SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 33
Baixar para ler offline
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO




Oficina com Me. Katia Manangão,
Coach e consultora em Comunicação & Marketing
kmanangao@gmail.com                             1
“Os homens destituídos de planos
estão à mercê dos ventos errantes
da sorte... Aqueles que têm plano e
determinação para seguir,
têm o controle do destino.
Os prêmios mais ambiciosos
que a vida pode oferecer
estão nas mãos daqueles que planejam
e agem. As sobras ficam para os que
não têm ideal.”
Jose Ingenieros                        2
Qual o objetivo do PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO?


•Nortear o caminho,
•o desempenho,
•a atuação de uma organização.




                                           3
Elementos do
Planejamento Estratégico

• Negócio Da Empresa (Missão)
• POSICIONAMENTO
• Valores
• VISÃO DE FUTURO
• Produtos e Serviços
• Públicos
• Concorrentes e fornecedores
• Análise de Mercado: Cenário,
oportunidades e ameaças; forças e fraquezas
•Fatores Críticos de Sucesso
• Diretrizes Estratégicas
• Diretrizes Operacionais
• Metas                                       4
A EMPRESA

•Negócio

•Missão

•Visão

•Posicionamento

•Valores

•Produtos e Serviços.



                        5
MISSÃO

             “Nossa missão é oferecer aos
     clientes um meio de locomoção a pequenas
    distâncias para pessoas e cargas, com um grau
    de confiança superior aos produtos oferecidos
               por nossa concorrência.”

                   Elevadores Otis

      “Nossa missão é gerar informações confiáveis
      e relevantes, de natureza econômica e social,
  orientadas para a tomada de decisão e sua adequada
   utilização nas áreas pública, privada e acadêmica.”

                         CAEF                            6
MISSÃO

     “A SONY abre caminhos, procura sempre
      o desconhecido. Através do progresso,
       a SONY deseja servir a humanidade.”

    “Nossa missão é criar um ambiente favorável à
   geração de negócios, difusão e consolidação dos
   comportamentos empreendedores, contribuindo
   efetivamente para tornar a excelência individual
     um bem coletivo. Nosso compromisso é atuar
        sempre como referencial de qualidade,
    integração, apoio e orientação aos empretecos
             do Estado do Rio de Janeiro.”
                       AEMERJ                         7
MISSÃO

    “Oferecer agilidade, eficiência e precisão para facilitar os
  processos de gestão empresarial, inserindo as organizações e
seus colaboradores em um ambiente customizado de Tecnologia
                         de Informação”.

                         DIAGNOSYS


        ”Nossa Missão é disseminar o equilíbrio da saúde
      disponibilizando produtos e serviços que conduzem à
                       qualidade de vida”.

                   BEM VIVER HOMEOPATIA
                                                              8
POSICIONAMENTO

            “FORM: PESSOAS E PROCESSOS”


  ”Conveniência em desenvolvimento de projetos de base
                      tecnológica”

                      INCUB-TECH



                  “Conecting people”

                        NOKIA
                                                         9
POSICIONAMENTO

     “DIAGNOSYS: PARCERIA INDISPENSÁVEL”


             “PRODUTOS RESPONSÁVEIS”

              Bellarome Aromaterapia


         “Vários negócios em uma só franquia”
              FRANQUIA PRIMESSÊNCIA

      “Primessência: essencial para o seu bem-estar”
                MARCA PRIMESSÊNCIA
                                                       10
VISÃO DE FUTURO


       “Ser um centro de excelência na geração e
   tratamento de informações bem como de produção
     de indicadores que permitam o desenvolvimento
           sustentável da sociedade brasileira.”

                        CAEF


              “Ser parceiro imprescindível
              ao sucesso dos empretecos.”

                        AEMERJ
                                                     11
VISÃO DE FUTURO


“ Ser a escolha definitiva de organizações que busquem uma
parceria em tecnologia, gerando lucros financeiros, sociais e
 pessoais para as partes, seus colaboradores e sociedade”.

                        DIAGNOSYS


  “Ser um centro de referência e integração de práticas de
                    saúde e bem viver “

                 BEM VIVER HOMEOPATIA

                                                                12
PRODUTOS E SERVIÇOS




      PORTFOLIO
É um grupo de produtos ou unidades
 de negócios reunidos em um grupo.

  A UEN é uma Unidade Estratégica
         de Negócio, que faz parte
  do portfolio de uma organização.

                Cada UEN tem o seu
        plano estratégico individual.

          Deve-se descrever produtos
  e serviços, indicando públicos-alvo.
                                 13
MATRIZ BCG




             14
Criança-problema ou ponto de interrogação: exige altos
investimentos e apresenta baixo retorno e tem baixa participação de
mercado. Pode absorver um grande investimento e depois de tornar
um "abacaxi". Por outro lado, por estar em um mercado de alto
crescimento pode-se tornar um produto "estrela".

Estrela: exige grandes investimentos e são líderes no mercado,
gerando receitas. Mantém-se em equilíbrio quanto ao fluxo de caixa.
Pode-se tornar numa "vaca leiteira" se não houver perda de mercado.

Vaca leiteira: os lucros e a geração de caixa são altos. Como o
crescimento do mercado é baixo, não são necessários grandes
investimentos. De uma certa forma, “sustenta” a empresa.

Abacaxi: os "abacaxis" devem ser evitados e minimizados numa
empresa.


                                                                  15
PÚBLICOS



           CLIENTES: consumidores
           finais, mercado industrial,
           mercado de revendedores,
           instituições governamentais,
           cada um desses segmentos
           devem ser considerados,
           identificados, avaliados e
           possivelmente investidos.


