SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 70
METODOLOGIA DOS 5S




       Sérgio Noia
Agenda

     Histórico
     Objetivos
     Visão Detalhada dos 5 Sensos
     Resultados dos 5S
     O 5S e o Meio Ambiente
     Estudo de Caso
    Metodologia 5S
Histórico do 5S
   O 5S surgiu no Japão no início dos anos 1950. Na indústria, seus
    principais papéis são: liberar áreas, evitar desperdícios, melhorar
    relacionamentos, facilitar as atividades e localização de recursos
    disponíveis.
   Trata de uma sigla formada pelas iniciais de cinco palavras japonesas.
    No Brasil, alguns “S” foram traduzidos usando palavras variadas.
    Com isso, o 5S gerou resultados diferentes de um local para outro.
   A tradução que adotamos é uma das mais praticadas, graças ao
    trabalho feito pela Fundação Christiano Ottoni (FCO), em empresas e
    escolas, a partir da década de 90. É a tradução adequada a qualquer
    lugar onde se vive, por não usar expressões exclusivas do meio
    empresarial.


       Metodologia 5S
Quais são o objetivos dos 5 S?

       Melhoria da Qualidade
       Prevenção de acidentes
       Redução de custos
       Prevenção de quebras
       Melhoria do ambiente de trabalho
       Melhoria do ânimo dos empregados
       Incentivo à criatividade
       Administração participativa
Metodologia 5S
Os 5 Sensos
                                                                             SEISO
                                           SEITON
                  SEIRI




                            2- Ordenar ferramentas,         3- Limpar o local de trabalho
1- Selecionar e Eliminar    instrumentos e materiais
                                                                   SHITSUKE
        SEIKETSU




      4- Estabelecer novos padrões                     5- Manter e melhorar os padrões
           Metodologia 5S
Devemos separar e classificar
        o útil do inútil,
   eliminando tudo que for
       desnecessário.



Metodologia 5S
1º “S” – SEIRI (Descarte)

Tão simples, mas tão difícil de se realizar. Antes de
mais nada, é difícil separar aquilo que necessitamos
daquilo que não necessitamos.

Vamos armazenando peças, materiais, em processo,
máquinas, sem uma previsão concreta de uso. E este
acúmulo acaba atrapalhando o fluxo normal do dia-a-
dia.

E isto passa a ser uma perda, permanecendo por longo
tempo.
Metodologia 5S
1º “S” – SEIRI (Descarte)

   Eliminar não significa
    necessariamente jogar fora, e sim
    destinar cada coisa para onde
    possa ser útil.
   O 1º S é o desenvolvimento da
    noção de utilidade.

    Metodologia 5S
Como executar o Descarte?

             A melhor maneira é fazendo a
             pergunta: “quando eu uso?”

            Toda hora;
            Todo dia;
            Periodicamente;
            Eventualmente;
            Não é utilizado -> descartar.

 Metodologia 5S
Quais as formas de Descarte?
         Troca
         Venda
         Recuperação
         Recolher ao Almoxarifado
         Colocar no lixo
         Etc.


 Metodologia 5S
Os benefícios do Descarte
   Utilização mais racional do espaço;
   Eliminação do excesso de ferramentas,
    armários, estantes, documentos      de
    validade limitada;
   Redução do tempo de procura de
    documentos e materiais;
   Facilidade de controle da carga.

      Metodologia 5S
IDENTIFICANDO e PADRONIZANDO,
  qualquer pessoa pode localizar tudo
              facilmente.




 Metodologia 5S
2º “S” – SEITON (Ordenação)
SEITON é deixar em ordem aquilo que é necessário,
       identificando-o de forma que qualquer pessoa possa
       localizar facilmente.

 Ao realizar o Descarte, no local de trabalho, acaba
   sobrando apenas o estritamente necessário.

    O próximo passo é ordenar de tal forma que
   qualquer um possa localizar o necessário, sem
                    procurar.

    Nesta fase estamos realizando a Ordenação.
    Metodologia 5S
Executando a Ordenação
        Classificação do Material                                    Ação
Necessário e de uso freqüente?                  Mantê-lo o mais próximo possível do usuário.
                                                Mantê-lo em instalações centrais que permitam
Necessário e de uso esporádico?
                                                uma otimização do uso.

                                                Recuperá-lo em função do custo/benefício e da
Necessário, porém precisa de recuperação?
                                                disponibilidade financeira.

Desnecessário, porém útil para outras pessoas   Fornecê-lo para interessados ou transferindo a
ou seções?                                      carga.


Desnecessário, porém útil para outros fins?     Adaptá-lo ou aliená-lo.


                                                Expor o material durante um período definido
Desnecessário e inútil?
                                                para possíveis interessados; Descartá-lo.


            Metodologia 5S
2º Senso - Ordenação

   No escritório

   Nas nossas mesas / postos de trabalho

   Em todo lugar


     Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
No escritório:

               Material                          Como organizar

Manuais de instrução, legislações e     Crie um arquivo para todos os tipos de
documentos                              documentos e agrupe por assunto.


