SlideShare uma empresa Scribd logo
FACISA: FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS
CURSO: ADMINISTRAÇÃO
DISCIPLINA: GERÊNCIA DE TRABALHO EM EQUIPE
PROFESSOR: ALANDEC JOSÉ
EQUIPE: ARTHUR GOMES
JOSENILSON MARTINS
JORDÂNYA ALVES
GABRIELA LACERDA

HABILIDADES DE NEGOCIAÇÃO
NEGOCIAÇÃO:
Processo no qual duas ou mais partes trocam bens ou serviços
e tentam um acordo quanto ao denominador comum para
ambos.
Processo de tomar decisões conjuntas quando as partes
envolvidas têm preferências diferentes.
NA ORGANIZAÇÃO:
Os gerentes precisam frequentemente negociar. É possível que
tenham por exemplo, de negociar:
• Salários
• Firmar acordo com superiores
• Dirimir diferenças com sócios
• Solucionar conflitos com subordinados
Importante:
Os termos negociação e barganha são empregados de modo
intercambiável.
CARACTERÍSTICAS
• Existem pelo menos duas partes envolvidas.
• As partes envolvidas apresentam conflito de interesses a
respeito de um ou mais tópicas.
• As partes estão, pelo menos temporariamente, unidas em
torno de um tipo especial de relacionamento voluntário.
CARACTERÍSTICAS
• A atividade no relacionamento discute a divisão ou troca de
um ou mais recursos específicos e/ou a resolução de um ou
mais assuntos intangíveis entre as partes ou entre aqueles que
elas representam.
• Geralmente, a atividade envolve a apresentação de
demandas ou propostas por uma parte e a avaliação delas pela
outra parte, seguida por concessões e contrapropostas.
Assim, a atividade é sequencial e não simultânea.
ABORDAGENS DE NEGOCIAÇÃO
As pessoas em geral e os gerentes em particular tendem a ter
certos procedimentos e cometer certos erros que, se
prevenidos ou evitados, podem tornar a negociação mais
racional e alcançar melhores resultados.

PRINCIPAIS ERROS COMETIDOS:
• A negociação tende a ser afetada pela visão geral do assunto
ou pela forma de apresentação da informação em uma
negociação.

• Os negociadores tendem a seguir de maneira não racional o
compromisso com um determinado curso de ação que nem
sempre constitui a alternativa mais racional.
• Os negociadores tendem a assumir que devem ganhar as
expensas da outra parte e com isso perdem oportunidades
para transacionar benefícios mútuos entre ambas as partes.
• Os julgamentos dos negociadores tendem a ser ancorados
sobre informações irrelevantes ou sobre uma oferta inicial.
• Os negociadores tendem a se basear apenas pela em
informação prontamente disponível.
• Os negociadores tendem a deixar de lado toda a informação
disponível que focalize a perspectiva do oponente.
• Os negociadores tendem a ser super confiantes quanto à
obtenção de resultados que os favoreçam pessoalmente.
ESTRATÉGIAS DE BARGANHA
Existem duas abordagens gerais da negociação – a barganha
distributiva e a barganha integrativa.
Características da
Barganha

Barganha Distributiva

Barganha
Integrativa

Recursos disponíveis

Quantidade fixa de
recursos a serem
divididos

Quantidade variável
de recursos a serem
divididos

Motivações primárias

Eu ganho, você perde

Eu ganho, você ganha

Interesses primários

Opostos entre si

Convergentes ou
congruentes entre si

Foco das relações

Curto prazo

Longo prazo
BARGANHA DISTRIBUTIVA
Negociação de resultado zero, na qual todo ganho para uma
das partes e realizado à custa de perda para a outra parte.
Quando você pratica a barganha distributiva, suas táticas de
negociação devem concentrar-se em tentar fazer com que seu
oponente aceite o seu ponto-alvo específico ou chegue o mais
perto possível dele.
BARGANHA INTEGRATIVA
Negociação que opera na premissa de que existe um ou mais
acordos que podem criar uma solução em que todos saem
ganhando.
A barganha integrativa é preferível porque ela constrói
relações de longo prazo e facilita o trabalho conjunto no
futuro.
“Por que, não encontramos mais barganhas integrativas nas
organizações?”
DESENVOLVENDO HABILIDADES PARA UMA NEGOCIAÇÃO
EFICAZ
• Investigue seu oponente

