SlideShare uma empresa Scribd logo
CULTURA DE FEEDBACK
PESQUISA SOBRE O ESTADO DE ENGAJAMENTO DOS
FUNCIONÁRIOS
https://www.officevibe.com/state-employee-engagement#
ABRANGÊNCIA DA PESQUISA
10 MÉTRICAS PARA O ENGAJAMENTO
1. RECONHECIMENTO
2. FEEDBACK
3. FELICIDADE
4. CRESCIMENTO
PESSOAL
5. SATISFAÇÃO
6. BEM ESTAR
7. SENSO DE
PERTENCIMENTO
8. RELACIONAMENTO
COM GESTORES
9.RELACIONAMENTO
COM COLEGAS
10. ALINHAMENTO DE VALORES
COM A EMPRESA
Para que uma pessoa colaboradora seja
engajada, é necessário que seja atendido
alguns valores essenciais.
As pessoas colaboradoras precisam sentir
que são respeitadas, que fazem parte da
equipe e que suas ideias são
importantes. Uma vez que isso seja ocupado,
as pessoas serão mais propensas a ir acima
e além para sua empresa e oferecer um
serviço incrível, criar ideias inovadoras e
ajudar a empresa a crescer.
Existem 10 valores essenciais que as
empresas precisam ter em mente ao tentar
melhorar o envolvimento dos seus
colaboradores.
FEEDBACK NO MUNDO
Dos colaboradores tem de
espera 3 meses para receber
feedback de seu gestor.
FEEDBACKS
https://www.slideshare.net/tadeumarinho5/potencializando-a-cultura-de-feedbacks-horizontais-atravs-de-speedwraps-78144633
O QUE É
FEEDBACK PARA
VOCÊ?
Feedback é uma ferramenta em que as
pessoas ao seu redor trazem fatos/ dados
percebidos para que promova uma melhora
em sua atitude e/ou comportamento.
“Feedback é o alimento para os campeões.”.
Ken Blanchard
“Feedback é uma sugestão para reforçar ou
melhorar um determinado ponto.”
Felipe Morais
“Feedback é uma ferramenta de
transformação que direciona e apoia no
desenvolvimento e aprendizado do ser
humano.”
Mayra R Souza
OBJETIVO
֍ Criarmos o hábito de dar e receber feedback;
֍ Sabermos que o feedback é como um presente;
֍ Termos um ambiente que favoreça e incentiva a troca de feedbacks,
independente do papel que desempenhamos;
֍ Nos desenvolvermos através dos feedbacks que proporcionamos e
recebemos.
TIPOS DE FEEDBACK
֍ Individual;
֍ Coletivo.
֍ Positivo:
 Serve para reforçar comportamentos assertivos;
 Reconhecer e motivar.
֍ Corretivo, construtivo (negativo):
 Apoiar com que a outra pessoa perceba a ação ou comportamento;
 Redirecionar, corrigir comportamentos ou resultados;
 Evitar a reincidência;
 Gerar compromissos de mudança.
PREMISSAS PARA UM FEEDBACK
֍ Dê/ gere contexto para a conversa;
֍ Apresente dados e observações;
֍ Fale sobre interpretações e julgamentos pessoais;
֍ Fale como você se sentiu (emoção);
֍ Deixe claro seu interesse (qual o objetivo do feedback);
֍ Faça um pedido efetivo;
֍ Antes de dar o feedback indague-se e entenda
como a outra pessoa se sente;
֍ Promova combinações e compromissos de ações futuras.
20 coisas para não fazer no feedback:
1. Dar um feedback construtivo na frente de todo mundo;
2. Dar feedback de que a pessoa não aceita feedbacks construtivos;
3. Balançar a cabeça de forma negativa enquanto recebe o feedback;
4. Dar ou pedir feedback quando as pessoas estão de cabeça quente;
5. Não dar espaço para que o outro locutor entre;
6. Interromper a fala do outro;
7. Apontar somente pontos em que a pessoa precisa melhorar;
8. Feedback, taca a bomba e sai correndo;
9. Não dar feedback já é um erro;
10.Rebater ao invés de agradecer;
11.Sugerir uma solução que não funciona;
https://goo.gl/W7qnR6
20 coisas para não fazer no feedback:
12.Dar feedback sobre o que você não deveria;
13.Não utilizar a empatia;
14.Não prestar suporte;
15.Ser grosseiro(a);
16.Não dar exemplos de situações relacionadas ao feedback;
17.Falar para as pessoas o que você acha que elas querem ouvir, não o
que você pensa realmente;
18.“Pronto, agora que eu te dei um feedback é a sua vez. Qual é o seu
feedback para mim?”
19.Não se preocupar em como vai dar o feedback;
20.Feedback indireto - falar para um terceiro o feedback que deveria ser
dito por você.
https://goo.gl/W7qnR6
DICAS DE COMO:
DAR, RECEBER E PEDIR FEEDBACK
DICAS PARA DAR FEEDBACK
֎ Pense antes se o feedback é positivo ou corretivo:
 “O que a pessoa realmente disse ou fez?”
 “Qual foi o impacto disso sobre você ou percepção sobre o time?”
 “O que sentiu com a atitude da outra pessoa?” (auto análise)
 “Com base nesse impacto, o que você está deduzindo sobre a intenção da
outra pessoa?”
֎ Seja sincero(a) e gerencie suas emoções;
֎ Após dar o feedback, faça a escuta ativa/ genuína;
֎ Tenha empatia;
֎ Linguagem corporal;
֎ Tom de voz e fala;
֎ Clareza na comunicação;
֎ Abertura para receber feedback.
DICAS PARA RECEBER FEEDBACK
֎ Escute com atenção (escuta ativa/ genuína);
֎ Aceite e acolha a opinião da outra pessoa, não se defenda:
 Feedbacks mal dados precisam ser explorados, faça perguntas;
 Situação para explorar e testar sua inteligência emocional.
֎ Quando alguém reconhecer algo que você está fazendo bem, não se subestime
dizendo “oh, isso não é nada”. Isso minimiza o elogio que está sendo atribuído
a você;
֎ Agradeça, e lembre disso como algo positivo;
֎ Se o feedback for construtivo, pense que essa pessoa se importa com você;
֎ Feedbacks efetivos te fazem crescer;
֎ Encare como um presente.
PERGUNTAS PARA ESCLARECER OU EXPLORAR
֎ Você tem algum exemplo que notou isso?
֎ Você tem um momento ou situação em que isso ocorreu?
֎ Quando foi a primeira vez que percebeu isso?
֎ Isso já se repetiu outras vezes?
֎ Qual impacto ocorreu com meu comportamento?
֎ Pode me falar um pouco no processo que levou a essa conclusão? As situações e
exemplos?
֎ O que vai melhorar se eu conseguir ter uma ação sobre isso?
֎ Você me falou dos pontos X, Y e Z que preciso dar uma atenção maior. Consegue
ver algo que eu faça bem e que deveria investir?
֎ Agradeço o feedback positivo, mas tem algum construtivo para eu trabalhar em
melhorias?
֎ Que bom que você gostou, fico feliz. Qual a parte que mais te chamou atenção?
DICAS PARA PEDIR FEEDBACK
֎ Tenha uma atitude e peça feedback para você se desenvolver e aprender, pois o
feedback lhe auxiliará na sua jornada.
֎ Agende com a pessoa para ela se preparar e vá de coração aberto.
֎ Se você quer receber feedbacks específicos, diga à pessoa que gostaria de saber
como está esse ponto em específico.
֎ Quando pedir? Ao fim de um ciclo, do pareamento ou do dia de trabalho. Encontre
o ciclo que melhor funciona para você e quanto mais curto, melhor.
 Crie uma frequência para desenvolver o hábito do feedback.
֎ Como? Conversas individuais e pense em qual é a melhor maneira para a pessoa
se expressar.
 Deixe um espaço aberto para que a pessoa fale e faça perguntas sobre assuntos
que você queira saber, assim a pessoa enriqueça sua visão com pontos de seu
interesse, e os que você não tinha pensado.
PRATIQUE E CRIE UMA ROTINA
֎ Dar feedbacks menores e constantes ajuda a manter um ambiente aberto para
comunicação;
֎ Quanto mais você espera para dar o feedback, menos efetivo ele vai ser:
 Comportamentos podem não ressurgir;
 Coisas podem sair do controle;
 Você pode esquecer detalhes importantes.
֎ Dar feedback imediato reforça comportamentos positivos;
֎ Quanto mais você dar e receber feedback, mais fácil isso se torna!
֎ Faça isso em particular (reuniões one-on-one “1:1”)
֎ Pessoas podem agir menos na defensiva se a discussão for a dois;
֎ Feedback deve ser dado diretamente para a pessoa;
֎ Feedback pode envolver sentimentos pessoais e às vezes reações emocionais;
֎ Discutir isso com terceiros quebra a confiança que a pessoa tem em você;
֎ Não significa que você não possa pedir ajuda para saber como falar ou em como dar
feedback, apenas mantenha isso confidencial e evite expor pessoa.
EXEMPLOS DE SITUAÇÕES
COM BOAS PRÁTICAS
PARA O FEEDBACK
EXEMPLOS DE SITUAÇÕES COM BOAS PRÁTICAS
Para gerar entendimento comum oque é melhor utilizar?
OBSERVAÇÕES X JULGAMENTOS
֍ Utilize fatos ou observações: são acontecimentos com consequência
baseados em dados mensuráveis, confirmáveis e compartilhados.
Ex.: “João chegou tarde às últimas reuniões.”
֍ Não utilize opiniões ou julgamentos: é uma avaliação subjetiva através de
inferências pessoais da pessoa que observa o acontecimento.
Ex.: “João não está interessado no projeto.”
EXEMPLOS DE SITUAÇÕES COM BOAS PRÁTICAS
FEEDBACK EFETIVO
֎ Feedback construtivo:
Não efetivo: “Você sempre se atrasa e isso é realmente chato.”
Efetivo: “Você está com algum problema que está se atrasando? Tenho
observado que seu atrasado está frequente e isso me gera a sensação de que
você não se importa com esse projeto.”
֎ Feedback positivo:
Não efetivo: “Você trabalhou bem facilitando aquela reunião."
Efetivo: “Você fez um bom trabalho facilitando aquela reunião, porque você
manteve o grupo focado e garantiu que todos tivessem a chance de falar.”
EXEMPLOS DE SITUAÇÕES COM BOAS PRÁTICAS
FEEDBACK EFETIVO
Abordar comportamentos não personalidade: o comportamento é a maneira de
se comportar e a conduta, são as atitudes e reações da pessoa no meio social. O
comportamento é a exteriorização da personalidade.
Não efetivo: “Você é muito displicente.”
Efetivo: “Na reunião de ontem com o cliente, você ficou apenas no celular e não
interagiu, seu comportamento me incomodou, pois demonstrou desinteresse.”
Tente usar, “Quando você fez x, me fez sentir y”
Diga para a pessoa um comportamento específico que você testemunhou, então
vocês terão algo concreto para focar.
EXEMPLOS DE SITUAÇÕES COM BOAS PRÁTICAS
FEEDBACK EFETIVO
֎ Compromissos: Deixar claro, através de solicitação, quais são os critérios de satisfação,
prazo, etc.
֎ Recompromissos: Quando falhar com compromisso, avaliar se , estou fazendo de forma
consistente e me responsabilizando ou estou colocando a culpa em algo ou alguém?
COMPROMISSOS E RECOMPROMISSOS
֎ O feedback será mais efetivo, quando a pessoa que recebeu o feedback aceitar de forma
consciente, assim dê abertura para ações se dispondo a fazer mudanças;
֎ Dê sugestões e alternativas de como a pessoa pode realizar a mudança, se disponha em ajuda-
la;
֎ A melhor forma é que seja um processo contínuo, e que seja possível chegar a um acordo de
como as duas pessoas vão monitorar o comportamento e/ou atitude;
֎ Não force a solução para a pessoa. Faça sugestões, mas o plano para o futuro deve ser algo
que a pessoa esteja de acordo.
VAMOS PRATICAR!
ATIVIDADE - TRANSFORMAÇÃO
֎ GRUPO 1 - Transforme o feedback negativo em construtivo:
“Você é muito lento e enrolado. Tem que agilizar, senão o trabalho acumula
para todos.”
֎ GRUPO 2 – Transforme um julgamento/ opinião em fatos/ dados:
“Você deve se vestir melhor é muito vulgar.”
֎ GRUPO 3 - Transforme o elogio em um feedback positivo:
“O seu desempenho foi ótimo, parabéns! Continue assim.”
ATIVIDADE – EXPLORAR UM FEEDBACK MAL DADO
֎ GRUPO 1:
“Sinto que você não está dedicando tempo o suficiente ao projeto.”
֎ GRUPO 2:
“Você dá tudo mastigado para as pessoas.”
֎ GRUPO 3:
“Você sempre chega atrasado(a) nas reuniões.”
VAMOS DESENVOLVER
NOSSAS CAPACIDADES?
AUTO ANÁLISE
Feedback corretivo
Feedback positivo
Linguagem corporal
Abertura para receber
Escuta ativa/ genuína
Tom de voz e fala
Autocontrole emocional Empatia
1 2 3 4 5
MÉTODOS E FORMAS DE
PRATICAR O FEEDBACK!
MÉTODO SCI
Situação
Comportamento
Impacto
MÉTODO XYZ
Quando você fez x, eu me senti
y, e eu preferia que, ao invés
disso, você fizesse z.
MÉTODO M.A.R.C.A
Momento oportuno
Ação
Reação
Consequência
Alternativas
MODELO NETFLIX
֎O que a pessoa profissional deve
começar a fazer;
֎O que a pessoa profissional deve parar
de fazer;
֎O que a pessoa profissional deve
continuar fazendo;
FEEDBACK WRAP
1. Descreve o seu contexto;
2. Liste honestamente suas observações;
3. Expresse suas emoções (e conecte aos
itens anteriores);
4. Explique o valor;
5. Sugira uma melhoria.
ESTIMULAR A CULTURA DE FEEDBACK
SPEEDBACK + FEEDBACK WRAP
https://www.slideshare.net/tadeumarinho5/potencializando-a-cultura-de-feedbacks-horizontais-atravs-de-speedwraps-78144633
Simulação speedback:
https://youtu.be/qMXLA4_9xTQ?list=PL2CrpWvVt9_7eEefOei-
rTLt6QMEmpI7N&t=558
FEEDBACK CANVAS
http://gestao30.matheus.eti.br/wp-content/uploads/2013/08/feedback-canvas-v2-poster-A2.pdf
Cultura feedback
FEEDBACK CANVAS
Auto
avaliação
do João
Avaliação do
time
(percepção)
https://www.thekua.com/atwork/wp-content/uploads/2017/03/FeedbackBooklet.pdf
DICAS
Cássio Antoniazi – Podcast sobre feedback:
https://soundcloud.com/brains9/192-a-arte-do-feedback
4 passos para comunicação não violenta:
http://caminhodacomunicacao.com.br/os-4-passos-da-comunicacao-
nao-violenta/
REFERÊNCIAS
Artigos Medium Felipe Morais:
O que é um feedback? | Série sobre Feedback: https://goo.gl/nu2UxF
20 coisas para não fazer no feedback | Série sobre Feedback: https://goo.gl/W7qnR6
Como pedir por feedbacks? | Série sobre Feedback: https://goo.gl/6xVMwW
Como dar feedback? | Série sobre Feedback: https://goo.gl/6H4MND
The Gift of Feedback (in a Booklet): https://goo.gl/zcWVWz
Mariana Graff (Taller): https://www.slideshare.net/MarianaGraf/trabalhando-a-cultura-do-feedback-por-onde-comear-
64485895
Diversidade e psicologia: http://diversidadeepsicologia.blogspot.com.br/2009/02/comportamento-e-personalidade.html
Apresentações Tadeu Marinho:
Os novos desafios da gestão no século da complexidade: https://www.slideshare.net/tadeumarinho5/os-novos-desafios-
da-gesto-no-sculo-da-complexidade
Potencializando a cultura de feedbacks horizontais através de SpeedWraps:
https://www.slideshare.net/tadeumarinho5/potencializando-a-cultura-de-feedbacks-horizontais-atravs-de-speedwraps-
78144633
Feedback Canvas | Matheus Haddad: https://www.slideshare.net/matheushaddad/feedback-canvas
https://www.officevibe.com/state-employee-engagement
https://management30.com
MAYRA SOUZA
AGILE COACH
Mayra.souza@zapcorp.com.br
ZAPIMOVEIS.COM.BR

