SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 39
Baixar para ler offline
Dannilo Miranda
Colheita de Soja
Por que colher?
Soja no mundo
Produção: 317,253 milhões de toneladas
Área plantada: 118,135 milhões de hectares
Soja no Brasil (2° maior produtor mundial)
Produção: 95,070 milhões de toneladas
Área plantada: 31,573 milhões de hectares
Produtividade: 3.011 kg/ha
Colheita
Consumo interno de grãos (CONAB): 39,936 milhões
de toneladas
Exportação de Grão (Agrostat): 45,7 milhões de
toneladas - U$ 23,3 bilhões
Colheita
Umidade de grãos
Relacionado diretamente com a resistência dos
grãos ao dano mecânico,
sendo a faixa de umidade de 12 a 15% o ideal.
Escalonamento da colheita
Deve ser levada em consideração até mesmo na
escolha da cultivar.
Colheita
Observações
Condições Climáticas adversas
Antecipação da colheita
Disponibilidade de secagem
Custo com secagem
Colheita
Quando colher?
Acompanhar ciclo da cultura
Estádio de Maturação Fisiológica(R8-R9)
Quais os cuidados e observações na pré-colheita?
Cultura: Homogeneidade
Área livre de impurezas
Dessecação
Clima
Colheita
Maquinário
Manutenção;
Regulagens;
Colheita
Texto ou subtópicos.
Tópico
onte:http://www.massey.com.br/hotsites/colheitadeirasAxiais/
Reparo de peças quebradas e desgastadas,
rolamentos, correias e correntes;
Verificação de funcionamento dos sistemas;
Troca de óleo e lubrificação correta de engrenagens e
regiões que geram moviment0 para os sistemas;
Manutenções
Manutenções
Retirar grãos ou sementes de forma eficiente;
Minimizar perdas
Qualidade de grãos e sementes
Colheita
Trilhagem
Limpeza
Colhedora
Texto ou subtópicos.
Colhedora
Fonte: ColhedoraFatec.pdf – 24/03/2012
Molinete
Direcionar as plantas para a barra de corte, de
forma que estas sejam empurradas para a região de
ação do transportador helicoidal;
Barra de corte
Realiza o corte das hastes das plantas;
Sistema de corte e alimentação
Texto ou subtópicos.
Tópico
Fonte: https://i.ytimg.com/vi/zUTipGY1m7Y/maxresdefault.jpg
Sem-Fim transportador
Conduz o material cortado até o condutor
longitudinal;
Esteira alimentadora (Condutor longitudinal)
Conduz o material cortado ao sistema de trilha;
Sistema de corte e alimentação
Texto ou subtópicos.
Tópico
Fonte: Avaliação de desempenho de duas plataformas de corte para colhedoras de grãos.PDF
Texto ou subtópicos.
Tópico
Fonte: Miranda, D.(2015)
Rotação do molinete;
Sistema de corte e alimentação
Fonte: http://www.massey.com.br/hotsites/colheitadeirasAxiais/
Rotação do transportador longitudinal
Distância do fundo da plataforma;
Danos mecânicos ao grão;
10mm do fundo da plataforma(Soja);
130 – 160 rpm;
Sistema de corte e alimentação
Cilindro e côncavo
Separar grãos das vagens;
Excesso de ação;
Rotação(1500 pm);
Espaçamento;
Entrada (11 – 13mm)
Saída (8-10mm)
Rotor(700-800 rpm)
Sistema de Trilha
Separar palha dos grãos que não caíram no bandejão
pela grelha do côncavo.
Saca palhas promove agitação levando os grãos ao
bandejão e descarta a palha livre de grãos.
Batedor traseiro direciona o material para o saca
palhas;
Sistema de separação
Texto ou subtópicos.
Tópico
Fonte: Fonte: Avaliação de desempenho de duas plataformas de corte para colhedoras de grãos.PDF
Promove a remoção do restante da cultura;
Peneiras
Ventilador
Elevador de retrilha
Bandejão
Sem-Fim
Sistema de limpeza
Texto ou subtópicos.
Tópico
Fonte: http://www.massey.com.br/hotsites/colheitadeirasAxiais/
Texto ou subtópicos.
Tópico
Fonte: Fonte: Avaliação de desempenho de duas plataformas de corte para colhedoras de grãos.PDF
Tanque graneleiro;
Capacidade
Tubo de descarga;
Quantidade
Elevador de grãos;
Sem fim de grãos;
Sistema de transporte
Texto ou subtópicos.
Tópico
Fonte:http://www.massey.com.br/hotsites/colheitadeirasHibridas/#
Tipos de Perdas
Anteriores à colheita;
 Perdas na plataforma;
Perdas na trilhagem;
Perdas
Copo – EMBRAPA;
Cálculo por peso das sementes;
Cálculo de perdas
Fonte:https://www.embrapa.br/bme_images/m/52160040m.jpg
Colhedoras Faz. GEAGRA
Perdas
Proibida a presença de soja/rebrota na lavoura;
Importância
Manejo a evitar e combater a Ferrugem asiática;
Período
Goiás: de 1º de julho até 30 de setembro -
(Plantio permitido de 1º de out até 31 de dez)
Vazio sanitário
Transporte a Granel
Realizado via carreta;
Silo de Armazenagem (Armazém)
Amostragem de grãos
Controle de umidade no silo
Transporte e armazenagem
Baixa umidade - Poder de Germinação
Secadores comerciais
Secadores acoplados aos silos
Controle de fluxo do ar
30m³/min/t
Transporte e armazenagem
Fonte: http://www.portodoitaqui.ma.gov.br/_files/gallery/125.jpg
 Umidade relativa – não promover ventilação;
Transilagem
Reduzir temperatura e renovar ar do ambiente;
Higienização
Pastilhas de fosfina;
Expurgo;
Armazenagem
Silo Bolsa
Maquinário de ensilagem;
Tempo de armazenagem;
Perdas;
Silos
Fonte:http://www.ombu.com.br/imagens/maquinas/embutidora_egso.jpg
Silo Metálico
Fonte: http://www.solucoesindustriais.com.br/images/produtos/imagens_10005/p_silos-de-armazenagem-4.jpg
Permanência no campo;
Silo bolsa
Fonte: http://www.agromeat.com/82198/%C2%BFpueden-llegar-a-escasear-los-silo-bolsa
Dannilo Miranda
dannilomiranda@gmail.com
(62) 9901-6405
Obrigado!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conhecimentos Gerais da Cultura do Amendoim
Conhecimentos Gerais da Cultura do AmendoimConhecimentos Gerais da Cultura do Amendoim
Conhecimentos Gerais da Cultura do AmendoimWilgner Landemberger
 
