SlideShare uma empresa Scribd logo
SEQUÊNCIA DIDÁTICA
E
PROJETO DIDÁTICO
Na presente unidade, temos
por propósito refletir sobre
formas de organização do
trabalho pedagógico,
especialmente sobre os
projetos didáticos e
sequências didáticas na
alfabetização.
Serão foco de atenção os
diálogos entre os diferentes
componentes curriculares,
visando a integração entre os
mesmos, bem como o papel
dos diferentes eixos de ensino
da língua na apropriação de
conhecimentos relacionados
às distintas áreas do saber.
- Compreender a concepção
de alfabetização na
perspectiva do letramento, a
partir do aprofundamento de
estudos baseados nas obras
pedagógicas do PNBE do
professor e outros textos
publicados pelo MEC;
Os objetivos são:
- Aprofundar a
compreensão sobre o
currículo nos anos iniciais
do Ensino Fundamental e
sobre os direitos de
aprendizagem e
desenvolvimento nas
diferentes áreas de
conhecimento;
- Analisar e planejar
projetos didáticos e
sequências didáticas para
turmas de alfabetização,
assim como prever
atividades permanentes
integrando diferentes
componentes curriculares e
atividades voltadas para
o desenvolvimento da
oralidade, leitura e escrita;
- Conhecer os recursos
didáticos distribuídos pelo
Ministério da Educação e
planejar projetos
e sequências didáticas em
que tais materiais sejam
usados;
- Compreender a
importância da avaliação
no ciclo de alfabetização.
Unidade seis
Unidade seis
O Projeto didático
juntamento com o
planejamento, o
monitoramento e a
avaliação se da em todo o
processo sendo de forma
compartilhada, ou seja, as
crianças participam da
organização geral do
trabalho de modo mais
direto.
Os alunos têm mais
autonomia de ação, e
também as relações entre
as várias áreas do
conhecimentos ou seja a
interdisciplinariedade.
Permitindo ao professor
planejar um trabalho
pedagógico adequado à
faixa etária dos seus alunos
envolvendo todas as
áreas.
Unidade seis
Unidade seis
1. Tema: delimitar e conhecer bem o
assunto que será estudado e pesquisá-lo
previamente;
2. Objetivos: Traduz as intenções do
trabalho, quais as aprendizagens pretendidas
e aponta sua finalidade;
3. Conteúdos: ter clareza do que as
crianças conhecem e desconhecem sobre o
tema e o conteúdo do trabalho.
4. Tempo estimado: construir um
cronograma com prazos para cada atividade,
delimitando a duração total do trabalho.
5. Material necessário: selecionar
previamente os recursos e materiais que
serão usados, como sites e livros de
consulta.
6. Apresentação da proposta: deixar
claro para a sala os objetivos sociais do
trabalho e quais os próximos passos.
7. Planejamento das etapas: relacionar
uma etapa à outra, em uma
complexidade crescente.
8. Encaminhamentos: antecipar quais
serão as perguntas que você fará para
encaminhar a atividade.
9. Agrupamentos: prever quais
momentos serão em grupo, em duplas e
individuais.
10. Avaliação - inclui o professor e sua
própria prática, a equipe pedagógica e a
proposta da escola, passando pela relação com
os pais e comunidade escolar geral, com os
alunos e sua própria aprendizagem.
Unidade seis
É uma série de atividades
envolvendo um mesmo
conteúdo, com ordem
crescente de dificuldade,
planejadas para possibilitar
o desenvolvimento da
próxima atividade.
Objetivo: Ensinar conteúdos que exijam
tempo para aprender com aprofundamento
gradual.
Organização: Prever a ordem em que as
atividades serão propostas, os objetivos, os
conteúdos, os materiais, as etapas do
desenvolvimento, a duração e a maneira
como será feita a avaliação.
Como usar: A maioria dos conteúdos exige
tempo para aprender. Por isso, a sequência
didática é a modalidade organizativa mais
presente no planejamento. Escolher os
conteúdos mais importantes, organizar a
série, garantindo a continuidade, e distribuí-
los durante o ano.
•
O número de
atividades de cada
sequência é variado,
assim como o tempo
de duração (ambos
dependem do objetivo
e da resposta da turma
às propostas).
Unidade seis
QUAL A
DIFERENÇA
DE
PROJETO
DIDÁTICO
E
SEQUÊNCIA
DIDATICA?
Em síntese, a sequência
didática consiste em um
procedimento de ensino, em
que um conteúdo específico
é focalizado em passos ou
etapas encadeadas,
tornando mais eficiente o
processo de aprendizagem.
Segundo Schneuwly, Dolz e
colaboradores (2004)
consideram que uma
sequência didática tem a
finalidade de ajudar o aluno a
dominar melhor um gênero de
texto levando-o a escrever ou
falar de forma mais adequada
numa situação de
comunicação.
Nos projetos as
crianças têm mais
autonomia de ação, e o que
está em jogo é mais a
extensão do conteúdo
selecionado ( e as relações
entre várias áreas do
conhecimento e várias
linguagens) do que seu
aprofundamento.
Ele pode ser desenvolvido
em parceria, em equipe, e
favorece a articulação de
diferentes conteúdos, de
diferentes áreas, bem
como a troca constante de
idéias, permitindo o
movimento discursivo em
que falante/ouvinte têm
direito a vez e voz.
VÍDEO: AVES EM
EXTINÇÃO
APÓS ASSISTIR O VÍDEO:
Vamos estabelecer a
relação entre a
experiência vivenciada
pela professora do vídeo
“AVES EM EXTINÇÃO” e a
apresentação do projeto
didático e sequência
didática.
Entregar um resumo
sobre o que é projeto
didático e sequência
didática .
Unidade seis
TAREFA
- O Professor
alfabetizador deverá
elaborar um
PROJETO DIDÁTICO,
levando em conta a
participação dos
alunos na
elaboração.
Após a execução do
projeto, o
alfabetizador deverá
apresentar o relato
da sua experiência
em PowerPoint ao
Orientador de
Estudos.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Sequencia didatica
Sequencia didaticaSequencia didatica
Sequencia didatica
shs_oliveira
 
