SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 24
Baixar para ler offline
Fisioterapia
Dermato-Funcional
Conceito
DERMATO (pele)
FUNCIONAL (relativo a uma função ou conjunto de funções)
Especialidade da fisioterapia que estuda as modalidades terapêuticas nas
disfunções estéticas e de caráter reabilitacional e que destina a sua atenção à
funcionalidade da pele.
Fisioterapia Dermato-funcional é uma área que se ocupa da avaliação e tratamento
de distúrbios que têm por base alterações da funcionalidade do sistema
tegumentar.
Aborda as condições dermatológicas inteiradas com a qualidade funcional do
indivíduo. Está relacionado a função dos tecidos com a sua melhor funcionalidade
proporcionando uma condição psicossocial que atenda à individualidade, cujo
objeto de estudos é o movimento humano em todas as suas formas de expressão e
potencialidade.
Reconhecimento da Dermato- Funcional
• RESOLUÇÃO COFFITO nº. 362, de 20 de maio de 2009
• Reconhece a Fisioterapia Dermato-Funcional como especialidade do
profissional Fisioterapeuta e dá outras providências.
• Considerando a necessidade de promover, por meio de uma assistência
profissional adequada e específica, as exigências clínico-cinesiológico-
funcionais dos indivíduos com alterações nas funções da pele e estruturas
relacionadas;
• O Plenário do Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional, no uso
das atribuições ...., resolve:
• Art. 1º - Reconhecer a Fisioterapia Dermato-Funcional como especialidade
própria e exclusiva do profissional Fisioterapeuta.
• Art. 2º - Terá reconhecido o seu título de Especialista em Fisioterapia
Dermato-Funcional o profissional Fisioterapeuta que cumprir os critérios a
serem estabelecidos em Resolução própria em conformidade com a Resolução
COFFITO nº 360, de 18 de dezembro de 2008.
• Art. 3º - Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação.
• DERMATO (pele); FUNCIONAL (relativo a uma função ou a um conjunto de
funções; funcionalidade).
Atuação
Entende-se por Fisioterapia Dermato-funcional a área da Fisioterapia que atua na prevenção e
recuperação físico-funcional dos distúrbios endócrinos metabólicos, dermatológicos e
musculoesqueléticos que afetam direta ou indiretamente a pele. A RESOLUÇÃO COFFITO
Nº.362/2009, reconhece a Fisioterapia Dermato-funcional como especialidade do profissional
Fisioterapeuta.
Atualmente, tem um grande campo de atuação em
hospitais, clínicas, consultórios, SPAS, academias, e
cursos de fisioterapia. O mercado de trabalho de tal
área acompanha a evolução técnico-científica da profissão.
Abrange o estudo da atuação das funções dermatológicas
de cada indivíduo, agregando ainda o conhecimento sobre
a qualidade da aplicação dessas Funções.
• Preparatório à intervenção
cirúrgica,
• Acelerar o processo de
recuperação pós-operatória,
• Prevenção e controle de
complicações comuns.
• Possibilitando ainda a
diminuição da ansiedade pós –
operatória, quer nas suas
alterações patológicas, quer nas
suas repercussões psíquicas e
orgânicas, com o objetivo de
preservar, manter, desenvolver
ou restaurar a integridade de
um órgão, sistema ou função.
Particularidades
• Fundamentada em
conceitos científicos
sólidos muito tem
contribuído tanto no pré
quanto no pós –
operatório, prevenindo
e/ou tratando as
respostas advindas das
intervenções cirúrgicas.
Particularidades
Patologias que a Dermato Funcional
abrange são:
• Flacidez facial ou corporal;
• Manchas;
• Envelhecimento Facial;
• Edemas ;
• Cicatriz (melhora do aspecto da
cicatriz ou aceleração da cicatrização);
• Rosácea;
• Oleosidade;
• Acne, comedões (cravos), pústulas;
• Fibro Edema Gelóide (Celulite);
• Estrias;
• Lipodistrofia (Gordura Localizada);
• Queimaduras;
• Pré e pós cirurgia plástica.
Outras atuações
Patologias
Causas, especificações e formas de tratamento
Cicatrizes hipertróficas e quelóides
Acne
Envelhecimento
Fibro edema gelóide
Estrias
Queimaduras
Cicatrizes Hipertróficas
e
Quelóides
• A cicatriz hipertrófica é elevada, tensa,
avermelhada, podendo ser dolorosa e
pruriginosa (coça muito), mas não
ultrapassa os limites laterais da cicatriz e
com o tempo mostra tendência à
regressão.
• O quelóide, por sua vez, ultrapassa
literalmente o seu limite inicial da
cicatriz, crescendo de forma tumoral,
podendo apresentar-se de forma
pediculada ou aplanada. É doloroso, coça
muito, pode ter a cor avermelhado-
amarronzada ou violácea e não tem
tendência à regressão.
Cicatrizes Hipertróficas
e
Quelóides
Tratamentos
Terapia compressiva –
Prevenção de instalação de
cicatrizes hipertróficas.
