SlideShare uma empresa Scribd logo
Trabalho realizado por: Beatriz Letras nº2/ Gabriela Custodio nº8
 A comunicação interpessoal é um
método de comunicação que
promove
a troca de informações entre
duas ou mais pessoas.
 Cada pessoa, que passamos a
considerar como, interlocutor,
troca informações baseadas no
repertório cultural, na formação
educacional, vivências, emoções,
toda a "bagagem" que traz
consigo.
 A assertividade consiste em uma
estratégia que revela maturidade e
alta autoestima, onde uma pessoa
defende as suas convicções sem
ofender nem se submeter a outras
pessoas.
 Quem comunica com assertividade
comunica de forma clara, objetiva,
transparente e honesta.
 Nem todas as pessoas conseguem
comunicar com assertividade,
porque ela é um direito e não uma
obrigação.
1) Conhecer e administrar as
suas fraquezas;
2) Saber ouvir e escutar;
3) Passar confiança;
4) Ter conteúdo;
5) Entender as necessidades
de quem escuta;
 No mundo dos negócios, que, por sua vez, precisa de líderes
que emitam informações pelos canais aos recetores certos.
 Os executivos, de maneira geral, precisam de ter a
comunicação e a capacidade de raciocínio como elementos
diferenciadores de outras qualidades, já que o raciocínio está
ligado a soluções de problemas e não, ao contrário do que se
pensa, a valores quantitativos.
 A perceção de satisfação de alguns colaboradores em
relação à organização em que atuam está intrinsecamente
ligada à quantidade e à qualidade de informação e
comunicação que é recebida.
 Para ter uma ideia da retenção de informação, quando
realizamos a comunicação escrita por meio de texto,
somente a primeira parte é feita pelos registos mentais
existentes em cada um, pela perceção que cada um tem. Ou
sela, o destinatário acumula a nova informação com a antiga,
que já está na memória.
 O comportamento
agressivo tem origem
em pessoas
principalmente
descontroladas, que
buscam se impor pela
ameaça, pelo medo,
mostrando uma falsa
impressão de
segurança inicial.
 O comportamento passivo
também tem origem na
auto estima baixa, na
pouca importância que a
pessoa confere a si própria.
 Essa pouca importância
conferida a si própria leva
as pessoas passivas a se
perceberem-se como
ignoradas e ignoradas,
sentindo-se tanto sem
poder como com falta de
apoio.
 Consiste em dar a entender
que satisfazemos os outros e
as necessidades deles, mas
apenas o fazemos para
satisfazer as nossas.
 Aqui como na agressividade
estamos a desconsiderar os
direitos dos outros, mas
fazem-no de forma discreta e
implícita, de modo a não
provocar qualquer
desconfiança.
 Provocar qualquer
desconfiança.
 Assumir uma postura
assertiva na
comunicação, isto é, ser
direto/a, honesto/a e
respeitoso/a permite às
pessoas serem mais
construtivas na relação
que desenvolvem com os
outros.
Comunicação interpessoal comunicação assertiva
 De uma forma global, a
assertividade favorece a
comunicação interpessoal
pois possibilita uma maior
proximidade entre as
pessoas e uma maior
satisfação com a
expressão das suas
emoções.
 Aumenta a autoconfiança
e o respeito próprio
diminuindo, ao mesmo
tempo, a insegurança,
vulnerabilidade e
dependência de aprovação
para aquilo que as
pessoas fazem.
 Aumenta as reações
positivas dos outros
que passam a sentir
mais respeito e
admiração.
 Diminui a ansiedade
em situações sociais e
as queixas somáticas
de que sofrem
algumas pessoas (ex.:
dores de cabeça,
dores de estômago,
insónias).
 Emissor: O iniciador da
Comunicação.