                                        Colocá-los em armário ou de volta no
Materiais extras de expediente
                                        almoxarifado
                                        No máximo dois por mural. Jogue fora
Provérbios ou citações                  outros ou coloque no arquivo pessoal.


                                         Guarde no armário e reveze quando
Materiais promocionais, pesos de papéis, novos chegarem.
relógios, etc


          Metodologia 5S
Nas nossas mesas:
   A freqüência de uso é a chave para a localização, pense em seu posto de
    trabalho como “espaço principal”. Tudo que fique perto, deve valer a pena, o
    que significa usá-los com freqüência;
   Comece pelas gavetas, colocando-as em ordem, agrupando, jogando fora e
    redistribuindo itens. Isso significa que devemos limitar os itens pessoais a uma
    gaveta;
   O objetivo não é uma mesa ou bancada perfeita o tempo todo. Em vez disso, é
    a capacidade de encontrar coisas quando precisa delas e ter sempre um local
    de trabalho limpo.
   Deve-se processar tudo o que estiver sobre a mesa ou bancada, colocando
    cada coisa em seu local apropriado com rapidez e facilidade;
   Se tiver uma caixa de saída, limpe-a pelo menos uma vez ao dia.



       Metodologia 5S
Nas nossas mesas e bancadas:

                     RESUMINDO...


1. Limpe sua mesa ou bancada no final de
   cada dia;
2. Seja seletivo sobre o que manter;
3. Jogue coisas fora,
4. Arquive rapidamente.

    Metodologia 5S
Nas nossas mesas:
                      Para Organizar as Gavetas:

1. Reorganize itens, colocando os que forem afins juntos;
2. Limite seus itens pessoais em uma gaveta (de
   preferência a última);
3. Leve suas “tralhas” em excesso para casa;
4. Apenas itens de uso freqüente devem ficar próximos a
   seu local de trabalho;
5. Use caixas para objetos pequenos.


     Metodologia 5S
2º “S” – SEITON (Ordenação)
                        BENEFÍCIOS DA ORDEM

   Elimina as causas de acidente e incêndios;
   Previne o desperdício de energia;
   Proporciona melhor aproveitamento do espaço tão precioso;
   Garante a boa aparência da fábrica;
   Encoraja melhores hábitos de trabalho;
   Impressiona o cliente;
   Reflete uma Fábrica bem administrada;
   Simplifica o trabalho de limpeza;
   Torna o trabalho mais fácil e agradável de ser realizado.


      Metodologia 5S
Benefícios de ser organizado:

 Maior controle sobre minha mesa ou
   bancada;
 Outros podem encontrar informações
   quando eu estiver fora;
 Ser um bom exemplo;
 Ter mais tempo!

    Metodologia 5S
Mais importante do que limpar é
     aprender a não sujar.




  Metodologia 5S
3º “S” – SEISO (Limpeza)
    Um ambiente de trabalho limpo, além de causar
     boa impressão aos clientes pode evitar acidentes
     bobos;
    Cada um é responsável pela limpeza de sua área,
     postos de trabalho ou sala e de si MESMO;
    Material de limpeza deve sempre estar disponível a
     todos;
    Estabeleça locais próprios para o lixo e estude a
     melhor forma de retirá-lo;
    Combata as “FONTES DE SUJEIRA”.
    Metodologia 5S
Executando o 3º S
   Defina responsáveis para as áreas comuns;
   Meio limpo não existe;
   Não jogue coisas no chão – o lugar do lixo é no
    lixo;
   Conserve limpos mesas, gavetas, armários...
   Antes de guardar, limpe o material usado.




       Metodologia 5S
3º “S” – SEISO (Limpeza)
           A limpeza deve ser dividida em três etapas:


MACRO: Limpeza geral do todo (da fábrica, da seção,
do prédio, da oficina, etc.)
INDIVIDUAL: Considera locais ou equipamentos
específicos - individuais (área da furadeira, a
furadeira, a área de usinagem de eixos, etc.)
MICRO: Considera as últimas subdivisões. (uma
peça, uma pasta, uma ferramenta, etc.)

    Metodologia 5S
Benefícios da Limpeza
      Bem estar quanto à saúde física e mental;
      Melhoria de imagem interna e externa do
       local de trabalho;
      Melhoria e preservação dos equipamentos
       e maior vida útil;
      Eliminação das causas de sujeira;
      Eliminação de desperdícios;
      Ambiente mais agradável e sadio.


    Metodologia 5S
Padronizar comportamento, valores e
práticas favoráveis à saúde física, mental
              e ambiental.




   Metodologia 5S
Como executar o 4º S?
   Mantenha os três primeiros sensos: Descarte,
    Ordenação e Limpeza;
   Cuide-se: faça exames periódicos e exercícios
    físicos;
   Educação alimentar;
   Estimule confiança, amizade e solidariedade.



      Metodologia 5S
Nada mais é do que REEDUCAR nossas atitudes!

Com hábitos corretos, vai ficar mais fácil manter
nosso ambiente de trabalho sempre saudável e
              digno de respeito!