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Treinamento de Feedback
Treinamento de FeedbackTreinamento de Feedback
Treinamento de Feedback
Alessandro Rodrigues, CSM, SFC
 
Palestra Comunicação assertiva e feedback na Avaliação de Desempenho - Encont...
Palestra Comunicação assertiva e feedback na Avaliação de Desempenho - Encont...Palestra Comunicação assertiva e feedback na Avaliação de Desempenho - Encont...
Palestra Comunicação assertiva e feedback na Avaliação de Desempenho - Encont...
Bernardo Leite Moreira
 
Comunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no TrabalhoComunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no Trabalho
Francielle Hilbert
 
Treinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderançaTreinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderança
Gaylha Wegila
 
Curso de Liderança e Comunicação
Curso de Liderança e ComunicaçãoCurso de Liderança e Comunicação
Curso de Liderança e Comunicação
Dario Vedana
 
Inteligencia emocional no trabalho
Inteligencia emocional no trabalhoInteligencia emocional no trabalho
Inteligencia emocional no trabalho
Celso Stumpo de Oliveira
 
Workshop Pilares da Liderança
Workshop Pilares da LiderançaWorkshop Pilares da Liderança
Workshop Pilares da Liderança
Juliana Feitosa Andrade
 
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em EquipePalestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Eduardo Maróstica
 
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBRPalestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Alessandra Gonzaga
 
Palestra desejos liderando foco em resultados
Palestra desejos  liderando foco em resultadosPalestra desejos  liderando foco em resultados
Palestra desejos liderando foco em resultados
desejosmodaintima
 
Tecnicas de Oratória.
Tecnicas de Oratória.Tecnicas de Oratória.
Tecnicas de Oratória.
Raimundo Nonato
 
Liderança e Comunicação - Maurício Andrade
Liderança e Comunicação - Maurício AndradeLiderança e Comunicação - Maurício Andrade
Liderança e Comunicação - Maurício Andrade
Maurício Andrade
 
Mini curso comunicação (apresentação)
Mini curso comunicação (apresentação)Mini curso comunicação (apresentação)
Mini curso comunicação (apresentação)
Gislaine Milena Casula Magrini
 
Inteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na LiderançaInteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na Liderança
Ismael
 
Palestra : Relacionamentos interpessoais na gestão de conflitos: O que uma ge...
Palestra : Relacionamentos interpessoais na gestão de conflitos: O que uma ge...Palestra : Relacionamentos interpessoais na gestão de conflitos: O que uma ge...
Palestra : Relacionamentos interpessoais na gestão de conflitos: O que uma ge...
Jamile Coelho
 
Liderança
LiderançaLiderança
Treinamento Comunicação - Embali
Treinamento Comunicação - EmbaliTreinamento Comunicação - Embali
Treinamento Comunicação - Embali
Milton Henrique do Couto Neto
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Comunicação interpessoal comunicação assertiva
Comunicação interpessoal comunicação assertivaComunicação interpessoal comunicação assertiva
Comunicação interpessoal comunicação assertiva
Beatriz123Letras
 
Feedback
FeedbackFeedback

Mais procurados (20)

Treinamento de Feedback
Treinamento de FeedbackTreinamento de Feedback
Treinamento de Feedback
 
Palestra Comunicação assertiva e feedback na Avaliação de Desempenho - Encont...
Palestra Comunicação assertiva e feedback na Avaliação de Desempenho - Encont...Palestra Comunicação assertiva e feedback na Avaliação de Desempenho - Encont...
Palestra Comunicação assertiva e feedback na Avaliação de Desempenho - Encont...
 
Comunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no TrabalhoComunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no Trabalho
 
Treinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderançaTreinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderança
 
Curso de Liderança e Comunicação
Curso de Liderança e ComunicaçãoCurso de Liderança e Comunicação
Curso de Liderança e Comunicação
 
Inteligencia emocional no trabalho
Inteligencia emocional no trabalhoInteligencia emocional no trabalho
Inteligencia emocional no trabalho
 
Workshop Pilares da Liderança
Workshop Pilares da LiderançaWorkshop Pilares da Liderança
Workshop Pilares da Liderança
 
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em EquipePalestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
 
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBRPalestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
 
Palestra desejos liderando foco em resultados
Palestra desejos  liderando foco em resultadosPalestra desejos  liderando foco em resultados
Palestra desejos liderando foco em resultados
 
Tecnicas de Oratória.
Tecnicas de Oratória.Tecnicas de Oratória.
Tecnicas de Oratória.
 
Liderança e Comunicação - Maurício Andrade
Liderança e Comunicação - Maurício AndradeLiderança e Comunicação - Maurício Andrade
Liderança e Comunicação - Maurício Andrade
 
Mini curso comunicação (apresentação)
Mini curso comunicação (apresentação)Mini curso comunicação (apresentação)
Mini curso comunicação (apresentação)
 
Inteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na LiderançaInteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na Liderança
 
Palestra : Relacionamentos interpessoais na gestão de conflitos: O que uma ge...
Palestra : Relacionamentos interpessoais na gestão de conflitos: O que uma ge...Palestra : Relacionamentos interpessoais na gestão de conflitos: O que uma ge...
Palestra : Relacionamentos interpessoais na gestão de conflitos: O que uma ge...
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
Treinamento Comunicação - Embali
Treinamento Comunicação - EmbaliTreinamento Comunicação - Embali
Treinamento Comunicação - Embali
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
 
Comunicação interpessoal comunicação assertiva
Comunicação interpessoal comunicação assertivaComunicação interpessoal comunicação assertiva
Comunicação interpessoal comunicação assertiva
 
Feedback
FeedbackFeedback
Feedback
 

Semelhante a Cultura feedback

Solucoes essenciais-desafios-gerenciais
Solucoes essenciais-desafios-gerenciaisSolucoes essenciais-desafios-gerenciais
Solucoes essenciais-desafios-gerenciais
Nazareno P. Silva
 
A importância do feedback
A importância do feedbackA importância do feedback
A importância do feedback
Alexsandro Rebello Bonatto
 
Comunicacao e feedback
Comunicacao e feedbackComunicacao e feedback
Comunicacao e feedback
Claudia Hofart Guzzo
 
Feedback - A arte de ouvir e falar
Feedback - A arte de ouvir e falarFeedback - A arte de ouvir e falar
Feedback - A arte de ouvir e falar
Kenneth Corrêa
 
Preciso saber se estou indo bem
Preciso saber se estou indo bemPreciso saber se estou indo bem
Preciso saber se estou indo bem
MarceloMachado161
 
Preciso saber se estou indo bem!
Preciso saber se estou indo bem!Preciso saber se estou indo bem!
Preciso saber se estou indo bem!
Vanessa Me Tonini
 
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoal
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoalDicas para melhorar o relacionamento interpessoal
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoal
Karol Oliveira
 
Manejo de feedback e supervisão positiva
Manejo de feedback e supervisão positivaManejo de feedback e supervisão positiva
Manejo de feedback e supervisão positiva
Esequias Caetano
 
Relações Humanas no Trabalho - Sônia.pdf
Relações Humanas no Trabalho - Sônia.pdfRelações Humanas no Trabalho - Sônia.pdf
Relações Humanas no Trabalho - Sônia.pdf
KevinFontelles2
 
Feedback eficiente liderança
Feedback eficiente liderançaFeedback eficiente liderança
Feedback eficiente liderança
Paulo Cesar Diniz Bicudo
 
Feedback eficiente não é só coisa de líder.
Feedback eficiente não é só coisa de líder.Feedback eficiente não é só coisa de líder.
Feedback eficiente não é só coisa de líder.
Paula Calefi
 
Desenv. lideranças aulas 7 a 9
Desenv. lideranças aulas 7 a 9Desenv. lideranças aulas 7 a 9
Desenv. lideranças aulas 7 a 9
Gislene Isquierdo
 
Aula 02 feedback assertivo
Aula 02   feedback assertivoAula 02   feedback assertivo
Aula 02 feedback assertivo
Niloar Bissani
 
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 7 e 8
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 7 e 8Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 7 e 8
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 7 e 8
Wandick Rocha de Aquino
 
Tudo sobre feedback
Tudo sobre feedbackTudo sobre feedback
Tudo sobre feedback
Renata Nogueira Cunha
 
RELACIONAMENTO INTERPESSOAL E INTERSETORIAL NAS ORGANIZAÇÕES
RELACIONAMENTO INTERPESSOAL E INTERSETORIAL NAS ORGANIZAÇÕES RELACIONAMENTO INTERPESSOAL E INTERSETORIAL NAS ORGANIZAÇÕES
RELACIONAMENTO INTERPESSOAL E INTERSETORIAL NAS ORGANIZAÇÕES
Ítalo Mazoni Dos Santos Gonçalves
 
Feedback
FeedbackFeedback
Feed back & comunicação - Uma Breve Introdução
Feed back & comunicação - Uma Breve IntroduçãoFeed back & comunicação - Uma Breve Introdução
Feed back & comunicação - Uma Breve Introdução
Agnaldo Paim de Souza
 
1ª série_Aula 25_Projeto de Vida_Feedback.pptx
1ª série_Aula 25_Projeto de Vida_Feedback.pptx1ª série_Aula 25_Projeto de Vida_Feedback.pptx
1ª série_Aula 25_Projeto de Vida_Feedback.pptx
CELIMARACORDACO
 
1º capitulo uau! como causar uma otima impressão
1º capitulo   uau! como causar uma otima impressão1º capitulo   uau! como causar uma otima impressão
1º capitulo uau! como causar uma otima impressão
Dayane Oliveira
 

Semelhante a Cultura feedback (20)

Solucoes essenciais-desafios-gerenciais
Solucoes essenciais-desafios-gerenciaisSolucoes essenciais-desafios-gerenciais
Solucoes essenciais-desafios-gerenciais
 
A importância do feedback
A importância do feedbackA importância do feedback
A importância do feedback
 
Comunicacao e feedback
Comunicacao e feedbackComunicacao e feedback
Comunicacao e feedback
 
Feedback - A arte de ouvir e falar
Feedback - A arte de ouvir e falarFeedback - A arte de ouvir e falar
Feedback - A arte de ouvir e falar
 
Preciso saber se estou indo bem
Preciso saber se estou indo bemPreciso saber se estou indo bem
Preciso saber se estou indo bem
 
Preciso saber se estou indo bem!
Preciso saber se estou indo bem!Preciso saber se estou indo bem!
Preciso saber se estou indo bem!
 