MORFOLOGIA E FENOLOGIA DA CULTURA DA SOJA
MORFOLOGIA E FENOLOGIA DA CULTURA DA SOJAMORFOLOGIA E FENOLOGIA DA CULTURA DA SOJA
MORFOLOGIA E FENOLOGIA DA CULTURA DA SOJAGeagra UFG
 
Colheita do Arroz
Colheita do ArrozColheita do Arroz
Colheita do ArrozGeagra UFG
 
Sorgo: Colheita e beneficiamento
Sorgo: Colheita e beneficiamento			 			Sorgo: Colheita e beneficiamento
Sorgo: Colheita e beneficiamento Geagra UFG
 
Cultura do Feijão Caupi e Cultura do Milho
Cultura do Feijão Caupi e Cultura do MilhoCultura do Feijão Caupi e Cultura do Milho
Cultura do Feijão Caupi e Cultura do MilhoÍtalo Arrais
 
Sistemas de Plantio do Arroz
Sistemas de Plantio do ArrozSistemas de Plantio do Arroz
Sistemas de Plantio do ArrozGeagra UFG
 
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DO FEIJOEIRO
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DO FEIJOEIROFENOLOGIA E FISIOLOGIA DO FEIJOEIRO
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DO FEIJOEIROGeagra UFG
 
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃOINTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃOGeagra UFG
 
Pós-colheita e armazenamento de grãos
Pós-colheita e armazenamento de grãosPós-colheita e armazenamento de grãos
Pós-colheita e armazenamento de grãosGETA - UFG
 
Fenologia da soja, milho e algodão
Fenologia da soja, milho e algodãoFenologia da soja, milho e algodão
Fenologia da soja, milho e algodãoGeagra UFG
 
MORFOLOGIA E FISIOLOGIA DO ALGODOEIRO
MORFOLOGIA E FISIOLOGIA DO ALGODOEIROMORFOLOGIA E FISIOLOGIA DO ALGODOEIRO
MORFOLOGIA E FISIOLOGIA DO ALGODOEIROGeagra UFG
 
Fenologia e Fisiologia da soja
Fenologia e Fisiologia da sojaFenologia e Fisiologia da soja
Fenologia e Fisiologia da sojaGeagra UFG
 
Fenologia e Fisiologia do Girassol
Fenologia e Fisiologia do GirassolFenologia e Fisiologia do Girassol
Fenologia e Fisiologia do GirassolGeagra UFG
 
Colheita do Algodão
Colheita do AlgodãoColheita do Algodão
Colheita do AlgodãoGeagra UFG
 
