SlideShare uma empresa Scribd logo
Filipe Fernandes  – 12.108.501-3 Renan Uehara  – 12.107.214-7 Renato Ferreira  – 12.108.687-0 CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FEI CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO TCC - Trabalho de Conclusão Curso  Análise do Impacto nos Níveis de Estoques da Implantação do Sistema Puxado de Abastecimento Segundo Semestre de 2010 Orientador : Prof. Mário de Souza Nogueira Neto São Bernardo do Campo, Dezembro de 2010
ABREPO ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Objetivos Gerais ,[object Object],[object Object],Objetivos específicos
Perguntas ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Hipóteses
Metodologia ,[object Object],[object Object]
Principais Autores ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Relevância do tema ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Gerenciamento de Estoques ,[object Object],[object Object],Ve(t) > Vs(t)    Aumento Ve(t) < Vs(t)    Diminuição Ve(t) = Vs(t)    Equilíbrio Figura 2 – Custos Logísticos Fonte: Autor “adaptado de” Morcelli, 2008, slide 3 28%
Lean ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Sistema Puxado de Abastecimento ,[object Object],[object Object],[object Object]
Sistema Empurrado Sistema Puxado Baseado na Demanda (curto, médio e longo prazo) e histórico Baseado no Histórico (curto prazo) alinhado com a Demanda (médio e longo prazo) Estoque de Matéria-Prima Estoque de Produtos Terminados Lote de abastecimento baixo Elevada frequência de controle Redução da complexidade Maior compromisso Maior agilidade Perdas menores Lote de abastecimento elevado Baixa frequência de controle Elevada complexidade Baixo comprometimento Pouca agilidade Perdas elevadas Estoque de Matéria-Prima Estoque de Produtos Terminados Estoque de Produtos Terminados Comparativo Distribuição Cliente Distribuição Cliente Fornecedor Fábrica Consumidor Fábrica Fornecedor Consumidor
Estudo de Caso Empresa do Ramo Alimentício
A Empresa ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Malha Logística Brasileira
Benefícios Desejados ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Implantação do Sistema Puxado
O Foco da Mentalidade Enxuta
VARIABILIDADE / CONFIABILIDADE SUPRIMENTO VARIABILIDADE VENDAS OU CONSUMO TRANSITO FREQUENCIA ABASTECIMENTO LOTE MINIMO ABASTECIMENTO BASE HISTORICO VENDAS EVENTOS PLANEJADOS SUPERMERCADOS Dimensionamento estoques AMPLITUDE ESTOQUE
Fluxo Informação – Abastecimento FLUXO CONTÍNUO
Broker Gravataí ,[object Object],[object Object],Figura 32 – Gráfico evolução estoque  Broker  Gravataí Fonte: Empresa do ramo alimentício
Broker Gravataí ,[object Object],[object Object],Figura 33 – Gráfico evolução vendas  Broker  Gravataí Fonte: Empresa do ramo alimentício
Broker Gravataí ,[object Object],[object Object],Figura 34 – Gráfico nível de serviço  Broker  Gravataí Fonte: Empresa do ramo alimentício
Broker Gravataí ,[object Object],[object Object],[object Object],Figura 34 – Gráfico nível de serviço  Broker  Gravataí Fonte: Empresa do ramo alimentício
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Pontos Positivos
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Pontos de Atenção
Conclusão ,[object Object],[object Object],Fonte: Autor Tabela 9.0 – Indicadores   dez/09 set/10         Antes  Depois Evolução     Nível de estoque - ton. 250 150 -40%     Vendas - ton. 300 310 3%     Giro de estoque 1.2 2.1 72%     Cobertura - dias 25 14.5 -42%     Nível de serviço - % 96% 99,8% 4%     Abastecimento Direto - A's 17% 39% * 129% * Fevereiro de 2010 Frequência de análise/semana 1 5 -     Lote de reposição -    
Conclusão ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Obrigado!!! Dúvidas

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 1 Administração da Produção - definições básicas
Aula 1   Administração da Produção - definições básicasAula 1   Administração da Produção - definições básicas
Aula 1 Administração da Produção - definições básicas
Correios
 
Gestão/Administração da produção.
Gestão/Administração da produção.Gestão/Administração da produção.
Gestão/Administração da produção.
Henrique Ferreira
 
102571136 planejamento-e-controle-de-processos-e-producao
102571136 planejamento-e-controle-de-processos-e-producao102571136 planejamento-e-controle-de-processos-e-producao
102571136 planejamento-e-controle-de-processos-e-producao
Enock Viana
 
Unidade 7 - novas ferramentas de gestão
Unidade 7  - novas ferramentas de gestãoUnidade 7  - novas ferramentas de gestão
Unidade 7 - novas ferramentas de gestão
Daniel Moura
 