Crioterapia (promove
destruição celular por
anóxia) – congelamento
com nitrogénio líquido
Microdermoabrasão
Massagem – eficaz na
prevenção e no
tratamento
Corrente galvânica/Ionização
– a componente polar da
galvanização favorece a
regressão das cicatrizes
hipertróficas
Hialuronidase – enzima de
difusão que promove
despolimerização do ácido
hialurónico, produzindo
uma maior permeabilidade
interfibrilar
Iodo – principio ativo
com efeito esclerolítico
• Processo inflamatório em determinados poros da pele
• Conjugadamente com áreas que apresentam um grande número de glândulas
sebáceas
• Pode estar relacionado a questão genética
• Aumento da carga hormonal
• Se a inflamação for profunda, as espinhas podem aumentar a formar cistos firmes e
dolorosos.
Acne
Tratamentos
Retinóides
tópicos
Bactericidas
tópicos
Clindamicina
e
Eritromicina
Peróxido de
benzoilo
Peelings
químicos
Terapêutica
hormonal
Esfoliação
mecânica
Envelhecimento
Rugas e Linhas de Expressão
• Linhas de expressões
ocasionadas com o
passar do tempo
• Fatores físicos, do meio
ambiente como clima,
exposição à insolação
• Fator genético
• Influências químicas
• Radicais livres
• Hábitos do cotidiano
Tratamentos
Luz pulsada
Eletroestimulação
Rejuvenescimento Cervical
Vinoterapia
• Estrogénios;
• Desequilíbrios hormonais;
• Género (mulheres);
• Idade (quanto maior a idade);
• Etnia (mais caucasianas);
• Patologias (renais, metabólicas, circulatórias);
• Hábitos alimentares;
• Obesidade;
• Estilo de vida sedentário;
• Emocionais (stress e ansiedade);
• Vestuário e calçado;
• Tabagismo;
• Gravidez;
• Medicamentos (exp.: contracetivos orais, anti-
histamínicos).
Fibro edema gelóide
Celulite
FEG grau I (brando)
FEG grau II (moderado)
FEG grau III (severo)
Tratamentos
Acupuntura
Vacuoterapia
Carboxiterapia
Plataforma vibratória;
Ultra-som terapêutico;
Massagem;
Terapias transdérmicas com ativos
Lipolíticos, drenantes e
Reestruturantes;
Termoterapia;
Vacuoterapia;
Atividade física;
Carboxiterapia;
Envolvimentos;
Radiofrequência.
Estrias
• Rosadas: são as estrias que se formaram mais recentemente, apresentando
essa coloração devido ao rompimento dos vasos sanguíneos da região. Nessa
fase, os tratamentos costumam fornecer resultados mais satisfatórios.
• Nacaradas: são as estrias antigas, nas quais já ocorreu a formação da fibrose
(ou cicatriz). Nessa fase, elas são esbranquiçadas. Os tratamentos conseguem
promover seu estreitamento ou atenuação
Tratamentos
Luz pulsada
Laser
Peeling
(Esfoliação)
Laserterapia
Vascular
Carboxiterapia
Queimaduras
Uma queimadura é uma lesão na pele causada por calor, eletricidade,
substâncias químicas, atrito ou radiação.
• As queimaduras que afetam apenas a camada superficial da pele são
denominadas superficiais ou de primeiro grau.
• Quando as lesões afetam também algumas das camadas inferiores são
denominadas queimaduras de segundo grau.
• Quando todas as camadas de pele são afetadas denominam-se
queimaduras de terceiro grau.
• Quando existem lesões em tecidos mais profundos, como os músculos ou
os ossos, denominam-se queimaduras de quarto grau.
Tratamentos
Terapia
compreensiva
Limpeza da
ferida por
queimadura;
Hidroterapia;
Exercícios ativos
e passivos;
Posicionamento
e imobilização
das feridas por
queimaduras.
Eletroterapia
FISIOTERAPIA
1° Período 2016
Prof. Vinícius Biulchi dos Santos
Fabiana Santos • Isadora Clara • Mikaelly Ferreira • Welisson Porto
Referências
• http://www.tuasaude.com/corrente-russa/
• http://fisioterapia.com/dermatofuncional/category/tratamentos/page/2/
• http://fisioterapiamanual.com.br/blog/areas-da-fisioterapia/fisioterapia-dermato-funcional/
• http://www.dermatofuncional.pt/fibro-edema-geloide-celulite
• http://www.fisioterapia.com/dermatofuncional
• http://www.clinicanutricare.com/dermatofuncional.html
• https://www.google.com.br/search?um=1&newwindow=1&rlz=1C1ZMDB
• http://www.dermatofuncional.pt/fibro-edema-geloide-celulite
• http://www.bolsademulher.com/beleza/apertar-cravos-e-espinhas-causa-cicatrizes-veja-mitos-
e-verdades-sobre-a-pele/
• https://www.youtube.com/results?search_query
• http://www.bolsademulher.com/beleza/apertar-cravos-e-espinhas-causa-cicatrizes-veja-mitos-
e-verdades-sobre-a-pele/
• https://www.youtube.com/watch?v=VWFD96Qi_co
• http://www.dasmariasblog.com/post/7206/ma-postura-tambem-pode-causar-celulite
• http://www.edduc.com.br/2010/04/nao-perca-nesse-final-de-semana-curso-de-pre-e-pos-
operatorio-e-cirurgias-plasticas/
• http://nerdmd.blogspot.com.br/2011/05/o-que-sao-e-como-tratar-queloides-e.html