Plantas daninhas e seu controle
Plantas daninhas e seu controlePlantas daninhas e seu controle
Plantas daninhas e seu controleGeagra UFG
 
Preparação do Solo e Aplicação
Preparação do Solo e AplicaçãoPreparação do Solo e Aplicação
Preparação do Solo e AplicaçãoGeagra UFG
 
Introdução à cultura e aspectos econômicos da soja
Introdução à cultura e aspectos econômicos da sojaIntrodução à cultura e aspectos econômicos da soja
Introdução à cultura e aspectos econômicos da sojaGeagra UFG
 
Como a Planta de Arroz de Desenvolve
Como a Planta de Arroz de DesenvolveComo a Planta de Arroz de Desenvolve
Como a Planta de Arroz de DesenvolveGeagra UFG
 
Identificação de plantas daninhas
Identificação de plantas daninhasIdentificação de plantas daninhas
Identificação de plantas daninhasGeagra UFG
 
cultura do arroz slide simplificado
cultura do arroz slide simplificadocultura do arroz slide simplificado
cultura do arroz slide simplificadoAndre Vinicius
 

Mais procurados (20)

Conhecimentos Gerais da Cultura do Amendoim
Conhecimentos Gerais da Cultura do AmendoimConhecimentos Gerais da Cultura do Amendoim
Conhecimentos Gerais da Cultura do Amendoim
 
MORFOLOGIA E FENOLOGIA DA CULTURA DA SOJA
MORFOLOGIA E FENOLOGIA DA CULTURA DA SOJAMORFOLOGIA E FENOLOGIA DA CULTURA DA SOJA
MORFOLOGIA E FENOLOGIA DA CULTURA DA SOJA
 
Colheita do Arroz
Colheita do ArrozColheita do Arroz
Colheita do Arroz
 
Sorgo: Colheita e beneficiamento
Sorgo: Colheita e beneficiamento			 			Sorgo: Colheita e beneficiamento
Sorgo: Colheita e beneficiamento
 
Cultura do Feijão Caupi e Cultura do Milho
Cultura do Feijão Caupi e Cultura do MilhoCultura do Feijão Caupi e Cultura do Milho
Cultura do Feijão Caupi e Cultura do Milho
 
Sistemas de Plantio do Arroz
Sistemas de Plantio do ArrozSistemas de Plantio do Arroz
Sistemas de Plantio do Arroz
 
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DO FEIJOEIRO
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DO FEIJOEIROFENOLOGIA E FISIOLOGIA DO FEIJOEIRO
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DO FEIJOEIRO
 
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃOINTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO
INTRODUÇÃO À CULTURA DO FEIJÃO
 
Pós-colheita e armazenamento de grãos
Pós-colheita e armazenamento de grãosPós-colheita e armazenamento de grãos
Pós-colheita e armazenamento de grãos
 
Fenologia da soja, milho e algodão
Fenologia da soja, milho e algodãoFenologia da soja, milho e algodão
Fenologia da soja, milho e algodão
 
MORFOLOGIA E FISIOLOGIA DO ALGODOEIRO
MORFOLOGIA E FISIOLOGIA DO ALGODOEIROMORFOLOGIA E FISIOLOGIA DO ALGODOEIRO
MORFOLOGIA E FISIOLOGIA DO ALGODOEIRO
 
Fenologia e Fisiologia da soja
Fenologia e Fisiologia da sojaFenologia e Fisiologia da soja
Fenologia e Fisiologia da soja
 
Fenologia e Fisiologia do Girassol
Fenologia e Fisiologia do GirassolFenologia e Fisiologia do Girassol
Fenologia e Fisiologia do Girassol
 
Colheita do Algodão
Colheita do AlgodãoColheita do Algodão
Colheita do Algodão
 
Plantas daninhas e seu controle
Plantas daninhas e seu controlePlantas daninhas e seu controle
Plantas daninhas e seu controle
 
Preparação do Solo e Aplicação
Preparação do Solo e AplicaçãoPreparação do Solo e Aplicação
Preparação do Solo e Aplicação
 
Introdução à cultura e aspectos econômicos da soja
Introdução à cultura e aspectos econômicos da sojaIntrodução à cultura e aspectos econômicos da soja
Introdução à cultura e aspectos econômicos da soja
 
Como a Planta de Arroz de Desenvolve
Como a Planta de Arroz de DesenvolveComo a Planta de Arroz de Desenvolve
Como a Planta de Arroz de Desenvolve
 
Identificação de plantas daninhas
Identificação de plantas daninhasIdentificação de plantas daninhas
Identificação de plantas daninhas
 
cultura do arroz slide simplificado
cultura do arroz slide simplificadocultura do arroz slide simplificado
cultura do arroz slide simplificado
 