Unidade 5 - Gestão de Operações
Unidade 5 -  Gestão de OperaçõesUnidade 5 -  Gestão de Operações
Unidade 5 - Gestão de Operações
Daniel Moura
 
Atividade colaborativa planejamento e controle de produção
Atividade colaborativa   planejamento e controle de produçãoAtividade colaborativa   planejamento e controle de produção
Atividade colaborativa planejamento e controle de produção
Cisco Kunsagi
 

Mais procurados (19)

Apresentação PCP - Produção Puxada - Manufatura Enxuta ( Lean Manufacturing )
Apresentação PCP - Produção Puxada - Manufatura Enxuta ( Lean Manufacturing )Apresentação PCP - Produção Puxada - Manufatura Enxuta ( Lean Manufacturing )
Apresentação PCP - Produção Puxada - Manufatura Enxuta ( Lean Manufacturing )
 
Aula 1 Administração da Produção - definições básicas
Aula 1   Administração da Produção - definições básicasAula 1   Administração da Produção - definições básicas
Aula 1 Administração da Produção - definições básicas
 
Administração da Produção
Administração da ProduçãoAdministração da Produção
Administração da Produção
 
Adm Producao
Adm ProducaoAdm Producao
Adm Producao
 
Aula 4 - Planejamento e Controle da Produção II
Aula 4 - Planejamento e Controle da Produção IIAula 4 - Planejamento e Controle da Produção II
Aula 4 - Planejamento e Controle da Produção II
 
Aula pcp lean parte I - unoesc são miguel do oeste
Aula pcp lean parte I - unoesc são miguel do oesteAula pcp lean parte I - unoesc são miguel do oeste
Aula pcp lean parte I - unoesc são miguel do oeste
 
Planejamento e_controle_da_producao
Planejamento e_controle_da_producaoPlanejamento e_controle_da_producao
Planejamento e_controle_da_producao
 
Planejamento e controle da capacidade
Planejamento e controle da capacidadePlanejamento e controle da capacidade
Planejamento e controle da capacidade
 
Gestão/Administração da produção.
Gestão/Administração da produção.Gestão/Administração da produção.
Gestão/Administração da produção.
 
APO - Aula 01
APO - Aula 01APO - Aula 01
APO - Aula 01
 
Os 7 Desperdicios
Os 7 DesperdiciosOs 7 Desperdicios
Os 7 Desperdicios
 
102571136 planejamento-e-controle-de-processos-e-producao
102571136 planejamento-e-controle-de-processos-e-producao102571136 planejamento-e-controle-de-processos-e-producao
102571136 planejamento-e-controle-de-processos-e-producao
 
Aula 2 - Planejamento e Controle da Produção II
Aula 2 - Planejamento e Controle da Produção IIAula 2 - Planejamento e Controle da Produção II
Aula 2 - Planejamento e Controle da Produção II
 
Unidade 7 - novas ferramentas de gestão
Unidade 7  - novas ferramentas de gestãoUnidade 7  - novas ferramentas de gestão
Unidade 7 - novas ferramentas de gestão
 
Planejamento e Controle da Produção
Planejamento e Controle da Produção Planejamento e Controle da Produção
Planejamento e Controle da Produção
 
Unidade 5 - Gestão de Operações
Unidade 5 -  Gestão de OperaçõesUnidade 5 -  Gestão de Operações
Unidade 5 - Gestão de Operações
 
Atividade colaborativa planejamento e controle de produção
Atividade colaborativa   planejamento e controle de produçãoAtividade colaborativa   planejamento e controle de produção
Atividade colaborativa planejamento e controle de produção
 
Sistemas de Produção
Sistemas de ProduçãoSistemas de Produção
Sistemas de Produção
 
Tipologia dos processos de produção
Tipologia dos processos de produçãoTipologia dos processos de produção
Tipologia dos processos de produção
 

Destaque

Aula 12 produção enxuta (1)
Aula 12   produção enxuta (1)Aula 12   produção enxuta (1)
Aula 12 produção enxuta (1)
RD COACH
 
Manufatura Enxuta (Lean) - Slides - Profª Silene Seibel
Manufatura Enxuta (Lean) - Slides - Profª Silene SeibelManufatura Enxuta (Lean) - Slides - Profª Silene Seibel
Manufatura Enxuta (Lean) - Slides - Profª Silene Seibel
Sustentare Escola de Negócios
 
Lean manufacturing slides
Lean manufacturing slidesLean manufacturing slides
Lean manufacturing slides
Moises Ribeiro
 

Destaque (10)

Aula 12 produção enxuta (1)
Aula 12   produção enxuta (1)Aula 12   produção enxuta (1)
Aula 12 produção enxuta (1)
 
