Gestão dos canais de distribuição (6)

366 visualizações

Publicada em

Gestão dos canais de distribuição - Aula 06

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
366
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gestão dos canais de distribuição (6)

  1. 1. 1 Curso Gestão dos Canais de Distribuição Prof. MSc. Adeildo Caboclo, MBA.
  2. 2. Unidade VI Instituições de Canais de Distribuição - Varejo Apresentação Nesta unidade conheceremos os conceitos fundamentais em instituições de canais de distribuição e nos canais de distribuição via varejo.
  3. 3. Módulo Específico 01 – Definição de Varejo; 02 – Tipos de varejistas; 03 – Estratégia de marketing. Instituições de Canais de Distribuição - Varejo
  4. 4. Instituições de Canais de Distribuição - Varejo Segundo Couglan (2002, p.308), o varejo consiste nas atividades envolvidas de venda de bens e serviços para o consumo pessoal dos consumidores finais. Portanto, uma venda a varejo é aquela na qual o comprador é um consumidor final, em oposição a um comprador industrial. Em contraste com as vendas dos atacadistas, (isto é, as compras para revenda ou para uso comercial , industrial ou institucional ), o motivo de compra em uma venda a varejo sempre é a satisfação pessoal ou familiar derivante do consumo final do item comprado.
  5. 5. Instituições de Canais de Distribuição - Varejo Kotler (1998,p.493), o varejo inclui todas as atividades envolvidas na venda de bens e serviços diretamente aos consumidores para seu uso pessoal.
  6. 6. Instituições de Canais de Distribuição - Varejo Tabela 1 – Principais Tipos de Varejistas Tipo Descrição Exemplo Lojas de Especialidades Vendem uma linha de produtos estreita com profundo sortimento dentro dessa linha: roupas, materiais esportivos, móveis e livraria etc. Livrarias Saraiva e Cultura, loja esportiva Decatlhon Lojas de departamentos Vendem várias linhas de produtos, tipicamente roupas, móveis e utilidades domésticas, em que cada linha é operada como um departamento separado, administrada por compradores especializados C&A, Riachuelo, Lojas Renner, Pernambucanas, Casas Bahia, Ricardo eletro etc. Supermercados Relativamente grandes, operam com custo baixo, margem pequena, volume elevado, autosserviço projetado para atender ás necessidades totais dos consumidores em termos de alimentos, produtos de higiene pessoal e de limpeza e produtos para manutenção do lar. O Dia, CompreBem, Futurama etc..
  7. 7. Instituições de Canais de Distribuição - Varejo Tabela 1 – Principais Tipos de Varejistas Tipo Descrição Exemplo Superlojas e hipermercados Áreas de vendas com grande metragem. Oferece o que os consumidores costumam comprar, além de serviços como lavanderias, conserto de sapatos, óticas, loterias e farmácias. Carrefour, Pão de Açucar , Wall-Mart. Loja de convivência São lojas relativamente pequenas, localizadas próximas às áreas residenciais, permanecendo abertas além do horário normal. Lojas Am Pm. BR Mania. Loja de Descontos Possui mercadorias padrão ou especialidades vendidas a preços mais baixos, com margens menores e volumes maiores. Assaí, Atacadão, Roldão etc.
  8. 8. Instituições de Canais de Distribuição - Varejo Varejistas off- price (liquidação) Possui sobras de mercadorias, pontas de estoque e produtos com defeitos e preços inferiores ao varejo. São lojas com médias dimensões que ficam geralmente localizadas nas principais ruas comerciais da cidade. Tipo Descrição Exemplo Tabela 1 – Principais Tipos de Varejistas
  9. 9. Instituições de Canais de Distribuição - Varejo  Níveis de Serviço:  Varejo de autosserviço  Varejo de autosseleção  Varejo de serviço limitado  Varejo de serviço compl
  10. 10. Instituições de Canais de Distribuição - Varejo Figura 1 – Mapa de posicionamento do varejo
  11. 11.  Varejo sem Loja  Venda Direta  Marketing Direto Instituições de Canais de Distribuição - Varejo
  12. 12.  Varejo sem Loja  Venda Automática  Serviços de Compras Instituições de Canais de Distribuição - Varejo
  13. 13. Tabela 2 – Serviços Típicos Oferecidos por Varejistas Instituições de Canais de Distribuição - Varejo Serviço pré-compra Serviços pós-compra Serviços Complementares Aceitação de pedidos por telefone Entrega Desconto de cheques Aceitação de pedidos pelo correio Empacotamento Informações gerais Propaganda Embalagem para presente Estacionamento gratuito Vitrinas Ajuste Restaurantes Exposição interior Devoluções Consertos Ambiente adequado Alterações Decoração interior Horário de compras ampliado Personalização Crédito Desfile de moda Instalações Banheiros Aceitação de mercadorias usadas como entrada Gravação do nome no produto Serviços de berçário
  14. 14. Decisão de Localização  Número de pessoas que passam pelo ponto em um dia normal  Porcentagem das pessoas que compram  Média de gasto por compra Instituições de Canais de Distribuição - Varejo  Porcentagem de pessoas que entram na loja
  15. 15. Conclusão A gestão dos canais de distribuição no varejo trabalham diretamente com o consumidor final e, para tal, precisa ser ágil e com nível de serviço elevado para agregar valor na cadeia de suprimento.

×