Destaque

Dessecação na Cultura da Soja: Pré-Colheita
Dessecação na Cultura da Soja: Pré-Colheita Dessecação na Cultura da Soja: Pré-Colheita
Dessecação na Cultura da Soja: Pré-Colheita Geagra UFG
 
CULTIVARES DE SOJA
CULTIVARES DE SOJACULTIVARES DE SOJA
CULTIVARES DE SOJAGeagra UFG
 
MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS NA SOJA
MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS NA SOJAMANEJO INTEGRADO DE PRAGAS NA SOJA
MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS NA SOJAGeagra UFG
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS NA SOJA
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS NA SOJA MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS NA SOJA
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS NA SOJA Geagra UFG
 
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS NA CULTURA DA SOJA
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS NA CULTURA DA SOJA MANEJO DE PLANTAS DANINHAS NA CULTURA DA SOJA
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS NA CULTURA DA SOJA Geagra UFG
 
COMERCIALIZAÇÃO DA SOJA
COMERCIALIZAÇÃO DA SOJACOMERCIALIZAÇÃO DA SOJA
COMERCIALIZAÇÃO DA SOJAGeagra UFG
 
Lavoras Para Alto Rendimento Dirceu Gassen
Lavoras Para Alto Rendimento   Dirceu GassenLavoras Para Alto Rendimento   Dirceu Gassen
Lavoras Para Alto Rendimento Dirceu GassenGETACS
 
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA SOJA
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA SOJAFIXAÇÃO BIOLÓGICA NA SOJA
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA SOJAGeagra UFG
 
Apresentação Aspectos Fisiológicos da Cultura da Soja
Apresentação   Aspectos Fisiológicos da Cultura da SojaApresentação   Aspectos Fisiológicos da Cultura da Soja
Apresentação Aspectos Fisiológicos da Cultura da SojaGustavo Avila
 
Arquivo do agrônomo como a soja desenvolve
Arquivo do agrônomo   como a soja desenvolveArquivo do agrônomo   como a soja desenvolve
Arquivo do agrônomo como a soja desenvolvegersonagronomia
 
Tecnologia utilizada no feijão irrigado
Tecnologia utilizada no feijão irrigadoTecnologia utilizada no feijão irrigado
Tecnologia utilizada no feijão irrigadoGeagra UFG
 
Agric prec 25set2013 b
Agric prec 25set2013 bAgric prec 25set2013 b
Agric prec 25set2013 bDirceu Gassen
 
Milho - Segunda Safra e Escolha do Híbrido
Milho - Segunda Safra e Escolha do HíbridoMilho - Segunda Safra e Escolha do Híbrido
Milho - Segunda Safra e Escolha do HíbridoGeagra UFG
 
Preparação do solo, uso de corretivos e tecnologias de aplicação.
Preparação do solo,  uso de corretivos e tecnologias de aplicação.Preparação do solo,  uso de corretivos e tecnologias de aplicação.
Preparação do solo, uso de corretivos e tecnologias de aplicação.AM Placas Ltda. Placas
 
Mercado e comercialização do milho 2ª safra
Mercado e comercialização do milho   2ª safraMercado e comercialização do milho   2ª safra
Mercado e comercialização do milho 2ª safraGeagra UFG
 
Manejo Integrado de Doenças no Arroz
Manejo Integrado de Doenças no ArrozManejo Integrado de Doenças no Arroz
Manejo Integrado de Doenças no ArrozGeagra UFG
 
Sistemas de Irrigação no Arroz
Sistemas de Irrigação no ArrozSistemas de Irrigação no Arroz
Sistemas de Irrigação no ArrozGeagra UFG
 
Manejo Integrado de Pragas no Arroz
Manejo Integrado de Pragas no ArrozManejo Integrado de Pragas no Arroz
Manejo Integrado de Pragas no ArrozGeagra UFG
 
Pós-colheita e Beneficiamento do Arroz
Pós-colheita e Beneficiamento do ArrozPós-colheita e Beneficiamento do Arroz
Pós-colheita e Beneficiamento do ArrozGeagra UFG
 

Destaque (20)

Dessecação na Cultura da Soja: Pré-Colheita
Dessecação na Cultura da Soja: Pré-Colheita Dessecação na Cultura da Soja: Pré-Colheita
Dessecação na Cultura da Soja: Pré-Colheita
 
CULTIVARES DE SOJA
CULTIVARES DE SOJACULTIVARES DE SOJA
CULTIVARES DE SOJA
 
MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS NA SOJA
MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS NA SOJAMANEJO INTEGRADO DE PRAGAS NA SOJA
MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS NA SOJA
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS NA SOJA
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS NA SOJA MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS NA SOJA
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS NA SOJA
 
