Recursos Humanos
PARA TEMPOS DE GRANDES DESAFIOS
Slides disponíveis em
http://www.slideshare.net/daniel.luz
Contato: (15) 9 9126 5571
Daniel.luz2020@hotmail.com.
22 2
MSc ...
“Somente 10% da população tem o
que se chama “vontade de
aprender”. 90% não fazem nada para
melhorar suas habilidades enqu...
“Você não tem escolha, não tem para onde fugir. O mundo vai lhe alcançar de uma
forma ou de outra, e a única opção intelig...
O que teremos pela frente?
Grandes
Mudanças!
Neste livro, Berenice Ring coloca o leitor
numa posição estratégica, mostrando,
de maneira simples e interessante,
como su...
RH no Ambiente VUCA
Volatility
Uncertainty
Complexity
Ambiguity
As tendências
moldam o
futuro!
Tendências
Tendências3 elementos fundamentais
Mudança – Volume – Tempo
Mundo VUCA muda
exponencialmente
• Crescimento da População
• Aumento do número de Usuários da Internet
• Desempenho de Mo...
Top Tendências
1. Hiperconexão
2. Life tracking
3. Quarta idade e prolongamento da vida
4. Produção descentralizada
5. Rec...
Design Thinking
Uma abordagem que prioriza o
trabalho colaborativo com foco no
ser humano que vê na
multidisciplinaridade,...
Complexity—considering all the issues at play in a change effort
Clarity—understanding and prioritizing those issues
Confi...
A Transição de ECSC para VICA
Velho Modelo
Estabilidade
Certeza
Simplicidade
Clareza
Conforto
Novo Modelo
Volatilidade
Inc...
Quão VUCA é a sua organização?
Não VUCA
Escassez de informações;
Trabalho rotineiro e previsível;
Características valoriza...
Mundo VUCA
Novas tecnologias estão
transformando os negócios
1. Web 3.0
2. Cloud computing;
3. Redes sociais;
4. Big Data;
5. M – Com...
Novas tecnologias estão
transformando os negócios
“Do estado digital ao autônomo – o mundo corporativo será cada
vez mais ...
76 Milhões
41 Milhões
40 Milhões
16 Milhões
95% dos celulares vendidos
são Smartphones
26% crescimento esperado
para 2015
...
O antídoto para VUCA é... VECA
Visão
Entendimento
Clareza
Agilidade
Vision, Understanding, Clarity and Agility
Cinco tendências irão transformar a
área de Recursos Humanos:
1) Dados e integração serão soberanos;
2) O digital dará pod...
práticas de liderança para mitigar o efeito VUCA
Trabalhando no vórtice do VUCA
práticas de liderança para mitigar o efeito VUCA
6 práticas de liderança para mitigar o efeito VUCA
1. Competências para a...
Sustentagilidade
Definições
Agilidade: aptidão e flexibilidade, capacidade de se
mover em alta velocidade em resposta às m...
O Paradoxo do Conforto
A ironia do Comfort Paradox é que, em nossos esforços para nos tornar
mais confortável, estamos na ...
1
2
3
4
Conforto
O Paradoxo do Conforto
1. Quando as coisas eram boas -
a vida era bastante
confortável;
2. O ápice do con...
O Paradoxo do Conforto
5 Vs do Big Data
Volume
Velocidade
Variedade
Veracidade
Valor
As tendências que irão transformar o RH
IoT
Até 2025 o mercado de
dispositivo sem fio com
conexão à Internet
poderá criar entre
US$ 2,7 trilhões até
US$ 6,2 trilh...
IoT
HBR-BR Pagina 65 edição de Outubro de 2015
IoT
HBR-BR Pagina 65 edição de Outubro de 2015
Como produtos inteligentes e
conectados estão transformando as
empresas
Repensando a área de RH
Repensando a área de RH
Conforme Harvard Business Review – Julho 2015 pag. 29
Por que
adoramos
odiar o RH
...e o que o
RH ...
Repensando a área de RH
Os críticos mais duros
dizem que que os
executivos de RH se
concentram demais nas
“administriviali...
É um dos 15 mais
influentes pensadores
do mundo pelo
“Thinkers 50”
Ram Charan
O desafio de RH
“Esta proposta é apenas um simples esboço. Eu
espero ver muita oposição a ela. Mas o problema
com o RH é r...