Pnaic caderno 1-curriculo
Pnaic caderno 1-curriculoPnaic caderno 1-curriculo
Pnaic caderno 1-curriculo
Claudio Pessoa
 
Pnaic caderno de_apresentacao
Pnaic caderno de_apresentacaoPnaic caderno de_apresentacao
Pnaic caderno de_apresentacao
Claudio Pessoa
 
“ REFLEXÃO SOBRE A PRÁTICA DO PROFESSOR ALFABETIZADOR: O REGISTRO DAS EXPERIÊ...
“ REFLEXÃO SOBRE A PRÁTICA DO PROFESSOR ALFABETIZADOR: O REGISTRO DAS EXPERIÊ...“ REFLEXÃO SOBRE A PRÁTICA DO PROFESSOR ALFABETIZADOR: O REGISTRO DAS EXPERIÊ...
“ REFLEXÃO SOBRE A PRÁTICA DO PROFESSOR ALFABETIZADOR: O REGISTRO DAS EXPERIÊ...
Aprender com prazer
 
Modalidades organizativas do trabalho pedagógico na educação infantil
Modalidades organizativas do trabalho pedagógico na educação infantilModalidades organizativas do trabalho pedagógico na educação infantil
Modalidades organizativas do trabalho pedagógico na educação infantil
Bruna Sabrine
 
PNAIC - Ano 2 unidade 2
PNAIC - Ano 2   unidade 2PNAIC - Ano 2   unidade 2
PNAIC - Ano 2 unidade 2
ElieneDias
 
Sequência didática
Sequência didáticaSequência didática
Sequência didática
Roséli Safons do Couto
 
Unidade 6 projetos
Unidade 6   projetosUnidade 6   projetos
Unidade 6 projetos
Elia Rejany
 
A Interdisciplinariedade em Projetos e Sequências Didáticas
A Interdisciplinariedade em Projetos e Sequências DidáticasA Interdisciplinariedade em Projetos e Sequências Didáticas
A Interdisciplinariedade em Projetos e Sequências Didáticas
Tatiana Carla Scalabrin
 
Formação sequência didática - conhecer para realizar
Formação sequência didática - conhecer para realizarFormação sequência didática - conhecer para realizar
Formação sequência didática - conhecer para realizar
Maria Cecilia Silva
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.
Magda Marques
 
Planejamento coletivo
Planejamento coletivoPlanejamento coletivo
Planejamento coletivo
Claudio Pessoa
 
Projeto didático
Projeto didáticoProjeto didático
Projeto didático
Tatiana Schiavon
 
PNAIC - Ano 3 unidade 2
PNAIC - Ano 3  unidade 2PNAIC - Ano 3  unidade 2
PNAIC - Ano 3 unidade 2
ElieneDias
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógico
Magda Marques
 
Plano de ensino atual
Plano de ensino atualPlano de ensino atual
Plano de ensino atual
JOAO AURELIANO
 
