SlideShare uma empresa Scribd logo
Comportamento
Comunicacional:
Passivo
Ana Pinto
Andreia Costa
Ângela Moreira
Catarina Simões
Vera Brandão 10ºPTC
Comunicação
Comunicação
 É a troca de informação
entre indivíduos através
da fala, da escrita, de
um código comum ou
do próprio
comportamento.
 Podemos trocar ideias,
conhecimentos,
sentimentos, experiências
e opiniões.
Elementos da comunicação
 Para existir comunicação tem que existir:
Emissor Canal Mensagem
ReceptorDescodificaçãoFeed-Back
Princípios básicos da comunicação
Para reforçar a qualidade e a eficácia da
comunicação é importante:
 Usar palavras simples;
 Ser breve;
 Ser simpático;
 Não falar muito alto nem muito baixo;
 Não falar, nem muito rápido, nem muito devagar;
 Mostrar um olhar interessado;
 Pronunciar as palavras correcta e claramente.
Barreiras da Comunicação
Barreiras da comunicação é tudo o que
impede que a comunicação se efectue de
forma eficaz.
As barreiras podem classificar-se em:
 Barreiras externas.
 Barreiras internas.
Barreiras Externas:
Referem-se ao contexto onde decorre a
comunicação.
 Ruído
 Distância
 Temperatura
 Iluminação
 Separadores
Barreiras da Comunicação
Barreiras Internas
São os obstáculos que se referem, quer ao emissor
quer ao recepto.
 Problemas físicos ou psicológicos (cansaço e
doença);
 Baixa auto-estima e falta de confiança
 Falta de educação, experiência e
aprendizagem de significados.
 Não gostar do interlocutor ou ter preconceitos
acerca dele;
Barreiras da Comunicação
Comportamentos Comunicacionais
Existem vários tipos de comportamentos
comunicacionais, tais como:
 Comportamento Passivo;
 Comportamento Agressivo;
 Comportamento Manipulador;
 Comportamento Assertivo.
Comportamento Passivo
O QUE É ?
 Implica a violação dos
próprios direitos ao não ser
capaz de expressar
honestamente sentimentos,
pensamentos e opiniões.
 Em vez de se
afirmar tranquilamente, o
passivo afasta-se
ou submete-se; não age.
Como não se afirma de
forma clara, torna-se
geralmente numa pessoa
ansiosa.
Comportamento Passivo
 O passivo não age
porque tem medo
das decepções.
 É tímido, ausente e
silencioso.
 Ele desvaloriza-se, na
relação com os
outros.
O QUE É ?
Comportamento Passivo
O QUE É ?
 Neste estilo de comportamento, a mensagem total
que se comunica é:
- Eu não conto – pode-se aproveitar de mim.
- Meus sentimentos não importam - somente os
seus.
- Meus pensamentos não são importantes- os seus
são os únicos que valem a pena ser ouvidos.
- Eu não sou ninguém- você é superior.
Comportamento Passivo
Sinais de identificação
 Roer as unhas;
 Mexer os músculos da face;
 Riso nervoso;
 Estar frequentemente ansioso;
 Ter insónias;
 Bater com os dedo na mesa;
 Mexer frequentemente os pés.
Comportamento Passivo
Características …
 Deixa que os outros abusem dele;
 Tem medo de importunar os outros;
 Sentimentos de inferioridade;
 Avaliação de si mesmo inadequada e negativa;
 Tenta evitar conflitos com os outros;
 Dificilmente diz “Não” quando lhe pedem
alguma coisa.
Comportamento Passivo
Origem da atitude passiva
 Falsa representação da realidade e
deficiente apreciação e interpretação das
relações de poder.
 Fantasmas sobre o poder dos outros.
 Desvalorização das suas capacidades para
resolver problemas.
 Educação severa e ambiente difícil onde
vivenciou frustrações.
Comportamento Passivo
Consequências
 Desenvolve ressentimentos e rancores,
porque sente que é explorado e diminuído.
 Comunica deficientemente, porque não se
afirma e raramente se manifesta.
 Os outros não conhecem os seus desejos,
necessidades e interesses;
Comportamento Passivo
 Utiliza mal a sua energia vital, porque a sua
inteligência e afectividade são
frequentemente utilizadas para se defender
e fugir às situações.
 Perde o respeito por si próprio. Faz coisas que
não gosta.
 Sofre
Consequências
Comportamento Passivo