 Codificação: A tradução da
informação numa série de
símbolos para a comunicação.
 Mensagem: A informação
codificada mandada pelo
emissor ao recetor.
 Canal: O meio de comunicação
entre um emissor e um recetor.
 Recetor: O indivíduo cujos
sentidos captam a mensagem
do emissor.
 Decodificação: A interpretação
e a tradução de uma mensagem
em informação significativa.
 Ruído: Qualquer coisa
que confunda, perturbe,
diminua ou interfira na
comunicação.
 Feedback: O reverso do
processo de
comunicação, que
ocorre quando o recetor
expressa sua reação à
mensagem do emissor.
Comunicação interpessoal comunicação assertiva
 Assumir uma postura assertiva na
comunicação, isto é, ser direto/a, honesto/a e
respeitoso/a permite às pessoas serem mais
construtivas na relação que desenvolvem
com os outros.
 Aumenta a autoconfiança e o respeito próprio
diminuindo, ao mesmo tempo, a insegurança,
vulnerabilidade e dependência de aprovação
para aquilo que as pessoas fazem.
 Aumenta as reações positivas dos outros que
passam a sentir mais respeito e admiração.
 Diminui a ansiedade em situações sociais e
as queixas somáticas de que sofrem algumas
pessoas (ex.: dores de cabeça, dores de
estômago, insónias).
 De uma forma global, a assertividade favorece a
comunicação interpessoal pois possibilita uma
maior proximidade entre as pessoas e uma
maior satisfação com a expressão das suas
emoções.
 Ansioso por evitar o confronto, mesmo às custas
de si próprio, costuma ficar muito preocupado
com a opinião dos outros a seu respeito.
 Ainda, geralmente, espera que as pessoas
compreendam o que ele deseja.
 Expressão corporal:
Evita o contacto visual com o entrevistador.
Quieto, a sua voz sai trémula, com uma fala
confusa e atitudes defensivas.
Consequentemente, encolhe a sua postura e mexe
as mãos de forma inquieta.
 lidar com os confrontos com mais
facilidade e satisfação: sentem-se
menos estressadas;
 adquirem maior confiança;
 agem com mais tato;
 melhoram sua imagem e
credibilidade;
 expressam seu desacordo de modo
convincente sem prejudicar o
relacionamento;
 resistem às tentativas de
manipulação, ameaça, chantagem
emocional, bajulação, etc.;
 e, sentem-se melhor e fazem com
que os outros também se sintam
melhor.
 Há dois tipos de
barreiras da
comunicação:
 Barreiras Internas
(verbais);
 Barreiras Externas
(não verbais);
 Podem decorrer da:
 Não partilha de linguagem, ou códigos;
Utilização de palavras ambíguas;
 Diferentes valores e crenças, entre
emissor e recetor, nas perspetivas
acerca do mundo;
 Características pessoais inibições,
medos, etc..Referir ideias ou
sentimentos não adaptados à situação
comunicacional;
 Diferenças contrastantes nos estatutos
e papéis sociais desempenhados;
 Não distinguir opiniões e fatos;
 Estados particulares de doença ou
cansaço.
 Podem decorrer de aspetos
como:
 A distância entre emissor e
recetor, provocada pela
existência de aspetos físicos
separadores como balcões,
vidros;
 Aspetos de natureza mais
física do espaço que
prejudicam o bem estar dos
interlocutores, como
temperatura, a iluminação
 https://leandromarshall.files.wordpress.com/200
8/01/o-que-c3a9-comunicac3a7c3a3o.pdf
 https://essenciacao.wordpress.com/2013/04/17
/comunicacao-assertiva/
 https://pt.wikipedia.org/wiki/Comunica%C3%A7
%C3%A3o_interpessoal
 http://www.infoescola.com/comunicacao/interpe
ssoal/
 http://pt.scribd.com/doc/37453166/Os-
processos-de-comunicacao-em-grupo-A-
Assertividade-Texto-de-apoio-Aulas-
praticas#scribd