• Comece com uma proposta positiva
• Concentre-se nos problemas, não nas personalidades

• Dedique pouca atenção às ofertas iniciais
• Enfatize as soluções que sejam satisfatórias a ambas as partes
• Crie um clima de fraqueza e confiança
• Esteja aberto para aceitar ajuda de terceiros
HABILIDADES DE NEGOCIAÇÃO CONTEMPORÂNEAS
É uma abordagem que expande a perspectiva do bolo fixo que
usa técnicas de solução de problemas que buscam resultados
do tipo ganhar-ganhar. Essa abordagem integrativa é baseada
na colaboração e substitui as estratégias tradicionais – como
comprometer, forçar, acomodar ou evitar. Por isso a
necessidade de que o negociador eficaz faça uso das seguintes
habilidades:
• Estabelecer objetivos bem ordenados.
• Separar as pessoas dos problemas.
• Focalizar os interesses e não as posições.
• Inventar opções para ganhos mútuos.
• Utilizar critérios objetivos para negociação.
PROCESSO DE NEGOCIAÇÃO
•
•
•
•
•

Preparação e planejamento;
Definição de regras básicas;
Esclarecimentos e justificativas;
Barganha e solução de problemas;
Fechamento e implementação;
REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA:
CHIAVENATO,
Idalberto.
Comportamento
organizacional: a dinâmica do sucesso das
organizações. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010. 539 p.
MIRANDA, Márcio. O pulo do gato em negociação. São
Paulo: Siciliano, 1995. 153 p.
ROBBINS, Stephen Paul. Administração: mudanças e
perspectivas. São Paulo: Saraiva, 2001. 524 p.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Planejamento Estrátegico
Planejamento EstrátegicoPlanejamento Estrátegico
Planejamento Estrátegico
Fabricio Medeiros
 
Gestão de marketing
Gestão de marketingGestão de marketing
Gestão de marketing
Derson Lopes Jr, Msc, PMP
 
Exercicio de Planejamento Estrategico
Exercicio de Planejamento EstrategicoExercicio de Planejamento Estrategico
Exercicio de Planejamento Estrategico
PAULO RICARDO FLORES
 
Dinamicas de negociacao
Dinamicas de negociacaoDinamicas de negociacao
Dinamicas de negociacao
Niloar Bissani
 
Processo Decisório - Introdução
Processo Decisório - IntroduçãoProcesso Decisório - Introdução
Processo Decisório - Introdução
Wellington Oliveira
 
Relações Trabalhistas
Relações TrabalhistasRelações Trabalhistas
Relações Trabalhistas
Carlo Pires
 
Planejamento estratégico de vendas em 6 passos simples
Planejamento estratégico de vendas em 6 passos simples Planejamento estratégico de vendas em 6 passos simples
Planejamento estratégico de vendas em 6 passos simples
Agendor
 
Plano de Vendas
Plano de VendasPlano de Vendas
Plano de Vendas
Fábio Mesquita
 
COMO ANALISAR SUA CONCORRÊNCIA
COMO ANALISAR SUA CONCORRÊNCIA COMO ANALISAR SUA CONCORRÊNCIA
COMO ANALISAR SUA CONCORRÊNCIA
Benjamim Garcia Netto
 
Gestão de conflitos
Gestão de conflitosGestão de conflitos
Gestão de conflitos
Claudio Martins Jr.
 