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Comunicação Assertiva - Karime Kamel
Comunicação Assertiva  - Karime KamelComunicação Assertiva  - Karime Kamel
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
Karime Kamel
 
Processos de comunicação
Processos de comunicaçãoProcessos de comunicação
Processos de comunicação
Carina Duarte
 
Comunicação
ComunicaçãoComunicação
Comunicação
Claudio Toldo
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
Yara Nuñez
 
Comunicação apresentação
Comunicação apresentaçãoComunicação apresentação
Comunicação apresentação
Cassia Dias
 
Comunicação
ComunicaçãoComunicação
Comunicação
cattonia
 
Perfis Comunicacionais
Perfis ComunicacionaisPerfis Comunicacionais
Perfis Comunicacionais
joaninha09
 
O que é comunicar
O que é comunicarO que é comunicar
O que é comunicar
Saul Marques da Silva
 
Processos de Comunicação
Processos de ComunicaçãoProcessos de Comunicação
Processos de Comunicação
Giorgia Barreto Lima Parrião
 
Manual gestão de conflitos
Manual gestão de conflitosManual gestão de conflitos
Manual gestão de conflitos
Isabel Rodrigues
 
Estilos comunicacionais
Estilos comunicacionaisEstilos comunicacionais
Estilos comunicacionais
Ana Fernandes
 
Problemas de comunicação
Problemas de comunicaçãoProblemas de comunicação
Problemas de comunicação
Ana Cristina Dos Santos
 
Barreiras á comunicação
Barreiras á comunicaçãoBarreiras á comunicação
Barreiras á comunicação
Joana Lima
 
Conceitos iniciais em comunicação organizacional
Conceitos iniciais em comunicação organizacional Conceitos iniciais em comunicação organizacional
Conceitos iniciais em comunicação organizacional
Daniela Ribeiro
 
Gestão conflitos
Gestão conflitosGestão conflitos
Gestão conflitos
Hélder Santos
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Comunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no TrabalhoComunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no Trabalho
Francielle Hilbert
 
CONCEITO DE COMUNICAÇÃO.
CONCEITO DE COMUNICAÇÃO.CONCEITO DE COMUNICAÇÃO.
CONCEITO DE COMUNICAÇÃO.
Pedro De Souza Santos
 
Comunicação: O Processo De Comunicação
Comunicação: O Processo De ComunicaçãoComunicação: O Processo De Comunicação
Comunicação: O Processo De Comunicação
Adm Pub
 
Comunicacao nao verbal
Comunicacao nao verbalComunicacao nao verbal
Comunicacao nao verbal
ISCSP
 

Mais procurados (20)

Comunicação Assertiva - Karime Kamel
Comunicação Assertiva  - Karime KamelComunicação Assertiva  - Karime Kamel
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
 
Processos de comunicação
Processos de comunicaçãoProcessos de comunicação
Processos de comunicação
 
Comunicação
ComunicaçãoComunicação
Comunicação
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
 
Comunicação apresentação
Comunicação apresentaçãoComunicação apresentação
Comunicação apresentação
 
Comunicação
ComunicaçãoComunicação
Comunicação
 
Perfis Comunicacionais
Perfis ComunicacionaisPerfis Comunicacionais
Perfis Comunicacionais
 
O que é comunicar
O que é comunicarO que é comunicar
O que é comunicar
 
Processos de Comunicação
Processos de ComunicaçãoProcessos de Comunicação
Processos de Comunicação
 