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Técnica de indução de colágeno
Técnica de indução de colágeno Técnica de indução de colágeno
Técnica de indução de colágeno Amanda Hamaue
 
Endermoterapia e Peelings Mecanicos
Endermoterapia e Peelings MecanicosEndermoterapia e Peelings Mecanicos
Endermoterapia e Peelings MecanicosAmanda Hamaue
 
A eletroterapia aplicada na estética facial
A eletroterapia aplicada na estética facialA eletroterapia aplicada na estética facial
A eletroterapia aplicada na estética facialRosiane Bezerra
 
A Pele (2010)
A Pele (2010)A Pele (2010)
A Pele (2010)markpt
 
Aula 03 anatomia e fisiologia do sistema tegumentar - pele e anexos
Aula 03   anatomia e fisiologia do sistema tegumentar - pele e anexosAula 03   anatomia e fisiologia do sistema tegumentar - pele e anexos
Aula 03 anatomia e fisiologia do sistema tegumentar - pele e anexosHamilton Nobrega
 
Aula limpeza de pele
Aula limpeza de peleAula limpeza de pele
Aula limpeza de peleDry Rodrigues
 
slide - eletroterapia - prof Roosivelt.pdf
slide - eletroterapia - prof Roosivelt.pdfslide - eletroterapia - prof Roosivelt.pdf
slide - eletroterapia - prof Roosivelt.pdfRoosivelt Honorato
 
Recursos terapeuticos manuais introducao
Recursos terapeuticos manuais introducaoRecursos terapeuticos manuais introducao
Recursos terapeuticos manuais introducaoNay Ribeiro
 
2 laser e led terapia abordagem conceitual e aplicabilidade prática para tr...
2   laser e led terapia abordagem conceitual e aplicabilidade prática para tr...2   laser e led terapia abordagem conceitual e aplicabilidade prática para tr...
2 laser e led terapia abordagem conceitual e aplicabilidade prática para tr...HTM ELETRÔNICA
 

Mais procurados (20)

Acne Fisioterapia Dermatofuncional
Acne Fisioterapia DermatofuncionalAcne Fisioterapia Dermatofuncional
Acne Fisioterapia Dermatofuncional
 
Técnica de indução de colágeno
Técnica de indução de colágeno Técnica de indução de colágeno
Técnica de indução de colágeno
 
Endermoterapia e Peelings Mecanicos
Endermoterapia e Peelings MecanicosEndermoterapia e Peelings Mecanicos
Endermoterapia e Peelings Mecanicos
 
Microcorrente
MicrocorrenteMicrocorrente
Microcorrente
 
A eletroterapia aplicada na estética facial
A eletroterapia aplicada na estética facialA eletroterapia aplicada na estética facial
A eletroterapia aplicada na estética facial
 
A Pele (2010)
A Pele (2010)A Pele (2010)
A Pele (2010)
 
Avaliacao estetica
Avaliacao esteticaAvaliacao estetica
Avaliacao estetica
 
Massagem modeladora
Massagem modeladoraMassagem modeladora
Massagem modeladora
 
Aula 03 anatomia e fisiologia do sistema tegumentar - pele e anexos
Aula 03   anatomia e fisiologia do sistema tegumentar - pele e anexosAula 03   anatomia e fisiologia do sistema tegumentar - pele e anexos
Aula 03 anatomia e fisiologia do sistema tegumentar - pele e anexos
 
Aula limpeza de pele
Aula limpeza de peleAula limpeza de pele
Aula limpeza de pele
 
