SlideShare uma empresa Scribd logo
Adolescencia
CONCEITO
Adolescência, é um período marcado por mudançasAdolescência, é um período marcado por mudanças
no crescimento e desenvolvimento físico, alteraçõesno crescimento e desenvolvimento físico, alterações
emocionais, hormonais e sociais. É durante a adolescênciaemocionais, hormonais e sociais. É durante a adolescência
que o indivíduo elabora sua identidade pessoal e sexual,que o indivíduo elabora sua identidade pessoal e sexual,
cria independência familiar, desenvolve valores éticos ecria independência familiar, desenvolve valores éticos e
morais próprios.morais próprios.
Adolescencia
Caracterizada por:Caracterizada por:
 Busca de si mesmo e daBusca de si mesmo e da
identidade.identidade.
 A tendência grupal.A tendência grupal.
 Necessidade de fantasiar eNecessidade de fantasiar e
intelectualizar.intelectualizar.
 Contradições sucessivas emContradições sucessivas em
todas as manifestações datodas as manifestações da
conduta.conduta.
 Separação progressiva dosSeparação progressiva dos
pais.pais.
 Constantes flutuações doConstantes flutuações do
humor e do estado dehumor e do estado de
ânimo.ânimo.
 Atitude socialAtitude social
reivindicatóriareivindicatória..
 As crises religiosasAs crises religiosas..
FASES DA
ADOLESCENCIA
Pré-adolescencia
Adolescência
Intermediária
Adolescência
Tardia.
Pré-adolescência 11 a 14 anos
Seu marco principal é oSeu marco principal é o
aparecimento daaparecimento da
puberdade.puberdade.
Desenvolvimento dasDesenvolvimento das
características sexuaiscaracterísticas sexuais
primárias e secundárias .primárias e secundárias .
e secundáriase secundárias
(desenvolvimento de seios,(desenvolvimento de seios,
alargamento nos quadris,alargamento nos quadris,
crescimento de pêloscrescimento de pêlos
faciais, mudança no tomfaciais, mudança no tom
de voz).de voz).
Puberdade
Nos meninos as
mudanças ocorrem
por volta dos 12 ou 13
anos..
Conhecendo as principais mudanças no Menino!
Crescimento dos pelos pubianos;
O pênis cresce em diâmetro e comprimento;
cresceros pelos do rosto (barba), nas axilas e por todo
o corpo;
Mais ou menos entre os 13 e 14 anos ocorre a primeira
ejaculação; (lembrando que cada adolescente tem o
seu próprio tempo para que isto acontecer, podendo
ser antes ou depois dessa idade);
Crescimento da laringe;
A voz começa a engrossar
Conhecendo as principais mudanças no Menina!
As mamas começam a crescer e desenvolverem
A cintura começa a ficar mais fina;
O quadril se desenvolve;
Começa a crescer os pelos das axilas e da região
pubiana;
O crescimento em altura se acelera;
Entre os 12 e 13 anos acontece a primeira
menstruação, chamada de "menarca" (lembrando que
isto pode ocorrer antes ou depois dessa idade, pois a
menarca varia de adolescente para adolescente);
Desenvolvimento dos órgãos genitais: A vagina fica
com a parede mais espessa; O útero aumenta de
tamanho; Aumenta a irrigação sanguínea do clitóris;
A bacia óssea se desenvolve;
Desta forma essas mudanças marcam a passagem de
criança para adolescente, e que mais tarde passará por
mais algumas mudanças chegando à idade adulta.
Agora é IMPORTANTE lembrarmos que essas
mudanças não ocorrem de forma igual ou como uma
regra, pois cada adolescente tem seu próprio processo
e tempo para que ocorra o desenvolvimento de seu
corpo.

