SlideShare uma empresa Scribd logo
Seminário
I
Letras 1º
INTERDISCIPLINARIDADE NA PRÁTICA
PEDAGÓGICA DO EDUCADOR:
Um elemento possibilitador de formação
cidadã e inclusão social.
Conceito de Interdisciplinaridade
Na palavra interdisciplinar está contida a proposição
de ligação, isto é, conexão entre as disciplinas,
territórios delimitados, e a possibilidade de
intercâmbio e o deslocar-se entre elas.
Ela conecta, permitindo comunicação e diálogo,
relação e vínculo entre separados, diferentes,
opostos.
Um pouco de História.
Segundo Ivani Fazenda, a interdisciplinaridade surgiu na França na
Itália em meados da década de 60, num período marcado pelos
movimentos estudantis que, dentre outras coisas, reivindicavam
um ensino mais sintonizado com as grandes questões de ordem
social, política e econômica da época.
A interdisciplinaridade teria sido uma resposta a tal reivindicação,
na medida em que os grandes problemas da época não poderiam
ser resolvidos por uma única disciplina ou área do saber.
No final da década de 60, a interdisciplinaridade chegou ao Brasil e
logo exerceu influência na elaboração da Lei de Diretrizes e Bases
Nº 5.692/71. Desde então, sua presença no cenário educacional
brasileiro tem se intensificado e, recentemente, mais ainda, com a
nova LDB Nº 9.394/96 e com os Parâmetros Curriculares Nacionais
(PCN).
A interdisciplinaridade trata de uma visão educacional
envolvendo as diversas áreas de estudo, no intuito de
promover uma integração entre disciplinas e conteúdos,
fazendo com que o processo de ensino-aprendizagem
seja centrado em uma visão na qual o ser humano
aprende ao longo da sua vida, observando diversos
pontos de observação.
O homem passa a ser o criador de ligações entre as
áreas de conhecimento e é essa ligação que ao interagir
com outras viabiliza a criação de uma rede de saberes.
Interdisciplinaridade:
 envolve mais de uma disciplina
 adota uma perspectiva teórico-metodológica
comum para as disciplinas envolvidas
 promove a integração dos resultados obtidos
 busca a solução dos problemas através da
articulação de disciplinas pelos seus
representantes
 os interesses próprios de cada disciplina são
preservados.
-Demostrar como as disciplinas sociedade, educação e cultura,
libras e educação e inclusão contribuíram para nosso formação
como futuros docentes.
-Analisar sob uma perspectiva crítica, as contribuições da
Educação e da Antropologia Cultural através do entendimento dos
conceitos educação e formação humana, inclusão e diversidade,
relativismo cultural e sua importância para a superação do
etnocentrismo que sempre esteve presente nas relações entre
grupos culturalmente diferentes.
-Como futuros educadores, aportar para uma escola mais justa,
igualitária e inclusiva, assim como proporcionar a compreensão e
importância da educação especial.
.
OBJETIVOS::
Não é possível mais pensar em ensinar, seja o que for, de
maneira isolada. O mundo complexo no qual nossos
alunos vivem, as rápidas e inevitáveis transformações nos
deixam escolhas: ou aprendemos a lidar com diversas
formas de conhecimento ou perderemos contato com os
alunos.
Questão para reflexão:
Por que a prática interdisciplinar é tão difícil de ser
encontrada nas escolas?
No entanto, isso exigirá muito mais do docente. Sair da
rotina é sempre um problema, ou melhor, alguns
problemas.
Primeiro é a “natural” acomodação. “Sempre ensinei
assim...” Você tem de vencer esta tendência!
APRESENTAÇÃO:
Nesta disciplina abordamos a importância do homem como
agente responsável pela construção da realidade social,
enfocando a cultura e a educação como categoria central
para a constituição das relações sociais vigentes.
Para isso, torna-se essencial a discussão dos princípios do
modo de produção capitalista e sua influência nos aspectos
econômicos, políticos e culturais, sendo que são esses
fatores que sustentam a sociedade e a formação do ser
social.
Um bom exemplo de como podemos trabalhar a questão da
interdisciplinaridade e o desenvolvimento da sociologia...
podemos analisar o surgimento dela desde um contexto histórico,
que coincide com a desagregação da sociedade feudal e a
consolidação da sociedade capitalista....desde um ponto de vista
da geografia analisar o lugar do surgimento, a Europa....os paises
o lugar do nascimento de seus maiores representantes....Émile
Durkheim, Karl Max, Max Weber....etc...podemos analisar eles
desde um ponto de vista filosofico tambem, com suas diversas
visiões...
Destacando Durkheim podemos analisar desde um ponto de vista
sociologico e antropologico o conceito de anomia, aplicando-o a
situação atual do Brasil....enfraquecimento das normas,
desorganização da sociedade, falta de regulamentação....de
ordem social...
Outro conceito importante do positivismo e a divisão do trabalho,
que Durkheim define como a especialização das funções entre os
individuos de uma sociedade, o positivismo tenta entender o
funcionamento da sociedade capitalista da mesma forma que a
biologia entende o funcionamento de um corpo animal, isto é,
Durkheim achava que, ao desenvolver-se, a sociedade ia
multiplicando-se em atividades a serem realizadas, a partir daí,
cada indivíduo teria uma função a cumprir, a qual seria importante
para o funcionamento de todo o corpo social.
Desde o punto de vista das letras podemos analisar o surgimento de
novos conceitos introducidos por Marx, como alienação...do latim
alienare, alienus, que significa que pertence a um outro, mais valia,
reificação (res, coisa), coisificação...ele própio transformado em
mercadoria etc...
O sucesso do seminario se explica, principalmente, quando
os conteúdos de Ciências, Matemática, Geografia, Língua
Portuguesa, História e Arte forem colocados a serviço da
resolução de um problema real, de forma integrada.
Para que a dinâmica dê certo, planejamento e
sistematização são fundamentais. Ainda mais se muitos
professores participarem.
É preciso tempo para reuniões, em que se decide
quando os conteúdos previstos serão dados para que
uma disciplina auxilie a outra.
A abordagem interdisciplinar só acontece quando os
conteúdos das disciplinas se relacionam para a ampla
compreensão de um tema estudado.
Referências:
MACHADO, N. J. Educação: projetos e valores. São Paulo: Escrituras, 2000
MACHADO, N. Interdisciplinaridade e contextualização; In: Seminário Nacional do
Ensino Médio. Brasília, outubro/1999
FAZENDA, I. (Org) Interdisciplinaridade: dicionário em construção. SP: Cortez, 2002.
BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN), Disponível em: www.mec.gov.br
Acesso em: 02 fev 2009
CARLOS, J. G. Interdisciplinaridade: o que é isso? Disponível em:
www.unb.br/ppgec/dissertacoes/.../proposicao_jairocarlos.pdf Acesso em: 02 fev 2009
Battini, Okçana. Sociedade, educação e cultura. Okçana Battini, Giane Albiazzetti, Fábio Luiz
da Silva – São Paulo:Pearson education do Brasil, 2013

