SlideShare uma empresa Scribd logo
Atendimento Educacional Especializado -AEE
O que é o AEE?
Um serviço da educação especial que [...] identifica,
elabora,   e   organiza    recursos   pedagógicos   e   de
acessibilidade, que eliminem as barreiras para a plena
participação dos alunos, considerando suas necessidades
específicas.              (SEESP/MEC/2008).
O que é o AEE?
É um serviço de apoio, jamais pode ser imposto pelo
  sistema de ensino ou eleito como condição para
aceitação da matrícula do aluno com deficiência em
                  escola comum;
Trabalho necessariamente diferente do realizado em
           sala de aula do ensino comum.
O AEE
Realiza ações específicas para ajudar o aluno
com    deficiência,   transtorno    global   do
desenvolvimento, altas habilidades/superdotação,
a agir de modo estruturado no ambiente escolar
e fora dele, considerando as especificidades de
cada um.
Por que o AEE?
• Porque os alunos com deficiência e os demais, que
  são público alvo da Educação Especial, precisam ser
  atendidos nas suas especificidades, para que possam
  participar, ativamente do ensino comum.
O que faz o AEE?

• Apóia o desenvolvimento do aluno             com
  deficiência,    transtornos       globais      de
  desenvolvimento e altas habilidades

•     Disponibiliza o ensino de linguagens e de
    códigos específicos de comunicação e sinalização

• Oferece tecnologia assistiva – TA
O que faz o AEE?
• Adequa e produz materiais didáticos e
  pedagógicos, tendo em vista as necessidades
  específicas dos alunos,

• Oportuniza o enriquecimento curricular (para
  alunos com altas habilidades)

• O AEE deve se articular com a proposta da escola
  comum, embora suas atividades se diferenciem das
  realizadas naquelas salas.
Quando e Onde se faz AEE?

• O AEE é realizado no período inverso ao da classe
  comum         freqüentada       pelo      aluno e,
  PREFERENCIALMENTE, na própria escola desse
  aluno, na sala de recurso multifuncional.
Salas de Recursos Multifuncionais
         É um espaço organizado preferencialmente em
       escolas comuns das redes de ensino. Pode atender às
       escolas da proximidade.




AEE Atendimento Educacional Especializado (2008)
AEE nas escolas comuns




                                                                                Treinamento de recurso óptico
          Informática acessível




                                                   Comunicação alternativa




   Sistema Braille na máquina de escrever                                    Língua Portuguesa na modalidade escrita
AEE Atendimento Educacional Especializado (2008)                             para pessoas com surdez
CONCEPÇÕES DO AEE
Antes da deficiência vem a pessoa do aluno, sua
história de vida, sua individualidade, seus
desejos e diferenças;

Não existe um roteiro, um guia, uma fórmula de
atendimento previamente indicada;

O atendimento deve ser planejado de acordo
com a necessidade do aluno.
O AEE destinado ao aluno com deficiência
                 física
 • O AEE deve selecionar recursos e técnicas adequadas a
   cada tipo de dificuldade para o desempenho das
   atividades escolares;
 • Cria condições adequadas à locomoção, comunicação e
   conforto do aluno com deficiência física;
 • O AEE usa Tecnologias Assistivas direcionadas à vida
   escolar do aluno com deficiência física;
O AEE destinado ao aluno com deficiência
                 física

 • Adequação dos materiais        didático-pedagógicos   às
   necessidades dos alunos;

 • Adequação de recursos da informática: teclado, mouse,
   ponteira de cabeça, programas especiais, entre outros;

 • Uso de mobiliário adequado: mesas, cadeiras,   quadro.
O AEE destinado ao aluno com surdez


 A organização didática implica o uso de muitas imagens
 visuais e de todo tipo de referências que possam
 colaborar para o aprendizado dos conteúdos curriculares
 em estudo, na sala comum.
O AEE destinado ao aluno com surdez
• AEE em libras: Atendimento diário aos alunos surdos,
  com o objetivo de explicar em libras os diferentes
  conteúdos curriculares;

• AEE para o ensino de libras: Ensino de libras para os
  alunos surdos, com o objetivo de favorecer o
  conhecimento e a aquisição de termos científicos;

• AEE para o ensino da Língua Portuguesa: objetiva
  trabalhar as especificidades da língua para pessoas com
  surdez.
O AEE destinado ao aluno com deficiência
              intelectual