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS NA CULTURA DA SOJA
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS NA CULTURA DA SOJA MANEJO DE PLANTAS DANINHAS NA CULTURA DA SOJA
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS NA CULTURA DA SOJA
 
Soja
SojaSoja
Soja
 
COMERCIALIZAÇÃO DA SOJA
COMERCIALIZAÇÃO DA SOJACOMERCIALIZAÇÃO DA SOJA
COMERCIALIZAÇÃO DA SOJA
 
Lavoras Para Alto Rendimento Dirceu Gassen
Lavoras Para Alto Rendimento   Dirceu GassenLavoras Para Alto Rendimento   Dirceu Gassen
Lavoras Para Alto Rendimento Dirceu Gassen
 
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA SOJA
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA SOJAFIXAÇÃO BIOLÓGICA NA SOJA
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA SOJA
 
Apresentação Aspectos Fisiológicos da Cultura da Soja
Apresentação   Aspectos Fisiológicos da Cultura da SojaApresentação   Aspectos Fisiológicos da Cultura da Soja
Apresentação Aspectos Fisiológicos da Cultura da Soja
 
Arquivo do agrônomo como a soja desenvolve
Arquivo do agrônomo   como a soja desenvolveArquivo do agrônomo   como a soja desenvolve
Arquivo do agrônomo como a soja desenvolve
 
Tecnologia utilizada no feijão irrigado
Tecnologia utilizada no feijão irrigadoTecnologia utilizada no feijão irrigado
Tecnologia utilizada no feijão irrigado
 
Agric prec 25set2013 b
Agric prec 25set2013 bAgric prec 25set2013 b
Agric prec 25set2013 b
 
Milho - Segunda Safra e Escolha do Híbrido
Milho - Segunda Safra e Escolha do HíbridoMilho - Segunda Safra e Escolha do Híbrido
Milho - Segunda Safra e Escolha do Híbrido
 
Preparação do solo, uso de corretivos e tecnologias de aplicação.
Preparação do solo,  uso de corretivos e tecnologias de aplicação.Preparação do solo,  uso de corretivos e tecnologias de aplicação.
Preparação do solo, uso de corretivos e tecnologias de aplicação.
 
Mercado e comercialização do milho 2ª safra
Mercado e comercialização do milho   2ª safraMercado e comercialização do milho   2ª safra
Mercado e comercialização do milho 2ª safra
 
Manejo Integrado de Doenças no Arroz
Manejo Integrado de Doenças no ArrozManejo Integrado de Doenças no Arroz
Manejo Integrado de Doenças no Arroz
 
Sistemas de Irrigação no Arroz
Sistemas de Irrigação no ArrozSistemas de Irrigação no Arroz
Sistemas de Irrigação no Arroz
 
Manejo Integrado de Pragas no Arroz
Manejo Integrado de Pragas no ArrozManejo Integrado de Pragas no Arroz
Manejo Integrado de Pragas no Arroz
 
Pós-colheita e Beneficiamento do Arroz
Pós-colheita e Beneficiamento do ArrozPós-colheita e Beneficiamento do Arroz
Pós-colheita e Beneficiamento do Arroz
 

Semelhante a Apresentação Colheita de Soja

Cultivo de bananeiras notas de aula.
Cultivo de bananeiras   notas de aula. Cultivo de bananeiras   notas de aula.
Cultivo de bananeiras notas de aula. CETEP, FTC, FASA..
 
Colheita e Armazenamento: Milho
Colheita e Armazenamento: MilhoColheita e Armazenamento: Milho
Colheita e Armazenamento: MilhoGeagra UFG
 
Boletim técnico do IAC: Calagem e adubação do tomate de mesa
Boletim técnico do IAC: Calagem e adubação do tomate de mesa Boletim técnico do IAC: Calagem e adubação do tomate de mesa
Boletim técnico do IAC: Calagem e adubação do tomate de mesa Rural Pecuária
 
BENEFICIAMENTO DO ALGODÃO
BENEFICIAMENTO DO ALGODÃOBENEFICIAMENTO DO ALGODÃO
BENEFICIAMENTO DO ALGODÃOGeagra UFG
 
Como podemos melhorar a produção, processamento e armazenamento do trigo, a f...
Como podemos melhorar a produção, processamento e armazenamento do trigo, a f...Como podemos melhorar a produção, processamento e armazenamento do trigo, a f...
Como podemos melhorar a produção, processamento e armazenamento do trigo, a f...BASF
 
CANA-DE-AÇÚCAR-CULTIVO-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA, AGROPECU...
CANA-DE-AÇÚCAR-CULTIVO-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA, AGROPECU...CANA-DE-AÇÚCAR-CULTIVO-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA, AGROPECU...
CANA-DE-AÇÚCAR-CULTIVO-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA, AGROPECU...Antonio Inácio Ferraz
 
