SlideShare uma empresa Scribd logo
Informatividade e fuga do senso comum
Informatividade
Uma das características básicas do texto
dissertativo-argumentativo é a informatividade, que
é medida pelo grau de conhecimento de mundo
manifestado pelo redator do texto. Essa
característica impactada diretamente na
previsibilidadae de abordagem do texto. Quanto
mais informativo for o texto, menos previsível é a
abordagem e, consequentemente, mais interessante
e consistente é o texto.
Para construir um texto com relativa
informatividade, é essencial que os alunos tenham
um acervo sociocultural abrangente. Sugere-se a
leitura de artigos, editoriais, reportagens e crônicas,
disponibilizadas, em sua maioria, em jornais, sites e
periódicos de grande circulação nacional. Além
disso, é interessante que o aluno use a mídia
televisiva ou a internet para acessar documentários,
análises e programas de debate. Estar a par do
cenário nacional e internacional é, portanto,
imprescindível. Deve-se, no entanto, não aceitar as
informações como verdades universais, devendo
haver por parte do leitor uma análise crítica.
Vejamos um exemplo de trecho de redação:
A violência está presente em todas as esferas sociais.
Por exemplo, há rivalidades até entre famílias, com
filhos matando pais para tomar o que lhes pertence e
irmãos brigando entre si. Além disso, as brigas por
posses de terras causam guerras entre países, como
ocorreu há pouco tempo e continua acontecendo. Por
qualquer motivo se pratica violência: uma simples
discussão, ciúmes, um lugar na fila de ônibus etc.
Observe que o texto tem um grau de
informatividade muito baixo. O parágrafo é muito
superficial e equivocadamente generalizante: que
tipo de família é essa em que filhos matam pais para
roubá-los? Que motivos os levam para proceder
assim? Além disso, a que guerras e países se refere o
texto? Será que a violência popular realmente nasce
“por qualquer motivo”?
A baixa informatividade do texto, ao mesmo tempo
que provoca o desinteresse do leitor, que tende a
abandonar a leitura pelo fato de não encontrar nada
de novo nele, também põe em dúvida o
conhecimento do autor a respeito do assunto e a
própria pertinência do texto.
Senso comum
Quando a previsibilidade resulta em um texto sem a
necessidade de uma reflexão crítica, tem-se o que se
chama “senso comum”. Trata-se de argumentos
aceitos universalmente, sem necessidade de
comprovação, contestação ou questionamento.
Argumentos do tipo: “o homem depende do
ambiente para viver”, “a mulher de hoje ocupa um
papel social diferente da mulher do século XIX”, “a
educação é essencial para o desenvolvimento de um
país”, ou “a família é essencial para o
desenvolvimento do indivíduo” não mais
necessitam de reflexão crítica para se chegar à
conclusão de que são válidos. Restringir a
argumentação a informações desse tipo resulta,
portanto, em um texto muito previsível. Há, assim,
uma limitação ao senso comum.
Além disso, deve-se tomar cuidado com expressões
clichês, que pouco contribuem com a
informatividade do texto ou por serem óbvias ou
por não terem comprovação científica: “o amor é a
solução para todos os problemas”, “é hora de acabar
com a pouca vergonha na política brasileira”.
Eis as principais características do senso comum:
 Acrítico – Não há a necessidade de se
empregar o raciocínio lógico-dedutivo,
estando o texto, assim, isento de
questionamentos, comprovações e
contestações, o que não contribui para a
persuasão.
 Subjetivo – Muitas vezes, a argumentação
está limitada a uma mera visão pessoal, não
comprovada e validada de forma isenta e
objetiva.
 Superficial – Carece o sendo comum de
comprovações, o que resulta em uma
abordagem superficial do tema, em que não
se discutem causas, efeitos ou exemplos de
aplicação concretos.
O pensamento senso comum é previsível e
superficial. Ele é aceito como válido, não se
contestando, questionando ou comprovando seu
conteúdo.
Opõe-se ao senso comum o senso crítico. Ele é
detalhado e menos previsível, pois se apoia no
raciocínio lógico. Ele busca contestar, questionar e
comprovar as ideias.
Deve-se optar, dessa forma, pelo emprego do senso
crítico. Para isso, as relações causa-efeito, os
exemplos concretos e o julgamento objetivo das
informações são imprescindíveis.
Como fugir do senso comum?
Para fugir do senso comum, não se limitando a
reproduzir obviedades, considere os seguintes
aspectos:
 Especifique as informações com exemplos
de situações e fatos concretos.
 Agregue à argumentação conhecimento de
mundo, trazendo diversas áreas do
conhecimento humano para discussão
(cuidado apenas para não exigir de seu
leitor um conhecimento específico demais).
 Construa raciocínios de causa, efeito,
comparação, finalidade, ressalva etc. desse
modo, você mostrará real conhecimento
acerca do assunto.
ATIVIDADES
01 – Para cada ideia central a seguir, identifique os
parágrafos com os códigos SC (Senso Crítico) ou LSC
(Limitação ao Senso Comum).
A – Ideia central: A relação entre pais e filhos está em
crise atualmente?
( ) A relação entre pais e filhos precisa ser
baseada no respeito mútuo, de modo que cada
geração possa contribuir com seus ensinamentos.
Essa saudável relação possibilitará o fortalecimento
da família, importante instituição que contribui para
o equilíbrio da sociedade.
( ) Os pais devem compreender que os
conflitos entre gerações são necessários, às vezes,
para o amadurecimento da sociedade. Os
revolucionários que lutaram contra o Regime
Militar brasileiro e os participantes do festival
Woodstock eram, em grande número, jovens, que
sonhavam mudar o mundo com seus ideais. Sendo
assim, as tradições da família não sobrevivem, em
alguns momentos, aos novos contextos.
B – Ideia central: A importância do voto para o
exercício da democracia.
( ) O voto é muito importante no sentido de
permitir à população a livre escolha de seus
representantes. Através dele, torna-se possível
exercer plenamente a cidadania, contribuindo,
assim, para que os valores democráticos sejam
fortalecidos.
( ) O principal instrumento da democracia é o
voto. É através dele que os cidadãos exigem o
cumprimento dos direitos fundamentais por parte
dos governantes, tais como educação e saúde de boa
qualidade. Observam-se, no entanto, práticas de
venda de votos em troca de favores, muita vezes,
insignificantes do ponto de vista coletivo. Como
resultado, ocorre a eleição de gestores
despreparados às vezes para o cargo, gerando
desilusões por parte da população, que não se sente
bem representada.
C – Ideia central: Por que devemos lidar com as
diferenças entre os indivíduos?
( ) Diariamente nos deparamos com pessoas
das mais variadas culturas, opiniões e classes
sociais. Muitas vezes, são nossos vizinhos, colegas e
amigos. Essa convivência enriquece nossas vidas,
pois aprendemos a respeitar o nosso próximo,
tornando-nos pessoas mais fraternas.
( ) Torna-se necessário lidar com as
diferenças entre os indivíduos, tolerando
comportamentos e pensamentos. No mercado de
trabalho, por exemplo, têm se tornado comuns
atividades em grupo, que requerem boa capacidade
de relação interpessoal. Sendo assim, para se tornar
um profissional competitivo, um dos diferenciais é
diferenciar e assimilar as diferenças, não as
encarando como entraves.
02 – Desenvolva os parágrafos a seguir usando a
criticidade e, consequentemente, fugindo do senso
comum.
A – O investimento na educação é necessário para o
desenvolvimento de uma nação.
B – O voto é um importante instrumento para
fortalecer a democracia.
C – É importante tolerar as diferenças entre os
indivíduos nas diversas relações sociais.
D – A preservação do meio em que se vive é uma
preocupação bastante presente na sociedade
moderna.
03 – Redija um parágrafo dissertativo que relacione
de forma lógica e crítica as informações contidas no
gráfico a seguir:
Em R$
0
500
1000
1500
2000
Ocup. Trab. F Trab. Inf
Total Homens Mulheres
IBGE, Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios 2009.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