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Sintese ideias o que é educação brandão
Sintese ideias o que é educação brandãoSintese ideias o que é educação brandão
Sintese ideias o que é educação brandão
Universidade Federal do Ceará
 
Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula
mtolentino1507
 
Terezinha Rios
Terezinha RiosTerezinha Rios
Terezinha Rios
PedagogiaConcursos
 
Formação continuada de professores
Formação continuada de professoresFormação continuada de professores
Formação continuada de professores
ditadoida
 
Slide história da pedagogia
Slide   história da pedagogiaSlide   história da pedagogia
Slide história da pedagogia
Prof. Antônio Martins de Almeida Filho
 
Organização e gestão da escola
Organização e gestão da escolaOrganização e gestão da escola
Organização e gestão da escola
Ulisses Vakirtzis
 
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?
Ranlig
 
Slides gestão escolar
Slides gestão escolarSlides gestão escolar
Slides gestão escolar
Ricardo Jorge Araújo Sousa Peres
 
Educação, o que é?
Educação, o que é?Educação, o que é?
Educação, o que é?
Edson Guedes
 
Introdução a Pedagogia
Introdução a PedagogiaIntrodução a Pedagogia
Introdução a Pedagogia
Eduardo Fernando
 
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
AlbertoMatavele
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógico
Magda Marques
 
Estrutura e funcionamento do ensino
Estrutura e funcionamento do ensino Estrutura e funcionamento do ensino
Estrutura e funcionamento do ensino
Darlan Campos
 
Introdução ao ensino superior. estrutura e funcionamento ppt
Introdução ao ensino superior. estrutura e funcionamento pptIntrodução ao ensino superior. estrutura e funcionamento ppt
Introdução ao ensino superior. estrutura e funcionamento ppt
Daniela Barroso
 
