SlideShare uma empresa Scribd logo
ADMINISTRAÇÃO DE
MEDICAMENTOS VIA
OFTALMICAEnfª profª Viviane
• OBJETIVO: Administrar medicamentos por via
oftálmica para auxílio no tratamento por ação
local e no exame oftalmológico.
• APLICAÇÃO: Aos pacientes internados,
ambulatoriais e de pronto atendimento com
prescrição médica.
• RESPONSABILIDADES: Enfermeiros, Técnicos e
Auxiliares de Enfermagem.
MATERIAIS: Bandeja, gaze, conta gotas, medicação
prescrita (solução ou pomada), lenço de papel,
luvas e ainda bacia com água morna e toalha de
rosto se os olhos apresentarem crostas ou
secreções.
Preparo do medicamento:
• Conferir as prescrições médica e de enfermagem.
• Fazer a etiqueta de identificação do medicamento
(nome, dose, horário, via de administração – olho
direito esquerdo ou ambos) e paciente (nome e leito).
• Reunir todo o material em uma bandeja.
• Realizar a higienização das mãos.
• Colar a etiqueta de identificação do medicamento.
• Levar a bandeja ao quarto do paciente, colocando-a na
mesa auxiliar
Administração do medicamento:
• Explicar o procedimento ao paciente.
• Colocar o paciente sentado ou elevar a cabeceira.
• Utilizar luvas de procedimentos se houver presença de
secreção.
• Fazer ou auxiliar na lavagem dos olhos, com água morna, se
presença de secreção. Lavar e secar sempre do canto
interno do olho para o externo.
• Realizar a higienização das mãos.
• Solicitar ao paciente que incline a cabeça para trás.
• Afastar com os dedos a pálpebra inferior com uma gaze.
• Solicitar ao paciente que olhe para cima.
Via ocular/ oftálmica
• Apresentação em colírio, pomadas e gel.
• Não administrar o colírio diretamente na
córnea rica em fibras - sensação de dor.
• Pingar no saco conjuntival
• O risco de contaminação de um olho para o
outro é alto.
Em aplicação de colírio:
• - Remover o conta-gotas e pingar o
número de gotas prescritas,
aproximadamente 1 a 2 cm acima
do saco conjuntival, com o cuidado
de não tocar na conjuntiva do
paciente;
• - Se o paciente piscar ou fechar o
olho ou se a gota ficar fora da
margem externa da pálpebra,
repetir o procedimento;
• - Secar o excesso de medicação com
um lenço de papel.
• Soluções Oftálmicas – COLIRIOS
– Acondicionados em frasco conta-gotasAcondicionados em frasco conta-gotas
• Volume de 1 gota é suficiente para cobrir o olho
– Produção de lágrimas dificulta a absorção do
princípio ativo.
– Se tiver que aplicar mais de 1 colírio dar um
intervalo de 5 min entre os colírios.
– Para uso nos Olhos e Pálpebras
colírios
Em aplicação de
pomadas:
• - Aplicar uma fina camada de pomada em toda a
extensão do fórnix inferior, sem tocar a ponta da
bisnaga na conjuntiva do paciente;
• - Limpar o excesso com uma gaze.
• Após a administração do medicamento solicitar
ao paciente que feche o olho delicadamente.
• Proporcionar posição de conforto ao paciente.
• Recolher o material do quarto e encaminhar os
resíduos para o expurgo.
• Lavar a bandeja com água e sabão, secar com
papel toalha e higienizá-la com álcool a 70%.
• Realizar a higienização das mãos.
• Checar o horário da administração do
medicamento na prescrição médica.
• Fazer anotação de enfermagem, se houver
intercorrências.
Recomendações Específicas:
• - É recomendado que o frasco ou tubo do
medicamento seja de uso individual.
• - Evitar contato do material com a conjuntiva
do paciente como medida de prevenção de
infecções cruzadas. Caso ocorra contato,
desprezar o produto.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Educação Permanente em Enfermagem
Educação Permanente em EnfermagemEducação Permanente em Enfermagem
Educação Permanente em Enfermagem
José Carlos Nascimento
 