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoal
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoalDicas para melhorar o relacionamento interpessoal
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoal
 
Manejo de feedback e supervisão positiva
Manejo de feedback e supervisão positivaManejo de feedback e supervisão positiva
Manejo de feedback e supervisão positiva
 
Relações Humanas no Trabalho - Sônia.pdf
Relações Humanas no Trabalho - Sônia.pdfRelações Humanas no Trabalho - Sônia.pdf
Relações Humanas no Trabalho - Sônia.pdf
 
Feedback eficiente liderança
Feedback eficiente liderançaFeedback eficiente liderança
Feedback eficiente liderança
 
Feedback eficiente não é só coisa de líder.
Feedback eficiente não é só coisa de líder.Feedback eficiente não é só coisa de líder.
Feedback eficiente não é só coisa de líder.
 
Desenv. lideranças aulas 7 a 9
Desenv. lideranças aulas 7 a 9Desenv. lideranças aulas 7 a 9
Desenv. lideranças aulas 7 a 9
 
Aula 02 feedback assertivo
Aula 02   feedback assertivoAula 02   feedback assertivo
Aula 02 feedback assertivo
 
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 7 e 8
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 7 e 8Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 7 e 8
Gestão e Liderança de Pessoas - Aulas 7 e 8
 
Tudo sobre feedback
Tudo sobre feedbackTudo sobre feedback
Tudo sobre feedback
 
RELACIONAMENTO INTERPESSOAL E INTERSETORIAL NAS ORGANIZAÇÕES
RELACIONAMENTO INTERPESSOAL E INTERSETORIAL NAS ORGANIZAÇÕES RELACIONAMENTO INTERPESSOAL E INTERSETORIAL NAS ORGANIZAÇÕES
RELACIONAMENTO INTERPESSOAL E INTERSETORIAL NAS ORGANIZAÇÕES
 
Feedback
FeedbackFeedback
Feedback
 
Feed back & comunicação - Uma Breve Introdução
Feed back & comunicação - Uma Breve IntroduçãoFeed back & comunicação - Uma Breve Introdução
Feed back & comunicação - Uma Breve Introdução
 
1ª série_Aula 25_Projeto de Vida_Feedback.pptx
1ª série_Aula 25_Projeto de Vida_Feedback.pptx1ª série_Aula 25_Projeto de Vida_Feedback.pptx
1ª série_Aula 25_Projeto de Vida_Feedback.pptx
 
1º capitulo uau! como causar uma otima impressão
1º capitulo   uau! como causar uma otima impressão1º capitulo   uau! como causar uma otima impressão
1º capitulo uau! como causar uma otima impressão
 

Mais de Mayra de Souza

1º CONAGILE | Inicie Business Agility com Strategic
1º CONAGILE | Inicie Business Agility com Strategic1º CONAGILE | Inicie Business Agility com Strategic
1º CONAGILE | Inicie Business Agility com Strategic
Mayra de Souza
 
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
Mayra de Souza
 
Lean inception
Lean inceptionLean inception
Lean inception
Mayra de Souza
 
Promovendo o alinhamento estratégico por meio da Strategic Inception
Promovendo o alinhamento estratégico por meio da Strategic InceptionPromovendo o alinhamento estratégico por meio da Strategic Inception
Promovendo o alinhamento estratégico por meio da Strategic Inception
Mayra de Souza
 
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
Mayra de Souza
 
Potencialize as capacidades da sua organização com atividades colaborativas
Potencialize as capacidades da sua organização com atividades colaborativasPotencialize as capacidades da sua organização com atividades colaborativas
Potencialize as capacidades da sua organização com atividades colaborativas
Mayra de Souza
 
Sessão de Coaching em Grupo
Sessão de Coaching em GrupoSessão de Coaching em Grupo
Sessão de Coaching em Grupo
Mayra de Souza
 
Lean Inception custo ou desperdício? Como engajar participantes?
Lean Inception custo ou desperdício? Como engajar participantes?Lean Inception custo ou desperdício? Como engajar participantes?
Lean Inception custo ou desperdício? Como engajar participantes?
Mayra de Souza
 
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
Mayra de Souza
 
Management 3.0 | Engajamento, motivação e propósito
Management 3.0 | Engajamento, motivação e propósitoManagement 3.0 | Engajamento, motivação e propósito
Management 3.0 | Engajamento, motivação e propósito
Mayra de Souza
 
Desenvolvendo produtos enxutos com Lean Inception
Desenvolvendo produtos enxutos com Lean InceptionDesenvolvendo produtos enxutos com Lean Inception
Desenvolvendo produtos enxutos com Lean Inception
Mayra de Souza
 
STATIK | System Thinking Approach to Implementing Kanban / Abordagem do Pens...
STATIK | System Thinking Approach to  Implementing Kanban / Abordagem do Pens...STATIK | System Thinking Approach to  Implementing Kanban / Abordagem do Pens...
STATIK | System Thinking Approach to Implementing Kanban / Abordagem do Pens...
Mayra de Souza
 
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
Mayra de Souza
 
Cartazes de engajamento com a cultura de engenharia Spotify
Cartazes de engajamento com a cultura de engenharia SpotifyCartazes de engajamento com a cultura de engenharia Spotify
Cartazes de engajamento com a cultura de engenharia Spotify
Mayra de Souza
 
[Agile Day RS 2018] Inovar é empreender diariamente. Como?
[Agile Day RS 2018] Inovar é empreender diariamente. Como?[Agile Day RS 2018] Inovar é empreender diariamente. Como?
[Agile Day RS 2018] Inovar é empreender diariamente. Como?
Mayra de Souza
 
Iniciativas realizadas no ZAP POA 2017/ 2018
Iniciativas realizadas no ZAP POA 2017/ 2018Iniciativas realizadas no ZAP POA 2017/ 2018
Iniciativas realizadas no ZAP POA 2017/ 2018
Mayra de Souza
 
12 anos da Lei Maria da Penha! Detalhes do machismo e como perceber
12 anos da Lei Maria da Penha! Detalhes do machismo e como perceber12 anos da Lei Maria da Penha! Detalhes do machismo e como perceber
12 anos da Lei Maria da Penha! Detalhes do machismo e como perceber
Mayra de Souza
 