Dez novas competências para ensinar – philippe perrenoud
Dez novas competências para ensinar – philippe perrenoudDez novas competências para ensinar – philippe perrenoud
Dez novas competências para ensinar – philippe perrenoud
Soares Junior
 
Gestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola públicaGestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola pública
Ulisses Vakirtzis
 
Didática Ensino Superior
Didática Ensino SuperiorDidática Ensino Superior
Didática Ensino Superior
Hamilton Nobrega
 
Tendências Pedagógicas
Tendências PedagógicasTendências Pedagógicas
Tendências Pedagógicas
Marcelo Assis
 
Plano nacional de educação PNE
Plano nacional de educação   PNEPlano nacional de educação   PNE
Plano nacional de educação PNE
João Cascaes
 
12 ensino e aprendizagem
12 ensino e aprendizagem12 ensino e aprendizagem
12 ensino e aprendizagem
Hernando Professor
 

Mais procurados (20)

Sintese ideias o que é educação brandão
Sintese ideias o que é educação brandãoSintese ideias o que é educação brandão
Sintese ideias o que é educação brandão
 
Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula
 
Terezinha Rios
Terezinha RiosTerezinha Rios
Terezinha Rios
 
Formação continuada de professores
Formação continuada de professoresFormação continuada de professores
Formação continuada de professores
 
Slide história da pedagogia
Slide   história da pedagogiaSlide   história da pedagogia
Slide história da pedagogia
 
Organização e gestão da escola
Organização e gestão da escolaOrganização e gestão da escola
Organização e gestão da escola
 
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?
Multi, Inter ou Transdisciplinaridade?
 
Slides gestão escolar
Slides gestão escolarSlides gestão escolar
Slides gestão escolar
 
Educação, o que é?
Educação, o que é?Educação, o que é?
Educação, o que é?
 
Introdução a Pedagogia
Introdução a PedagogiaIntrodução a Pedagogia
Introdução a Pedagogia
 
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógico
 
Estrutura e funcionamento do ensino
Estrutura e funcionamento do ensino Estrutura e funcionamento do ensino
Estrutura e funcionamento do ensino
 
Introdução ao ensino superior. estrutura e funcionamento ppt
Introdução ao ensino superior. estrutura e funcionamento pptIntrodução ao ensino superior. estrutura e funcionamento ppt
Introdução ao ensino superior. estrutura e funcionamento ppt
 
Dez novas competências para ensinar – philippe perrenoud
Dez novas competências para ensinar – philippe perrenoudDez novas competências para ensinar – philippe perrenoud
Dez novas competências para ensinar – philippe perrenoud
 
Gestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola públicaGestão democrática na escola pública
Gestão democrática na escola pública
 
Didática Ensino Superior
Didática Ensino SuperiorDidática Ensino Superior
Didática Ensino Superior
 
Tendências Pedagógicas
Tendências PedagógicasTendências Pedagógicas
Tendências Pedagógicas
 
Plano nacional de educação PNE
Plano nacional de educação   PNEPlano nacional de educação   PNE
Plano nacional de educação PNE
 
12 ensino e aprendizagem
12 ensino e aprendizagem12 ensino e aprendizagem
12 ensino e aprendizagem
 

Destaque

Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
Antonio Carlos SSouza
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
Rosiany Moraes
 
A Interdisciplinaridade Powerpoint
A Interdisciplinaridade PowerpointA Interdisciplinaridade Powerpoint
A Interdisciplinaridade Powerpoint
Mauro de Oliveira Lima
 
Pcns bases resumo geral
Pcns bases resumo geralPcns bases resumo geral
Pcns bases resumo geral
coordmsantos
 
Parâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares NacionaisParâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares Nacionais
Marcelo Assis
 
Temas transversais
Temas transversaisTemas transversais
Temas transversais
Adriana Amanda Bispo
 
Temas transversais andreia santana
Temas transversais andreia santanaTemas transversais andreia santana
Temas transversais andreia santana
andreiawietky
 
temas transversales
temas transversalestemas transversales
temas transversales
Claus Palacios
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
Fabiola Oliveira
 