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa aula 1
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa    aula  1Pacto nacional pela alfabetização na idade certa    aula  1
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa aula 1
Aprender com prazer
 
Planejamento 1ºano
Planejamento 1ºanoPlanejamento 1ºano
Planejamento 1ºano
miesbella
 

Mais procurados (18)

Sequencia didatica
Sequencia didaticaSequencia didatica
Sequencia didatica
 
Pnaic caderno 1-curriculo
Pnaic caderno 1-curriculoPnaic caderno 1-curriculo
Pnaic caderno 1-curriculo
 
Pnaic caderno de_apresentacao
Pnaic caderno de_apresentacaoPnaic caderno de_apresentacao
Pnaic caderno de_apresentacao
 
“ REFLEXÃO SOBRE A PRÁTICA DO PROFESSOR ALFABETIZADOR: O REGISTRO DAS EXPERIÊ...
“ REFLEXÃO SOBRE A PRÁTICA DO PROFESSOR ALFABETIZADOR: O REGISTRO DAS EXPERIÊ...“ REFLEXÃO SOBRE A PRÁTICA DO PROFESSOR ALFABETIZADOR: O REGISTRO DAS EXPERIÊ...
“ REFLEXÃO SOBRE A PRÁTICA DO PROFESSOR ALFABETIZADOR: O REGISTRO DAS EXPERIÊ...
 
Modalidades organizativas do trabalho pedagógico na educação infantil
Modalidades organizativas do trabalho pedagógico na educação infantilModalidades organizativas do trabalho pedagógico na educação infantil
Modalidades organizativas do trabalho pedagógico na educação infantil
 
PNAIC - Ano 2 unidade 2
PNAIC - Ano 2   unidade 2PNAIC - Ano 2   unidade 2
PNAIC - Ano 2 unidade 2
 
Sequência didática
Sequência didáticaSequência didática
Sequência didática
 
Unidade 6 projetos
Unidade 6   projetosUnidade 6   projetos
Unidade 6 projetos
 
A Interdisciplinariedade em Projetos e Sequências Didáticas
A Interdisciplinariedade em Projetos e Sequências DidáticasA Interdisciplinariedade em Projetos e Sequências Didáticas
A Interdisciplinariedade em Projetos e Sequências Didáticas
 
Formação sequência didática - conhecer para realizar
Formação sequência didática - conhecer para realizarFormação sequência didática - conhecer para realizar
Formação sequência didática - conhecer para realizar
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.
 
Planejamento coletivo
Planejamento coletivoPlanejamento coletivo
Planejamento coletivo
 
Projeto didático
Projeto didáticoProjeto didático
Projeto didático
 
PNAIC - Ano 3 unidade 2
PNAIC - Ano 3  unidade 2PNAIC - Ano 3  unidade 2
PNAIC - Ano 3 unidade 2
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógico
 
Plano de ensino atual
Plano de ensino atualPlano de ensino atual
Plano de ensino atual
 
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa aula 1
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa    aula  1Pacto nacional pela alfabetização na idade certa    aula  1
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa aula 1
 
Planejamento 1ºano
Planejamento 1ºanoPlanejamento 1ºano
Planejamento 1ºano
 

Destaque

GréCia
GréCiaGréCia
GréCia
Ellen_Assad
 
Psicogênese da Língua Escrita
Psicogênese da Língua EscritaPsicogênese da Língua Escrita
Psicogênese da Língua Escrita
Jessica Nuvens
 
Letramento e Alfabetização: Pensando a Prática Pedagógica
Letramento e Alfabetização: Pensando a Prática PedagógicaLetramento e Alfabetização: Pensando a Prática Pedagógica
Letramento e Alfabetização: Pensando a Prática Pedagógica
Taynná Barcellos
 
Trabalho de artes, Arte Bupreste, Arte Pré Históricas
Trabalho de artes, Arte Bupreste, Arte Pré Históricas Trabalho de artes, Arte Bupreste, Arte Pré Históricas
Trabalho de artes, Arte Bupreste, Arte Pré Históricas
Abdias Silva
 
Pinturas rupestres
Pinturas rupestresPinturas rupestres
Pinturas rupestres
Claudio Augusto Rabelo Marques
 
4. psicogenese da_lingua_escrita
4. psicogenese da_lingua_escrita4. psicogenese da_lingua_escrita
4. psicogenese da_lingua_escrita
Pactoufba
 
Alfabetização e letramento psicogenese
Alfabetização e letramento   psicogeneseAlfabetização e letramento   psicogenese
Alfabetização e letramento psicogenese
Ananda Lima
 