Lean Inception custo ou desperdicio? Como engajar participantes?
Lean Inception custo ou desperdicio? Como engajar participantes?Lean Inception custo ou desperdicio? Como engajar participantes?
Lean Inception custo ou desperdicio? Como engajar participantes?
Mayra de Souza
 
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
Mayra de Souza
 
FacilitAção | Que momento o grupo se encontra?
FacilitAção | Que momento o grupo se encontra?FacilitAção | Que momento o grupo se encontra?
FacilitAção | Que momento o grupo se encontra?
Mayra de Souza
 

Mais de Mayra de Souza (20)

1º CONAGILE | Inicie Business Agility com Strategic
1º CONAGILE | Inicie Business Agility com Strategic1º CONAGILE | Inicie Business Agility com Strategic
1º CONAGILE | Inicie Business Agility com Strategic
 
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
 
Lean inception
Lean inceptionLean inception
Lean inception
 
Promovendo o alinhamento estratégico por meio da Strategic Inception
Promovendo o alinhamento estratégico por meio da Strategic InceptionPromovendo o alinhamento estratégico por meio da Strategic Inception
Promovendo o alinhamento estratégico por meio da Strategic Inception
 
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
 
Potencialize as capacidades da sua organização com atividades colaborativas
Potencialize as capacidades da sua organização com atividades colaborativasPotencialize as capacidades da sua organização com atividades colaborativas
Potencialize as capacidades da sua organização com atividades colaborativas
 
Sessão de Coaching em Grupo
Sessão de Coaching em GrupoSessão de Coaching em Grupo
Sessão de Coaching em Grupo
 
Lean Inception custo ou desperdício? Como engajar participantes?
Lean Inception custo ou desperdício? Como engajar participantes?Lean Inception custo ou desperdício? Como engajar participantes?
Lean Inception custo ou desperdício? Como engajar participantes?
 
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
 
Management 3.0 | Engajamento, motivação e propósito
Management 3.0 | Engajamento, motivação e propósitoManagement 3.0 | Engajamento, motivação e propósito
Management 3.0 | Engajamento, motivação e propósito
 
Desenvolvendo produtos enxutos com Lean Inception
Desenvolvendo produtos enxutos com Lean InceptionDesenvolvendo produtos enxutos com Lean Inception
Desenvolvendo produtos enxutos com Lean Inception
 
STATIK | System Thinking Approach to Implementing Kanban / Abordagem do Pens...
STATIK | System Thinking Approach to  Implementing Kanban / Abordagem do Pens...STATIK | System Thinking Approach to  Implementing Kanban / Abordagem do Pens...
STATIK | System Thinking Approach to Implementing Kanban / Abordagem do Pens...
 
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
Design Sprint e Lean Inception se complementam. Como?
 
Cartazes de engajamento com a cultura de engenharia Spotify
Cartazes de engajamento com a cultura de engenharia SpotifyCartazes de engajamento com a cultura de engenharia Spotify
Cartazes de engajamento com a cultura de engenharia Spotify
 
[Agile Day RS 2018] Inovar é empreender diariamente. Como?
[Agile Day RS 2018] Inovar é empreender diariamente. Como?[Agile Day RS 2018] Inovar é empreender diariamente. Como?
[Agile Day RS 2018] Inovar é empreender diariamente. Como?
 
Iniciativas realizadas no ZAP POA 2017/ 2018
Iniciativas realizadas no ZAP POA 2017/ 2018Iniciativas realizadas no ZAP POA 2017/ 2018
Iniciativas realizadas no ZAP POA 2017/ 2018
 
12 anos da Lei Maria da Penha! Detalhes do machismo e como perceber
12 anos da Lei Maria da Penha! Detalhes do machismo e como perceber12 anos da Lei Maria da Penha! Detalhes do machismo e como perceber
12 anos da Lei Maria da Penha! Detalhes do machismo e como perceber
 
Lean Inception custo ou desperdicio? Como engajar participantes?
Lean Inception custo ou desperdicio? Como engajar participantes?Lean Inception custo ou desperdicio? Como engajar participantes?
Lean Inception custo ou desperdicio? Como engajar participantes?
 
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
DETALHES DO MACHISMO! COMO PERCEBER?
 
FacilitAção | Que momento o grupo se encontra?
FacilitAção | Que momento o grupo se encontra?FacilitAção | Que momento o grupo se encontra?
FacilitAção | Que momento o grupo se encontra?
 