Fototerapia
FototerapiaFototerapia
Fototerapia
 
slide - eletroterapia - prof Roosivelt.pdf
slide - eletroterapia - prof Roosivelt.pdfslide - eletroterapia - prof Roosivelt.pdf
slide - eletroterapia - prof Roosivelt.pdf
 
Laserterapia
LaserterapiaLaserterapia
Laserterapia
 
Estrias
EstriasEstrias
Estrias
 
Microagulhamento
MicroagulhamentoMicroagulhamento
Microagulhamento
 
Recursos terapeuticos manuais introducao
Recursos terapeuticos manuais introducaoRecursos terapeuticos manuais introducao
Recursos terapeuticos manuais introducao
 
2 laser e led terapia abordagem conceitual e aplicabilidade prática para tr...
2   laser e led terapia abordagem conceitual e aplicabilidade prática para tr...2   laser e led terapia abordagem conceitual e aplicabilidade prática para tr...
2 laser e led terapia abordagem conceitual e aplicabilidade prática para tr...
 
Fibroedemageloide
FibroedemageloideFibroedemageloide
Fibroedemageloide
 
Massagens
MassagensMassagens
Massagens
 
Ultrassom
UltrassomUltrassom
Ultrassom
 

Semelhante a Fisioterapia Dermato Funcional

Fibroedema gelóide.pdf
Fibroedema gelóide.pdfFibroedema gelóide.pdf
Fibroedema gelóide.pdfLuciana Rossi
 
Fisioterapia dermatofuncional em queimados
Fisioterapia dermatofuncional em queimadosFisioterapia dermatofuncional em queimados
Fisioterapia dermatofuncional em queimadosNay Ribeiro
 
Apresentação Lux Laserterapia e Spa Capilar
Apresentação Lux Laserterapia e Spa CapilarApresentação Lux Laserterapia e Spa Capilar
Apresentação Lux Laserterapia e Spa CapilarBila herrmann
 
Protocolo newskin ed07 abril2019
Protocolo newskin ed07 abril2019Protocolo newskin ed07 abril2019
Protocolo newskin ed07 abril2019Michaely Natali
 
TECSOMA - Paracatú - MG - 2010 - A possivel atuacao do biomedico na estetica
TECSOMA - Paracatú - MG - 2010 - A possivel atuacao do biomedico na esteticaTECSOMA - Paracatú - MG - 2010 - A possivel atuacao do biomedico na estetica
TECSOMA - Paracatú - MG - 2010 - A possivel atuacao do biomedico na esteticaDra. Ana Carolin Puga
 
Acupunturaestéticamóduloivblzdeaco
AcupunturaestéticamóduloivblzdeacoAcupunturaestéticamóduloivblzdeaco
AcupunturaestéticamóduloivblzdeacoFisio Júnias
 
Apresentação Unique.pptx
Apresentação Unique.pptxApresentação Unique.pptx
Apresentação Unique.pptxSulLaserLocaes1
 
Aula 2 -PRINCIPAIS DISFUNÇÕES ESTÉTICAS CORPORAIS.pptx
Aula 2 -PRINCIPAIS DISFUNÇÕES ESTÉTICAS CORPORAIS.pptxAula 2 -PRINCIPAIS DISFUNÇÕES ESTÉTICAS CORPORAIS.pptx
Aula 2 -PRINCIPAIS DISFUNÇÕES ESTÉTICAS CORPORAIS.pptxViviane487312
 
1212 4151-1-pb - ultrasom e massagem modeladora
1212 4151-1-pb - ultrasom e massagem modeladora1212 4151-1-pb - ultrasom e massagem modeladora
1212 4151-1-pb - ultrasom e massagem modeladoracarlosedupere
 
-efeitos_fisiol._da_endermot._combinados_a_massagem_modeladora_no_tto_de_gord...
-efeitos_fisiol._da_endermot._combinados_a_massagem_modeladora_no_tto_de_gord...-efeitos_fisiol._da_endermot._combinados_a_massagem_modeladora_no_tto_de_gord...
-efeitos_fisiol._da_endermot._combinados_a_massagem_modeladora_no_tto_de_gord...Rafael Thamiris Calegari
 
Vibria Hibridi Sonic maxx (2).pptx
Vibria Hibridi Sonic maxx (2).pptxVibria Hibridi Sonic maxx (2).pptx
Vibria Hibridi Sonic maxx (2).pptxTailaDias1
 
Manual de protocolos clínico venus laser e led
Manual de protocolos clínico venus laser e led Manual de protocolos clínico venus laser e led
Manual de protocolos clínico venus laser e led Ianae Wilke
 