Lean Manufacturing 6
Lean Manufacturing 6Lean Manufacturing 6
Lean Manufacturing 6
 
Produção enxuta
Produção enxutaProdução enxuta
Produção enxuta
 
Manufatura Enxuta (Lean) - Slides - Profª Silene Seibel
Manufatura Enxuta (Lean) - Slides - Profª Silene SeibelManufatura Enxuta (Lean) - Slides - Profª Silene Seibel
Manufatura Enxuta (Lean) - Slides - Profª Silene Seibel
 
Lean Manufacturing Nova Visão
Lean Manufacturing Nova VisãoLean Manufacturing Nova Visão
Lean Manufacturing Nova Visão
 
Lean Manufacturing 1
Lean Manufacturing 1Lean Manufacturing 1
Lean Manufacturing 1
 
Lean Manufacturing 2
Lean Manufacturing 2Lean Manufacturing 2
Lean Manufacturing 2
 
Lean manufacturing slides
Lean manufacturing slidesLean manufacturing slides
Lean manufacturing slides
 
Apresentação Lean Manufacturing
Apresentação Lean ManufacturingApresentação Lean Manufacturing
Apresentação Lean Manufacturing
 
Lean Manufacturing 3
Lean Manufacturing 3Lean Manufacturing 3
Lean Manufacturing 3
 

Semelhante a Sistema puxado de abastecimento

Curso Gestão de Centro de Distribuição
Curso Gestão de Centro de DistribuiçãoCurso Gestão de Centro de Distribuição
Curso Gestão de Centro de Distribuição
PSC Log
 
Classificação e dimensionamento de estoques - MBA em Logística e Supply Chai...
Classificação e dimensionamento de estoques - MBA em Logística e Supply Chai...Classificação e dimensionamento de estoques - MBA em Logística e Supply Chai...
Classificação e dimensionamento de estoques - MBA em Logística e Supply Chai...
GlaucoVelosodosSantos
 
Qualivar apresentação institucional
Qualivar   apresentação institucionalQualivar   apresentação institucional
Qualivar apresentação institucional
Ricardo Bicov
 
Lean Operations durante o tsunami financeiro na indústria siderúrgica
Lean Operations durante o tsunami financeiro na indústria siderúrgicaLean Operations durante o tsunami financeiro na indústria siderúrgica
Lean Operations durante o tsunami financeiro na indústria siderúrgica
Marcio Junior
 
Unidade ii.3 estrategias e terceirização
Unidade ii.3 estrategias e terceirizaçãoUnidade ii.3 estrategias e terceirização
Unidade ii.3 estrategias e terceirização
Daniel Moura
 
Aula 03 - Administração de Materiais
Aula 03 - Administração de MateriaisAula 03 - Administração de Materiais
Aula 03 - Administração de Materiais
pcm1nd
 

Semelhante a Sistema puxado de abastecimento (20)

Curso Gestão de Centro de Distribuição
Curso Gestão de Centro de DistribuiçãoCurso Gestão de Centro de Distribuição
Curso Gestão de Centro de Distribuição
 
02 aula cadeia de fornecimento
02 aula cadeia de fornecimento02 aula cadeia de fornecimento
02 aula cadeia de fornecimento
 
02 aula cadeia de fornecimento
02 aula cadeia de fornecimento02 aula cadeia de fornecimento
02 aula cadeia de fornecimento
 
Projeto de organização de lojas do varejo com mais de um “centro de distribui...
Projeto de organização de lojas do varejo com mais de um “centro de distribui...Projeto de organização de lojas do varejo com mais de um “centro de distribui...
Projeto de organização de lojas do varejo com mais de um “centro de distribui...
 
Projeto de organização de lojas do varejo com mais de um “centro de distribui...
Projeto de organização de lojas do varejo com mais de um “centro de distribui...Projeto de organização de lojas do varejo com mais de um “centro de distribui...
Projeto de organização de lojas do varejo com mais de um “centro de distribui...
 
Portfólio Deverhum - Supply Chain
Portfólio Deverhum - Supply ChainPortfólio Deverhum - Supply Chain
Portfólio Deverhum - Supply Chain
 
Supply Chain Management
Supply Chain ManagementSupply Chain Management
Supply Chain Management
 
Questões de pdca
Questões de pdcaQuestões de pdca
Questões de pdca
 
A Simulação como Ferramenta de Apoio às Decisões da Cadeia de Suprimentos: Pr...
A Simulação como Ferramenta de Apoio às Decisões da Cadeia de Suprimentos: Pr...A Simulação como Ferramenta de Apoio às Decisões da Cadeia de Suprimentos: Pr...
A Simulação como Ferramenta de Apoio às Decisões da Cadeia de Suprimentos: Pr...
 