Cultura feedback

  • 2. PESQUISA SOBRE O ESTADO DE ENGAJAMENTO DOS FUNCIONÁRIOS https://www.officevibe.com/state-employee-engagement#
  • 4. 10 MÉTRICAS PARA O ENGAJAMENTO 1. RECONHECIMENTO 2. FEEDBACK 3. FELICIDADE 4. CRESCIMENTO PESSOAL 5. SATISFAÇÃO 6. BEM ESTAR 7. SENSO DE PERTENCIMENTO 8. RELACIONAMENTO COM GESTORES 9.RELACIONAMENTO COM COLEGAS 10. ALINHAMENTO DE VALORES COM A EMPRESA Para que uma pessoa colaboradora seja engajada, é necessário que seja atendido alguns valores essenciais. As pessoas colaboradoras precisam sentir que são respeitadas, que fazem parte da equipe e que suas ideias são importantes. Uma vez que isso seja ocupado, as pessoas serão mais propensas a ir acima e além para sua empresa e oferecer um serviço incrível, criar ideias inovadoras e ajudar a empresa a crescer. Existem 10 valores essenciais que as empresas precisam ter em mente ao tentar melhorar o envolvimento dos seus colaboradores.
  • 5. FEEDBACK NO MUNDO Dos colaboradores tem de espera 3 meses para receber feedback de seu gestor.
  • 7. O QUE É FEEDBACK PARA VOCÊ?
  • 8. Feedback é uma ferramenta em que as pessoas ao seu redor trazem fatos/ dados percebidos para que promova uma melhora em sua atitude e/ou comportamento. “Feedback é o alimento para os campeões.”. Ken Blanchard
  • 9. “Feedback é uma sugestão para reforçar ou melhorar um determinado ponto.” Felipe Morais “Feedback é uma ferramenta de transformação que direciona e apoia no desenvolvimento e aprendizado do ser humano.” Mayra R Souza
  • 10. OBJETIVO ֍ Criarmos o hábito de dar e receber feedback; ֍ Sabermos que o feedback é como um presente; ֍ Termos um ambiente que favoreça e incentiva a troca de feedbacks, independente do papel que desempenhamos; ֍ Nos desenvolvermos através dos feedbacks que proporcionamos e recebemos.
  • 11. TIPOS DE FEEDBACK ֍ Individual; ֍ Coletivo. ֍ Positivo:  Serve para reforçar comportamentos assertivos;  Reconhecer e motivar. ֍ Corretivo, construtivo (negativo):  Apoiar com que a outra pessoa perceba a ação ou comportamento;  Redirecionar, corrigir comportamentos ou resultados;  Evitar a reincidência;  Gerar compromissos de mudança.
  • 12. PREMISSAS PARA UM FEEDBACK ֍ Dê/ gere contexto para a conversa; ֍ Apresente dados e observações; ֍ Fale sobre interpretações e julgamentos pessoais; ֍ Fale como você se sentiu (emoção); ֍ Deixe claro seu interesse (qual o objetivo do feedback); ֍ Faça um pedido efetivo; ֍ Antes de dar o feedback indague-se e entenda como a outra pessoa se sente; ֍ Promova combinações e compromissos de ações futuras.
  • 13. 20 coisas para não fazer no feedback: 1. Dar um feedback construtivo na frente de todo mundo; 2. Dar feedback de que a pessoa não aceita feedbacks construtivos; 3. Balançar a cabeça de forma negativa enquanto recebe o feedback; 4. Dar ou pedir feedback quando as pessoas estão de cabeça quente; 5. Não dar espaço para que o outro locutor entre; 6. Interromper a fala do outro; 7. Apontar somente pontos em que a pessoa precisa melhorar; 8. Feedback, taca a bomba e sai correndo; 9. Não dar feedback já é um erro; 10.Rebater ao invés de agradecer; 11.Sugerir uma solução que não funciona; https://goo.gl/W7qnR6
  • 14. 20 coisas para não fazer no feedback: 12.Dar feedback sobre o que você não deveria; 13.Não utilizar a empatia; 14.Não prestar suporte; 15.Ser grosseiro(a); 16.Não dar exemplos de situações relacionadas ao feedback; 17.Falar para as pessoas o que você acha que elas querem ouvir, não o que você pensa realmente; 18.“Pronto, agora que eu te dei um feedback é a sua vez. Qual é o seu feedback para mim?” 19.Não se preocupar em como vai dar o feedback; 20.Feedback indireto - falar para um terceiro o feedback que deveria ser dito por você. https://goo.gl/W7qnR6
  • 15. DICAS DE COMO: DAR, RECEBER E PEDIR FEEDBACK
  • 16. DICAS PARA DAR FEEDBACK ֎ Pense antes se o feedback é positivo ou corretivo:  “O que a pessoa realmente disse ou fez?”  “Qual foi o impacto disso sobre você ou percepção sobre o time?”  “O que sentiu com a atitude da outra pessoa?” (auto análise)  “Com base nesse impacto, o que você está deduzindo sobre a intenção da outra pessoa?” ֎ Seja sincero(a) e gerencie suas emoções; ֎ Após dar o feedback, faça a escuta ativa/ genuína; ֎ Tenha empatia; ֎ Linguagem corporal; ֎ Tom de voz e fala; ֎ Clareza na comunicação; ֎ Abertura para receber feedback.
  • 17. DICAS PARA RECEBER FEEDBACK ֎ Escute com atenção (escuta ativa/ genuína); ֎ Aceite e acolha a opinião da outra pessoa, não se defenda:  Feedbacks mal dados precisam ser explorados, faça perguntas;  Situação para explorar e testar sua inteligência emocional. ֎ Quando alguém reconhecer algo que você está fazendo bem, não se subestime dizendo “oh, isso não é nada”. Isso minimiza o elogio que está sendo atribuído a você; ֎ Agradeça, e lembre disso como algo positivo; ֎ Se o feedback for construtivo, pense que essa pessoa se importa com você; ֎ Feedbacks efetivos te fazem crescer; ֎ Encare como um presente.
  • 18. PERGUNTAS PARA ESCLARECER OU EXPLORAR ֎ Você tem algum exemplo que notou isso? ֎ Você tem um momento ou situação em que isso ocorreu? ֎ Quando foi a primeira vez que percebeu isso? ֎ Isso já se repetiu outras vezes? ֎ Qual impacto ocorreu com meu comportamento? ֎ Pode me falar um pouco no processo que levou a essa conclusão? As situações e exemplos? ֎ O que vai melhorar se eu conseguir ter uma ação sobre isso? ֎ Você me falou dos pontos X, Y e Z que preciso dar uma atenção maior. Consegue ver algo que eu faça bem e que deveria investir? ֎ Agradeço o feedback positivo, mas tem algum construtivo para eu trabalhar em melhorias? ֎ Que bom que você gostou, fico feliz. Qual a parte que mais te chamou atenção?
  • 19. DICAS PARA PEDIR FEEDBACK ֎ Tenha uma atitude e peça feedback para você se desenvolver e aprender, pois o feedback lhe auxiliará na sua jornada. ֎ Agende com a pessoa para ela se preparar e vá de coração aberto. ֎ Se você quer receber feedbacks específicos, diga à pessoa que gostaria de saber como está esse ponto em específico. ֎ Quando pedir? Ao fim de um ciclo, do pareamento ou do dia de trabalho. Encontre o ciclo que melhor funciona para você e quanto mais curto, melhor.  Crie uma frequência para desenvolver o hábito do feedback. ֎ Como? Conversas individuais e pense em qual é a melhor maneira para a pessoa se expressar.  Deixe um espaço aberto para que a pessoa fale e faça perguntas sobre assuntos que você queira saber, assim a pessoa enriqueça sua visão com pontos de seu interesse, e os que você não tinha pensado.