   Metodologia 5S
Como executar o 5º S?
   Treinamento, repetição, insistência,
    persistência;
   Crítica construtiva;
   Seja claro e objetivo na comunicação e nos
    procedimentos;
   COMPROMETIMENTO com o serviço, com
    os companheiros e consigo mesmo.


      Metodologia 5S
Use o cinto sempre!!!




Metodologia 5S
Dicas importantes para a
                     Autodisciplina:
 Tornar um hábito;
 Elogiar sempre;
 Acompanhar o processo, criticando se necessário;
 Mudar a maneira de falar e “encarar” a vida, isto é, agir
   proativamente;
 Ser cordial ao atender ao telefone e dizer sempre: Nome
   do setor / cumprimentar / seu nome;
 Evite “atalhos” na execução de tarefas!


       Metodologia 5S
Cuidado com os “atalhos”...




 Metodologia 5S
Benefícios da Disciplina:

   Redução da necessidade de controles;
   Consolidação do trabalho em equipe;
   Desenvolvimento pessoal;
   Conscientização das responsabilidades de cada um;
   Facilita a execução de toda e qualquer tarefa / operação;
   Evita perdas oriundas do não-surgimento de rotinas;
   Traz previsibilidade do resultado final de qualquer operação;
   Os produtos ficam dentro dos requisitos de qualidade.

       Metodologia 5S
Evite improvisos...




 Metodologia 5S
Disciplina também gera
                    economia!

        Certifique-se de que fechou bem a torneira e
             procure corrigir vazamentos, porque...
   Gotejando, uma torneira chega a um desperdício de 46 litros por dia. Isto é,
    1.380 litros por mês, ou seja, mais de um metro cúbico por mês!
   Um filete de mais ou menos 2 milímetros totaliza 4.140 litros num mês!
   Se o filete tiver 4 milímetros, haverá 13.260 litros por mês de desperdício!
   Um buraco de 2 milímetros no encanamento pode causar um desperdício de
    3.200 litros por dia?




       Metodologia 5S
Os Dez Mandamentos dos 5S
      I. Ficarei com o estritamente necessário.
      II. Definirei um lugar para cada coisa.
      III. Manterei cada coisa no seu lugar.
      IV. Manterei tudo limpo e em condições de uso.
      V. Combaterei as causas de sujeira.
      VI. Identificarei toda situação de risco.
      VII. Trabalharei com segurança.
      VIII. Questionarei toda norma ou padrão até entendê-lo.
      IX. Procurarei formas de melhorar meu trabalho.
      X. Honrarei todos os compromissos.

    Metodologia 5S
Resultado dos 5S´s
Uso correto dos instrumentos de medição.
Elimina estoque excedente.
Elimina excesso de locais de estoque liberando áreas para
outras finalidades;
Fácil localização de objetos.
Fácil visão dos locais de risco.
Eliminação dos tempos de procura;
Local de trabalho limpo e agradável;
Melhoria dos ânimos dos empregados;
Administração participativa
Facilita a movimentação de materiais.
Maior satisfação dos clientes.

Metodologia 5S
5S e o Meio Ambiente

Material Reciclado
                             Preservação              Decomposição


  1000 kg de papel         Corte de 20 árvores          1 a 3 meses

                         Extração de milhares de
 1000 kg de plástico                                   200 a 450 anos
                            litros de petróleo

                         Extração de 5000 kg de
 1000 kg de alumínio                                   100 a 500 anos
                                minério

  1000 kg de vidro     Extração de 1300 kg de areia      4000 anos



    Metodologia 5S
Aplicação dos 5S




                 Estudo de Caso




Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
Metodologia 5S
A DISCIPLINA




   E o “S” mais importante...




Metodologia 5S
Nunca deixe
                 de ajudar o
                 colega.




Metodologia 5S
Os
                 melhores
                 sempre
                 dão um
                 jeito...



Metodologia 5S
A criatividade é o
                 principal diferencial
                 no mercado!!!




Metodologia 5S
O
                 profissional
                    que não
                   enfrenta
                  riscos não
                   tem vez!


Metodologia 5S
Não existe problema que não possa
                   ser resolvido!




Metodologia 5S
Devemos explorar toda a capacidade
             do equipamento!




Metodologia 5S
Tudo tem uma solução!




Metodologia 5S
Desenvolva a Autodisciplina!!!

Mantenha o Programa 5S vivo
       na empresa!!!

                 Obrigado!

Metodologia 5S

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Programa 5S
Programa 5SPrograma 5S
Programa 5S
 
Programa 5 S
Programa 5 SPrograma 5 S
Programa 5 S
 
Apresentação 5 s
Apresentação 5 sApresentação 5 s
Apresentação 5 s
 
Treinamento 5S
Treinamento 5STreinamento 5S
Treinamento 5S
 
02 aula sistemas dos 5s
02 aula sistemas dos 5s02 aula sistemas dos 5s
02 aula sistemas dos 5s
 
5s
5s5s
5s
 
01. treinamento 6S final
01. treinamento 6S final01. treinamento 6S final
01. treinamento 6S final
 
Formação 5S para uma loja de varejo.
Formação 5S para uma loja de varejo.Formação 5S para uma loja de varejo.
Formação 5S para uma loja de varejo.
 