 • O acesso ao conhecimento não depende de
   suportes externos ao sujeito, mas tem relação com
   a saída de uma posição passiva e automatizada
   diante da aprendizagem para o acesso e
   apropriação ativa do próprio saber.
O AEE destinado ao aluno com deficiência
              intelectual


   deve propor atividades que estimulem o desenvolvimento
   conceitual, além de propor situações vivenciais que
   possibilitem o aluno com deficiência intelectual organizar
   o pensamento operatório.
O AEE destinado ao aluno com deficiência
              intelectual

 • Privilegia o exercício da atividade cognitiva através de
   situações que favoreçam a passagem da ação ao
   pensamento;

 • O movimento de passagem da ação ao pensamento
   favorece a interiorização e a tomada de consciência do
   conhecimento ;
O AEE destinado ao aluno com deficiência
                visual



 • ;
O AEE destinado ao aluno com transtorno
      global do desenvolvimento



 • ;
O AEE destinado ao aluno com altas
      habilidades/superdotação



• ;
O professor do AEE deve:
• Avaliar as atitudes do aluno diante da aprendizagem;

• os mecanismos que permitirão o desenvolvimento de
  ferramentas conceituais que facilitarão sua adaptação
  escolar e social.
• planejar atividades que desenvolvam no aluno a capacidade
  de generalizar ou transferir uma aprendizagem para novas
  situações.
O professor do AEE deve:

• Fazer intervenções estruturadas de natureza educativa para
  favorecer a utilização de maneira mais eficiente das
  estratégias metacognitivas apresentadas pelo aluno;
• Organizar situações que permitam ao aluno estabelecer
  diferenças entre as características da linguagem verbal e
  aquelas da linguagem escrita..
O professor do AEE deve:

• Proporcionar ao aluno o contato com as mais
  variadas formas de comunicação;

• Priorizar a oferta de atividades em que o aluno faz
  sua opção de acordo com seus interesses;

• Propor atividades de acordo com as potencialidades
  do aluno.
SANDRA VERÔNICA RAMALHO CHAVES

• Pedagoga;
• Especialista em Educação Inclusiva, Educação Infantil;
• Especialista em Atendimento Educacional Especializado;
• Coordenadora da Educação Especial da Secretaria de Educação e
  Cultura do Município de João Pessoa;
• Assessora de Educação Especial da FUNAD.

• Currículo lattes:
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4427840A9
• Contatos:
E-mails: aee.funad@gmail.com / svlramalho@gmail.com
Telefone: (83) 8630-2675 / (83) 9985-8692

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conheça A.E.E - Atendimento Educacional Especializado
Conheça A.E.E - Atendimento Educacional EspecializadoConheça A.E.E - Atendimento Educacional Especializado
Conheça A.E.E - Atendimento Educacional Especializado
Tânia Sampaio
 
Inclusão na Educação Infantil
Inclusão na Educação InfantilInclusão na Educação Infantil
Inclusão na Educação Infantil
Lucas Silva
 
Formação para Cuidadores Educacional
Formação para Cuidadores EducacionalFormação para Cuidadores Educacional
Formação para Cuidadores Educacional
Rosana Santos
 
Ensino Especial
Ensino EspecialEnsino Especial
Ensino Especial
Margarete Macedo
 
Aee apresentacao
Aee apresentacaoAee apresentacao
Aee apresentacao
luiscmf
 
1.formação inclusão 2016 adaptação curricular
1.formação inclusão 2016 adaptação  curricular1.formação inclusão 2016 adaptação  curricular
1.formação inclusão 2016 adaptação curricular
osorioramos
 
Slides educacao inclusiva-e_educacao_especial
Slides educacao inclusiva-e_educacao_especialSlides educacao inclusiva-e_educacao_especial
Slides educacao inclusiva-e_educacao_especial
Dirce Cristiane Camilotti
 
Adaptações curriculares
Adaptações curricularesAdaptações curriculares
Adaptações curriculares
Elisete Nunes
 
Educação inclusiva
Educação inclusivaEducação inclusiva
Educação inclusiva
Priscila Gomes
 
AEE - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO
AEE - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADOAEE - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO
AEE - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO
Danielle Souza
 