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Assertividade
AssertividadeAssertividade
Comunicação
ComunicaçãoComunicação
Comunicação
Cristina Abrantes
 
Comunicação Empresarial
Comunicação EmpresarialComunicação Empresarial
Comunicação Empresarial
Thais Oliveira
 
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de TrabalhoRelacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
Luis Paulo Barros
 
Comunicação Verbal e Não Verbal
Comunicação Verbal e Não VerbalComunicação Verbal e Não Verbal
Comunicação Verbal e Não Verbal
Andreza Oliveira
 
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBRPalestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Alessandra Gonzaga
 
Inteligência emocional corrigida
Inteligência emocional corrigidaInteligência emocional corrigida
Inteligência emocional corrigida
Ana Carolina Ferreira Moura
 
Processos de comunicação
Processos de comunicaçãoProcessos de comunicação
Processos de comunicação
Carina Duarte
 
Psicologia comunicação
Psicologia   comunicaçãoPsicologia   comunicação
Psicologia comunicação
Arlane
 
Barreiras à comunicacao
Barreiras à comunicacaoBarreiras à comunicacao
Barreiras à comunicacao
SaraSantosPinheiro
 
Apresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência EmocionalApresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência Emocional
anaediteaires
 
Estilos de Comunicação
Estilos de ComunicaçãoEstilos de Comunicação
Estilos de Comunicação
Mickael Xavier
 
Gestão das emoções
Gestão das emoçõesGestão das emoções
Gestão das emoções
Mariana Manteiga
 
Comunicação interpessoal
Comunicação interpessoalComunicação interpessoal
Comunicação interpessoal
Patricia Silva
 
Comunicação interpessoal comunicação assertiva
Comunicação interpessoal comunicação assertivaComunicação interpessoal comunicação assertiva
Comunicação interpessoal comunicação assertiva
Beatriz123Letras
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
Marcelrh2009
 
Comunicação Não Violenta
Comunicação Não ViolentaComunicação Não Violenta
Comunicação Não Violenta
Anny Caroline Sousa
 
Palestra sobre comunicação
Palestra sobre comunicaçãoPalestra sobre comunicação
Palestra sobre comunicação
Ana Paula B. Assumpção
 
Desenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocionalDesenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocional
Alexandre Rivero
 
Cultura feedback
Cultura feedbackCultura feedback
Cultura feedback
Mayra de Souza
 

Mais procurados (20)

Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
 
Comunicação
ComunicaçãoComunicação
Comunicação
 
Comunicação Empresarial
Comunicação EmpresarialComunicação Empresarial
Comunicação Empresarial
 
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de TrabalhoRelacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
Relacionamento Interpessoal no Ambiente de Trabalho
 
Comunicação Verbal e Não Verbal
Comunicação Verbal e Não VerbalComunicação Verbal e Não Verbal
Comunicação Verbal e Não Verbal
 
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBRPalestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
 
Inteligência emocional corrigida
Inteligência emocional corrigidaInteligência emocional corrigida
Inteligência emocional corrigida
 
Processos de comunicação
Processos de comunicaçãoProcessos de comunicação
Processos de comunicação
 
Psicologia comunicação
Psicologia   comunicaçãoPsicologia   comunicação
Psicologia comunicação
 
Barreiras à comunicacao
Barreiras à comunicacaoBarreiras à comunicacao
Barreiras à comunicacao
 
Apresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência EmocionalApresentação Inteligência Emocional
Apresentação Inteligência Emocional
 
Estilos de Comunicação
Estilos de ComunicaçãoEstilos de Comunicação
Estilos de Comunicação
 
Gestão das emoções
Gestão das emoçõesGestão das emoções
Gestão das emoções
 
Comunicação interpessoal
Comunicação interpessoalComunicação interpessoal
Comunicação interpessoal
 
Comunicação interpessoal comunicação assertiva
Comunicação interpessoal comunicação assertivaComunicação interpessoal comunicação assertiva
Comunicação interpessoal comunicação assertiva
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
 
Comunicação Não Violenta
Comunicação Não ViolentaComunicação Não Violenta
Comunicação Não Violenta
 
Palestra sobre comunicação
Palestra sobre comunicaçãoPalestra sobre comunicação
Palestra sobre comunicação
 
Desenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocionalDesenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocional
 