Programa 5S
Programa 5SPrograma 5S
Programa 5S
 
Treinamento 5S Básico
Treinamento 5S BásicoTreinamento 5S Básico
Treinamento 5S Básico
 
Programa 5S
Programa 5SPrograma 5S
Programa 5S
 
Ferramenta 5 s´s
Ferramenta 5 s´sFerramenta 5 s´s
Ferramenta 5 s´s
 
Apresentação do Programa 5S
Apresentação do Programa 5SApresentação do Programa 5S
Apresentação do Programa 5S
 
Programa 5S
Programa 5SPrograma 5S
Programa 5S
 
5 s programa de qualidade
5 s programa de qualidade5 s programa de qualidade
5 s programa de qualidade
 
Slide 5 s
Slide 5 s Slide 5 s
Slide 5 s
 
Apresentação 5S
Apresentação 5SApresentação 5S
Apresentação 5S
 
Slides 5 s
Slides 5 sSlides 5 s
Slides 5 s
 
Treinamento 5 S
Treinamento 5 STreinamento 5 S
Treinamento 5 S
 
AprersentaçãO 5 S
AprersentaçãO 5 SAprersentaçãO 5 S
AprersentaçãO 5 S
 

Destaque

Mini Curso RFID Módulo I - Dr. Jung
Mini Curso RFID  Módulo I - Dr. JungMini Curso RFID  Módulo I - Dr. Jung
Mini Curso RFID Módulo I - Dr. JungCarlos Fernando Jung
 
Comportamento e organização empresarial
Comportamento e organização empresarialComportamento e organização empresarial
Comportamento e organização empresarialJesse Costa
 
Novo Sistema De MarcaçãO Gran Vita
Novo Sistema De MarcaçãO Gran VitaNovo Sistema De MarcaçãO Gran Vita
Novo Sistema De MarcaçãO Gran Vitaeng_guilherme
 
Palestra RFID - O Que E Como As Etiquetas Falam
Palestra RFID - O Que E Como As Etiquetas FalamPalestra RFID - O Que E Como As Etiquetas Falam
Palestra RFID - O Que E Como As Etiquetas Falameacosta1
 
treinamento de 5S
treinamento de 5Streinamento de 5S
treinamento de 5SAne Costa
 
Plano de implantação do programa 5 s no departamento
Plano de implantação do programa 5 s no departamentoPlano de implantação do programa 5 s no departamento
Plano de implantação do programa 5 s no departamentoMaximiliano Barroso Bonfá
 
Conceitos iniciais em comunicação organizacional
Conceitos iniciais em comunicação organizacional Conceitos iniciais em comunicação organizacional
Conceitos iniciais em comunicação organizacional Daniela Ribeiro
 
Manual de como usar um qr code
Manual de como usar um qr codeManual de como usar um qr code
Manual de como usar um qr codeFelipe Malacrida
 
Manual Do Engenheiro Goldsztein Cyrela R9
Manual Do Engenheiro Goldsztein Cyrela R9Manual Do Engenheiro Goldsztein Cyrela R9
Manual Do Engenheiro Goldsztein Cyrela R9eng_guilherme
 

Destaque (17)

Os 5S's da gestão
Os 5S's da gestãoOs 5S's da gestão
Os 5S's da gestão
 
Trabalho 5s
Trabalho 5sTrabalho 5s
Trabalho 5s
 
5s
5s5s
5s
 
Programação 5S
Programação 5SProgramação 5S
Programação 5S
 
5S Conceito e Aplicação
5S  Conceito e Aplicação5S  Conceito e Aplicação
5S Conceito e Aplicação
 
Jornal 24
Jornal 24Jornal 24
Jornal 24
 
Mini Curso RFID Módulo I - Dr. Jung
Mini Curso RFID  Módulo I - Dr. JungMini Curso RFID  Módulo I - Dr. Jung
Mini Curso RFID Módulo I - Dr. Jung
 
Comportamento e organização empresarial
Comportamento e organização empresarialComportamento e organização empresarial
Comportamento e organização empresarial
 
Novo Sistema De MarcaçãO Gran Vita
Novo Sistema De MarcaçãO Gran VitaNovo Sistema De MarcaçãO Gran Vita
Novo Sistema De MarcaçãO Gran Vita
 
Palestra RFID - O Que E Como As Etiquetas Falam
Palestra RFID - O Que E Como As Etiquetas FalamPalestra RFID - O Que E Como As Etiquetas Falam
Palestra RFID - O Que E Como As Etiquetas Falam
 
treinamento de 5S
treinamento de 5Streinamento de 5S
treinamento de 5S
 
Plano de implantação do programa 5 s no departamento
Plano de implantação do programa 5 s no departamentoPlano de implantação do programa 5 s no departamento
Plano de implantação do programa 5 s no departamento
 