Administração de injetáveis.pptx
Administração de injetáveis.pptxAdministração de injetáveis.pptx
Administração de injetáveis.pptx
LarissaCampos96
 
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS POR VIA ENDOVENOSA
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS POR VIA ENDOVENOSAADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS POR VIA ENDOVENOSA
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS POR VIA ENDOVENOSA
Ithallo Alves
 
Farmacologia para enfermagem
Farmacologia para enfermagemFarmacologia para enfermagem
Farmacologia para enfermagem
Ana Hollanders
 
Administração de medicamentos via nasal
Administração de medicamentos via nasalAdministração de medicamentos via nasal
Administração de medicamentos via nasal
Viviane da Silva
 
Banho de leito.atualizada
Banho de leito.atualizadaBanho de leito.atualizada
Banho de leito.atualizada
hospital
 
Farmacologia aula-1
Farmacologia aula-1Farmacologia aula-1
Farmacologia aula-1
Renata de O. Marinho Sampaio
 
Cateterismo vesical
Cateterismo vesicalCateterismo vesical
Cateterismo vesical
Rodrigo Abreu
 
Sondagem gastrointestinal
Sondagem gastrointestinalSondagem gastrointestinal
Sondagem gastrointestinal
Rodrigo Abreu
 
SONDAGENS E LAVAGENS
SONDAGENS E LAVAGENSSONDAGENS E LAVAGENS
SONDAGENS E LAVAGENS
Ivanilson Gomes
 
Apresentação administração de medicamentos (1)
Apresentação administração de medicamentos (1)Apresentação administração de medicamentos (1)
Apresentação administração de medicamentos (1)
ANDRESSA POUBEL
 
Administração de Medicamentos
Administração de MedicamentosAdministração de Medicamentos
Administração de Medicamentos
Fabricio Lopes
 
Cálculos para administração de medicamentos
Cálculos para administração de medicamentosCálculos para administração de medicamentos
Cálculos para administração de medicamentos
fabiana vitoria souto
 
Introdução a Farmacologia - Curso Técnico de Enfermagem
Introdução a Farmacologia - Curso Técnico de EnfermagemIntrodução a Farmacologia - Curso Técnico de Enfermagem
Introdução a Farmacologia - Curso Técnico de Enfermagem
RAYANE DORNELAS
 
introdução à farmacologia
 introdução à farmacologia introdução à farmacologia
introdução à farmacologia
Jaqueline Almeida
 
Sondagens
SondagensSondagens
Sondagens
Luana Silva
 
higiene e conforto do paciente
higiene e conforto do pacientehigiene e conforto do paciente
higiene e conforto do paciente
Viviane da Silva
 
Injetáveis com segurança
Injetáveis com segurançaInjetáveis com segurança
Injetáveis com segurança
Ingrid Amanda
 
Teste de glicemia capilar slide
Teste de glicemia capilar   slideTeste de glicemia capilar   slide
Teste de glicemia capilar slide
Renata Nobre
 
administração de medicamentos Via retal
administração de medicamentos Via retaladministração de medicamentos Via retal
administração de medicamentos Via retal
Viviane da Silva
 

Mais procurados (20)

Educação Permanente em Enfermagem
Educação Permanente em EnfermagemEducação Permanente em Enfermagem
Educação Permanente em Enfermagem
 
Administração de injetáveis.pptx
Administração de injetáveis.pptxAdministração de injetáveis.pptx
Administração de injetáveis.pptx
 
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS POR VIA ENDOVENOSA
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS POR VIA ENDOVENOSAADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS POR VIA ENDOVENOSA
ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS POR VIA ENDOVENOSA
 
Farmacologia para enfermagem
Farmacologia para enfermagemFarmacologia para enfermagem
Farmacologia para enfermagem
 
Administração de medicamentos via nasal
Administração de medicamentos via nasalAdministração de medicamentos via nasal
Administração de medicamentos via nasal
 
Banho de leito.atualizada
Banho de leito.atualizadaBanho de leito.atualizada
Banho de leito.atualizada
 
