SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 45
Baixar para ler offline
Aula 7 – Flor: Morfologia e Anatomia 
Técnico em Agropecuária 
Professor: Guth Berger Falcon Rodrigues.
Qual a função das flores? Quantas partes uma flor é dividida?
Função das flores 
•Produzir e proteger gametas. 
•Mediar a polinização → união dos esporos masculino (micrósporo) e feminino (megásporo). 
•Produzir sementes e frutos por reprodução.
Origem da flor 
•A flor é formada por folhas modificadas. 
•Estrutura de crescimento determinado → meristema apical para de se dividir depois da produção de todos os antófilos ou peças florais.
Flor 
•Estrutura reprodutora presente nas Angiospermas. 
–Gimnospermas → estróbilos →flores primitivas 
•Pode ser sexuada ou assexuada.
Diversidade de Flores 
•Angiospermas → mais de 250 mil espécies → sucesso evolutivo. 
•A flor é uma estrutura complexa → morfologia e fisiologia. 
–A maior flor é a Rafflesia arnoldii, a 1 metro de diâmetro e 11 kg.
Partes de uma flor
Partes de uma flor
Partes de uma flor 
•Pedúnculo → une a flor ao caule. 
•Receptáculo floral → dilatação na sua parte superior onde se inserem as diversas peças florais. 
•Peças florais → são folhas modificadas que estão especializadas nas funções: 
–Proteção → Pétalas e sépalas. 
–Reprodução → Estames e carpelos (Pistilos).
Partes de uma flor 
•Carpelo ou pistilo → uma folha modificada que durante a evolução dobrou-se sobre si mesma, diferenciando-se em três regiões:
Partes de uma flor 
•Ovário → região dilatada que protege os óvulos. 
•Estigma → a porção superior, é a receptora de grãos de pólen. 
•Estilete → a peça intermediária que liga o estigma ao ovário.
Partes de uma flor 
•Estames→ folhas alongadas que durante a evolução dobraram-se sobre si mesmas. 
–Filete → porção delgada e alongada que suporta a antera. 
–Antera → protege bolsas produtoras de grãos de pólen → sacos polínicos.
Grão de pólen 
•Grãos de pólen→ formados nos sacos polínicos da antera. 
–tecido tapetum nutre as células. 
•Quatro sacos polínicos, cada dois em uma teca. 
•Grãos de pólen → células haploides com dois núcleos: 
–Vegetativo → forma o tubo polínico 
–Reprodutivo → fecunda o óvulo.
Reprodução sexuada 
•Incluiu os seguintes fenômenos: 
–1) esporogênese, 
–2) gametogênese, 
–3) polinização, 
–4) fecundação 
–5) desenvolvimento da semente e do fruto. 
1 
2 
3 
4 
5
Esporogênese 
•Microsporogênese → formação dos grãos de pólen ou micrósporos. 
–Grãos de pólen maduros da flor → grão de pólen germinará → forma o tubo polínico (microgametófito) 
–Gametogênese → núcleo germinativo se divide originando os núcleos espermáticos (= gametas). 
•Megasporogênese → formação do óvulo, que se encontra preenchido por um tecido denominado nucela. 
–Tecido se diferencia a célula-mãe do saco embrionário ou megasporócito. 
–fase gametofítica → saco embrionário ou óvulo maduro → formado por 7 células, antípodas (3), sinérgides (2), 2 núcleos polares em uma grande célula central e a oosfera(=gameta).
Tipo de polinização 
•Síndromes de polinização. 
–Anemofilia → polinização pelo vento 
–Zoofilia →animais 
–Hidrofilia → água 
–Antropofilia→ homem 
•Razões: cores, odor, pólen, néctar, óleo, resina e abrigo.
Flor 