Os 4 Ps, 4 Cs e 4 Es
Os 4 Ps, 4 Cs e 4 EsOs 4 Ps, 4 Cs e 4 Es
Os 4 Ps, 4 Cs e 4 Es
Doisnovemeia Publicidade
 
P de Produto
P de ProdutoP de Produto
Treinamento e Desenvolvimento
Treinamento e DesenvolvimentoTreinamento e Desenvolvimento
Treinamento e Desenvolvimento
Jean Israel B. Feijó
 
Formacao gestao de_conflitos_16h_ar
Formacao gestao de_conflitos_16h_arFormacao gestao de_conflitos_16h_ar
Formacao gestao de_conflitos_16h_ar
Alcino Rodrigues
 
Gestão e Liderança_Prof. Randes
Gestão e Liderança_Prof. RandesGestão e Liderança_Prof. Randes
Gestão e Liderança_Prof. Randes
Prof. Randes Enes, M.Sc.
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
Rosario Cação
 
C onstruindo marketing pessoal
C onstruindo marketing pessoalC onstruindo marketing pessoal
C onstruindo marketing pessoal
Charlanne Kelly Piovezan
 
Treinamento Técnicas de Vendas Básico
Treinamento Técnicas de Vendas BásicoTreinamento Técnicas de Vendas Básico
Treinamento Técnicas de Vendas Básico
Diego Isaac
 
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em EquipePalestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Eduardo Maróstica
 
Proposta de atividade (negociação)
Proposta de atividade (negociação)Proposta de atividade (negociação)
Proposta de atividade (negociação)
André R. Rivas
 

Mais procurados (20)

Planejamento Estrátegico
Planejamento EstrátegicoPlanejamento Estrátegico
Planejamento Estrátegico
 
Gestão de marketing
Gestão de marketingGestão de marketing
Gestão de marketing
 
Exercicio de Planejamento Estrategico
Exercicio de Planejamento EstrategicoExercicio de Planejamento Estrategico
Exercicio de Planejamento Estrategico
 
Dinamicas de negociacao
Dinamicas de negociacaoDinamicas de negociacao
Dinamicas de negociacao
 
Processo Decisório - Introdução
Processo Decisório - IntroduçãoProcesso Decisório - Introdução
Processo Decisório - Introdução
 
Relações Trabalhistas
Relações TrabalhistasRelações Trabalhistas
Relações Trabalhistas
 
Planejamento estratégico de vendas em 6 passos simples
Planejamento estratégico de vendas em 6 passos simples Planejamento estratégico de vendas em 6 passos simples
Planejamento estratégico de vendas em 6 passos simples
 
Plano de Vendas
Plano de VendasPlano de Vendas
Plano de Vendas
 
COMO ANALISAR SUA CONCORRÊNCIA
COMO ANALISAR SUA CONCORRÊNCIA COMO ANALISAR SUA CONCORRÊNCIA
COMO ANALISAR SUA CONCORRÊNCIA
 
Gestão de conflitos
Gestão de conflitosGestão de conflitos
Gestão de conflitos
 
Os 4 Ps, 4 Cs e 4 Es
Os 4 Ps, 4 Cs e 4 EsOs 4 Ps, 4 Cs e 4 Es
Os 4 Ps, 4 Cs e 4 Es
 
P de Produto
P de ProdutoP de Produto
P de Produto
 
Treinamento e Desenvolvimento
Treinamento e DesenvolvimentoTreinamento e Desenvolvimento
Treinamento e Desenvolvimento
 
Formacao gestao de_conflitos_16h_ar
Formacao gestao de_conflitos_16h_arFormacao gestao de_conflitos_16h_ar
Formacao gestao de_conflitos_16h_ar
 
Gestão e Liderança_Prof. Randes
Gestão e Liderança_Prof. RandesGestão e Liderança_Prof. Randes
Gestão e Liderança_Prof. Randes
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
C onstruindo marketing pessoal
C onstruindo marketing pessoalC onstruindo marketing pessoal
C onstruindo marketing pessoal
 
Treinamento Técnicas de Vendas Básico
Treinamento Técnicas de Vendas BásicoTreinamento Técnicas de Vendas Básico
Treinamento Técnicas de Vendas Básico
 
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em EquipePalestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
 
Proposta de atividade (negociação)
Proposta de atividade (negociação)Proposta de atividade (negociação)
Proposta de atividade (negociação)
 