Farmacologia aula-1
Farmacologia aula-1Farmacologia aula-1
Farmacologia aula-1
 
Cateterismo vesical
Cateterismo vesicalCateterismo vesical
Cateterismo vesical
 
Sondagem gastrointestinal
Sondagem gastrointestinalSondagem gastrointestinal
Sondagem gastrointestinal
 
SONDAGENS E LAVAGENS
SONDAGENS E LAVAGENSSONDAGENS E LAVAGENS
SONDAGENS E LAVAGENS
 
Apresentação administração de medicamentos (1)
Apresentação administração de medicamentos (1)Apresentação administração de medicamentos (1)
Apresentação administração de medicamentos (1)
 
Administração de Medicamentos
Administração de MedicamentosAdministração de Medicamentos
Administração de Medicamentos
 
Cálculos para administração de medicamentos
Cálculos para administração de medicamentosCálculos para administração de medicamentos
Cálculos para administração de medicamentos
 
Introdução a Farmacologia - Curso Técnico de Enfermagem
Introdução a Farmacologia - Curso Técnico de EnfermagemIntrodução a Farmacologia - Curso Técnico de Enfermagem
Introdução a Farmacologia - Curso Técnico de Enfermagem
 
introdução à farmacologia
 introdução à farmacologia introdução à farmacologia
introdução à farmacologia
 
Sondagens
SondagensSondagens
Sondagens
 
higiene e conforto do paciente
higiene e conforto do pacientehigiene e conforto do paciente
higiene e conforto do paciente
 
Injetáveis com segurança
Injetáveis com segurançaInjetáveis com segurança
Injetáveis com segurança
 
Teste de glicemia capilar slide
Teste de glicemia capilar   slideTeste de glicemia capilar   slide
Teste de glicemia capilar slide
 
administração de medicamentos Via retal
administração de medicamentos Via retaladministração de medicamentos Via retal
administração de medicamentos Via retal
 

Semelhante a Administração de medicamentos via oftalmica

AULA 13 EDIT.pptx
AULA 13 EDIT.pptxAULA 13 EDIT.pptx
AULA 13 EDIT.pptx
bianca375788
 
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdfAULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
JooHenriqueCarvallho
 
Livro_administracao_de_medicamentos.pdf
Livro_administracao_de_medicamentos.pdfLivro_administracao_de_medicamentos.pdf
Livro_administracao_de_medicamentos.pdf
Denise Bacelar Soares
 
Administração medicamenos via vaginal
Administração medicamenos via vaginalAdministração medicamenos via vaginal
Administração medicamenos via vaginal
Viviane da Silva
 
Fundamentos de Enfermagem Aula 4.pdf
Fundamentos de Enfermagem Aula 4.pdfFundamentos de Enfermagem Aula 4.pdf
Fundamentos de Enfermagem Aula 4.pdf
ssuser4a1ab1
 
Administração de medicamentos docx
Administração de medicamentos  docxAdministração de medicamentos  docx
Administração de medicamentos docx
Fabricio Marques Moreira
 
Cuidados Gerais no Preparo e Administração dos Medicamentos.ppt
Cuidados Gerais no Preparo e Administração dos Medicamentos.pptCuidados Gerais no Preparo e Administração dos Medicamentos.ppt
Cuidados Gerais no Preparo e Administração dos Medicamentos.ppt
VivianePereira485260
 
Administração de Medicamentos.pptx
Administração de Medicamentos.pptxAdministração de Medicamentos.pptx
Administração de Medicamentos.pptx
bianca375788
 
Aula 6_ medicacao intramuscular_1629812068.pptx
Aula 6_ medicacao intramuscular_1629812068.pptxAula 6_ medicacao intramuscular_1629812068.pptx
Aula 6_ medicacao intramuscular_1629812068.pptx
AnaPaulaLima189022
 
Rotinas de procedimentos para enfermagem
Rotinas de procedimentos para enfermagemRotinas de procedimentos para enfermagem
Rotinas de procedimentos para enfermagem
Gis Ferreira
 
Aconselhamento à Comunidade
Aconselhamento à ComunidadeAconselhamento à Comunidade
Aconselhamento à Comunidade
Giovana Pieck
 