  • 20. PRATIQUE E CRIE UMA ROTINA ֎ Dar feedbacks menores e constantes ajuda a manter um ambiente aberto para comunicação; ֎ Quanto mais você espera para dar o feedback, menos efetivo ele vai ser:  Comportamentos podem não ressurgir;  Coisas podem sair do controle;  Você pode esquecer detalhes importantes. ֎ Dar feedback imediato reforça comportamentos positivos; ֎ Quanto mais você dar e receber feedback, mais fácil isso se torna! ֎ Faça isso em particular (reuniões one-on-one “1:1”) ֎ Pessoas podem agir menos na defensiva se a discussão for a dois; ֎ Feedback deve ser dado diretamente para a pessoa; ֎ Feedback pode envolver sentimentos pessoais e às vezes reações emocionais; ֎ Discutir isso com terceiros quebra a confiança que a pessoa tem em você; ֎ Não significa que você não possa pedir ajuda para saber como falar ou em como dar feedback, apenas mantenha isso confidencial e evite expor pessoa.
  • 21. EXEMPLOS DE SITUAÇÕES COM BOAS PRÁTICAS PARA O FEEDBACK
  • 22. EXEMPLOS DE SITUAÇÕES COM BOAS PRÁTICAS Para gerar entendimento comum oque é melhor utilizar? OBSERVAÇÕES X JULGAMENTOS ֍ Utilize fatos ou observações: são acontecimentos com consequência baseados em dados mensuráveis, confirmáveis e compartilhados. Ex.: “João chegou tarde às últimas reuniões.” ֍ Não utilize opiniões ou julgamentos: é uma avaliação subjetiva através de inferências pessoais da pessoa que observa o acontecimento. Ex.: “João não está interessado no projeto.”
  • 23. EXEMPLOS DE SITUAÇÕES COM BOAS PRÁTICAS FEEDBACK EFETIVO ֎ Feedback construtivo: Não efetivo: “Você sempre se atrasa e isso é realmente chato.” Efetivo: “Você está com algum problema que está se atrasando? Tenho observado que seu atrasado está frequente e isso me gera a sensação de que você não se importa com esse projeto.” ֎ Feedback positivo: Não efetivo: “Você trabalhou bem facilitando aquela reunião." Efetivo: “Você fez um bom trabalho facilitando aquela reunião, porque você manteve o grupo focado e garantiu que todos tivessem a chance de falar.”
  • 24. EXEMPLOS DE SITUAÇÕES COM BOAS PRÁTICAS FEEDBACK EFETIVO Abordar comportamentos não personalidade: o comportamento é a maneira de se comportar e a conduta, são as atitudes e reações da pessoa no meio social. O comportamento é a exteriorização da personalidade. Não efetivo: “Você é muito displicente.” Efetivo: “Na reunião de ontem com o cliente, você ficou apenas no celular e não interagiu, seu comportamento me incomodou, pois demonstrou desinteresse.” Tente usar, “Quando você fez x, me fez sentir y” Diga para a pessoa um comportamento específico que você testemunhou, então vocês terão algo concreto para focar.
  • 25. EXEMPLOS DE SITUAÇÕES COM BOAS PRÁTICAS FEEDBACK EFETIVO ֎ Compromissos: Deixar claro, através de solicitação, quais são os critérios de satisfação, prazo, etc. ֎ Recompromissos: Quando falhar com compromisso, avaliar se , estou fazendo de forma consistente e me responsabilizando ou estou colocando a culpa em algo ou alguém? COMPROMISSOS E RECOMPROMISSOS ֎ O feedback será mais efetivo, quando a pessoa que recebeu o feedback aceitar de forma consciente, assim dê abertura para ações se dispondo a fazer mudanças; ֎ Dê sugestões e alternativas de como a pessoa pode realizar a mudança, se disponha em ajuda- la; ֎ A melhor forma é que seja um processo contínuo, e que seja possível chegar a um acordo de como as duas pessoas vão monitorar o comportamento e/ou atitude; ֎ Não force a solução para a pessoa. Faça sugestões, mas o plano para o futuro deve ser algo que a pessoa esteja de acordo.
  • 27. ATIVIDADE - TRANSFORMAÇÃO ֎ GRUPO 1 - Transforme o feedback negativo em construtivo: “Você é muito lento e enrolado. Tem que agilizar, senão o trabalho acumula para todos.” ֎ GRUPO 2 – Transforme um julgamento/ opinião em fatos/ dados: “Você deve se vestir melhor é muito vulgar.” ֎ GRUPO 3 - Transforme o elogio em um feedback positivo: “O seu desempenho foi ótimo, parabéns! Continue assim.”
  • 28. ATIVIDADE – EXPLORAR UM FEEDBACK MAL DADO ֎ GRUPO 1: “Sinto que você não está dedicando tempo o suficiente ao projeto.” ֎ GRUPO 2: “Você dá tudo mastigado para as pessoas.” ֎ GRUPO 3: “Você sempre chega atrasado(a) nas reuniões.”
  • 30. AUTO ANÁLISE Feedback corretivo Feedback positivo Linguagem corporal Abertura para receber Escuta ativa/ genuína Tom de voz e fala Autocontrole emocional Empatia 1 2 3 4 5
  • 31. MÉTODOS E FORMAS DE PRATICAR O FEEDBACK!
  • 33. MÉTODO XYZ Quando você fez x, eu me senti y, e eu preferia que, ao invés disso, você fizesse z.
  • 35. MODELO NETFLIX ֎O que a pessoa profissional deve começar a fazer; ֎O que a pessoa profissional deve parar de fazer; ֎O que a pessoa profissional deve continuar fazendo;
  • 36. FEEDBACK WRAP 1. Descreve o seu contexto; 2. Liste honestamente suas observações; 3. Expresse suas emoções (e conecte aos itens anteriores); 4. Explique o valor; 5. Sugira uma melhoria.
  • 37. ESTIMULAR A CULTURA DE FEEDBACK SPEEDBACK + FEEDBACK WRAP https://www.slideshare.net/tadeumarinho5/potencializando-a-cultura-de-feedbacks-horizontais-atravs-de-speedwraps-78144633 Simulação speedback: https://youtu.be/qMXLA4_9xTQ?list=PL2CrpWvVt9_7eEefOei- rTLt6QMEmpI7N&t=558
  • 42. DICAS Cássio Antoniazi – Podcast sobre feedback: https://soundcloud.com/brains9/192-a-arte-do-feedback 4 passos para comunicação não violenta: http://caminhodacomunicacao.com.br/os-4-passos-da-comunicacao- nao-violenta/
  • 43. REFERÊNCIAS Artigos Medium Felipe Morais: O que é um feedback? | Série sobre Feedback: https://goo.gl/nu2UxF 20 coisas para não fazer no feedback | Série sobre Feedback: https://goo.gl/W7qnR6 Como pedir por feedbacks? | Série sobre Feedback: https://goo.gl/6xVMwW Como dar feedback? | Série sobre Feedback: https://goo.gl/6H4MND The Gift of Feedback (in a Booklet): https://goo.gl/zcWVWz Mariana Graff (Taller): https://www.slideshare.net/MarianaGraf/trabalhando-a-cultura-do-feedback-por-onde-comear- 64485895 Diversidade e psicologia: http://diversidadeepsicologia.blogspot.com.br/2009/02/comportamento-e-personalidade.html Apresentações Tadeu Marinho: Os novos desafios da gestão no século da complexidade: https://www.slideshare.net/tadeumarinho5/os-novos-desafios- da-gesto-no-sculo-da-complexidade Potencializando a cultura de feedbacks horizontais através de SpeedWraps: https://www.slideshare.net/tadeumarinho5/potencializando-a-cultura-de-feedbacks-horizontais-atravs-de-speedwraps- 78144633 Feedback Canvas | Matheus Haddad: https://www.slideshare.net/matheushaddad/feedback-canvas https://www.officevibe.com/state-employee-engagement https://management30.com