Freemind laura
Freemind lauraFreemind laura
Freemind laura
oficinamkt
 
Palestra IV Seminário Multidisciplinar do ICG - Dra. Meire Incarnacão Ribeiro...
Palestra IV Seminário Multidisciplinar do ICG - Dra. Meire Incarnacão Ribeiro...Palestra IV Seminário Multidisciplinar do ICG - Dra. Meire Incarnacão Ribeiro...
Palestra IV Seminário Multidisciplinar do ICG - Dra. Meire Incarnacão Ribeiro...
Instituto Consciência GO
 
A percepção dos alunos do programa de mestrado profissional em ensino na saúd...
A percepção dos alunos do programa de mestrado profissional em ensino na saúd...A percepção dos alunos do programa de mestrado profissional em ensino na saúd...
A percepção dos alunos do programa de mestrado profissional em ensino na saúd...
Weidila Siqueira de Miranda
 
Trabalho em equipas multidisciplinares de saúde
Trabalho em equipas multidisciplinares de saúdeTrabalho em equipas multidisciplinares de saúde
Trabalho em equipas multidisciplinares de saúde
Susana Cardoso
 
Equipa Multidisciplinar
Equipa MultidisciplinarEquipa Multidisciplinar
Equipa Multidisciplinar
Fábio Simões
 
Interdisciplinaridade, Ciencia e Sociedade
Interdisciplinaridade, Ciencia e SociedadeInterdisciplinaridade, Ciencia e Sociedade
Interdisciplinaridade, Ciencia e Sociedade
Simone Athayde
 
Reorganização de saberes, Interdisciplinaridade e Transdisciplinaridade
Reorganização de saberes, Interdisciplinaridade e TransdisciplinaridadeReorganização de saberes, Interdisciplinaridade e Transdisciplinaridade
Reorganização de saberes, Interdisciplinaridade e Transdisciplinaridade
Frederico Dinis
 
Um simples balão, promove muita aprendizagem por simone drumond
Um simples balão, promove muita aprendizagem por simone drumondUm simples balão, promove muita aprendizagem por simone drumond
Um simples balão, promove muita aprendizagem por simone drumond
SimoneHelenDrumond
 
Interdisciplinaridade em Gerontologia_Arthur Moreira da Silva Neto_2014
Interdisciplinaridade em Gerontologia_Arthur Moreira da Silva Neto_2014Interdisciplinaridade em Gerontologia_Arthur Moreira da Silva Neto_2014
Interdisciplinaridade em Gerontologia_Arthur Moreira da Silva Neto_2014
Arthur Moreira
 
Interdisciplinaridade Nancy Alcântara
Interdisciplinaridade Nancy AlcântaraInterdisciplinaridade Nancy Alcântara
Interdisciplinaridade Nancy Alcântara
VidaRevista Consultoria e Treinamento
 
Temas transversais
Temas transversaisTemas transversais
Temas transversais
Erica Frau
 

Destaque (20)

Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
 
A Interdisciplinaridade Powerpoint
A Interdisciplinaridade PowerpointA Interdisciplinaridade Powerpoint
A Interdisciplinaridade Powerpoint
 
Pcns bases resumo geral
Pcns bases resumo geralPcns bases resumo geral
Pcns bases resumo geral
 
Parâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares NacionaisParâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares Nacionais
 
Temas transversais
Temas transversaisTemas transversais
Temas transversais
 
Temas transversais andreia santana
Temas transversais andreia santanaTemas transversais andreia santana
Temas transversais andreia santana
 
temas transversales
temas transversalestemas transversales
temas transversales
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
 
Freemind laura
Freemind lauraFreemind laura
Freemind laura
 
Palestra IV Seminário Multidisciplinar do ICG - Dra. Meire Incarnacão Ribeiro...
Palestra IV Seminário Multidisciplinar do ICG - Dra. Meire Incarnacão Ribeiro...Palestra IV Seminário Multidisciplinar do ICG - Dra. Meire Incarnacão Ribeiro...
Palestra IV Seminário Multidisciplinar do ICG - Dra. Meire Incarnacão Ribeiro...
 
A percepção dos alunos do programa de mestrado profissional em ensino na saúd...
A percepção dos alunos do programa de mestrado profissional em ensino na saúd...A percepção dos alunos do programa de mestrado profissional em ensino na saúd...
A percepção dos alunos do programa de mestrado profissional em ensino na saúd...
 