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01Dra Daliana Silva
 

Semelhante a Fisioterapia Dermato Funcional (20)

Fibroedema gelóide.pdf
Fibroedema gelóide.pdfFibroedema gelóide.pdf
Fibroedema gelóide.pdf
 
Fisioterapia dermatofuncional em queimados
Fisioterapia dermatofuncional em queimadosFisioterapia dermatofuncional em queimados
Fisioterapia dermatofuncional em queimados
 
Apresentação Lux Laserterapia e Spa Capilar
Apresentação Lux Laserterapia e Spa CapilarApresentação Lux Laserterapia e Spa Capilar
Apresentação Lux Laserterapia e Spa Capilar
 
Acupuntura estrias07
Acupuntura estrias07Acupuntura estrias07
Acupuntura estrias07
 
Estrias tratamentos
Estrias   tratamentosEstrias   tratamentos
Estrias tratamentos
 
Protocolo newskin ed07 abril2019
Protocolo newskin ed07 abril2019Protocolo newskin ed07 abril2019
Protocolo newskin ed07 abril2019
 
Tratamentos
TratamentosTratamentos
Tratamentos
 
Tratamentos
TratamentosTratamentos
Tratamentos
 
TECSOMA - Paracatú - MG - 2010 - A possivel atuacao do biomedico na estetica
TECSOMA - Paracatú - MG - 2010 - A possivel atuacao do biomedico na esteticaTECSOMA - Paracatú - MG - 2010 - A possivel atuacao do biomedico na estetica
TECSOMA - Paracatú - MG - 2010 - A possivel atuacao do biomedico na estetica
 
Acupunturaestéticamóduloivblzdeaco
AcupunturaestéticamóduloivblzdeacoAcupunturaestéticamóduloivblzdeaco
Acupunturaestéticamóduloivblzdeaco
 
Apresentação Unique.pptx
Apresentação Unique.pptxApresentação Unique.pptx
Apresentação Unique.pptx
 
Aula 2 -PRINCIPAIS DISFUNÇÕES ESTÉTICAS CORPORAIS.pptx
Aula 2 -PRINCIPAIS DISFUNÇÕES ESTÉTICAS CORPORAIS.pptxAula 2 -PRINCIPAIS DISFUNÇÕES ESTÉTICAS CORPORAIS.pptx
Aula 2 -PRINCIPAIS DISFUNÇÕES ESTÉTICAS CORPORAIS.pptx
 
1212 4151-1-pb - ultrasom e massagem modeladora
1212 4151-1-pb - ultrasom e massagem modeladora1212 4151-1-pb - ultrasom e massagem modeladora
1212 4151-1-pb - ultrasom e massagem modeladora
 
Abdominoplastias
AbdominoplastiasAbdominoplastias
Abdominoplastias
 
-efeitos_fisiol._da_endermot._combinados_a_massagem_modeladora_no_tto_de_gord...
-efeitos_fisiol._da_endermot._combinados_a_massagem_modeladora_no_tto_de_gord...-efeitos_fisiol._da_endermot._combinados_a_massagem_modeladora_no_tto_de_gord...
-efeitos_fisiol._da_endermot._combinados_a_massagem_modeladora_no_tto_de_gord...
 
Sintomatologia da radioterapia
Sintomatologia da radioterapiaSintomatologia da radioterapia
Sintomatologia da radioterapia
 
Vibria Hibridi Sonic maxx (2).pptx
Vibria Hibridi Sonic maxx (2).pptxVibria Hibridi Sonic maxx (2).pptx
Vibria Hibridi Sonic maxx (2).pptx
 
Manual de protocolos clínico venus laser e led
Manual de protocolos clínico venus laser e led Manual de protocolos clínico venus laser e led
Manual de protocolos clínico venus laser e led
 
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01
Acupunturaestticamodulo4 140704072452-phpapp01
 
Acupuntura estética modulo 4
Acupuntura estética modulo 4Acupuntura estética modulo 4
Acupuntura estética modulo 4
 

Mais de Welisson Porto

Síndrome dos Ovários Policísticos
Síndrome dos Ovários PolicísticosSíndrome dos Ovários Policísticos
Síndrome dos Ovários PolicísticosWelisson Porto
 
Efeitos Deletéris da Radiação
Efeitos Deletéris da RadiaçãoEfeitos Deletéris da Radiação
Efeitos Deletéris da RadiaçãoWelisson Porto
 
Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e Geriátricas
Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e GeriátricasPrimeiros Socorros - Emergências Pediátricas e Geriátricas
Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e GeriátricasWelisson Porto
 