Arte na antiguidade.
Arte na antiguidade.Arte na antiguidade.
Arte na antiguidade.
mundica broda
 
Escola ativa alfabetizacao - 1 º ano
Escola ativa alfabetizacao - 1 º anoEscola ativa alfabetizacao - 1 º ano
Escola ativa alfabetizacao - 1 º ano
Fabiana Esteves
 
Análise da escrita alfabética
Análise da escrita alfabéticaAnálise da escrita alfabética
Análise da escrita alfabética
Ananda Lima
 
Apresentação psicogênese da língua escrita
Apresentação psicogênese da língua escritaApresentação psicogênese da língua escrita
Apresentação psicogênese da língua escrita
MARILENE RANGEL
 
Apresentação planejamento psicogênese da língua escrita
Apresentação planejamento   psicogênese da língua escritaApresentação planejamento   psicogênese da língua escrita
Apresentação planejamento psicogênese da língua escrita
Alekson Morais
 
Concepcoes de alfabetizacao e letramento
Concepcoes de alfabetizacao e letramentoConcepcoes de alfabetizacao e letramento
Concepcoes de alfabetizacao e letramento
zetesousa
 
Psicogênese da Língua Escrita
Psicogênese da Língua EscritaPsicogênese da Língua Escrita
Psicogênese da Língua Escrita
Bruna Braga
 
A arte na Pré-História - aula 2 - com exercícios
A arte na Pré-História - aula 2 - com exercíciosA arte na Pré-História - aula 2 - com exercícios
A arte na Pré-História - aula 2 - com exercícios
VIVIAN TROMBINI
 
Consciência Fonológica
Consciência FonológicaConsciência Fonológica
Consciência Fonológica
Ananda Lima
 
História da Arte - Pré-história e Antiguidade
História da Arte - Pré-história e AntiguidadeHistória da Arte - Pré-história e Antiguidade
História da Arte - Pré-história e Antiguidade
Marcio Duarte
 
Slideshare
SlideshareSlideshare
AlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E LetramentoAlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E Letramento
henriqueocarvalho
 
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emíliaHipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
profeannecunha
 

Destaque (20)

GréCia
GréCiaGréCia
GréCia
 
Psicogênese da Língua Escrita
Psicogênese da Língua EscritaPsicogênese da Língua Escrita
Psicogênese da Língua Escrita
 
Letramento e Alfabetização: Pensando a Prática Pedagógica
Letramento e Alfabetização: Pensando a Prática PedagógicaLetramento e Alfabetização: Pensando a Prática Pedagógica
Letramento e Alfabetização: Pensando a Prática Pedagógica
 
Trabalho de artes, Arte Bupreste, Arte Pré Históricas
Trabalho de artes, Arte Bupreste, Arte Pré Históricas Trabalho de artes, Arte Bupreste, Arte Pré Históricas
Trabalho de artes, Arte Bupreste, Arte Pré Históricas
 
Pinturas rupestres
Pinturas rupestresPinturas rupestres
Pinturas rupestres
 
4. psicogenese da_lingua_escrita
4. psicogenese da_lingua_escrita4. psicogenese da_lingua_escrita
4. psicogenese da_lingua_escrita
 
Alfabetização e letramento psicogenese
Alfabetização e letramento   psicogeneseAlfabetização e letramento   psicogenese
Alfabetização e letramento psicogenese
 
Arte na antiguidade.
Arte na antiguidade.Arte na antiguidade.
Arte na antiguidade.
 
Escola ativa alfabetizacao - 1 º ano
Escola ativa alfabetizacao - 1 º anoEscola ativa alfabetizacao - 1 º ano
Escola ativa alfabetizacao - 1 º ano
 
Análise da escrita alfabética
Análise da escrita alfabéticaAnálise da escrita alfabética
Análise da escrita alfabética
 
Apresentação psicogênese da língua escrita
Apresentação psicogênese da língua escritaApresentação psicogênese da língua escrita
Apresentação psicogênese da língua escrita
 
Apresentação planejamento psicogênese da língua escrita
Apresentação planejamento   psicogênese da língua escritaApresentação planejamento   psicogênese da língua escrita
Apresentação planejamento psicogênese da língua escrita
 
Concepcoes de alfabetizacao e letramento
Concepcoes de alfabetizacao e letramentoConcepcoes de alfabetizacao e letramento
Concepcoes de alfabetizacao e letramento
 
Psicogênese da Língua Escrita
Psicogênese da Língua EscritaPsicogênese da Língua Escrita
Psicogênese da Língua Escrita
 