AULA 05 - DICAS DE REDAÇÃO - DETALHES QUE FARÃO DIFERENÇA NA SUA REDAÇÃO
AULA 05 - DICAS DE REDAÇÃO - DETALHES QUE FARÃO DIFERENÇA NA SUA REDAÇÃOAULA 05 - DICAS DE REDAÇÃO - DETALHES QUE FARÃO DIFERENÇA NA SUA REDAÇÃO
AULA 05 - DICAS DE REDAÇÃO - DETALHES QUE FARÃO DIFERENÇA NA SUA REDAÇÃO
Marcelo Cordeiro Souza
 
Diferença entre fato e opinião
Diferença entre fato e opiniãoDiferença entre fato e opinião
Diferença entre fato e opinião
Eliete Sampaio Farneda
 
Variantes Linguísticas na Música
Variantes Linguísticas na MúsicaVariantes Linguísticas na Música
Variantes Linguísticas na Música
Pricila Yessayan
 
Resenha
ResenhaResenha
Oficina de Redação
Oficina de RedaçãoOficina de Redação
Oficina de Redação
diegoprofessor10
 
Coesão
CoesãoCoesão
Coesão
Heydy Silva
 
Generos e tipos textuais ppt
Generos e tipos textuais pptGeneros e tipos textuais ppt
Generos e tipos textuais ppt
pnaicdertsis
 