Puberdade
Nas meninas por volta de 10 ou 11 anos de idade, o corpo
passa por mudanças.
É pelo crescimento das mamas que os médicos
acompanham o desenvolvimento das meninas. Para isso,
eles seguem a classificação de Tanner. São cinco estágios.
Estágios.
No M1, as mamas ainda são infantis.
No M2, há o desenvolvimento dessas
glândulas — é o broto mamário.
No M3, tem-se um maior crescimento
da mama e da aréola, mas sem
separação de seus contornos, que só
acontece no M4.
No M5, as mamas têm aspecto adulto
e o contorno areolar é incorporado ao
da mama. A menstruação costuma
ocorrer entre os estágios M3 e M4.
Puberdade
 Nas meninas inicia-se o amadurecimento dos
óvulos, os quadris se alargam e ocorre a
menarca, primeira menstruação, que é um
fluxo sanguíneo eliminado por meio da
vagina. A menstruação pode durar de 3 a 7
dias, num ciclo que se repete, em geral, a cada
28 dias, embora esse período possa ter
algumas variações.
 Nos meninos, começa a produção dos
espermatozóides, que são liberados na
ejaculação com o líquido seminal por meio da
uretra. A primeira ejaculação é conhecida
como polução noturna.
Desenvolvimento PsicossexualDesenvolvimento Psicossexual
A libido, que estava latente nos anos anteriores, é revivida. OA libido, que estava latente nos anos anteriores, é revivida. O
impulso sexual é desencadeado por andrógenos (especialmente aimpulso sexual é desencadeado por andrógenos (especialmente a
testosterona), que nessa fase estão em níveis mais altos do que emtestosterona), que nessa fase estão em níveis mais altos do que em
qualquer outra fase da vidaqualquer outra fase da vida..
Desenvolvimento CognitivoDesenvolvimento Cognitivo
Segundo Jean Piaget, no início da adolescência, o pensamentoSegundo Jean Piaget, no início da adolescência, o pensamento
da criança torna-se mais abstrato, conceitual, lógico e orientado parada criança torna-se mais abstrato, conceitual, lógico e orientado para
o futuro.o futuro.
Adolescência intermediária dos 14 aos 17 anos.Adolescência intermediária dos 14 aos 17 anos.
Nessa fase ocorrem doisNessa fase ocorrem dois
importantes eventosimportantes eventos
psicológicos:psicológicos:
(1) os meninos alcançam e(1) os meninos alcançam e
ultrapassam o tamanho eultrapassam o tamanho e
peso das meninaspeso das meninas
(2) a menarca já(2) a menarca já
ocorreu naocorreu na
maioria dasmaioria das
meninasmeninas
Alguns temas opressivos dos adolescentes desse estágio.Alguns temas opressivos dos adolescentes desse estágio.
sexualidadesexualidade
 Imagem corporalImagem corporal
 gravidezgravidez
popularidade e identidade.popularidade e identidade.
Nessa fase ocorrem tentativas de separação AMOR x ÓDIO, e
atitudes contraditórias que revelam ambivalência, como:
Egoísmo Altruísmo
Mesquinhez Generosidade
Sociabilidade Solidão
Jocosidade Seriedade
Submissão Rebeldia
Materialismo Idealismo
Grosseria Ternura
Desenvolvimento Psicossexual
É comum o comportamento e experimentação
sexual com uma variedade de papéis sexuais.
como paixonites heterossexuais com pessoas
inatingíveis.
também experiências homossexuais, geralmente
transitórias.
Adolescência tardia - dos 17 aos 20 anos.
É caracterizada por fortes sentimentos e emoções, com
intensos relacionamentos de oposição. Existem duas
importantes tarefas nesse período:
transforma-se de uma pessoa dependente em uma
independente.
estabelece-se uma identidade.
Desenvolvimento Cognitivo
O evento cognitivo mais importante é o
desenvolvimento da capacidade para o pensamento lógico
abstrato (operações formais).
O pensamento não mais se limita ao ambiente
concreto e imediato, mas envolve-se com um mundo mais
amplo.
DESENVOLVIMENTO PSICOLÓGICO
A adolescência é um período de mudança de estilo e
personalidade, a busca por uma identidade adulta e
independência são os principais objetivos.
O indivíduo tem que passar por três lutos fundamentais:
(1) Perda do corpo infantil
(2) Perda dos pais da infância
(3)Perda da identidade e do papel infantil
Puberdade e problemas na adolescência:
A adolescência é o momento da vida em que se
manifestam certos quadros psiquiátricos, como a
depressão e outras perturbações do estado de espírito,
o que aumenta consideravelmente o risco de suicídio.
As doenças alimentares, como a anorexia nervosa e a
bulimia nervosa, são especialmente frequentes nos
adolescentes.
Calcula-se, de fato, que a prevalência desses
transtornos oscila entre o 0,5 e o 4% (Carbajo et. al,
1995). Concretamente, o DSM-IV assinala a
prevalência da Anorexia Nervosa na população
adolescente e juvenil feminina entre o 0,5 e o 1%, e a
da Bulimia Nervosa entre o 1 e o 3% (DSM.IV).
O tema tem sido predominantemente tratado em
assuntos da adolescência por que se estima que 50%
dos casos de Bulimia Nervosa ocorra antes dos 18
anos, porém como seu diagnóstico não tem sido fácil
nessa faixa etária, tem-se a impressão de sua
incidência ser maior acima dessa idade.
A média de idade do início da Bulimia Nervosa foi de
16,3 anos, variando de 13 a 19 anos (Herzog et al, 1991).
Sua principal característica são os episódios de comer-
compulsivo (binge-eating) e esse comportamento é
caracterizado por ingestão de alimentos muito
calóricos, de forma compulsiva até o limite da
capacidade gástrica e num espaço de tempo inferior a
duas horas.
Adolescencia
A violência tornou-se a causa principal de doença e
morte na adolescência. a inserção em grupos, o
consumo de drogas e a pobreza, contribuem para
aumentar o risco de violência entre adolescentes. Os
acidentes, principalmente os de automóvel e de moto,
são as principais causas de morte. As queimaduras, as
fraturas múltiplas e outros acidentes são a origem da
elevada percentagem de lesões graves nos
adolescentes.
O final da adolescência ocorre quando o adolescente
adquire todos os direitos e privilégios de um adulto, o que
pode variar dependendo da sociedade em questão.
Poesia da Adolescência Idade primaveril,
as emoções afloram a mil.
O coração está sempre em festa,
mas o adolescente, às vezes, contesta.
É espinha no rosto.
É atração pelo sexo oposto.
É a voz se alterando.
É a paixão iniciando.
Ganha mais atenção a aparência.
Viver tem mais urgência.
Não é adulto, não é criança,
mas é evidente a mudança.
É a necessidade de responsabilidade.
É a busca da felicidade.
É a ciência da consciência.
É efervescência, é adolescência.
Josete Maria Vichineski
FIM!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 2 Puberdade, hormônios e reprodução
Aula 2 Puberdade, hormônios e reproduçãoAula 2 Puberdade, hormônios e reprodução
Aula 2 Puberdade, hormônios e reprodução
Ana Filadelfi
 