O Papel do Profissional de apoio.mediador na sala comum.pptx
O Papel do Profissional de apoio.mediador na sala comum.pptxO Papel do Profissional de apoio.mediador na sala comum.pptx
O Papel do Profissional de apoio.mediador na sala comum.pptx
paInformatica
 
Capacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Capacitação de educadores e cuidadores Educação InclusivaCapacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Capacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Secretaria de Educação e Cultura - SEMEC aAcari
 
PEI NA PRÁTICA.pdf
PEI NA PRÁTICA.pdfPEI NA PRÁTICA.pdf
PEI NA PRÁTICA.pdf
PatrciaDaSilvaGaldin1
 
Educação Especial na Perspectiva Inclusiva.
Educação Especial na Perspectiva Inclusiva.Educação Especial na Perspectiva Inclusiva.
Educação Especial na Perspectiva Inclusiva.
Instituto Consciência GO
 
Política nacional de educação especial na perspectiva da educação inclusiva
Política nacional  de educação especial  na perspectiva da educação inclusivaPolítica nacional  de educação especial  na perspectiva da educação inclusiva
Política nacional de educação especial na perspectiva da educação inclusiva
ceciliaconserva
 
Atendimento Educacional Especializado
Atendimento Educacional EspecializadoAtendimento Educacional Especializado
Atendimento Educacional Especializado
Simone Dias
 
Dificuldades De Aprendizagem
Dificuldades De AprendizagemDificuldades De Aprendizagem
Dificuldades De Aprendizagem
Maristela Couto
 
Sala de Recursos Multifuncionais
Sala de Recursos MultifuncionaisSala de Recursos Multifuncionais
Sala de Recursos Multifuncionais
Instituto Consciência GO
 
Estudo de caso
Estudo de casoEstudo de caso
Estudo de caso
Danielle Lobato
 
Slide educação especial
Slide educação especialSlide educação especial
Slide educação especial
Andreia Gomes
 

Mais procurados (20)

Conheça A.E.E - Atendimento Educacional Especializado
Conheça A.E.E - Atendimento Educacional EspecializadoConheça A.E.E - Atendimento Educacional Especializado
Conheça A.E.E - Atendimento Educacional Especializado
 
Inclusão na Educação Infantil
Inclusão na Educação InfantilInclusão na Educação Infantil
Inclusão na Educação Infantil
 
Formação para Cuidadores Educacional
Formação para Cuidadores EducacionalFormação para Cuidadores Educacional
Formação para Cuidadores Educacional
 
Ensino Especial
Ensino EspecialEnsino Especial
Ensino Especial
 
Aee apresentacao
Aee apresentacaoAee apresentacao
Aee apresentacao
 
1.formação inclusão 2016 adaptação curricular
1.formação inclusão 2016 adaptação  curricular1.formação inclusão 2016 adaptação  curricular
1.formação inclusão 2016 adaptação curricular
 
Slides educacao inclusiva-e_educacao_especial
Slides educacao inclusiva-e_educacao_especialSlides educacao inclusiva-e_educacao_especial
Slides educacao inclusiva-e_educacao_especial
 
Adaptações curriculares
Adaptações curricularesAdaptações curriculares
Adaptações curriculares
 
Educação inclusiva
Educação inclusivaEducação inclusiva
Educação inclusiva
 
AEE - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO
AEE - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADOAEE - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO
AEE - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO
 
O Papel do Profissional de apoio.mediador na sala comum.pptx
O Papel do Profissional de apoio.mediador na sala comum.pptxO Papel do Profissional de apoio.mediador na sala comum.pptx
O Papel do Profissional de apoio.mediador na sala comum.pptx
 
Capacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Capacitação de educadores e cuidadores Educação InclusivaCapacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Capacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
 
PEI NA PRÁTICA.pdf
PEI NA PRÁTICA.pdfPEI NA PRÁTICA.pdf
PEI NA PRÁTICA.pdf
 
Educação Especial na Perspectiva Inclusiva.
Educação Especial na Perspectiva Inclusiva.Educação Especial na Perspectiva Inclusiva.
Educação Especial na Perspectiva Inclusiva.
 
