Definição e conceito de estruturas organizacionais

6.362 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.362
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
116
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Definição e conceito de estruturas organizacionais

  1. 1. JUSTIFICATIVA DA DISCIPLINA ANÁLISE DE PROCESSOS E ESTRUTURAS ADMINISTRATIVAS 3. Definição e Conceito de Estruturas Organizacionais http://sdrv.ms/1at8sir Professor-alexandre@outlook.com Acesse o material da aula:
  2. 2. NÍVEIS DE ABRANGENCIA DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL Três níveis podem ser considerados quando do desenvolvimento e implantação da estrutura organizacional: 1 - Nível da empresa, 2 - Nível da UEN – Unidade Estratégica de Negócio 3 - Nível da Corporação.
  3. 3. Considerações básicas dos componentes da estrutura organizacional.
  4. 4. ESTRUTURA ORGANIZACIONAL - CONCEITO INSTRUMENTO ADMINISTRATIVO RESULTANTE DA IDENTIFICAÇÃO, ANÁLISE, ORDENAÇÃO E AGRUPAMENTO DAS ATIVIDADES E DOS RECURSOS DAS EMPRESAS, INCLUINDO O ESTABELECIMENTO DOS NÍVEIS DE ALÇADA E DOS PROCESSOS DECISÓRIOS, VISANDO AO ALCANCE DOS OBJETIVOS ESTABELECIDOS PELOS PLANEJAMENTOS DAS EMPRESAS.
  5. 5. PROGRAMA DA DISCIPLINA - ANÁLISE DE PROCESSO E ESTRUTURAS ADMINISTRATIVAS Definição e Conceito de Estrutura Organizacionais 1 – CONCEITO: ORDENAÇÃO E AGRUPAMENTO DE ATIVIDADES E RECURSOS, VISANDO AO ALCANCE DOS OBJETIVOS E RESULTADOS ESTABELECIDOS. Principais Funções da Administração Planejamento Controle Organização Direção Oliveira (2009)
  6. 6. FORMATAÇÕES BÁSICAS DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL INFORMAL: REDE DE RELAÇÕES SOCIAIS E PESSOAIS QUE NÃO É FORMALMENTE ESTABELECIDA PELA EMPRESA, A QUAL SURGE E SE DESENVOLVE ESPONTANEAMENTE E, PORTANTO, APRESENTA SITUAÇÕES QUE NÃO APARECEM NO ORGANOGRAMA DA EMPRESA. FORMAL: REPRESENTA FORMALMENTE A ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DA EMPRESA – NA REALIDADE, PARTE DELA – E QUE PROCURA CONSOLIDAR, AINDA QUE DE FORMA GERAL, A DISTRIBUIÇÃO DAS RESPONSABILIDADES E AUTORIDADES PELAS UNIDADES ORGANIZACIONAIS DA EMPRESA.
  7. 7. FORMATAÇÕES BÁSICAS DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL CARACTERÍSTICAS DA ESTRUTURA FORMAL  Ênfase a posições em termos de autoridades e responsabilidades.  É estável.  Está sujeita a controle.  Está na estrutura.  Líder formal. Desvantagens da estrutura informal:  Desconhecimento das chefias.  Dificuldade de controle.  Possibilidade de atritos entre pessoas. CARACTERÍSTICAS DA ESTRUTURA INFORMAL  Está nas pessoas.  Sempre existirão.  A autoridade flui na maioria das vezes na Horizontal.  É instável.  Não está sujeita a controle.  Está sujeita aos sentimentos.  Líder informal.  Desenvolve sistemas e canais de comunicação. Vantagens da estrutura informal.  Proporciona maior rapidez no processo.  Complementa e estrutura formal.  Reduz a carga de comunicação dos chefes.  Motiva e integra as pessoas na empresa.