Editorial
EditorialEditorial
Como elaborar uma resenha
Como elaborar uma resenhaComo elaborar uma resenha
Como elaborar uma resenha
Virginia Fortes
 
Coesão Referencial
Coesão ReferencialCoesão Referencial
Coesão Referencial
Plantão da Redação
 
Slides sobre reportagem
Slides sobre reportagemSlides sobre reportagem
Slides sobre reportagem
Nastrilhas da lingua portuguesa
 
Projeto o grande debate
Projeto o grande debateProjeto o grande debate
Projeto o grande debate
SHEILA MONTEIRO
 
Figuras de linguagem: 25 propagandas. Exercício 2.
Figuras de linguagem: 25 propagandas. Exercício 2.Figuras de linguagem: 25 propagandas. Exercício 2.
Figuras de linguagem: 25 propagandas. Exercício 2.
Cláudia Heloísa
 
Habilidades bncc 6ano ao 9ano
Habilidades bncc  6ano ao 9anoHabilidades bncc  6ano ao 9ano
Habilidades bncc 6ano ao 9ano
Mauro Cesar Silva
 
Texto argumentativo
Texto argumentativoTexto argumentativo
Texto argumentativo
er.cabrinha
 
Oficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoOficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º ano
ClaudiaAdrianaSouzaS
 
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTOAULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTO
Marcelo Cordeiro Souza
 
Variação linguística
Variação linguísticaVariação linguística
Variação linguística
Nastrilhas da lingua portuguesa
 
Diferença entre tese e argumento
Diferença entre tese e argumentoDiferença entre tese e argumento
Diferença entre tese e argumento
cristina resende
 
Passos para uma boa redação
Passos para uma boa redaçãoPassos para uma boa redação
Passos para uma boa redação
Sinara Lustosa
 

Mais procurados (20)

AULA 05 - DICAS DE REDAÇÃO - DETALHES QUE FARÃO DIFERENÇA NA SUA REDAÇÃO
AULA 05 - DICAS DE REDAÇÃO - DETALHES QUE FARÃO DIFERENÇA NA SUA REDAÇÃOAULA 05 - DICAS DE REDAÇÃO - DETALHES QUE FARÃO DIFERENÇA NA SUA REDAÇÃO
AULA 05 - DICAS DE REDAÇÃO - DETALHES QUE FARÃO DIFERENÇA NA SUA REDAÇÃO
 
Diferença entre fato e opinião
Diferença entre fato e opiniãoDiferença entre fato e opinião
Diferença entre fato e opinião
 
Variantes Linguísticas na Música
Variantes Linguísticas na MúsicaVariantes Linguísticas na Música
Variantes Linguísticas na Música
 
Resenha
ResenhaResenha
Resenha
 
Oficina de Redação
Oficina de RedaçãoOficina de Redação
Oficina de Redação
 
Coesão
CoesãoCoesão
Coesão
 
Generos e tipos textuais ppt
Generos e tipos textuais pptGeneros e tipos textuais ppt
Generos e tipos textuais ppt
 
Editorial
EditorialEditorial
Editorial
 
Como elaborar uma resenha
Como elaborar uma resenhaComo elaborar uma resenha
Como elaborar uma resenha
 
Coesão Referencial
Coesão ReferencialCoesão Referencial
Coesão Referencial
 
Slides sobre reportagem
Slides sobre reportagemSlides sobre reportagem
Slides sobre reportagem
 
Projeto o grande debate
Projeto o grande debateProjeto o grande debate
Projeto o grande debate
 
Figuras de linguagem: 25 propagandas. Exercício 2.
Figuras de linguagem: 25 propagandas. Exercício 2.Figuras de linguagem: 25 propagandas. Exercício 2.
Figuras de linguagem: 25 propagandas. Exercício 2.
 
Habilidades bncc 6ano ao 9ano
Habilidades bncc  6ano ao 9anoHabilidades bncc  6ano ao 9ano
Habilidades bncc 6ano ao 9ano
 
Texto argumentativo
Texto argumentativoTexto argumentativo
Texto argumentativo
 
Oficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoOficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º ano
 
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTOAULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação  - PRONTO
AULA 03 - Introdução - Diversas formas de iniciar uma redação - PRONTO
 
Variação linguística
Variação linguísticaVariação linguística
Variação linguística
 
Diferença entre tese e argumento
Diferença entre tese e argumentoDiferença entre tese e argumento
Diferença entre tese e argumento
 
Passos para uma boa redação
Passos para uma boa redaçãoPassos para uma boa redação
Passos para uma boa redação
 

Destaque

Concordancia Nominal
Concordancia NominalConcordancia Nominal
Concordancia Nominal
Mara Virginia
 