A arte na Pré-História - aula 2 - com exercícios
A arte na Pré-História - aula 2 - com exercíciosA arte na Pré-História - aula 2 - com exercícios
A arte na Pré-História - aula 2 - com exercícios
 
Consciência Fonológica
Consciência FonológicaConsciência Fonológica
Consciência Fonológica
 
História da Arte - Pré-história e Antiguidade
História da Arte - Pré-história e AntiguidadeHistória da Arte - Pré-história e Antiguidade
História da Arte - Pré-história e Antiguidade
 
Slideshare
SlideshareSlideshare
Slideshare
 
AlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E LetramentoAlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E Letramento
 
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emíliaHipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
 

Semelhante a Unidade seis

Slides
SlidesSlides
3 formação pnaic
3 formação pnaic3 formação pnaic
3 formação pnaic
Nadylva Guedes
 
A didática tem grande relevância no processo educativo de ensino e aprendizag...
A didática tem grande relevância no processo educativo de ensino e aprendizag...A didática tem grande relevância no processo educativo de ensino e aprendizag...
A didática tem grande relevância no processo educativo de ensino e aprendizag...
ProfCibellePires
 
Unidade 4 slides 1 quarto momento
Unidade 4 slides  1 quarto momentoUnidade 4 slides  1 quarto momento
Unidade 4 slides 1 quarto momento
Nely Maria Pereira Andrade
 
1363970315927(1)
1363970315927(1)1363970315927(1)
1363970315927(1)
Rodrigo Ggomes
 
Projeto (1)
Projeto (1)Projeto (1)
Projetos didáticos
Projetos didáticosProjetos didáticos
Projetos didáticos
Taty Nunes da Rocha
 
Apresentação 2 planejamento
Apresentação 2   planejamentoApresentação 2   planejamento
Apresentação 2 planejamento
Lídia Lourinho
 
ot_-formao-pca.pptxebebebebebdbdbebrbddbdb
ot_-formao-pca.pptxebebebebebdbdbebrbddbdbot_-formao-pca.pptxebebebebebdbdbebrbddbdb
ot_-formao-pca.pptxebebebebebdbdbebrbddbdb
DanielTuber
 
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
LinoReisLino
 
Modalidades Organizativas DÉLIA LERNER. (1).pdf
Modalidades Organizativas DÉLIA LERNER. (1).pdfModalidades Organizativas DÉLIA LERNER. (1).pdf
Modalidades Organizativas DÉLIA LERNER. (1).pdf
ssuserbc0eb2
 
7-dicas-para-planejar-a-aula-a-partir-do-livro-didatico-Linguagens.pdf
7-dicas-para-planejar-a-aula-a-partir-do-livro-didatico-Linguagens.pdf7-dicas-para-planejar-a-aula-a-partir-do-livro-didatico-Linguagens.pdf
7-dicas-para-planejar-a-aula-a-partir-do-livro-didatico-Linguagens.pdf
Francisco Sá
 
Material Didatico Ead
Material Didatico EadMaterial Didatico Ead
Material Didatico Ead
joao jose saraiva da fonseca
 
Caderno 3 ano lp vol 1
Caderno 3 ano lp   vol 1Caderno 3 ano lp   vol 1
Caderno 3 ano lp vol 1
Elizangela Teixeira
 
slide_11Tipos de metodologias ativas.pptx
slide_11Tipos de metodologias ativas.pptxslide_11Tipos de metodologias ativas.pptx
slide_11Tipos de metodologias ativas.pptx
Danillo Silva Guimarães
 
DIREITOS DE APRENDIZAGEM DE LÍNGUA PORTUGUESA
DIREITOS DE APRENDIZAGEM DE LÍNGUA PORTUGUESADIREITOS DE APRENDIZAGEM DE LÍNGUA PORTUGUESA
DIREITOS DE APRENDIZAGEM DE LÍNGUA PORTUGUESA
Aprender com prazer
 
PNAC - Ano 01 unidade 6
PNAC - Ano 01   unidade 6PNAC - Ano 01   unidade 6
PNAC - Ano 01 unidade 6
ElieneDias
 
Projetos
ProjetosProjetos
ot_-formao-pca.pptx
ot_-formao-pca.pptxot_-formao-pca.pptx
ot_-formao-pca.pptx
LinaKelly3
 
Oficina alfabetizacao
Oficina alfabetizacaoOficina alfabetizacao
Oficina alfabetizacao
pipatcleopoldina
 

Semelhante a Unidade seis (20)

Slides
SlidesSlides
Slides
 
3 formação pnaic
3 formação pnaic3 formação pnaic
3 formação pnaic
 
A didática tem grande relevância no processo educativo de ensino e aprendizag...
A didática tem grande relevância no processo educativo de ensino e aprendizag...A didática tem grande relevância no processo educativo de ensino e aprendizag...
A didática tem grande relevância no processo educativo de ensino e aprendizag...
 