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentesViolência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Alinebrauna Brauna
 
Adolescência
AdolescênciaAdolescência
Adolescência
Ana Alpuim
 
Puberdade .pptx;d
Puberdade .pptx;dPuberdade .pptx;d
Puberdade .pptx;d
Monica Alves
 
Sexualidade na Escola
Sexualidade na EscolaSexualidade na Escola
Sexualidade na Escola
LeandroFuzaro
 
Adolescência e puberdade
Adolescência e puberdadeAdolescência e puberdade
A adolescência e a puberdade
A adolescência e a puberdadeA adolescência e a puberdade
A adolescência e a puberdade
Espaço Emrc
 
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIASEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
Jose Camara
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
Cristiane Thiel
 
Chegou a adolescência
Chegou a adolescênciaChegou a adolescência
Chegou a adolescência
Camila Oliveira
 
Puberdade
PuberdadePuberdade
Drogas
DrogasDrogas
Desenvolvimento adolescência
Desenvolvimento adolescênciaDesenvolvimento adolescência
Desenvolvimento adolescência
psicologiaazambuja
 
Violência contra a mulher
Violência contra a mulherViolência contra a mulher
Violência contra a mulher
Mônica Alves Silva
 
Saúde e qualidade de vida
Saúde e qualidade de vidaSaúde e qualidade de vida
Saúde e qualidade de vida
mainamgar
 
Adolescentes e drogas
Adolescentes e drogasAdolescentes e drogas
Adolescentes e drogas
ariadnemonitoria
 
Teorias do desenvolvimento
Teorias do desenvolvimentoTeorias do desenvolvimento
Teorias do desenvolvimento
Felipe Saraiva Nunes de Pinho
 
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
Thiago de Almeida
 
Puberdade e Adolescência
Puberdade e AdolescênciaPuberdade e Adolescência
Puberdade e Adolescência
lucikd
 
Violência doméstica
Violência doméstica   Violência doméstica

Mais procurados (20)

Aula 2 Puberdade, hormônios e reprodução
Aula 2 Puberdade, hormônios e reproduçãoAula 2 Puberdade, hormônios e reprodução
Aula 2 Puberdade, hormônios e reprodução
 
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentesViolência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Adolescência
AdolescênciaAdolescência
Adolescência
 
Puberdade .pptx;d
Puberdade .pptx;dPuberdade .pptx;d
Puberdade .pptx;d
 
Sexualidade na Escola
Sexualidade na EscolaSexualidade na Escola
Sexualidade na Escola
 
Adolescência e puberdade
Adolescência e puberdadeAdolescência e puberdade
Adolescência e puberdade
 
A adolescência e a puberdade
A adolescência e a puberdadeA adolescência e a puberdade
A adolescência e a puberdade
 
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIASEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
SEXUALIDADE E GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
Chegou a adolescência
Chegou a adolescênciaChegou a adolescência
Chegou a adolescência
 
Puberdade
PuberdadePuberdade
Puberdade
 
Drogas
DrogasDrogas
Drogas
 
Desenvolvimento adolescência
Desenvolvimento adolescênciaDesenvolvimento adolescência
Desenvolvimento adolescência
 