Manual gestão de conflitos
Manual gestão de conflitosManual gestão de conflitos
Manual gestão de conflitos
 
Estilos comunicacionais
Estilos comunicacionaisEstilos comunicacionais
Estilos comunicacionais
 
Problemas de comunicação
Problemas de comunicaçãoProblemas de comunicação
Problemas de comunicação
 
Barreiras á comunicação
Barreiras á comunicaçãoBarreiras á comunicação
Barreiras á comunicação
 
Conceitos iniciais em comunicação organizacional
Conceitos iniciais em comunicação organizacional Conceitos iniciais em comunicação organizacional
Conceitos iniciais em comunicação organizacional
 
Gestão conflitos
Gestão conflitosGestão conflitos
Gestão conflitos
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
 
Comunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no TrabalhoComunicação e Ética no Trabalho
Comunicação e Ética no Trabalho
 
CONCEITO DE COMUNICAÇÃO.
CONCEITO DE COMUNICAÇÃO.CONCEITO DE COMUNICAÇÃO.
CONCEITO DE COMUNICAÇÃO.
 
Comunicação: O Processo De Comunicação
Comunicação: O Processo De ComunicaçãoComunicação: O Processo De Comunicação
Comunicação: O Processo De Comunicação
 
Comunicacao nao verbal
Comunicacao nao verbalComunicacao nao verbal
Comunicacao nao verbal
 

Destaque

Comportamento Passivo
Comportamento PassivoComportamento Passivo
Comportamento Passivo
anadiaspsicologia
 
Barreiras a comunicação
Barreiras a comunicaçãoBarreiras a comunicação
Barreiras a comunicação
Martinha Vilaça
 
Perfis comunicacionais
Perfis comunicacionais Perfis comunicacionais
Perfis comunicacionais
sandrabacky
 
3 atitudes comportamentos
3 atitudes comportamentos3 atitudes comportamentos
3 atitudes comportamentos
manuelferreirasps
 
Caraterização dos perfis comunicacionais
Caraterização dos perfis comunicacionaisCaraterização dos perfis comunicacionais
Caraterização dos perfis comunicacionais
diogovelez
 
Perfis de comunicação
Perfis de comunicação Perfis de comunicação
Perfis de comunicação
MigazzLuis
 
Perfis Comunicacionais
Perfis ComunicacionaisPerfis Comunicacionais
Perfis Comunicacionais
Tatianadizz99
 
Agressividade
AgressividadeAgressividade
Agressividade
hana kitsune
 
Culturas Bizarras : Toraja - Indonésia e a sua cultura
Culturas Bizarras : Toraja - Indonésia e a sua cultura Culturas Bizarras : Toraja - Indonésia e a sua cultura
Culturas Bizarras : Toraja - Indonésia e a sua cultura
Catarina Simões
 
O que é uma Sociedade por Quotas ?
O que é uma Sociedade por Quotas ?O que é uma Sociedade por Quotas ?
O que é uma Sociedade por Quotas ?
Catarina Simões
 
Perfis comunicacionais
Perfis comunicacionaisPerfis comunicacionais
Perfis comunicacionais
warier96
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
anadiaspsicologia
 
Ruidos na comunicação (Barreiras), por Priscyla Caldas
Ruidos na comunicação (Barreiras), por Priscyla CaldasRuidos na comunicação (Barreiras), por Priscyla Caldas
Ruidos na comunicação (Barreiras), por Priscyla Caldas
ÊXITO Marketing
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
psimais
 
Habilidades sociais assertivas 1
Habilidades sociais assertivas 1Habilidades sociais assertivas 1
Habilidades sociais assertivas 1
Euni Santos
 
Perfil Assertivo
Perfil AssertivoPerfil Assertivo
Perfil Assertivo
Tatianadizz99
 
Passive Voice (Voz Passiva)
Passive Voice (Voz Passiva)Passive Voice (Voz Passiva)
Passive Voice (Voz Passiva)
Gabriel Resende
 