O desabafo do guru
Área de RH está se tornando obsoleta e
vai desaparecer se continuar com
práticas que infantilizam as pe...
A Primeira Turma do Tribunal Superior do Trabalho
negou provimento a um agravo com o qual a
Distribuidora de Medicamentos ...
Repensando a área de RH
People Before Strategy: A New Role for the CHRO
Quociente
de
Inteligência
QI Estratégico
Estratégia
Inteligente
QI Estratégico
O Novo
Ambiente
de
Negócios
Futuro
Tornar a estratégia
da corporação
flexível, permitindo
a reorientação de
acordo com as
mudanças do
ambiente de
negócios.
A...
Estrutura Inteligente
Desenvolver opções
para tornar a
estrutura capaz de
se adaptar aos
novos desafios da
demanda do
mercado.
Estrutura Intelig...
A Kodak inventou a
câmara digital, mas
quebrou porque não
conseguiu se transformar
em uma empresa digital
Capacidade de Ad...
Repensando a área de RH
O novo
contrato
do
CEO
com o
CHRO
3 atividades cruciais do CHRO
Previsão – Diagnostico – Prescrição de ações
Os 5 Elementos para o Sucesso dos Negócios
1. Caixa
2. Margem
3. Velocidade
4. Crescimento
5. Clientes
G3 o triunvirato poderoso
Formar uma equipe desse tipo é a melhor
forma isolada de vincular os números
financeiros às pess...
Qual o perfil do
TALENTO para
sua empresa?
A Pessoa certa no lugar certo
Culturas diferentes,
múltiplos talentos e
competências,
opiniões divergentes, uma
mistura rica com o mesmo
objetivo.
Mente...
Capacidade de se adaptar e
crescer em cargos e
ambientes cada vez mais
complexos.
V U C A
Potencial
Source: McKinsey War for Talent Study
Quanto mais um High Performer produz anualmente
quando comparado à média?
40% + prod...
“A habilidade de tomar boas
decisões no que se refere às pessoas
representa uma das últimas fontes
confiáveis de vantagem
...
C
AB-
Nível BAIXO Nível ALTO
NívelBAIXONívelALTO
GeraçãodeResultados
Adequação Comportamental
B+
O Imperativo dos Talentos...
Responda as seguintes questões sobre seu negócio:
1. A Fonte mais importante de receitas é?
2. O Fator mais importante de ...
ORIENTAÇÕES FIXAS
Quem somos?
As orientações fixas constituem a filosofia da empresa e determinam sua
identidade. Através ...
FORÇAS FRAQUEZAS
OPORTUNI-
DADES
AMEAÇAS
ANÁLISE DE CENÁRIO
ORIENTAÇÕES FILOSÓFICAS
NEGÓCIO MISSÃO PRINCÍPIOS
ORIENTAÇÕES ...
1. Ativista com credibilidade:
construir relações de confiança e, ao mesmo tempo, ter um ponto de vista sobre os negócios;...
Engajamento
O que você
precisa saber
sobre o
engajamento
de
empregados
25 M
de empregados em
189
diferentes países e
69
idiomas
Q 12 desde 1990
Engajamento
-80 -60 -40 -20 0 20 40
Desempenho
Lucratividade +22%
Produtividade +21%
Avaliação de Clientes +10%
Defeitos d...
Nível de
engajamento
Receitas das
operações
Lucros líquidos
Empresas com
alto nível de
engajamento
Aumento de 19%
Aumento ...
Médio prazo
Ruptura Criativa
Ruptura com o status quo
Ruptura com o modelo de negocio existente
Ruptura com a paralisia or...
Capital Humano Tendências
Note: The key findings are based on the outcomes of the Global HC trends report.
Copyright © 201...
A Liderança – continuará sendo o maior desafio das
organizações no mundo inteiro.
A Força de Trabalho – será diferente, o ...
Contribuições;
Perguntas;
Considerações.