Aula 07- Administração de medicamentos em pediatria.pptx
Aula 07- Administração de medicamentos  em pediatria.pptxAula 07- Administração de medicamentos  em pediatria.pptx
Aula 07- Administração de medicamentos em pediatria.pptx
THAINALIMA25
 
_Administrao_de_Medicamentos-1.ppt
_Administrao_de_Medicamentos-1.ppt_Administrao_de_Medicamentos-1.ppt
_Administrao_de_Medicamentos-1.ppt
CELEYCOELHODESOUZA
 
VIAS DE ADMINISTRAÇÃO DAS MEDICAÇÕES.pdf
VIAS DE ADMINISTRAÇÃO DAS MEDICAÇÕES.pdfVIAS DE ADMINISTRAÇÃO DAS MEDICAÇÕES.pdf
VIAS DE ADMINISTRAÇÃO DAS MEDICAÇÕES.pdf
JessicaAngelo5
 
vias de adm08-57-52-aulapratica.pdf
vias de adm08-57-52-aulapratica.pdfvias de adm08-57-52-aulapratica.pdf
vias de adm08-57-52-aulapratica.pdf
LarissaMachado97
 
5343303 tipos-de-curativos
5343303 tipos-de-curativos5343303 tipos-de-curativos
5343303 tipos-de-curativos
Lucia Tome
 
MEDICAMENTOS
MEDICAMENTOSMEDICAMENTOS
MEDICAMENTOS
MarlaSoutoFranzolli1
 
Administração de medicamentos em suma
Administração de medicamentos em sumaAdministração de medicamentos em suma
Administração de medicamentos em suma
Oséias Ferreira
 
PREPARO E ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS PDF.pdf
PREPARO E ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS PDF.pdfPREPARO E ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS PDF.pdf
PREPARO E ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS PDF.pdf
Raquel Souza
 
Higiene oral
Higiene oralHigiene oral
Higiene oral
Paula Soares
 

Semelhante a Administração de medicamentos via oftalmica (20)

AULA 13 EDIT.pptx
AULA 13 EDIT.pptxAULA 13 EDIT.pptx
AULA 13 EDIT.pptx
 
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdfAULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
AULA 03 - ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS.pdf
 
Livro_administracao_de_medicamentos.pdf
Livro_administracao_de_medicamentos.pdfLivro_administracao_de_medicamentos.pdf
Livro_administracao_de_medicamentos.pdf
 
Administração medicamenos via vaginal
Administração medicamenos via vaginalAdministração medicamenos via vaginal
Administração medicamenos via vaginal
 
Fundamentos de Enfermagem Aula 4.pdf
Fundamentos de Enfermagem Aula 4.pdfFundamentos de Enfermagem Aula 4.pdf
Fundamentos de Enfermagem Aula 4.pdf
 
Administração de medicamentos docx
Administração de medicamentos  docxAdministração de medicamentos  docx
Administração de medicamentos docx
 
Cuidados Gerais no Preparo e Administração dos Medicamentos.ppt
Cuidados Gerais no Preparo e Administração dos Medicamentos.pptCuidados Gerais no Preparo e Administração dos Medicamentos.ppt
Cuidados Gerais no Preparo e Administração dos Medicamentos.ppt
 
Administração de Medicamentos.pptx
Administração de Medicamentos.pptxAdministração de Medicamentos.pptx
Administração de Medicamentos.pptx
 
Aula 6_ medicacao intramuscular_1629812068.pptx
Aula 6_ medicacao intramuscular_1629812068.pptxAula 6_ medicacao intramuscular_1629812068.pptx
Aula 6_ medicacao intramuscular_1629812068.pptx
 
Rotinas de procedimentos para enfermagem
Rotinas de procedimentos para enfermagemRotinas de procedimentos para enfermagem
Rotinas de procedimentos para enfermagem
 
Aconselhamento à Comunidade
Aconselhamento à ComunidadeAconselhamento à Comunidade
Aconselhamento à Comunidade
 
Aula 07- Administração de medicamentos em pediatria.pptx
Aula 07- Administração de medicamentos  em pediatria.pptxAula 07- Administração de medicamentos  em pediatria.pptx
Aula 07- Administração de medicamentos em pediatria.pptx
 