Unidade 4 slides 1 quarto momento
Unidade 4 slides  1 quarto momentoUnidade 4 slides  1 quarto momento
Unidade 4 slides 1 quarto momento
 
1363970315927(1)
1363970315927(1)1363970315927(1)
1363970315927(1)
 
Projeto (1)
Projeto (1)Projeto (1)
Projeto (1)
 
Projetos didáticos
Projetos didáticosProjetos didáticos
Projetos didáticos
 
Apresentação 2 planejamento
Apresentação 2   planejamentoApresentação 2   planejamento
Apresentação 2 planejamento
 
ot_-formao-pca.pptxebebebebebdbdbebrbddbdb
ot_-formao-pca.pptxebebebebebdbdbebrbddbdbot_-formao-pca.pptxebebebebebdbdbebrbddbdb
ot_-formao-pca.pptxebebebebebdbdbebrbddbdb
 
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
 
Modalidades Organizativas DÉLIA LERNER. (1).pdf
Modalidades Organizativas DÉLIA LERNER. (1).pdfModalidades Organizativas DÉLIA LERNER. (1).pdf
Modalidades Organizativas DÉLIA LERNER. (1).pdf
 
7-dicas-para-planejar-a-aula-a-partir-do-livro-didatico-Linguagens.pdf
7-dicas-para-planejar-a-aula-a-partir-do-livro-didatico-Linguagens.pdf7-dicas-para-planejar-a-aula-a-partir-do-livro-didatico-Linguagens.pdf
7-dicas-para-planejar-a-aula-a-partir-do-livro-didatico-Linguagens.pdf
 
Material Didatico Ead
Material Didatico EadMaterial Didatico Ead
Material Didatico Ead
 
Caderno 3 ano lp vol 1
Caderno 3 ano lp   vol 1Caderno 3 ano lp   vol 1
Caderno 3 ano lp vol 1
 
slide_11Tipos de metodologias ativas.pptx
slide_11Tipos de metodologias ativas.pptxslide_11Tipos de metodologias ativas.pptx
slide_11Tipos de metodologias ativas.pptx
 
DIREITOS DE APRENDIZAGEM DE LÍNGUA PORTUGUESA
DIREITOS DE APRENDIZAGEM DE LÍNGUA PORTUGUESADIREITOS DE APRENDIZAGEM DE LÍNGUA PORTUGUESA
DIREITOS DE APRENDIZAGEM DE LÍNGUA PORTUGUESA
 
PNAC - Ano 01 unidade 6
PNAC - Ano 01   unidade 6PNAC - Ano 01   unidade 6
PNAC - Ano 01 unidade 6
 
Projetos
ProjetosProjetos
Projetos
 
ot_-formao-pca.pptx
ot_-formao-pca.pptxot_-formao-pca.pptx
ot_-formao-pca.pptx
 
Oficina alfabetizacao
Oficina alfabetizacaoOficina alfabetizacao
Oficina alfabetizacao
 

Mais de Andreá Perez Leinat

Caderno 03
Caderno 03Caderno 03
A bota do bode
A bota do bodeA bota do bode
A bota do bode
Andreá Perez Leinat
 
Unidade sete - pacto pela alfabetização
Unidade sete - pacto pela alfabetizaçãoUnidade sete - pacto pela alfabetização
Unidade sete - pacto pela alfabetização
Andreá Perez Leinat
 
Funcionários e educadores certo/ profuncionários
Funcionários e educadores certo/ profuncionáriosFuncionários e educadores certo/ profuncionários
Funcionários e educadores certo/ profuncionários
Andreá Perez Leinat
 
Creche oficina/ Vila Bela
Creche oficina/ Vila BelaCreche oficina/ Vila Bela
Creche oficina/ Vila Bela
Andreá Perez Leinat
 
História um amor de confusão, de dulce rangel
História um amor de confusão, de dulce rangelHistória um amor de confusão, de dulce rangel
História um amor de confusão, de dulce rangel
Andreá Perez Leinat
 