•Conservada filogeneticamente → muito parecida em parentes próximos. 
–Estreita relação com polinizadores.
Fecundação 
•É a união entre duas células sexuais (gametas) e fusão de seus núcleos. 
•Dupla fecundação → dois núcleos espermáticos fecundam: 
•Oosfera originando um zigoto. 
•Os 2 núcleos polares originando um tecido de reserva → endosperma.
Formação do fruto e semente 
•Resultando da dupla fecundação: 
–Ovário → fruto; 
–Oosfera → sementes.
Reprodução de Gimnospermas.
Classificação das flores 
•Quanto à: 
–Agrupamento. 
–Morfologia e número de Brácteas. 
–Disposição das peças florais (verticilos). 
–Morfologia e número de cálice. 
–Fusão e simetria das pétalas. 
–Número, tamanho, inserção e soldadura do estames. 
–Ramificação do filete. 
–Posição e deiscência da antera. 
–Forma do estilete. 
–Número e soldadura dos carpelos. 
–Posição do ovário. 
–Posição do óvulo. 
–Quanto a formula floral.
Classificação das flores 
•Quanto ao número de carpelos e se fundem totalmente ou parcialmente:
Classificação das flores 
•Quanto à presença de verticilos externos 
–Aclamídeas: sem cálice e sem corola. ex: gramíneas. 
–Monoclamídeas: possuem cálice ou corola. 
–Diclamídeas: quando possuem cálice e corola. 
•Cálice e corola diferentes 
–típico de dicotiledôneas. 
•Cálice e corola iguais (tépalas) 
–típico de monocotiledôneas
Classificação das flores 
•Quanto ao número de peças por verticilo 
–Trímeras: três ou múltiplo de três peças. Ex.: Monocotiledôneas. 
–Dímeras, Tetrâmeras, Pentâmeras: duas, quatro, cinco peças por verticilo. Ex.: Dicotiledôneas.
Classificação das flores
Classificação das flores 
•Quanto à simetria da flor: 
–Radial ou actinomorfa → quando a forma da flor permite que se tracem vários planos de simetria. 
–bilateral ou zigomorfa → com apenas um plano de simetria. 
–assimétrica → sem nenhum plano de simetria.
Formula floral 
•Representação das partes da planta: sépalas (cálice), pétalas (corola), estames (androceu) e os carpelos (gineceu). K5 C(5) A10 G2 
• Onde: K: representa o número de sépalas C: representa o número de pétalas A: representa o número de estames G: representa o número de carpelos ( ): peças unidas (prefixo gamo ou sin)
Classificação das flores 
•Quanto ao agrupamento: 
–Isoladas ou solitárias 
–Inflorescências
Fisiologia da floração 
•Fotoperíodo e fitocromo.
Interesse agropecuário 
•Paisagismo 
•Alimentação 
•Produtos farmacêuticos
Simbolismos
Discutimos hoje as principais características das flores! Será que os frutos e as sementes serão tão complexos quanto as flores?
Questões sobre flores 
•Qual órgão da planta origina as flores? Qual grupo vegetal possui flores verdadeiras? 
•Quais são os componentes florais? 
•Explique o processo de reprodução sexuada das plantas com flores. 
•Diferencie uma flor de uma inflorescência? 
•Qual parte da flor da origem ao fruto e qual da origem a semente?
Questões sobre flores 
•O que são plantas monóicas e dióicas? E flores monóclinas e díclinas? 
•O que é síndrome de polinização? Cite alguns exemplos. 
•Qual a importância da duração do dia para floração? 
•Quais os principais interesses agronômicos das flores?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Frutos e sementes
Frutos e sementesFrutos e sementes
Frutos e sementes
 