Cultura feedback
Cultura feedbackCultura feedback
Cultura feedback
 

Destaque

Comunicação interpessoal e comunicação assertiva
Comunicação interpessoal e comunicação assertivaComunicação interpessoal e comunicação assertiva
Comunicação interpessoal e comunicação assertiva
fernandosantos7272
 
Comunicação assertiva
Comunicação assertivaComunicação assertiva
Comunicação assertiva
Marcos Soares Soares
 
05 curso ippuc-aula_01
05 curso ippuc-aula_0105 curso ippuc-aula_01
05 curso ippuc-aula_01
andressa bonn
 
Aula1
Aula1Aula1
Informática e Educação: Mídia
Informática e Educação: MídiaInformática e Educação: Mídia
Informática e Educação: Mídia
Matheus Oliveira Santos
 
O que é comunicação _ Os dois Gumes da Linguagem
O que é comunicação _ Os dois Gumes da Linguagem O que é comunicação _ Os dois Gumes da Linguagem
O que é comunicação _ Os dois Gumes da Linguagem
Vinícius Alves de Sousa
 
Dados Informacao Conhecimento Saber
Dados Informacao Conhecimento SaberDados Informacao Conhecimento Saber
Dados Informacao Conhecimento Saber
blogspheregroup
 
Manual de Relações Interpessoais
Manual de Relações InterpessoaisManual de Relações Interpessoais
Manual de Relações Interpessoais
Patrícia Ervilha
 
Liderança e gestão de equipas
Liderança e gestão de equipasLiderança e gestão de equipas
Rede Mulher Empreendedora
Rede Mulher Empreendedora Rede Mulher Empreendedora
Rede Mulher Empreendedora
ANA FONTES
 
Aula 3 dado, informação e conhecimento
Aula 3   dado, informação e conhecimentoAula 3   dado, informação e conhecimento
Aula 3 dado, informação e conhecimento
Maximiliano Barroso Bonfá
 
O perfil da mulher de sucesso
O perfil da mulher de sucessoO perfil da mulher de sucesso
O perfil da mulher de sucesso
Carmen Gloria Coelho
 
Gestão de equipes e sistema de Liderança
Gestão de equipes e sistema de LiderançaGestão de equipes e sistema de Liderança
Gestão de equipes e sistema de Liderança
Ludmila Moura
 
Gestão de stocks língua inglesa
Gestão de stocks língua inglesaGestão de stocks língua inglesa
Gestão de stocks língua inglesa
Isabel Miguel
 
Gestao da Informação
Gestao da InformaçãoGestao da Informação
Gestao da Informação
Ricardo Junior
 
Psicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicaçãoPsicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicação
Cintia Colotoni
 
Empreendedorismo Feminino
Empreendedorismo FemininoEmpreendedorismo Feminino
Empreendedorismo Feminino
Sebrae Bahia
 
Análise do perfil da Mulher Empreendedora
Análise do perfil da Mulher EmpreendedoraAnálise do perfil da Mulher Empreendedora
Análise do perfil da Mulher Empreendedora
SPC Brasil
 
Empreendedorismo feminino: em busca da independência financeira
Empreendedorismo feminino: em busca da independência financeiraEmpreendedorismo feminino: em busca da independência financeira
Empreendedorismo feminino: em busca da independência financeira
Celia Carvalho
 
Qualidade, conceitos e definições
Qualidade, conceitos e definiçõesQualidade, conceitos e definições
Qualidade, conceitos e definições
I.Braz Slideshares
 

Destaque (20)

Comunicação interpessoal e comunicação assertiva
Comunicação interpessoal e comunicação assertivaComunicação interpessoal e comunicação assertiva
Comunicação interpessoal e comunicação assertiva
 
Comunicação assertiva
Comunicação assertivaComunicação assertiva
Comunicação assertiva
 
05 curso ippuc-aula_01
05 curso ippuc-aula_0105 curso ippuc-aula_01
05 curso ippuc-aula_01
 
Aula1
Aula1Aula1
Aula1
 
Informática e Educação: Mídia
Informática e Educação: MídiaInformática e Educação: Mídia
Informática e Educação: Mídia
 