                                   16
PÚBLICOS

Perfil/Target

  Onde eu o
  encontro?
                        Quem é(são) o(s) meu(s)
                              cliente(s)?
Como atingí-lo?
Que produtos
oferecer?

  Como vai minha relação com meus clientes?
                                              17
A EMPRESA

FORNECEDORES: precisam ser localizados, avaliados em
seus padrões de qualidade em produção, entrega, prazos de
pagamento, parcerias e capacidade de negociação.Verificar
grau de dependência.

INTERMEDIÁRIOS DE MARKETING:
- financeiros (bancos, empresas de crédito e seguradoras);
- atacadistas, varejistas, agentes que conduzem os
   produtos/serviços até o consumidor final efetivando as
   vendas;
- intermediários de distribuição física como transportadoras
  e armazéns nos mercados-alvo;

PRESTADORES DE SERVIÇOS DE MARKETING: agências
de propaganda, consultores de marketing, institutos de
pesquisa, que auxiliam a buscar informações e traçar
estratégias de atuação.
                                                               18
MICROAMBIENTE



                             FORÇAS E
                            FRAQUEZAS
                    Conhecimento do mercado
                    Recursos Financeiros
                        Tecnologia
                     Recursos Humanos
                        Experiência

                Comunicação
                 Instalações
                Localizações
                Credibilidade
                  Produtos



                                              19
MACROAMBIENTE




             AMBIENTE EXTERNO


OPORTUNIDADES                                 AMEAÇAS


 O objetivo é identificá-las e administrá-las de forma que se
 busque REDUZIR a influência das AMEAÇAS e ELIMINAR as
 FRAQUEZAS.

 Os Fatores Críticos de sucesso serão identificados após esta
 análise.                                                       20
MACROAMBIENTE


   ASPECTOS ECONÔMICOS:

   • tendência do mercado consumidor externo e interno
    (disposição de consumidores em adquirir produtos/serviços);
   • políticas fiscais e monetárias do governo;
   • taxa de desemprego;
   • índice inflacionário;
   • taxas de juros praticadas no mercado;
   • valor de renda disponível (a que sobra depois dos
    pagamentos dos impostos) e renda discricionária (o que
    sobra da renda disponível após pagar as necessidades);
   • distribuição de renda;
   • demandas elásticas e inelásticas (percepção de preço)

                                                                  21
MACROAMBIENTE


  ASPECTOS DEMOGRÁFICOS:

  • auxiliam a responder a questão: onde e quais são os grupos
   potenciais que constituirão o meu target?

  • Diz respeito às tendências e desenvolvimento do
   crescimento e da composição da população a que se
   destina o produto ou serviço: índice de crescimento
   populacional, expectativa de vida, grupos por faixas
   etárias, classes sociais, processos migratórios, avaliação
   do PNB, distribuição de renda.




                                                                 22
MACROAMBIENTE


AMBIENTE SÓCIO-CULTURAL:

•valores centrais e secundários que afetam o comportamento.
 Os valores centrais são os mais arraigados ao sistema de
 crenças do indivíduo e os valores secundários são mais
 flexíveis , fáceis de serem alterados, que comprometem
 decisões sobre o marketing.

 Valor central: casamento, constituição de família.
 Valor secundário: mulheres que renunciam ao casamento
 pela vida profissional, casando mais tarde, constituindo
 família sem filhos. Os valores secundários permite a criação de
 sub-grupos sociais, as “tribos”, que seguem novos paradigmas - potencial
 mercado para demandas latentes.




                                                                     23
MACROAMBIENTE


   AMBIENTE POLÍTICO-LEGAL:

   São forças que possuem aspecto de “inelasticidade” em
   seu comportamento.
   Leis de proteção ao consumidor, ao mercado, de reajuste
   de preço, de proteção ao crédito, segurança de brinquedos,
   leis de medicamentos e produtos éticos, de propaganda
   enganosa, proteção de marcas e patentes, inspeção federal.
   Leis monetárias e fiscais; leis de importação e exportação;

   Leis trabalhistas, legislação social, direitos civis, minorias
   étnicas.
   Legislação de proteção ao meio ambiente, relação do
   governo com instituições privadas, questões éticas e
   diplomáticas.

                                                                    24
MACROAMBIENTE

             AMBIENTE TECNOLÓGICO:

             A tecnologia altera o marketing porque :
             - altera padrões de vida: qualidade, agilidade, disponibilidade
               de tempo.
             - altera questões de logística, preço, percepção de
               qualidade; transforma produtos potenciais em produtos
               esperados; agiliza o processo de obsoletismo planejado.


AMBIENTE COMPETITIVO:

Não pode-se subestimar a ação da concorrência de marcas,
de forma (outras formas de apresentação do produto
no mercado); concorrência genérica (produtos que realizam
a mesma função) e concorrência de desejo (outras coisas
que poderiam ser adquiridas no lugar do produto).


                                                                       25
MACROAMBIENTE

     •CENÁRIO ONDE SE INSERE A ORGANIZAÇÃO

     •ANÁLISE DOS CONCORRENTES SOB AS SEGUINTES
      PERSPECTIVAS:

                       Produtos e serviços oferecidos;

                       Percepção de qualidade;

                       Percepção de preço;

                       Diferenciais




                                                    26
FATORES CRÍTICOS DE SUCESSO


DIRETRIZES ESTRATÉGICAS E
OPERACIONAIS




                              27
EXCELÊNCIA LUCRO   SUCESSO




                       28
Definir as ações estratégicas e por extensão, as operacionais que
   conduzirão, com eficácia ao alcance dos objetivos da FORENSE




        Diretriz                                Diretriz
      estratégica                             operacional

                                       estabelecer calendário de reuniões,
implantar, de imediato,                atribuir responsabilidades e
o plano estratégico;                   elaborar o cronograma de
                                       execução;                     29
BSC
Componentes do BSC

Mapa estratégico: Descreve a estratégia da empresa através de
objetivos relacionados entre si e distribuídos nas quatro
dimensões (perspectivas).

