Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 
Formadores da EFR: 
Funções, Atitudes, Competências 
Francisco da Cruz Fernandes
Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 
Cada EFR constitui uma pequena unidade 
A acção pedagógica na EFR é assegurada por uma...
Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 
Formação Nacional de Formadores 
Definição da função multifacetada do Formador(a) 
• in...
Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 
a) Pessoais 
compromisso, ter um ideal 
maturidade e equilíbrio 
visão de futuro, optim...
Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 
Diferentes categorias de competências (4) 
a) A competência especializada consiste em c...
Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 
Diferentes categorias de competências (cont.) 
c) A competência social consiste em modo...
Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 
Organização do Tempo do Formador 
40% 
tempo 
15% 
tempo 
Relações 
Exteriores 
com os ...
Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 
Formação Nacional de Formadores 
Formadores da EFR: Formação Pedagógica Inicial 
 Conh...
Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 
Formação Nacional de Formadores 
Muito obrigado.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Funções,Atitudes e Competências dum formador de uma Escola Proffional Familiar Rural ( Por Francisco da Cruz Fernandes)

254 visualizações

Publicada em

Funções,Atitudes e Competências dum formador de uma Escola Proffional Familiar Rural ( Por Francisco da Cruz Fernandes)

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
254
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Funções,Atitudes e Competências dum formador de uma Escola Proffional Familiar Rural ( Por Francisco da Cruz Fernandes)

  1. 1. Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 Formadores da EFR: Funções, Atitudes, Competências Francisco da Cruz Fernandes
  2. 2. Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 Cada EFR constitui uma pequena unidade A acção pedagógica na EFR é assegurada por uma equipa composta por um Director e Formadores polivalentes (uma função global de ajuda). O Formador tem um papel de tutor e de animador 4 grandes tarefas a desempenhar de forma sistémica: 1) As aulas 2) A metodologia - dimensão da alternância (instrumentos pedagógicos) 3) Animação de grupos: alunos, equipa, famílias, … 4) Organização e parcerias - os colaboradores da formação. Formação Nacional de Formadores Formadores na EFR
  3. 3. Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 Formação Nacional de Formadores Definição da função multifacetada do Formador(a) • integra uma Instituição que tem os seus valores e objectivos (adesão) • exerce no seio de uma equipa uma função global • é animador de um grupo em formação • elabora e a conduz as aulas, e faz o acompanhamento individual dos jovens (tutorias) • a formação é dada pelo método pedagógico da alternância • a relação é feita com os parceiros da formação • participa na vida global do estabelecimento e da associação • anima o tempo residencial na EFR • participa dos movimentos existentes no meio rural • outras actividades: recrutamento de jovens, encontros institucionais, participação nas avaliações, manifestações locais (feiras, rádio, tv,..), em tarefas não educativas Formadores da EFR Funções
  4. 4. Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 a) Pessoais compromisso, ter um ideal maturidade e equilíbrio visão de futuro, optimismo, retidão moral, sentido de responsabilidade, compromisso com a promoção e o desenvolvimento rural b) De relação com cada pessoa e com o grupo capacidade de trabalho em equipa, de diálogo e de escuta experiência de relacionamento com adolescentes, relações sociais, linguagem c) De relação com o meio conhecimento profundo do meio e opção pessoal por viver e trabalhar no e para o meio rural d) Técnico-Profissionais competência profissional, alicerçada numa formação técnica capacidade de fazer a ligação permanente entre a experiência técnica e o desenvolvimento geral capacidade de associar e combinar várias áreas de actuação (polivalência) competência pedagógica: - Formação Inicial de Formadores(as) (10 – 11 módulos em 3 anos) - Formação Continuada – acessível a todos ao longo da vida Formação Nacional de Formadores Formadores da EFR Qualidades e Atitudes
  5. 5. Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 Diferentes categorias de competências (4) a) A competência especializada consiste em conhecimentos, qualificações e capacidades: Elementos interdisciplinares, específicos de cada profissão; conhecimento vertical e horizontal alargado sobre a profissão, específico de empresa e relacionado com a experiência. b) A competência metodológica consiste em procedimentos: Métodos de trabalho variáveis, soluções situacionais, processos de resolução de problemas, pensamento e trabalho independentes, planeamento, execução e avaliação do trabalho e adaptabilidade. Formação Nacional de Formadores Formadores da EFR Competências 1
  6. 6. Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 Diferentes categorias de competências (cont.) c) A competência social consiste em modos de comportamento: Individuais e interpessoais. As competências individuais são a vontade de realizar, a flexibilidade e a adaptabilidade, assim como a disponibilidade para trabalhar. As competências interpessoais são a disponibilidade para cooperar, a lealdade e a honestidade, assim como a vontade de ajudar e o espírito de equipa. d) A competência participativa consiste em métodos de estruturação: Capacidades de coordenação, de organização, de compatibilização, de persuasão, de decisão, de assumir responsabilidades e de liderança. “As quatro competências juntas constituem a capacidade de agir que não pode ser desagregada”, afirmação de Bunk. Formação Nacional de Formadores Formadores da EFR Competências 2
  7. 7. Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 Organização do Tempo do Formador 40% tempo 15% tempo Relações Exteriores com os outros responsáveis da formação e com os profissionais e as instituições do meio 20% tempo 15% tempo 10% tempo Actividades educativas, formativas e pedagógicas, nas aulas Com os grupos de alunos, (horário de aulas) Formação Própria, preparação e organização das actividades, pessoais e colectivas Animação e acompa- nhamento de actividades educativas em grupo, fora do horário de aulas Acompa- nhamento pessoal dos alunos, visita às famílias e aos responsáveis de alternância
  8. 8. Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 Formação Nacional de Formadores Formadores da EFR: Formação Pedagógica Inicial  Conhecer a estrutura e a organização das EFR  Compreender os valores essenciais da pedagogia da Alternância e situá-la nas correntes pedagógicas actuais  Adquirir o saber - fazer necessário para o desempenho de sua profissão  Descobrir a evolução psicológica dos alunos  Reflectir sobre a acção educativa dos diferentes animadores da formação PPPP O formador em formação é orientado e apoiado pelo Director e a equipa de formadores e, ainda, recebe a ajuda do coordenador pedagógico regional; A relação entre estes agentes é fundamental para a escolha do tema de pesquisa do formador em formação (no 1º ano); e de experimentação no 2º ano, com apresentação de resultados no final; O trabalho de pesquisa deve ser de utilidade para a EFR em análise e com o objectivo de servir outras EFR, enriquecendo o “património” do Movimento.
  9. 9. Marera - 16 a 20 de Julho de 2012 Formação Nacional de Formadores Muito obrigado.

×