“Há três caminhos para o
fracasso: não ensinar o que se
sabe; não praticar o que ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

RH em Tempos de Grandes Desafios

607 visualizações

Publicada em

Conferencia em Santos - SP 27 de Outubro 2015
RH - em tempos de Mudanças - Sartori Desenvolvimento Humano e organizacional

Publicada em: Recrutamento e RH
1 comentário
2 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
607
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
45
Comentários
1
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

RH em Tempos de Grandes Desafios

  1. 1. Recursos Humanos PARA TEMPOS DE GRANDES DESAFIOS
  2. 2. Slides disponíveis em http://www.slideshare.net/daniel.luz Contato: (15) 9 9126 5571 Daniel.luz2020@hotmail.com. 22 2 MSc Daniel de Carvalho Luz Fone (15) 9 9126 5571 Para baixar os slides
  3. 3. “Somente 10% da população tem o que se chama “vontade de aprender”. 90% não fazem nada para melhorar suas habilidades enquanto o item “aprendizado” não fizer parte da descrição do seu cargo.” Estudo feito pela Harvard Business School publicado em Março de 2007. Agregando Valor em Tecnologia através de Pessoas. Ampliando o nosso capital Intelectual
  4. 4. “Você não tem escolha, não tem para onde fugir. O mundo vai lhe alcançar de uma forma ou de outra, e a única opção inteligente é se preparar para ele. Estamos falando do excitante, enfadonho, heroico, canalha, pequeno, grandioso mundo dos negócios. O mundo real.” David Cohen – Antigo editor da revista Exame O Mundo dos do negócios
  5. 5. O que teremos pela frente? Grandes Mudanças!
  6. 6. Neste livro, Berenice Ring coloca o leitor numa posição estratégica, mostrando, de maneira simples e interessante, como surgem e disseminam-se os tsunamis sociais e quais as suas consequências no mundo dos negócios. Apresenta e analisa cases detalhados de empresas e startups - de grande e pequeno porte - que já estão surfando o maior tsunami do século. Desta forma, proporciona ao leitor a possibilidade de enxergá-lo e compreendê-lo antes de seus concorrentes e chegar à frente no mercado. Tsunamis Sociais
  7. 7. RH no Ambiente VUCA Volatility Uncertainty Complexity Ambiguity
  8. 8. As tendências moldam o futuro! Tendências
  9. 9. Tendências3 elementos fundamentais Mudança – Volume – Tempo
  10. 10. Mundo VUCA muda exponencialmente • Crescimento da População • Aumento do número de Usuários da Internet • Desempenho de Mobile Internet Devices • Mobilidade da força de trabalho • Urbanização • Cloud Computing • Web Services (AWS – advanced wireless services) • Startups / Empreendedores • Impressão 3-D • Economia Compartilhada / Economia Colaborativa • Mídia Social / Ferramentas Compartilhadas • Open Source Software • Economia com proposito • Engenharia Genética / Biologia Sintética
  11. 11. Top Tendências 1. Hiperconexão 2. Life tracking 3. Quarta idade e prolongamento da vida 4. Produção descentralizada 5. Reconfiguração das cidades 6. Novas formas de trabalho e carreira 7. Economia compartilhada 8. Ativismo e novos modelos de representação 9. Diversidade e choque cultural 10.Economia de recursos 11.Convergência tecnológica
  12. 12. Design Thinking Uma abordagem que prioriza o trabalho colaborativo com foco no ser humano que vê na multidisciplinaridade, colaboração e tangibilização de pensamentos e processos, caminhos que levam a soluções inovadoras. Tendências na Gestão
  13. 13. Complexity—considering all the issues at play in a change effort Clarity—understanding and prioritizing those issues Confidence—believing that the change can be made successfully Creativity—brainstorming innovative solutions to problems that arise Commitment—taking the first steps to implement the change Consolidation—leaving the previous identity to adopt the new one Change—living into the change and its consequences 7 C’s
  14. 14. A Transição de ECSC para VICA Velho Modelo Estabilidade Certeza Simplicidade Clareza Conforto Novo Modelo Volatilidade Incerteza Complexidade Ambiguidade Desconforto
  15. 15. Quão VUCA é a sua organização? Não VUCA Escassez de informações; Trabalho rotineiro e previsível; Características valorizadas: Intelecto, diligência e obediência; Trabalho – Horário e local determinados; Primeiro aprenda, então trabalhe; Baias individuais, trabalhadores não conectados na plenitude VUCA Abundancia de Informação; Desafios e trabalho não conhecidos; Características valorizadas: Iniciativa, criatividade e paixão; Trabalho – Qualquer hora qualquer lugar; Trabalho é aprendizado, aprendizado é trabalho. Trabalhadores conectados e compartilhando trabalhos
  16. 16. Mundo VUCA
  17. 17. Novas tecnologias estão transformando os negócios 1. Web 3.0 2. Cloud computing; 3. Redes sociais; 4. Big Data; 5. M – Commerce.