O que é comunicação _ Os dois Gumes da Linguagem
O que é comunicação _ Os dois Gumes da Linguagem O que é comunicação _ Os dois Gumes da Linguagem
O que é comunicação _ Os dois Gumes da Linguagem
 
Dados Informacao Conhecimento Saber
Dados Informacao Conhecimento SaberDados Informacao Conhecimento Saber
Dados Informacao Conhecimento Saber
 
Manual de Relações Interpessoais
Manual de Relações InterpessoaisManual de Relações Interpessoais
Manual de Relações Interpessoais
 
Liderança e gestão de equipas
Liderança e gestão de equipasLiderança e gestão de equipas
Liderança e gestão de equipas
 
Rede Mulher Empreendedora
Rede Mulher Empreendedora Rede Mulher Empreendedora
Rede Mulher Empreendedora
 
Aula 3 dado, informação e conhecimento
Aula 3   dado, informação e conhecimentoAula 3   dado, informação e conhecimento
Aula 3 dado, informação e conhecimento
 
O perfil da mulher de sucesso
O perfil da mulher de sucessoO perfil da mulher de sucesso
O perfil da mulher de sucesso
 
Gestão de equipes e sistema de Liderança
Gestão de equipes e sistema de LiderançaGestão de equipes e sistema de Liderança
Gestão de equipes e sistema de Liderança
 
Gestão de stocks língua inglesa
Gestão de stocks língua inglesaGestão de stocks língua inglesa
Gestão de stocks língua inglesa
 
Gestao da Informação
Gestao da InformaçãoGestao da Informação
Gestao da Informação
 
Psicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicaçãoPsicologia aula 3 comunicação
Psicologia aula 3 comunicação
 
Empreendedorismo Feminino
Empreendedorismo FemininoEmpreendedorismo Feminino
Empreendedorismo Feminino
 
Análise do perfil da Mulher Empreendedora
Análise do perfil da Mulher EmpreendedoraAnálise do perfil da Mulher Empreendedora
Análise do perfil da Mulher Empreendedora
 
Empreendedorismo feminino: em busca da independência financeira
Empreendedorismo feminino: em busca da independência financeiraEmpreendedorismo feminino: em busca da independência financeira
Empreendedorismo feminino: em busca da independência financeira
 
Qualidade, conceitos e definições
Qualidade, conceitos e definiçõesQualidade, conceitos e definições
Qualidade, conceitos e definições
 

Semelhante a Comunicação interpessoal comunicação assertiva

ASSERTIVIDADE
ASSERTIVIDADEASSERTIVIDADE
ASSERTIVIDADE
mauromartins1999
 
Apresentação Iolanda Comunicação assertiva.pdf
Apresentação Iolanda Comunicação assertiva.pdfApresentação Iolanda Comunicação assertiva.pdf
Apresentação Iolanda Comunicação assertiva.pdf
IolandaAparecidadaSi
 
Técnicas de atendimento 2
Técnicas de atendimento 2Técnicas de atendimento 2
Técnicas de atendimento 2
jammescabral96
 
Mbm qualidade no-atendimento
Mbm qualidade no-atendimentoMbm qualidade no-atendimento
Mbm qualidade no-atendimento
ajspires79
 
gestão de comunicação
gestão de comunicaçãogestão de comunicação
gestão de comunicação
Sergio Padua
 
Comunicação interpessoal2
Comunicação interpessoal2Comunicação interpessoal2
Comunicação interpessoal2
DiogoHFrancisco
 
Comunicação assertiva
Comunicação assertivaComunicação assertiva
Comunicação assertiva
Antonio Uchoa
 
Comunicacao assertiva
Comunicacao assertivaComunicacao assertiva
Comunicacao assertiva
Daniela Anjos
 
estilos de comunicação estilos comunicação.ppt
estilos de comunicação  estilos comunicação.pptestilos de comunicação  estilos comunicação.ppt
estilos de comunicação estilos comunicação.ppt
ClaudiaBrito73
 
A eficácia da comunicação
A eficácia da comunicaçãoA eficácia da comunicação
A eficácia da comunicação
Fátima Bordalo Caiado
 
