PLANO DE TRATAMENTO DE UM
AUTISTA
O AUTISTA INFANTIL SE APRESENTA COMO
UMA ANORMALIDADE ESPECIFIFICA
À CONDIÇÃO CEREBRAL,DE ORIGEM COMPLEXA,
ASSUMINDO-SE CO...
CARACTERISTICAS DE UMA CRIANÇA AUTISTA
• POUCO OU NENHUM CONTATO VISUAL;
• PERCEPTIVEL HIPERATIVIDADE OU EXTREMA INATIVIDA...
CARACTERÍSTICAS DE UMA CRIANÇA AUTISTA
(CONTINUAÇÃO)
• ECOLALIA (REPETE PALAVRAS OU FRASES DA LINGUAGEM NORMAL);
• INSISTÊ...
DIAGNÓSTICO
CONDIÇÕES QUE PODEM ESTAR ASSOCIADOS AO AUTISMO:
ACESSO DE RAIVA, AGITAÇÃO AGRESSIVIDADE, AUTO-AGRESSÃO (BATER...
CONTINUAÇÃO DE DIAGNÓSTICO
IMPULSIVIDADE, IRRITABILIDADE.
RESPOSTAS ALTERADAS A ESTÍMULOS SENSORIAIS (ALTO LIMIAR DOLOROSO...
TRATAMENTO
OBJETIVO DO TRATAMENTO
MAXIMIZAR AS HABILLIDADES SOCIAIS E COMUNICATIVAS DA
CRIANÇA POR MEIO DA REDUÇÃO DOS SINTOMAS DO AU...
TRATAMENTO
• EQUIPE INTERDISCIPLINAR: TERAPEUTA OCUPACIONAL, PSICOPEDAGOGA, PSICÓLOGO,
PSICOMOTRICISTA, FONOAUDIÓLOGO.
• A...
AUTISTA ?
EINSTEIN: COMPORTAMENTOESTRANHO;ANTI-SOCIAL; GENIALIDADE
EXTREMAPARAASSUNTOSESPECÍFICOS; DIFICULDADENA VIDA
RELA...
VENDO O MUNDO DE UM JEITO DIFERENTE !!
PLANO DE TRATAMENTO DE UM AUTISTA
PLANO DE TRATAMENTO DE UM AUTISTA
PLANO DE TRATAMENTO DE UM AUTISTA
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

PLANO DE TRATAMENTO DE UM AUTISTA

193 visualizações

Publicada em

PLANO DE TRATAMENTO DE UM AUTISTA

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
193
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
95
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

PLANO DE TRATAMENTO DE UM AUTISTA

  1. 1. PLANO DE TRATAMENTO DE UM AUTISTA
  2. 2. O AUTISTA INFANTIL SE APRESENTA COMO UMA ANORMALIDADE ESPECIFIFICA À CONDIÇÃO CEREBRAL,DE ORIGEM COMPLEXA, ASSUMINDO-SE COMO TRANSTORNO O SEU DESENVOLVIMENTO COMPORTAMENTAL.
  3. 3. CARACTERISTICAS DE UMA CRIANÇA AUTISTA • POUCO OU NENHUM CONTATO VISUAL; • PERCEPTIVEL HIPERATIVIDADE OU EXTREMA INATIVIDADE; • PREFERÊNCIA PELA SOLIDÃO, MODOS ARREDIOS; • RECUSA COLO OU AFAGOS; • DIFICULDADES EM EXPRESSAR NECESSIDADES; • ACESSO DE RAIVA; • AGE COMO SE FOSSE SURDO; • APRESENTA APEGO NÃO APROPRIADO A OBJETOS.
  4. 4. CARACTERÍSTICAS DE UMA CRIANÇA AUTISTA (CONTINUAÇÃO) • ECOLALIA (REPETE PALAVRAS OU FRASES DA LINGUAGEM NORMAL); • INSISTÊNCIA EM REPETIÇÃO, RESISTÊNCIA À MUDANÇA DE ROTINA; • NÃO TEM REAL MEDO DO PERIGO; • ROTAÇÃO DE OJETOS – BRINCA DE FORMA INDEQUADA OU BIZARRA COM OS MAIS VARIADOS OBJETOS.
  5. 5. DIAGNÓSTICO CONDIÇÕES QUE PODEM ESTAR ASSOCIADOS AO AUTISMO: ACESSO DE RAIVA, AGITAÇÃO AGRESSIVIDADE, AUTO-AGRESSÃO (BATER A CABEÇA, MORDER OS DEDOS, AS MÃOS OU OS PULSOS). COMPLICAÇÕES PRÉ, PERI E PÓS-NATAIS. COMPORTAMENTOS AUTODESTRUTIVOS. DÉFICITS DE ATENÇÃO, DÉFICITS AUDITIVOS, DÉFICITS NA PERCEPÇÃO E CONTROLE MOTOR E VISUAIS.
  6. 6. CONTINUAÇÃO DE DIAGNÓSTICO IMPULSIVIDADE, IRRITABILIDADE. RESPOSTAS ALTERADAS A ESTÍMULOS SENSORIAIS (ALTO LIMIAR DOLOROSO, HIPERSENSIBILIDADE AOS SONS E TOQUES, REAÇÕES EXAGERADAS À LUZ OU ODORES). TRANSTORNOS ALIMENTARES (LIMITAÇÃO A COMER POUCOS ALIMENTOS). TRANSTORNOS DE LINGUAGEM, TRANSTORNO DE MOVIMENTO ESTERIOTIPADO. TRANSTORNO DO HUMOR / AFETIVO (RISADAS OU CHOROS MOTIVADOS, UMA APARENTE AUSÊNCIA DE REAÇÃO EMOCIONAL).
  7. 7. TRATAMENTO
  8. 8. OBJETIVO DO TRATAMENTO MAXIMIZAR AS HABILLIDADES SOCIAIS E COMUNICATIVAS DA CRIANÇA POR MEIO DA REDUÇÃO DOS SINTOMAS DO AUTISMO E DO SUPORTE AO DESENVOLVIMENTO E APRENDIZADO.
  9. 9. TRATAMENTO • EQUIPE INTERDISCIPLINAR: TERAPEUTA OCUPACIONAL, PSICOPEDAGOGA, PSICÓLOGO, PSICOMOTRICISTA, FONOAUDIÓLOGO. • ASSOCIAR TRATAMENTO DA CRIANÇA COM PSICOTERAPIA FAMILIAR. • ESCOLA REGULAR. • TERAPIA DE COMUNICAÇÃO E COMPORTAMENTAL. • AJUDAR A CRIANÇA A COMUNICAR E AGIR EM DETERMINADAS SITUAÇÕES SOCIAIS. • ESTIMULAR A CRIANÇA BRINCAR COM OUTRAS CRIANÇAS. • ESTIMULAR A PARTICIPAÇÃO DAS CRIANÇAS COM TAREFAS DOMÉSTICAS (LAVAR COPOS, ARRUMAR, A CAMA, VARRER, ETC.)
  10. 10. AUTISTA ? EINSTEIN: COMPORTAMENTOESTRANHO;ANTI-SOCIAL; GENIALIDADE EXTREMAPARAASSUNTOSESPECÍFICOS; DIFICULDADENA VIDA RELACIONALE AFETIVA. SERÁ?
  11. 11. VENDO O MUNDO DE UM JEITO DIFERENTE !!

×