Política nacional de educação especial na perspectiva da educação inclusiva
Política nacional  de educação especial  na perspectiva da educação inclusivaPolítica nacional  de educação especial  na perspectiva da educação inclusiva
Política nacional de educação especial na perspectiva da educação inclusiva
 
Atendimento Educacional Especializado
Atendimento Educacional EspecializadoAtendimento Educacional Especializado
Atendimento Educacional Especializado
 
Dificuldades De Aprendizagem
Dificuldades De AprendizagemDificuldades De Aprendizagem
Dificuldades De Aprendizagem
 
Sala de Recursos Multifuncionais
Sala de Recursos MultifuncionaisSala de Recursos Multifuncionais
Sala de Recursos Multifuncionais
 
Estudo de caso
Estudo de casoEstudo de caso
Estudo de caso
 
Slide educação especial
Slide educação especialSlide educação especial
Slide educação especial
 

Destaque

I ENCONTRO COM OS PROFESSORES DAS CLASSES ESPECIAIS
I ENCONTRO COM OS PROFESSORES DAS CLASSES ESPECIAISI ENCONTRO COM OS PROFESSORES DAS CLASSES ESPECIAIS
I ENCONTRO COM OS PROFESSORES DAS CLASSES ESPECIAIS
Classe Especial SZ Inclusão
 
Plano de Ação do AEE
Plano de Ação do AEEPlano de Ação do AEE
Plano de Ação do AEE
Patricia Bampi
 
Letramento
LetramentoLetramento
Letramento e alfabetização. A muitas facetas Magda Soares
Letramento e alfabetização. A muitas facetas Magda SoaresLetramento e alfabetização. A muitas facetas Magda Soares
Letramento e alfabetização. A muitas facetas Magda Soares
Susana Felix
 
Alfabetização e letramento
Alfabetização e letramentoAlfabetização e letramento
Alfabetização e letramento
Elizabet Tramontin Silveira Camargo
 
Concepcoes de alfabetizacao e letramento
Concepcoes de alfabetizacao e letramentoConcepcoes de alfabetizacao e letramento
Concepcoes de alfabetizacao e letramento
zetesousa
 
Alfabetização e letramento (slide)
Alfabetização e letramento (slide)Alfabetização e letramento (slide)
Alfabetização e letramento (slide)
PamelaAschoff
 

Destaque (7)

I ENCONTRO COM OS PROFESSORES DAS CLASSES ESPECIAIS
I ENCONTRO COM OS PROFESSORES DAS CLASSES ESPECIAISI ENCONTRO COM OS PROFESSORES DAS CLASSES ESPECIAIS
I ENCONTRO COM OS PROFESSORES DAS CLASSES ESPECIAIS
 
Plano de Ação do AEE
Plano de Ação do AEEPlano de Ação do AEE
Plano de Ação do AEE
 
Letramento
LetramentoLetramento
Letramento
 
Letramento e alfabetização. A muitas facetas Magda Soares
Letramento e alfabetização. A muitas facetas Magda SoaresLetramento e alfabetização. A muitas facetas Magda Soares
Letramento e alfabetização. A muitas facetas Magda Soares
 
Alfabetização e letramento
Alfabetização e letramentoAlfabetização e letramento
Alfabetização e letramento
 
Concepcoes de alfabetizacao e letramento
Concepcoes de alfabetizacao e letramentoConcepcoes de alfabetizacao e letramento
Concepcoes de alfabetizacao e letramento
 
Alfabetização e letramento (slide)
Alfabetização e letramento (slide)Alfabetização e letramento (slide)
Alfabetização e letramento (slide)
 

Semelhante a Atendimento Educacional Especializado

Educação Especial e AEE.ppt
Educação Especial e AEE.pptEducação Especial e AEE.ppt
Educação Especial e AEE.ppt
Igor Sampaio Pinho
 
ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO- AEE
ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO- AEEATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO- AEE
ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO- AEE
SABERES E FAZERES EM NOSSAS MÃOS
 
Aee apresentacao completa_01_03_2008
Aee apresentacao completa_01_03_2008Aee apresentacao completa_01_03_2008
Aee apresentacao completa_01_03_2008
Centro Neurológico de Teresópolis
 
ATENDIMENTO-EDUCACIONAL-ESPECIALIZADO (1).pdf
ATENDIMENTO-EDUCACIONAL-ESPECIALIZADO (1).pdfATENDIMENTO-EDUCACIONAL-ESPECIALIZADO (1).pdf
ATENDIMENTO-EDUCACIONAL-ESPECIALIZADO (1).pdf
eligialenecastro2018
 