Trabalho em equipas multidisciplinares de saúde
Trabalho em equipas multidisciplinares de saúdeTrabalho em equipas multidisciplinares de saúde
Trabalho em equipas multidisciplinares de saúde
 
Equipa Multidisciplinar
Equipa MultidisciplinarEquipa Multidisciplinar
Equipa Multidisciplinar
 
Interdisciplinaridade, Ciencia e Sociedade
Interdisciplinaridade, Ciencia e SociedadeInterdisciplinaridade, Ciencia e Sociedade
Interdisciplinaridade, Ciencia e Sociedade
 
Reorganização de saberes, Interdisciplinaridade e Transdisciplinaridade
Reorganização de saberes, Interdisciplinaridade e TransdisciplinaridadeReorganização de saberes, Interdisciplinaridade e Transdisciplinaridade
Reorganização de saberes, Interdisciplinaridade e Transdisciplinaridade
 
Um simples balão, promove muita aprendizagem por simone drumond
Um simples balão, promove muita aprendizagem por simone drumondUm simples balão, promove muita aprendizagem por simone drumond
Um simples balão, promove muita aprendizagem por simone drumond
 
Interdisciplinaridade em Gerontologia_Arthur Moreira da Silva Neto_2014
Interdisciplinaridade em Gerontologia_Arthur Moreira da Silva Neto_2014Interdisciplinaridade em Gerontologia_Arthur Moreira da Silva Neto_2014
Interdisciplinaridade em Gerontologia_Arthur Moreira da Silva Neto_2014
 
Interdisciplinaridade Nancy Alcântara
Interdisciplinaridade Nancy AlcântaraInterdisciplinaridade Nancy Alcântara
Interdisciplinaridade Nancy Alcântara
 
Temas transversais
Temas transversaisTemas transversais
Temas transversais
 

Semelhante a Interdisciplinaridade

Educacao ed1
Educacao ed1Educacao ed1
Educacao ed1
Gleide Alcântara
 
Apresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoaApresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoa
Marcos Pessoa Pinto Pessoa
 
Apresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoaApresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoa
Marcos Pessoa Pinto Pessoa
 
Fundamentos sociologicos da educação
Fundamentos sociologicos da educaçãoFundamentos sociologicos da educação
Fundamentos sociologicos da educação
celiferreira
 
29039 tendências pedagógicas
29039 tendências pedagógicas29039 tendências pedagógicas
29039 tendências pedagógicas
Mimos Artesanais
 
Tendências pedagógicas texto
Tendências pedagógicas   textoTendências pedagógicas   texto
Tendências pedagógicas texto
diegocn
 
OCs HISTÓRIA 2011
OCs HISTÓRIA 2011OCs HISTÓRIA 2011
OCs HISTÓRIA 2011
lucavao2010
 
1_carvalho.pdf
1_carvalho.pdf1_carvalho.pdf
1_carvalho.pdf
AdrianaBueno41
 
1 carvalho
1 carvalho1 carvalho
1 carvalho
KaKa970609
 
CURRICULO E DIVERSIDADE CULTURAL: a ressignificaçao dos centros escolares.
CURRICULO E DIVERSIDADE CULTURAL: a ressignificaçao dos centros escolares.CURRICULO E DIVERSIDADE CULTURAL: a ressignificaçao dos centros escolares.
CURRICULO E DIVERSIDADE CULTURAL: a ressignificaçao dos centros escolares.
Wilson Melo
 
Aula 2 4a FEUSP A instituição escolar.pdf
Aula 2 4a FEUSP A instituição escolar.pdfAula 2 4a FEUSP A instituição escolar.pdf
Aula 2 4a FEUSP A instituição escolar.pdf
jonathanmartins084
 
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneoAs teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
Sheila V. mussi
 
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdffilosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
Sebbajr Junior
 
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdffilosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
Sebbajr Junior
 
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...
emíliapignata
 
A ciência e os avanços em sistemas de educação
A ciência e os avanços em sistemas de educaçãoA ciência e os avanços em sistemas de educação
A ciência e os avanços em sistemas de educação
Fernando Alcoforado
 
Sociologia
SociologiaSociologia
Sociologia
mkbariotto
 
Pedagogia da Alternância e seus referenciais teróricos.pptx
Pedagogia da Alternância e seus referenciais teróricos.pptxPedagogia da Alternância e seus referenciais teróricos.pptx
Pedagogia da Alternância e seus referenciais teróricos.pptx
GilmarSantosAndrade
 