Violência contra a mulher
Violência contra a mulherViolência contra a mulher
Violência contra a mulher
 
Saúde e qualidade de vida
Saúde e qualidade de vidaSaúde e qualidade de vida
Saúde e qualidade de vida
 
Adolescentes e drogas
Adolescentes e drogasAdolescentes e drogas
Adolescentes e drogas
 
Teorias do desenvolvimento
Teorias do desenvolvimentoTeorias do desenvolvimento
Teorias do desenvolvimento
 
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
 
Puberdade e Adolescência
Puberdade e AdolescênciaPuberdade e Adolescência
Puberdade e Adolescência
 
Violência doméstica
Violência doméstica   Violência doméstica
Violência doméstica
 

Semelhante a Adolescencia

Bncc.pdf
Bncc.pdfBncc.pdf
ADOLESCENCIA.pptx
ADOLESCENCIA.pptxADOLESCENCIA.pptx
ADOLESCENCIA.pptx
luciaitsp
 
Crescimento e mudanças no 8°a
Crescimento  e mudanças no                            8°aCrescimento  e mudanças no                            8°a
Crescimento e mudanças no 8°a
Rosário Souza
 
ADOLESCÊNCIA, PUBERDADE E SISTEMA ENDÓCRINO.pptx
ADOLESCÊNCIA, PUBERDADE E SISTEMA ENDÓCRINO.pptxADOLESCÊNCIA, PUBERDADE E SISTEMA ENDÓCRINO.pptx
ADOLESCÊNCIA, PUBERDADE E SISTEMA ENDÓCRINO.pptx
kamillanascimentolim2
 
Alteraçãoes físicas e psicológicas
Alteraçãoes físicas e psicológicasAlteraçãoes físicas e psicológicas
Alteraçãoes físicas e psicológicas
grupo1adp
 
Puberdade e Adolescência - Slide
Puberdade e Adolescência - Slide Puberdade e Adolescência - Slide
Puberdade e Adolescência - Slide
Lara674095
 
Puberdade alterações físicas.pdf
Puberdade alterações físicas.pdfPuberdade alterações físicas.pdf
Puberdade alterações físicas.pdf
MarcosAntniodeSouzaS1
 
10º (a.inf) adolescente (1)
10º (a.inf) adolescente (1)10º (a.inf) adolescente (1)
10º (a.inf) adolescente (1)
Beatriz pereira
 
Adolescência
AdolescênciaAdolescência
Adolescência
Kátia Martins
 
Trabalho portugues
Trabalho portuguesTrabalho portugues
Trabalho portugues
Fabio Farias
 
Infância...
Infância...Infância...
Infância...
Guima2011
 
Sexualidade powerpoint
Sexualidade  powerpointSexualidade  powerpoint
Sexualidade powerpoint
escola 2/3 Bernardino Machado
 
Desenvolvimento fisico e psíquico na adolescencia
Desenvolvimento fisico e psíquico na adolescenciaDesenvolvimento fisico e psíquico na adolescencia
Desenvolvimento fisico e psíquico na adolescencia
Mari Oldoni
 
Sexualidade na adolescência
Sexualidade na adolescênciaSexualidade na adolescência
Sexualidade na adolescência
grupo5AP
 
Educação Sexual - Aula1
Educação Sexual - Aula1Educação Sexual - Aula1
Educação Sexual - Aula1
RASC EAD
 
Sexualidade na adolescencia
Sexualidade na adolescenciaSexualidade na adolescencia
Sexualidade na adolescencia
Lasianny
 
Crescer linear criança e desenvolvimento, criança não é apenas versão do adulto
Crescer linear criança e desenvolvimento, criança não é apenas versão do adultoCrescer linear criança e desenvolvimento, criança não é apenas versão do adulto
Crescer linear criança e desenvolvimento, criança não é apenas versão do adulto
Van Der Häägen Brazil
 
Sexualidade
SexualidadeSexualidade
Sexualidade
Aluisio Èvora
 
Resumo sobre Psi_D.H_-_Adolescencia.pptx
Resumo sobre Psi_D.H_-_Adolescencia.pptxResumo sobre Psi_D.H_-_Adolescencia.pptx
Resumo sobre Psi_D.H_-_Adolescencia.pptx
BeatrizVieira226546
 
Sexualidade Na Terceira Idade
Sexualidade Na Terceira IdadeSexualidade Na Terceira Idade
Sexualidade Na Terceira Idade
a20061577
 

Semelhante a Adolescencia (20)