Flor – Morfologia E Anatomia
Flor – Morfologia E AnatomiaFlor – Morfologia E Anatomia
Flor – Morfologia E Anatomia
 
Órgãos Vegetativos
Órgãos VegetativosÓrgãos Vegetativos
Órgãos Vegetativos
 
B6 bot 06 - angiospermas basais
B6 bot   06 - angiospermas basaisB6 bot   06 - angiospermas basais
B6 bot 06 - angiospermas basais
 
Caule
CauleCaule
Caule
 
Aula flor
Aula florAula flor
Aula flor
 
O fruto - About The Fruits
O fruto  -  About The FruitsO fruto  -  About The Fruits
O fruto - About The Fruits
 
Morfologia Vegetal - Caule
Morfologia Vegetal - Caule Morfologia Vegetal - Caule
Morfologia Vegetal - Caule
 
3 flor
3 flor3 flor
3 flor
 
2 morfologia externa de plantas vasculares
2 morfologia externa de plantas vasculares2 morfologia externa de plantas vasculares
2 morfologia externa de plantas vasculares
 
Folhas e flores
Folhas e floresFolhas e flores
Folhas e flores
 
Raiz
RaizRaiz
Raiz
 
A folha
A folhaA folha
A folha
 
Folhas 2012 aula
Folhas 2012 aulaFolhas 2012 aula
Folhas 2012 aula
 
Morfologia da folha
Morfologia da folha Morfologia da folha
Morfologia da folha
 
Anatomia do Fruto e da Semente
Anatomia do Fruto e da SementeAnatomia do Fruto e da Semente
Anatomia do Fruto e da Semente
 
Angiospermas - Introdução Geral
Angiospermas - Introdução GeralAngiospermas - Introdução Geral
Angiospermas - Introdução Geral
 
Folhas
FolhasFolhas
Folhas
 
Morfologia da flor agronomia
Morfologia da flor agronomiaMorfologia da flor agronomia
Morfologia da flor agronomia
 
Aula tecidos vegetais
Aula tecidos vegetaisAula tecidos vegetais
Aula tecidos vegetais
 

Destaque

Unidade 02 formação e desenvolvimento das sementes
Unidade 02 formação e desenvolvimento das sementesUnidade 02 formação e desenvolvimento das sementes
Unidade 02 formação e desenvolvimento das sementesBruno Rodrigues
 
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Flores
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre FloresSlides da aula de Biologia (Renato) sobre Flores
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre FloresTurma Olímpica
 
Frutos e sementes
Frutos e sementesFrutos e sementes
Frutos e sementesUERGS
 
2 angiospermas
2   angiospermas2   angiospermas
2 angiospermasgenashb
 
Anatomia folha e flor
Anatomia folha e florAnatomia folha e flor
Anatomia folha e florletyap
 
Aula 6 Prof. Guth Berger
Aula 6 Prof. Guth BergerAula 6 Prof. Guth Berger
Aula 6 Prof. Guth BergerMatheus Yuri
 
FRUTO-ANGIOSPERMAS
FRUTO-ANGIOSPERMASFRUTO-ANGIOSPERMAS
FRUTO-ANGIOSPERMASDCRDANYLA
 
Organologia Vegetal - Carlos Eduardo
Organologia Vegetal - Carlos EduardoOrganologia Vegetal - Carlos Eduardo
Organologia Vegetal - Carlos EduardoCarlos Eduardo
 
Megasporogénesis/Macrosporogénesis
Megasporogénesis/MacrosporogénesisMegasporogénesis/Macrosporogénesis
Megasporogénesis/MacrosporogénesisBarbara Martinez
 
Morfologia dos órgãos vegetativos folha
Morfologia dos órgãos vegetativos  folhaMorfologia dos órgãos vegetativos  folha
Morfologia dos órgãos vegetativos folhaernandes damasceno
 
Classificação das folhas
Classificação das folhasClassificação das folhas
Classificação das folhas00367p
 
Classificação das folhas características e tipos ii
Classificação das folhas   características e tipos iiClassificação das folhas   características e tipos ii
Classificação das folhas características e tipos iiWelton Fontes
 

Destaque (18)

Flor
FlorFlor
Flor
 
Frutos biologia
Frutos biologiaFrutos biologia
Frutos biologia
 
Unidade 02 formação e desenvolvimento das sementes
Unidade 02 formação e desenvolvimento das sementesUnidade 02 formação e desenvolvimento das sementes
Unidade 02 formação e desenvolvimento das sementes
 
Frutos & Pseudofrutos
Frutos & PseudofrutosFrutos & Pseudofrutos
Frutos & Pseudofrutos
 