_Administrao_de_Medicamentos-1.ppt
_Administrao_de_Medicamentos-1.ppt_Administrao_de_Medicamentos-1.ppt
_Administrao_de_Medicamentos-1.ppt
 
VIAS DE ADMINISTRAÇÃO DAS MEDICAÇÕES.pdf
VIAS DE ADMINISTRAÇÃO DAS MEDICAÇÕES.pdfVIAS DE ADMINISTRAÇÃO DAS MEDICAÇÕES.pdf
VIAS DE ADMINISTRAÇÃO DAS MEDICAÇÕES.pdf
 
vias de adm08-57-52-aulapratica.pdf
vias de adm08-57-52-aulapratica.pdfvias de adm08-57-52-aulapratica.pdf
vias de adm08-57-52-aulapratica.pdf
 
5343303 tipos-de-curativos
5343303 tipos-de-curativos5343303 tipos-de-curativos
5343303 tipos-de-curativos
 
MEDICAMENTOS
MEDICAMENTOSMEDICAMENTOS
MEDICAMENTOS
 
Administração de medicamentos em suma
Administração de medicamentos em sumaAdministração de medicamentos em suma
Administração de medicamentos em suma
 
PREPARO E ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS PDF.pdf
PREPARO E ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS PDF.pdfPREPARO E ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS PDF.pdf
PREPARO E ADMINISTRAÇÃO DE MEDICAMENTOS PDF.pdf
 
Higiene oral
Higiene oralHigiene oral
Higiene oral
 

Mais de Viviane da Silva

Características recém nascidos: o que é normal e o que não é
Características recém nascidos: o que é normal e o que não éCaracterísticas recém nascidos: o que é normal e o que não é
Características recém nascidos: o que é normal e o que não é
Viviane da Silva
 
Apostila puerperio
Apostila puerperioApostila puerperio
Apostila puerperio
Viviane da Silva
 
Cancer de pele
Cancer de peleCancer de pele
Cancer de pele
Viviane da Silva
 
Cuidados com dreno de suctor
Cuidados com dreno de suctorCuidados com dreno de suctor
Cuidados com dreno de suctor
Viviane da Silva
 
Aula Remoção manual impactação fecal (fecaloma)
Aula Remoção manual impactação fecal (fecaloma)Aula Remoção manual impactação fecal (fecaloma)
Aula Remoção manual impactação fecal (fecaloma)
Viviane da Silva
 
Calculo permanganato de potassio
Calculo permanganato de potassioCalculo permanganato de potassio
Calculo permanganato de potassio
Viviane da Silva
 
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditato
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditatoAula assistência de enfermagem no puerperio imeditato
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditato
Viviane da Silva
 
Aula 2 conceitos e definições
Aula 2 conceitos e definições Aula 2 conceitos e definições
Aula 2 conceitos e definições
Viviane da Silva
 
Manual feridas ministerio da saude
Manual feridas ministerio da saudeManual feridas ministerio da saude
Manual feridas ministerio da saude
Viviane da Silva
 
Aula feridas e curativos
Aula feridas e curativosAula feridas e curativos
Aula feridas e curativos
Viviane da Silva
 
Manual anotacoes-de-enfermagem-coren-sp
Manual anotacoes-de-enfermagem-coren-spManual anotacoes-de-enfermagem-coren-sp
Manual anotacoes-de-enfermagem-coren-sp
Viviane da Silva
 
Aula 1 orientações gerais e cuidados pessoais
Aula 1 orientações gerais e cuidados pessoaisAula 1 orientações gerais e cuidados pessoais
Aula 1 orientações gerais e cuidados pessoais
Viviane da Silva
 
Aula sinais vitais
Aula sinais vitaisAula sinais vitais
Aula sinais vitais
Viviane da Silva
 
Higiene corporea do cliente
Higiene corporea do clienteHigiene corporea do cliente
Higiene corporea do cliente
Viviane da Silva
 
Limpeza terminal
Limpeza terminalLimpeza terminal
Limpeza terminal
Viviane da Silva
 