Objetivo estratégico: O que deve ser alcançado e o que é crítico
para o sucesso da organização.

Indicador: Como será medido e acompanhado o sucesso do
alcance do objetivo.

Meta: O nível de desempenho ou a taxa de melhoria necessários.

Plano de ação: Programas de ação-chave necessários para se
alcançar os objetivos.
                                                                   30
Características e resultados BSC

•Associa a estratégia com planejamento e orçamento;

•Comunicação da estratégia;

•Focado nas ações;

•considera o planejamento estratégico um ser vivo,
 flexível, em constante revisão e construção;

•deve ser monitorado continuamente;

•Alinha a organização com a estratégia;

•Promove a integração da organização;
                                                     31
PASSO A PASSO

Etapa 1 - Arquitetura do programa de medição
Faz-se análise dos direcionadores de negócio e da visão de futuro que
saíram do planejamento estratégico. Um segundo objetivo é resgatar as
diretrizes estratégicas, analisando sua coerência com os direcionadores de
negócio e visão de futuro.

Etapa 2 - Inter-relacionamento de objetivos estratégicos
As atividades desta etapa implicam alocar os objetivos estratégicos nas
quatro dimensões do BSC,

financeira;
clientes;
processos internos;
aprendizado e crescimento

correlacionando-as entre si. Nesse processo poderão ou não surgir lacunas
que deverão ser eliminadas ou preenchidas a partir de novas discussões e
análises do planejamento estratégico da organização.

Etapa 3 - Escolha e elaboração dos indicadores
Ientificação dos indicadores que melhor comuniquem o significado da
                                                                             32
estratégia.
Etapa 3 - Escolha e elaboração dos indicadores
Identificação dos indicadores que melhor comuniquem o significado da
estratégia.

Etapa 4 - Elaboração do plano de implementação
Após definir os indicadores, definem-se metas, planos de ação e
responsáveis, a fim de direcionar a implementação da estratégia.



Fim Módulo I




                                                                       33

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Palestra Inteligência Competitiva: Porquê monitorar marcas nas mídias sociais...
Palestra Inteligência Competitiva: Porquê monitorar marcas nas mídias sociais...Palestra Inteligência Competitiva: Porquê monitorar marcas nas mídias sociais...
Palestra Inteligência Competitiva: Porquê monitorar marcas nas mídias sociais...Paulo Milreu
 
Inteligência Competitiva
Inteligência CompetitivaInteligência Competitiva
Inteligência Competitivafernandorafa
 
Marketing turístico - 22.08
Marketing turístico - 22.08Marketing turístico - 22.08
Marketing turístico - 22.08Elton Rodrigues
 
Marketing i unidade i - fundamentos de maketing
Marketing i   unidade i - fundamentos de maketingMarketing i   unidade i - fundamentos de maketing
Marketing i unidade i - fundamentos de maketingJorge Luiz Malkomes Muniz
 
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FG
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FGPalestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FG
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FGEduardo Maróstica
 
Administração e marketing
Administração e marketingAdministração e marketing
Administração e marketingEduardo Carvalho
 
Aula 02 sobre Marketing - Prof. Bruno - 02.03.2013
Aula 02 sobre Marketing - Prof. Bruno - 02.03.2013Aula 02 sobre Marketing - Prof. Bruno - 02.03.2013
Aula 02 sobre Marketing - Prof. Bruno - 02.03.2013Maximus Maylson
 
Novas Formas de Marketing: como o conceito tem evoluído
 Novas Formas de Marketing: como o conceito tem evoluído Novas Formas de Marketing: como o conceito tem evoluído
Novas Formas de Marketing: como o conceito tem evoluídoEndrigo Ramos
 
Inteligência mercado
Inteligência mercadoInteligência mercado
Inteligência mercadoWilson Diniz
 
Responsabilidade Social e Ética no Marketing
Responsabilidade Social e Ética no MarketingResponsabilidade Social e Ética no Marketing
Responsabilidade Social e Ética no MarketingNicholas Gimenes
 
Projeto descritivo 1o programa de capacitação de vendedores de imóveis com di...
Projeto descritivo 1o programa de capacitação de vendedores de imóveis com di...Projeto descritivo 1o programa de capacitação de vendedores de imóveis com di...
Projeto descritivo 1o programa de capacitação de vendedores de imóveis com di...Tiago Machado, MBA
 

Mais procurados (20)

Marketing Turístico
Marketing TurísticoMarketing Turístico
Marketing Turístico
 
Palestra Inteligência Competitiva: Porquê monitorar marcas nas mídias sociais...
Palestra Inteligência Competitiva: Porquê monitorar marcas nas mídias sociais...Palestra Inteligência Competitiva: Porquê monitorar marcas nas mídias sociais...
Palestra Inteligência Competitiva: Porquê monitorar marcas nas mídias sociais...
 
