Gota

1.314 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.314
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
729
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
32
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gota

  1. 1. GotaDisciplina de Reumatologia 2013Luiza Fuoco
  2. 2. ∗ Histórico:∗ “gotas de veneno”∗ Ricos, poderosos, glutões e beberrões∗ Epidemiologia:∗ Idade: 30 a 60 anos∗ Prevalência: 0,5 a 1,0 %∗ Prevalência da hiperuricemia: 10 % após os 40 anos∗ Sexo: homens 7-9 : 1 mulheresGota
  3. 3. ∗ Fisiopatologia∗ Ácido úrico:∗ Hiperuricemia: > 7 mg/dl - hiperprodução ou hipoexcreção renal.∗ Crise inflamatória: devido à formação de cristais∗ Classificação∗ Primária:∗ Defeito enzimático : aumento na produção de ácido úrico∗ Hipoexcreção renal∗ Secundária:∗ Aumento do catabolismo (cirurgia, infecção, jejum prolongado, etc.)∗ Hipoexcreção (insuficiência renal, álcool e diuréticos)∗ Ingestão excessiva de proteínas (carnes e leguminosas)Gota
  4. 4. Quadro Clínico∗ Crises de monoartrite aguda (eventualmente oligoartrite)∗ Rápida instalação (pico em menos de 24 horas)∗ Duração da crise: 3 a 7 dias∗ Periodicidade das crises: em média a cada 2 a 3 meses∗ Gota tofácea crônicaTopografia:∗ Periférica - pés: - qualquer articulação∗ 1ª metatarsofalangeana (podagra)∗ Tornozelos, joelhos, cotovelos e mãos∗ Axial – muito rara
  5. 5. Exames complementares∗ RX – Erosões em saca-bocado- Densidade óssea peri-lesional aumentada- Cistos ósseos∗ Ultrassonografia dos rins: litíase∗ Laboratório:– Ácido úrico > 7 mg/dl- Excreção baixa de ácido úrico (normal entre 300 e 800 mg / 24 h)- Clearence baixo de ácido úrico (normal > 6 ml/min)- Provas de fase aguda elevadas na crise- Líquido sinovial: predomínio de polimorfonucleares- pesquisa de cristais de ácido úrico positivaMonourato desódioPirofosfato decálcio
  6. 6. Gota tofácea
  7. 7. Diagnóstico∗ Manifestações clínicas (crises de mono/oligoartrite)∗ Hiperuricemia∗ RX característico (ou ressonância / tomografia)∗ Pesquisa de cristais positiva no líquido sinovial ou tofo(confirmatório)
  8. 8. Tratamento1. Não medicamentoso:∗ Orientações gerais∗ Dieta: abolir bebidas alcoólicas, reduzir ingestão de carnes e leguminosas-grãos∗ Fisioterapia2. Medicamentoso:∗ Na crise:-Antiinflamatórios não hormonais (1ª opção)-Corticóide (2ª opção)-Colchicina (3ª opção)3. Preventivo:∗ Uricosúricos (benzbromarona, probenecide e sulfinpirazone)∗ Inibidores de síntese (alopurinol e febuxostate)
  9. 9. ∗ Primeira consulta:∗ Ronaldo, 32 anos∗ Encaminhado por hiperuricemia assintomática∗ Ácido úrico:9,2mg/ml∗ Sedentário∗ Dieta rica em proteína∗ Sobrepeso∗ História familiar positiva para hipertensão arterial, diabetes,doença coronarianaGota
  10. 10. ∗ Segunda consulta:∗ Ronaldo, 40 anos∗ Há 2 dias dor de forte intensidade em háluxD, associado a calor, eritema, e edemalocal.∗ Nega trauma, febre, episódios previosGota
  11. 11. ∗ Terceira consulta:∗ Ronaldo, 48 anos∗ Episódios recorrentes de dormonoarticular, duração de 5-7 dias, nãoprecedido por trauma, associado acalor, edema, e hiperemia local.∗ Refere episódios de dor em pé D, joelhoD, tornozelo E, e cotovelo D.Aproximadamente 2x/mês.∗ Melhora com o uso de diclofenaco∗ Assintomático entre as crisesGotaLesão em saca bocado
  12. 12. ∗ Quarta consulta:∗ Ronaldo, 48 anos∗ Está em uso de alopurinol200mg/dia e colchicina 1mg ànoite∗ Iniciou atividade física esuspendeu bebida alcóolica há3 meses∗ Emagreceu…∗ Ácido úrico: 6,8mg/mlGota
  13. 13. ∗ Sexta consulta:∗ Ronaldo, 56 anos∗ Poliartrite de mãos, punhos, joelhos, tornozelose pé D∗ Tofos em cotovelos∗ Uso diario de diclofenaco 150mg∗ Episódio de hemorragia digestiva baixa há 3 dias∗ Ácido úrico:13mg/ml∗ Creatinina:3,2mg/mlGota

×