Manual procedimento vacinação
Manual procedimento vacinaçãoManual procedimento vacinação
Manual procedimento vacinação
Viviane da Silva
 
Reformapsiquiatrica
ReformapsiquiatricaReformapsiquiatrica
Reformapsiquiatrica
Viviane da Silva
 
Aula acessos venosos
Aula acessos venososAula acessos venosos
Aula acessos venosos
Viviane da Silva
 
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
Viviane da Silva
 
Adm med via intramuscular
Adm med via intramuscularAdm med via intramuscular
Adm med via intramuscular
Viviane da Silva
 

Mais de Viviane da Silva (20)

Características recém nascidos: o que é normal e o que não é
Características recém nascidos: o que é normal e o que não éCaracterísticas recém nascidos: o que é normal e o que não é
Características recém nascidos: o que é normal e o que não é
 
Apostila puerperio
Apostila puerperioApostila puerperio
Apostila puerperio
 
Cancer de pele
Cancer de peleCancer de pele
Cancer de pele
 
Cuidados com dreno de suctor
Cuidados com dreno de suctorCuidados com dreno de suctor
Cuidados com dreno de suctor
 
Aula Remoção manual impactação fecal (fecaloma)
Aula Remoção manual impactação fecal (fecaloma)Aula Remoção manual impactação fecal (fecaloma)
Aula Remoção manual impactação fecal (fecaloma)
 
Calculo permanganato de potassio
Calculo permanganato de potassioCalculo permanganato de potassio
Calculo permanganato de potassio
 
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditato
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditatoAula assistência de enfermagem no puerperio imeditato
Aula assistência de enfermagem no puerperio imeditato
 
Aula 2 conceitos e definições
Aula 2 conceitos e definições Aula 2 conceitos e definições
Aula 2 conceitos e definições
 
Manual feridas ministerio da saude
Manual feridas ministerio da saudeManual feridas ministerio da saude
Manual feridas ministerio da saude
 
Aula feridas e curativos
Aula feridas e curativosAula feridas e curativos
Aula feridas e curativos
 
Manual anotacoes-de-enfermagem-coren-sp
Manual anotacoes-de-enfermagem-coren-spManual anotacoes-de-enfermagem-coren-sp
Manual anotacoes-de-enfermagem-coren-sp
 
Aula 1 orientações gerais e cuidados pessoais
Aula 1 orientações gerais e cuidados pessoaisAula 1 orientações gerais e cuidados pessoais
Aula 1 orientações gerais e cuidados pessoais
 
Aula sinais vitais
Aula sinais vitaisAula sinais vitais
Aula sinais vitais
 
Higiene corporea do cliente
Higiene corporea do clienteHigiene corporea do cliente
Higiene corporea do cliente
 
Limpeza terminal
Limpeza terminalLimpeza terminal
Limpeza terminal
 
Manual procedimento vacinação
Manual procedimento vacinaçãoManual procedimento vacinação
Manual procedimento vacinação
 
Reformapsiquiatrica
ReformapsiquiatricaReformapsiquiatrica
Reformapsiquiatrica
 
Aula acessos venosos
Aula acessos venososAula acessos venosos
Aula acessos venosos
 
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
 
Adm med via intramuscular
Adm med via intramuscularAdm med via intramuscular
Adm med via intramuscular
 

Último

Descubra os segredos do emagrecimento sustentável: Dicas práticas e estratégi...
Descubra os segredos do emagrecimento sustentável: Dicas práticas e estratégi...Descubra os segredos do emagrecimento sustentável: Dicas práticas e estratégi...
Descubra os segredos do emagrecimento sustentável: Dicas práticas e estratégi...
Lenilson Souza
 
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptxA-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
walterjose20
 
aula 06 - Distúrbios Hemodinâmicos ( circulatórios).pdf
aula 06 - Distúrbios Hemodinâmicos ( circulatórios).pdfaula 06 - Distúrbios Hemodinâmicos ( circulatórios).pdf
aula 06 - Distúrbios Hemodinâmicos ( circulatórios).pdf
ADRIANEGOMESDASILVA
 
higienização de espaços e equipamentos
higienização de espaços    e equipamentoshigienização de espaços    e equipamentos
higienização de espaços e equipamentos
Manuel Pacheco Vieira
 