O carteiro chegou_-_janet_e_allan_ahlberg
O carteiro chegou_-_janet_e_allan_ahlbergO carteiro chegou_-_janet_e_allan_ahlberg
O carteiro chegou_-_janet_e_allan_ahlberg
Andreá Perez Leinat
 
Apresentação da unidade cinco
Apresentação da unidade cincoApresentação da unidade cinco
Apresentação da unidade cinco
Andreá Perez Leinat
 
Fotos
FotosFotos
Unidade 4 ano 1
Unidade 4 ano 1Unidade 4 ano 1
Unidade 4 ano 1
Andreá Perez Leinat
 
Marianece
MarianeceMarianece
Janece
JaneceJanece
Pacto nacional para alfabetização na idade certa padre nazareno
Pacto nacional para alfabetização na idade certa padre nazarenoPacto nacional para alfabetização na idade certa padre nazareno
Pacto nacional para alfabetização na idade certa padre nazareno
Andreá Perez Leinat
 
Sequência didática luciana
Sequência didática lucianaSequência didática luciana
Sequência didática luciana
Andreá Perez Leinat
 
Kelvia
KelviaKelvia
Imprimir 2
Imprimir 2Imprimir 2

Mais de Andreá Perez Leinat (20)

Caderno 03
Caderno 03Caderno 03
Caderno 03
 
A bota do bode
A bota do bodeA bota do bode
A bota do bode
 
Unidade sete - pacto pela alfabetização
Unidade sete - pacto pela alfabetizaçãoUnidade sete - pacto pela alfabetização
Unidade sete - pacto pela alfabetização
 
Historia com sequencia
Historia com sequenciaHistoria com sequencia
Historia com sequencia
 
Funcionários e educadores certo/ profuncionários
Funcionários e educadores certo/ profuncionáriosFuncionários e educadores certo/ profuncionários
Funcionários e educadores certo/ profuncionários
 
Creche oficina/ Vila Bela
Creche oficina/ Vila BelaCreche oficina/ Vila Bela
Creche oficina/ Vila Bela
 
Fotos da unidade cinco
Fotos da unidade cincoFotos da unidade cinco
Fotos da unidade cinco
 
História um amor de confusão, de dulce rangel
História um amor de confusão, de dulce rangelHistória um amor de confusão, de dulce rangel
História um amor de confusão, de dulce rangel
 
O carteiro chegou_-_janet_e_allan_ahlberg
O carteiro chegou_-_janet_e_allan_ahlbergO carteiro chegou_-_janet_e_allan_ahlberg
O carteiro chegou_-_janet_e_allan_ahlberg
 
Apresentação da unidade cinco
Apresentação da unidade cincoApresentação da unidade cinco
Apresentação da unidade cinco
 
Fotos
FotosFotos
Fotos
 
História do dez sacizinhos
História do dez sacizinhosHistória do dez sacizinhos
História do dez sacizinhos
 
O chá das dez
O chá das dezO chá das dez
O chá das dez
 
Unidade 4 ano 1
Unidade 4 ano 1Unidade 4 ano 1
Unidade 4 ano 1
 
Marianece
MarianeceMarianece
Marianece
 
Janece
JaneceJanece
Janece
 
Pacto nacional para alfabetização na idade certa padre nazareno
Pacto nacional para alfabetização na idade certa padre nazarenoPacto nacional para alfabetização na idade certa padre nazareno
Pacto nacional para alfabetização na idade certa padre nazareno
 
Sequência didática luciana
Sequência didática lucianaSequência didática luciana
Sequência didática luciana
 