Voz passiva (passive voice) mini aula
Voz passiva (passive voice)   mini aulaVoz passiva (passive voice)   mini aula
Voz passiva (passive voice) mini aula
Leandro Scrifter
 
Função Marketing - Martketing Mix- 4Ps : O Produto
Função Marketing - Martketing Mix- 4Ps : O ProdutoFunção Marketing - Martketing Mix- 4Ps : O Produto
Função Marketing - Martketing Mix- 4Ps : O Produto
Catarina Simões
 
Complemento agente da passiva
Complemento agente da passivaComplemento agente da passiva
Complemento agente da passiva
Luís Ventura
 

Destaque (20)

Comportamento Passivo
Comportamento PassivoComportamento Passivo
Comportamento Passivo
 
Barreiras a comunicação
Barreiras a comunicaçãoBarreiras a comunicação
Barreiras a comunicação
 
Perfis comunicacionais
Perfis comunicacionais Perfis comunicacionais
Perfis comunicacionais
 
3 atitudes comportamentos
3 atitudes comportamentos3 atitudes comportamentos
3 atitudes comportamentos
 
Caraterização dos perfis comunicacionais
Caraterização dos perfis comunicacionaisCaraterização dos perfis comunicacionais
Caraterização dos perfis comunicacionais
 
Perfis de comunicação
Perfis de comunicação Perfis de comunicação
Perfis de comunicação
 
Perfis Comunicacionais
Perfis ComunicacionaisPerfis Comunicacionais
Perfis Comunicacionais
 
Agressividade
AgressividadeAgressividade
Agressividade
 
Culturas Bizarras : Toraja - Indonésia e a sua cultura
Culturas Bizarras : Toraja - Indonésia e a sua cultura Culturas Bizarras : Toraja - Indonésia e a sua cultura
Culturas Bizarras : Toraja - Indonésia e a sua cultura
 
O que é uma Sociedade por Quotas ?
O que é uma Sociedade por Quotas ?O que é uma Sociedade por Quotas ?
O que é uma Sociedade por Quotas ?
 
Perfis comunicacionais
Perfis comunicacionaisPerfis comunicacionais
Perfis comunicacionais
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
 
Ruidos na comunicação (Barreiras), por Priscyla Caldas
Ruidos na comunicação (Barreiras), por Priscyla CaldasRuidos na comunicação (Barreiras), por Priscyla Caldas
Ruidos na comunicação (Barreiras), por Priscyla Caldas
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
 
Habilidades sociais assertivas 1
Habilidades sociais assertivas 1Habilidades sociais assertivas 1
Habilidades sociais assertivas 1
 
Perfil Assertivo
Perfil AssertivoPerfil Assertivo
Perfil Assertivo
 
Passive Voice (Voz Passiva)
Passive Voice (Voz Passiva)Passive Voice (Voz Passiva)
Passive Voice (Voz Passiva)
 
Voz passiva (passive voice) mini aula
Voz passiva (passive voice)   mini aulaVoz passiva (passive voice)   mini aula
Voz passiva (passive voice) mini aula
 
Função Marketing - Martketing Mix- 4Ps : O Produto
Função Marketing - Martketing Mix- 4Ps : O ProdutoFunção Marketing - Martketing Mix- 4Ps : O Produto
Função Marketing - Martketing Mix- 4Ps : O Produto
 
Complemento agente da passiva
Complemento agente da passivaComplemento agente da passiva
Complemento agente da passiva
 

Semelhante a Comportamento Comunicacional: Passivo - Passividade

1206745766_contexto_organizacional_e_comunicacao[1].ppt
1206745766_contexto_organizacional_e_comunicacao[1].ppt1206745766_contexto_organizacional_e_comunicacao[1].ppt
1206745766_contexto_organizacional_e_comunicacao[1].ppt
MariaManuelaSampaio
 