Reunião pedagógica 03 06 2016
Reunião pedagógica 03 06 2016Reunião pedagógica 03 06 2016
Reunião pedagógica 03 06 2016
Fábio Peixoto
 
Atividade semana dois teorias sociocríticas
Atividade semana dois teorias sociocríticasAtividade semana dois teorias sociocríticas
Atividade semana dois teorias sociocríticas
rosiane sangali
 

Semelhante a Interdisciplinaridade (20)

Educacao ed1
Educacao ed1Educacao ed1
Educacao ed1
 
Apresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoaApresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoa
 
Apresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoaApresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoa
 
Fundamentos sociologicos da educação
Fundamentos sociologicos da educaçãoFundamentos sociologicos da educação
Fundamentos sociologicos da educação
 
29039 tendências pedagógicas
29039 tendências pedagógicas29039 tendências pedagógicas
29039 tendências pedagógicas
 
Tendências pedagógicas texto
Tendências pedagógicas   textoTendências pedagógicas   texto
Tendências pedagógicas texto
 
OCs HISTÓRIA 2011
OCs HISTÓRIA 2011OCs HISTÓRIA 2011
OCs HISTÓRIA 2011
 
1_carvalho.pdf
1_carvalho.pdf1_carvalho.pdf
1_carvalho.pdf
 
1 carvalho
1 carvalho1 carvalho
1 carvalho
 
CURRICULO E DIVERSIDADE CULTURAL: a ressignificaçao dos centros escolares.
CURRICULO E DIVERSIDADE CULTURAL: a ressignificaçao dos centros escolares.CURRICULO E DIVERSIDADE CULTURAL: a ressignificaçao dos centros escolares.
CURRICULO E DIVERSIDADE CULTURAL: a ressignificaçao dos centros escolares.
 
Aula 2 4a FEUSP A instituição escolar.pdf
Aula 2 4a FEUSP A instituição escolar.pdfAula 2 4a FEUSP A instituição escolar.pdf
Aula 2 4a FEUSP A instituição escolar.pdf
 
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneoAs teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
 
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdffilosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
 
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdffilosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
 
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...
C:\Documents And Settings\EstaçãO\Meus Documentos\Emilia\Interdisciplinaridad...
 
A ciência e os avanços em sistemas de educação
A ciência e os avanços em sistemas de educaçãoA ciência e os avanços em sistemas de educação
A ciência e os avanços em sistemas de educação
 
Sociologia
SociologiaSociologia
Sociologia
 
Pedagogia da Alternância e seus referenciais teróricos.pptx
Pedagogia da Alternância e seus referenciais teróricos.pptxPedagogia da Alternância e seus referenciais teróricos.pptx
Pedagogia da Alternância e seus referenciais teróricos.pptx
 
Reunião pedagógica 03 06 2016
Reunião pedagógica 03 06 2016Reunião pedagógica 03 06 2016
Reunião pedagógica 03 06 2016
 
Atividade semana dois teorias sociocríticas
Atividade semana dois teorias sociocríticasAtividade semana dois teorias sociocríticas
Atividade semana dois teorias sociocríticas
 

Mais de Profissão Professor

Rollo May
Rollo May Rollo May
Behaviorismo
Behaviorismo Behaviorismo
Behaviorismo
Profissão Professor
 
Heterosemánticos
HeterosemánticosHeterosemánticos
Heterosemánticos
Profissão Professor
 
Projeto politico pedagogico PPP
Projeto politico pedagogico PPPProjeto politico pedagogico PPP
Projeto politico pedagogico PPP
Profissão Professor
 
Sistema nervoso
Sistema nervoso Sistema nervoso
Sistema nervoso
Profissão Professor
 
Sentidos paladar
Sentidos paladarSentidos paladar
Sentidos paladar
Profissão Professor
 
cancer de mama
cancer de mamacancer de mama
cancer de mama
Profissão Professor
 
Tomografia trabalho
Tomografia trabalhoTomografia trabalho
Tomografia trabalho
Profissão Professor
 
Tomografia computadorizada
Tomografia computadorizadaTomografia computadorizada
Tomografia computadorizada
Profissão Professor
 
Ressonancia magnetica
Ressonancia magneticaRessonancia magnetica
Ressonancia magnetica
Profissão Professor
 
Apresentação cumprimentos
Apresentação cumprimentosApresentação cumprimentos
Apresentação cumprimentos
Profissão Professor
 