Bncc.pdf
Bncc.pdfBncc.pdf
Bncc.pdf
 
ADOLESCENCIA.pptx
ADOLESCENCIA.pptxADOLESCENCIA.pptx
ADOLESCENCIA.pptx
 
Crescimento e mudanças no 8°a
Crescimento  e mudanças no                            8°aCrescimento  e mudanças no                            8°a
Crescimento e mudanças no 8°a
 
ADOLESCÊNCIA, PUBERDADE E SISTEMA ENDÓCRINO.pptx
ADOLESCÊNCIA, PUBERDADE E SISTEMA ENDÓCRINO.pptxADOLESCÊNCIA, PUBERDADE E SISTEMA ENDÓCRINO.pptx
ADOLESCÊNCIA, PUBERDADE E SISTEMA ENDÓCRINO.pptx
 
Alteraçãoes físicas e psicológicas
Alteraçãoes físicas e psicológicasAlteraçãoes físicas e psicológicas
Alteraçãoes físicas e psicológicas
 
Puberdade e Adolescência - Slide
Puberdade e Adolescência - Slide Puberdade e Adolescência - Slide
Puberdade e Adolescência - Slide
 
Puberdade alterações físicas.pdf
Puberdade alterações físicas.pdfPuberdade alterações físicas.pdf
Puberdade alterações físicas.pdf
 
10º (a.inf) adolescente (1)
10º (a.inf) adolescente (1)10º (a.inf) adolescente (1)
10º (a.inf) adolescente (1)
 
Adolescência
AdolescênciaAdolescência
Adolescência
 
Trabalho portugues
Trabalho portuguesTrabalho portugues
Trabalho portugues
 
Infância...
Infância...Infância...
Infância...
 
Sexualidade powerpoint
Sexualidade  powerpointSexualidade  powerpoint
Sexualidade powerpoint
 
Desenvolvimento fisico e psíquico na adolescencia
Desenvolvimento fisico e psíquico na adolescenciaDesenvolvimento fisico e psíquico na adolescencia
Desenvolvimento fisico e psíquico na adolescencia
 
Sexualidade na adolescência
Sexualidade na adolescênciaSexualidade na adolescência
Sexualidade na adolescência
 
Educação Sexual - Aula1
Educação Sexual - Aula1Educação Sexual - Aula1
Educação Sexual - Aula1
 
Sexualidade na adolescencia
Sexualidade na adolescenciaSexualidade na adolescencia
Sexualidade na adolescencia
 
Crescer linear criança e desenvolvimento, criança não é apenas versão do adulto
Crescer linear criança e desenvolvimento, criança não é apenas versão do adultoCrescer linear criança e desenvolvimento, criança não é apenas versão do adulto
Crescer linear criança e desenvolvimento, criança não é apenas versão do adulto
 
Sexualidade
SexualidadeSexualidade
Sexualidade
 
Resumo sobre Psi_D.H_-_Adolescencia.pptx
Resumo sobre Psi_D.H_-_Adolescencia.pptxResumo sobre Psi_D.H_-_Adolescencia.pptx
Resumo sobre Psi_D.H_-_Adolescencia.pptx
 
Sexualidade Na Terceira Idade
Sexualidade Na Terceira IdadeSexualidade Na Terceira Idade
Sexualidade Na Terceira Idade
 

Mais de WAGNER OLIVEIRA

INFERTILIDADE FEMININA
INFERTILIDADE FEMININAINFERTILIDADE FEMININA
INFERTILIDADE FEMININA
WAGNER OLIVEIRA
 
Fenilcetonúria
FenilcetonúriaFenilcetonúria
Fenilcetonúria
WAGNER OLIVEIRA
 
Planejamento familiar
Planejamento familiarPlanejamento familiar
Planejamento familiar
WAGNER OLIVEIRA
 
Mulher do século xx vs mulher do século xxi
Mulher do século xx vs mulher do século xxiMulher do século xx vs mulher do século xxi
Mulher do século xx vs mulher do século xxi
WAGNER OLIVEIRA
 
Hospitalização infantil
Hospitalização infantilHospitalização infantil
Hospitalização infantil
WAGNER OLIVEIRA
 
Acidentes mais comuns na infância
Acidentes mais comuns na infânciaAcidentes mais comuns na infância
Acidentes mais comuns na infância
WAGNER OLIVEIRA
 
Meningite, encefalite e autismo (2)
Meningite, encefalite e autismo (2)Meningite, encefalite e autismo (2)
Meningite, encefalite e autismo (2)
WAGNER OLIVEIRA
 
Principais exames na infância ...
Principais exames na infância ...Principais exames na infância ...
Principais exames na infância ...
WAGNER OLIVEIRA
 