Comunicação interpessoal tiago e goulart
Comunicação interpessoal tiago e goulartComunicação interpessoal tiago e goulart
Comunicação interpessoal tiago e goulart
joaocgoulart
 
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoalEncontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
adanipalma
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
JemersonMonte2
 
Curso de chefia e liderança parte 3/6
Curso de chefia e liderança   parte 3/6Curso de chefia e liderança   parte 3/6
Curso de chefia e liderança parte 3/6
ABCursos OnLine
 
Comunicação Não Violenta
Comunicação Não ViolentaComunicação Não Violenta
Comunicação Não Violenta
TISocor
 
PERFIS DE COMUNICAÇÃO Educação Apresentação.pdf
PERFIS DE COMUNICAÇÃO Educação Apresentação.pdfPERFIS DE COMUNICAÇÃO Educação Apresentação.pdf
PERFIS DE COMUNICAÇÃO Educação Apresentação.pdf
dianadiasm2020
 
Comunicação - série ferramentas gerenciais
Comunicação -  série ferramentas gerenciaisComunicação -  série ferramentas gerenciais
Comunicação - série ferramentas gerenciais
Abel Sidney Souza
 
Comunicação interpessoal
Comunicação interpessoalComunicação interpessoal
Comunicação interpessoal
tiagom171
 
Assertividade mauro
Assertividade mauroAssertividade mauro
Assertividade mauro
mauromartins1999
 
Artigo - O que Impede de Sermos Assertivos?
Artigo - O que Impede de Sermos Assertivos?Artigo - O que Impede de Sermos Assertivos?
Artigo - O que Impede de Sermos Assertivos?
Caput Consultoria
 

Semelhante a Comunicação interpessoal comunicação assertiva (20)

ASSERTIVIDADE
ASSERTIVIDADEASSERTIVIDADE
ASSERTIVIDADE
 
Apresentação Iolanda Comunicação assertiva.pdf
Apresentação Iolanda Comunicação assertiva.pdfApresentação Iolanda Comunicação assertiva.pdf
Apresentação Iolanda Comunicação assertiva.pdf
 
Técnicas de atendimento 2
Técnicas de atendimento 2Técnicas de atendimento 2
Técnicas de atendimento 2
 
Mbm qualidade no-atendimento
Mbm qualidade no-atendimentoMbm qualidade no-atendimento
Mbm qualidade no-atendimento
 
gestão de comunicação
gestão de comunicaçãogestão de comunicação
gestão de comunicação
 
Comunicação interpessoal2
Comunicação interpessoal2Comunicação interpessoal2
Comunicação interpessoal2
 
Comunicação assertiva
Comunicação assertivaComunicação assertiva
Comunicação assertiva
 
Comunicacao assertiva
Comunicacao assertivaComunicacao assertiva
Comunicacao assertiva
 
estilos de comunicação estilos comunicação.ppt
estilos de comunicação  estilos comunicação.pptestilos de comunicação  estilos comunicação.ppt
estilos de comunicação estilos comunicação.ppt
 
A eficácia da comunicação
A eficácia da comunicaçãoA eficácia da comunicação
A eficácia da comunicação
 
Comunicação interpessoal tiago e goulart
Comunicação interpessoal tiago e goulartComunicação interpessoal tiago e goulart
Comunicação interpessoal tiago e goulart
 
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoalEncontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
Encontro 2 - 2016 - comunicação assertiva e relacionamento interpessoal
 
Assertividade
AssertividadeAssertividade
Assertividade
 
Curso de chefia e liderança parte 3/6
Curso de chefia e liderança   parte 3/6Curso de chefia e liderança   parte 3/6
Curso de chefia e liderança parte 3/6
 
Comunicação Não Violenta
Comunicação Não ViolentaComunicação Não Violenta
Comunicação Não Violenta
 
PERFIS DE COMUNICAÇÃO Educação Apresentação.pdf
PERFIS DE COMUNICAÇÃO Educação Apresentação.pdfPERFIS DE COMUNICAÇÃO Educação Apresentação.pdf
PERFIS DE COMUNICAÇÃO Educação Apresentação.pdf
 