Mais de Profissão Professor (11)

Rollo May
Rollo May Rollo May
Rollo May
 
Behaviorismo
Behaviorismo Behaviorismo
Behaviorismo
 
Heterosemánticos
HeterosemánticosHeterosemánticos
Heterosemánticos
 
Projeto politico pedagogico PPP
Projeto politico pedagogico PPPProjeto politico pedagogico PPP
Projeto politico pedagogico PPP
 
Sistema nervoso
Sistema nervoso Sistema nervoso
Sistema nervoso
 
Sentidos paladar
Sentidos paladarSentidos paladar
Sentidos paladar
 
cancer de mama
cancer de mamacancer de mama
cancer de mama
 
Tomografia trabalho
Tomografia trabalhoTomografia trabalho
Tomografia trabalho
 
Tomografia computadorizada
Tomografia computadorizadaTomografia computadorizada
Tomografia computadorizada
 
Ressonancia magnetica
Ressonancia magneticaRessonancia magnetica
Ressonancia magnetica
 
Apresentação cumprimentos
Apresentação cumprimentosApresentação cumprimentos
Apresentação cumprimentos
 

Último

Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
1000a
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
djincognito
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
AdrianoMontagna1
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
Suzy De Abreu Santana
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 
0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
Giovana Gomes da Silva
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
QUIZ - HISTÓRIA 9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
QUIZ - HISTÓRIA  9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptxQUIZ - HISTÓRIA  9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
QUIZ - HISTÓRIA 9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
AntonioVieira539017
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
analuisasesso
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
enpfilosofiaufu
 

Último (20)

Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 
0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
QUIZ - HISTÓRIA 9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
QUIZ - HISTÓRIA  9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptxQUIZ - HISTÓRIA  9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
QUIZ - HISTÓRIA 9º ANO - PRIMEIRA REPÚBLICA_ERA VARGAS.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
 