DOENÇA HIPERTENSIVA ESPECÍFICA DA GESTAÇÃO (DHEG)
DOENÇA HIPERTENSIVA ESPECÍFICA DA GESTAÇÃO (DHEG)DOENÇA HIPERTENSIVA ESPECÍFICA DA GESTAÇÃO (DHEG)
DOENÇA HIPERTENSIVA ESPECÍFICA DA GESTAÇÃO (DHEG)
WAGNER OLIVEIRA
 
O morrer nas religiões
O morrer nas religiõesO morrer nas religiões
O morrer nas religiões
WAGNER OLIVEIRA
 
Plasmodium
PlasmodiumPlasmodium
Plasmodium
WAGNER OLIVEIRA
 
CIRURGIAS NEFROLÓGICAS
CIRURGIAS NEFROLÓGICASCIRURGIAS NEFROLÓGICAS
CIRURGIAS NEFROLÓGICAS
WAGNER OLIVEIRA
 
Apresentação Sífilis 2010 TURMA ENFERMAGEM 5º SEMESTRE UNIÍTALO
Apresentação Sífilis 2010 TURMA ENFERMAGEM 5º SEMESTRE UNIÍTALOApresentação Sífilis 2010 TURMA ENFERMAGEM 5º SEMESTRE UNIÍTALO
Apresentação Sífilis 2010 TURMA ENFERMAGEM 5º SEMESTRE UNIÍTALO
WAGNER OLIVEIRA
 

Mais de WAGNER OLIVEIRA (13)

INFERTILIDADE FEMININA
INFERTILIDADE FEMININAINFERTILIDADE FEMININA
INFERTILIDADE FEMININA
 
Fenilcetonúria
FenilcetonúriaFenilcetonúria
Fenilcetonúria
 
Planejamento familiar
Planejamento familiarPlanejamento familiar
Planejamento familiar
 
Mulher do século xx vs mulher do século xxi
Mulher do século xx vs mulher do século xxiMulher do século xx vs mulher do século xxi
Mulher do século xx vs mulher do século xxi
 
Hospitalização infantil
Hospitalização infantilHospitalização infantil
Hospitalização infantil
 
Acidentes mais comuns na infância
Acidentes mais comuns na infânciaAcidentes mais comuns na infância
Acidentes mais comuns na infância
 
Meningite, encefalite e autismo (2)
Meningite, encefalite e autismo (2)Meningite, encefalite e autismo (2)
Meningite, encefalite e autismo (2)
 
Principais exames na infância ...
Principais exames na infância ...Principais exames na infância ...
Principais exames na infância ...
 
DOENÇA HIPERTENSIVA ESPECÍFICA DA GESTAÇÃO (DHEG)
DOENÇA HIPERTENSIVA ESPECÍFICA DA GESTAÇÃO (DHEG)DOENÇA HIPERTENSIVA ESPECÍFICA DA GESTAÇÃO (DHEG)
DOENÇA HIPERTENSIVA ESPECÍFICA DA GESTAÇÃO (DHEG)
 
O morrer nas religiões
O morrer nas religiõesO morrer nas religiões
O morrer nas religiões
 
Plasmodium
PlasmodiumPlasmodium
Plasmodium
 
CIRURGIAS NEFROLÓGICAS
CIRURGIAS NEFROLÓGICASCIRURGIAS NEFROLÓGICAS
CIRURGIAS NEFROLÓGICAS
 
Apresentação Sífilis 2010 TURMA ENFERMAGEM 5º SEMESTRE UNIÍTALO
Apresentação Sífilis 2010 TURMA ENFERMAGEM 5º SEMESTRE UNIÍTALOApresentação Sífilis 2010 TURMA ENFERMAGEM 5º SEMESTRE UNIÍTALO
Apresentação Sífilis 2010 TURMA ENFERMAGEM 5º SEMESTRE UNIÍTALO
 

Último

A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 

Último (20)

TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 

Adolescencia

  • 2. CONCEITO Adolescência, é um período marcado por mudançasAdolescência, é um período marcado por mudanças no crescimento e desenvolvimento físico, alteraçõesno crescimento e desenvolvimento físico, alterações emocionais, hormonais e sociais. É durante a adolescênciaemocionais, hormonais e sociais. É durante a adolescência que o indivíduo elabora sua identidade pessoal e sexual,que o indivíduo elabora sua identidade pessoal e sexual, cria independência familiar, desenvolve valores éticos ecria independência familiar, desenvolve valores éticos e morais próprios.morais próprios.
  • 4. Caracterizada por:Caracterizada por:  Busca de si mesmo e daBusca de si mesmo e da identidade.identidade.  A tendência grupal.A tendência grupal.  Necessidade de fantasiar eNecessidade de fantasiar e intelectualizar.intelectualizar.  Contradições sucessivas emContradições sucessivas em todas as manifestações datodas as manifestações da conduta.conduta.  Separação progressiva dosSeparação progressiva dos pais.pais.  Constantes flutuações doConstantes flutuações do humor e do estado dehumor e do estado de ânimo.ânimo.  Atitude socialAtitude social reivindicatóriareivindicatória..  As crises religiosasAs crises religiosas..
  • 6. Pré-adolescência 11 a 14 anos Seu marco principal é oSeu marco principal é o aparecimento daaparecimento da puberdade.puberdade. Desenvolvimento dasDesenvolvimento das características sexuaiscaracterísticas sexuais primárias e secundárias .primárias e secundárias . e secundáriase secundárias (desenvolvimento de seios,(desenvolvimento de seios, alargamento nos quadris,alargamento nos quadris, crescimento de pêloscrescimento de pêlos faciais, mudança no tomfaciais, mudança no tom de voz).de voz).
  • 7. Puberdade Nos meninos as mudanças ocorrem por volta dos 12 ou 13 anos..
  • 8. Conhecendo as principais mudanças no Menino! Crescimento dos pelos pubianos; O pênis cresce em diâmetro e comprimento; cresceros pelos do rosto (barba), nas axilas e por todo o corpo; Mais ou menos entre os 13 e 14 anos ocorre a primeira ejaculação; (lembrando que cada adolescente tem o seu próprio tempo para que isto acontecer, podendo ser antes ou depois dessa idade); Crescimento da laringe; A voz começa a engrossar
  • 9. Conhecendo as principais mudanças no Menina! As mamas começam a crescer e desenvolverem A cintura começa a ficar mais fina; O quadril se desenvolve; Começa a crescer os pelos das axilas e da região pubiana; O crescimento em altura se acelera;
  • 10. Entre os 12 e 13 anos acontece a primeira menstruação, chamada de "menarca" (lembrando que isto pode ocorrer antes ou depois dessa idade, pois a menarca varia de adolescente para adolescente); Desenvolvimento dos órgãos genitais: A vagina fica com a parede mais espessa; O útero aumenta de tamanho; Aumenta a irrigação sanguínea do clitóris; A bacia óssea se desenvolve;
  • 11. Desta forma essas mudanças marcam a passagem de criança para adolescente, e que mais tarde passará por mais algumas mudanças chegando à idade adulta. Agora é IMPORTANTE lembrarmos que essas mudanças não ocorrem de forma igual ou como uma regra, pois cada adolescente tem seu próprio processo e tempo para que ocorra o desenvolvimento de seu corpo. 
  • 12. Puberdade Nas meninas por volta de 10 ou 11 anos de idade, o corpo passa por mudanças. É pelo crescimento das mamas que os médicos acompanham o desenvolvimento das meninas. Para isso, eles seguem a classificação de Tanner. São cinco estágios.
  • 13. Estágios. No M1, as mamas ainda são infantis. No M2, há o desenvolvimento dessas glândulas — é o broto mamário. No M3, tem-se um maior crescimento da mama e da aréola, mas sem separação de seus contornos, que só acontece no M4. No M5, as mamas têm aspecto adulto e o contorno areolar é incorporado ao da mama. A menstruação costuma ocorrer entre os estágios M3 e M4.
  • 14. Puberdade  Nas meninas inicia-se o amadurecimento dos óvulos, os quadris se alargam e ocorre a menarca, primeira menstruação, que é um fluxo sanguíneo eliminado por meio da vagina. A menstruação pode durar de 3 a 7 dias, num ciclo que se repete, em geral, a cada 28 dias, embora esse período possa ter algumas variações.  Nos meninos, começa a produção dos espermatozóides, que são liberados na ejaculação com o líquido seminal por meio da uretra. A primeira ejaculação é conhecida como polução noturna.
  • 15. Desenvolvimento PsicossexualDesenvolvimento Psicossexual A libido, que estava latente nos anos anteriores, é revivida. OA libido, que estava latente nos anos anteriores, é revivida. O impulso sexual é desencadeado por andrógenos (especialmente aimpulso sexual é desencadeado por andrógenos (especialmente a testosterona), que nessa fase estão em níveis mais altos do que emtestosterona), que nessa fase estão em níveis mais altos do que em qualquer outra fase da vidaqualquer outra fase da vida.. Desenvolvimento CognitivoDesenvolvimento Cognitivo Segundo Jean Piaget, no início da adolescência, o pensamentoSegundo Jean Piaget, no início da adolescência, o pensamento da criança torna-se mais abstrato, conceitual, lógico e orientado parada criança torna-se mais abstrato, conceitual, lógico e orientado para o futuro.o futuro.