Sistema Reprodutor Feminino curso tec. de enfermagem
Sistema Reprodutor Feminino curso tec. de enfermagemSistema Reprodutor Feminino curso tec. de enfermagem
Sistema Reprodutor Feminino curso tec. de enfermagem
BarbaraKelle
 
Saúde coletiva para técnicos em enfermagem
Saúde coletiva para técnicos em enfermagemSaúde coletiva para técnicos em enfermagem
Saúde coletiva para técnicos em enfermagem
DavyllaVerasMenezes
 
higienização de espaços e equipamentos
higienização de    espaços e equipamentoshigienização de    espaços e equipamentos
higienização de espaços e equipamentos
Manuel Pacheco Vieira
 
AULA 04.06. BOTOX.pdfHarmonizaçao Facia
AULA 04.06. BOTOX.pdfHarmonizaçao  FaciaAULA 04.06. BOTOX.pdfHarmonizaçao  Facia
AULA 04.06. BOTOX.pdfHarmonizaçao Facia
AntonioXavier35
 
saúde coletiva para tecnico em enfermagem
saúde coletiva para tecnico em enfermagemsaúde coletiva para tecnico em enfermagem
saúde coletiva para tecnico em enfermagem
DavyllaVerasMenezes
 
8. Medicamentos que atuam no Sistema Endócrino.pdf
8. Medicamentos que atuam no Sistema Endócrino.pdf8. Medicamentos que atuam no Sistema Endócrino.pdf
8. Medicamentos que atuam no Sistema Endócrino.pdf
jhordana1
 
Medicamentos que atuam no Sistema Digestório.pdf
Medicamentos que atuam no Sistema Digestório.pdfMedicamentos que atuam no Sistema Digestório.pdf
Medicamentos que atuam no Sistema Digestório.pdf
jhordana1
 

Último (11)

Descubra os segredos do emagrecimento sustentável: Dicas práticas e estratégi...
Descubra os segredos do emagrecimento sustentável: Dicas práticas e estratégi...Descubra os segredos do emagrecimento sustentável: Dicas práticas e estratégi...
Descubra os segredos do emagrecimento sustentável: Dicas práticas e estratégi...
 
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptxA-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
 
aula 06 - Distúrbios Hemodinâmicos ( circulatórios).pdf
aula 06 - Distúrbios Hemodinâmicos ( circulatórios).pdfaula 06 - Distúrbios Hemodinâmicos ( circulatórios).pdf
aula 06 - Distúrbios Hemodinâmicos ( circulatórios).pdf
 
higienização de espaços e equipamentos
higienização de espaços    e equipamentoshigienização de espaços    e equipamentos
higienização de espaços e equipamentos
 
Sistema Reprodutor Feminino curso tec. de enfermagem
Sistema Reprodutor Feminino curso tec. de enfermagemSistema Reprodutor Feminino curso tec. de enfermagem
Sistema Reprodutor Feminino curso tec. de enfermagem
 
Saúde coletiva para técnicos em enfermagem
Saúde coletiva para técnicos em enfermagemSaúde coletiva para técnicos em enfermagem
Saúde coletiva para técnicos em enfermagem
 
higienização de espaços e equipamentos
higienização de    espaços e equipamentoshigienização de    espaços e equipamentos
higienização de espaços e equipamentos
 
AULA 04.06. BOTOX.pdfHarmonizaçao Facia
AULA 04.06. BOTOX.pdfHarmonizaçao  FaciaAULA 04.06. BOTOX.pdfHarmonizaçao  Facia
AULA 04.06. BOTOX.pdfHarmonizaçao Facia
 
saúde coletiva para tecnico em enfermagem
saúde coletiva para tecnico em enfermagemsaúde coletiva para tecnico em enfermagem
saúde coletiva para tecnico em enfermagem
 