Cultivo organico banana embrapa
Cultivo organico banana embrapaCultivo organico banana embrapa
Cultivo organico banana embrapaAlexandre Panerai
 
Programa fitossanitário - armigera
Programa fitossanitário - armigeraPrograma fitossanitário - armigera
Programa fitossanitário - armigeraTumate Virtual
 
Cultivo da Mamona - Lucro médio de 200%
Cultivo da Mamona - Lucro médio de 200%Cultivo da Mamona - Lucro médio de 200%
Cultivo da Mamona - Lucro médio de 200%Gleidson Martins
 
Calagem e adubação do feijão-vagem, feijão-fava (ou fava-italiana), feijão-de...
Calagem e adubação do feijão-vagem, feijão-fava (ou fava-italiana), feijão-de...Calagem e adubação do feijão-vagem, feijão-fava (ou fava-italiana), feijão-de...
Calagem e adubação do feijão-vagem, feijão-fava (ou fava-italiana), feijão-de...Rural Pecuária
 
8reunio multiplicaesdeviveiros-danielnunesmododecompatibilidade-130930104402-...
8reunio multiplicaesdeviveiros-danielnunesmododecompatibilidade-130930104402-...8reunio multiplicaesdeviveiros-danielnunesmododecompatibilidade-130930104402-...
8reunio multiplicaesdeviveiros-danielnunesmododecompatibilidade-130930104402-...Jose Urias Leite
 

Semelhante a Apresentação Colheita de Soja (20)

Cultivo de bananeiras notas de aula.
Cultivo de bananeiras   notas de aula. Cultivo de bananeiras   notas de aula.
Cultivo de bananeiras notas de aula.
 
TRABALHO DE GRANDES CULTURAS I.pptx
TRABALHO DE GRANDES CULTURAS I.pptxTRABALHO DE GRANDES CULTURAS I.pptx
TRABALHO DE GRANDES CULTURAS I.pptx
 
Colheita e Armazenamento: Milho
Colheita e Armazenamento: MilhoColheita e Armazenamento: Milho
Colheita e Armazenamento: Milho
 
aulaCa.ppt
aulaCa.pptaulaCa.ppt
aulaCa.ppt
 
Aula colheitacana (1)
Aula colheitacana (1)Aula colheitacana (1)
Aula colheitacana (1)
 
Aula girassol 2-2012
Aula girassol 2-2012Aula girassol 2-2012
Aula girassol 2-2012
 
Boletim técnico do IAC: Calagem e adubação do tomate de mesa
Boletim técnico do IAC: Calagem e adubação do tomate de mesa Boletim técnico do IAC: Calagem e adubação do tomate de mesa
Boletim técnico do IAC: Calagem e adubação do tomate de mesa
 
BENEFICIAMENTO DO ALGODÃO
BENEFICIAMENTO DO ALGODÃOBENEFICIAMENTO DO ALGODÃO
BENEFICIAMENTO DO ALGODÃO
 
Como podemos melhorar a produção, processamento e armazenamento do trigo, a f...
Como podemos melhorar a produção, processamento e armazenamento do trigo, a f...Como podemos melhorar a produção, processamento e armazenamento do trigo, a f...
Como podemos melhorar a produção, processamento e armazenamento do trigo, a f...
 
CANA-DE-AÇÚCAR-CULTIVO-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA, AGROPECU...
CANA-DE-AÇÚCAR-CULTIVO-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA, AGROPECU...CANA-DE-AÇÚCAR-CULTIVO-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA, AGROPECU...
CANA-DE-AÇÚCAR-CULTIVO-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA, AGROPECU...
 
Cultivo organico banana embrapa
Cultivo organico banana embrapaCultivo organico banana embrapa
Cultivo organico banana embrapa
 
Soja.pptx
Soja.pptxSoja.pptx
Soja.pptx
 
Programa fitossanitário - armigera
Programa fitossanitário - armigeraPrograma fitossanitário - armigera
Programa fitossanitário - armigera
 
Cultura do açaí.pptx
Cultura do açaí.pptxCultura do açaí.pptx
Cultura do açaí.pptx
 
Planejamento Agronômico.pptx
Planejamento Agronômico.pptxPlanejamento Agronômico.pptx
Planejamento Agronômico.pptx
 
Mandioca
MandiocaMandioca
Mandioca
 
Cultivo da Mamona - Lucro médio de 200%
Cultivo da Mamona - Lucro médio de 200%Cultivo da Mamona - Lucro médio de 200%
Cultivo da Mamona - Lucro médio de 200%
 
Calagem e adubação do feijão-vagem, feijão-fava (ou fava-italiana), feijão-de...
Calagem e adubação do feijão-vagem, feijão-fava (ou fava-italiana), feijão-de...Calagem e adubação do feijão-vagem, feijão-fava (ou fava-italiana), feijão-de...
Calagem e adubação do feijão-vagem, feijão-fava (ou fava-italiana), feijão-de...
 