Inteligência Competitiva
Inteligência CompetitivaInteligência Competitiva
Inteligência Competitiva
 
Marketing turístico - 22.08
Marketing turístico - 22.08Marketing turístico - 22.08
Marketing turístico - 22.08
 
Marketing i unidade i - fundamentos de maketing
Marketing i   unidade i - fundamentos de maketingMarketing i   unidade i - fundamentos de maketing
Marketing i unidade i - fundamentos de maketing
 
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FG
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FGPalestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FG
Palestra inteligência de mercado Semana da Administração FNC e FG
 
Marketing módulo 1
Marketing   módulo 1Marketing   módulo 1
Marketing módulo 1
 
Aula 2
Aula 2Aula 2
Aula 2
 
Administração de marketing
Administração de marketingAdministração de marketing
Administração de marketing
 
Administração e marketing
Administração e marketingAdministração e marketing
Administração e marketing
 
resumaomkt
resumaomktresumaomkt
resumaomkt
 
Aula2 adm
Aula2 admAula2 adm
Aula2 adm
 
Apresentação fasan
Apresentação  fasanApresentação  fasan
Apresentação fasan
 
Aula 02 sobre Marketing - Prof. Bruno - 02.03.2013
Aula 02 sobre Marketing - Prof. Bruno - 02.03.2013Aula 02 sobre Marketing - Prof. Bruno - 02.03.2013
Aula 02 sobre Marketing - Prof. Bruno - 02.03.2013
 
Novas Formas de Marketing: como o conceito tem evoluído
 Novas Formas de Marketing: como o conceito tem evoluído Novas Formas de Marketing: como o conceito tem evoluído
Novas Formas de Marketing: como o conceito tem evoluído
 
Inteligência mercado
Inteligência mercadoInteligência mercado
Inteligência mercado
 
Responsabilidade Social e Ética no Marketing
Responsabilidade Social e Ética no MarketingResponsabilidade Social e Ética no Marketing
Responsabilidade Social e Ética no Marketing
 
Projeto descritivo 1o programa de capacitação de vendedores de imóveis com di...
Projeto descritivo 1o programa de capacitação de vendedores de imóveis com di...Projeto descritivo 1o programa de capacitação de vendedores de imóveis com di...
Projeto descritivo 1o programa de capacitação de vendedores de imóveis com di...
 
Aula 07 marketing
Aula 07   marketingAula 07   marketing
Aula 07 marketing
 
Gestão de Marketing
Gestão de MarketingGestão de Marketing
Gestão de Marketing
 

Destaque

Oficina planejamento
Oficina planejamentoOficina planejamento
Oficina planejamentoPROIDDBahiana
 
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?Adilson P Motta Motta
 
MóDulo 14 Metodologia De Planejamento EstratéGico 14jul08 Ok
MóDulo 14   Metodologia De Planejamento EstratéGico 14jul08   OkMóDulo 14   Metodologia De Planejamento EstratéGico 14jul08   Ok
MóDulo 14 Metodologia De Planejamento EstratéGico 14jul08 Okjoaovieira
 
Projeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professoresProjeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professoresvanessaveloso05
 
Atividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógicaAtividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógicazilmapae
 
Divulgaçao
DivulgaçaoDivulgaçao
DivulgaçaoJanilse
 
Oficina pedagógica na escola estadual josé costa soares
Oficina pedagógica na escola estadual josé costa soaresOficina pedagógica na escola estadual josé costa soares
Oficina pedagógica na escola estadual josé costa soaresmarlenesandri
 
OFICINA: O LÚDICO COMO REFORÇO NA APRENDIZAGEM
OFICINA: O LÚDICO COMO REFORÇO NA APRENDIZAGEMOFICINA: O LÚDICO COMO REFORÇO NA APRENDIZAGEM
OFICINA: O LÚDICO COMO REFORÇO NA APRENDIZAGEMMargarete Nogueira
 
Questões planejamento estrategico
Questões planejamento estrategicoQuestões planejamento estrategico
Questões planejamento estrategicoAline Amorim
 
A Ascensão Da Estratégia Comercial
A Ascensão Da Estratégia ComercialA Ascensão Da Estratégia Comercial
A Ascensão Da Estratégia ComercialSandro Magaldi
 
Como se comportam os hóspedes de negócios?
Como se comportam os hóspedes de negócios?Como se comportam os hóspedes de negócios?
Como se comportam os hóspedes de negócios?Disque9
 
Aìrvore explicativa
Aìrvore explicativaAìrvore explicativa
Aìrvore explicativaKATEUZIA
 
GESTAR II Guia geral
GESTAR II Guia geralGESTAR II Guia geral
GESTAR II Guia geraljoshuajasf
 
Sala de leitura e alfabetização: apoio pedagógico?
Sala de leitura e alfabetização: apoio pedagógico?Sala de leitura e alfabetização: apoio pedagógico?
Sala de leitura e alfabetização: apoio pedagógico?Fabiana Esteves
 
Blog do alfabetizar
Blog do alfabetizarBlog do alfabetizar
Blog do alfabetizarm0rt3
 
Planejamento Estratégico v2
Planejamento Estratégico v2Planejamento Estratégico v2
Planejamento Estratégico v2Ugor Silva
 
Aprendizagem Significativa - Oficinas para professores de Fundamental II e Mé...
Aprendizagem Significativa - Oficinas para professores de Fundamental II e Mé...Aprendizagem Significativa - Oficinas para professores de Fundamental II e Mé...
Aprendizagem Significativa - Oficinas para professores de Fundamental II e Mé...projetoparceria2015
 

Destaque (20)

Oficina planejamento
Oficina planejamentoOficina planejamento
Oficina planejamento
 
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?
 