Conheça a Aee
Conheça a AeeConheça a Aee
Conheça a Aee
curso100hs
 
Salas de Recursos Multifuncionais
Salas de Recursos Multifuncionais Salas de Recursos Multifuncionais
Salas de Recursos Multifuncionais
Instituto Consciência GO
 
AEE apresentação sobre a sala, funcionamento e trabalho com os alunos
AEE apresentação sobre a sala, funcionamento e trabalho com os alunosAEE apresentação sobre a sala, funcionamento e trabalho com os alunos
AEE apresentação sobre a sala, funcionamento e trabalho com os alunos
CciaFerreira
 
Apositla-AEE-EDUCARE.pdf
Apositla-AEE-EDUCARE.pdfApositla-AEE-EDUCARE.pdf
Apositla-AEE-EDUCARE.pdf
zetinha
 
Profª Graça:PNAIC-4º ENCONTRO-EDUCAÇÃO INCLUSIVA
Profª Graça:PNAIC-4º ENCONTRO-EDUCAÇÃO INCLUSIVAProfª Graça:PNAIC-4º ENCONTRO-EDUCAÇÃO INCLUSIVA
Profª Graça:PNAIC-4º ENCONTRO-EDUCAÇÃO INCLUSIVA
Graça Sousa
 
Apresentação1 Teste
Apresentação1 TesteApresentação1 Teste
Apresentação1 Teste
Marcilanealves
 
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidiaUnidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Silene Lívia
 
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidiaUnidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Silene Lívia
 
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidiaUnidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Silene Lívia
 
AEE .pptx
AEE .pptxAEE .pptx
AEE .pptx
napnebonfim2020
 
Craedi apresentação
Craedi apresentaçãoCraedi apresentação
Craedi apresentação
craeditgd
 
Salas de recursos[1]
Salas de recursos[1]Salas de recursos[1]
Salas de recursos[1]
Instituto Consciência GO
 
Direito_a_diversidade-Salas_de_recursos_rioverde
Direito_a_diversidade-Salas_de_recursos_rioverdeDireito_a_diversidade-Salas_de_recursos_rioverde
Direito_a_diversidade-Salas_de_recursos_rioverde
Tânia Sampaio
 
Salas de Recursos Multifuncionais
Salas de Recursos MultifuncionaisSalas de Recursos Multifuncionais
Salas de Recursos Multifuncionais
Instituto Consciência GO
 
Inclusão na escola avancos e difivculdades
Inclusão na escola avancos e difivculdadesInclusão na escola avancos e difivculdades
Inclusão na escola avancos e difivculdades
osorioramos
 
Cópia de salas de recursos multifuncionais saee blog
Cópia de salas de recursos multifuncionais  saee blogCópia de salas de recursos multifuncionais  saee blog
Cópia de salas de recursos multifuncionais saee blog
Marli Gomes
 

Semelhante a Atendimento Educacional Especializado (20)

Educação Especial e AEE.ppt
Educação Especial e AEE.pptEducação Especial e AEE.ppt
Educação Especial e AEE.ppt
 
ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO- AEE
ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO- AEEATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO- AEE
ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO- AEE
 
Aee apresentacao completa_01_03_2008
Aee apresentacao completa_01_03_2008Aee apresentacao completa_01_03_2008
Aee apresentacao completa_01_03_2008
 
ATENDIMENTO-EDUCACIONAL-ESPECIALIZADO (1).pdf
ATENDIMENTO-EDUCACIONAL-ESPECIALIZADO (1).pdfATENDIMENTO-EDUCACIONAL-ESPECIALIZADO (1).pdf
ATENDIMENTO-EDUCACIONAL-ESPECIALIZADO (1).pdf
 
Conheça a Aee
Conheça a AeeConheça a Aee
Conheça a Aee
 
Salas de Recursos Multifuncionais
Salas de Recursos Multifuncionais Salas de Recursos Multifuncionais
Salas de Recursos Multifuncionais
 
AEE apresentação sobre a sala, funcionamento e trabalho com os alunos
AEE apresentação sobre a sala, funcionamento e trabalho com os alunosAEE apresentação sobre a sala, funcionamento e trabalho com os alunos
AEE apresentação sobre a sala, funcionamento e trabalho com os alunos
 