Massoterapia - Técnicas de Shantala e Shiatsu
Massoterapia -  Técnicas de Shantala e Shiatsu Massoterapia -  Técnicas de Shantala e Shiatsu
Massoterapia - Técnicas de Shantala e Shiatsu Welisson Porto
 
Eletroneuromiografia (ENMG)
Eletroneuromiografia (ENMG)Eletroneuromiografia (ENMG)
Eletroneuromiografia (ENMG)Welisson Porto
 
Obesidade na Adolescência
Obesidade na AdolescênciaObesidade na Adolescência
Obesidade na AdolescênciaWelisson Porto
 
Saúde Pública - História Natural da Doença
Saúde Pública - História Natural da DoençaSaúde Pública - História Natural da Doença
Saúde Pública - História Natural da DoençaWelisson Porto
 
Refluxo Gastroesofágico
Refluxo GastroesofágicoRefluxo Gastroesofágico
Refluxo GastroesofágicoWelisson Porto
 
Biomecânica do Joelho
Biomecânica do JoelhoBiomecânica do Joelho
Biomecânica do JoelhoWelisson Porto
 
Alteração Biomecânica do Cotovelo
Alteração Biomecânica do CotoveloAlteração Biomecânica do Cotovelo
Alteração Biomecânica do CotoveloWelisson Porto
 
Transtornos Musculoesqueléticos Causados Pelo uso Abusivo das Tecnologias
Transtornos Musculoesqueléticos Causados Pelo uso Abusivo das TecnologiasTranstornos Musculoesqueléticos Causados Pelo uso Abusivo das Tecnologias
Transtornos Musculoesqueléticos Causados Pelo uso Abusivo das TecnologiasWelisson Porto
 

Mais de Welisson Porto (17)

Doença de Alzheimer
Doença de AlzheimerDoença de Alzheimer
Doença de Alzheimer
 
Distrofia Muscular
Distrofia MuscularDistrofia Muscular
Distrofia Muscular
 
Doação de Órgãos
Doação de ÓrgãosDoação de Órgãos
Doação de Órgãos
 
Síndrome dos Ovários Policísticos
Síndrome dos Ovários PolicísticosSíndrome dos Ovários Policísticos
Síndrome dos Ovários Policísticos
 
Efeitos Deletéris da Radiação
Efeitos Deletéris da RadiaçãoEfeitos Deletéris da Radiação
Efeitos Deletéris da Radiação
 
Câncer de Mama
Câncer de MamaCâncer de Mama
Câncer de Mama
 
Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e Geriátricas
Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e GeriátricasPrimeiros Socorros - Emergências Pediátricas e Geriátricas
Primeiros Socorros - Emergências Pediátricas e Geriátricas
 
Massoterapia - Técnicas de Shantala e Shiatsu
Massoterapia -  Técnicas de Shantala e Shiatsu Massoterapia -  Técnicas de Shantala e Shiatsu
Massoterapia - Técnicas de Shantala e Shiatsu
 
Eletroneuromiografia (ENMG)
Eletroneuromiografia (ENMG)Eletroneuromiografia (ENMG)
Eletroneuromiografia (ENMG)
 
Obesidade na Adolescência
Obesidade na AdolescênciaObesidade na Adolescência
Obesidade na Adolescência
 
Saúde Pública - História Natural da Doença
Saúde Pública - História Natural da DoençaSaúde Pública - História Natural da Doença
Saúde Pública - História Natural da Doença
 
Meningite Bacteriana
Meningite BacterianaMeningite Bacteriana
Meningite Bacteriana
 
Refluxo Gastroesofágico
Refluxo GastroesofágicoRefluxo Gastroesofágico
Refluxo Gastroesofágico
 
Biomecânica do Joelho
Biomecânica do JoelhoBiomecânica do Joelho
Biomecânica do Joelho
 
Alteração Biomecânica do Cotovelo
Alteração Biomecânica do CotoveloAlteração Biomecânica do Cotovelo
Alteração Biomecânica do Cotovelo
 
Transtornos Musculoesqueléticos Causados Pelo uso Abusivo das Tecnologias
Transtornos Musculoesqueléticos Causados Pelo uso Abusivo das TecnologiasTranstornos Musculoesqueléticos Causados Pelo uso Abusivo das Tecnologias
Transtornos Musculoesqueléticos Causados Pelo uso Abusivo das Tecnologias
 