Senso Comum e Senso Crítico
Senso Comum e Senso CríticoSenso Comum e Senso Crítico
Senso Comum e Senso Crítico
Eduarda Bonora Kern
 
Variação Linguística
Variação LinguísticaVariação Linguística
Variação Linguística
PROFESSORACLEIA
 
Concordância Nominal
Concordância NominalConcordância Nominal
Concordância Nominal
Angela Santos
 
ColocaçãO Pronominal
ColocaçãO PronominalColocaçãO Pronominal
ColocaçãO Pronominal
guest0cbfe
 
Concordância nominal slides
Concordância nominal slidesConcordância nominal slides
Concordância nominal slides
ADRIANA BORDINHÃO VICIOLI
 
AULA 02 - FATORES DE TEXTUALIDADE - PRONTO
AULA 02 -  FATORES DE TEXTUALIDADE  - PRONTOAULA 02 -  FATORES DE TEXTUALIDADE  - PRONTO
AULA 02 - FATORES DE TEXTUALIDADE - PRONTO
Marcelo Cordeiro Souza
 

Destaque (7)

Concordancia Nominal
Concordancia NominalConcordancia Nominal
Concordancia Nominal
 
Senso Comum e Senso Crítico
Senso Comum e Senso CríticoSenso Comum e Senso Crítico
Senso Comum e Senso Crítico
 
Variação Linguística
Variação LinguísticaVariação Linguística
Variação Linguística
 
Concordância Nominal
Concordância NominalConcordância Nominal
Concordância Nominal
 
ColocaçãO Pronominal
ColocaçãO PronominalColocaçãO Pronominal
ColocaçãO Pronominal
 
Concordância nominal slides
Concordância nominal slidesConcordância nominal slides
Concordância nominal slides
 
AULA 02 - FATORES DE TEXTUALIDADE - PRONTO
AULA 02 -  FATORES DE TEXTUALIDADE  - PRONTOAULA 02 -  FATORES DE TEXTUALIDADE  - PRONTO
AULA 02 - FATORES DE TEXTUALIDADE - PRONTO
 

Semelhante a Informatividade e fuga do senso comum

Análisando artigos de opinião.pptx
Análisando artigos de opinião.pptxAnálisando artigos de opinião.pptx
Análisando artigos de opinião.pptx
CntiaFollmann1
 
CILP 2014 - slides 5 - Redação - aula 12/04/2014
CILP 2014  - slides 5 - Redação - aula 12/04/2014CILP 2014  - slides 5 - Redação - aula 12/04/2014
CILP 2014 - slides 5 - Redação - aula 12/04/2014
jasonrplima
 
Unicamp 1 vestibular 2012 gênero artigo de opinião
Unicamp 1 vestibular 2012 gênero   artigo de opiniãoUnicamp 1 vestibular 2012 gênero   artigo de opinião
Unicamp 1 vestibular 2012 gênero artigo de opinião
Katcavenum
 
Enem slides
Enem slidesEnem slides
Enem slides
nayalves
 
Dissertação argumentativa
Dissertação argumentativaDissertação argumentativa
Dissertação argumentativa
Maurício Francisco Dos Santos
 
LP8 - Currículo em Ação.pdf
LP8 - Currículo em Ação.pdfLP8 - Currículo em Ação.pdf
LP8 - Currículo em Ação.pdf
Euber Medrado
 
enem redação.pptx
enem redação.pptxenem redação.pptx
enem redação.pptx
JssicaCassiano2
 
EducaçãO Para A Diversidade (Out09)
EducaçãO Para A Diversidade (Out09)EducaçãO Para A Diversidade (Out09)
EducaçãO Para A Diversidade (Out09)
José Oliveira Junior
 
Argumentação
ArgumentaçãoArgumentação
Argumentação
Renally Arruda
 
Aula de Revisão para a redação do Enem
Aula de Revisão para a redação do EnemAula de Revisão para a redação do Enem
Aula de Revisão para a redação do Enem
João Mendonça
 
Redação no enem 2013
Redação no enem 2013Redação no enem 2013
Redação no enem 2013
Kleber Brito
 
Apresentação ARTIGO DE OPINIÃO 9º anopptx
Apresentação ARTIGO DE OPINIÃO 9º anopptxApresentação ARTIGO DE OPINIÃO 9º anopptx
Apresentação ARTIGO DE OPINIÃO 9º anopptx
sjcelsorocha
 
Temas ENEM, Dicas de redação.
Temas ENEM, Dicas de redação.Temas ENEM, Dicas de redação.
Temas ENEM, Dicas de redação.
Thiago Bro
 
ava facul uva unijorge (31).pdf
ava facul uva unijorge (31).pdfava facul uva unijorge (31).pdf
Redação enem
Redação enemRedação enem
Redação enem
Josi Motta
 