Kelvia
KelviaKelvia
Kelvia
 
Imprimir 2
Imprimir 2Imprimir 2
Imprimir 2
 

Unidade seis

  • 2. Na presente unidade, temos por propósito refletir sobre formas de organização do trabalho pedagógico, especialmente sobre os projetos didáticos e sequências didáticas na alfabetização.
  • 3. Serão foco de atenção os diálogos entre os diferentes componentes curriculares, visando a integração entre os mesmos, bem como o papel dos diferentes eixos de ensino da língua na apropriação de conhecimentos relacionados às distintas áreas do saber.
  • 4. - Compreender a concepção de alfabetização na perspectiva do letramento, a partir do aprofundamento de estudos baseados nas obras pedagógicas do PNBE do professor e outros textos publicados pelo MEC; Os objetivos são:
  • 5. - Aprofundar a compreensão sobre o currículo nos anos iniciais do Ensino Fundamental e sobre os direitos de aprendizagem e desenvolvimento nas diferentes áreas de conhecimento;
  • 6. - Analisar e planejar projetos didáticos e sequências didáticas para turmas de alfabetização, assim como prever atividades permanentes integrando diferentes componentes curriculares e atividades voltadas para o desenvolvimento da oralidade, leitura e escrita;
  • 7. - Conhecer os recursos didáticos distribuídos pelo Ministério da Educação e planejar projetos e sequências didáticas em que tais materiais sejam usados; - Compreender a importância da avaliação no ciclo de alfabetização.
  • 10. O Projeto didático juntamento com o planejamento, o monitoramento e a avaliação se da em todo o processo sendo de forma compartilhada, ou seja, as crianças participam da organização geral do trabalho de modo mais direto.
  • 11. Os alunos têm mais autonomia de ação, e também as relações entre as várias áreas do conhecimentos ou seja a interdisciplinariedade.
  • 12. Permitindo ao professor planejar um trabalho pedagógico adequado à faixa etária dos seus alunos envolvendo todas as áreas.
  • 15. 1. Tema: delimitar e conhecer bem o assunto que será estudado e pesquisá-lo previamente; 2. Objetivos: Traduz as intenções do trabalho, quais as aprendizagens pretendidas e aponta sua finalidade;
  • 16. 3. Conteúdos: ter clareza do que as crianças conhecem e desconhecem sobre o tema e o conteúdo do trabalho. 4. Tempo estimado: construir um cronograma com prazos para cada atividade, delimitando a duração total do trabalho.
  • 17. 5. Material necessário: selecionar previamente os recursos e materiais que serão usados, como sites e livros de consulta. 6. Apresentação da proposta: deixar claro para a sala os objetivos sociais do trabalho e quais os próximos passos.
  • 18. 7. Planejamento das etapas: relacionar uma etapa à outra, em uma complexidade crescente. 8. Encaminhamentos: antecipar quais serão as perguntas que você fará para encaminhar a atividade.
  • 19. 9. Agrupamentos: prever quais momentos serão em grupo, em duplas e individuais. 10. Avaliação - inclui o professor e sua própria prática, a equipe pedagógica e a proposta da escola, passando pela relação com os pais e comunidade escolar geral, com os alunos e sua própria aprendizagem.
  • 21. É uma série de atividades envolvendo um mesmo conteúdo, com ordem crescente de dificuldade, planejadas para possibilitar o desenvolvimento da próxima atividade.
  • 22. Objetivo: Ensinar conteúdos que exijam tempo para aprender com aprofundamento gradual. Organização: Prever a ordem em que as atividades serão propostas, os objetivos, os conteúdos, os materiais, as etapas do desenvolvimento, a duração e a maneira como será feita a avaliação.
  • 23. Como usar: A maioria dos conteúdos exige tempo para aprender. Por isso, a sequência didática é a modalidade organizativa mais presente no planejamento. Escolher os conteúdos mais importantes, organizar a série, garantindo a continuidade, e distribuí- los durante o ano. •
  • 24. O número de atividades de cada sequência é variado, assim como o tempo de duração (ambos dependem do objetivo e da resposta da turma às propostas).
  • 27. Em síntese, a sequência didática consiste em um procedimento de ensino, em que um conteúdo específico é focalizado em passos ou etapas encadeadas, tornando mais eficiente o processo de aprendizagem.
  • 28. Segundo Schneuwly, Dolz e colaboradores (2004) consideram que uma sequência didática tem a finalidade de ajudar o aluno a dominar melhor um gênero de texto levando-o a escrever ou falar de forma mais adequada numa situação de comunicação.
  • 29. Nos projetos as crianças têm mais autonomia de ação, e o que está em jogo é mais a extensão do conteúdo selecionado ( e as relações entre várias áreas do conhecimento e várias linguagens) do que seu aprofundamento.
  • 30. Ele pode ser desenvolvido em parceria, em equipe, e favorece a articulação de diferentes conteúdos, de diferentes áreas, bem como a troca constante de idéias, permitindo o movimento discursivo em que falante/ouvinte têm direito a vez e voz.
  • 32. APÓS ASSISTIR O VÍDEO: Vamos estabelecer a relação entre a experiência vivenciada pela professora do vídeo “AVES EM EXTINÇÃO” e a apresentação do projeto didático e sequência didática.
  • 33. Entregar um resumo sobre o que é projeto didático e sequência didática .
  • 35. TAREFA - O Professor alfabetizador deverá elaborar um PROJETO DIDÁTICO, levando em conta a participação dos alunos na elaboração.
  • 36. Após a execução do projeto, o alfabetizador deverá apresentar o relato da sua experiência em PowerPoint ao Orientador de Estudos.