Apositla-AEE-EDUCARE.pdf
Apositla-AEE-EDUCARE.pdfApositla-AEE-EDUCARE.pdf
Apositla-AEE-EDUCARE.pdf
 
Profª Graça:PNAIC-4º ENCONTRO-EDUCAÇÃO INCLUSIVA
Profª Graça:PNAIC-4º ENCONTRO-EDUCAÇÃO INCLUSIVAProfª Graça:PNAIC-4º ENCONTRO-EDUCAÇÃO INCLUSIVA
Profª Graça:PNAIC-4º ENCONTRO-EDUCAÇÃO INCLUSIVA
 
Apresentação1 Teste
Apresentação1 TesteApresentação1 Teste
Apresentação1 Teste
 
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidiaUnidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
 
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidiaUnidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
 
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidiaUnidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
Unidade3 ativ3 plano_de_aula_autoria_de_objeto_hipermidia
 
AEE .pptx
AEE .pptxAEE .pptx
AEE .pptx
 
Craedi apresentação
Craedi apresentaçãoCraedi apresentação
Craedi apresentação
 
Salas de recursos[1]
Salas de recursos[1]Salas de recursos[1]
Salas de recursos[1]
 
Direito_a_diversidade-Salas_de_recursos_rioverde
Direito_a_diversidade-Salas_de_recursos_rioverdeDireito_a_diversidade-Salas_de_recursos_rioverde
Direito_a_diversidade-Salas_de_recursos_rioverde
 
Salas de Recursos Multifuncionais
Salas de Recursos MultifuncionaisSalas de Recursos Multifuncionais
Salas de Recursos Multifuncionais
 
Inclusão na escola avancos e difivculdades
Inclusão na escola avancos e difivculdadesInclusão na escola avancos e difivculdades
Inclusão na escola avancos e difivculdades
 
Cópia de salas de recursos multifuncionais saee blog
Cópia de salas de recursos multifuncionais  saee blogCópia de salas de recursos multifuncionais  saee blog
Cópia de salas de recursos multifuncionais saee blog
 

Mais de ceciliaconserva

197 slides joão pessoa 2012 superdotados
197 slides joão pessoa 2012 superdotados197 slides joão pessoa 2012 superdotados
197 slides joão pessoa 2012 superdotados
ceciliaconserva
 
Miguel para o computador
Miguel para o computadorMiguel para o computador
Miguel para o computador
ceciliaconserva
 
197 slides joão pessoa 2012 superdotados
197 slides joão pessoa 2012 superdotados197 slides joão pessoa 2012 superdotados
197 slides joão pessoa 2012 superdotados
ceciliaconserva
 
João pessoa 2012 superdotados
João pessoa 2012 superdotadosJoão pessoa 2012 superdotados
João pessoa 2012 superdotados
ceciliaconserva
 
Professor de aee
Professor de aeeProfessor de aee
Professor de aee
ceciliaconserva
 
Plano de aee
Plano de aeePlano de aee
Plano de aee
ceciliaconserva
 
Curso completo jp
Curso completo jpCurso completo jp
Curso completo jp
ceciliaconserva
 
Professor de aee
Professor de aeeProfessor de aee
Professor de aee
ceciliaconserva
 
Apresentação direitos sandra seminário[1]
Apresentação direitos sandra seminário[1]Apresentação direitos sandra seminário[1]
Apresentação direitos sandra seminário[1]
ceciliaconserva
 
VI SEMINARIO DE EDUCAÇÃO INCLUSIVA
VI SEMINARIO DE EDUCAÇÃO INCLUSIVAVI SEMINARIO DE EDUCAÇÃO INCLUSIVA
VI SEMINARIO DE EDUCAÇÃO INCLUSIVA
ceciliaconserva
 
Palestra com os CREIS - PMJP
Palestra com os CREIS - PMJPPalestra com os CREIS - PMJP
Palestra com os CREIS - PMJP
ceciliaconserva
 
Síndrome de Down e TDAH
Síndrome de Down e TDAHSíndrome de Down e TDAH
Síndrome de Down e TDAH
ceciliaconserva
 

Mais de ceciliaconserva (12)

197 slides joão pessoa 2012 superdotados
197 slides joão pessoa 2012 superdotados197 slides joão pessoa 2012 superdotados
197 slides joão pessoa 2012 superdotados
 