Parto Humanizado
Parto HumanizadoParto Humanizado
Parto Humanizado
 

Fisioterapia Dermato Funcional

  • 2. Conceito DERMATO (pele) FUNCIONAL (relativo a uma função ou conjunto de funções) Especialidade da fisioterapia que estuda as modalidades terapêuticas nas disfunções estéticas e de caráter reabilitacional e que destina a sua atenção à funcionalidade da pele. Fisioterapia Dermato-funcional é uma área que se ocupa da avaliação e tratamento de distúrbios que têm por base alterações da funcionalidade do sistema tegumentar. Aborda as condições dermatológicas inteiradas com a qualidade funcional do indivíduo. Está relacionado a função dos tecidos com a sua melhor funcionalidade proporcionando uma condição psicossocial que atenda à individualidade, cujo objeto de estudos é o movimento humano em todas as suas formas de expressão e potencialidade.
  • 3. Reconhecimento da Dermato- Funcional • RESOLUÇÃO COFFITO nº. 362, de 20 de maio de 2009 • Reconhece a Fisioterapia Dermato-Funcional como especialidade do profissional Fisioterapeuta e dá outras providências. • Considerando a necessidade de promover, por meio de uma assistência profissional adequada e específica, as exigências clínico-cinesiológico- funcionais dos indivíduos com alterações nas funções da pele e estruturas relacionadas; • O Plenário do Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional, no uso das atribuições ...., resolve: • Art. 1º - Reconhecer a Fisioterapia Dermato-Funcional como especialidade própria e exclusiva do profissional Fisioterapeuta. • Art. 2º - Terá reconhecido o seu título de Especialista em Fisioterapia Dermato-Funcional o profissional Fisioterapeuta que cumprir os critérios a serem estabelecidos em Resolução própria em conformidade com a Resolução COFFITO nº 360, de 18 de dezembro de 2008. • Art. 3º - Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação. • DERMATO (pele); FUNCIONAL (relativo a uma função ou a um conjunto de funções; funcionalidade).
  • 4. Atuação Entende-se por Fisioterapia Dermato-funcional a área da Fisioterapia que atua na prevenção e recuperação físico-funcional dos distúrbios endócrinos metabólicos, dermatológicos e musculoesqueléticos que afetam direta ou indiretamente a pele. A RESOLUÇÃO COFFITO Nº.362/2009, reconhece a Fisioterapia Dermato-funcional como especialidade do profissional Fisioterapeuta. Atualmente, tem um grande campo de atuação em hospitais, clínicas, consultórios, SPAS, academias, e cursos de fisioterapia. O mercado de trabalho de tal área acompanha a evolução técnico-científica da profissão. Abrange o estudo da atuação das funções dermatológicas de cada indivíduo, agregando ainda o conhecimento sobre a qualidade da aplicação dessas Funções.
  • 5. • Preparatório à intervenção cirúrgica, • Acelerar o processo de recuperação pós-operatória, • Prevenção e controle de complicações comuns. • Possibilitando ainda a diminuição da ansiedade pós – operatória, quer nas suas alterações patológicas, quer nas suas repercussões psíquicas e orgânicas, com o objetivo de preservar, manter, desenvolver ou restaurar a integridade de um órgão, sistema ou função. Particularidades
  • 6. • Fundamentada em conceitos científicos sólidos muito tem contribuído tanto no pré quanto no pós – operatório, prevenindo e/ou tratando as respostas advindas das intervenções cirúrgicas. Particularidades
  • 7. Patologias que a Dermato Funcional abrange são: • Flacidez facial ou corporal; • Manchas; • Envelhecimento Facial; • Edemas ; • Cicatriz (melhora do aspecto da cicatriz ou aceleração da cicatrização); • Rosácea; • Oleosidade; • Acne, comedões (cravos), pústulas; • Fibro Edema Gelóide (Celulite); • Estrias; • Lipodistrofia (Gordura Localizada); • Queimaduras; • Pré e pós cirurgia plástica. Outras atuações
  • 8. Patologias Causas, especificações e formas de tratamento Cicatrizes hipertróficas e quelóides Acne Envelhecimento Fibro edema gelóide Estrias Queimaduras
  • 9. Cicatrizes Hipertróficas e Quelóides • A cicatriz hipertrófica é elevada, tensa, avermelhada, podendo ser dolorosa e pruriginosa (coça muito), mas não ultrapassa os limites laterais da cicatriz e com o tempo mostra tendência à regressão. • O quelóide, por sua vez, ultrapassa literalmente o seu limite inicial da cicatriz, crescendo de forma tumoral, podendo apresentar-se de forma pediculada ou aplanada. É doloroso, coça muito, pode ter a cor avermelhado- amarronzada ou violácea e não tem tendência à regressão.