QR Code
QR CodeQR Code
QR Code
 
Conceitos iniciais em comunicação organizacional
Conceitos iniciais em comunicação organizacional Conceitos iniciais em comunicação organizacional
Conceitos iniciais em comunicação organizacional
 
QR Code 101
QR Code 101QR Code 101
QR Code 101
 
Manual de como usar um qr code
Manual de como usar um qr codeManual de como usar um qr code
Manual de como usar um qr code
 
Manual Do Engenheiro Goldsztein Cyrela R9
Manual Do Engenheiro Goldsztein Cyrela R9Manual Do Engenheiro Goldsztein Cyrela R9
Manual Do Engenheiro Goldsztein Cyrela R9
 

Semelhante a Treinamento 5 s (20)

5 s's
 5 s's  5 s's
5 s's
 
apresentao5s-130228154655-phpapmmm
apresentao5s-130228154655-phpapmmmapresentao5s-130228154655-phpapmmm
apresentao5s-130228154655-phpapmmm
 
O programa 5
O programa 5O programa 5
O programa 5
 
5s
5s5s
5s
 
Programa 5 s trabalho 1
Programa 5 s   trabalho 1Programa 5 s   trabalho 1
Programa 5 s trabalho 1
 
5 s
5 s5 s
5 s
 
5 s
5 s5 s
5 s
 
Programa 5S
Programa 5SPrograma 5S
Programa 5S
 
5 s cema
5 s cema5 s cema
5 s cema
 
Palestra 5 s
Palestra 5 sPalestra 5 s
Palestra 5 s
 
5s apostila-treinamento-e-aplicacao1
5s apostila-treinamento-e-aplicacao15s apostila-treinamento-e-aplicacao1
5s apostila-treinamento-e-aplicacao1
 
Cinco Sensos da Qualidade
Cinco Sensos da Qualidade Cinco Sensos da Qualidade
Cinco Sensos da Qualidade
 
Sistema 5 s
Sistema 5 sSistema 5 s
Sistema 5 s
 
5s-apostila-treinamento-e-aplicacao1.ppt
5s-apostila-treinamento-e-aplicacao1.ppt5s-apostila-treinamento-e-aplicacao1.ppt
5s-apostila-treinamento-e-aplicacao1.ppt
 
PROGRAMA 5S 003.ppt
PROGRAMA 5S 003.pptPROGRAMA 5S 003.ppt
PROGRAMA 5S 003.ppt
 
programa-5s.pptx
programa-5s.pptxprograma-5s.pptx
programa-5s.pptx
 
_5S_Programa de Qualidade e Padronização.ppt
_5S_Programa de Qualidade e Padronização.ppt_5S_Programa de Qualidade e Padronização.ppt
_5S_Programa de Qualidade e Padronização.ppt
 
Programa 5-s1
Programa 5-s1Programa 5-s1
Programa 5-s1
 
Como implantar os 5 s
Como implantar os 5 sComo implantar os 5 s
Como implantar os 5 s
 
5s
5s5s
5s
 

Mais de Fernando Mattos

Sistema elétrico veicular
Sistema elétrico veicularSistema elétrico veicular
Sistema elétrico veicularFernando Mattos
 
Sistema de transmissão parte 1
Sistema de transmissão parte 1Sistema de transmissão parte 1
Sistema de transmissão parte 1Fernando Mattos
 
Senai ba - transmissão roberto
Senai ba - transmissão robertoSenai ba - transmissão roberto
Senai ba - transmissão robertoFernando Mattos
 
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano robertoSenai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano robertoFernando Mattos
 
A tendimento ao cliente cai tec
A tendimento ao cliente cai tecA tendimento ao cliente cai tec
A tendimento ao cliente cai tecFernando Mattos
 
A tendimento ao cliente cai tec
A tendimento ao cliente cai tecA tendimento ao cliente cai tec
A tendimento ao cliente cai tecFernando Mattos
 
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano robertoSenai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano robertoFernando Mattos
 
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano robertoSenai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano robertoFernando Mattos
 
Suspenção direção e freios
Suspenção direção e freiosSuspenção direção e freios
Suspenção direção e freiosFernando Mattos
 
Suspenção direção e freios Lar Luiz fabiano
Suspenção direção e freios Lar Luiz fabianoSuspenção direção e freios Lar Luiz fabiano
Suspenção direção e freios Lar Luiz fabianoFernando Mattos
 

Mais de Fernando Mattos (19)

Passo a passo
Passo a passoPasso a passo
Passo a passo
 
Sistema elétrico veicular
Sistema elétrico veicularSistema elétrico veicular
Sistema elétrico veicular
 
Tipos de carroceria
Tipos de carroceriaTipos de carroceria
Tipos de carroceria
 
Sistemas de capotaria
Sistemas de capotariaSistemas de capotaria
Sistemas de capotaria
 
Sistemas de capotaria
Sistemas de capotariaSistemas de capotaria
Sistemas de capotaria
 
Sistema de transmissão parte 1
Sistema de transmissão parte 1Sistema de transmissão parte 1
Sistema de transmissão parte 1
 