Comunicação nas relações interpessoais
Comunicação nas relações interpessoaisComunicação nas relações interpessoais
Comunicação nas relações interpessoais
Falarte
 
Falta de iniciativa na comunicação entre colegas
Falta de iniciativa na comunicação entre colegasFalta de iniciativa na comunicação entre colegas
Falta de iniciativa na comunicação entre colegas
IFSP - Campus Sertãozinho
 
A importância da tolerância à frustração nos transtornos
A importância da tolerância à frustração nos transtornosA importância da tolerância à frustração nos transtornos
A importância da tolerância à frustração nos transtornos
aptadf
 
Desenvolvimento de Lideranças - Arquidiocese de Londrina 2.2
Desenvolvimento de Lideranças - Arquidiocese de Londrina  2.2Desenvolvimento de Lideranças - Arquidiocese de Londrina  2.2
Desenvolvimento de Lideranças - Arquidiocese de Londrina 2.2
Gislene Isquierdo
 
Mbm qualidade no-atendimento
Mbm qualidade no-atendimentoMbm qualidade no-atendimento
Mbm qualidade no-atendimento
ajspires79
 
Apostila Auxiliar Administrativo
Apostila Auxiliar AdministrativoApostila Auxiliar Administrativo
Apostila Auxiliar Administrativo
kaveyinf
 
Saia da bolha: use sua capacidade de interagir no mundo da TI
Saia da bolha: use sua capacidade de interagir no mundo da TISaia da bolha: use sua capacidade de interagir no mundo da TI
Saia da bolha: use sua capacidade de interagir no mundo da TI
ilegra
 
Comunicação Eficaz em Vendas
Comunicação Eficaz em Vendas Comunicação Eficaz em Vendas
Comunicação Eficaz em Vendas
Next Educação
 
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoalEncontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
adanipalma
 
A arte de se relacionar
A arte de se relacionarA arte de se relacionar
A arte de se relacionar
AlphaSemFronteiras
 
Treinamento Comunicação e mentoring grupo i
Treinamento Comunicação e mentoring   grupo iTreinamento Comunicação e mentoring   grupo i
Treinamento Comunicação e mentoring grupo i
Milton Henrique do Couto Neto
 
PPT Mód. II - Atendimento
PPT Mód. II - AtendimentoPPT Mód. II - Atendimento
PPT Mód. II - Atendimento
Acessasp.formacao
 
Psicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicaçãoPsicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicação
Cintia Colotoni
 
relacionamentointerpessoalnoambientedetrabalho-140718213912-phpapp02.pptx
relacionamentointerpessoalnoambientedetrabalho-140718213912-phpapp02.pptxrelacionamentointerpessoalnoambientedetrabalho-140718213912-phpapp02.pptx
relacionamentointerpessoalnoambientedetrabalho-140718213912-phpapp02.pptx
EmanuellaFreitasDiog
 
Comunicação Interpessoal e Corporativa@profrandes.pptx
Comunicação Interpessoal e Corporativa@profrandes.pptxComunicação Interpessoal e Corporativa@profrandes.pptx
Comunicação Interpessoal e Corporativa@profrandes.pptx
Prof. Randes Enes, M.Sc.
 
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de TrabalhoRelacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
Luis Paulo Barros
 
Comunicação Proativa
Comunicação ProativaComunicação Proativa
Comunicação Proativa
Daniel de Carvalho Luz
 
Motivação e inteligência emocional
Motivação e inteligência emocionalMotivação e inteligência emocional
Motivação e inteligência emocional
Cintia Meneghini
 
COMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdf
COMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdfCOMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdf
COMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdf
Gabinete De Psicologia
 

Semelhante a Comportamento Comunicacional: Passivo - Passividade (20)

1206745766_contexto_organizacional_e_comunicacao[1].ppt
1206745766_contexto_organizacional_e_comunicacao[1].ppt1206745766_contexto_organizacional_e_comunicacao[1].ppt
1206745766_contexto_organizacional_e_comunicacao[1].ppt
 