MóDulo 14 Metodologia De Planejamento EstratéGico 14jul08 Ok
MóDulo 14   Metodologia De Planejamento EstratéGico 14jul08   OkMóDulo 14   Metodologia De Planejamento EstratéGico 14jul08   Ok
MóDulo 14 Metodologia De Planejamento EstratéGico 14jul08 Ok
 
Projeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professoresProjeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professores
 
Atividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógicaAtividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógica
 
Divulgaçao
DivulgaçaoDivulgaçao
Divulgaçao
 
Oficina pedagógica na escola estadual josé costa soares
Oficina pedagógica na escola estadual josé costa soaresOficina pedagógica na escola estadual josé costa soares
Oficina pedagógica na escola estadual josé costa soares
 
OFICINA: O LÚDICO COMO REFORÇO NA APRENDIZAGEM
OFICINA: O LÚDICO COMO REFORÇO NA APRENDIZAGEMOFICINA: O LÚDICO COMO REFORÇO NA APRENDIZAGEM
OFICINA: O LÚDICO COMO REFORÇO NA APRENDIZAGEM
 
Questões planejamento estrategico
Questões planejamento estrategicoQuestões planejamento estrategico
Questões planejamento estrategico
 
Prova gs
Prova gsProva gs
Prova gs
 
Alfabetização e letramento
Alfabetização e letramentoAlfabetização e letramento
Alfabetização e letramento
 
A Ascensão Da Estratégia Comercial
A Ascensão Da Estratégia ComercialA Ascensão Da Estratégia Comercial
A Ascensão Da Estratégia Comercial
 
Como se comportam os hóspedes de negócios?
Como se comportam os hóspedes de negócios?Como se comportam os hóspedes de negócios?
Como se comportam os hóspedes de negócios?
 
Aìrvore explicativa
Aìrvore explicativaAìrvore explicativa
Aìrvore explicativa
 
GESTAR II Guia geral
GESTAR II Guia geralGESTAR II Guia geral
GESTAR II Guia geral
 
Estratégias de Criação de Valor
Estratégias de Criação de ValorEstratégias de Criação de Valor
Estratégias de Criação de Valor
 
Sala de leitura e alfabetização: apoio pedagógico?
Sala de leitura e alfabetização: apoio pedagógico?Sala de leitura e alfabetização: apoio pedagógico?
Sala de leitura e alfabetização: apoio pedagógico?
 
Blog do alfabetizar
Blog do alfabetizarBlog do alfabetizar
Blog do alfabetizar
 
Planejamento Estratégico v2
Planejamento Estratégico v2Planejamento Estratégico v2
Planejamento Estratégico v2
 
Aprendizagem Significativa - Oficinas para professores de Fundamental II e Mé...
Aprendizagem Significativa - Oficinas para professores de Fundamental II e Mé...Aprendizagem Significativa - Oficinas para professores de Fundamental II e Mé...
Aprendizagem Significativa - Oficinas para professores de Fundamental II e Mé...
 

Semelhante a Oficina de Planejamento Estratégico

Marcas de A a Z: Como construir e manter marcas de sucesso
Marcas de A a Z: Como construir e manter marcas de sucessoMarcas de A a Z: Como construir e manter marcas de sucesso
Marcas de A a Z: Como construir e manter marcas de sucessoGente de Conteúdo
 
Marketing estratégico
Marketing estratégicoMarketing estratégico
Marketing estratégicoADM Soluções
 
Key competences for_the_future.
Key competences for_the_future.Key competences for_the_future.
Key competences for_the_future.Armando Junqueiro
 
Workshop de design de produto
Workshop de design de produtoWorkshop de design de produto
Workshop de design de produtoAndré Ramos
 
aula-2-estrategias.ppt
aula-2-estrategias.pptaula-2-estrategias.ppt
aula-2-estrategias.pptIsisMarques10
 
Noções de Empreendedorismo - Games SENAC (Parte 2)
Noções de Empreendedorismo - Games SENAC (Parte 2)Noções de Empreendedorismo - Games SENAC (Parte 2)
Noções de Empreendedorismo - Games SENAC (Parte 2)Thiago Costa
 
Page personnel por andré nunes matias
Page personnel   por andré nunes matiasPage personnel   por andré nunes matias
Page personnel por andré nunes matiasAndré Nunes Matias
 
Fmu cap 4 alunos
Fmu cap 4 alunosFmu cap 4 alunos
Fmu cap 4 alunosfmuadm
 
Apresentação Metodologias Novo Marketing O Fim da Desgovernança DOM Strategy...
 Apresentação Metodologias Novo Marketing O Fim da Desgovernança DOM Strategy... Apresentação Metodologias Novo Marketing O Fim da Desgovernança DOM Strategy...
Apresentação Metodologias Novo Marketing O Fim da Desgovernança DOM Strategy...DOM Strategy Partners
 
Marketing para advogados: visão de marketing para escritórios de advocacia
Marketing para advogados: visão de marketing para escritórios de advocaciaMarketing para advogados: visão de marketing para escritórios de advocacia
Marketing para advogados: visão de marketing para escritórios de advocaciaMarco Antonio P. Gonçalves
 
Instrumentos de Comunicação Empresarial
Instrumentos de Comunicação EmpresarialInstrumentos de Comunicação Empresarial
Instrumentos de Comunicação EmpresarialBarra Sustentável
 
WebMarketing Mídia Digital e Onlene 1 Bimestre
WebMarketing Mídia Digital e Onlene 1 BimestreWebMarketing Mídia Digital e Onlene 1 Bimestre
WebMarketing Mídia Digital e Onlene 1 BimestreDESIGN DIGITAL UNIARA 2012
 