Miguel para o computador
Miguel para o computadorMiguel para o computador
Miguel para o computador
 
197 slides joão pessoa 2012 superdotados
197 slides joão pessoa 2012 superdotados197 slides joão pessoa 2012 superdotados
197 slides joão pessoa 2012 superdotados
 
João pessoa 2012 superdotados
João pessoa 2012 superdotadosJoão pessoa 2012 superdotados
João pessoa 2012 superdotados
 
Professor de aee
Professor de aeeProfessor de aee
Professor de aee
 
Plano de aee
Plano de aeePlano de aee
Plano de aee
 
Curso completo jp
Curso completo jpCurso completo jp
Curso completo jp
 
Professor de aee
Professor de aeeProfessor de aee
Professor de aee
 
Apresentação direitos sandra seminário[1]
Apresentação direitos sandra seminário[1]Apresentação direitos sandra seminário[1]
Apresentação direitos sandra seminário[1]
 
VI SEMINARIO DE EDUCAÇÃO INCLUSIVA
VI SEMINARIO DE EDUCAÇÃO INCLUSIVAVI SEMINARIO DE EDUCAÇÃO INCLUSIVA
VI SEMINARIO DE EDUCAÇÃO INCLUSIVA
 
Palestra com os CREIS - PMJP
Palestra com os CREIS - PMJPPalestra com os CREIS - PMJP
Palestra com os CREIS - PMJP
 
Síndrome de Down e TDAH
Síndrome de Down e TDAHSíndrome de Down e TDAH
Síndrome de Down e TDAH
 

Último

Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
RenanSilva991968
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
CarinaSoto12
 
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e ZCaça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Mary Alvarenga
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
cmeioctaciliabetesch
 
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptxApresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
JulianeMelo17
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
RenanSilva991968
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Mary Alvarenga
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 

Último (20)

Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
 
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e ZCaça-palavras - ortografia  S, SS, X, C e Z
Caça-palavras - ortografia S, SS, X, C e Z
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
 
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptxApresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 