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Flores
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre FloresSlides da aula de Biologia (Renato) sobre Flores
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Flores
 
Frutos e sementes
Frutos e sementesFrutos e sementes
Frutos e sementes
 
Flores
FloresFlores
Flores
 
2 angiospermas
2   angiospermas2   angiospermas
2 angiospermas
 
Anatomia folha e flor
Anatomia folha e florAnatomia folha e flor
Anatomia folha e flor
 
Aula 6 Prof. Guth Berger
Aula 6 Prof. Guth BergerAula 6 Prof. Guth Berger
Aula 6 Prof. Guth Berger
 
FRUTO-ANGIOSPERMAS
FRUTO-ANGIOSPERMASFRUTO-ANGIOSPERMAS
FRUTO-ANGIOSPERMAS
 
Flor
FlorFlor
Flor
 
Slide De Flores
Slide De FloresSlide De Flores
Slide De Flores
 
Organologia Vegetal - Carlos Eduardo
Organologia Vegetal - Carlos EduardoOrganologia Vegetal - Carlos Eduardo
Organologia Vegetal - Carlos Eduardo
 
Megasporogénesis/Macrosporogénesis
Megasporogénesis/MacrosporogénesisMegasporogénesis/Macrosporogénesis
Megasporogénesis/Macrosporogénesis
 
Morfologia dos órgãos vegetativos folha
Morfologia dos órgãos vegetativos  folhaMorfologia dos órgãos vegetativos  folha
Morfologia dos órgãos vegetativos folha
 
Classificação das folhas
Classificação das folhasClassificação das folhas
Classificação das folhas
 
Classificação das folhas características e tipos ii
Classificação das folhas   características e tipos iiClassificação das folhas   características e tipos ii
Classificação das folhas características e tipos ii
 

Semelhante a Morfologia e anatomia da flor

Aula 05 - reprodução das angiospermas
Aula 05  - reprodução das angiospermasAula 05  - reprodução das angiospermas
Aula 05 - reprodução das angiospermasJonatas Carlos
 
Angiospermas - Renato Paiva
Angiospermas - Renato PaivaAngiospermas - Renato Paiva
Angiospermas - Renato PaivaTurma Olímpica
 
Flor – morfologia e anatomia
Flor – morfologia e anatomiaFlor – morfologia e anatomia
Flor – morfologia e anatomiaprofatatiana
 
Angiospermas www unifev_edu_br
Angiospermas www unifev_edu_brAngiospermas www unifev_edu_br
Angiospermas www unifev_edu_brEduardoEmiliano
 
2º ano - Aula - Fanerógamas.ppt
2º ano - Aula - Fanerógamas.ppt2º ano - Aula - Fanerógamas.ppt
2º ano - Aula - Fanerógamas.pptMayaraOliveira228
 
Classificacao e reproducao das plantas
Classificacao e reproducao das plantasClassificacao e reproducao das plantas
Classificacao e reproducao das plantasbiroskaa
 
Biologia dos Organismos_hfbsdfsffsdffd.pdf
Biologia dos Organismos_hfbsdfsffsdffd.pdfBiologia dos Organismos_hfbsdfsffsdffd.pdf
Biologia dos Organismos_hfbsdfsffsdffd.pdffelixmeloeu
 
Angio mono dico
Angio mono dicoAngio mono dico
Angio mono dicocaca-filho
 
Frente 3 Módulo 4, 5 Reprodução nas angiospermas I e II
Frente 3 Módulo 4, 5 Reprodução nas angiospermas I e IIFrente 3 Módulo 4, 5 Reprodução nas angiospermas I e II
Frente 3 Módulo 4, 5 Reprodução nas angiospermas I e IIColégio Batista de Mantena
 
ReproduçãO Nas Angiospermas (1)
ReproduçãO Nas Angiospermas (1)ReproduçãO Nas Angiospermas (1)
ReproduçãO Nas Angiospermas (1)infoeducp2
 