  18. 18. Novas tecnologias estão transformando os negócios “Do estado digital ao autônomo – o mundo corporativo será cada vez mais impactado pela evolução e maturação de conceitos trazidos pela convergência entre mobile, social, cloud e informação”
  19. 19. 76 Milhões 41 Milhões 40 Milhões 16 Milhões 95% dos celulares vendidos são Smartphones 26% crescimento esperado para 2015 283,5Milhões de telefones celulares no Brasil A Força da mídia social
  20. 20. O antídoto para VUCA é... VECA Visão Entendimento Clareza Agilidade Vision, Understanding, Clarity and Agility
  21. 21. Cinco tendências irão transformar a área de Recursos Humanos: 1) Dados e integração serão soberanos; 2) O digital dará poder e capacidade de gerenciamento às pessoas; 3) Aplicativos para gerenciar perfis encontrarão espaço nas empresas; 4) Digital irá permitir a gestão personalizada de talentos; 5) Cloud computing irá permitir maior flexibilidade e agilidade de gestão. Fonte: Accenture – 2014, Digital Disruptive
  22. 22. práticas de liderança para mitigar o efeito VUCA Trabalhando no vórtice do VUCA
  23. 23. práticas de liderança para mitigar o efeito VUCA 6 práticas de liderança para mitigar o efeito VUCA 1. Competências para as posições chaves claramente definidas; 2. Expectativa de performance da liderança conectada à estratégia da organização; 3. Competências de lideranças como base para fundamentar o sistema de gerenciamento de talentos; 4. Planos efetivos e de alta qualidade para desenvolvimento de liderança; 5. Revisão regular dos planos de desenvolvimento com as respectivas gerências; 6. Prática de dar e receber feedback sobre as habilidades chaves para a geração de resultados.
  24. 24. Sustentagilidade Definições Agilidade: aptidão e flexibilidade, capacidade de se mover em alta velocidade em resposta às mudanças. Agilidade Metal: capacidade de pensar rapidamente, desfrutar de situações e formar novas ideias. Sustentagilidade: capacidade de resolver complexos desafios de sustentabilidade de uma forma rentável, rápida e inovadora.
  25. 25. O Paradoxo do Conforto A ironia do Comfort Paradox é que, em nossos esforços para nos tornar mais confortável, estamos na verdade, tornando-nos menos confortável.
  26. 26. 1 2 3 4 Conforto O Paradoxo do Conforto 1. Quando as coisas eram boas - a vida era bastante confortável; 2. O ápice do conforto - o caminho que a partir dele, segue para cima ou para baixo; 3. Perdemos o controle - ficamos sobrecarregados; 4. Mantemos o controle - desenvoltura com os desafios que o VUCA traz.Tempo/Globalização/Mudanças Tecnológicas
  27. 27. O Paradoxo do Conforto
  28. 28. 5 Vs do Big Data Volume Velocidade Variedade Veracidade Valor As tendências que irão transformar o RH
  29. 29. IoT Até 2025 o mercado de dispositivo sem fio com conexão à Internet poderá criar entre US$ 2,7 trilhões até US$ 6,2 trilhões em valor econômico anual
  30. 30. IoT HBR-BR Pagina 65 edição de Outubro de 2015
  31. 31. IoT HBR-BR Pagina 65 edição de Outubro de 2015 Como produtos inteligentes e conectados estão transformando as empresas
  32. 32. Repensando a área de RH
  33. 33. Repensando a área de RH Conforme Harvard Business Review – Julho 2015 pag. 29 Por que adoramos odiar o RH ...e o que o RH pode fazer a respeito
  34. 34. Repensando a área de RH Os críticos mais duros dizem que que os executivos de RH se concentram demais nas “administrivialidades” e carecem de visão e pensamento estratégico.