  8. 8. RESPONSABILIDADE - CONCEITO ATUAÇÃO PROFISSIONAL DE QUALIDADE NOS TRABALHOS E NA BUSCA DE RESULTADOS, COM OU SEM A COBRANÇA POR PARTE DE TERCEIROS. Ou seja; Obrigação que uma pessoa tem de fazer alguma coisa
  9. 9. AUTORIDADE – CONCEITO E AMPLITUDE 1- CONCEITO: DIREITO ESTABELECIDO DE SE DESIGNAR O QUE – E, SE NECESSÁRIO, COMO, POR QUEM, QUANDO E POR QUANTO – DEVE SER REALIZADO EM SUA ÁREA DE RESPONSABILIDADE NA EMPRESA. SISTEMA DE AUTORIDADE: DIREITO DE FAZER, TOMAR DECISÕES, DAR ORDENS E DIRIGIR. 2 - AMPLITUDE
  10. 10. AUTORIDADE HIERARQUICA E FUNCIONAL Hierárquica: Segue as linhas de comando estabelecidas pela estrutura hierárquica da empresa. Funcional: Correspondente à autoridade estabelecida pela função exercida pelas unidades organizacionais
  11. 11. COMUNICAÇÃO: CONCEITO E CONTEÚDO 1 - CONCEITO: PROCESSO INTERATIVO EM QUE DADOS, INFORMAÇÕES, CONSULTAS E ORIENTAÇÕES SÃO TRANSACIONADOS ENTRE PESSOAS, UNIDADES ORGANIZACIONAIS E AGENTES EXTERNOS À EMPRESA. 2 - CONTEÚDO: – ESQUEMAS DE COMUNICAÇÃO. – FLUXOS DA COMUNICAÇÃO. – CUSTO DA COMUNICAÇÃO. – SUBSISTEMA DE PROCEDIMENTOS.
  12. 12. DECISÃO 1 - PROCESSO DECISÓRIO 2 - DECISÃO 3 - CONTEÚDO
  13. 13. DECISÃO 1 - PROCESSO DECISÓRIO: SISTEMÁTICA ESTRUTURADA E DESCRITIVA DE UMA FUTURA SITUAÇÃO, QUE PODE SER VERDADEIRA OU FALSA, EM FUNÇÃO DOS ELEMENTOS QUE O TOMADOR DA DECISÃO TEM ACESSO E QUE LHE PERMITEM TER VISÃO FACTUAL DA SITUAÇÃO PRESENTE E FUTURA. Algumas falhas no processo decisório. “custo afundado” Conforme Hammond, Keeney e Raiffa (2004, p. 191) “tendemos a fazer escolhas de forma a justificar decisões anteriores, ainda que estas já não pareçam mais válidas”, Ancoragem (Anchoring) Ancoragem refere-se à tendência que temos de dar relevância demasiada a informações recentemente recebidas
  14. 14. DECISÃO Efeito Disposição As pessoas são muito mais sensíveis a informações negativas do que informações positivas Efeito Enquadramento A maneira como se faz uma pergunta pode influenciar profundamente a resposta que se recebe., Exemplo: Um jovem padre perguntou a seu bispo: “Posso fumar enquanto rezo?” A resposta foi um enfático: “Não!” Mais tarde, ao encontrar um padre mais idoso dando baforadas no cigarro enquanto orava, o jovem o repreendeu: “O senhor não devia fumar enquanto reza! Eu perguntei ao bispo e ele me disse que eu não deveria fazer isso.” “é estranho”, replicou o padre mais velho. “Eu perguntei a ele se podia rezar enquanto fumava, e o bispo respondeu que era bom rezar a qualquer momento.“ (HAMMOND, KEENEY e RAIFFA, 2004, p. 195-196)
  15. 15. RESPONSABILIDADE - CONCEITO 2 – DECISÃO: ESCOLHA ENTRE VÁRIOS CAMINHOS ALTERNATIVOS QUE LEVAM A DETERMINADO RESULTADO. 3 – CONTEÚDO: – DECISÕES NECESSÁRIAS PARA OS RESULTADOS ESPERADOS. – EM QUE NÍVEL DA EMPRESA (DEVEM ESTAR O MAIS PRÓXIMO POSSÍVEL DA AÇÃO CORRESPONDENTE. – QUAIS ATIVIDADES AFETAM. – QUAIS EXECUTIVOS DEVEM SER ENVOLVIDOS.