Atendimento Educacional Especializado

  • 2. O que é o AEE? Um serviço da educação especial que [...] identifica, elabora, e organiza recursos pedagógicos e de acessibilidade, que eliminem as barreiras para a plena participação dos alunos, considerando suas necessidades específicas. (SEESP/MEC/2008).
  • 3. O que é o AEE? É um serviço de apoio, jamais pode ser imposto pelo sistema de ensino ou eleito como condição para aceitação da matrícula do aluno com deficiência em escola comum; Trabalho necessariamente diferente do realizado em sala de aula do ensino comum.
  • 4. O AEE Realiza ações específicas para ajudar o aluno com deficiência, transtorno global do desenvolvimento, altas habilidades/superdotação, a agir de modo estruturado no ambiente escolar e fora dele, considerando as especificidades de cada um.
  • 5. Por que o AEE? • Porque os alunos com deficiência e os demais, que são público alvo da Educação Especial, precisam ser atendidos nas suas especificidades, para que possam participar, ativamente do ensino comum.
  • 6. O que faz o AEE? • Apóia o desenvolvimento do aluno com deficiência, transtornos globais de desenvolvimento e altas habilidades • Disponibiliza o ensino de linguagens e de códigos específicos de comunicação e sinalização • Oferece tecnologia assistiva – TA
  • 7. O que faz o AEE? • Adequa e produz materiais didáticos e pedagógicos, tendo em vista as necessidades específicas dos alunos, • Oportuniza o enriquecimento curricular (para alunos com altas habilidades) • O AEE deve se articular com a proposta da escola comum, embora suas atividades se diferenciem das realizadas naquelas salas.
  • 8. Quando e Onde se faz AEE? • O AEE é realizado no período inverso ao da classe comum freqüentada pelo aluno e, PREFERENCIALMENTE, na própria escola desse aluno, na sala de recurso multifuncional.
  • 9. Salas de Recursos Multifuncionais É um espaço organizado preferencialmente em escolas comuns das redes de ensino. Pode atender às escolas da proximidade. AEE Atendimento Educacional Especializado (2008)
  • 10. AEE nas escolas comuns Treinamento de recurso óptico Informática acessível Comunicação alternativa Sistema Braille na máquina de escrever Língua Portuguesa na modalidade escrita AEE Atendimento Educacional Especializado (2008) para pessoas com surdez
  • 11. CONCEPÇÕES DO AEE Antes da deficiência vem a pessoa do aluno, sua história de vida, sua individualidade, seus desejos e diferenças; Não existe um roteiro, um guia, uma fórmula de atendimento previamente indicada; O atendimento deve ser planejado de acordo com a necessidade do aluno.
  • 12. O AEE destinado ao aluno com deficiência física • O AEE deve selecionar recursos e técnicas adequadas a cada tipo de dificuldade para o desempenho das atividades escolares; • Cria condições adequadas à locomoção, comunicação e conforto do aluno com deficiência física; • O AEE usa Tecnologias Assistivas direcionadas à vida escolar do aluno com deficiência física;
  • 13. O AEE destinado ao aluno com deficiência física • Adequação dos materiais didático-pedagógicos às necessidades dos alunos; • Adequação de recursos da informática: teclado, mouse, ponteira de cabeça, programas especiais, entre outros; • Uso de mobiliário adequado: mesas, cadeiras, quadro.
  • 14. O AEE destinado ao aluno com surdez A organização didática implica o uso de muitas imagens visuais e de todo tipo de referências que possam colaborar para o aprendizado dos conteúdos curriculares em estudo, na sala comum.
  • 15. O AEE destinado ao aluno com surdez • AEE em libras: Atendimento diário aos alunos surdos, com o objetivo de explicar em libras os diferentes conteúdos curriculares; • AEE para o ensino de libras: Ensino de libras para os alunos surdos, com o objetivo de favorecer o conhecimento e a aquisição de termos científicos; • AEE para o ensino da Língua Portuguesa: objetiva trabalhar as especificidades da língua para pessoas com surdez.
  • 16. O AEE destinado ao aluno com deficiência intelectual • O acesso ao conhecimento não depende de suportes externos ao sujeito, mas tem relação com a saída de uma posição passiva e automatizada diante da aprendizagem para o acesso e apropriação ativa do próprio saber.
  • 17. O AEE destinado ao aluno com deficiência intelectual deve propor atividades que estimulem o desenvolvimento conceitual, além de propor situações vivenciais que possibilitem o aluno com deficiência intelectual organizar o pensamento operatório.
  • 18. O AEE destinado ao aluno com deficiência intelectual • Privilegia o exercício da atividade cognitiva através de situações que favoreçam a passagem da ação ao pensamento; • O movimento de passagem da ação ao pensamento favorece a interiorização e a tomada de consciência do conhecimento ;
  • 19. O AEE destinado ao aluno com deficiência visual • ;
  • 20. O AEE destinado ao aluno com transtorno global do desenvolvimento • ;
  • 21. O AEE destinado ao aluno com altas habilidades/superdotação • ;
  • 22. O professor do AEE deve: • Avaliar as atitudes do aluno diante da aprendizagem; • os mecanismos que permitirão o desenvolvimento de ferramentas conceituais que facilitarão sua adaptação escolar e social. • planejar atividades que desenvolvam no aluno a capacidade de generalizar ou transferir uma aprendizagem para novas situações.
  • 23. O professor do AEE deve: • Fazer intervenções estruturadas de natureza educativa para favorecer a utilização de maneira mais eficiente das estratégias metacognitivas apresentadas pelo aluno; • Organizar situações que permitam ao aluno estabelecer diferenças entre as características da linguagem verbal e aquelas da linguagem escrita..
  • 24. O professor do AEE deve: • Proporcionar ao aluno o contato com as mais variadas formas de comunicação; • Priorizar a oferta de atividades em que o aluno faz sua opção de acordo com seus interesses; • Propor atividades de acordo com as potencialidades do aluno.
  • 25. SANDRA VERÔNICA RAMALHO CHAVES • Pedagoga; • Especialista em Educação Inclusiva, Educação Infantil; • Especialista em Atendimento Educacional Especializado; • Coordenadora da Educação Especial da Secretaria de Educação e Cultura do Município de João Pessoa; • Assessora de Educação Especial da FUNAD. • Currículo lattes: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4427840A9 • Contatos: E-mails: aee.funad@gmail.com / svlramalho@gmail.com Telefone: (83) 8630-2675 / (83) 9985-8692