  35. 35. É um dos 15 mais influentes pensadores do mundo pelo “Thinkers 50” Ram Charan
  36. 36. O desafio de RH “Esta proposta é apenas um simples esboço. Eu espero ver muita oposição a ela. Mas o problema com o RH é real. De uma forma ou de outra, ele terá que ganhar a visão de negócios necessários para ajudar as organizações a executar no seu melhor.” _ Ram Charan
  37. 37. O desabafo do guru Área de RH está se tornando obsoleta e vai desaparecer se continuar com práticas que infantilizam as pessoas nas organizações. _ Ram Charan
  38. 38. A Primeira Turma do Tribunal Superior do Trabalho negou provimento a um agravo com o qual a Distribuidora de Medicamentos Santa Cruz Ltda. pretendia se isentar da condenação de indenizar em R$ 50 mil um trabalhador que foi obrigado a andar com os pés descalços num corredor de carvão em brasas durante "treinamentos motivacionais". O caso causou espanto entre os ministros na sessão desta quarta-feira. O presidente da Turma, ministro Lelio Bentes Corrêa, se disse "chocado e estarrecido". "Em 12 anos de TST, nunca vi nada parecido", afirmou. http://www.tst.jus.br/noticias/-/asset_publisher/89Dk/content/id/10394719 26/09/2014 Chega de Infantilizar
  39. 39. Repensando a área de RH People Before Strategy: A New Role for the CHRO
  40. 40. Quociente de Inteligência QI Estratégico
  41. 41. Estratégia Inteligente QI Estratégico
  42. 42. O Novo Ambiente de Negócios Futuro
  43. 43. Tornar a estratégia da corporação flexível, permitindo a reorientação de acordo com as mudanças do ambiente de negócios. A Estratégia Inteligente
  44. 44. Estrutura Inteligente
  45. 45. Desenvolver opções para tornar a estrutura capaz de se adaptar aos novos desafios da demanda do mercado. Estrutura Inteligente
  46. 46. A Kodak inventou a câmara digital, mas quebrou porque não conseguiu se transformar em uma empresa digital Capacidade de Adaptação
  47. 47. Repensando a área de RH O novo contrato do CEO com o CHRO
  48. 48. 3 atividades cruciais do CHRO Previsão – Diagnostico – Prescrição de ações
  49. 49. Os 5 Elementos para o Sucesso dos Negócios 1. Caixa 2. Margem 3. Velocidade 4. Crescimento 5. Clientes
  50. 50. G3 o triunvirato poderoso Formar uma equipe desse tipo é a melhor forma isolada de vincular os números financeiros às pessoas que produzem. O CEO deve criar, no topo da corporação, um triunvirato que inclua o CFO e o CHRO.
  51. 51. Qual o perfil do TALENTO para sua empresa? A Pessoa certa no lugar certo
  52. 52. Culturas diferentes, múltiplos talentos e competências, opiniões divergentes, uma mistura rica com o mesmo objetivo. Mentes Inteligentes/ Diversidade
  53. 53. Capacidade de se adaptar e crescer em cargos e ambientes cada vez mais complexos. V U C A Potencial
  54. 54. Source: McKinsey War for Talent Study Quanto mais um High Performer produz anualmente quando comparado à média? 40% + produtividade em posições operacionais 49% + Lucratividade em posições de gerencia geral 67% + Ganhos em posições de vendas A pessoa certa faz grande diferença
  55. 55. “A habilidade de tomar boas decisões no que se refere às pessoas representa uma das últimas fontes confiáveis de vantagem competitiva, já que poucas organizações são capazes de fazer isso.” _Peter Drucker A pessoa certa faz grande diferença
  56. 56. C AB- Nível BAIXO Nível ALTO NívelBAIXONívelALTO GeraçãodeResultados Adequação Comportamental B+ O Imperativo dos Talentos do Século 21 Topgrading _Bradford Smart O profissional classe ‘A’
  57. 57. Responda as seguintes questões sobre seu negócio: 1. A Fonte mais importante de receitas é? 2. O Fator mais importante de crescimento é? 3. Os elementos essenciais de nossa estratégia são (listar) 4. Nosso principal concorrente é? 5. A maior ameaça que enfrentamos é? 6. O maior desafio de capital humano que nossa empresa enfrenta é? Teste de conhecimento do negócio