Comunicação - série ferramentas gerenciais
Comunicação -  série ferramentas gerenciaisComunicação -  série ferramentas gerenciais
Comunicação - série ferramentas gerenciais
 
Comunicação interpessoal
Comunicação interpessoalComunicação interpessoal
Comunicação interpessoal
 
Assertividade mauro
Assertividade mauroAssertividade mauro
Assertividade mauro
 
Artigo - O que Impede de Sermos Assertivos?
Artigo - O que Impede de Sermos Assertivos?Artigo - O que Impede de Sermos Assertivos?
Artigo - O que Impede de Sermos Assertivos?
 

Último

A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Falcão Brasil
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
marcos oliveira
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
antonio carlos
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 

Comunicação interpessoal comunicação assertiva

  • 1. Trabalho realizado por: Beatriz Letras nº2/ Gabriela Custodio nº8
  • 2.  A comunicação interpessoal é um método de comunicação que promove a troca de informações entre duas ou mais pessoas.  Cada pessoa, que passamos a considerar como, interlocutor, troca informações baseadas no repertório cultural, na formação educacional, vivências, emoções, toda a "bagagem" que traz consigo.
  • 3.  A assertividade consiste em uma estratégia que revela maturidade e alta autoestima, onde uma pessoa defende as suas convicções sem ofender nem se submeter a outras pessoas.  Quem comunica com assertividade comunica de forma clara, objetiva, transparente e honesta.  Nem todas as pessoas conseguem comunicar com assertividade, porque ela é um direito e não uma obrigação.
  • 4. 1) Conhecer e administrar as suas fraquezas; 2) Saber ouvir e escutar; 3) Passar confiança; 4) Ter conteúdo; 5) Entender as necessidades de quem escuta;
  • 5.  No mundo dos negócios, que, por sua vez, precisa de líderes que emitam informações pelos canais aos recetores certos.  Os executivos, de maneira geral, precisam de ter a comunicação e a capacidade de raciocínio como elementos diferenciadores de outras qualidades, já que o raciocínio está ligado a soluções de problemas e não, ao contrário do que se pensa, a valores quantitativos.  A perceção de satisfação de alguns colaboradores em relação à organização em que atuam está intrinsecamente ligada à quantidade e à qualidade de informação e comunicação que é recebida.  Para ter uma ideia da retenção de informação, quando realizamos a comunicação escrita por meio de texto, somente a primeira parte é feita pelos registos mentais existentes em cada um, pela perceção que cada um tem. Ou sela, o destinatário acumula a nova informação com a antiga, que já está na memória.
  • 6.  O comportamento agressivo tem origem em pessoas principalmente descontroladas, que buscam se impor pela ameaça, pelo medo, mostrando uma falsa impressão de segurança inicial.
  • 7.  O comportamento passivo também tem origem na auto estima baixa, na pouca importância que a pessoa confere a si própria.  Essa pouca importância conferida a si própria leva as pessoas passivas a se perceberem-se como ignoradas e ignoradas, sentindo-se tanto sem poder como com falta de apoio.
  • 8.  Consiste em dar a entender que satisfazemos os outros e as necessidades deles, mas apenas o fazemos para satisfazer as nossas.  Aqui como na agressividade estamos a desconsiderar os direitos dos outros, mas fazem-no de forma discreta e implícita, de modo a não provocar qualquer desconfiança.  Provocar qualquer desconfiança.
  • 9.  Assumir uma postura assertiva na comunicação, isto é, ser direto/a, honesto/a e respeitoso/a permite às pessoas serem mais construtivas na relação que desenvolvem com os outros.
  • 11.  De uma forma global, a assertividade favorece a comunicação interpessoal pois possibilita uma maior proximidade entre as pessoas e uma maior satisfação com a expressão das suas emoções.  Aumenta a autoconfiança e o respeito próprio diminuindo, ao mesmo tempo, a insegurança, vulnerabilidade e dependência de aprovação para aquilo que as pessoas fazem.
