Dinâmica.