Curso básico de redação aula 3
Curso básico de redação   aula 3Curso básico de redação   aula 3
Curso básico de redação aula 3
ProfFernandaBraga
 
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdfEletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
barbosajucy47
 
Vanessaalves redacao-2016-001
Vanessaalves redacao-2016-001Vanessaalves redacao-2016-001
Vanessaalves redacao-2016-001
mattoso1970
 
Artigo de opinião [sequência didática]
Artigo de opinião [sequência didática]Artigo de opinião [sequência didática]
Artigo de opinião [sequência didática]
Elis Lima Escapacherri
 
Redação: Artigo de Opinião
Redação: Artigo de OpiniãoRedação: Artigo de Opinião
Redação: Artigo de Opinião
7 de Setembro
 

Semelhante a Informatividade e fuga do senso comum (20)

Análisando artigos de opinião.pptx
Análisando artigos de opinião.pptxAnálisando artigos de opinião.pptx
Análisando artigos de opinião.pptx
 
CILP 2014 - slides 5 - Redação - aula 12/04/2014
CILP 2014  - slides 5 - Redação - aula 12/04/2014CILP 2014  - slides 5 - Redação - aula 12/04/2014
CILP 2014 - slides 5 - Redação - aula 12/04/2014
 
Unicamp 1 vestibular 2012 gênero artigo de opinião
Unicamp 1 vestibular 2012 gênero   artigo de opiniãoUnicamp 1 vestibular 2012 gênero   artigo de opinião
Unicamp 1 vestibular 2012 gênero artigo de opinião
 
Enem slides
Enem slidesEnem slides
Enem slides
 
Dissertação argumentativa
Dissertação argumentativaDissertação argumentativa
Dissertação argumentativa
 
LP8 - Currículo em Ação.pdf
LP8 - Currículo em Ação.pdfLP8 - Currículo em Ação.pdf
LP8 - Currículo em Ação.pdf
 
enem redação.pptx
enem redação.pptxenem redação.pptx
enem redação.pptx
 
EducaçãO Para A Diversidade (Out09)
EducaçãO Para A Diversidade (Out09)EducaçãO Para A Diversidade (Out09)
EducaçãO Para A Diversidade (Out09)
 
Argumentação
ArgumentaçãoArgumentação
Argumentação
 
Aula de Revisão para a redação do Enem
Aula de Revisão para a redação do EnemAula de Revisão para a redação do Enem
Aula de Revisão para a redação do Enem
 
Redação no enem 2013
Redação no enem 2013Redação no enem 2013
Redação no enem 2013
 
Apresentação ARTIGO DE OPINIÃO 9º anopptx
Apresentação ARTIGO DE OPINIÃO 9º anopptxApresentação ARTIGO DE OPINIÃO 9º anopptx
Apresentação ARTIGO DE OPINIÃO 9º anopptx
 
Temas ENEM, Dicas de redação.
Temas ENEM, Dicas de redação.Temas ENEM, Dicas de redação.
Temas ENEM, Dicas de redação.
 
ava facul uva unijorge (31).pdf
ava facul uva unijorge (31).pdfava facul uva unijorge (31).pdf
ava facul uva unijorge (31).pdf
 
Redação enem
Redação enemRedação enem
Redação enem
 
Curso básico de redação aula 3
Curso básico de redação   aula 3Curso básico de redação   aula 3
Curso básico de redação aula 3
 
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdfEletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
 
Vanessaalves redacao-2016-001
Vanessaalves redacao-2016-001Vanessaalves redacao-2016-001
Vanessaalves redacao-2016-001
 
Artigo de opinião [sequência didática]
Artigo de opinião [sequência didática]Artigo de opinião [sequência didática]
Artigo de opinião [sequência didática]
 
Redação: Artigo de Opinião
Redação: Artigo de OpiniãoRedação: Artigo de Opinião
Redação: Artigo de Opinião
 

Mais de João Mendonça

A redação enem dicas
A redação enem dicasA redação enem dicas
A redação enem dicas
João Mendonça
 
O aumento da expectativa de vida no brasil
O aumento da expectativa de vida no brasilO aumento da expectativa de vida no brasil
O aumento da expectativa de vida no brasil
João Mendonça
 
Estrutura da redação enem
Estrutura da redação enemEstrutura da redação enem
Estrutura da redação enem
João Mendonça
 
Lixo no Brasi: um grave problema ambiental
Lixo no Brasi: um grave problema ambientalLixo no Brasi: um grave problema ambiental
Lixo no Brasi: um grave problema ambiental
João Mendonça
 
O processo adotivo no brasil
O processo adotivo no brasilO processo adotivo no brasil
O processo adotivo no brasil
João Mendonça
 