Marketing: conceitos
Marketing: conceitos Marketing: conceitos
Marketing: conceitos janaina brito
 
ODONTOLOGIA ESTÉTICA DO SORRISO
ODONTOLOGIA ESTÉTICA DO SORRISOODONTOLOGIA ESTÉTICA DO SORRISO
ODONTOLOGIA ESTÉTICA DO SORRISOPLATAFORMA1CURSOS
 
Executive Marketing Summit
Executive Marketing SummitExecutive Marketing Summit
Executive Marketing SummitIIR Informa
 

Semelhante a Oficina de Planejamento Estratégico (20)

Planejamento de marketing #1
Planejamento de marketing #1Planejamento de marketing #1
Planejamento de marketing #1
 
Marcas de A a Z: Como construir e manter marcas de sucesso
Marcas de A a Z: Como construir e manter marcas de sucessoMarcas de A a Z: Como construir e manter marcas de sucesso
Marcas de A a Z: Como construir e manter marcas de sucesso
 
Marketing estratégico
Marketing estratégicoMarketing estratégico
Marketing estratégico
 
Aula de mkt.png
Aula de mkt.pngAula de mkt.png
Aula de mkt.png
 
Key competences for_the_future.
Key competences for_the_future.Key competences for_the_future.
Key competences for_the_future.
 
Workshop de design de produto
Workshop de design de produtoWorkshop de design de produto
Workshop de design de produto
 
aula-2-estrategias.ppt
aula-2-estrategias.pptaula-2-estrategias.ppt
aula-2-estrategias.ppt
 
Aula PE.ppt
Aula PE.pptAula PE.ppt
Aula PE.ppt
 
Noções de Empreendedorismo - Games SENAC (Parte 2)
Noções de Empreendedorismo - Games SENAC (Parte 2)Noções de Empreendedorismo - Games SENAC (Parte 2)
Noções de Empreendedorismo - Games SENAC (Parte 2)
 
Page personnel por andré nunes matias
Page personnel   por andré nunes matiasPage personnel   por andré nunes matias
Page personnel por andré nunes matias
 
Fmu cap 4 alunos
Fmu cap 4 alunosFmu cap 4 alunos
Fmu cap 4 alunos
 
Vencendo Com As Pessoas Faap
Vencendo Com As Pessoas   FaapVencendo Com As Pessoas   Faap
Vencendo Com As Pessoas Faap
 
Apresentação Metodologias Novo Marketing O Fim da Desgovernança DOM Strategy...
 Apresentação Metodologias Novo Marketing O Fim da Desgovernança DOM Strategy... Apresentação Metodologias Novo Marketing O Fim da Desgovernança DOM Strategy...
Apresentação Metodologias Novo Marketing O Fim da Desgovernança DOM Strategy...
 
Marketing para advogados: visão de marketing para escritórios de advocacia
Marketing para advogados: visão de marketing para escritórios de advocaciaMarketing para advogados: visão de marketing para escritórios de advocacia
Marketing para advogados: visão de marketing para escritórios de advocacia
 
Instrumentos de Comunicação Empresarial
Instrumentos de Comunicação EmpresarialInstrumentos de Comunicação Empresarial
Instrumentos de Comunicação Empresarial
 
WebMarketing Mídia Digital e Onlene 1 Bimestre
WebMarketing Mídia Digital e Onlene 1 BimestreWebMarketing Mídia Digital e Onlene 1 Bimestre
WebMarketing Mídia Digital e Onlene 1 Bimestre
 
Marketing: conceitos
Marketing: conceitos Marketing: conceitos
Marketing: conceitos
 
ODONTOLOGIA ESTÉTICA DO SORRISO
ODONTOLOGIA ESTÉTICA DO SORRISOODONTOLOGIA ESTÉTICA DO SORRISO
ODONTOLOGIA ESTÉTICA DO SORRISO
 
ILIMITAT Proposta de Valor
ILIMITAT Proposta de ValorILIMITAT Proposta de Valor
ILIMITAT Proposta de Valor
 
Executive Marketing Summit
Executive Marketing SummitExecutive Marketing Summit
Executive Marketing Summit
 

Último

HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxIsabelaRafael2
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundonialb
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoSilvaDias3
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasRicardo Diniz campos
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 anoAdelmaTorres2
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdfDemetrio Ccesa Rayme
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 

Último (20)

HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 

Oficina de Planejamento Estratégico

  • 1. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Oficina com Me. Katia Manangão, Coach e consultora em Comunicação & Marketing kmanangao@gmail.com 1
  • 2. “Os homens destituídos de planos estão à mercê dos ventos errantes da sorte... Aqueles que têm plano e determinação para seguir, têm o controle do destino. Os prêmios mais ambiciosos que a vida pode oferecer estão nas mãos daqueles que planejam e agem. As sobras ficam para os que não têm ideal.” Jose Ingenieros 2
  • 3. Qual o objetivo do PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO? •Nortear o caminho, •o desempenho, •a atuação de uma organização. 3
  • 4. Elementos do Planejamento Estratégico • Negócio Da Empresa (Missão) • POSICIONAMENTO • Valores • VISÃO DE FUTURO • Produtos e Serviços • Públicos • Concorrentes e fornecedores • Análise de Mercado: Cenário, oportunidades e ameaças; forças e fraquezas •Fatores Críticos de Sucesso • Diretrizes Estratégicas • Diretrizes Operacionais • Metas 4
  • 6. MISSÃO “Nossa missão é oferecer aos clientes um meio de locomoção a pequenas distâncias para pessoas e cargas, com um grau de confiança superior aos produtos oferecidos por nossa concorrência.” Elevadores Otis “Nossa missão é gerar informações confiáveis e relevantes, de natureza econômica e social, orientadas para a tomada de decisão e sua adequada utilização nas áreas pública, privada e acadêmica.” CAEF 6
  • 7. MISSÃO “A SONY abre caminhos, procura sempre o desconhecido. Através do progresso, a SONY deseja servir a humanidade.” “Nossa missão é criar um ambiente favorável à geração de negócios, difusão e consolidação dos comportamentos empreendedores, contribuindo efetivamente para tornar a excelência individual um bem coletivo. Nosso compromisso é atuar sempre como referencial de qualidade, integração, apoio e orientação aos empretecos do Estado do Rio de Janeiro.” AEMERJ 7
  • 8. MISSÃO “Oferecer agilidade, eficiência e precisão para facilitar os processos de gestão empresarial, inserindo as organizações e seus colaboradores em um ambiente customizado de Tecnologia de Informação”. DIAGNOSYS ”Nossa Missão é disseminar o equilíbrio da saúde disponibilizando produtos e serviços que conduzem à qualidade de vida”. BEM VIVER HOMEOPATIA 8
  • 9. POSICIONAMENTO “FORM: PESSOAS E PROCESSOS” ”Conveniência em desenvolvimento de projetos de base tecnológica” INCUB-TECH “Conecting people” NOKIA 9
  • 10. POSICIONAMENTO “DIAGNOSYS: PARCERIA INDISPENSÁVEL” “PRODUTOS RESPONSÁVEIS” Bellarome Aromaterapia “Vários negócios em uma só franquia” FRANQUIA PRIMESSÊNCIA “Primessência: essencial para o seu bem-estar” MARCA PRIMESSÊNCIA 10
  • 11. VISÃO DE FUTURO “Ser um centro de excelência na geração e tratamento de informações bem como de produção de indicadores que permitam o desenvolvimento sustentável da sociedade brasileira.” CAEF “Ser parceiro imprescindível ao sucesso dos empretecos.” AEMERJ 11
  • 12. VISÃO DE FUTURO “ Ser a escolha definitiva de organizações que busquem uma parceria em tecnologia, gerando lucros financeiros, sociais e pessoais para as partes, seus colaboradores e sociedade”. DIAGNOSYS “Ser um centro de referência e integração de práticas de saúde e bem viver “ BEM VIVER HOMEOPATIA 12
  • 13. PRODUTOS E SERVIÇOS PORTFOLIO É um grupo de produtos ou unidades de negócios reunidos em um grupo. A UEN é uma Unidade Estratégica de Negócio, que faz parte do portfolio de uma organização. Cada UEN tem o seu plano estratégico individual. Deve-se descrever produtos e serviços, indicando públicos-alvo. 13
  • 15. Criança-problema ou ponto de interrogação: exige altos investimentos e apresenta baixo retorno e tem baixa participação de mercado. Pode absorver um grande investimento e depois de tornar um "abacaxi". Por outro lado, por estar em um mercado de alto crescimento pode-se tornar um produto "estrela". Estrela: exige grandes investimentos e são líderes no mercado, gerando receitas. Mantém-se em equilíbrio quanto ao fluxo de caixa. Pode-se tornar numa "vaca leiteira" se não houver perda de mercado. Vaca leiteira: os lucros e a geração de caixa são altos. Como o crescimento do mercado é baixo, não são necessários grandes investimentos. De uma certa forma, “sustenta” a empresa. Abacaxi: os "abacaxis" devem ser evitados e minimizados numa empresa. 15
  • 16. PÚBLICOS CLIENTES: consumidores finais, mercado industrial, mercado de revendedores, instituições governamentais, cada um desses segmentos devem ser considerados, identificados, avaliados e possivelmente investidos. 16
  • 17. PÚBLICOS Perfil/Target Onde eu o encontro? Quem é(são) o(s) meu(s) cliente(s)? Como atingí-lo? Que produtos oferecer? Como vai minha relação com meus clientes? 17
  • 18. A EMPRESA FORNECEDORES: precisam ser localizados, avaliados em seus padrões de qualidade em produção, entrega, prazos de pagamento, parcerias e capacidade de negociação.Verificar grau de dependência. INTERMEDIÁRIOS DE MARKETING: - financeiros (bancos, empresas de crédito e seguradoras); - atacadistas, varejistas, agentes que conduzem os produtos/serviços até o consumidor final efetivando as vendas; - intermediários de distribuição física como transportadoras e armazéns nos mercados-alvo; PRESTADORES DE SERVIÇOS DE MARKETING: agências de propaganda, consultores de marketing, institutos de pesquisa, que auxiliam a buscar informações e traçar estratégias de atuação. 18
  • 19. MICROAMBIENTE FORÇAS E FRAQUEZAS Conhecimento do mercado Recursos Financeiros Tecnologia Recursos Humanos Experiência Comunicação Instalações Localizações Credibilidade Produtos 19