Senai ba - transmissão roberto
Senai ba - transmissão robertoSenai ba - transmissão roberto
Senai ba - transmissão roberto
 
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano robertoSenai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
 
Sdf saeb
Sdf saebSdf saeb
Sdf saeb
 
Tipos de carroceria
Tipos de carroceriaTipos de carroceria
Tipos de carroceria
 
A tendimento ao cliente cai tec
A tendimento ao cliente cai tecA tendimento ao cliente cai tec
A tendimento ao cliente cai tec
 
Aula funilaria (saeb)
Aula funilaria (saeb)Aula funilaria (saeb)
Aula funilaria (saeb)
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
A tendimento ao cliente cai tec
A tendimento ao cliente cai tecA tendimento ao cliente cai tec
A tendimento ao cliente cai tec
 
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano robertoSenai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
 
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano robertoSenai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
Senai ba - transmissão e embreagem - suzano roberto
 
Suspenção direção e freios
Suspenção direção e freiosSuspenção direção e freios
Suspenção direção e freios
 
Suspenção direção e freios Lar Luiz fabiano
Suspenção direção e freios Lar Luiz fabianoSuspenção direção e freios Lar Luiz fabiano
Suspenção direção e freios Lar Luiz fabiano
 
Avaliacao e frequencia
Avaliacao e frequenciaAvaliacao e frequencia
Avaliacao e frequencia
 