Biologia 2ºEM - parte 2
Biologia 2ºEM - parte 2Biologia 2ºEM - parte 2
Biologia 2ºEM - parte 2DealdyPony
 
Semi reino vegetal
Semi reino vegetalSemi reino vegetal
Semi reino vegetalaulasdotubao
 

Semelhante a Morfologia e anatomia da flor (20)

Aula 05 - reprodução das angiospermas
Aula 05  - reprodução das angiospermasAula 05  - reprodução das angiospermas
Aula 05 - reprodução das angiospermas
 
Angiospermas - Renato Paiva
Angiospermas - Renato PaivaAngiospermas - Renato Paiva
Angiospermas - Renato Paiva
 
Flor – morfologia e anatomia
Flor – morfologia e anatomiaFlor – morfologia e anatomia
Flor – morfologia e anatomia
 
Angiospermas www unifev_edu_br
Angiospermas www unifev_edu_brAngiospermas www unifev_edu_br
Angiospermas www unifev_edu_br
 
2º ano - Aula - Fanerógamas.ppt
2º ano - Aula - Fanerógamas.ppt2º ano - Aula - Fanerógamas.ppt
2º ano - Aula - Fanerógamas.ppt
 
Classificacao e reproducao das plantas
Classificacao e reproducao das plantasClassificacao e reproducao das plantas
Classificacao e reproducao das plantas
 
Biologia dos Organismos_hfbsdfsffsdffd.pdf
Biologia dos Organismos_hfbsdfsffsdffd.pdfBiologia dos Organismos_hfbsdfsffsdffd.pdf
Biologia dos Organismos_hfbsdfsffsdffd.pdf
 
Angio mono dico
Angio mono dicoAngio mono dico
Angio mono dico
 
Frente 3 Módulo 4, 5 Reprodução nas angiospermas I e II
Frente 3 Módulo 4, 5 Reprodução nas angiospermas I e IIFrente 3 Módulo 4, 5 Reprodução nas angiospermas I e II
Frente 3 Módulo 4, 5 Reprodução nas angiospermas I e II
 
Parcial biologia
Parcial   biologiaParcial   biologia
Parcial biologia
 
Angiospermas
AngiospermasAngiospermas
Angiospermas
 
Angiospermas
AngiospermasAngiospermas
Angiospermas
 
Botânica
Botânica Botânica
Botânica
 
ReproduçãO Nas Angiospermas (1)
ReproduçãO Nas Angiospermas (1)ReproduçãO Nas Angiospermas (1)
ReproduçãO Nas Angiospermas (1)
 
Angiosperamas
AngiosperamasAngiosperamas
Angiosperamas
 
Angiosperma
AngiospermaAngiosperma
Angiosperma
 
Biologia 2ºEM - parte 2
Biologia 2ºEM - parte 2Biologia 2ºEM - parte 2
Biologia 2ºEM - parte 2
 
Reprodução plantas
Reprodução plantasReprodução plantas
Reprodução plantas
 
Flores
FloresFlores
Flores
 
Semi reino vegetal
Semi reino vegetalSemi reino vegetal
Semi reino vegetal
 

Mais de Matheus Yuri

Lista de exercícios 1 (1) Prof Guth Berger
Lista de exercícios 1 (1) Prof Guth BergerLista de exercícios 1 (1) Prof Guth Berger
Lista de exercícios 1 (1) Prof Guth BergerMatheus Yuri
 
Aula 2 "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 2 "homem, sociedade e meio ambiente"Aula 2 "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 2 "homem, sociedade e meio ambiente"Matheus Yuri
 
Aula 4 Prof Júlia
Aula 4 Prof JúliaAula 4 Prof Júlia
Aula 4 Prof JúliaMatheus Yuri
 
Apresentação integrador
Apresentação integradorApresentação integrador
Apresentação integradorMatheus Yuri
 
Projeto integrador i da faciplac
Projeto integrador i da faciplacProjeto integrador i da faciplac
Projeto integrador i da faciplacMatheus Yuri
 