8. Medicamentos que atuam no Sistema Endócrino.pdf
8. Medicamentos que atuam no Sistema Endócrino.pdf8. Medicamentos que atuam no Sistema Endócrino.pdf
8. Medicamentos que atuam no Sistema Endócrino.pdf
 
Medicamentos que atuam no Sistema Digestório.pdf
Medicamentos que atuam no Sistema Digestório.pdfMedicamentos que atuam no Sistema Digestório.pdf
Medicamentos que atuam no Sistema Digestório.pdf
 

Administração de medicamentos via oftalmica

  • 2. • OBJETIVO: Administrar medicamentos por via oftálmica para auxílio no tratamento por ação local e no exame oftalmológico. • APLICAÇÃO: Aos pacientes internados, ambulatoriais e de pronto atendimento com prescrição médica. • RESPONSABILIDADES: Enfermeiros, Técnicos e Auxiliares de Enfermagem. MATERIAIS: Bandeja, gaze, conta gotas, medicação prescrita (solução ou pomada), lenço de papel, luvas e ainda bacia com água morna e toalha de rosto se os olhos apresentarem crostas ou secreções.
  • 3. Preparo do medicamento: • Conferir as prescrições médica e de enfermagem. • Fazer a etiqueta de identificação do medicamento (nome, dose, horário, via de administração – olho direito esquerdo ou ambos) e paciente (nome e leito). • Reunir todo o material em uma bandeja. • Realizar a higienização das mãos. • Colar a etiqueta de identificação do medicamento. • Levar a bandeja ao quarto do paciente, colocando-a na mesa auxiliar
  • 4. Administração do medicamento: • Explicar o procedimento ao paciente. • Colocar o paciente sentado ou elevar a cabeceira. • Utilizar luvas de procedimentos se houver presença de secreção. • Fazer ou auxiliar na lavagem dos olhos, com água morna, se presença de secreção. Lavar e secar sempre do canto interno do olho para o externo. • Realizar a higienização das mãos. • Solicitar ao paciente que incline a cabeça para trás. • Afastar com os dedos a pálpebra inferior com uma gaze. • Solicitar ao paciente que olhe para cima.
  • 5. Via ocular/ oftálmica • Apresentação em colírio, pomadas e gel. • Não administrar o colírio diretamente na córnea rica em fibras - sensação de dor. • Pingar no saco conjuntival • O risco de contaminação de um olho para o outro é alto.
  • 6.
  • 7. Em aplicação de colírio: • - Remover o conta-gotas e pingar o número de gotas prescritas, aproximadamente 1 a 2 cm acima do saco conjuntival, com o cuidado de não tocar na conjuntiva do paciente; • - Se o paciente piscar ou fechar o olho ou se a gota ficar fora da margem externa da pálpebra, repetir o procedimento; • - Secar o excesso de medicação com um lenço de papel.
  • 8. • Soluções Oftálmicas – COLIRIOS – Acondicionados em frasco conta-gotasAcondicionados em frasco conta-gotas • Volume de 1 gota é suficiente para cobrir o olho – Produção de lágrimas dificulta a absorção do princípio ativo. – Se tiver que aplicar mais de 1 colírio dar um intervalo de 5 min entre os colírios. – Para uso nos Olhos e Pálpebras
  • 10. Em aplicação de pomadas: • - Aplicar uma fina camada de pomada em toda a extensão do fórnix inferior, sem tocar a ponta da bisnaga na conjuntiva do paciente; • - Limpar o excesso com uma gaze. • Após a administração do medicamento solicitar ao paciente que feche o olho delicadamente. • Proporcionar posição de conforto ao paciente. • Recolher o material do quarto e encaminhar os resíduos para o expurgo. • Lavar a bandeja com água e sabão, secar com papel toalha e higienizá-la com álcool a 70%. • Realizar a higienização das mãos. • Checar o horário da administração do medicamento na prescrição médica. • Fazer anotação de enfermagem, se houver intercorrências.
  • 11. Recomendações Específicas: • - É recomendado que o frasco ou tubo do medicamento seja de uso individual. • - Evitar contato do material com a conjuntiva do paciente como medida de prevenção de infecções cruzadas. Caso ocorra contato, desprezar o produto.