Interdisciplinaridade

  • 2. INTERDISCIPLINARIDADE NA PRÁTICA PEDAGÓGICA DO EDUCADOR: Um elemento possibilitador de formação cidadã e inclusão social.
  • 4. Na palavra interdisciplinar está contida a proposição de ligação, isto é, conexão entre as disciplinas, territórios delimitados, e a possibilidade de intercâmbio e o deslocar-se entre elas. Ela conecta, permitindo comunicação e diálogo, relação e vínculo entre separados, diferentes, opostos.
  • 5. Um pouco de História. Segundo Ivani Fazenda, a interdisciplinaridade surgiu na França na Itália em meados da década de 60, num período marcado pelos movimentos estudantis que, dentre outras coisas, reivindicavam um ensino mais sintonizado com as grandes questões de ordem social, política e econômica da época. A interdisciplinaridade teria sido uma resposta a tal reivindicação, na medida em que os grandes problemas da época não poderiam ser resolvidos por uma única disciplina ou área do saber. No final da década de 60, a interdisciplinaridade chegou ao Brasil e logo exerceu influência na elaboração da Lei de Diretrizes e Bases Nº 5.692/71. Desde então, sua presença no cenário educacional brasileiro tem se intensificado e, recentemente, mais ainda, com a nova LDB Nº 9.394/96 e com os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN).
  • 6. A interdisciplinaridade trata de uma visão educacional envolvendo as diversas áreas de estudo, no intuito de promover uma integração entre disciplinas e conteúdos, fazendo com que o processo de ensino-aprendizagem seja centrado em uma visão na qual o ser humano aprende ao longo da sua vida, observando diversos pontos de observação. O homem passa a ser o criador de ligações entre as áreas de conhecimento e é essa ligação que ao interagir com outras viabiliza a criação de uma rede de saberes.
  • 7. Interdisciplinaridade:  envolve mais de uma disciplina  adota uma perspectiva teórico-metodológica comum para as disciplinas envolvidas  promove a integração dos resultados obtidos  busca a solução dos problemas através da articulação de disciplinas pelos seus representantes  os interesses próprios de cada disciplina são preservados.
  • 8.
  • 9.
  • 10. -Demostrar como as disciplinas sociedade, educação e cultura, libras e educação e inclusão contribuíram para nosso formação como futuros docentes. -Analisar sob uma perspectiva crítica, as contribuições da Educação e da Antropologia Cultural através do entendimento dos conceitos educação e formação humana, inclusão e diversidade, relativismo cultural e sua importância para a superação do etnocentrismo que sempre esteve presente nas relações entre grupos culturalmente diferentes. -Como futuros educadores, aportar para uma escola mais justa, igualitária e inclusiva, assim como proporcionar a compreensão e importância da educação especial. . OBJETIVOS::
  • 11. Não é possível mais pensar em ensinar, seja o que for, de maneira isolada. O mundo complexo no qual nossos alunos vivem, as rápidas e inevitáveis transformações nos deixam escolhas: ou aprendemos a lidar com diversas formas de conhecimento ou perderemos contato com os alunos. Questão para reflexão: Por que a prática interdisciplinar é tão difícil de ser encontrada nas escolas? No entanto, isso exigirá muito mais do docente. Sair da rotina é sempre um problema, ou melhor, alguns problemas. Primeiro é a “natural” acomodação. “Sempre ensinei assim...” Você tem de vencer esta tendência! APRESENTAÇÃO:
  • 12.
  • 13.
  • 14. Nesta disciplina abordamos a importância do homem como agente responsável pela construção da realidade social, enfocando a cultura e a educação como categoria central para a constituição das relações sociais vigentes. Para isso, torna-se essencial a discussão dos princípios do modo de produção capitalista e sua influência nos aspectos econômicos, políticos e culturais, sendo que são esses fatores que sustentam a sociedade e a formação do ser social.
  • 15.
  • 16. Um bom exemplo de como podemos trabalhar a questão da interdisciplinaridade e o desenvolvimento da sociologia... podemos analisar o surgimento dela desde um contexto histórico, que coincide com a desagregação da sociedade feudal e a consolidação da sociedade capitalista....desde um ponto de vista da geografia analisar o lugar do surgimento, a Europa....os paises o lugar do nascimento de seus maiores representantes....Émile Durkheim, Karl Max, Max Weber....etc...podemos analisar eles desde um ponto de vista filosofico tambem, com suas diversas visiões...
  • 17. Destacando Durkheim podemos analisar desde um ponto de vista sociologico e antropologico o conceito de anomia, aplicando-o a situação atual do Brasil....enfraquecimento das normas, desorganização da sociedade, falta de regulamentação....de ordem social... Outro conceito importante do positivismo e a divisão do trabalho, que Durkheim define como a especialização das funções entre os individuos de uma sociedade, o positivismo tenta entender o funcionamento da sociedade capitalista da mesma forma que a biologia entende o funcionamento de um corpo animal, isto é, Durkheim achava que, ao desenvolver-se, a sociedade ia multiplicando-se em atividades a serem realizadas, a partir daí, cada indivíduo teria uma função a cumprir, a qual seria importante para o funcionamento de todo o corpo social.
  • 18. Desde o punto de vista das letras podemos analisar o surgimento de novos conceitos introducidos por Marx, como alienação...do latim alienare, alienus, que significa que pertence a um outro, mais valia, reificação (res, coisa), coisificação...ele própio transformado em mercadoria etc...
  • 19. O sucesso do seminario se explica, principalmente, quando os conteúdos de Ciências, Matemática, Geografia, Língua Portuguesa, História e Arte forem colocados a serviço da resolução de um problema real, de forma integrada. Para que a dinâmica dê certo, planejamento e sistematização são fundamentais. Ainda mais se muitos professores participarem. É preciso tempo para reuniões, em que se decide quando os conteúdos previstos serão dados para que uma disciplina auxilie a outra. A abordagem interdisciplinar só acontece quando os conteúdos das disciplinas se relacionam para a ampla compreensão de um tema estudado.
  • 20. Referências: MACHADO, N. J. Educação: projetos e valores. São Paulo: Escrituras, 2000 MACHADO, N. Interdisciplinaridade e contextualização; In: Seminário Nacional do Ensino Médio. Brasília, outubro/1999 FAZENDA, I. (Org) Interdisciplinaridade: dicionário em construção. SP: Cortez, 2002. BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN), Disponível em: www.mec.gov.br Acesso em: 02 fev 2009 CARLOS, J. G. Interdisciplinaridade: o que é isso? Disponível em: www.unb.br/ppgec/dissertacoes/.../proposicao_jairocarlos.pdf Acesso em: 02 fev 2009 Battini, Okçana. Sociedade, educação e cultura. Okçana Battini, Giane Albiazzetti, Fábio Luiz da Silva – São Paulo:Pearson education do Brasil, 2013