Rafael Henrique - Fenação
Rafael Henrique - FenaçãoRafael Henrique - Fenação
Rafael Henrique - Fenação
 
8reunio multiplicaesdeviveiros-danielnunesmododecompatibilidade-130930104402-...
8reunio multiplicaesdeviveiros-danielnunesmododecompatibilidade-130930104402-...8reunio multiplicaesdeviveiros-danielnunesmododecompatibilidade-130930104402-...
8reunio multiplicaesdeviveiros-danielnunesmododecompatibilidade-130930104402-...
 

Mais de Geagra UFG

Colheita e armazenamento da soja........
Colheita e armazenamento da soja........Colheita e armazenamento da soja........
Colheita e armazenamento da soja........Geagra UFG
 
Manejo de doenças da soja...............
Manejo de doenças da soja...............Manejo de doenças da soja...............
Manejo de doenças da soja...............Geagra UFG
 
Mecanismo de ação de fungicidas.........
Mecanismo de ação de fungicidas.........Mecanismo de ação de fungicidas.........
Mecanismo de ação de fungicidas.........Geagra UFG
 
Mecanismo de ação de inseticidas........
Mecanismo de ação de inseticidas........Mecanismo de ação de inseticidas........
Mecanismo de ação de inseticidas........Geagra UFG
 
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pptx
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pptxSLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pptx
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pptxGeagra UFG
 
Cópia de SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pdf
Cópia de SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pdfCópia de SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pdf
Cópia de SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pdfGeagra UFG
 
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1) (1).pptx
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1) (1).pptxSLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1) (1).pptx
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1) (1).pptxGeagra UFG
 
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS DA SOJA. .pptx
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS DA SOJA. .pptxMANEJO DE PLANTAS DANINHAS DA SOJA. .pptx
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS DA SOJA. .pptxGeagra UFG
 
Manejo do solo e plantio de soja
Manejo do solo e plantio de sojaManejo do solo e plantio de soja
Manejo do solo e plantio de sojaGeagra UFG
 
Tecnologia de aplicação
Tecnologia de aplicaçãoTecnologia de aplicação
Tecnologia de aplicaçãoGeagra UFG
 
Manejo do solo e plantio de soja
Manejo do solo e plantio de sojaManejo do solo e plantio de soja
Manejo do solo e plantio de sojaGeagra UFG
 
inoculantes_coinoculantes_e_adubaASSAPSo_foliar.pptx
inoculantes_coinoculantes_e_adubaASSAPSo_foliar.pptxinoculantes_coinoculantes_e_adubaASSAPSo_foliar.pptx
inoculantes_coinoculantes_e_adubaASSAPSo_foliar.pptxGeagra UFG
 
Correção do solo e adubação na soja
Correção do solo e adubação na sojaCorreção do solo e adubação na soja
Correção do solo e adubação na sojaGeagra UFG
 
SLIDE DINÂMICA DOS NUTRIENTES OF.pptx
SLIDE DINÂMICA DOS NUTRIENTES OF.pptxSLIDE DINÂMICA DOS NUTRIENTES OF.pptx
SLIDE DINÂMICA DOS NUTRIENTES OF.pptxGeagra UFG
 
BIOTECNOLOGIA E RECOMENDAÇÃO DE CULTIVARES DE SOJA
BIOTECNOLOGIA E RECOMENDAÇÃO DE CULTIVARES DE SOJA BIOTECNOLOGIA E RECOMENDAÇÃO DE CULTIVARES DE SOJA
BIOTECNOLOGIA E RECOMENDAÇÃO DE CULTIVARES DE SOJA Geagra UFG
 
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptx
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptxFENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptx
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptxGeagra UFG
 
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptx
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptxFENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptx
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptxGeagra UFG
 
Produção de milho-doce, milho-pipoca e milho-verde no Brasil.
Produção de milho-doce, milho-pipoca e milho-verde no Brasil. Produção de milho-doce, milho-pipoca e milho-verde no Brasil.
Produção de milho-doce, milho-pipoca e milho-verde no Brasil. Geagra UFG
 
Colheita e armazenamento do milho
Colheita e armazenamento do milhoColheita e armazenamento do milho
Colheita e armazenamento do milhoGeagra UFG
 
Mecanismo de ação de fungicidas
Mecanismo de ação de fungicidasMecanismo de ação de fungicidas
Mecanismo de ação de fungicidasGeagra UFG
 

Mais de Geagra UFG (20)

Colheita e armazenamento da soja........
Colheita e armazenamento da soja........Colheita e armazenamento da soja........
Colheita e armazenamento da soja........
 