Cadeia de suprimentos
Cadeia de suprimentosCadeia de suprimentos
Cadeia de suprimentos
 
Logística LEAN
Logística LEANLogística LEAN
Logística LEAN
 
Classificação e dimensionamento de estoques - MBA em Logística e Supply Chai...
Classificação e dimensionamento de estoques - MBA em Logística e Supply Chai...Classificação e dimensionamento de estoques - MBA em Logística e Supply Chai...
Classificação e dimensionamento de estoques - MBA em Logística e Supply Chai...
 
Qualivar apresentação institucional
Qualivar   apresentação institucionalQualivar   apresentação institucional
Qualivar apresentação institucional
 
Lean Operations durante o tsunami financeiro na indústria siderúrgica
Lean Operations durante o tsunami financeiro na indústria siderúrgicaLean Operations durante o tsunami financeiro na indústria siderúrgica
Lean Operations durante o tsunami financeiro na indústria siderúrgica
 
Unidade ii.3 estrategias e terceirização
Unidade ii.3 estrategias e terceirizaçãoUnidade ii.3 estrategias e terceirização
Unidade ii.3 estrategias e terceirização
 
Logística Aula 6
Logística Aula 6Logística Aula 6
Logística Aula 6
 
TCC de Graduação em ADM: Tema Cadeia de Suprimentos
TCC de Graduação em ADM: Tema Cadeia de SuprimentosTCC de Graduação em ADM: Tema Cadeia de Suprimentos
TCC de Graduação em ADM: Tema Cadeia de Suprimentos
 
Gestao cadeia suprimento
Gestao cadeia suprimentoGestao cadeia suprimento
Gestao cadeia suprimento
 
Aula 03 - Administração de Materiais
Aula 03 - Administração de MateriaisAula 03 - Administração de Materiais
Aula 03 - Administração de Materiais
 
Logística de produção
Logística de produçãoLogística de produção
Logística de produção
 

Último

CRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdf
CRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdfCRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdf
CRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdf
Senior Consultoria em Gestão e Marketing
 
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
Renandantas16
 

Último (6)

Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptxProfissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
 
CRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdf
CRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdfCRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdf
CRC e CRM - A Dupla Perfeita Para Atrair e Fidelizar Pacientes.pdf
 
7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdf
7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdf7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdf
7 hábitos das pessoas altamente eficazes EMERSON EDUARDO RODRIGUES.pdf
 
GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico
GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto EconomicoGLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico
GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico
 
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
 
Opções estratégicas de competitividade.pdf
Opções estratégicas de competitividade.pdfOpções estratégicas de competitividade.pdf
Opções estratégicas de competitividade.pdf
 

Sistema puxado de abastecimento

  • 1. Filipe Fernandes – 12.108.501-3 Renan Uehara – 12.107.214-7 Renato Ferreira – 12.108.687-0 CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FEI CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO TCC - Trabalho de Conclusão Curso Análise do Impacto nos Níveis de Estoques da Implantação do Sistema Puxado de Abastecimento Segundo Semestre de 2010 Orientador : Prof. Mário de Souza Nogueira Neto São Bernardo do Campo, Dezembro de 2010
  • 2.
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11. Sistema Empurrado Sistema Puxado Baseado na Demanda (curto, médio e longo prazo) e histórico Baseado no Histórico (curto prazo) alinhado com a Demanda (médio e longo prazo) Estoque de Matéria-Prima Estoque de Produtos Terminados Lote de abastecimento baixo Elevada frequência de controle Redução da complexidade Maior compromisso Maior agilidade Perdas menores Lote de abastecimento elevado Baixa frequência de controle Elevada complexidade Baixo comprometimento Pouca agilidade Perdas elevadas Estoque de Matéria-Prima Estoque de Produtos Terminados Estoque de Produtos Terminados Comparativo Distribuição Cliente Distribuição Cliente Fornecedor Fábrica Consumidor Fábrica Fornecedor Consumidor
  • 12. Estudo de Caso Empresa do Ramo Alimentício
  • 13.
  • 15.
  • 16.
  • 17. O Foco da Mentalidade Enxuta
  • 18. VARIABILIDADE / CONFIABILIDADE SUPRIMENTO VARIABILIDADE VENDAS OU CONSUMO TRANSITO FREQUENCIA ABASTECIMENTO LOTE MINIMO ABASTECIMENTO BASE HISTORICO VENDAS EVENTOS PLANEJADOS SUPERMERCADOS Dimensionamento estoques AMPLITUDE ESTOQUE
  • 19. Fluxo Informação – Abastecimento FLUXO CONTÍNUO
  • 20.
  • 21.
  • 22.
  • 23.
  • 24.
  • 25.
  • 26.
  • 27.