  58. 58. ORIENTAÇÕES FIXAS Quem somos? As orientações fixas constituem a filosofia da empresa e determinam sua identidade. Através delas, a empresa obtém a harmonia de sua equipe e a convergência das decisões e ações. A N Á L I S E D E C E N Á R I O Onde estamos? É preciso compreender a situação atual no cenário externo e no cenário interno, para que se possa definir de forma precisa os objetivos e metas. O R I E N T A Ç Õ E S E S T R A T É G I C A S Para onde vamos? Compreendida a filosofia da empresa, e avaliado o cenário onde está inserida, pode-se determinar com assertividade os objetivos quantitativos da organização e as métricas que permitirão monitorá-los. A visão de Porter
  59. 59. FORÇAS FRAQUEZAS OPORTUNI- DADES AMEAÇAS ANÁLISE DE CENÁRIO ORIENTAÇÕES FILOSÓFICAS NEGÓCIO MISSÃO PRINCÍPIOS ORIENTAÇÕES ESTRATÉGICAS VISÃO OBJETIVOS E MÉTRICAS PLANOS DE AÇÃO DIRETRIZES E POLÍTICAS STAKEHOLDER Modelo de aplicação
  60. 60. 1. Ativista com credibilidade: construir relações de confiança e, ao mesmo tempo, ter um ponto de vista sobre os negócios; 2. Guardião da cultura e da mudança: estar capacitado para fazer a mudança acontecer e construir novos padrões de comportamento; 3. Gestor de talentos/designer organizacional: estar apto a inovar, alinhar e integrar as práticas de RH em torno das pessoas e da organização; 4. Arquiteto estratégico: estar habilitado a ajudar a tornar uma estratégia clara e transformar práticas de RH e comportamentos de lideranças; 5. Aliado dos negócios: ter conhecimento do negócio e estar familiarizado com o modo como a empresa faz e gasta dinheiro; 6. Executor operacional: estar apto a administrar os processos fundamentais de RH. de acordo com Dave Ulrich Que competências definem hoje um profissional de RH eficaz?
  61. 61. Engajamento O que você precisa saber sobre o engajamento de empregados
  62. 62. 25 M de empregados em 189 diferentes países e 69 idiomas Q 12 desde 1990
  63. 63. Engajamento -80 -60 -40 -20 0 20 40 Desempenho Lucratividade +22% Produtividade +21% Avaliação de Clientes +10% Defeitos de Qualidade -41% Incidentes e Primeiros Socorros -41% Acidentes de Trabalho -48% Roubos e Fraudes -28% Empresa com Baixa Rotatividade -65% Empresa com alta rotatividade -25% Absenteísmo -37%
  64. 64. Nível de engajamento Receitas das operações Lucros líquidos Empresas com alto nível de engajamento Aumento de 19% Aumento de 28% Empresas com baixo nível de engajamento Queda de 32% Queda de 11% Como o engajamento afeta a performance financeira O Gallup estima que Cada trabalhadorinfeliz custa para empresa U$13,000.00 anual Estudos sobre Engajamento
  65. 65. Médio prazo Ruptura Criativa Ruptura com o status quo Ruptura com o modelo de negocio existente Ruptura com a paralisia organizacional Curtíssimo prazo – desafios diários Aumentar receita e lucros Minimizar os riscos e despesas Entregar valor ao cliente através dos produtos e serviços Atender a variável de interesses dos principais stakeholders What Chief Executives Really Want
  66. 66. Capital Humano Tendências Note: The key findings are based on the outcomes of the Global HC trends report. Copyright © 2014 Deloitte Development LLC. All rights reserved Um dos melhores estudos sobre tendências globais do Capital Humano. 2500+ Líderes empresariais e líderes de RH em 90+ países. Abrangendo diversos segmentos de indústrias em uma vasta dimensão geográfica. A pesquisa
  67. 67. A Liderança – continuará sendo o maior desafio das organizações no mundo inteiro. A Força de Trabalho – será diferente, o engajamento e a retenção serão os principais problemas nas mentes de CEOs e CHROs. O RH está ficando para trás em termos de estrutura, competências, análises, tecnologia, recrutamento de classe mundial e L & D. A Tecnologia, análise, e a “sobrecarga de trabalho” serão áreas de foco intenso para RH Déficites de competências, rápida obsolescência de competências, necessidade de aprendizagem da próxima geração, mobilidade de talentos – Lidar com isso vai diferenciar as empresas. Principais conclusões
  68. 68. Contribuições; Perguntas; Considerações. “Há três caminhos para o fracasso: não ensinar o que se sabe; não praticar o que se ensina; não perguntar o que se ignora _Beda, monge anglo-saxão, 675-735 !?!

×