Comunicação nas relações interpessoais
Comunicação nas relações interpessoaisComunicação nas relações interpessoais
Comunicação nas relações interpessoais
 
Falta de iniciativa na comunicação entre colegas
Falta de iniciativa na comunicação entre colegasFalta de iniciativa na comunicação entre colegas
Falta de iniciativa na comunicação entre colegas
 
A importância da tolerância à frustração nos transtornos
A importância da tolerância à frustração nos transtornosA importância da tolerância à frustração nos transtornos
A importância da tolerância à frustração nos transtornos
 
Desenvolvimento de Lideranças - Arquidiocese de Londrina 2.2
Desenvolvimento de Lideranças - Arquidiocese de Londrina  2.2Desenvolvimento de Lideranças - Arquidiocese de Londrina  2.2
Desenvolvimento de Lideranças - Arquidiocese de Londrina 2.2
 
Mbm qualidade no-atendimento
Mbm qualidade no-atendimentoMbm qualidade no-atendimento
Mbm qualidade no-atendimento
 
Apostila Auxiliar Administrativo
Apostila Auxiliar AdministrativoApostila Auxiliar Administrativo
Apostila Auxiliar Administrativo
 
Saia da bolha: use sua capacidade de interagir no mundo da TI
Saia da bolha: use sua capacidade de interagir no mundo da TISaia da bolha: use sua capacidade de interagir no mundo da TI
Saia da bolha: use sua capacidade de interagir no mundo da TI
 
Comunicação Eficaz em Vendas
Comunicação Eficaz em Vendas Comunicação Eficaz em Vendas
Comunicação Eficaz em Vendas
 
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoalEncontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
 
A arte de se relacionar
A arte de se relacionarA arte de se relacionar
A arte de se relacionar
 
Treinamento Comunicação e mentoring grupo i
Treinamento Comunicação e mentoring   grupo iTreinamento Comunicação e mentoring   grupo i
Treinamento Comunicação e mentoring grupo i
 
PPT Mód. II - Atendimento
PPT Mód. II - AtendimentoPPT Mód. II - Atendimento
PPT Mód. II - Atendimento
 
Psicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicaçãoPsicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicação
 
relacionamentointerpessoalnoambientedetrabalho-140718213912-phpapp02.pptx
relacionamentointerpessoalnoambientedetrabalho-140718213912-phpapp02.pptxrelacionamentointerpessoalnoambientedetrabalho-140718213912-phpapp02.pptx
relacionamentointerpessoalnoambientedetrabalho-140718213912-phpapp02.pptx
 
Comunicação Interpessoal e Corporativa@profrandes.pptx
Comunicação Interpessoal e Corporativa@profrandes.pptxComunicação Interpessoal e Corporativa@profrandes.pptx
Comunicação Interpessoal e Corporativa@profrandes.pptx
 
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de TrabalhoRelacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
 
Comunicação Proativa
Comunicação ProativaComunicação Proativa
Comunicação Proativa
 
Motivação e inteligência emocional
Motivação e inteligência emocionalMotivação e inteligência emocional
Motivação e inteligência emocional
 
COMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdf
COMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdfCOMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdf
COMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdf
 

Último

Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
luggio9854
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
Marcelo Botura
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
ProfessoraSilmaraArg
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
SheylaAlves6
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
Manuais Formação
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
Maria das Graças Machado Rodrigues
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
VIAGEM AO PASSADO -
VIAGEM AO PASSADO                        -VIAGEM AO PASSADO                        -
VIAGEM AO PASSADO -
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
 