Treinamento 5 s

  • 1. METODOLOGIA DOS 5S Sérgio Noia
  • 2. Agenda  Histórico  Objetivos  Visão Detalhada dos 5 Sensos  Resultados dos 5S  O 5S e o Meio Ambiente  Estudo de Caso Metodologia 5S
  • 3. Histórico do 5S  O 5S surgiu no Japão no início dos anos 1950. Na indústria, seus principais papéis são: liberar áreas, evitar desperdícios, melhorar relacionamentos, facilitar as atividades e localização de recursos disponíveis.  Trata de uma sigla formada pelas iniciais de cinco palavras japonesas. No Brasil, alguns “S” foram traduzidos usando palavras variadas. Com isso, o 5S gerou resultados diferentes de um local para outro.  A tradução que adotamos é uma das mais praticadas, graças ao trabalho feito pela Fundação Christiano Ottoni (FCO), em empresas e escolas, a partir da década de 90. É a tradução adequada a qualquer lugar onde se vive, por não usar expressões exclusivas do meio empresarial. Metodologia 5S
  • 4. Quais são o objetivos dos 5 S? Melhoria da Qualidade Prevenção de acidentes Redução de custos Prevenção de quebras Melhoria do ambiente de trabalho Melhoria do ânimo dos empregados Incentivo à criatividade Administração participativa Metodologia 5S
  • 5. Os 5 Sensos SEISO SEITON SEIRI 2- Ordenar ferramentas, 3- Limpar o local de trabalho 1- Selecionar e Eliminar instrumentos e materiais SHITSUKE SEIKETSU 4- Estabelecer novos padrões 5- Manter e melhorar os padrões Metodologia 5S
  • 6. Devemos separar e classificar o útil do inútil, eliminando tudo que for desnecessário. Metodologia 5S
  • 7. 1º “S” – SEIRI (Descarte) Tão simples, mas tão difícil de se realizar. Antes de mais nada, é difícil separar aquilo que necessitamos daquilo que não necessitamos. Vamos armazenando peças, materiais, em processo, máquinas, sem uma previsão concreta de uso. E este acúmulo acaba atrapalhando o fluxo normal do dia-a- dia. E isto passa a ser uma perda, permanecendo por longo tempo. Metodologia 5S
  • 8. 1º “S” – SEIRI (Descarte)  Eliminar não significa necessariamente jogar fora, e sim destinar cada coisa para onde possa ser útil.  O 1º S é o desenvolvimento da noção de utilidade. Metodologia 5S
  • 9. Como executar o Descarte? A melhor maneira é fazendo a pergunta: “quando eu uso?”  Toda hora;  Todo dia;  Periodicamente;  Eventualmente;  Não é utilizado -> descartar. Metodologia 5S
  • 10. Quais as formas de Descarte?  Troca  Venda  Recuperação  Recolher ao Almoxarifado  Colocar no lixo  Etc. Metodologia 5S
  • 11. Os benefícios do Descarte  Utilização mais racional do espaço;  Eliminação do excesso de ferramentas, armários, estantes, documentos de validade limitada;  Redução do tempo de procura de documentos e materiais;  Facilidade de controle da carga. Metodologia 5S
  • 12. IDENTIFICANDO e PADRONIZANDO, qualquer pessoa pode localizar tudo facilmente. Metodologia 5S
  • 13. 2º “S” – SEITON (Ordenação) SEITON é deixar em ordem aquilo que é necessário, identificando-o de forma que qualquer pessoa possa localizar facilmente. Ao realizar o Descarte, no local de trabalho, acaba sobrando apenas o estritamente necessário. O próximo passo é ordenar de tal forma que qualquer um possa localizar o necessário, sem procurar. Nesta fase estamos realizando a Ordenação. Metodologia 5S
  • 14. Executando a Ordenação Classificação do Material Ação Necessário e de uso freqüente? Mantê-lo o mais próximo possível do usuário. Mantê-lo em instalações centrais que permitam Necessário e de uso esporádico? uma otimização do uso. Recuperá-lo em função do custo/benefício e da Necessário, porém precisa de recuperação? disponibilidade financeira. Desnecessário, porém útil para outras pessoas Fornecê-lo para interessados ou transferindo a ou seções? carga. Desnecessário, porém útil para outros fins? Adaptá-lo ou aliená-lo. Expor o material durante um período definido Desnecessário e inútil? para possíveis interessados; Descartá-lo. Metodologia 5S
  • 15. 2º Senso - Ordenação  No escritório  Nas nossas mesas / postos de trabalho  Em todo lugar Metodologia 5S
  • 19. No escritório: Material Como organizar Manuais de instrução, legislações e Crie um arquivo para todos os tipos de documentos documentos e agrupe por assunto. Colocá-los em armário ou de volta no Materiais extras de expediente almoxarifado No máximo dois por mural. Jogue fora Provérbios ou citações outros ou coloque no arquivo pessoal. Guarde no armário e reveze quando Materiais promocionais, pesos de papéis, novos chegarem. relógios, etc Metodologia 5S
  • 20. Nas nossas mesas:  A freqüência de uso é a chave para a localização, pense em seu posto de trabalho como “espaço principal”. Tudo que fique perto, deve valer a pena, o que significa usá-los com freqüência;  Comece pelas gavetas, colocando-as em ordem, agrupando, jogando fora e redistribuindo itens. Isso significa que devemos limitar os itens pessoais a uma gaveta;  O objetivo não é uma mesa ou bancada perfeita o tempo todo. Em vez disso, é a capacidade de encontrar coisas quando precisa delas e ter sempre um local de trabalho limpo.  Deve-se processar tudo o que estiver sobre a mesa ou bancada, colocando cada coisa em seu local apropriado com rapidez e facilidade;  Se tiver uma caixa de saída, limpe-a pelo menos uma vez ao dia. Metodologia 5S
  • 21. Nas nossas mesas e bancadas: RESUMINDO... 1. Limpe sua mesa ou bancada no final de cada dia; 2. Seja seletivo sobre o que manter; 3. Jogue coisas fora, 4. Arquive rapidamente. Metodologia 5S
  • 22. Nas nossas mesas: Para Organizar as Gavetas: 1. Reorganize itens, colocando os que forem afins juntos; 2. Limite seus itens pessoais em uma gaveta (de preferência a última); 3. Leve suas “tralhas” em excesso para casa; 4. Apenas itens de uso freqüente devem ficar próximos a seu local de trabalho; 5. Use caixas para objetos pequenos. Metodologia 5S