  • 20. MACROAMBIENTE AMBIENTE EXTERNO OPORTUNIDADES AMEAÇAS O objetivo é identificá-las e administrá-las de forma que se busque REDUZIR a influência das AMEAÇAS e ELIMINAR as FRAQUEZAS. Os Fatores Críticos de sucesso serão identificados após esta análise. 20
  • 21. MACROAMBIENTE ASPECTOS ECONÔMICOS: • tendência do mercado consumidor externo e interno (disposição de consumidores em adquirir produtos/serviços); • políticas fiscais e monetárias do governo; • taxa de desemprego; • índice inflacionário; • taxas de juros praticadas no mercado; • valor de renda disponível (a que sobra depois dos pagamentos dos impostos) e renda discricionária (o que sobra da renda disponível após pagar as necessidades); • distribuição de renda; • demandas elásticas e inelásticas (percepção de preço) 21
  • 22. MACROAMBIENTE ASPECTOS DEMOGRÁFICOS: • auxiliam a responder a questão: onde e quais são os grupos potenciais que constituirão o meu target? • Diz respeito às tendências e desenvolvimento do crescimento e da composição da população a que se destina o produto ou serviço: índice de crescimento populacional, expectativa de vida, grupos por faixas etárias, classes sociais, processos migratórios, avaliação do PNB, distribuição de renda. 22
  • 23. MACROAMBIENTE AMBIENTE SÓCIO-CULTURAL: •valores centrais e secundários que afetam o comportamento. Os valores centrais são os mais arraigados ao sistema de crenças do indivíduo e os valores secundários são mais flexíveis , fáceis de serem alterados, que comprometem decisões sobre o marketing. Valor central: casamento, constituição de família. Valor secundário: mulheres que renunciam ao casamento pela vida profissional, casando mais tarde, constituindo família sem filhos. Os valores secundários permite a criação de sub-grupos sociais, as “tribos”, que seguem novos paradigmas - potencial mercado para demandas latentes. 23
  • 24. MACROAMBIENTE AMBIENTE POLÍTICO-LEGAL: São forças que possuem aspecto de “inelasticidade” em seu comportamento. Leis de proteção ao consumidor, ao mercado, de reajuste de preço, de proteção ao crédito, segurança de brinquedos, leis de medicamentos e produtos éticos, de propaganda enganosa, proteção de marcas e patentes, inspeção federal. Leis monetárias e fiscais; leis de importação e exportação; Leis trabalhistas, legislação social, direitos civis, minorias étnicas. Legislação de proteção ao meio ambiente, relação do governo com instituições privadas, questões éticas e diplomáticas. 24
  • 25. MACROAMBIENTE AMBIENTE TECNOLÓGICO: A tecnologia altera o marketing porque : - altera padrões de vida: qualidade, agilidade, disponibilidade de tempo. - altera questões de logística, preço, percepção de qualidade; transforma produtos potenciais em produtos esperados; agiliza o processo de obsoletismo planejado. AMBIENTE COMPETITIVO: Não pode-se subestimar a ação da concorrência de marcas, de forma (outras formas de apresentação do produto no mercado); concorrência genérica (produtos que realizam a mesma função) e concorrência de desejo (outras coisas que poderiam ser adquiridas no lugar do produto). 25
  • 26. MACROAMBIENTE •CENÁRIO ONDE SE INSERE A ORGANIZAÇÃO •ANÁLISE DOS CONCORRENTES SOB AS SEGUINTES PERSPECTIVAS:  Produtos e serviços oferecidos;  Percepção de qualidade;  Percepção de preço;  Diferenciais 26
  • 27. FATORES CRÍTICOS DE SUCESSO DIRETRIZES ESTRATÉGICAS E OPERACIONAIS 27
  • 28. EXCELÊNCIA LUCRO SUCESSO 28
  • 29. Definir as ações estratégicas e por extensão, as operacionais que conduzirão, com eficácia ao alcance dos objetivos da FORENSE Diretriz Diretriz estratégica operacional estabelecer calendário de reuniões, implantar, de imediato, atribuir responsabilidades e o plano estratégico; elaborar o cronograma de execução; 29
  • 30. BSC Componentes do BSC Mapa estratégico: Descreve a estratégia da empresa através de objetivos relacionados entre si e distribuídos nas quatro dimensões (perspectivas). Objetivo estratégico: O que deve ser alcançado e o que é crítico para o sucesso da organização. Indicador: Como será medido e acompanhado o sucesso do alcance do objetivo. Meta: O nível de desempenho ou a taxa de melhoria necessários. Plano de ação: Programas de ação-chave necessários para se alcançar os objetivos. 30
  • 31. Características e resultados BSC •Associa a estratégia com planejamento e orçamento; •Comunicação da estratégia; •Focado nas ações; •considera o planejamento estratégico um ser vivo, flexível, em constante revisão e construção; •deve ser monitorado continuamente; •Alinha a organização com a estratégia; •Promove a integração da organização; 31
  • 32. PASSO A PASSO Etapa 1 - Arquitetura do programa de medição Faz-se análise dos direcionadores de negócio e da visão de futuro que saíram do planejamento estratégico. Um segundo objetivo é resgatar as diretrizes estratégicas, analisando sua coerência com os direcionadores de negócio e visão de futuro. Etapa 2 - Inter-relacionamento de objetivos estratégicos As atividades desta etapa implicam alocar os objetivos estratégicos nas quatro dimensões do BSC, financeira; clientes; processos internos; aprendizado e crescimento correlacionando-as entre si. Nesse processo poderão ou não surgir lacunas que deverão ser eliminadas ou preenchidas a partir de novas discussões e análises do planejamento estratégico da organização. Etapa 3 - Escolha e elaboração dos indicadores Ientificação dos indicadores que melhor comuniquem o significado da 32 estratégia.
  • 33. Etapa 3 - Escolha e elaboração dos indicadores Identificação dos indicadores que melhor comuniquem o significado da estratégia. Etapa 4 - Elaboração do plano de implementação Após definir os indicadores, definem-se metas, planos de ação e responsáveis, a fim de direcionar a implementação da estratégia. Fim Módulo I 33