Comportamento Comunicacional: Passivo - Passividade

  • 1. Comportamento Comunicacional: Passivo Ana Pinto Andreia Costa Ângela Moreira Catarina Simões Vera Brandão 10ºPTC Comunicação
  • 2. Comunicação  É a troca de informação entre indivíduos através da fala, da escrita, de um código comum ou do próprio comportamento.  Podemos trocar ideias, conhecimentos, sentimentos, experiências e opiniões.
  • 3. Elementos da comunicação  Para existir comunicação tem que existir: Emissor Canal Mensagem ReceptorDescodificaçãoFeed-Back
  • 4. Princípios básicos da comunicação Para reforçar a qualidade e a eficácia da comunicação é importante:  Usar palavras simples;  Ser breve;  Ser simpático;  Não falar muito alto nem muito baixo;  Não falar, nem muito rápido, nem muito devagar;  Mostrar um olhar interessado;  Pronunciar as palavras correcta e claramente.
  • 5. Barreiras da Comunicação Barreiras da comunicação é tudo o que impede que a comunicação se efectue de forma eficaz. As barreiras podem classificar-se em:  Barreiras externas.  Barreiras internas.
  • 6. Barreiras Externas: Referem-se ao contexto onde decorre a comunicação.  Ruído  Distância  Temperatura  Iluminação  Separadores Barreiras da Comunicação
  • 7. Barreiras Internas São os obstáculos que se referem, quer ao emissor quer ao recepto.  Problemas físicos ou psicológicos (cansaço e doença);  Baixa auto-estima e falta de confiança  Falta de educação, experiência e aprendizagem de significados.  Não gostar do interlocutor ou ter preconceitos acerca dele; Barreiras da Comunicação
  • 8. Comportamentos Comunicacionais Existem vários tipos de comportamentos comunicacionais, tais como:  Comportamento Passivo;  Comportamento Agressivo;  Comportamento Manipulador;  Comportamento Assertivo.
  • 10. O QUE É ?  Implica a violação dos próprios direitos ao não ser capaz de expressar honestamente sentimentos, pensamentos e opiniões.  Em vez de se afirmar tranquilamente, o passivo afasta-se ou submete-se; não age. Como não se afirma de forma clara, torna-se geralmente numa pessoa ansiosa. Comportamento Passivo
  • 11.  O passivo não age porque tem medo das decepções.  É tímido, ausente e silencioso.  Ele desvaloriza-se, na relação com os outros. O QUE É ? Comportamento Passivo
  • 12. O QUE É ?  Neste estilo de comportamento, a mensagem total que se comunica é: - Eu não conto – pode-se aproveitar de mim. - Meus sentimentos não importam - somente os seus. - Meus pensamentos não são importantes- os seus são os únicos que valem a pena ser ouvidos. - Eu não sou ninguém- você é superior. Comportamento Passivo
  • 13. Sinais de identificação  Roer as unhas;  Mexer os músculos da face;  Riso nervoso;  Estar frequentemente ansioso;  Ter insónias;  Bater com os dedo na mesa;  Mexer frequentemente os pés. Comportamento Passivo
  • 14. Características …  Deixa que os outros abusem dele;  Tem medo de importunar os outros;  Sentimentos de inferioridade;  Avaliação de si mesmo inadequada e negativa;  Tenta evitar conflitos com os outros;  Dificilmente diz “Não” quando lhe pedem alguma coisa. Comportamento Passivo
  • 15. Origem da atitude passiva  Falsa representação da realidade e deficiente apreciação e interpretação das relações de poder.  Fantasmas sobre o poder dos outros.  Desvalorização das suas capacidades para resolver problemas.  Educação severa e ambiente difícil onde vivenciou frustrações. Comportamento Passivo
  • 16. Consequências  Desenvolve ressentimentos e rancores, porque sente que é explorado e diminuído.  Comunica deficientemente, porque não se afirma e raramente se manifesta.  Os outros não conhecem os seus desejos, necessidades e interesses; Comportamento Passivo
  • 17.  Utiliza mal a sua energia vital, porque a sua inteligência e afectividade são frequentemente utilizadas para se defender e fugir às situações.  Perde o respeito por si próprio. Faz coisas que não gosta.  Sofre Consequências Comportamento Passivo