  • 16. Adolescência intermediária dos 14 aos 17 anos.Adolescência intermediária dos 14 aos 17 anos. Nessa fase ocorrem doisNessa fase ocorrem dois importantes eventosimportantes eventos psicológicos:psicológicos: (1) os meninos alcançam e(1) os meninos alcançam e ultrapassam o tamanho eultrapassam o tamanho e peso das meninaspeso das meninas (2) a menarca já(2) a menarca já ocorreu naocorreu na maioria dasmaioria das meninasmeninas
  • 17. Alguns temas opressivos dos adolescentes desse estágio.Alguns temas opressivos dos adolescentes desse estágio. sexualidadesexualidade  Imagem corporalImagem corporal  gravidezgravidez popularidade e identidade.popularidade e identidade.
  • 18. Nessa fase ocorrem tentativas de separação AMOR x ÓDIO, e atitudes contraditórias que revelam ambivalência, como: Egoísmo Altruísmo Mesquinhez Generosidade Sociabilidade Solidão Jocosidade Seriedade Submissão Rebeldia Materialismo Idealismo Grosseria Ternura
  • 19. Desenvolvimento Psicossexual É comum o comportamento e experimentação sexual com uma variedade de papéis sexuais. como paixonites heterossexuais com pessoas inatingíveis. também experiências homossexuais, geralmente transitórias.
  • 20. Adolescência tardia - dos 17 aos 20 anos. É caracterizada por fortes sentimentos e emoções, com intensos relacionamentos de oposição. Existem duas importantes tarefas nesse período: transforma-se de uma pessoa dependente em uma independente. estabelece-se uma identidade.
  • 21. Desenvolvimento Cognitivo O evento cognitivo mais importante é o desenvolvimento da capacidade para o pensamento lógico abstrato (operações formais). O pensamento não mais se limita ao ambiente concreto e imediato, mas envolve-se com um mundo mais amplo.
  • 22. DESENVOLVIMENTO PSICOLÓGICO A adolescência é um período de mudança de estilo e personalidade, a busca por uma identidade adulta e independência são os principais objetivos. O indivíduo tem que passar por três lutos fundamentais: (1) Perda do corpo infantil (2) Perda dos pais da infância (3)Perda da identidade e do papel infantil
  • 23. Puberdade e problemas na adolescência: A adolescência é o momento da vida em que se manifestam certos quadros psiquiátricos, como a depressão e outras perturbações do estado de espírito, o que aumenta consideravelmente o risco de suicídio.
  • 24. As doenças alimentares, como a anorexia nervosa e a bulimia nervosa, são especialmente frequentes nos adolescentes. Calcula-se, de fato, que a prevalência desses transtornos oscila entre o 0,5 e o 4% (Carbajo et. al, 1995). Concretamente, o DSM-IV assinala a prevalência da Anorexia Nervosa na população adolescente e juvenil feminina entre o 0,5 e o 1%, e a da Bulimia Nervosa entre o 1 e o 3% (DSM.IV).
  • 25. O tema tem sido predominantemente tratado em assuntos da adolescência por que se estima que 50% dos casos de Bulimia Nervosa ocorra antes dos 18 anos, porém como seu diagnóstico não tem sido fácil nessa faixa etária, tem-se a impressão de sua incidência ser maior acima dessa idade.
  • 26. A média de idade do início da Bulimia Nervosa foi de 16,3 anos, variando de 13 a 19 anos (Herzog et al, 1991). Sua principal característica são os episódios de comer- compulsivo (binge-eating) e esse comportamento é caracterizado por ingestão de alimentos muito calóricos, de forma compulsiva até o limite da capacidade gástrica e num espaço de tempo inferior a duas horas.
  • 28. A violência tornou-se a causa principal de doença e morte na adolescência. a inserção em grupos, o consumo de drogas e a pobreza, contribuem para aumentar o risco de violência entre adolescentes. Os acidentes, principalmente os de automóvel e de moto, são as principais causas de morte. As queimaduras, as fraturas múltiplas e outros acidentes são a origem da elevada percentagem de lesões graves nos adolescentes.
  • 29. O final da adolescência ocorre quando o adolescente adquire todos os direitos e privilégios de um adulto, o que pode variar dependendo da sociedade em questão.
  • 30. Poesia da Adolescência Idade primaveril, as emoções afloram a mil. O coração está sempre em festa, mas o adolescente, às vezes, contesta. É espinha no rosto. É atração pelo sexo oposto. É a voz se alterando. É a paixão iniciando. Ganha mais atenção a aparência. Viver tem mais urgência. Não é adulto, não é criança, mas é evidente a mudança. É a necessidade de responsabilidade. É a busca da felicidade. É a ciência da consciência. É efervescência, é adolescência. Josete Maria Vichineski
  • 31. FIM!