Destaque

Negociação
NegociaçãoNegociação
Negociação
Celso Crivelaro
 
Maximizando resultados em uma negociação: técnicas, armadilhas e mitos
Maximizando resultados em uma negociação: técnicas, armadilhas e mitosMaximizando resultados em uma negociação: técnicas, armadilhas e mitos
Maximizando resultados em uma negociação: técnicas, armadilhas e mitos
Felipe Pereira
 
Aula 1 práticas de negociação
Aula 1   práticas de negociaçãoAula 1   práticas de negociação
Aula 1 práticas de negociação
MKTMAIS
 
Filme 12 homens e uma sentença
Filme 12 homens e uma sentençaFilme 12 homens e uma sentença
Filme 12 homens e uma sentença
Sueli_almeida3633
 
Tec negociação part_1
Tec negociação part_1Tec negociação part_1
Tec negociação part_1
Manuel Teixeira
 
As 4 regras de ouro da negociação
As 4 regras de ouro da negociaçãoAs 4 regras de ouro da negociação
As 4 regras de ouro da negociação
Agendor
 
Apostila técnicas de negociação - prof mauricio faganelo & lh machado
Apostila   técnicas de negociação - prof mauricio faganelo & lh machadoApostila   técnicas de negociação - prof mauricio faganelo & lh machado
Apostila técnicas de negociação - prof mauricio faganelo & lh machado
Ridson Braga
 
Métodos e técnicas de negociação
Métodos e técnicas de negociaçãoMétodos e técnicas de negociação
Métodos e técnicas de negociação
Claudiomar Borduchi
 
Apostila Técnicas de Negociação
Apostila Técnicas de NegociaçãoApostila Técnicas de Negociação
Apostila Técnicas de Negociação
Corretor Pimentel
 

Destaque (9)

Negociação
NegociaçãoNegociação
Negociação
 
Maximizando resultados em uma negociação: técnicas, armadilhas e mitos
Maximizando resultados em uma negociação: técnicas, armadilhas e mitosMaximizando resultados em uma negociação: técnicas, armadilhas e mitos
Maximizando resultados em uma negociação: técnicas, armadilhas e mitos
 
Aula 1 práticas de negociação
Aula 1   práticas de negociaçãoAula 1   práticas de negociação
Aula 1 práticas de negociação
 
Filme 12 homens e uma sentença
Filme 12 homens e uma sentençaFilme 12 homens e uma sentença
Filme 12 homens e uma sentença
 
Tec negociação part_1
Tec negociação part_1Tec negociação part_1
Tec negociação part_1
 
As 4 regras de ouro da negociação
As 4 regras de ouro da negociaçãoAs 4 regras de ouro da negociação
As 4 regras de ouro da negociação
 
Apostila técnicas de negociação - prof mauricio faganelo & lh machado
Apostila   técnicas de negociação - prof mauricio faganelo & lh machadoApostila   técnicas de negociação - prof mauricio faganelo & lh machado
Apostila técnicas de negociação - prof mauricio faganelo & lh machado
 
Métodos e técnicas de negociação
Métodos e técnicas de negociaçãoMétodos e técnicas de negociação
Métodos e técnicas de negociação
 
Apostila Técnicas de Negociação
Apostila Técnicas de NegociaçãoApostila Técnicas de Negociação
Apostila Técnicas de Negociação
 

Semelhante a Habilidades Interpessoais: Negociação

O cenário negocial e a metodologia dos 7 a´s ®
O cenário negocial e a metodologia dos 7 a´s ®O cenário negocial e a metodologia dos 7 a´s ®
O cenário negocial e a metodologia dos 7 a´s ®
Ernesto Costa Santos
 
Apresentação Trabalho Técnicas de Negociação
Apresentação Trabalho Técnicas de NegociaçãoApresentação Trabalho Técnicas de Negociação
Apresentação Trabalho Técnicas de Negociação
daianeengal
 
Habilidades Interpessoais
Habilidades InterpessoaisHabilidades Interpessoais
Habilidades Interpessoais
Ricardo Kleber
 