Documentos projeto integrador
Documentos projeto integradorDocumentos projeto integrador
Documentos projeto integradorMatheus Yuri
 
Trabalho frutos e sementes
Trabalho frutos e sementesTrabalho frutos e sementes
Trabalho frutos e sementesMatheus Yuri
 
Aula 6 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 6  Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"Aula 6  Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 6 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"Matheus Yuri
 
Projeto integrador i da faciplac
Projeto integrador i da faciplacProjeto integrador i da faciplac
Projeto integrador i da faciplacMatheus Yuri
 
Documentos projeto integrador
Documentos projeto integradorDocumentos projeto integrador
Documentos projeto integradorMatheus Yuri
 
Aula3 Prof. Fernanda
Aula3 Prof. FernandaAula3 Prof. Fernanda
Aula3 Prof. FernandaMatheus Yuri
 
Aula 5 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 5 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"Aula 5 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 5 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"Matheus Yuri
 
Aula 5 Prof. Guth Berger
Aula 5 Prof. Guth BergerAula 5 Prof. Guth Berger
Aula 5 Prof. Guth BergerMatheus Yuri
 
Aula 4 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 4 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"Aula 4 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 4 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"Matheus Yuri
 
Aula 3 Prof. Guth Berger
Aula 3 Prof. Guth BergerAula 3 Prof. Guth Berger
Aula 3 Prof. Guth BergerMatheus Yuri
 
Aula 2 Prof. Guth Berger
Aula 2 Prof. Guth BergerAula 2 Prof. Guth Berger
Aula 2 Prof. Guth BergerMatheus Yuri
 
Aula 1 Prof Guth Berger
Aula 1 Prof Guth BergerAula 1 Prof Guth Berger
Aula 1 Prof Guth BergerMatheus Yuri
 

Mais de Matheus Yuri (20)

Lista de exercícios 1 (1) Prof Guth Berger
Lista de exercícios 1 (1) Prof Guth BergerLista de exercícios 1 (1) Prof Guth Berger
Lista de exercícios 1 (1) Prof Guth Berger
 
Aula 2 "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 2 "homem, sociedade e meio ambiente"Aula 2 "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 2 "homem, sociedade e meio ambiente"
 
Aula 4 Prof Júlia
Aula 4 Prof JúliaAula 4 Prof Júlia
Aula 4 Prof Júlia
 
Apresentação integrador
Apresentação integradorApresentação integrador
Apresentação integrador
 
Projeto integrador i da faciplac
Projeto integrador i da faciplacProjeto integrador i da faciplac
Projeto integrador i da faciplac
 
Documentos projeto integrador
Documentos projeto integradorDocumentos projeto integrador
Documentos projeto integrador
 
Mobelo banner
Mobelo bannerMobelo banner
Mobelo banner
 
Trabalho frutos e sementes
Trabalho frutos e sementesTrabalho frutos e sementes
Trabalho frutos e sementes
 
Trabalho flores
Trabalho floresTrabalho flores
Trabalho flores
 
Aula 6 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 6  Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"Aula 6  Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 6 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
 
Projeto integrador i da faciplac
Projeto integrador i da faciplacProjeto integrador i da faciplac
Projeto integrador i da faciplac
 
Mobelo banner
Mobelo bannerMobelo banner
Mobelo banner
 
Documentos projeto integrador
Documentos projeto integradorDocumentos projeto integrador
Documentos projeto integrador
 
Aula3 Prof. Fernanda
Aula3 Prof. FernandaAula3 Prof. Fernanda
Aula3 Prof. Fernanda
 
Aula 5 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 5 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"Aula 5 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 5 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
 
Aula 5 Prof. Guth Berger
Aula 5 Prof. Guth BergerAula 5 Prof. Guth Berger
Aula 5 Prof. Guth Berger
 
Aula 4 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 4 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"Aula 4 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
Aula 4 Aula de "homem, sociedade e meio ambiente"
 
Aula 3 Prof. Guth Berger
Aula 3 Prof. Guth BergerAula 3 Prof. Guth Berger
Aula 3 Prof. Guth Berger
 