  16. 16. CONDICIONANTE FATOR HUMANO A empresa funciona por meio de pessoas, a eficiência depende da qualidade intrínseca; do valor e da integração dos homens que ela organiza. Ao desenvolver uma estrutura organizacional deve-se levar em consideração o comportamento e o conhecimento das pessoas que irão desempenhar funções. Não podemos esquecer da MOTIVAÇÃO VALOR DAS PESSOAS QUALIDADE ESTRUTURA ORGANIZACIONAL NÍVEL DE CONHECIMENTO NÍVEL DE MOTIVAÇÃO
  17. 17. CONDICIONANTE – FATOR AMBIENTE EXTERNO QUALIDADE ESTRUTURA ORGANIZACIONAL NÍVEL DE INFLUÊNCIA FATORES EXTERNOS OU NÃO CONTROLÁVEIS PELA EMPRESA Quando os objetivos e estratégias estão bem definidos e claros, é mais fácil organizar. Sabe-se o que se espera de cada um.
  18. 18. CONDICIONANTE FATOR SISTEMA DE OBJETIVOS , ESTRATÉGIA E POLÍTICAS OBJETIVO: ALVO OU SITUAÇÃO QUE SE PRETENDE ALCANÇAR. ESTRATÉGIA: DEFINIÇÃO DO CAMINHO MAIS ADEQUADO PARA ‘ALCANÇAR O OBJETIVO. POLÍTICA: PARÂMETRO OU ORIENTAÇÃO PARA A TOMADA DE DECISÃO.
  19. 19. CONDICIONANTE – FATOR TECNOLOGIA 1 - EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA: PROCESSO GRADATIVO E ACUMULATIVO DOS CONHECIMENTOS QUE TÊM INFLUÊNCIA DIRETA OU INDIRETA SOBRE OS NEGÓCIOS, PRODUTOS E SERVIÇOS DE UM CONJUNTO DE EMPRESAS. 2 – TECNOLOGIA: CONJUNTO DE CONHECIMENTOS QUE SÃO UTILIZADOS PARA OPERACIONALIZAR, DE FORMA OTIMIZADA, AS DIVERSAS ATIVIDADES DA EMPRESA
  20. 20. ESTRUTURA ORGANIZACIONAL: NÍVEL DE INFLUÊNCIA NÍVEL DECISÓRIO ESTRATÉGICO NÍVEL DECISÓRIO TÁTICO PLANEJAMENTO TÁTICO NÍVEL DECISÓRIO OPERACIONAL EMPRESA PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PLANEJAMENTO OPERACIONAL
  21. 21. ESTRUTURA ORGANIZACIONAL – NÍVEL DE ABRANGÊNCIA - EMPRESA - NEGÓCIO - ORGANIZAÇÃO
  22. 22. IMPLEMENTAÇÃO DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL 1 – MUDANÇAS: – CERTEZA DA NECESSIDADE. – FORÇAS RESTRITIVAS E PROPULSORAS DE INFLUÊNCIA. – CERTEZA QUE É A MELHOR ALTERNATIVA ESTRUTURAL. 2 – PROCESSO DE IMPLEMENTAÇÃO: – APROVAÇÃO PELA DIRETORIA (ASPECTOS CONCEITUAIS). – APROVAÇÃO PELAS UNIDADES ORGANIZACIONAIS (ASPECTOS CONCEITUAIS E DESCRITIVOS). – IMPLEMENTAÇÃO COM TREINAMENTO. – ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO.
  23. 23. IMPLEMENTAÇÃO DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL 3 – RESISTÊNCIAS POSSÍVEIS: 3.1 - COOPERAÇÃO E APROVAÇÃO DOS RESPONSÁVEIS. 3.2 - ESTRUTURA ORGANIZACIONAL ADEQUADA: – QUALIDADE INTRÍNSECA DA ESTRUTURA. – NÍVEL DE CONHECIMENTO DOS ENVOLVIDOS. – CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL. – MOTIVAÇÃO.
  24. 24. ESTRUTURA ORGANIZACIONAL – QUESTÕES PARA DEBATE 1 – Pesquisar outras metodologias de desenvolvimento e implementação da estrutura organizacional nas empresas, bem como identificar e analisar os pontos comuns e divergentes com a metodologia apresentada neste capítulo. 2 – Com base na questão anterior, identificar e avaliar as vantagens e as desvantagens de cada metodologia. 3 – Aprofundar a questão da metodologia de desenvolvimento e implementação da estrutura organizacional e delinear uma metodologia que melhor se adapte à empresa ou faculdade onde você atua.

×