Tecnicas de negociação cap ii
Tecnicas de negociação cap iiTecnicas de negociação cap ii
Tecnicas de negociação cap ii
johnny santos
 
Nac t1
Nac t1Nac t1
Livro 01
Livro 01Livro 01
Livro 01
Helen Oliveira
 
Aula 10 práticas de negociação
Aula 10   práticas de negociaçãoAula 10   práticas de negociação
Aula 10 práticas de negociação
MKTMAIS
 
Administração de Conflitos
Administração de ConflitosAdministração de Conflitos
Administração de Conflitos
Araguaci Andrade
 
d07f18ce0a95a8a362173866fdf48a95.pdf
d07f18ce0a95a8a362173866fdf48a95.pdfd07f18ce0a95a8a362173866fdf48a95.pdf
d07f18ce0a95a8a362173866fdf48a95.pdf
AlineKarenGomes1
 
Negociação
NegociaçãoNegociação
Negociação
Felipe Leo
 
Aula 12 2014.1 ucam - aco - negociação - incorporar e consolidar
Aula 12   2014.1 ucam - aco - negociação - incorporar e consolidarAula 12   2014.1 ucam - aco - negociação - incorporar e consolidar
Aula 12 2014.1 ucam - aco - negociação - incorporar e consolidar
Angelo Peres
 
Aula02
Aula02Aula02
Técnicas de negociação
Técnicas de negociaçãoTécnicas de negociação
Técnicas de negociação
Cursos Profissionalizantes
 
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - AULA 1
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS -  AULA 1 NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS -  AULA 1
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - AULA 1
Jorge Mariano
 
Tecnicas de negociacao
Tecnicas de negociacaoTecnicas de negociacao
Tecnicas de negociacao
Ricardo Andretti
 
Conflito e negociação
Conflito e negociaçãoConflito e negociação
Conflito e negociação
Diego Fernandes Souza
 
Comex Infoco: Técnicas de Negociação para Vendas Internacionais
Comex Infoco: Técnicas de Negociação para Vendas InternacionaisComex Infoco: Técnicas de Negociação para Vendas Internacionais
Comex Infoco: Técnicas de Negociação para Vendas Internacionais
ABRACOMEX
 
As Redes (network) e os Recursos Humanos
As Redes (network) e os Recursos HumanosAs Redes (network) e os Recursos Humanos
As Redes (network) e os Recursos Humanos
João Francisco
 
Variáveis Básicas da Negociação_AULA Gestão
Variáveis Básicas da Negociação_AULA GestãoVariáveis Básicas da Negociação_AULA Gestão
Variáveis Básicas da Negociação_AULA Gestão
ANDERSONANTNIODELIMA
 
[AGC][Apostila] Negociação para Compradores.pptx
[AGC][Apostila] Negociação para Compradores.pptx[AGC][Apostila] Negociação para Compradores.pptx
[AGC][Apostila] Negociação para Compradores.pptx
RodrigoFerreira473632
 

Semelhante a Habilidades Interpessoais: Negociação (20)

O cenário negocial e a metodologia dos 7 a´s ®
O cenário negocial e a metodologia dos 7 a´s ®O cenário negocial e a metodologia dos 7 a´s ®
O cenário negocial e a metodologia dos 7 a´s ®
 
Apresentação Trabalho Técnicas de Negociação
Apresentação Trabalho Técnicas de NegociaçãoApresentação Trabalho Técnicas de Negociação
Apresentação Trabalho Técnicas de Negociação
 
Habilidades Interpessoais
Habilidades InterpessoaisHabilidades Interpessoais
Habilidades Interpessoais
 
Tecnicas de negociação cap ii
Tecnicas de negociação cap iiTecnicas de negociação cap ii
Tecnicas de negociação cap ii
 
Nac t1
Nac t1Nac t1
Nac t1
 
Livro 01
Livro 01Livro 01
Livro 01
 
Aula 10 práticas de negociação
Aula 10   práticas de negociaçãoAula 10   práticas de negociação
Aula 10 práticas de negociação
 