Os desafios dos indígenas na contemporaneidade
Os desafios dos indígenas na contemporaneidadeOs desafios dos indígenas na contemporaneidade
Os desafios dos indígenas na contemporaneidade
João Mendonça
 
Justiça com as próprias mãos
Justiça com as próprias mãosJustiça com as próprias mãos
Justiça com as próprias mãos
João Mendonça
 
Particularidades lexicais da língua portuguesa
Particularidades lexicais da língua portuguesaParticularidades lexicais da língua portuguesa
Particularidades lexicais da língua portuguesa
João Mendonça
 
O crescente número de suicídios no Brasil
O crescente número de suicídios no BrasilO crescente número de suicídios no Brasil
O crescente número de suicídios no Brasil
João Mendonça
 
O trabalho voluntariado no Brasil
O trabalho voluntariado no BrasilO trabalho voluntariado no Brasil
O trabalho voluntariado no Brasil
João Mendonça
 
Os desafios de conviver em sociedade no século XXI
Os desafios de conviver em sociedade no século XXIOs desafios de conviver em sociedade no século XXI
Os desafios de conviver em sociedade no século XXI
João Mendonça
 
A obesidade no brasil
A obesidade no brasilA obesidade no brasil
A obesidade no brasil
João Mendonça
 
Linguagem e estrutura da redação
Linguagem e estrutura da redaçãoLinguagem e estrutura da redação
Linguagem e estrutura da redação
João Mendonça
 
O trabalho escravo no Brasil do século XXI
O trabalho escravo no Brasil do século XXIO trabalho escravo no Brasil do século XXI
O trabalho escravo no Brasil do século XXI
João Mendonça
 
Revisão e dicas para a Redação/Enem
Revisão e dicas para a Redação/EnemRevisão e dicas para a Redação/Enem
Revisão e dicas para a Redação/Enem
João Mendonça
 
Obesidade e mobilidade urbana
Obesidade e mobilidade urbanaObesidade e mobilidade urbana
Obesidade e mobilidade urbana
João Mendonça
 
O trabalho escravo no brasil de hoje
O trabalho escravo no brasil de hojeO trabalho escravo no brasil de hoje
O trabalho escravo no brasil de hoje
João Mendonça
 
O papel do professor no século xxi
O papel do professor no século xxiO papel do professor no século xxi
O papel do professor no século xxi
João Mendonça
 
A problemática da moradia no brasil
A problemática da moradia no brasilA problemática da moradia no brasil
A problemática da moradia no brasil
João Mendonça
 
Valorização da cultura nacional na formação da identidade
Valorização da cultura nacional na formação da identidade Valorização da cultura nacional na formação da identidade
Valorização da cultura nacional na formação da identidade
João Mendonça
 

Mais de João Mendonça (20)

A redação enem dicas
A redação enem dicasA redação enem dicas
A redação enem dicas
 
O aumento da expectativa de vida no brasil
O aumento da expectativa de vida no brasilO aumento da expectativa de vida no brasil
O aumento da expectativa de vida no brasil
 
Estrutura da redação enem
Estrutura da redação enemEstrutura da redação enem
Estrutura da redação enem
 
Lixo no Brasi: um grave problema ambiental
Lixo no Brasi: um grave problema ambientalLixo no Brasi: um grave problema ambiental
Lixo no Brasi: um grave problema ambiental
 
O processo adotivo no brasil
O processo adotivo no brasilO processo adotivo no brasil
O processo adotivo no brasil
 
Os desafios dos indígenas na contemporaneidade
Os desafios dos indígenas na contemporaneidadeOs desafios dos indígenas na contemporaneidade
Os desafios dos indígenas na contemporaneidade
 
Justiça com as próprias mãos
Justiça com as próprias mãosJustiça com as próprias mãos
Justiça com as próprias mãos
 
Particularidades lexicais da língua portuguesa
Particularidades lexicais da língua portuguesaParticularidades lexicais da língua portuguesa
Particularidades lexicais da língua portuguesa
 
O crescente número de suicídios no Brasil
O crescente número de suicídios no BrasilO crescente número de suicídios no Brasil
O crescente número de suicídios no Brasil
 
O trabalho voluntariado no Brasil
O trabalho voluntariado no BrasilO trabalho voluntariado no Brasil
O trabalho voluntariado no Brasil
 
Os desafios de conviver em sociedade no século XXI
Os desafios de conviver em sociedade no século XXIOs desafios de conviver em sociedade no século XXI
Os desafios de conviver em sociedade no século XXI
 
A obesidade no brasil
A obesidade no brasilA obesidade no brasil
A obesidade no brasil
 