Manejo de doenças da soja...............
Manejo de doenças da soja...............Manejo de doenças da soja...............
Manejo de doenças da soja...............
 
Mecanismo de ação de fungicidas.........
Mecanismo de ação de fungicidas.........Mecanismo de ação de fungicidas.........
Mecanismo de ação de fungicidas.........
 
Mecanismo de ação de inseticidas........
Mecanismo de ação de inseticidas........Mecanismo de ação de inseticidas........
Mecanismo de ação de inseticidas........
 
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pptx
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pptxSLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pptx
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pptx
 
Cópia de SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pdf
Cópia de SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pdfCópia de SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pdf
Cópia de SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1).pdf
 
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1) (1).pptx
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1) (1).pptxSLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1) (1).pptx
SLIDE OFICIAL GEAGRA 2023.2 (2).pptx (1) (1).pptx
 
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS DA SOJA. .pptx
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS DA SOJA. .pptxMANEJO DE PLANTAS DANINHAS DA SOJA. .pptx
MANEJO DE PLANTAS DANINHAS DA SOJA. .pptx
 
Manejo do solo e plantio de soja
Manejo do solo e plantio de sojaManejo do solo e plantio de soja
Manejo do solo e plantio de soja
 
Tecnologia de aplicação
Tecnologia de aplicaçãoTecnologia de aplicação
Tecnologia de aplicação
 
Manejo do solo e plantio de soja
Manejo do solo e plantio de sojaManejo do solo e plantio de soja
Manejo do solo e plantio de soja
 
inoculantes_coinoculantes_e_adubaASSAPSo_foliar.pptx
inoculantes_coinoculantes_e_adubaASSAPSo_foliar.pptxinoculantes_coinoculantes_e_adubaASSAPSo_foliar.pptx
inoculantes_coinoculantes_e_adubaASSAPSo_foliar.pptx
 
Correção do solo e adubação na soja
Correção do solo e adubação na sojaCorreção do solo e adubação na soja
Correção do solo e adubação na soja
 
SLIDE DINÂMICA DOS NUTRIENTES OF.pptx
SLIDE DINÂMICA DOS NUTRIENTES OF.pptxSLIDE DINÂMICA DOS NUTRIENTES OF.pptx
SLIDE DINÂMICA DOS NUTRIENTES OF.pptx
 
BIOTECNOLOGIA E RECOMENDAÇÃO DE CULTIVARES DE SOJA
BIOTECNOLOGIA E RECOMENDAÇÃO DE CULTIVARES DE SOJA BIOTECNOLOGIA E RECOMENDAÇÃO DE CULTIVARES DE SOJA
BIOTECNOLOGIA E RECOMENDAÇÃO DE CULTIVARES DE SOJA
 
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptx
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptxFENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptx
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptx
 
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptx
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptxFENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptx
FENOLOGIA E FISIOLOGIA DA SOJA.pptx
 
Produção de milho-doce, milho-pipoca e milho-verde no Brasil.
Produção de milho-doce, milho-pipoca e milho-verde no Brasil. Produção de milho-doce, milho-pipoca e milho-verde no Brasil.
Produção de milho-doce, milho-pipoca e milho-verde no Brasil.
 
Colheita e armazenamento do milho
Colheita e armazenamento do milhoColheita e armazenamento do milho
Colheita e armazenamento do milho
 
Mecanismo de ação de fungicidas
Mecanismo de ação de fungicidasMecanismo de ação de fungicidas
Mecanismo de ação de fungicidas
 

Último

MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAMMODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAMCassio Rodrigo
 
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024Consultoria Acadêmica
 
Estatística aplicada à experimentação animal
Estatística aplicada à experimentação animalEstatística aplicada à experimentação animal
Estatística aplicada à experimentação animalleandroladesenvolvim
 
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdfAulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdfMateusSerraRodrigues1
 
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptxResistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptxjuliocameloUFC
 
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docxAE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docxConsultoria Acadêmica
 

Último (6)

MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAMMODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAM
 
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
 
Estatística aplicada à experimentação animal
Estatística aplicada à experimentação animalEstatística aplicada à experimentação animal
Estatística aplicada à experimentação animal
 
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdfAulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
 
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptxResistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptx
 
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docxAE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
 

Apresentação Colheita de Soja