Administração de Conflitos
Administração de ConflitosAdministração de Conflitos
Administração de Conflitos
 
d07f18ce0a95a8a362173866fdf48a95.pdf
d07f18ce0a95a8a362173866fdf48a95.pdfd07f18ce0a95a8a362173866fdf48a95.pdf
d07f18ce0a95a8a362173866fdf48a95.pdf
 
Negociação
NegociaçãoNegociação
Negociação
 
Aula 12 2014.1 ucam - aco - negociação - incorporar e consolidar
Aula 12   2014.1 ucam - aco - negociação - incorporar e consolidarAula 12   2014.1 ucam - aco - negociação - incorporar e consolidar
Aula 12 2014.1 ucam - aco - negociação - incorporar e consolidar
 
Aula02
Aula02Aula02
Aula02
 
Técnicas de negociação
Técnicas de negociaçãoTécnicas de negociação
Técnicas de negociação
 
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - AULA 1
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS -  AULA 1 NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS -  AULA 1
NEGOCIAÇÃO EM COMPRAS - AULA 1
 
Tecnicas de negociacao
Tecnicas de negociacaoTecnicas de negociacao
Tecnicas de negociacao
 
Conflito e negociação
Conflito e negociaçãoConflito e negociação
Conflito e negociação
 
Comex Infoco: Técnicas de Negociação para Vendas Internacionais
Comex Infoco: Técnicas de Negociação para Vendas InternacionaisComex Infoco: Técnicas de Negociação para Vendas Internacionais
Comex Infoco: Técnicas de Negociação para Vendas Internacionais
 
As Redes (network) e os Recursos Humanos
As Redes (network) e os Recursos HumanosAs Redes (network) e os Recursos Humanos
As Redes (network) e os Recursos Humanos
 
Variáveis Básicas da Negociação_AULA Gestão
Variáveis Básicas da Negociação_AULA GestãoVariáveis Básicas da Negociação_AULA Gestão
Variáveis Básicas da Negociação_AULA Gestão
 
[AGC][Apostila] Negociação para Compradores.pptx
[AGC][Apostila] Negociação para Compradores.pptx[AGC][Apostila] Negociação para Compradores.pptx
[AGC][Apostila] Negociação para Compradores.pptx
 

Último

Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
edusegtrab
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
sesiomzezao
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
Sandra Pratas
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
EsterGabriiela1
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 

Último (20)

Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 

Habilidades Interpessoais: Negociação

  • 1. FACISA: FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS CURSO: ADMINISTRAÇÃO DISCIPLINA: GERÊNCIA DE TRABALHO EM EQUIPE PROFESSOR: ALANDEC JOSÉ EQUIPE: ARTHUR GOMES JOSENILSON MARTINS JORDÂNYA ALVES GABRIELA LACERDA HABILIDADES DE NEGOCIAÇÃO
  • 2. NEGOCIAÇÃO: Processo no qual duas ou mais partes trocam bens ou serviços e tentam um acordo quanto ao denominador comum para ambos. Processo de tomar decisões conjuntas quando as partes envolvidas têm preferências diferentes.
  • 3. NA ORGANIZAÇÃO: Os gerentes precisam frequentemente negociar. É possível que tenham por exemplo, de negociar: • Salários • Firmar acordo com superiores • Dirimir diferenças com sócios • Solucionar conflitos com subordinados Importante: Os termos negociação e barganha são empregados de modo intercambiável.
  • 4. CARACTERÍSTICAS • Existem pelo menos duas partes envolvidas. • As partes envolvidas apresentam conflito de interesses a respeito de um ou mais tópicas. • As partes estão, pelo menos temporariamente, unidas em torno de um tipo especial de relacionamento voluntário.
  • 5. CARACTERÍSTICAS • A atividade no relacionamento discute a divisão ou troca de um ou mais recursos específicos e/ou a resolução de um ou mais assuntos intangíveis entre as partes ou entre aqueles que elas representam. • Geralmente, a atividade envolve a apresentação de demandas ou propostas por uma parte e a avaliação delas pela outra parte, seguida por concessões e contrapropostas. Assim, a atividade é sequencial e não simultânea.
  • 6. ABORDAGENS DE NEGOCIAÇÃO As pessoas em geral e os gerentes em particular tendem a ter certos procedimentos e cometer certos erros que, se prevenidos ou evitados, podem tornar a negociação mais racional e alcançar melhores resultados. PRINCIPAIS ERROS COMETIDOS: • A negociação tende a ser afetada pela visão geral do assunto ou pela forma de apresentação da informação em uma negociação. • Os negociadores tendem a seguir de maneira não racional o compromisso com um determinado curso de ação que nem sempre constitui a alternativa mais racional.
  • 7. • Os negociadores tendem a assumir que devem ganhar as expensas da outra parte e com isso perdem oportunidades para transacionar benefícios mútuos entre ambas as partes. • Os julgamentos dos negociadores tendem a ser ancorados sobre informações irrelevantes ou sobre uma oferta inicial. • Os negociadores tendem a se basear apenas pela em informação prontamente disponível. • Os negociadores tendem a deixar de lado toda a informação disponível que focalize a perspectiva do oponente. • Os negociadores tendem a ser super confiantes quanto à obtenção de resultados que os favoreçam pessoalmente.
  • 8. ESTRATÉGIAS DE BARGANHA Existem duas abordagens gerais da negociação – a barganha distributiva e a barganha integrativa. Características da Barganha Barganha Distributiva Barganha Integrativa Recursos disponíveis Quantidade fixa de recursos a serem divididos Quantidade variável de recursos a serem divididos Motivações primárias Eu ganho, você perde Eu ganho, você ganha Interesses primários Opostos entre si Convergentes ou congruentes entre si Foco das relações Curto prazo Longo prazo
  • 9. BARGANHA DISTRIBUTIVA Negociação de resultado zero, na qual todo ganho para uma das partes e realizado à custa de perda para a outra parte. Quando você pratica a barganha distributiva, suas táticas de negociação devem concentrar-se em tentar fazer com que seu oponente aceite o seu ponto-alvo específico ou chegue o mais perto possível dele.
  • 10. BARGANHA INTEGRATIVA Negociação que opera na premissa de que existe um ou mais acordos que podem criar uma solução em que todos saem ganhando. A barganha integrativa é preferível porque ela constrói relações de longo prazo e facilita o trabalho conjunto no futuro. “Por que, não encontramos mais barganhas integrativas nas organizações?”
  • 11. DESENVOLVENDO HABILIDADES PARA UMA NEGOCIAÇÃO EFICAZ • Investigue seu oponente • Comece com uma proposta positiva • Concentre-se nos problemas, não nas personalidades • Dedique pouca atenção às ofertas iniciais • Enfatize as soluções que sejam satisfatórias a ambas as partes • Crie um clima de fraqueza e confiança • Esteja aberto para aceitar ajuda de terceiros
  • 12. HABILIDADES DE NEGOCIAÇÃO CONTEMPORÂNEAS É uma abordagem que expande a perspectiva do bolo fixo que usa técnicas de solução de problemas que buscam resultados do tipo ganhar-ganhar. Essa abordagem integrativa é baseada na colaboração e substitui as estratégias tradicionais – como comprometer, forçar, acomodar ou evitar. Por isso a necessidade de que o negociador eficaz faça uso das seguintes habilidades: • Estabelecer objetivos bem ordenados. • Separar as pessoas dos problemas. • Focalizar os interesses e não as posições. • Inventar opções para ganhos mútuos. • Utilizar critérios objetivos para negociação.
  • 13. PROCESSO DE NEGOCIAÇÃO • • • • • Preparação e planejamento; Definição de regras básicas; Esclarecimentos e justificativas; Barganha e solução de problemas; Fechamento e implementação;
  • 14. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA: CHIAVENATO, Idalberto. Comportamento organizacional: a dinâmica do sucesso das organizações. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010. 539 p. MIRANDA, Márcio. O pulo do gato em negociação. São Paulo: Siciliano, 1995. 153 p. ROBBINS, Stephen Paul. Administração: mudanças e perspectivas. São Paulo: Saraiva, 2001. 524 p.