Linguagem e estrutura da redação
Linguagem e estrutura da redaçãoLinguagem e estrutura da redação
Linguagem e estrutura da redação
 
O trabalho escravo no Brasil do século XXI
O trabalho escravo no Brasil do século XXIO trabalho escravo no Brasil do século XXI
O trabalho escravo no Brasil do século XXI
 
Revisão e dicas para a Redação/Enem
Revisão e dicas para a Redação/EnemRevisão e dicas para a Redação/Enem
Revisão e dicas para a Redação/Enem
 
Obesidade e mobilidade urbana
Obesidade e mobilidade urbanaObesidade e mobilidade urbana
Obesidade e mobilidade urbana
 
O trabalho escravo no brasil de hoje
O trabalho escravo no brasil de hojeO trabalho escravo no brasil de hoje
O trabalho escravo no brasil de hoje
 
O papel do professor no século xxi
O papel do professor no século xxiO papel do professor no século xxi
O papel do professor no século xxi
 
A problemática da moradia no brasil
A problemática da moradia no brasilA problemática da moradia no brasil
A problemática da moradia no brasil
 
Valorização da cultura nacional na formação da identidade
Valorização da cultura nacional na formação da identidade Valorização da cultura nacional na formação da identidade
Valorização da cultura nacional na formação da identidade
 

Último

O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
Marcelo Botura
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
Maria das Graças Machado Rodrigues
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
SheylaAlves6
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
Falcão Brasil
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
ProfessoraSilmaraArg
 
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
Estuda.com
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Falcão Brasil
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
 
VIAGEM AO PASSADO -
VIAGEM AO PASSADO                        -VIAGEM AO PASSADO                        -
VIAGEM AO PASSADO -
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Festa dos Finalistas .
Festa dos Finalistas                    .Festa dos Finalistas                    .
Festa dos Finalistas .
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
 