Aula 2 Prof. Guth Berger
Aula 2 Prof. Guth BergerAula 2 Prof. Guth Berger
Aula 2 Prof. Guth Berger
 
Aula 1 Prof Guth Berger
Aula 1 Prof Guth BergerAula 1 Prof Guth Berger
Aula 1 Prof Guth Berger
 

Último

637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 anoAdelmaTorres2
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESpatriciasofiacunha18
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOBiatrizGomes1
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfdio7ff
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxThye Oliver
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoMary Alvarenga
 
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamental
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino FundamentalCartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamental
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamentalgeone480617
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
 
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamental
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino FundamentalCartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamental
Cartilha 1º Ano Alfabetização _ 1º Ano Ensino Fundamental
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 

Morfologia e anatomia da flor

  • 1.
  • 2.
  • 3. Aula 7 – Flor: Morfologia e Anatomia Técnico em Agropecuária Professor: Guth Berger Falcon Rodrigues.
  • 4. Qual a função das flores? Quantas partes uma flor é dividida?
  • 5. Função das flores •Produzir e proteger gametas. •Mediar a polinização → união dos esporos masculino (micrósporo) e feminino (megásporo). •Produzir sementes e frutos por reprodução.
  • 6. Origem da flor •A flor é formada por folhas modificadas. •Estrutura de crescimento determinado → meristema apical para de se dividir depois da produção de todos os antófilos ou peças florais.
  • 7. Flor •Estrutura reprodutora presente nas Angiospermas. –Gimnospermas → estróbilos →flores primitivas •Pode ser sexuada ou assexuada.
  • 8. Diversidade de Flores •Angiospermas → mais de 250 mil espécies → sucesso evolutivo. •A flor é uma estrutura complexa → morfologia e fisiologia. –A maior flor é a Rafflesia arnoldii, a 1 metro de diâmetro e 11 kg.
  • 11. Partes de uma flor •Pedúnculo → une a flor ao caule. •Receptáculo floral → dilatação na sua parte superior onde se inserem as diversas peças florais. •Peças florais → são folhas modificadas que estão especializadas nas funções: –Proteção → Pétalas e sépalas. –Reprodução → Estames e carpelos (Pistilos).
  • 12. Partes de uma flor •Carpelo ou pistilo → uma folha modificada que durante a evolução dobrou-se sobre si mesma, diferenciando-se em três regiões:
  • 13. Partes de uma flor •Ovário → região dilatada que protege os óvulos. •Estigma → a porção superior, é a receptora de grãos de pólen. •Estilete → a peça intermediária que liga o estigma ao ovário.
  • 14. Partes de uma flor •Estames→ folhas alongadas que durante a evolução dobraram-se sobre si mesmas. –Filete → porção delgada e alongada que suporta a antera. –Antera → protege bolsas produtoras de grãos de pólen → sacos polínicos.
  • 15. Grão de pólen •Grãos de pólen→ formados nos sacos polínicos da antera. –tecido tapetum nutre as células. •Quatro sacos polínicos, cada dois em uma teca. •Grãos de pólen → células haploides com dois núcleos: –Vegetativo → forma o tubo polínico –Reprodutivo → fecunda o óvulo.
  • 16. Reprodução sexuada •Incluiu os seguintes fenômenos: –1) esporogênese, –2) gametogênese, –3) polinização, –4) fecundação –5) desenvolvimento da semente e do fruto. 1 2 3 4 5