  • 12.  Aumenta as reações positivas dos outros que passam a sentir mais respeito e admiração.  Diminui a ansiedade em situações sociais e as queixas somáticas de que sofrem algumas pessoas (ex.: dores de cabeça, dores de estômago, insónias).
  • 13.  Emissor: O iniciador da Comunicação.  Codificação: A tradução da informação numa série de símbolos para a comunicação.  Mensagem: A informação codificada mandada pelo emissor ao recetor.  Canal: O meio de comunicação entre um emissor e um recetor.  Recetor: O indivíduo cujos sentidos captam a mensagem do emissor.  Decodificação: A interpretação e a tradução de uma mensagem em informação significativa.
  • 14.  Ruído: Qualquer coisa que confunda, perturbe, diminua ou interfira na comunicação.  Feedback: O reverso do processo de comunicação, que ocorre quando o recetor expressa sua reação à mensagem do emissor.
  • 16.  Assumir uma postura assertiva na comunicação, isto é, ser direto/a, honesto/a e respeitoso/a permite às pessoas serem mais construtivas na relação que desenvolvem com os outros.  Aumenta a autoconfiança e o respeito próprio diminuindo, ao mesmo tempo, a insegurança, vulnerabilidade e dependência de aprovação para aquilo que as pessoas fazem.  Aumenta as reações positivas dos outros que passam a sentir mais respeito e admiração.  Diminui a ansiedade em situações sociais e as queixas somáticas de que sofrem algumas pessoas (ex.: dores de cabeça, dores de estômago, insónias).  De uma forma global, a assertividade favorece a comunicação interpessoal pois possibilita uma maior proximidade entre as pessoas e uma maior satisfação com a expressão das suas emoções.  Ansioso por evitar o confronto, mesmo às custas de si próprio, costuma ficar muito preocupado com a opinião dos outros a seu respeito.  Ainda, geralmente, espera que as pessoas compreendam o que ele deseja.  Expressão corporal: Evita o contacto visual com o entrevistador. Quieto, a sua voz sai trémula, com uma fala confusa e atitudes defensivas. Consequentemente, encolhe a sua postura e mexe as mãos de forma inquieta.
  • 17.  lidar com os confrontos com mais facilidade e satisfação: sentem-se menos estressadas;  adquirem maior confiança;  agem com mais tato;  melhoram sua imagem e credibilidade;  expressam seu desacordo de modo convincente sem prejudicar o relacionamento;  resistem às tentativas de manipulação, ameaça, chantagem emocional, bajulação, etc.;  e, sentem-se melhor e fazem com que os outros também se sintam melhor.
  • 18.  Há dois tipos de barreiras da comunicação:  Barreiras Internas (verbais);  Barreiras Externas (não verbais);
  • 19.  Podem decorrer da:  Não partilha de linguagem, ou códigos; Utilização de palavras ambíguas;  Diferentes valores e crenças, entre emissor e recetor, nas perspetivas acerca do mundo;  Características pessoais inibições, medos, etc..Referir ideias ou sentimentos não adaptados à situação comunicacional;  Diferenças contrastantes nos estatutos e papéis sociais desempenhados;  Não distinguir opiniões e fatos;  Estados particulares de doença ou cansaço.
  • 20.  Podem decorrer de aspetos como:  A distância entre emissor e recetor, provocada pela existência de aspetos físicos separadores como balcões, vidros;  Aspetos de natureza mais física do espaço que prejudicam o bem estar dos interlocutores, como temperatura, a iluminação
  • 21.  https://leandromarshall.files.wordpress.com/200 8/01/o-que-c3a9-comunicac3a7c3a3o.pdf  https://essenciacao.wordpress.com/2013/04/17 /comunicacao-assertiva/  https://pt.wikipedia.org/wiki/Comunica%C3%A7 %C3%A3o_interpessoal  http://www.infoescola.com/comunicacao/interpe ssoal/  http://pt.scribd.com/doc/37453166/Os- processos-de-comunicacao-em-grupo-A- Assertividade-Texto-de-apoio-Aulas- praticas#scribd