  • 11. Tratamentos Terapia compressiva – Prevenção de instalação de cicatrizes hipertróficas. Crioterapia (promove destruição celular por anóxia) – congelamento com nitrogénio líquido Microdermoabrasão Massagem – eficaz na prevenção e no tratamento Corrente galvânica/Ionização – a componente polar da galvanização favorece a regressão das cicatrizes hipertróficas Hialuronidase – enzima de difusão que promove despolimerização do ácido hialurónico, produzindo uma maior permeabilidade interfibrilar Iodo – principio ativo com efeito esclerolítico
  • 12. • Processo inflamatório em determinados poros da pele • Conjugadamente com áreas que apresentam um grande número de glândulas sebáceas • Pode estar relacionado a questão genética • Aumento da carga hormonal • Se a inflamação for profunda, as espinhas podem aumentar a formar cistos firmes e dolorosos. Acne
  • 14. Envelhecimento Rugas e Linhas de Expressão • Linhas de expressões ocasionadas com o passar do tempo • Fatores físicos, do meio ambiente como clima, exposição à insolação • Fator genético • Influências químicas • Radicais livres • Hábitos do cotidiano
  • 16. • Estrogénios; • Desequilíbrios hormonais; • Género (mulheres); • Idade (quanto maior a idade); • Etnia (mais caucasianas); • Patologias (renais, metabólicas, circulatórias); • Hábitos alimentares; • Obesidade; • Estilo de vida sedentário; • Emocionais (stress e ansiedade); • Vestuário e calçado; • Tabagismo; • Gravidez; • Medicamentos (exp.: contracetivos orais, anti- histamínicos). Fibro edema gelóide Celulite
  • 17. FEG grau I (brando) FEG grau II (moderado) FEG grau III (severo)
  • 18. Tratamentos Acupuntura Vacuoterapia Carboxiterapia Plataforma vibratória; Ultra-som terapêutico; Massagem; Terapias transdérmicas com ativos Lipolíticos, drenantes e Reestruturantes; Termoterapia; Vacuoterapia; Atividade física; Carboxiterapia; Envolvimentos; Radiofrequência.
  • 19. Estrias • Rosadas: são as estrias que se formaram mais recentemente, apresentando essa coloração devido ao rompimento dos vasos sanguíneos da região. Nessa fase, os tratamentos costumam fornecer resultados mais satisfatórios. • Nacaradas: são as estrias antigas, nas quais já ocorreu a formação da fibrose (ou cicatriz). Nessa fase, elas são esbranquiçadas. Os tratamentos conseguem promover seu estreitamento ou atenuação
  • 21. Queimaduras Uma queimadura é uma lesão na pele causada por calor, eletricidade, substâncias químicas, atrito ou radiação. • As queimaduras que afetam apenas a camada superficial da pele são denominadas superficiais ou de primeiro grau. • Quando as lesões afetam também algumas das camadas inferiores são denominadas queimaduras de segundo grau. • Quando todas as camadas de pele são afetadas denominam-se queimaduras de terceiro grau. • Quando existem lesões em tecidos mais profundos, como os músculos ou os ossos, denominam-se queimaduras de quarto grau.
  • 22. Tratamentos Terapia compreensiva Limpeza da ferida por queimadura; Hidroterapia; Exercícios ativos e passivos; Posicionamento e imobilização das feridas por queimaduras. Eletroterapia
  • 23. FISIOTERAPIA 1° Período 2016 Prof. Vinícius Biulchi dos Santos Fabiana Santos • Isadora Clara • Mikaelly Ferreira • Welisson Porto
  • 24. Referências • http://www.tuasaude.com/corrente-russa/ • http://fisioterapia.com/dermatofuncional/category/tratamentos/page/2/ • http://fisioterapiamanual.com.br/blog/areas-da-fisioterapia/fisioterapia-dermato-funcional/ • http://www.dermatofuncional.pt/fibro-edema-geloide-celulite • http://www.fisioterapia.com/dermatofuncional • http://www.clinicanutricare.com/dermatofuncional.html • https://www.google.com.br/search?um=1&newwindow=1&rlz=1C1ZMDB • http://www.dermatofuncional.pt/fibro-edema-geloide-celulite • http://www.bolsademulher.com/beleza/apertar-cravos-e-espinhas-causa-cicatrizes-veja-mitos- e-verdades-sobre-a-pele/ • https://www.youtube.com/results?search_query • http://www.bolsademulher.com/beleza/apertar-cravos-e-espinhas-causa-cicatrizes-veja-mitos- e-verdades-sobre-a-pele/ • https://www.youtube.com/watch?v=VWFD96Qi_co • http://www.dasmariasblog.com/post/7206/ma-postura-tambem-pode-causar-celulite • http://www.edduc.com.br/2010/04/nao-perca-nesse-final-de-semana-curso-de-pre-e-pos- operatorio-e-cirurgias-plasticas/ • http://nerdmd.blogspot.com.br/2011/05/o-que-sao-e-como-tratar-queloides-e.html