  • 17. Esporogênese •Microsporogênese → formação dos grãos de pólen ou micrósporos. –Grãos de pólen maduros da flor → grão de pólen germinará → forma o tubo polínico (microgametófito) –Gametogênese → núcleo germinativo se divide originando os núcleos espermáticos (= gametas). •Megasporogênese → formação do óvulo, que se encontra preenchido por um tecido denominado nucela. –Tecido se diferencia a célula-mãe do saco embrionário ou megasporócito. –fase gametofítica → saco embrionário ou óvulo maduro → formado por 7 células, antípodas (3), sinérgides (2), 2 núcleos polares em uma grande célula central e a oosfera(=gameta).
  • 18. Tipo de polinização •Síndromes de polinização. –Anemofilia → polinização pelo vento –Zoofilia →animais –Hidrofilia → água –Antropofilia→ homem •Razões: cores, odor, pólen, néctar, óleo, resina e abrigo.
  • 19. Flor •Conservada filogeneticamente → muito parecida em parentes próximos. –Estreita relação com polinizadores.
  • 20.
  • 21. Fecundação •É a união entre duas células sexuais (gametas) e fusão de seus núcleos. •Dupla fecundação → dois núcleos espermáticos fecundam: •Oosfera originando um zigoto. •Os 2 núcleos polares originando um tecido de reserva → endosperma.
  • 22. Formação do fruto e semente •Resultando da dupla fecundação: –Ovário → fruto; –Oosfera → sementes.
  • 24. Classificação das flores •Quanto à: –Agrupamento. –Morfologia e número de Brácteas. –Disposição das peças florais (verticilos). –Morfologia e número de cálice. –Fusão e simetria das pétalas. –Número, tamanho, inserção e soldadura do estames. –Ramificação do filete. –Posição e deiscência da antera. –Forma do estilete. –Número e soldadura dos carpelos. –Posição do ovário. –Posição do óvulo. –Quanto a formula floral.
  • 25. Classificação das flores •Quanto ao número de carpelos e se fundem totalmente ou parcialmente:
  • 26.
  • 27. Classificação das flores •Quanto à presença de verticilos externos –Aclamídeas: sem cálice e sem corola. ex: gramíneas. –Monoclamídeas: possuem cálice ou corola. –Diclamídeas: quando possuem cálice e corola. •Cálice e corola diferentes –típico de dicotiledôneas. •Cálice e corola iguais (tépalas) –típico de monocotiledôneas
  • 28. Classificação das flores •Quanto ao número de peças por verticilo –Trímeras: três ou múltiplo de três peças. Ex.: Monocotiledôneas. –Dímeras, Tetrâmeras, Pentâmeras: duas, quatro, cinco peças por verticilo. Ex.: Dicotiledôneas.
  • 30. Classificação das flores •Quanto à simetria da flor: –Radial ou actinomorfa → quando a forma da flor permite que se tracem vários planos de simetria. –bilateral ou zigomorfa → com apenas um plano de simetria. –assimétrica → sem nenhum plano de simetria.
  • 31. Formula floral •Representação das partes da planta: sépalas (cálice), pétalas (corola), estames (androceu) e os carpelos (gineceu). K5 C(5) A10 G2 • Onde: K: representa o número de sépalas C: representa o número de pétalas A: representa o número de estames G: representa o número de carpelos ( ): peças unidas (prefixo gamo ou sin)
  • 32. Classificação das flores •Quanto ao agrupamento: –Isoladas ou solitárias –Inflorescências
  • 33.
  • 34.
  • 35.
  • 36.
  • 37. Fisiologia da floração •Fotoperíodo e fitocromo.
  • 38. Interesse agropecuário •Paisagismo •Alimentação •Produtos farmacêuticos
  • 40. Discutimos hoje as principais características das flores! Será que os frutos e as sementes serão tão complexos quanto as flores?
  • 41.
  • 42.
  • 43.
  • 44. Questões sobre flores •Qual órgão da planta origina as flores? Qual grupo vegetal possui flores verdadeiras? •Quais são os componentes florais? •Explique o processo de reprodução sexuada das plantas com flores. •Diferencie uma flor de uma inflorescência? •Qual parte da flor da origem ao fruto e qual da origem a semente?
  • 45. Questões sobre flores •O que são plantas monóicas e dióicas? E flores monóclinas e díclinas? •O que é síndrome de polinização? Cite alguns exemplos. •Qual a importância da duração do dia para floração? •Quais os principais interesses agronômicos das flores?