  • 23. 2º “S” – SEITON (Ordenação) BENEFÍCIOS DA ORDEM  Elimina as causas de acidente e incêndios;  Previne o desperdício de energia;  Proporciona melhor aproveitamento do espaço tão precioso;  Garante a boa aparência da fábrica;  Encoraja melhores hábitos de trabalho;  Impressiona o cliente;  Reflete uma Fábrica bem administrada;  Simplifica o trabalho de limpeza;  Torna o trabalho mais fácil e agradável de ser realizado. Metodologia 5S
  • 24. Benefícios de ser organizado:  Maior controle sobre minha mesa ou bancada;  Outros podem encontrar informações quando eu estiver fora;  Ser um bom exemplo;  Ter mais tempo! Metodologia 5S
  • 25. Mais importante do que limpar é aprender a não sujar. Metodologia 5S
  • 26. 3º “S” – SEISO (Limpeza)  Um ambiente de trabalho limpo, além de causar boa impressão aos clientes pode evitar acidentes bobos;  Cada um é responsável pela limpeza de sua área, postos de trabalho ou sala e de si MESMO;  Material de limpeza deve sempre estar disponível a todos;  Estabeleça locais próprios para o lixo e estude a melhor forma de retirá-lo;  Combata as “FONTES DE SUJEIRA”. Metodologia 5S
  • 27. Executando o 3º S  Defina responsáveis para as áreas comuns;  Meio limpo não existe;  Não jogue coisas no chão – o lugar do lixo é no lixo;  Conserve limpos mesas, gavetas, armários...  Antes de guardar, limpe o material usado. Metodologia 5S
  • 28. 3º “S” – SEISO (Limpeza) A limpeza deve ser dividida em três etapas: MACRO: Limpeza geral do todo (da fábrica, da seção, do prédio, da oficina, etc.) INDIVIDUAL: Considera locais ou equipamentos específicos - individuais (área da furadeira, a furadeira, a área de usinagem de eixos, etc.) MICRO: Considera as últimas subdivisões. (uma peça, uma pasta, uma ferramenta, etc.) Metodologia 5S
  • 29. Benefícios da Limpeza  Bem estar quanto à saúde física e mental;  Melhoria de imagem interna e externa do local de trabalho;  Melhoria e preservação dos equipamentos e maior vida útil;  Eliminação das causas de sujeira;  Eliminação de desperdícios;  Ambiente mais agradável e sadio. Metodologia 5S
  • 30. Padronizar comportamento, valores e práticas favoráveis à saúde física, mental e ambiental. Metodologia 5S
  • 31. Como executar o 4º S?  Mantenha os três primeiros sensos: Descarte, Ordenação e Limpeza;  Cuide-se: faça exames periódicos e exercícios físicos;  Educação alimentar;  Estimule confiança, amizade e solidariedade. Metodologia 5S
  • 32. Nada mais é do que REEDUCAR nossas atitudes! Com hábitos corretos, vai ficar mais fácil manter nosso ambiente de trabalho sempre saudável e digno de respeito! Metodologia 5S
  • 33. Como executar o 5º S?  Treinamento, repetição, insistência, persistência;  Crítica construtiva;  Seja claro e objetivo na comunicação e nos procedimentos;  COMPROMETIMENTO com o serviço, com os companheiros e consigo mesmo. Metodologia 5S
  • 34. Use o cinto sempre!!! Metodologia 5S
  • 35. Dicas importantes para a Autodisciplina:  Tornar um hábito;  Elogiar sempre;  Acompanhar o processo, criticando se necessário;  Mudar a maneira de falar e “encarar” a vida, isto é, agir proativamente;  Ser cordial ao atender ao telefone e dizer sempre: Nome do setor / cumprimentar / seu nome;  Evite “atalhos” na execução de tarefas! Metodologia 5S
  • 36. Cuidado com os “atalhos”... Metodologia 5S
  • 37. Benefícios da Disciplina:  Redução da necessidade de controles;  Consolidação do trabalho em equipe;  Desenvolvimento pessoal;  Conscientização das responsabilidades de cada um;  Facilita a execução de toda e qualquer tarefa / operação;  Evita perdas oriundas do não-surgimento de rotinas;  Traz previsibilidade do resultado final de qualquer operação;  Os produtos ficam dentro dos requisitos de qualidade. Metodologia 5S
  • 39. Disciplina também gera economia! Certifique-se de que fechou bem a torneira e procure corrigir vazamentos, porque...  Gotejando, uma torneira chega a um desperdício de 46 litros por dia. Isto é, 1.380 litros por mês, ou seja, mais de um metro cúbico por mês!  Um filete de mais ou menos 2 milímetros totaliza 4.140 litros num mês!  Se o filete tiver 4 milímetros, haverá 13.260 litros por mês de desperdício!  Um buraco de 2 milímetros no encanamento pode causar um desperdício de 3.200 litros por dia? Metodologia 5S
  • 40. Os Dez Mandamentos dos 5S  I. Ficarei com o estritamente necessário.  II. Definirei um lugar para cada coisa.  III. Manterei cada coisa no seu lugar.  IV. Manterei tudo limpo e em condições de uso.  V. Combaterei as causas de sujeira.  VI. Identificarei toda situação de risco.  VII. Trabalharei com segurança.  VIII. Questionarei toda norma ou padrão até entendê-lo.  IX. Procurarei formas de melhorar meu trabalho.  X. Honrarei todos os compromissos. Metodologia 5S
  • 41. Resultado dos 5S´s Uso correto dos instrumentos de medição. Elimina estoque excedente. Elimina excesso de locais de estoque liberando áreas para outras finalidades; Fácil localização de objetos. Fácil visão dos locais de risco. Eliminação dos tempos de procura; Local de trabalho limpo e agradável; Melhoria dos ânimos dos empregados; Administração participativa Facilita a movimentação de materiais. Maior satisfação dos clientes. Metodologia 5S
  • 42. 5S e o Meio Ambiente Material Reciclado Preservação Decomposição 1000 kg de papel Corte de 20 árvores 1 a 3 meses Extração de milhares de 1000 kg de plástico 200 a 450 anos litros de petróleo Extração de 5000 kg de 1000 kg de alumínio 100 a 500 anos minério 1000 kg de vidro Extração de 1300 kg de areia 4000 anos Metodologia 5S
  • 43. Aplicação dos 5S Estudo de Caso Metodologia 5S
  • 62. A DISCIPLINA E o “S” mais importante... Metodologia 5S
  • 63. Nunca deixe de ajudar o colega. Metodologia 5S
  • 64. Os melhores sempre dão um jeito... Metodologia 5S
  • 65. A criatividade é o principal diferencial no mercado!!! Metodologia 5S
  • 66. O profissional que não enfrenta riscos não tem vez! Metodologia 5S
  • 67. Não existe problema que não possa ser resolvido! Metodologia 5S
  • 68. Devemos explorar toda a capacidade do equipamento! Metodologia 5S
  • 69. Tudo tem uma solução! Metodologia 5S
  • 70. Desenvolva a Autodisciplina!!! Mantenha o Programa 5S vivo na empresa!!! Obrigado! Metodologia 5S