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 

Informatividade e fuga do senso comum

  • 1. Informatividade e fuga do senso comum Informatividade Uma das características básicas do texto dissertativo-argumentativo é a informatividade, que é medida pelo grau de conhecimento de mundo manifestado pelo redator do texto. Essa característica impactada diretamente na previsibilidadae de abordagem do texto. Quanto mais informativo for o texto, menos previsível é a abordagem e, consequentemente, mais interessante e consistente é o texto. Para construir um texto com relativa informatividade, é essencial que os alunos tenham um acervo sociocultural abrangente. Sugere-se a leitura de artigos, editoriais, reportagens e crônicas, disponibilizadas, em sua maioria, em jornais, sites e periódicos de grande circulação nacional. Além disso, é interessante que o aluno use a mídia televisiva ou a internet para acessar documentários, análises e programas de debate. Estar a par do cenário nacional e internacional é, portanto, imprescindível. Deve-se, no entanto, não aceitar as informações como verdades universais, devendo haver por parte do leitor uma análise crítica. Vejamos um exemplo de trecho de redação: A violência está presente em todas as esferas sociais. Por exemplo, há rivalidades até entre famílias, com filhos matando pais para tomar o que lhes pertence e irmãos brigando entre si. Além disso, as brigas por posses de terras causam guerras entre países, como ocorreu há pouco tempo e continua acontecendo. Por qualquer motivo se pratica violência: uma simples discussão, ciúmes, um lugar na fila de ônibus etc. Observe que o texto tem um grau de informatividade muito baixo. O parágrafo é muito superficial e equivocadamente generalizante: que tipo de família é essa em que filhos matam pais para roubá-los? Que motivos os levam para proceder assim? Além disso, a que guerras e países se refere o texto? Será que a violência popular realmente nasce “por qualquer motivo”? A baixa informatividade do texto, ao mesmo tempo que provoca o desinteresse do leitor, que tende a abandonar a leitura pelo fato de não encontrar nada de novo nele, também põe em dúvida o conhecimento do autor a respeito do assunto e a própria pertinência do texto. Senso comum Quando a previsibilidade resulta em um texto sem a necessidade de uma reflexão crítica, tem-se o que se chama “senso comum”. Trata-se de argumentos aceitos universalmente, sem necessidade de comprovação, contestação ou questionamento. Argumentos do tipo: “o homem depende do ambiente para viver”, “a mulher de hoje ocupa um papel social diferente da mulher do século XIX”, “a educação é essencial para o desenvolvimento de um país”, ou “a família é essencial para o desenvolvimento do indivíduo” não mais necessitam de reflexão crítica para se chegar à conclusão de que são válidos. Restringir a argumentação a informações desse tipo resulta, portanto, em um texto muito previsível. Há, assim, uma limitação ao senso comum. Além disso, deve-se tomar cuidado com expressões clichês, que pouco contribuem com a informatividade do texto ou por serem óbvias ou por não terem comprovação científica: “o amor é a solução para todos os problemas”, “é hora de acabar com a pouca vergonha na política brasileira”. Eis as principais características do senso comum:  Acrítico – Não há a necessidade de se empregar o raciocínio lógico-dedutivo, estando o texto, assim, isento de questionamentos, comprovações e contestações, o que não contribui para a persuasão.  Subjetivo – Muitas vezes, a argumentação está limitada a uma mera visão pessoal, não comprovada e validada de forma isenta e objetiva.  Superficial – Carece o sendo comum de comprovações, o que resulta em uma abordagem superficial do tema, em que não se discutem causas, efeitos ou exemplos de aplicação concretos. O pensamento senso comum é previsível e superficial. Ele é aceito como válido, não se contestando, questionando ou comprovando seu conteúdo. Opõe-se ao senso comum o senso crítico. Ele é detalhado e menos previsível, pois se apoia no raciocínio lógico. Ele busca contestar, questionar e comprovar as ideias. Deve-se optar, dessa forma, pelo emprego do senso crítico. Para isso, as relações causa-efeito, os exemplos concretos e o julgamento objetivo das informações são imprescindíveis. Como fugir do senso comum?
  • 2. Para fugir do senso comum, não se limitando a reproduzir obviedades, considere os seguintes aspectos:  Especifique as informações com exemplos de situações e fatos concretos.  Agregue à argumentação conhecimento de mundo, trazendo diversas áreas do conhecimento humano para discussão (cuidado apenas para não exigir de seu leitor um conhecimento específico demais).  Construa raciocínios de causa, efeito, comparação, finalidade, ressalva etc. desse modo, você mostrará real conhecimento acerca do assunto. ATIVIDADES 01 – Para cada ideia central a seguir, identifique os parágrafos com os códigos SC (Senso Crítico) ou LSC (Limitação ao Senso Comum). A – Ideia central: A relação entre pais e filhos está em crise atualmente? ( ) A relação entre pais e filhos precisa ser baseada no respeito mútuo, de modo que cada geração possa contribuir com seus ensinamentos. Essa saudável relação possibilitará o fortalecimento da família, importante instituição que contribui para o equilíbrio da sociedade. ( ) Os pais devem compreender que os conflitos entre gerações são necessários, às vezes, para o amadurecimento da sociedade. Os revolucionários que lutaram contra o Regime Militar brasileiro e os participantes do festival Woodstock eram, em grande número, jovens, que sonhavam mudar o mundo com seus ideais. Sendo assim, as tradições da família não sobrevivem, em alguns momentos, aos novos contextos. B – Ideia central: A importância do voto para o exercício da democracia. ( ) O voto é muito importante no sentido de permitir à população a livre escolha de seus representantes. Através dele, torna-se possível exercer plenamente a cidadania, contribuindo, assim, para que os valores democráticos sejam fortalecidos. ( ) O principal instrumento da democracia é o voto. É através dele que os cidadãos exigem o cumprimento dos direitos fundamentais por parte dos governantes, tais como educação e saúde de boa qualidade. Observam-se, no entanto, práticas de venda de votos em troca de favores, muita vezes, insignificantes do ponto de vista coletivo. Como resultado, ocorre a eleição de gestores despreparados às vezes para o cargo, gerando desilusões por parte da população, que não se sente bem representada. C – Ideia central: Por que devemos lidar com as diferenças entre os indivíduos? ( ) Diariamente nos deparamos com pessoas das mais variadas culturas, opiniões e classes sociais. Muitas vezes, são nossos vizinhos, colegas e amigos. Essa convivência enriquece nossas vidas, pois aprendemos a respeitar o nosso próximo, tornando-nos pessoas mais fraternas. ( ) Torna-se necessário lidar com as diferenças entre os indivíduos, tolerando comportamentos e pensamentos. No mercado de trabalho, por exemplo, têm se tornado comuns atividades em grupo, que requerem boa capacidade de relação interpessoal. Sendo assim, para se tornar um profissional competitivo, um dos diferenciais é diferenciar e assimilar as diferenças, não as encarando como entraves. 02 – Desenvolva os parágrafos a seguir usando a criticidade e, consequentemente, fugindo do senso comum. A – O investimento na educação é necessário para o desenvolvimento de uma nação. B – O voto é um importante instrumento para fortalecer a democracia. C – É importante tolerar as diferenças entre os indivíduos nas diversas relações sociais. D – A preservação do meio em que se vive é uma preocupação bastante presente na sociedade moderna. 03 – Redija um parágrafo dissertativo que relacione de forma lógica e crítica as informações contidas no gráfico a seguir: Em R$ 0 500 1000 1500 2000 Ocup. Trab. F Trab. Inf Total Homens Mulheres IBGE, Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios 2009.